Vous êtes sur la page 1sur 1

Lagarto gigante apavora moradores de Beirute

Ele grande, carnvoro e est aterrorizando os


moradores de um bairro inteiro. Anda nadando nas
piscinas da rea e j fez vtimas: vrios gatos, um
cachorro e, aparentemente, at um cavalo. No Lbano,
um lagarto gigante vem perambulando pelas ruas de
um subrbio de Beirute h semanas e frustrando
todas as tentativas para captur-lo.
Trata-se de um drago de Komodo, pelo menos o
que dizem as pessoas que conseguiram v-lo. Esta
espcie de drago, membro da famlia dos lagartos
gigantes, est em risco de extino e vive na
Indonsia.
Acredita-se que o rptil que vive nas imediaes de Beirute foi levado para o Lbano por
um alemo que viveu no pas e acabou libertando o lagarto. H cerca de trs meses, ele
foi visto por uma pessoa, mas a histria s rendeu testemunha a reputao de doida.
Quando bichinhos de estimao comearam a desaparecer, as pessoas passaram a levar a
notcia mais a srio.
Ainda h possibilidade de que o rptil no seja mesmo um drago, mas um dos vrios
tipos de lagartos gigantes carnvoros. A defesa civil enviou dezenas de agentes para a
rea, mas no tem o equipamento sofisticado necessrio para capturar o rptil sem ferilo.
Agora a defesa civil est tentando fotografar o lagarto para provar que um drago de
Komodo, e pedir ajuda para lidar com ele a emissoras de televiso ligadas a temas
cientficos e natureza. O drago de Komodo o maior lagarto do mundo. Mede at 3,1
metros de comprimento e pode pesar 126 quilos. Estima-se que existam apenas de mil a
5 mil unidades, e so conhecidos tambm como "crocodilos da terra".
Cachorro mata de susto 18 cordeiros na Alemanha
Um cachorro sem dono que entrou intempestivamente em um curral de Weidenstetten,
no sudoeste da Alemanha, causou uma grande onda de pnico entre os cordeiros que
estavam dormindo tranqilamente. O pavor foi tanto, que 18 deles morreram de susto.
O cachorro entrou na madrugada e mordeu quatro dos 60 cordeiros antes de sair
correndo. No a primeira vez que ocorre isto no local: h uns meses 217 cordeiros
delicados de corao sucumbiram ao choque que lhes causou outro cachorro ao entrar de
surpresa no aprisco.