Vous êtes sur la page 1sur 3

Trabalho de Hidro-Sanitrias 2

Aluno: Dennys Rogger de Frana Sousa


Turma: Grifos 362-F/S
Curso: Edificaes
Prof.: Marcela Fac


1) Para dimensionar um sistema de captao de guas pluviais de uma residncia,
necessrio calcular a Vazo Mxima da calha. Calcule sabendo que:
Dados:
I=172

para 5 anos
C=1
Somente (A) e (B) geram contribuio
N=

n de letras do seu nome
No entendi a questo, principalmente o desenho.
2) Diga que aparelho sanitrio est sendo definido:
A. So utilizados para a coleta de gua de terrao ou rea de servio
de rpido escoamento.
Ralo seco e caixas sinfonadas
B. Unidade de sedimentao e digesto, de fluxo horizontal e
funcionamento contnuo ao tratamento do esgoto.
Fossa sptica
C. Consiste em um buraco no solo onde o lquido efluente da fossa
se d por infiltrao no terreno.
Sumidouro
D. Esses equipamentos possuem um septo que forma um fecho
hdrico.
Sifes e caixas sinfonadas
3) Marque (V) ou (F) justificando as falsas:
(V) No sistema separador parcial, o esgoto domstico e as guas pluviais
dos telhados devem ser encaminhados para uma nica tubulao.
(F) No separador absoluto, as guas pluviais do telhado devem passar por
sifo antes de seguir para o ramal predial.
AS GUAS RESIDUAIS E AS GUAS DE INFILTRAO VEICULAM EM
SISTEMA SEPARADO DAS GUAS PLUVIAIS
(V) recomendvel o carregamento nas tubulaes com carga externa
temporria, durante a execuo da obra para testar a resistncia do
material.
(V) Entre 2 pontos de inspeo s pode haver uma deflexo,
obrigatoriamente, menor que 90 e executada com curva longa.
(F) O dimetro interno mnimo dos condutores verticais de guas pluviais
50mm com a inclinao de 0,5%.
O DIMETRO INTERNO MNIMO DOS CONDUTORES VERTICAIS DE SEO
CIRCULAR DE 75mm
(F) Toda tubulao secundria deve ser ventilada.
INSTALAO SECUNDRIA UM CONJUNTO DE TUBULAES E
DISPOSITIVOS QUE NO TEM ACESSO AOS GASES PROVENIENTES DO
COLETOR PBLICO OU DISPOSITIVOS DE TRATAMENTO, POIS EST
PROTEGIDA PELO FECHO HDRICO. NO ENTANTO, TODA TUBULAO
SECUNDRIA NO DEVE SER VENTILADA.