Vous êtes sur la page 1sur 4
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão

Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão

Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão
Problemas Farmacoterapêuticos relacionados à adesão

“Existe sempre uma razão para a falta de cumprimento. Encontre- a!”

Cipolle et al.

“Existe sempre uma razão para a falta de cumprimento. Encontre - a!” Cipolle et al.
“Existe sempre uma razão para a falta de cumprimento. Encontre - a!” Cipolle et al.

Paciente não cumpre farmacoterapia

Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma causa para o não cumprimento e é responsabilidade do farmacêutico identificar onde
Sempre existe uma
causa
para
o
não
cumprimento e é
responsabilidade do farmacêutico identificar onde o paciente esta ou
não cumprindo e a causa da falta de cumprimento pois ela
determinará a intervenção e atenção necessária para alterar o
comportamento do paciente e melhorar a adesão.
ela determinará a intervenção e atenção necessária para alterar o comportamento do paciente e melhorar a

Medicamento não disponível.

Paciente não pode adquirir o medicamento.

Paciente não pode engolir, tolerar ou administrar a droga.

Paciente não entende a instrução de uso do medicamento.

Paciente prefere não tomar o medicamento.

Paciente esquece de tomar o medicamento.

Paciente não cumpre farmacoterapia

 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo

Exemplo

 Exemplo

Criança, 2 anos, teve prescrito amoxicilina+clavulanato suspensão 125

mg de 8 em 8 horas por 10 dias para tratar otite recorrente. Família refere impossibilidade econômica para adquirir o medicamento.

Jovem, 18 anos, teve prescrito Tylenol 750 mg 1 cp de 6 em 6 horas

para tratar dor leve muscular, paciente refere dificuldade para deglutir

comprimidos grandes e cápsulas.

Homem, 34 anos, hipertenso, tem prescrito Captopril 25 mg de 12 em

12 horas. Paciente trabalha no período noturno e esquece de tomar a

dose da noite.

.

.

Paciente não cumpre farmacoterapia

 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo
 Exemplo

Exemplo

 Exemplo

Mulher, 30 anos, hipertensa em uso de Captopril 25 mg 12 em 12 horas. Paciente foi questionada sobre o uso do medicamento e esta refere que faz sempre ao meio dia como o médico havia prescrito.

Criança, 2 anos, tratando primeiro episódio de otite com Amoxicilina 125 mg em suspensão de 8 em 8 horas por 10 dias. Paciente se recusa a tomar medicamento por não gostar do sabor

Homem, 28 anos teve prescrito azelastina, 2 spray em cada narina 2 vezes ao dia, para tratar rinite alérgica. O medicamento foi recentemente lançado no mercado e ainda não esta disponível em

todas as farmácias.