Vous êtes sur la page 1sur 19

PARANA

UEL/LONDRINA • UEM/MARINGÁ
NOME TIPO No DE INSCRIÇÃO

A1

REALIZAÇÃO PATROCÍNIO
INFORMAÇÕES INDISPENSÁVEIS PARA OS PARTICIPANTES
DO SIMULADO ABERTO NACIONAL E SEUS FAMILIARES
Correção Online - Paraná
COMO UTILIZAR A CORREÇÃO DA PROVA PARA MELHORAR O DESEMPENHO E UTILIZAR
A ESTRATÉGIA QUE VOCÊ IRÁ UTILIZAR NA HORA DA PROVA DA UEL E DA UEM

Tão importante quanto acertar o maior número possível de questões é, após a prova, aprender a resolver as questões que errou.
Para isso, o Simulado Aberto Nacional propõe a CORREÇÃO ONLINE. Veja como proceder:
1. A partir das 19h, acesse o site www.simuladoaberto.com.br;
2. Clique sobre CORREÇÃO ONLINE - PARANÁ;
3. Digite seu número de inscrição e data de nascimento, para ter acesso ao quadro de respostas eletrônico;
4. Passe suas respostas para o quadro eletrônico que estará na tela de seu computador e, em seguida, clique em “enviar”;
5. Imediatamente você receberá um primeiro boletim informando seu número de acertos e quais das 60 questões você errou;
6. Resolva novamente as questões erradas e informe as novas alternativas que julgar corretas para elas;
7. O sistema fará outra correção e emitirá um segundo boletim, informando o novo número de acertos e quais as questões que
ainda continuam erradas;
8. Se isso ocorrer, repita o procedimento 6 para obter um terceiro boletim definitivo;
9. O prazo para você fazer essas duas tentativas de acerto termina às 18h da segunda-feira, dia 27 de setembro, quando será
disponibilizado no www.simuladoaberto.com.br o gabarito da prova.

Relatório de Desempenho
SERÁ PUBLICADO NO DIA 11 DE OUTUBRO NO SITE WWW.SIMULADOABERTO.COM.BR.
SEU DESEMPENHO COMPARADO COM TODOS OS ESTUDANTES QUE
PARTICIPARAM DO SIMULADO ABERTO NACIONAL DO SISTEMA ANGLO DE ENSINO.

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA


1. Esta prova contém 60 questões de múltipla escolha, cada uma com 5 alternativas, das quais somente uma é correta. Assinale no cartão de
respostas a alternativa que você julgar correta.
2. Será anulada a questão em que for assinalada mais de uma alternativa ou que estiver totalmente em branco. Assinale apenas uma alternativa
para cada questão.
3. Assinale a resposta preenchendo totalmente, a caneta (azul ou preta), o respectivo alvéolo, com o cuidado de não ultrapassá-lo. Não assinale
as respostas com “X”, pois essa sinalização não será considerada. Não use lápis ou caneta vermelha, em hipótese alguma, para assinalar as
respostas.

Exemplo de preenchimento CORRETO Exemplo de preenchimento INCORRETO


1 A B C D 31 A B C D 1 A B C D 31 A B C D

2 A B C D 32 A B C D 2 A B C D 32 A B C D

3 A B C D 33 A B C D 3 A B C D 33 A B C D

4 A B C D 34 A B C D 4 A B C D 34 A B C D

5 A B C D 35 A B C D 5 A B C D 35 A B C D

4. Não rasure nem amasse a folha de respostas. Não escreva nada no cartão de respostas fora do campo reservado.

SIMULADO ABERTO NACIONAL - PARANÁ 2 SISTEMA ANGLO DE ENSINO


SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

FILOSOFIA

1. Tales de Mileto foi o primeiro filósofo ocidental de que se do de uma maneira semelhante todas as suas ações. Feito
tem notícia. Ele é o marco inicial da filosofia ocidental. De isto, à multidão assim unida numa só pessoa chama-se
ascendência fenícia, nasceu em Mileto, antiga colônia grega, Estado, em latim civitas. É esta a geração daquele grande
na Ásia Menor, atual Turquia, por volta de 624/625 a.C. e Leviatã, ou, antes (para falar em termos mais reverentes),
faleceu aproximadamente em 556 ou 558 a.C. Tales é apon- daquele Deus Mortal, ao qual devemos, abaixo do Deus
tado como um dos sete sábios da Grécia Antiga. Além dis- Imortal, a nossa paz e a nossa defesa”.
so, foi o fundador da Escola Jônica. (Hobbes, T. Leviatã, Capítulo XVII.)
Considerado, também, o primeiro filósofo da physis, porque Sobre o pensamento de Hobbes, julgue as afirmações e as-
outros, depois dele, seguiram seu caminho buscando o prin- sinale a alternativa correta.
cípio natural das coisas (arché). Tales considerava a água
I. Hobbes pode ser classificado como contratualista, tendo
como sendo a origem de todas as coisas. E seus seguido-
em vista que acredita que o Estado tem origem em um
res, embora discordassem quanto à “substância primordial”
contrato social.
(que constituía a essência do universo), concordavam com
ele no que dizia respeito à existência de um “princípio úni- II. O contrato social que dá origem ao Estado pode ser que-
co" para essa natureza primordial. brado quando o soberano deixa de respeitar os direitos
Quanto à passagem do mito à filosofia e a primeira filosofia e a liberdade dos súditos.
é possível afirmar que: III. O estado de natureza é caracterizado pela guerra de
I. Houve ruptura entre o mito e a filosofia sendo que esta todos contra todos, e isso motiva os homens a celebra-
se propôs temas que não possuíam qualquer relação rem um contrato social que dá origem ao Estado Políti-
com os da mitologia. co, cuja principal função é garantir a segurança e a paz.
II. A filosofia retoma de forma racional o que fora proposto A) somente I e II estão corretas.
pela mitologia grega, de maneira que se na mitologia B) somente I, II e III estão corretas.
havia uma cosmogonia, na filosofia primeira vai haver C) somente I e III estão corretas.
uma cosmologia. D) somente II e III estão corretas.
E) todas são falsas.
III. As preocupações dos primeiros filósofos são éticas, e
isso se reflete ainda hoje, já que toda preocupação da 4. Leia o fragmento:
filosofia, em última instância, ainda pode ser reduzida às
“Tudo na natureza age segundo leis. Só um ser racional tem
questões éticas.
a capacidade de agir segundo a representação das leis, isto
IV. A primeira filosofia ficou conhecida por suas preocupa-
é, segundo princípios, ou: só ele tem uma vontade. Como
ções com a origem do cosmos, e se caracterizou por ser
para derivar as ações das leis é necessária a razão, a vonta-
uma filosofia da physis.
de não é outra coisa senão razão prática. Se a razão deter-
Assinale a alternativa correta: mina infalivelmente a vontade, as ações de um tal ser, que
A) apenas I, II, III e IV estão corretas. são conhecidas como objetivamente necessárias, são tam-
B) apenas I, II e III estão incorretas. bém subjetivamente necessárias, isto é, a vontade é a facul-
C) apenas I, III e IV estão incorretas. dade de escolher só aquilo que a razão independentemente
D) apenas I e III estão corretas. da inclinação, reconhece como praticamente necessário,
E) apenas II e IV estão corretas. quer dizer bom”.
(KANT, Immanuel. Fundamentação da metafísica dos
2. “Por conseguinte, é evidente que o Estado é uma criação da costumes. Trad. de Paulo Quintela. Lisboa: Edição 70, 1995, p. 47.)
natureza e que o homem é, por natureza, um animal políti- Assinale a alternativa correta:
co. E aquele que por natureza, e não por mero acidente, não A) A ética kantiana tem os mesmos princípios da ética aris-
tem cidade, nem Estado, ou é muito mau ou muito bom, ou totélica, e por isso pode ser considerada eudemonista e
sub-humano ou super-humano como o guerreiro insano utilitarista.
condenado, nas palavras de Homero, como “alguém sem B) Kant afirmava que o princípio da ação moral era o impe-
família, sem lei, sem lar”, porque uma pessoa assim, por rativo categórico, que poderia ser reduzido a seguinte
natureza amante de guerra, é um não colaborador, como assertiva: “... age de tal forma que a máxima de tua ação
uma peça isolada num jogo de damas [...]” possa prevalecer sempre”.
(ARISTÓTELES. Política. C) Kant desenvolve uma ética do dever.
São Paulo: Nova Cultural, 1999, p. 146.)
D) No pensamento kantiano não existe qualquer distinção
De acordo com o pensamento político de Aristóteles: entre a lei ética, a lei física, a lei moral e a lei jurídica,
A) os homens não vivem em sociedade por sua natureza, porque todas possuem o mesmo princípio elementar de
mas porque celebram um contrato social que funda a fundamento.
sociedade e estabelece suas regras fundamentais. e) O sistema proposto por Kant retoma os pressupostos de
B) os homens são egoístas e o Estado é necessário para Spínoza que fundamenta a ética nos valores cristãos.
estabelecer os critérios de justiça e injustiça.
C) os homens têm natureza comunitária e isso os impele a 5. Mario Quintana, no poema “As coisas”, traduziu o senti-
viver em sociedade, sendo que a dimensão política faz mento comum dos primeiros filósofos da seguinte maneira:
parte da natureza humana. “O encanto sobrenatural que há nas coisas da Natureza! [...]
D) o Estado é criado por Deus e por ele mantido, conside- se nelas algo te dá encanto ou medo, não me digas que seja
rando os homens como súditos obrigados a viver de feia ou má, é, acaso, singular”. Os primeiros filósofos da
acordo com a lei eterna e imutável. antiguidade clássica grega se preocupavam com:
E) os melhores homens são aqueles que conseguem viver A) Cosmologia, estudando a origem do Cosmos, contrapon-
apartados da vida política, sendo considerados por isso do a tradição mitológica das narrativas cosmogônicas e
como super-homens. teogônicas.
B) Política, discutindo as formas de organização da polis e
3. “[....] Cedo e transfiro o meu direito de governar-me a mim estabelecendo as regras da democracia.
mesmo a este homem, ou a esta assembleia de homens, C) Ética, desenvolvendo uma filosofia dos valores e da vida
com a condição de transferires a ele o teu direito, autorizan- virtuosa.
–3–
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

D) Epistemologia, procurando estabelecer as origens e limi- damental entre os motivadores da ação. Ele acreditava
tes do conhecimento verdadeiro. que o sentir-se bem era suficiente para motivar a condu-
E) Ontologia, construindo uma teoria do ser e do substrato ta de acordo com essa ideia (agir bem).
da realidade. C) Platão propõe um modelo de organização política da
sociedade que pode ser considerado estamental e anti-
6. Platão foi um dos filósofos que mais influenciaram a cultura democrático. Para ele, o governo não deveria se pautar
ocidental. Para ele, a filosofia tem um fim prático e é capaz pelo princípio da maioria. As almas têm natureza diver-
de resolver os grandes problemas da vida. Considera a alma sa, de acordo com sua composição, isso faz com que os
humana prisioneira do corpo, vivendo como se fosse um homens devam ser distribuídos de acordo com essa na-
peregrino em busca do caminho de casa. Para tanto, deve- tureza, divididos em grupos encarregados do governo,
ria transpor os limites do corpo e contemplar o inteligível. do controle e do abastecimento da polis.
Assinale a alternativa correta. D) Platão chamava o conhecimento da verdade de doxa e o
A) A teoria das ideias não pode ser considerada uma chave contrapõe a uma outra forma de conhecimento (inferior)
de leitura aplicável a todo pensamento platônico. denominada episteme.
B) Como Sócrates, Platão desenvolveu uma ética emotivis- E) Para Platão, a essência das coisas é dada a partir da aná-
ta que considerava os sentimentos como elemento fun- lise de suas causas material e final.

FÍSICA

7. (UEL) — “Nuvens, relâmpagos e trovões talvez estejam Uma explicação razoável para o ocorrido é que:
entre os primeiros fenômenos naturais observados pelos A) a imagem e a voz do apresentador têm diferentes veloci-
humanos pré-históricos. [...]. A teoria precipitativa é capaz dades de propagação no ar e no vácuo.
de explicar convenientemente os aspectos básicos da eletri- B) a imagem e a voz do apresentador têm a mesma veloci-
ficação das nuvens, por meio de dois processos [...]. No pri- dade de propagação no ar e no vácuo.
meiro deles, a existência do campo elétrico atmosférico diri- C) a distância a ser percorrida pela onda magnética que
gido para baixo [...]. Os relâmpagos são descargas de curta transmite a imagem e a voz do apresentador até chegar
duração, com correntes elétricas intensas, que se propagam ao repórter é muito maior que a distância até o telespec-
por distâncias da ordem de quilômetros [...]”. tador.
(FERNANDES, W. A.; PINTO Jr. O; PINTO, I. R. C. A. D) a distância a ser percorrida pela onda magnética que
Eletricidade e poluição no ar. “Ciência Hoje”. transmite a imagem e a voz do apresentador até chegar
v. 42, n. 252. set. 2008. p. 18.)
ao repórter é muito menor que a distância até o teles-
Em relação à corrente elétrica, considere as afirmativas a pectador.
seguir. E) a imagem do apresentador é transmitida por ondas ele-
I. A corrente elétrica é uma grandeza vetorial, definida tromagnéticas e o som de sua voz por ondas mecânicas.
como a razão entre a variação da quantidade de carga
elétrica que flui em um meio em um intervalo de tempo.
9. O surgimento de ONGs relacionadas à proteção do meio
II. A corrente elétrica convencional descreve o fluxo de car- tem acontecido com certa regularidade ultimamente. Muitas
gas elétricas positivas. delas visam o estudo dos recursos da fauna e flora de certas
III. Os elétrons fluem no interior dos metais com a velocida- regiões sem que os mesmos interfiram no funcionamento
de da luz. dos ecossistemas das mesmas, muitas vezes apresentando
IV. O campo elétrico é o responsável por fazer cargas elétri- espécies únicas, com propriedades singulares. O poraquê,
cas se movimentarem em um circuito elétrico. ou enguia elétrica, por exemplo, é um peixe amazônico de
Assinale a alternativa CORRETA. água doce que possui em sua cauda eletro placas capazes
de gerar tensão e corrente elétrica em pulsos de duração de
A) Somente as afirmativas I e II são corretas.
milésimos de segundo. Um choque elétrico produzido por
B) Somente as afirmativas I e III são corretas.
um destes peixes é capaz até de atordoar, ou até matar, um
C) Somente as afirmativas III e IV são corretas.
homem adulto.
D) Somente as afirmativas I, II e IV são corretas.
E) Somente as afirmativas II, III e IV são corretas.

8. Atualmente a imprensa em geral tem aberto espaço para a


divulgação do nome e do trabalho de várias empresas do
chamado terceiro setor. Este setor tem ganhado respeitabili-
dade com a descoberta de que a maioria das entidades é
gerida com seriedade e realiza bons trabalhos. É comum ao
assistirmos a um telejornal, onde um repórter divulga o tra-
balho de uma ONG ou fundação “ao vivo” via satélite, ocor- Poraquê
rer um intervalo de tempo considerável entre a pergunta do
apresentador e a resposta do repórter. Isto ocorre porque a
transmissão da pergunta do apresentador chega a nossas
casas mais rápido do que aos ouvidos do repórter, provan- Fonte da figura: página virtual clikeaprenda
do que não existe simultaneidade de eventos, ou pelo me- (http://clickeaprenda.uol.com.br/cgi-local/lib-site/conteudo/mostra_
nos que o conceito de simultaneidade é relativo. conteudo.pl?nivel=f2&disc=not&codpag=NOT0910190301)
–4–
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

Considere um poraquê gerando uma tensão elétrica de 500 V, O Lata Mágica Recife, trabalhou os últimos oito meses
que produz uma corrente elétrica de 1,5 A, em pulsos de 2 mi- com as câmeras digitais porém é o artesanal que provoca
lissegundos, ao tocar uma pessoa. Qual a quantidade de nos fotógrafos Willam Duarte & Odilene Andrade, uma bus-
energia, em joules, transferida à pessoa em apenas um des- ca por algo maior do que apenas fotografar.
ses pulsos? Transmitir um conhecimento e dar a chance para que to-
A) 1,5 D) 750 dos que não podem ter em suas mãos este objeto que com
B) 3,75 E) 1500 um aperto no botão faz todo o processo, as latas doam este
C) 375 sentimento de paixão e valorização do indivíduo singular.
Voltamos com toda a força que tínhamos há quatro
anos como começamos.
10.
Agradecemos a todos que sempre nos incentivaram e
para recomeçar nos digam o que vocês gostariam que fos-
sem fotografados na região metropolitana do Recife.
Willam Duarte.
http://latamagica.blogspot.com/ — 13/09/2010
Usando uma lata de profundidade 20 cm e 10 cm de diâme-
tro, qual a distância que devemos posicioná-la de uma árvo-
re de 4 m de altura, de modo que imagem apareça com 8 cm
de altura, no papel fotográfico colocado no fundo da lata?
A) 10 m C) 32 m
B) 8 m D) 80 m

11. (UFPEL/2007) — O olho humano é um sofisticado sistema


óptico que pode sofrer pequenas variações na sua estrutu-
ra, ocasionando os defeitos da visão.
Rua da Aurora, Recife-Pe. Com base em seus conhecimentos, analise as afirmativas a
Foto: Odilene Andrade seguir.
A arte de fotografar com câmeras digitais são bem I. No olho míope, a imagem nítida se forma atrás da reti-
mais fáceis e o elemento surpresa é cada dia menor, o aper- na, e esse defeito da visão é corrigido usando uma lente
tar o botão e a câmera fazer todo o processo; capturar a luz divergente.
ambiente, calcular a velocidade do obturador, nada disso é II. No olho com hipermetropia, a imagem nítida se forma
necessário se a sua câmera é uma digital onde o automático atrás da retina, e esse defeito da visão é corrigido usan-
faz todo este processo. A fotografia é mais do que um sim- do uma lente convergente.
ples aperto de botão. É uma arte que o artista é um obser-
III. No olho com astigmatismo, que consiste na perda da
vador que busca ser fiel ou não ao instante recortado em
focalização em determinadas direções, a sua correção é
sua lente, mas se a opção é fotografar com uma simples
feita com lentes cilíndricas.
lata como fazer isso?
A nossa primeira dica é: Enxergar além do que os olhos IV. No olho com presbiopia, ocorre uma dificuldade de aco-
podem ver. O momento é único e o instante não capitado modação do cristalino, e esse defeito da visão é corrigi-
em milésimos de segundos e sim no intervalo de cinco a do mediante o uso de uma lente divergente.
dez segundo no mínimo. Está(ão) correta(s) apenas a(s) afirmativa(s)
Fotografar com uma lata na era digital parece ser um A) I e II. D) II e III.
retrocesso, mas é a busca da raiz que a fotografia artesanal B) III. E) I e IV
mostra o seu diferencial. C) II e IV.

GEOGRAFIA

12. Pode-se afirmar que o terceiro setor é constituído por orga- C) No Brasil a participação do terceiro setor ainda é pouco
nizações sem fins lucrativos e não governamentais, que tem expressiva, tendo em vista a atuação eficaz do poder pú-
como objetivo gerar serviços de caráter público. O terceiro blico.
setor possui 12 milhões de pessoas, entre gestores, volun- D) O Estado constitui o primeiro setor e o mercado o segundo.
tários, doadores e beneficiados de entidades beneficen- E) A idoneidade dos agentes envolvidos e a condução irre-
tes, além dos 45 milhões de jovens que veem como sua mis- preensível quando da atuação do terceiro setor são ca-
são ajudar o terceiro setor. Uma pesquisa revelou alguns racterísticas marcantes deste no Brasil.
números das 400 maiores entidades do Brasil no ano de
2008: o dispêndio social das 400 maiores entidades foi de 13. Com a criação da RML — Rede Metropolitana de Londrina
R$ 1.971.000,00. Ao todo, elas possuem 86.894 funcionários pelo IBGE em 2005, foi reconfigurada um macro região que
e 400.933 voluntários. engloba sete municípios além de outros trinta municípios
Neste sentido, é possível afirmar também que: que estão localizados na área de polarização da RML. Neste
A) O primeiro setor é formado pelos agentes do mercado, contexto, Londrina já é considerada uma das cidades mé-
da economia privada. dias do interior do Brasil com maior crescimento e desen-
B) Uma consequência importante da expansão do terceiro volvimento urbano, além de indicadores sociais e econômi-
setor é a transferência da PEA do campo para a cidade e cos. Neste contexto, analisando o Mapa da RML e a foto da
o crescimento do setor terciário. área central de Londrina a seguir, pode-se concluir que:
–5–
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

nam a viabilidade de culturas, considere as seguintes afir-


mativas:
I. A zona um é a mais utilizada para o cultivo do café por-
que, além da condição climática, os solos, em parte, são
derivados do basalto.
II. As características tropicais e subtropicais do território
paranaense condicionam a localização preferencial de
culturas como a do café, que é suscetível às geadas.
III. A classe de aptidão 1 estabelecida pelo IAPAR está inse-
rida, em sua maior parte, ao sul do Trópico de Capricór-
nio, tendo em vista que o Brasil se localiza no hemisfério
Sul.
IV. A zona 3 é inapta ao cultivo de café devido à sua posição
geográfica, que a torna mais suscetível à atuação da
Massa Polar.
Assinale a alternativa correta.
A) Somente as afirmativas I, II e IV são verdadeiras.
B) Somente as afirmativas III e IV são verdadeiras.
C) Somente as afirmativas II e III são verdadeiras.
D) Somente as afirmativas I, II, e III são verdadeiras.
E) Somente as afirmativas II e IV são verdadeiras.

15. Leia com atenção o texto a seguir.


“A ocupação do Paraná intensificou-se na década de
40, com a chegada das culturas de café e de algodão no
norte do Estado, nas áreas pioneiras polarizadas por Londri-
na. Nelas, multiplicaram-se as pequenas e médias proprie-
dades e a oferta de emprego rural. Milhares de migrantes
chegavam atualmente à região: entre 1950 e 1960, a popula-
ção paranaense cresceu mais de 100%, um recorde entre os
estados brasileiros.
A partir de 1970, a introdução do cultivo de soja alterou
substancialmente a estrutura agrária de vastas porções do
Estado. (...) Entre 1970 e 1980 o Paraná voltou a quebrar um
recorde, só que desta vez negativo: sua população cresceu
Fonte: Ciciliato, RN (2010).
apenas 11%, o menor índice entre os estados brasileiros.”
A) O intenso êxodo rural acelerou o processo de favelamen- (MAGNOLI, D. e ARAÚJO, R.
to em toda a Cidade. “A Nova Geografia”, Ed. Moderna).
B) O crescimento urbano acelerado acelerou o processo de
verticalização conhecido como Skiline. 0 100 200 300 km
C) O crescimento urbano eliminou as áreas verdes do muni-
escala
cípio.
D) A migração de milhares de trabalhadores do campo para
a cidade provocou grave crise ambiental.
E) A cidade não teve condições para absorver o contingen-
te de mão de obra, acelerando o desemprego.
F) A cidade depende totalmente das atividades primárias li-
gadas ao campo.

14. Considere o mapa a seguir.


Assinale a alternativa que indica as causas dessa grande
Zoneamento da Cultura de Café CLASSES DE APTIDÃO mudança no crescimento populacional do Paraná:
1 Máximo de 1 geada A) O crescimento do tamanho médio das propriedades e a
GOVERNO DO a cada 4 anos
PARANÁ 2 1 geada a cada mecanização agrícola.
23° 3-4 anos B) A fragmentação das grandes unidades rurais em novas
3 Pelo menos pequenas propriedades de terra, acompanhada pela me-
1 1 geada a cada
2 anos lhoria da infraestrutura para o escoamento da produção
24° 4 Solos inadequados do pequeno agricultor.
Áreas de preservação C) A ampliação de oportunidades econômicas na região
2 rural do Estado e o deslocamento de parte da população
25°
4 Apto
urbana das médias e pequenas cidades do interior para
Transição
as áreas rurais para trabalhar no cultivo de soja.
3 4 Inapto D) A estabilidade da política agrária, sobretudo no que con-
N
Inapto cerne aos incentivos e subsídios ao pequeno trabalhador
26°
O L rural e o consequente crescimento de sua renda familiar.
50 km
S
E) A instalação de assentamentos rurais destinados a reto-
54° 53° 52° 51° 50° 49°
mar a cultura do café e o aumento da necessidade de
(http://www.iapar.br/zonpr/mapa_cafe.htm) mão de obra no campo.
Considerando o zoneamento estabelecido para a cultura do
café no estado do Paraná, com base no número de geadas 16. O IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) é elaborado
ao ano e outros fatores (latitude, relevo e solo) que determi- considerando-se dados sobre a longevidade, PIB (Produto
–6–
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

Interno Bruto) per capita, grau de escolaridade e poder de C) na sociedade atual cada momento e cada lugar compre-
compra de uma população. Varia de 0 a 1, sendo que os endem eventos que são interdependentes, incluídos em
valores mais próximos a 1 indicam melhores condições de um sistema global de informações.
vida. Sobre o assunto, considere as afirmativas. D) a instantaneidade das informações não possibilita a ocor-
I. Trata-se de um índice que oculta a qualidade de vida de rência de eventos em lugares e momentos específicos.
uma população por relacionar fenômenos independentes. E) a existência de relações unitárias globais oferece oportu-
II. Trata-se de um índice que explicita as desigualdades nidades a todos os lugares e possibilita maior autonomia
sociais em diferentes escalas, pois combina indicadores a eles.
de desenvolvimento social.
III. Trata-se de um índice que oculta a existência de políticas 18. Assinale a alternativa que melhor retrata a ideia transmitida
públicas voltadas à melhoria da saúde, distribuição de no cartum de Scott Willis, traduzido para o Português.
renda e nível de escolaridade.
IV. Trata-se de um índice que oculta diferenças interpessoais,
pois resulta de cálculos obtidos a partir de médias.
Assinale a alternativa correta:
A) Apenas as afirmativas I, II e III estão corretas.
B) Apenas as afirmativas I, II e IV estão corretas.
C) Apenas as afirmativas II, III e IV estão corretas.
D) Apenas as afirmativas I e III estão corretas.
E) Apenas as afirmativas II e IV estão corretas.

17. Leia o texto.


“Durante milênios, a história do homem faz-se a partir
de momentos divergentes, como uma soma de aconteceres
dispersos, disparatados, desconexos. Já a história do
homem de nossa geração é aquela em que os momentos
convergiram, o acontecer de cada lugar podendo ser ime-
diatamente comunicado a qualquer outro, graças ao domí- A) A consciência ambiental cresceu bastante nas últimas
nio do tempo e do espaço à escala planetária. A instantanei- décadas, especialmente nos países subdesenvolvidos,
dade da informação globalizada aproxima os lugares, torna em função dos perigos ocasionados pelo efeito estufa.
possível uma tomada de conhecimento imediata [...] e cria B) Os países desenvolvidos culpam os desmatamentos
entre lugares e acontecimentos uma relação unitária à esca- pelos problemas ambientais e negligenciam os danos
la do mundo”. ocasionados pelo seu elevado padrão de vida.
(Santos, Milton. “A natureza do espaço”.)
C) O automóvel particular é o grande culpado pelos desma-
A interpretação desse texto permite-nos afirmar que tamentos que ocorrem nas florestas tropicais do planeta.
A) a sociedade atual, conectada pelas tecnologias de infor- D) A falta de consciência ambiental nos países subdesen-
mação, produz um mundo igualitário, já que os lugares volvidos leva a desmatamentos ocasionados por popula-
estão unidos por relações globais. ções pobres e famintas.
B) o avanço da tecnologia informacional, ao alterar a escala E) Tanto os países desenvolvidos quanto os subdesenvolvi-
do tempo e do espaço, anulou a existência e o papel dos dos têm a mesma percepção a respeito dos problemas
lugares. ambientais e, em particular, sobre o efeito estufa.

HISTÓRIA

19. Durante séculos, houve controvérsias sobre a forma do pla- mentos experimentais e ampliaram a concepção predomi-
neta e sua representação. A ideia do contorno da Terra, na nante na antiguidade clássica sobre a forma do planeta.
Grécia Clássica, foi influenciada por concepções filosóficas IV. A imagem da Terra vista do espaço, sintetizada na frase
acerca da esfera, considerada a mais perfeita das formas. de Yuri Gagarin: “a Terra é azul”, contribuiu para apro-
No medievo, o uso das sagradas escrituras como fonte de fundar a ideia da fragilidade e finitude do planeta.
conhecimento sobre o planeta gerou críticas severas aos Estão corretas apenas as afirmativas:
defensores de concepções pagãs. No século XVI, a primeira
A) I e II.
circunavegação comprovou a esfericidade do planeta, pas-
B) II e IV.
sível de visualização desde 1960, com a corrida espacial e o
C) III e IV.
desenvolvimento da televisão. Com base no texto e nos
D) I, II e III.
conhecimentos sobre o tema, considere as afirmativas a
E) I, III e IV.
seguir.
I. O conhecimento especulativo produzido na antiguidade 20. A ciência e a cultura são processos históricos que cami-
clássica e no medievo possibilitou concepções tanto nham juntos. A cultura escolar no mundo ocidental apre-
aproximadas quanto distantes da forma real do planeta. senta um conjunto de formalidades no processo de trans-
II. As representações cartográficas produzidas na Europa missão do saber, em que os alunos adquirem habilidades e
medieval eram descoladas da mentalidade da época, na competências necessárias à formação, tanto profissional
qual predominava uma cosmografia baseada em expe- quanto cultural. Ou seja, a escolarização é fundamental para
dições voltadas ao conhecimento do mundo natural. se ter acesso à ciência e à cultura. Assim, uma política de
III. As representações da superfície da Terra, a partir do ensino associa-se a uma política cultural forte. O objetivo é
Renascimento, tinham estreitas relações com conheci- transformar crianças e jovens em cidadãos e futuros traba-
–7–
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

lhadores competentes e socializados em conformidade com casas modestas e nas praças públicas de cidades pequenas.
um projeto nacional, seja ele democrático ou imposto por Os recordes nas vendas de televisores se explicam pela pre-
uma minoria. Enfim, ao pretender a unificação de uma sença de diversos aparelhos por domicílio, cuidadosamente
nação, a escola tem papel determinante em torno de uma dispostos em vários cômodos das residências, às vezes em
cultura que é produzida por ela, independemente das diver- meio a altares domésticos.”
sidades sociais, culturais e religiosas. (HAMBURGER, Esther. Diluindo fronteiras: a televisão e
(Adaptado de: WARNIER, Jean-Pierre. as novelas no cotidiano. In: SCHAWRCZ, Lilia Moritz (Org.) “História
“A mundialização da cultura”. Bauru: EDUSC, 2000. p. 103-104.) da vida privada no Brasil: contrastes da intimidade contemporânea”.
São Paulo: Companhia das Letras, 1998. p. 440.)
Com base no texto e nos conhecimentos sobre as relações
entre ciência e cultura no Ocidente, é correto afirmar: Com base no texto e nos conhecimentos sobre a relação da
televisão com a sociedade moderna, considere as afirmati-
A) A ciência ocidental é praticada de diferentes modos, con-
vas a seguir.
dicionada pelas determinações de um projeto nacional,
seja ele democrático ou autoritário. I. A penetração intensa da televisão no Brasil rompeu as
B) A escola para crianças e jovens é incapaz de produzir fronteiras das diferenças sociais e gerou uma sociedade
ciência, pois a cultura escolar no Ocidente está desvincu- livre da exclusão social.
lada do princípio do conhecimento científico. II. O ato alienado de assistir à televisão promove uma falsa
C) A ciência ocidental tem pouca vocação para a universali- ideia de inclusão social e de equidade entre as etnias.
dade, uma vez que as práticas científicas, métodos e III. A difusão do sistema de TV por assinatura é expressão
experiências definem-se por suas particularidades. do “apartheid” social, pois permite a poucos o acesso a
D) A ciência e a cultura têm funções diferentes e específi- informações sobre outras culturas.
cas na formação do indivíduo-cidadão. Por essa razão, IV. Nas sociedades capitalistas, a televisão incita ao consu-
elas se excluem no processo da formação escolar nos mismo devido a sua forma de atração e seu poder de
sistemas de ensino no Ocidente. penetração junto às diversas classes sociais.
E) As nações modernas desenvolveram o campo da ciên-
Estão corretas apenas as afirmativas:
cia, da educação e da cultura para poder produzir conhe-
cimentos, visando desenvolver habilidades e competên- A) I e II.
cias. B) I e IV.
C) II e III.
D) I, III e IV.
21. “Sobre a cera dos corpos femininos, o século XXI vai impri- E) II, III e IV
mindo suas primeiras marcas. Produto social, produto cul-
tural e histórico, nossa sociedade os fragmentou e recom-
pôs, regulando seus usos, normas e funções. Nos últimos 23. “Vai minha tristeza/ E diz a ela que sem ela não pode ser/
anos, a mulher brasileira viveu diversas transformações físi- Diz-lhe numa prece/ Que ela regresse/ Porque não posso
cas. Viu ser introduzida a higiene corporal que, alimentada mais sofrer/ Chega de saudade/ A realidade é que sem ela/
pela revolução microbiológica, transformou-se numa radi- Não há paz/ Não há beleza/ É só tristeza e a melancolia/ Que
calização compulsiva e ansiosa. [...]. O corpo feminino pas- não sai de mim/ Não sai de mim/ Não sai.”
sou também por uma revolução silenciosa nas últimas três Chega de Saudade,
décadas. A pílula anticoncepcional permitiu-lhe fazer do Tom Jobim e Vinícius de Moraes.
sexo não mais uma questão moral, mas de bem-estar e pra- Esse é o trecho de uma das principais canções da bossa
zer. A mulher tornou-se, assim, mais exigente em relação ao nova, gênero que renovou a música brasileira. Nessa época,
seu parceiro, vivendo uma sexualidade mais ativa e prolon- vivia-se uma fase de otimismo no país. Altos índices anuais
gada. Entre ambos, surgiram normas e práticas mais iguali- de crescimento econômico, grandes obras públicas, estabe-
tárias. A corrente da igualdade não varreu, contudo, a dissi- lecimento de empresas estrangeiras, manutenção da estabi-
metria profunda entre homens e mulheres na atividade lidade política pelo presidente eleito e significativas con-
sexual. Quando da realização do ato físico, desejo e excita- quistas esportivas em competições internacionais eram ca-
ção física continuam percebidos como domínio e espaço de racterísticas:
responsabilidade masculina.” A) do governo do Garrastazu Médici e do chamado “Mila-
(DEL PRIORE, Mary. “Corpo a Corpo com a mulher”. gre Brasileiro”;
São Paulo: SENAC, 2000. p. 9 -11.) B) do governo de João Goulart e da implementação das
Com base no texto e nos conhecimentos sobre o corpo “Reformas de Base”;
feminino e as relações entre gêneros, é correto afirmar: C) do governo de Getúlio Vargas e da política de substitui-
A) A sexualidade ativa e prolongada vivenciada pelas mu- ção de importações;
lheres brasileiras está isenta de discriminações e de pre- D) do governo de Jânio Quadros e da desnacionalização da
conceitos por parte da sociedade. economia;
B) No século XXI, o discurso sobre o corpo feminino distan- E) do governo de Juscelino Kubitschek e do chamado “Na-
ciou-se de suas transformações físicas que foram fomen- cional Desenvolvimentismo”.
tadas pela revolução microbiológica.
C) No que se refere à atividade sexual entre os gêneros, as 24. No Brasil, as atividades desenvolvidas pelo Terceiro Setor,
práticas tornaram-se igualitárias, rompendo com as dis- já no final da década de 90, correspondiam a aproximada-
simetrias entre homens e mulheres. mente 1,2% do PIB. Dentre as alternativas abaixo, identifi-
D) Com o uso dos contraceptivos, a gravidez passou a ser que a que está correta.
uma questão de opção, possibilitando à mulher expe-
A) Dadas as sucessivas crises econômicas, o Terceiro Setor
rienciar a sexualidade como fonte de bem-estar e prazer.
corresponde atualmente à maior fonte de empregos no
E) A revolução silenciosa do corpo feminino decorrente do
Brasil e no restante da América Latina, englobando
uso dos contraceptivos levou a mulher a conceber o
comércio de produtos e produção direta.
sexo a partir de uma perspectiva moralista.
B) O Terceiro Setor é composto por organizações sem fins
lucrativos, voltadas para o desenvolvimento socioeconô-
22. “A penetração intensa da televisão no Brasil está inscrita na mico, político ou cultural das populações com as quais
paisagem urbana e rural, nas páginas de revista, na profu- trabalham, e encontra-se em fase de expansão.
são de aparelhos nos interiores das casas, nas mansões de C) O Terceiro Setor é formado por entidades filantrópicas e
alto luxo, nos barracos das favelas das cidades grandes, nas projetos de responsabilidade social nas empresas. O Pri-
–8–
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

meiro Setor compreende o Estado e o Segundo Setor, as mulavam também grandes riquezas e o número de escra-
organizações representantes da Sociedade Civil. vos se multiplicava no país. Os italianos, ao contrário,
D) No Brasil, o Terceiro Setor agrega acima de 250 mil sofriam o despovoamento e a falta de homens, despojados
ONGs. Entre elas destacam-se empresas nacionais e que estavam pela pobreza, pelas contribuições e pelo servi-
internacionais de grande porte, cujos projetos de respon- ço militar. Eles se corrompiam na sua ociosidade, pois as
sabilidade social correspondem a 1,0% do PIB. terras estavam nas mãos dos ricos, que não os emprega-
E) Na Europa, o Terceiro Setor movimenta 6% do PIB. No vam como cultivadores; no lugar de homens livres, utiliza-
Brasil, porém, este valor corresponde a apenas 1,2%. vam escravos. O latifúndio perdeu a Itália.”
Tais dados demonstram um decréscimo do número de (APIANO, As guerras civis.)
doadores e apontam uma tendência à retração do setor. O texto faz referência:
A) ao processo de decadência da economia romana durante
25. “Os ricos, após ocuparem a maior parte das terras não assi- o Baixo Império, quando se acentuou o êxodo urbano e
naladas no ager publicus, confiando que com o passar do o desenvolvimento das vilas.
tempo ninguém as tomaria mais, voltaram-se contra os B) às transformações ocorridas na agricultura romana em
pequenos proprietários vizinhos, dominados pela pobreza e decorrência da expansão militar no Mediterrâneo, quan-
relegados ao desamparo, seja por meios amigáveis, seja do a agricultura para exportação arruinou a pequena
pela força; dessa forma, em vez de pequenos campos, pas- propriedade.
saram a ser cultivados grandes domínios. Para fazer render C) às transformações econômicas que assinalaram a deca-
essas terras, eles se serviam de escravos para o trabalho de dência da exploração coletiva do solo e a restauração da
cultivo e para o pastoreio; os ricos proprietários tinham propriedade privada da terra durante o Período Monár-
medo de que, se empregassem homens livres, estes aban- quico.
donassem as culturas para ingressar no Exército. Além D) ao processo de formação dos feudos na Europa Ociden-
disso, esse procedimento lhes trazia um benefício conside- tal.
rável, em razão do nascimento de novos escravos. Eles acu- E) nenhuma das anteriores.

MATEMATICA

26. Os custos totais dos acidentes de trânsito nas áreas urbanas mL


do país somam R$ 5,3 bilhões por ano. Só o afastamento
temporário ou definitivo do trabalho — a perda de produção
— significa 42,8% desse total. Os custos com os veículos 40
representam 28,8%, e o atendimento médico-hospitalar e a
reabilitação, 14,5%.
Foi o custo dos acidentes
R$ 5,3 bilhões
no país em 2001 12
O que mais influencia
nesses R$ 5,3 bilhões 25 65 85 kgf
16% Outros Assim, uma pessoa que pesa 85 kgf receberá em cada dose:
Tratamento custos A) 7 ml
médico e 11%
resgate 43% B) 9 ml
Perda de C) 8 ml
produção D) 10 ml
30%
Dano a veículo, E) 12 ml
propriedade e
sinalização 28. Em um colégio, 40% da arrecadação das mensalidades cor-
respondem ao pagamento dos salários dos seus professo-
res. A metade dos alunos desse colégio é de estudantes ca-
Fonte: “Folha de S.Paulo”, 01.06.03, p. C1 (adaptado).
rentes, que pagam mensalidades reduzidas. O diretor pro-
De acordo com os dados do gráfico por setores, o custo pôs um aumento de 5% nas mensalidades de todos os alu-
relativo à perda de produção devido a acidentes de trânsito, nos para cobrir os gastos gerados por reajuste de 5% na fo-
nas áreas urbanas do país, em bilhões de reais, foi, aproxi- lha de pagamento dos professores.
madamente, A associação de pais e mestres concorda com o aumento
A) 2,32 nas mensalidades mas não com o índice proposto. Pode-se
B) 2,30 afirmar que
C) 2,28 A) o diretor fez um cálculo incorreto e o reajuste proposto
D) 2,24 nas mensalidades não é suficiente para cobrir os gastos
E) 2,23 adicionais.
B) o diretor fez os cálculos corretamente e o reajuste nas
27. Na figura a seguir, tem-se o gráfico de uma reta que repre- mensalidades que ele propõe cobrirá exatamente os gas-
senta a quantidade, medida em mL, de um medicamento tos adicionais.
que uma pessoa deve tomar em função de seu peso, dado C) a associação está correta em não concordar com o índice
em kgf, para tratamento de determinada infecção. proposto pelo diretor, pois a arrecadação adicional basea-
O medicamento deverá ser aplicado em seis doses. da nesse índice superaria em muito os gastos adicionais.
–9–
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

D) a associação, ao recusar o índice de reajuste proposto 30. O nível sonoro N de um som de intensidade “I”, medido em
pelo diretor, não levou em conta o fato de alunos caren-
decibéis, é calculado pela fórmula N = 10 ⴢ log I , onde log
tes pagarem mensalidades reduzidas. I0
E) o diretor deveria ter proposto um reajuste maior nas representa logaritmo na base 10, e I0 é um valor de referên-
mensalidades, baseado no fato de que a metade dos alu- cia que corresponde aproximadamente à menor intensidade
nos paga mensalidades reduzidas. de som audível ao ouvido humano. Com base nessas infor-
mações, é correto afirmar que um som de 70 decibéis tem
intensidade “I” igual a:
29. O livro intitulado “O HOMEM QUE CALCULAVA”, de Malba
Tahan, é mencionada a curiosa relação entre dois números A) 103 ⴢ I0 D) 106 ⴢ I0
x e y, chamada de “amizade quadrática”, ou seja, a soma B) 104 ⴢ I0 E) 107 ⴢ I0
dos algarismos do quadrado de x é igual a y, e soma dos C) 105 ⴢ I0
algarismos do quadrado de y é igual a x. Assim sendo, se x
é 13, então o valor de y é: 31. Um certo valor foi aumentado em 20% e posteriormente
A) 14 reduzido em 20%. Qual a variação ocorrida em relação ao
B) 15 valor inicial?
C) 16 A) Nula D) Reduz de 10%
D) 17 B) Reduz de 4% E) Aumenta de 10
E) 18 C) Aumenta de 4%

ARTES

32. Trem sujo da Leopoldina B)


Correndo correndo
Parece dizer
Tem gente com fome
Tem gente com fome
Tem gente com fome
Piiiiiiiiiii
(...)
Só nas estações
Quando vai parando
Lentamente começa a dizer
Se tem gente com fome C)
Dá de comer
Se tem gente com fome
Dá de comer
Mas o freio de ar
Todo autoritário
Manda o trem calar
Psiuuuuu
(Trecho do poema de Solano Trindade,
publicado em Cantares ao Meu Povo (Poesias),
Editora Fulgor, pg. 65.)
É a fome não silenciada, o não ter, o ser nada, além de mi-
serável, além de outros vazios sociais que vergam e desper-
tam na artista a abordagem social no Brasil. Ao antecipar o D)
olhar para as necessidades do subdesenvolvimento, Tarsila,
cria:

A)

– 10 –
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

E) II. Salvador Dali — Futurismo — “ausência de um com-


promisso com a realidade. A forma perde completa-
mente seu significado específico”.
E) I. Fernand Léger — Cubismo — “expressar as emoções
humanas e interpretar as angústias que caracterizam
psicologicamente o homem do século XX”.
II. Pablo Picasso — Cubismo — “destruição da harmonia
clássica das figuras e decomposição da realidade”.

34. “Por volta de 1951, surgiram no Brasil as primeiras manifes-


tações de arte concreta, e essas manifestações não brota-
vam como resultado natural da evolução da moderna pintu-
ra brasileira e sim como reação à ela”.
33. As duas imagens abaixo são exemplos de diferentes estilos
GULLAR, F. Etapas da Arte Contemporânea.
artísticos que se desenvolveram no século XX. São Paulo, Nobel, 1985, p. 227.
Com base no texto e nos conhecimentos sobre o Concretis-
I.
mo no Brasil, é correto afirmar que as obras concretas:
A) Tentavam estilizar as figuras dando-lhes aspectos geo-
métricos como se fossem construídas com régua e com-
passo.
B) Eram aquelas realizadas por meio de gestos e cores
dando conta da expressividade e genialidade do artista.
C) Eram realizadas a partir dos dogmas cristãos, que viam
o mundo natural como expressão da divindade.
D) Relacionavam-se à imitação do mundo natural e a tudo
aquilo que se referia à realidade concreta.
E) Relacionavam-se aos aspectos óticos, matemáticos e geo-
métricos do espaço e não à imitação do mundo natural.

35.

II.

Marque a alternativa que associa corretamente o artista às


obras reproduzidas acima, ao movimento artístico ao qual Obras de Auguste Rodin que fazem parte de uma exposição
pertence e às características dos estilos desses movimentos. na Bahia estão ameaçadas pelo processo de oxidação do
A) II. Pablo Picasso — Cubismo — “destruição da harmonia material. As esculturas que têm preocupado os especialistas
clássica das figuras e decomposição da realidade”. estão entre as 62 do francês expostas desde outubro do ano
II. Salvador Dali — Surrealismo — “associação da cria- passado, em Salvador. Já é possível ver pontos de ferrugem
ção artística ao automatismo psíquico puro, refletindo nas obras “Purgatório” e “Glaucus”, as duas com cerca de
as manifestações do subconsciente do artista”. 40 centímetros de altura. Na obra “Porta do inferno”, o pro-
B) I. Pablo Picasso — Cubismo — “destruição da harmonia cesso está no início, mas também já pode ser notado. De
clássica das figuras e decomposição da realidade”. acordo com a curadora da exposição, Heloísa Costa, laudos
II. Salvador Dali — Expressionismo — “expressar as do Museu Rodin de Paris apontam a presença de ferrugem
emoções humanas e interpretar as angústias que nas esculturas antes das obras virem para o Brasil. As fotos,
caracterizam o homem do início do século XX”. segundo ela, foram tiradas ainda na França. Foi uma reco-
mendação da própria diretora de conservação que é a chefe
C) I. Fernand Léger — Cubismo — “expressar as emoções do museu francês. Ela me disse para observar todos os dias,
humanas e interpretar as angústias que caracterizam porque é possível que em um clima úmido possa aumentar.
psicologicamente o homem do século XX”. Ela já previa que isso poderia acontecer, mas não por que
II. March Chagal — Surrealismo — “associação da cria- está na Bahia — ela afirma.
ção artística ao automatismo psíquico puro, refletindo Um palacete foi reformado para receber a mostra, que vai
as manifestações do subconsciente do artista”. ficar na capital baiana por três anos. O clima quente e
D) I. Fernand Léger — Expressionismo — “expressar as úmido de Salvador, que favorece o aparecimento de ferru-
emoções humanas e interpretar as angústias que ca- gem, é uma ameaça a este tipo de escultura. Para reduzir a
racterizam psicologicamente o homem do século XX”. umidade e manter o ambiente na temperatura ideal, o pré-
– 11 –
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

dio ganhou um sistema de climatização controlado por com- D) A fotografia supera a interpretação anterior do pintor, eli-
putador. A tecnologia é utilizada para tentar evitar o desgas- minando o valor e a necessidade dela para se compreen-
te das relíquias. der o mundo do trabalho no campo.
Segundo suas próprias palavras, sua obra era “uma ponte E) O mundo do trabalhador rural brasileiro é (re)conhecível
unindo o presente e o passado”. De fato, Auguste Rodin pelo diálogo e confronto entre as diferentes interpreta-
sintetizou em seu trabalho as principais tendências presen- ções feitas em épocas distintas, que oferecem um senti-
tes na arte do século passado, EXCETO: do à realidade.
A) realismo
B) romantismo 38. Analise a figura e responda:
C) impressionismo
D) naturalismo
E) expressionismmo

Analise as figuras e responda às questões a seguir.

João Roberto Ripper, 1998.


A imagem fotográfica mostra um casal em sua habitação.
Assinale a alternativa em que o texto poético apresenta
clara correspondência temática com a imagem.
A) [...]
Faça os gestos certos
Cândido Portinari, 1934. Sebastião Salgado, 1985. O destino vai ser teu aliado,
Ouço uma voz dizendo
36. Ao longo do tempo, o tema trabalho tem aparecido na obra Do fundo mais fundo do passado.
de diferentes artistas. Cândido Portinari, um dos artistas Hoje não faço nada direito,
mais representativos da arte brasileira, apresenta, em 1934, Que é preciso muito mais peito
a pintura “Lavrador”. Em 1985, Sebastião Salgado fotografa Pra fazer tudo de qualquer jeito.
um trabalhador rural da região cacaueira. Com base nas Ai do acaso,
imagens e nos conhecimentos sobre o tema, considere as Se não ficar do meu lado.
afirmativas a seguir. (Paulo Leminski. Luto por mim mesmo.)
I. Em ambas as imagens, a condição de trabalhador se B) O vento varria as folhas,
revela nos instrumentos e no corpo dos indivíduos. O vento varria os frutos,
II. Ambas demonstram a busca da elegância e do requinte O vento varria as flores...
formal pelos artistas que se atêm à minúcia descritiva E a minha vida ficava
dos objetos representados. Cada vez mais cheia
III. Ambas enaltecem o homem trabalhador, valorizando a De frutos, de flores, de folhas.
sua imagem, a despeito das condições em que vive e (Manuel Bandeira. Poesia Completa & Prosa.)
trabalha. C) Ponho no vento o ouvido e escuto a brisa
IV. A pintura de Portinari apresenta uma visão pessoal e Que brinca em teus cabelos e te alisa
poética do artista, diferentemente da fotografia que se Pátria minha, e perfuma o teu chão...
limita a registrar um fato. Que vontade me vem de adormecer-me
Estão corretas apenas as afirmativas: Entre teus doces montes, pátria minha
A) I e III. Atento à fome em tuas entranhas
B) I e IV. E ao batuque em teu coração.
C) II e IV. (Vinicius de Moraes. Poesia Completa e Prosa.)
D) I, II e III. D) Tem gente sem esperança.
E) II, III e IV. E não é o desalento que você imagina
Entre o pesadelo e o despertar.
37. Cândido Portinari e Sebastião Salgado, recorrendo a distin- Tem gente pelos cantos.
tas manifestações artísticas, respectivamente pintura e foto- E não são os cantos que você imagina
grafia, podem ser considerados “intérpretes do Brasil”. Entre o passeio e a casa.
Com base na leitura das imagens, é correto afirmar: Tem gente sem dinheiro.
A) Pintor e fotógrafo, independentemente de uma posição E não é a falta que você imagina
temporal e de um lugar social, oferecem uma interpreta- Entre o presente e a mesada.
ção da sociedade brasileira que acentua as mudanças no [...]
mundo do trabalho no campo. (Ulisses Tavares. Além da Imaginação.)
B) Os dois artistas representam com imparcialidade o tra- E) [...]
balhador rural brasileiro de suas épocas, sem intenção ouvi a minha voz estudando
de problematizar a relação capital-trabalho. e a de outros
C) As duas obras oferecem uma compreensão plena sobre pela manhã, à tarde, de noite
o mundo do trabalhador rural, sendo excludentes em escrevendo em letras miúdas
suas narrativas, uma vez que a pintura representa uma num morro. tudo azul.
situação fictícia que rompe com o passado. (Sergio Rubens Sossella. s.n.)
– 12 –
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

QUÍMICA

39. (UEL/2008) — Um grupo de substâncias orgânicas apresen- 42. De acordo com a reportagem “O fim do começo” (Veja, ed.
tam aromas agradáveis, estando presentes em frutas e flo- 1857, 09 jun. 2004), “não se vislumbra o fim da era do petró-
res. Industrialmente, a reação de esterificação de Fischer é leo. Mas, claramente se encerrou o fim do começo do domí-
um dos principais métodos para a síntese destas substân- nio dos combustíveis fósseis como matriz energética pri-
cias orgânicas empregadas como flavorizantes na confec- mordial da civilização”. Verifica-se o fato de que é crescente
ção de balas, gelatinas, entre outros doces. a participação das fontes alternativas de energia na matriz
O flavorizante de morango, denominado etanoato de isobu- energética mundial. Com relação às fontes alternativas de
tila, é obtido em meio ácido a partir dos reagentes: energia, considere as seguintes afirmativas:
A) Ácido 2-metil propanóico e etanol. I. O principal composto presente no gás natural é o metano.
B) Ácido etanóico e 2-metil-propan-2-ol. II. A conversão biológica de cana-de-açúcar ou de milho
C) Ácido etanóico e 2-metil-propanal. produz metanol, um combustível líquido amplamente
D) Ácido etanóico e 2-metil-propan-1-ol. utilizado no Brasil.
E) Ácido 2-metil propanóico e etanal. III. A energia nuclear é gerada pela fusão do urânio em rea-
tores especialmente construídos para esse fim.
40. (UEL/2007) — Um processo laboratorial para conversão de IV. O hidrogênio promete ser o combustível do futuro;
alcenos em cetonas de mesma cadeia carbônica consiste na embora seja uma tecnologia ainda pouco desenvolvida,
prévia conversão do alceno (I) em álcool (II), etapa A, e pos- é considerado um combustível limpo por produzir água
terior conversão deste último na cetona (III), etapa B, con- como produto de sua combustão.
forme o esquema a seguir Assinale a alternativa correta.
A) Somente as afirmativas I e IV são verdadeiras.
A B B) Somente a afirmativa I é verdadeira.
R R R
C) Somente a afirmativa II é verdadeira.
OH O D) Somente as afirmativas II e III são verdadeiras.
E) Somente as afirmativas II, III e IV são verdadeiras.
I II III
43. A venda de créditos de carbono é um mecanismo estabele-
As reações utilizadas para essas duas conversões devem
cido pelo protocolo de Kyoto para reduzir a emissão de
ser, respectivamente:
gases poluentes na atmosfera. As quantidades de toneladas
A) Oxidação de I e redução de II. de CO‚ ou outros gases, economizadas ou sequestradas da
B) Hidratação de I e redução de II. atmosfera, são calculadas por empresas especializadas de
C) Redução de I e hidrogenação de II. acordo com as determinações de órgãos técnicos da ONU.
D) Hidratação de I e oxidação de II Uma tonelada de óleo diesel, trocada por biodiesel, gera
E) Hidrogenação de I e oxidação de II. direito a créditos. Um hectare de plantação de eucalipto
absorve, por ano, cerca de 12 toneladas deste gás.
41. (UEL/2008) — As aminas são um grupo de substâncias orgâ- Analise as afirmativas a seguir sobre o gás carbônico.
nicas usadas como medicamento. A ingestão de um antista- I. O produto da reação entre CO2 e H2O é um composto
mínico diminui o efeito da histamina, que é uma substância estável, pois o equilíbrio da reação se desloca para a
produzida pelo corpo humano em resposta às reações alér- direita independentemente das concentrações dos rea-
gicas. O medicamento Toradol é usado por dentistas para gentes.
aliviar a dor de seus pacientes.
II. Mesmo o CO2 apresentando ligações C-O polares, a mo-
As fórmulas das substâncias citadas no texto estão apresen-
lécula tem caráter apolar e apresenta forças de atração
tadas na sequência.
intermoleculares fracas.
III. O CO2 é uma molécula polar por ser constituído por liga-
(A) Antistamínico (B) Histamina (C) Toradol ções covalentes polares.
O IV. Na reação de fotossíntese dos vegetais, a glicose é um
N
HN dos produtos formados pela reação do CO2 com água.
O COH Estão corretas apenas as afirmativas:
C N
N NH2 A) I e II.
O B) I e III.
C) II e IV.
Com relação às fórmulas das moléculas representadas em D) I, III e IV.
(A), (B) e (C), são feitas as seguintes afirmativas: E) II, III e IV .
I. Na fórmula (A), identificam-se as funções éter e amina.
44. Um dos produtos envolvidos no fenômeno da precipitação
II. A histamina (B) possui duas aminas secundárias e uma
ácida, gerado pela queima de combustíveis fósseis, envolve
amida.
o SO2 gasoso. Ele reage com o O2 do ar, numa reação no
III. A fórmula molecular da molécula (C) é C15NO3H. estado gasoso catalisada por monóxido de nitrogênio, NO.
IV. Na fórmula (C), identificam-se as funções cetona, amina No processo, é gerado SO3, segundo a reação global repre-
e ácido carboxílico. sentada pela equação química balanceada.
Assinale a alternativa que contém todas as afirmativas cor- NO(g)
retas. 2 SO2 + O2 2 SO3
A) I e IV. No gráfico a seguir estão representadas as variações das
B) I e III. concentrações dos componentes da reação em função do
C) II e III. tempo de reação, quando a mesma é estudada em condi-
D) I, II e III. ções de laboratório, em recipiente fechado contendo inicial-
E) II, III e IV. mente uma mistura de SO2, O2 e NO gasosos.
– 13 –
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

Concentração

I As curvas que representam as concentrações de SO2, SO3, O2


e NO são, respectivamente:
II A) I, II, III, IV.
B) II, I, III, IV.
C) III, I, II, IV.
III D) III, II, I, IV.
IV E) IV, III, II, I.

Tempo

SOCIOLOGIA

45. Analise a tabela a seguir:

Número e Percentual de Pobres + Indigentes por cor, 1992 e 1999


Número Percentual
1992 1999 Variação % 1992 1999
Total 84.459.000 75.195.000 –11,00 100,0 100,0
Brancos 31.075.000 25.869.000 –16,75 37,0 34,4
Afrodescendentes 53.191.000 49.012.000 –7,85 63,0 65,6

(IPEA, 2001. OLIVEIRA, L. F.; COSTA, R. R. Sociologia para jovens do século XXI.
Rio de Janeiro: Imperial Novo Milênio, 2007. p. 144.)
Os dados sobre a pobreza e a indigência segundo a cor ilustram os argumentos dos estudos
A) de Gilberto Freyre sobre a natural integração dos negros na sociedade brasileira, que desenvolveu a democracia racial.
B) de Caio Prado Junior sobre a formação igualitária da sociedade brasileira, que desenvolveu o liberalismo racial.
C) de Sérgio Buarque de Holanda sobre a cordialidade entre as raças que formam a nação brasileira: os negros, os índios e os bran-
cos.
D) de Euclides da Cunha sobre a passividade do povo brasileiro, ordeiro e disciplinado, que desenvolveu a igualdade de oportunida-
des para todas as raças.
E) de Florestan Fernandes sobre a não integração dos negros no mercado de trabalho cem anos após a abolição da escravidão.

46. Leia o texto a seguir.


“Os Direitos Humanos têm um pressuposto que é o de reconhecer que aquilo que consideramos indispensável para nós é tam-
bém para o próximo. Reconhecer esse postulado nos leva a outras dificuldades: definir quais bens materiais e simbólicos são indis-
pensáveis a nós e aos outros, ou ainda, a todos os seres humanos. [...]
A distinção entre ‘bens compreensíveis’, como os cosméticos, os enfeites, roupas extras, e bens incompreensíveis, como o ali-
mento, a casa, a roupa, não é suficiente para criarmos critérios sobre quais direitos são essenciais.
Poderíamos ampliar o entendimento dos bens incompreensíveis que não seriam apenas aqueles que asseguram a sobrevivên-
cia física em níveis decentes, mas também os que garantem a integridade espiritual.
Desse modo, seriam bens incompreensíveis a alimentação, a moradia, o vestuário, a instrução, a saúde, a liberdade individual,
o amparo da justiça pública, a resistência à opressão, e, também, o direito à crença, à opinião, ao lazer e, por que não, à arte e à lite-
ratura.”
(CANDIDO, A. Direitos humanos e Literatura.
Disponível em: http://www.dhnet.org.br/direitos/textos/textos_dh/literatura.html.
Acesso em: 07 jul. 2007.)
Com base no texto, assinale a alternativa em que o verso apresenta clara correspondência com a temática.
A) Vamos comer / Vamos comer feijão / Vamos comer / Vamos comer farinha / Se tiver / Se não tiver então ô ô ô ô.
(Caetano Veloso. “Vamo” Comer.)
B) Bebida é água. / Comida é pasto. / Você tem sede de que? / Você tem fome de que? / A gente não quer só comida, / A gente quer
comida, diversão e arte. / A gente não quer só comida, / A gente quer saída para qualquer parte. / A gente não quer só comida, / A
gente quer bebida, diversão, balé.
(Arnaldo Antunes; Marcelo Fromer; Sérgio Britto. Comida.)
C) Fome do cão, fome do cão, fome do cão, fome do cão / O ronco da lara é da fome do cão / O ronco do bucho é da fome do cão /
Fome do cão, fome do cão, fome do cão, fome do cão.
(Raimundos. Rumbora e Rodolfo Abrantes. Fome de cão.)
– 14 –
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

D) Trem sujo da Leopoldina / Correndo correndo / Parece Escutas telefônicas mostram como funcionam os ‘tribunais
dizer / Tem gente com fome / Tem gente com fome / Tem do crime’:
gente com fome. Pessoa 1: Alô [...]
(João Ricardo Solano Trindade. Tem gente com fome.) Pessoa 2: Então, é aquilo que eu falei lá! Se o cara quiser
E) Ummmm que fome / Tô com uma fome de leão / Come, vir, pode arrancar esse moleque aí, pegar, matar, raspar e
come / Vo fazer uma refeição / Come, come / Vou detonar sair fora, que é para [ele] ficar esperto [...]. É essa a ideia: se
o macarrão / Come, come / Batata, vagem, agrião. quiser, é já para esticar o cerol [matar].
(Jairzinho Oliveira. Comer me faz crescer.) (Folha de S.Paulo, 21 set. 2008.
Caderno cotidiano, p. C-4.)

47. Para o povo Nuer, que vive na região centro-oeste da África, O texto retrata uma prática que tem se tornado comum em
“[...] o relógio diário é o gado, o círculo das tarefas pastoris, várias cidades brasileiras devido à existência de organiza-
fundamentalmente a sucessão de tarefas e suas relações mú- ções criminosas ligadas, principalmente, ao tráfico de drogas.
tuas. Assim, se as atividades dependem dos corpos celestes De acordo com a perspectiva teórica de Émile Durkhelm, o
e das mudanças físicas, estas só são significativas em rela- texto expressa:
ção às atividades sociais. [...] Tudo isso é corroborado pela A) a importância de se constituírem, no interior da socieda-
falta de um termo ou de uma expressão equivalente ao vo- de, novas formas de consciência coletiva que se mani-
cábulo ‘tempo’, encontrado nos idiomas ocidentais. Desse festem contrárias àquela dominante, reconhecida institu-
modo, não há como falar de tempo como algo concreto, cionalmente.
que pode ser perdido, economizado e assim por diante.” B) que a harmonia social tem como um de seus pressupos-
(PRITCHARD, E. E. Evans. In: SCHWARZ, Lilia. tos a eliminação física e brutal dos indivíduos com com-
“Falando sobre o Tempo”. Revista Sexta-Feira, n. 5, p. 17. portamento coletivo desviante, por instituições paralelas
São Paulo: Hedra, 2000.) ao poder estatal.
Sobre as noções de tempo, é correto afirmar: C) a importância de todos os setores da vida social possuí-
rem estrutura institucional, pois, sendo a sociedade um
A) As comunidades tribais desconsideram a passagem do
grande organismo, inclusive o crime deve ser organizado.
tempo, pois são sociedades sem história.
D) que os indivíduos são anteriores à sociedade, ou seja,
B) Culturas diferentes têm noções de temporalidades e de
podem agir de forma autônoma e, se assim for necessá-
historicidades distintas.
rio, podem agir contrariamente às normas coletivas.
C) A temporalidade é determinada por fatores naturais, daí
E) aspectos de um quadro anômico, pois, embora certa
sua similaridade em diferentes sociedades.
taxa de crime seja normal em todas as sociedades, a prá-
D) Temporalidade é uma noção a-histórica sendo, portanto,
tica assinalada indica a perda de vínculos sociais e mo-
semelhante em sociedades tradicionalistas.
rais básicos para a existência da coesão social.
E) Em sociedades tribais, a exemplo da africana, são desco-
nhecidas noções de sucessão do tempo.
50. A palavra “comunidade” entrou no vocabulário popular. É
comum ouvir-se, por exemplo, a frase: “UEL promove curso
48. Karl Marx, Émile Durkheim e Max Weber são considerados voltado à comunidade”. Utilizada no dia a dia, “comunida-
os pilares do pensamento sociológico moderno. Apesar das de” é, no entanto, um conceito fundamental no interior do
diferenças existentes entre eles a respeito do que é vida so- pensamento sociológico clássico. Para Durhan, na lingua-
cial e sua base, há, nos três pensadores, uma intensa preocu- gem comum, a noção de comunidade refere-se a uma coleti-
pação com o método de apreensão do objeto a ser inves- vidade na qual os participantes possuem interesses comuns
tigado, no caso, as relações sociais. Com base nos conhe- e estão afetivamente identificados uns com os outros. Essa
cimentos sobre a reflexão metodológica de Marx, Durkheim ideia, que pressupõe harmonia nas relações sociais, é alta-
e Weber, assinale a alternativa correta. mente valorizada, constituindo, por assim dizer, o ideal da
A) Para Durkheim, os esforços para evidenciar o que as vida social. É nesse sentido que a comunidade aparece como
sociedades poderiam ser e não o que efetivamente elas um mito do nosso tempo, pois ao ideal que ela representa
eram, constituíam um dos grandes obstáculos à investi- opõe-se a realidade do conflito de interesses e da impessoali-
gação sociológica. dade das relações sociais própria da nossa sociedade.
B) Em Marx, o método aspira à construção de leis gerais e (DURHAN, E. R. A dinâmica da cultura.
invariáveis, o que se exprime na formulação de que “a São Pauto: GOSACNAIFY, 2004. p. 221.)
história de todas as sociedades, até os dias de hoje, tem Com base no enunciado e nos conhecimentos sobre o tema
sido a história das lutas de classes”. comunidade, considere as afirmativas a seguir.
C) De acordo com Weber, ao observar as culturas, o investi- I. A comunidade, para Tõnnles, e um tipo de relação entre
gador deve apreendê-Ias em sua totalidade. Escapar a vontades humanas caracterizada por uma vontade social
este princípio, situado na origem do conceito de tipo baseada na concordância, nas regras sociais comumen-
ideal, é permanecer preso ao senso comum. te aceitas e na religião.
D) Marx, Durkheim e Weber romperam com o princípio
II. A base da comunidade, de acordo com Weber, reside, a
indutivo na investigação do objeto, lançando, com isso,
exemplo do que acontece na sociedade, em uma relação
as bases para a construção da sociologia enquanto ciên-
na qual a ação social exprime uma compreensão de inte-
cia da sociedade.
resses por motivos racionais de fins ou de valores.
E) Nos três autores, é comum a compreensão de que a apa-
III. Segundo Marx, a verdadeira relação de comunidade só
rência da vida social é coincidente com a sua essência,
é possível no comunismo. Portanto, comunidade e socie-
isto é, o que vemos reproduz, imediatamente, no plano
dade de classes são incompatíveis.
do pensamento, a vida social tal como ela é, em seus
fundamentos. IV. A oposição comunidade-sociedade corresponde, de cer-
ta forma, à oposição entre solidariedade mecânica e soli-
49. Leia o texto a seguir. dariedade orgânica, introduzida na sociologia francesa
por Émile Durkheim.
Texto IX
Assinale a alternativa correta.
“Tribunais do crime” mataram ao menos 9 A) Somente as afirmativas I e II são corretas.
[...] Os ‘tribunais’ [do crime] são ‘julgamentos’ comandados B) Somente as afirmativas I e III são corretas.
por um presidiário do PCC que assume o papel de ‘juiz’ para C) Somente as afirmativas II e IV são corretas.
determinar, por meio de um celular, a morte ou não de uma D) Somente as afirmativas I, III e IV são corretas.
pessoa — seja ela ligada ou não ao PCC. E) Somente as afirmativas II, III e IV são corretas.
– 15 –
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

BIOLOGIA

51. A dengue é transmitida por mosquitos e, nos últimos anos, II. Banho de sol é benéfico à saúde, em certas horas do dia.
ela se tornou um problema sério de saúde. A dengue apare- Outrora, as pessoas davam prioridade às aparências
ce especialmente nas áreas urbanas. Estima-se que ocorrem sem atentar para a saúde. Exemplo disso, era a exposi-
cerca de 50 milhões de casos de dengue todos os anos ção indiscriminada ao sol para obter bronzeamento.
(OMS). Também há uma complicação conhecida como den- Hoje em dia, verifica-se um cuidado maior com a pele,
gue hemorrágica e mais de 40 países ao redor do mundo já por meio do uso de protetores solares.
tiveram epidemias. III. O ciclo celular pode ser interrompido em determinadas
Sobre essa doença analise as proposições abaixo: fases para evitar a produção de células com erro no
I. Depois de certo tempo, a frequência de uma doença vai DNA. A ausência de controle da divisão celular relacio-
diminuindo, até esta se tornar uma enfermidade rara na-se diretamente com o desenvolvimento de neoplasia
porque o contato com o vírus desperta resposta imune (câncer).
competente que permite a longo prazo memória imuno- Estão corretas:
lógica, possibilitando a seleção natural de indivíduos A) Apenas a I
resistentes à infecção. B) Apenas a II
II. O aparecimento de novos subtipos virais, de maior leta- C) I e II
lidade pode acontecer por mutação . D) II e III
III. Na campanha promovida pelo Ministério da Saúde, para E) I, II e III
vacinação contra a dengue embora homens e mulheres
tenham sido chamados à vacinação, a ênfase foi para a
vacinação dos homens adultos. 53. O aquecimento global pode fazer com que a área de inci-
dência de malária e dengue seja expandida no mundo,
IV. As mulheres são obrigatoriamente vacinadas quando
segundo conclusões prévias da segunda parte do relatório
dos exames pré-natal, e por isso correm menor risco de
do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas
contrair dengue, o que justifica não terem sido o princi-
(IPCC, na sigla em inglês) da ONU, que será apresentado
pal foco da campanha de vacinação.
nesta sexta-feira em Bruxelas. O texto deve afirmar, segun-
Estão corretas: do um integrante do painel, que o aumento de até 4° C na
A) I e II temperatura da Terra favorecerá a proliferação dessas doen-
B) II e III ças infecto-contagiosas (BBC — Brasil abril 2007). Os veto-
C) I, II e IV res da malária são dípteros do gênero ‘Anopheles’.
D) II, III e IV As afirmativas abaixo trazem informações corretas sobre a
E) I, II, III e IV malária, EXCETO:
A) A malária é transmitida apenas pelos mosquitos Anófe-
les.
52. Leia e analise o texto abaixo
B) As fêmeas dos anofilídeos se alimentam com sangue a
Danos ao DNA causados pelo sol cada dois ou três dias. O sangue fornece proteínas para
Observado pela primeira vez moléculas de DNA sendo que desenvolvam os seus ovos.
danificadas pela luz ultravioleta. C) Uma das medidas de profiaxia é evitar que haja água
Não é novidade que exposição em excesso aos raios empoçada próximo da casa, porque as fêmeas deposi-
do sol faz mal. No Brasil, segundo o Instituto Nacional do tam seus ovos na água parada.
Câncer, o câncer mais frequente é o de pele, que correspon- D) Quase todos os mosquitos Anófeles se alimentam entre
de a cerca de 25% de todos os tumores diagnosticados no o pôr do sol e o nascer do sol. Após se alimentarem, eles
país. Mas ninguém havia visto ainda os danos provocados descansam nas paredes ou no teto, enquanto digerem o
pela luz ultravioleta não à epiderme, mas à própria molécu- sangue.
la que carrega as instruções genéticas da vida. E) Quando os mosquitos picam, eles chupam sangue e
Um grupo de pesquisadores da Alemanha e dos Esta- imediatamente defecam no local. Essas fezes contem os
dos Unidos conseguiu observar em tempo real prejuízos esporozoítos que vão infectar a pessoa que coçar o local.
promovidos pela luz ultravioleta em cadeias de DNA. Pior:
eles verificaram que a reação química ocorre em enorme 54. (AIB) — A Assembleia Geral das Nações Unidas declarou
velocidade, de menos de um picossegundo (trilionésimo de o ano de 2010 como Ano Internacional da Biodiversida-
segundo). de, com o propósito de aumentar a consciência sobre a
Cientistas estudam os danos provocados pelos raios importância da preservação da biodiversidade em todo o
UV para tentar compreender o papel desses em queimadu- mundo.
ras solares e em doenças como câncer de pele. O novo tra- A proteção da biodiversidade requer um esforço por
balho, publicado na edição atual da revista Science, indica parte de todos. Através de atividades em todo o mundo, a
que os danos dependem em grande parte da posição do comunidade global deverá trabalhar em conjunto para
DNA no momento em que os raios ultravioleta atingem a garantir um futuro sustentável para todos.
molécula. (Fonte: http://www.peaunesco.com.br/
(Fonte: http://www.portaleducacao.com.br/ BIO2010/Diretrizes_Gerais%20-%20Ano%20Internacional
biologia/artigos/2111/danos-ao-dna-causados-pelo-sol. %20da%20Biodiversidade%20-%202010.pdf)
01/01/2008.)
Biodiversidade, pode ser definida como a variedade e a
Baseado no texto e em seus conhecimentos analise as afir- variabilidade existente entre os organismos vivos e as com-
mativas abaixo: plexidades ecológicas nas quais elas ocorrem. Ela pode ser
I. Existem nas células mecanismos moleculares de reparo entendida como uma associação de vários componentes hie-
do DNA. Porém esses mecanismos nem sempre funcio- rárquicos: ecossistema, comunidade, espécies, populações
nam em células somáticas que se dividem com elevada e genes em uma área definida. A biodiversidade varia com
frequência. No tecido epitelial em questão, os melanóci- as diferentes regiões ecológicas, sendo maior nas regiões
tos são células que apresentam essa característica. tropicais do que nos climas temperados.
– 16 –
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

Assinale a alternativa correta sobre os conceitos ecológicos Baseado no cartaz, em seus conhecimentos e nas afirmati-
abaixo citados: vas acima, marque aquelas que estão corretas:
A) Um ecossistema corresponde ao conjunto formado por A) I, II e III
uma biocenose ou comunidade biótica e fatores abióti- B) II, III e IV
cos que interatuam, originando uma troca de matéria C) I, II e IV
entre as partes vivas e não vivas. D) I, III e IV
B) Uma comunidade corresponde a seres vivos de uma de- E) Todas estão corretas
terminada espécie vivendo em uma mesma região em um
determinado intervalo de tempo.
C) Uma população corresponde ao conjunto de seres vivos 56. ”O Hospital Universitário (HU) de Londrina vislumbra a pos-
de várias espécies que representam a biodiversidadde sibilidade de combater a bactéria multirresistente Klebsiella
de um ecossistema. spp ou Enterobacter com um antibiótico chamado de tigeci-
D) Uma espécie corresponde a indivíduos iguais com capa- clina e começou a testar o remédio em um dos 16 pacientes
cidade de se reproduzirem originando indivíduos que po- internados e confirmados com a bactéria...
dem ser estéreis. Ainda há cinco pessoas suspeitas de hospedarem a
E) As regiões ecológicas como as tropicais e de clima tem- bactéria.
perado correspondem a biocenose daquela comunidade. A bactéria chegou ao HU por meio de um paciente que
esteve internado em Goiás e foi transferido para Londrina
em fevereiro. Vítima de um acidente, o paciente teria sido
55. Na entrada de um supermercado um cartaz fazia a seguinte transferido com um equipamento contaminado.
propaganda. (Fonte: Jornal de Londrina, 12/09/2010)
Sobre a resistência de bactérias a uma grande diversidade
de antibióticos seria incorreto afirmar que:
MOSQUITOL A) Se uma colônia de bactérias recebe uma pequena dose
A solução definitiva do um determinado antibiótico, ocorre a morte da maio-
contra doenças causadas por insetos ria delas, sobrevivendo aquelas portadoras do variações
que conferem resistência ao medicamento.
• Novo inseticida eficaz contra insetos, para uso der- B) Os descendentes das bactérias sobreviventes não mor-
matológico. rem com a mesma dose do antibiótico, evidenciando
• Atua no combate à dengue, febre amarela, malária que as variações são hereditárias
e outras viroses causadas por mosquitos. C) Se a dose do antibiótico for aumentada, novamente
algumas, as resistentes a nova dose sobreviverão
D) É a presença do antibiótico que provoca o aparecimento
Analise as afirmações abaixo sobre as diferentes informa-
das mutações conferindo resistência à algumas bactérias
ções contidas no cartaz :
E) As bactéria resistentes surgem espontaneamente a,
I. A dengue é transmitida principalmente pelo mosquito quando conferem resistência ao antibiótico, são úteis à
“Aedes aegypti“ infectado mas também pelo “Aedes bactéria na presença do mesmo.
albopictus”. Esses mosquitos picam durante o dia. O
Aedes aegypti é principalmente encontrado em áreas
tropicais e subtropicais do mundo, inclusive no Brasil, 57. TRÊS GERAÇÕES DE CATADORES DE LIXO. MAIS DE 700
pois as condições do meio ambiente favorecem seu o CRIANÇAS SÃO EXPLORADAS EM LIXÕES E UNICEF
desenvolvimento e proliferação. As epidemias geralmen- LANÇA PROGRAMA DE RECUPERAÇÃO
te ocorrem no verão, durante ou imediatamente após BRONQUITE E ALERGIA
períodos chuvosos. A dengue está se expandindo rapi- A poeira levantada pelos caminhões quando depositam o
damente, e a grande preocupação é que nos próximos lixo é contaminada e pode levar a criança até mesmo a
anos a transmissão aumente por todas as áreas tropicais desenvolver pneumonia.
do mundo se medidas eficientes não forem tomadas
para a contenção das epidemias. PARASITAS
O Berne (comum em animais) entra nas crianças através da
II. A febre amarela é uma doença infecciosa causada por
mosca varejeira, provocando lesões crônicas pela pele.
um flavivírus (o vírus da febre amarela), para a qual está
disponível uma vacina altamente eficaz. A doença é VERMINOSE
transmitida por mosquitos. No Brasil, a febre amarela é O pé no chão, a mão suja na boca e a comida contaminada
geralmente adquirida quando uma pessoa não vacinada fazem com que as crianças sofram com vermes e parasitas
entra em áreas de transmissão silvestre (regiões de cer- intestinais.
rado, florestas). Uma pessoa não transmite febre amare- HEPATITE A
la diretamente para outra. Para que isto ocorra, é neces- Mãos sujas e restos de comida provocam a doença.
sário que o mosquito pique uma pessoa infectada e, AIDS E HEPATITE B E C
após o vírus ter se multiplicado, pique um indivíduo que Acidentes com agulhas ou recipientes com sangue contami-
ainda não teve a doença e não tenha sido vacinado. nado podem provocar doenças.
III. Malária é uma doença infecciosa febril aguda, cujos
INFECÇÕES NA PELE PROVOCADAS PELA SUJEIRA
agentes etiológicos são vírus transmitidos por vetores.
Nos casos mais graves, a bactéria pode entrar na corrente
Reveste-se de importância epidemiológica, atualmente,
sanguínea provocando infecções graves como pneumonia e
pela sua elevada incidência na região amazônica e
septicemia.
potencial gravidade clínica. Causa consideráveis perdas (Adaptado do jornal O Globo, 27/05/1999.)
sociais e econômicas na população sob risco, principal-
mente aquela que vive em condições precárias de habi- A reportagem anterior cita algumas doenças que afligem as
tação e saneamento. pessoas que trabalham e vivem em lixões. Sobre essas
doenças foram feitas três afirmativas:
IV. A infecção viral é específica, sendo esta especificidade
decorrência do fato de que para um vírus penetrar em I. Todas essas doenças são causadas por animais.
uma célula deve haver uma interação das proteínas II. Se as crianças andassem calçadas e tivessem bons hábi-
virais com as proteínas receptoras existentes na mem- tos de higiene poderiam trabalhar nos lixões sem o peri-
brana plasmática das células. go de adquirir qualquer uma das doenças citadas.
– 17 –
SIMULADO ABERTO NACIONAL – PARANÁ SISTEMA ANGLO DE ENSINO

III. No quadro foram citadas doenças de contágio direto e D) a conservação das araras-azuis depende também da con-
indireto. servação dos tucanos-toco, apesar de estes serem pre-
IV. Na reportagem não foi citada nenhuma doença causada dadores daquelas.
por protozoário. E) a derrubada de manduvis em decorrência do desmata-
Estão corretas somente as afirmativas mento diminui a disponibilidade de locais para os tuca-
nos fazerem seus ninhos.
A) I e II.
B) II e III. 60. “A domesticação não se restringe apenas à milenar relação
C) III e IV. homem/animal, mas refere-se também a uma relação mais
D) I e III. complexa e muito mais antiga, que os humanos mantêm
E) II e IV. com as plantas. [...] Para que tivéssemos alcachofra ou espi-
nafre em nossas hortas, foi preciso que a região mediterrâ-
58. Um tema que vem despertando grande polêmica no Brasil nea greco-romana fosse invadida pelos árabes; para que o
atualmente é a liberação, para cultivo comercial, de plantas melão, o agrião e, é claro, a batata, aparecessem em nossas
transgênicas. A obtenção dessas plantas se deve à biotec- mesas, foi preciso que os descobríssemos, que os experi-
nologia. mentássemos e que eles nos cativassem. Cada árvore, cada
“A biotecnologia de genética molecular foi inicialmente flor, cada legume, cada boa ou má erva possui uma ou
aplicada a micróbios, mas hoje as mesmas técnicas estão várias histórias, que são contadas de forma diversa no
sendo aplicadas a plantas e animais, resultando em tipos Oriente e no Ocidente. [...] “
criados que nunca poderiam ter sido produzidos com a PITTE, J. R. (org.). A natureza humanizada.
São Paulo: FTD, 1998.
genética clássica. (...) Com a capacidade de mover genes de
um organismo para outro, os cientistas produziram plantas
que brilham porque expressam os genes de bioluminescên-
cia dos vaga-lumes; plantas que adquirem resistência ao
frio por expressar genes anticongelantes de peixes, e
camundongos gigantes que expressam os genes do hormô-
nio de crescimento de ratos.”
(Griffiths, A.J.F. et al. Introdução à Genética. 6 ed.
Rio de Janeiro: Guanabara Koogan. 1998)
O texto acima se refere a organismos transgênicos, que são
aqueles em cujo genoma foi introduzido um gene de uma ou-
tra espécie ou mesmo um gene produzido em laboratório.
Assinale a alternativa que define o que é um gene.
A) Um gene é um cromossomo da célula vegetal ou animal.
B) Um gene é um segmento do DNA que contém a infor-
mação necessária para a produção de uma determinada
proteína.
C) Um gene é uma proteína que tem função específica em
uma determinada rota metabólica.
D) Um gene é uma molécula de RNA que atua diretamente
na síntese protéica.
E) Um gene é uma cadeia de aminoácidos que codifica o
código genético. AMABIS, J. M.; MARTHO, G. R.
Conceitos de Biologia. São Paulo: Moderna. 2001, v. 3.
A partir da noção de domesticação e com base em seus co-
59. Um estudo recente feito no Pantanal dá uma boa ideia de nhecimentos, assinale a sequência que estabelece a correta
como o equilíbrio entre as espécies, na natureza, é um ver- relação entre as características biológicas da planta, cuja
dadeiro quebra-cabeça. As peças do quebra-cabeça são o identificação figura no mapa, e as suas peculiaridades his-
tucano-toco, a arara-azul e o manduvi. O tucano-toco é o tórico-geográficas.
único pássaro que consegue abrir o fruto e engolir a semen-
(1) Pseudofruto que apresenta uma estrutura carnosa cujo
te do manduvi sendo, assim, o principal dispersor de suas
desenvolvimento ocorre a partir de uma inflorescência.
sementes. O manduvi, por sua vez, é uma das poucas árvo-
(2) Fruto seco que não se abre quando maduro.
res onde as araras-azuis fazem seus ninhos.
(3) Raiz tuberosa que atua como órgão especial de reserva.
Até aqui, tudo parece bem encaixado, mas… é justamente o
(4) Fruto carnoso que apresenta pericarpo suculento e se-
tucano-toco o maior predador de ovos de arara-azul — mais
mente facilmente separável.
da metade dos ovos das araras são predados pelos tucanos.
(5) Pseudocaule que sustenta, em sua extremidade livre,
Então, ficamos na seguinte encruzilhada: se não há tucanos-
uma inflorescência.
-toco, os manduvis se extinguem, pois não há dispersão de
( ) Tem origem no Sudeste Asiático e apresenta domestica-
suas sementes e não surgem novos manduvinhos, e isso
ção no mundo tropical; sua cultura difundiu-se com a
afeta as araras-azuis, que não têm onde fazer seus ninhos.
expansão marítima europeia.
Se, por outro lado, há muitos tucanos-toco, eles dispersam
( ) Teve especial importância para as civilizações pré-colom-
as sementes dos manduvis, e as araras-azuis têm muito lugar
bianas que, para cultivá-la, utilizavam técnicas de irriga-
para fazer seus ninhos, mas seus ovos são muito predados.
ção.
Internet: <http://oglobo.globo.com> (com adaptações).
( ) Já era conhecida dos indígenas brasileiros, sendo tam-
De acordo com a situação descrita: bém cultivada para a subsistência.
A) o manduvi depende diretamente tanto do tucano-toco ( ) Provém do Oriente Médio e passou a ser domesticada
como da arara-azul para sua sobrevivência. com sucesso na serra gaúcha.
B) o tucano-toco, depois de engolir sementes de manduvi, ( ) É originária do planalto brasileiro, sendo exportada jun-
digere-as e torna-as inviáveis. tamente com outros produtos tropicais.
C) a conservação da arara-azul exige a redução da popula- A) 1; 2; 3; 4; 5 D) 1; 3; 2; 5; 4
ção de manduvis e o aumento da população de tucanos- B) 3; 2; 1; 4; 5 E) 2; 3; 4; 5; 1
-toco. C) 5; 2; 3; 4; 1
– 18 –