Vous êtes sur la page 1sur 2

Considere um sistema bate-estacas desses usados em construção civil.

Seja H a altura
do martelo que tem massa M e seja m a massa da estaca a será cravada. Desejamos
aumentar a penetração a cada golpe e para isso podemos alterar H ou mM. Considere o
choque inelástico e despreze o atrito com ar. Qual das afirmativas está correta:

a) Duplicando altura de queda do martelo também duplicamos sua velocidade no


instante do impacto.

b) duplicando a massa do martelo estaremos duplicando a energia cinética do sistema


martelo mais estaca imediatamente após o choque;

c) a energia cinética do sistema é, após o choque, menor quando duplicamos a massa do


que quando duplicamos a altura da queda;

d) o fato de modificarmos H ou mM não altera o poder de penetração da estaca;

e) duplicando a massa do martelo estaremos duplicando a quantidade de movimentos do


sistema após o choque.

a) Velocidade de queda do martelo (Torricelli):


v2 = 2gH ⇒ v = 2gH

Se H’ = 2H
v' = 4gH ⇒ v' = 2 gH
v' 2
= = 2
v 2

b) Duplicando a massa do martelo o que acontece com a energia


cinética do sistema após o choque?

(M + m)v 2 (2M + m)v 2


E cin = ⇒ E'cin = a energia cinética do sistema não é
2 2
duplicada.

(M + m)v 2 (2M + m)v 2


c) duplicando a massa M E cin = ⇒ E'cin =
2 2

duplicando a altura de queda

E cin =
(M + m)v 2
⇒ E'cin =
(
(M + m) 2v ) 2

⇒ E'cin =
(M + m)2v 2
⇒ E'cin = 2Ecin Ve
2 2 2
rdadeira, portanto.
d) modificando H ou M alteramos a energia cinética e, portanto
alteramos o poder de penetração

e) a quantidade de movimento após o choque não duplica com a


duplicação de M

Q = (M + m)v ⇒ Q' = (2M + m)v