Vous êtes sur la page 1sur 35

1 – Meu lugar (Arlindo Cruz)

2 – Pura Semente (Marquinhos Satã)


3 – Jogo de Azar (Marquinhos Satã)
4 – Pra ser minha musa.. ela me trás o café (Reinaldo)
5 – Fé em Deus (Reinaldo)
6 – Problema Emocional (Reinaldo)
7 – Filosofia..... corvadia...o bem contra o mal (Reinaldo)
8 – Coisa de Amante (Reinaldo)

9 – Talismã ... eu não preciso de um talismã (Paulinho da Viola)


10 – Coração Leviano.. tramas e segredos.. (Paulinho da Viola)
11 – Pecado Capital ... dinheiro na mão (Paulinho da Viola)
12 – Foi um rio que passou em minha vida (Paulinho da Viola)
13 – Porta Aberta (Luis Ayrao)
14 – Silencio da Madruga.. aproveitou o silencio da madrugada (Luis Ayrao)
15 – Lencinho (Luis Ayrao)
16 – Samba do grande amor .....tinha cá pra mim que agora sim.... (Chico Buarque)
17 – Amantes .. vou caminhando nas ruas....(Araketu)

18 – No na madeira.. eu sou é madeira (Diogo Nogueira)


19 – Maria Rita.. por onde andarás... (Diogo Nogueira)
19 – Gatinha Manhosa .. meu bem já não precisa....(Roni Von)
20 – Gostava tanto de você... não sei porque você se foi...(Tim Maia)
21 - Voce não entende nada ... eu como eu como eu como .. você (Daniela Mercury)
22 – Cotidiano... todo dia ela faz tudo sempre igual (Chico Buarque)
23 - Como é grande o meu amor ... eu tenho tanto pra te falar.(Roberto Carlos)

18 – Estrela de Madureira ... brilhando num imenso cenário (Jorge Aragao)


19 – Atire a primeira pedra.. covarde eu sei que me podem chamar (Ataulfo Alves)
20 – Leva meu samba (Ataulfo Alves)
21 – Triste Madrugada.. foi aquela (Fundo Quintal)
22 – Tristeza... por favor vai embora
22 – Vem chegando a madrugada (Fundo de Quintal)
23 – Laranja Madura... você diz que me casa e comida.. boa vida..(Ataulfo Alves)
24 - Levanta Sacode a Poeira (Ataulfo Alves)
25 – Se acaso você chegasse... (Lupicinio Rodrigues)

24 – Neguinho e a Senhorita.. o neguinho gostou da filha da madame (Altaulfo Alves)


25 – Minha rainha... um dia você vai pensar direito (Nelson Gonçalves)
26 – Retalhos de Cetim .. mas chegou o carnaval e ela não...(Benito de Paula)
27 – Sufoco... não posso mais alimentar esse amor (Alcione)

26 – Na Aldeia (Rolando Boldrin)


27 – Aperto de Mao.. não foi adeus....
28 – Disse me disse....cheeega eu não quero mais saber
29 – Cabelos Brancos...nao falem dessa mulher perto de mim (Nelson Gonçalves)

30 – O que é o que é (Gonzaguinha)


31 – É..... a gente não tem cara de babaca (Gonzaguinha)
32 – Brasil Pandeiro .. chegou a hora dessa gente bronzeada.. (Moraes Moreira)

33 – Poxa
34 – Tiro ao Alvaro
35 – Conto de Areia.. é água do mar.. é maré cheia

1 – Argumento

(intro) (G G#º C#7/G# F#m7 B7 Em A7 D D7)


(G G#º C#7/G# F#m7 B7 Em A7 D)

A7
Tá legal!
D A7 D A7 (no tempo do A7 pode fazer bordões:
(A B C# D E F# E D C# B A)
Tá legal, eu aceito o argumento
D B7 Em B7 (no tempo do B7 pode fazer
bordões:(B agudo A G F# E B)
Mas não me altere o samba tanto assim
Em A7 D B7
Olha que a rapaziada está sentindo a falta
Em A7 D
De um cavaco, de um pandeiro ou de um tamborim

Em A7 D
Sem preconceito ou mania de passado
Am7 D7 G
Sem querer ficar do lado de quem não quer navegar
G G#º C#7/G# F#m7
Faça como um velho marinheiro
B7 Em A7 D D7
Que durante o nevoeiro leva o barco devagar

2 – Coração Leviano
E Eº E
Trama em segredo teus planos
G#m7 C#7(b9) F#m7 C#7(b9) C#7
Parte sem dizer adeus
F#m7 D7M/F# B7
Nem lembra dos meus desenganos
F#7 F#m7 B7
Fere quem tudo perdeu

A7M A#º E/B


Ah!Coração leviano
C#7 F#7 B7 G#m7 Gm7
Não sabe o que fez do meu
F#m7 Gº E/G#
Ah!Coração leviano
C#7 F#7 B7 E F#m7
Não sabe o que fez do meu

B7 E
Este pobre navegante
Fº F#m7 Gm7 G#m7 A7
Meu coração amante
G#7
Enfrentou a tempestade
C#m7 B7 E
No mar da paixão e da loucura
C#7 F#7
Fruto da minha aventura
F#m7 B7
Em busca da felicidade

A7M A#º E/B A7


Ah!Coração teu engano
D7(9) C#7(b9) C#7
Foi esperar por um bem
F#m7 Am7 G#m7
De um coração leviano
C#7 F#m7 B7 E
Que nunca será de ninguém

3 – Pecado Capital

[Intro:]

E|-------6-7-6---------------|
B|---5-7-------7---6---5---3-|
G|--7-------------7----------|

[C#m7(b5)] - segunda vez substitui o E7/G#


E7/G# F#7/A# Bm7
Dinheiro na mão é vendaval, é vendaval
F#m7 B7 Em Em/G
Na vida de um sonhador, de um sonhador
A7 A7/C# D7M C#m7(b5)
Quanta gente aí se engana, e cai da cama
F#7 F#m7(b5)/C B7 Em
Com toda a ilusão que sonhou
Em/D F#7/C# F#7 Bm7 Bm7/A G7M
E a grandeza se desfaz, quando a solidão é mais
F#7 Bm7 F#7
Alguém já falou

B7M
Mas é preciso viver,
D#m7 G#m7 C#m7
E viver, não é brincadeira não
D#7 D#7/F G#m7 D#m7
Quando o jeito é se virar, cada um trata de si,
A#7 D#m7 Dm7 C#m7
Irmão desconhece irmão, e aí

F#7 B7M
Dinheiro na mão é vendaval,
G#7 C#m7 F#7
Dinheiro na mão é solução
F#m7 B7 E7M
E solidão
F#7 B7M
Dinheiro na mão é vendaval,
G#7 C#m7 F#7
Dinheiro na mão é solução
B7M G#m7 C#m7 F#7
E solidão
B7M G#m7 C#m7 F#7
E solidão...
4 – Talismã

E7M A7
Eu não preciso de um talismã
E7M
Nem penso em teu amanhã
E C#7 F#m7
Vou remando com a maré
G#7
Eu não preciso de patuá

C#m7
Nem peço ao meu orixá
F#7
Não vou na igreja, não sei rezar
B7
Mas tenho fé
C#7 F#7
Pois agora quem eu quis
B7 E
Também me quer

F#m7
Por muito tempo
B7 E E7M
Eu batalhei o seu amor, porém
Bm7
você me desarmava
E7 A7M A6
E só me dava o seu desdém

Am6 G#m7
Quando me olhava parecia nem me ver
C#7
Eu era ninguém
F#7/13 F#7(b13)
Mas hoje em dia eu posso dizer
F#m7 B7(b9)
"Meu amuleto é meu bem"

5 – Vai dizer ao Vento


A Bm
SAUDADE, VAI DIZER AO VENTO
E A E
QUE A DOR DA DESILUSÃO PASSOU
A F#7 Bm
E SAIBA QUE NÃO HÁ TORMENTO TÃO INTENSO
E A E
COMO AQUELE QUE VOCÊ ME PROVOCOU
A B7 C#7
SAUDADE, TUDO TEM SEU TEMPO
F#m F#7
E O SEU JÁ TERMINOU
Bm7 E A F#7 Bm
ESPERO QUE DEPOIS DE TUDO QUE EU PASSEI
E A
VOCÊ ME FAÇA ESSE FAVOR

Bm E A
ANDEI REVENDO TANTA COISA EM MINHA VIDA
A7 D
E HOJE POSSO CONTROLAR A EMOÇÃO
Dm A F#7
FUI APAGANDO CADA SOMBRA DE AMARGURA
B7 E
QUE HAVIA DENTRO DO MEU CORAÇÃO

D E A
AGORA, VOU SEGUIR OUTRO CAMINHO
C#7 F#m F#7
QUEM SABE ESQUECER O QUE PASSOU
Bm E A F#
SAUDADE, DIGA AO VENTO QUE A TRISTEZA DEU UM TEMPO
Bm E A
E NÃO ESQUEÇA QUE VOCÊ JÁ ME DEIXOU

6 – Foi um Rio que passou.

INTRO: D6 Dm6 C#m7 F#7 Bm7 E7 F#7


D6 Dm6 C#m7 F#7 Bm7 E7 A6 E7

A6
Se um dia
F#7 Bm7
Meu coração for consultado
E7
Para saber se andou errado
A6 Bm7 E7
Será difícil negar
A6 Bm7 E7 A6
Meu coração tem manias de amor
F#7 Bm7
Amor não é fácil de achar
D6
A marca dos meus desenganos
C#m7 F#7
Ficou, ficou
Bm7 E7 Em7
Só um amor pode apagar
A7 D6
A marca dos meus desenganos
C#m7 F#7
Ficou, ficou
Bm7 E7 A6 E7
Só um amor pode apagar
A6 Bm7 E7
Porém, ( ai porém )
A6 Bm7 E7 A6
Há um caso diferente
C#7/G# F#m7
Que marcou um breve tempo
A7 D6
Meu coração para sempre
E7 A6 Bm7 E7
Era dia de carnaval
A6 Bm7 E7 A6
Eu Carrega um tristeza
Bm7 E7 A6
Não pensava em novo amor
A/C#
Quando alguém que não me
F#7 Bm7
Lembro anunciou
E7
Portela, Portela

O samba trazendo alvorada


B7 A6 E7
Meu coração conquistou
A6 A/C# Bm7
Ah!, minha Portela
E7 A6 E7
Quando vi você passar
A6 A/C# Bm7
Senti meu coração apressado
E7
Todo meu corpo tomado
A6 E7
Minha alegria voltar
A6
Não posso definir aquele azul
A/C# F#7
Não era do céu
Bm7
Nem era do mar
D6 C#7 F#m7
Foi um rio que passou em
F#7
Minha vida
Bm7 E7 Em7 A7
E meu coração se deixou levar
D6 C#7 F#m7
Foi um rio que passou em
F#7
Minha vida
Bm7 E7 A6
E meu coração se deixou levar

7 – Porta Aberta

A C#m Cm Bm
Pela porta aberta de um coração descuidado
E7 Bm7 E7 A
Entrou um amor em hora incerta, que nunca deveria ter entrado
F#7 Bm
Chegou tomou conta da casa, fez o que bem quis e saiu
Dm A F#7 B7 E7 A E7
Bateu a porta do meu coração que nunca mais se abriu, e por isso
A A7M G#m7 C#7 F#m7
Por isso a nostalgia tomou conta de mim, mas um amigo percebeu e disse assim
Em7 A7 D Dm
Para que tanta tristeza, rapaz ?
A F#7 Bm7 E7
Acabe com ela, vem comigo conhecer
A
A Portela, Portela!
C#m Cm Bm7
Fenômeno que não se pode explicar
E7
Portela, Portela!
Bm7 E7 A
Uma corrente faz a gente sem querer sambar
Em7 F#7
É ela, é ela
Bm
O novo amor a quem eu quero agora me entregar
Dm A F#7 Bm7
O samba fez milagre reabriu meu coração
E7 A A7
Para a Portela entrar
Dm A F#7 Bm7
O samba fez milagre reabriu meu coração
E7 A E7
Para a Portela entrar pela porta!

8 – Pizindim

E B7 E
Lá vem Portela com Pixinguinha em seu altar
C#7 F#m B7 E
E o altar da escola é samba que a gente faz e na rua vem cantar
Bm C#7 F#m Am
Portela, teu carinhoso reino é oração
E C#7 F#m B7 E B7
Pra falar de quem ficou como devoção em nosso coração
E F° F#m B7 E
Pizindim, Pizindim, Pizindim, é assim que a vovó Pixinguinha chamava
C#7 F#m B7 E
Menino bom na sua língua natal, menino bom que se tornou imortal
C#7 F#m B7 E C#7
E a roseira dá rosa em botão, Pixinguinha dá rosa canção
F#m B7 E E7
E a canção bonita é como a flor que tem perfume e cor
A Am E C#
E ele que era um poema de ternura e paz
F#m B7 E E7 BIS
Fez um buquê que não se esquece mais em rosas musicais

9 – Lencinho

Introdução: ( A )

A F#7 Bm
Aquele lencinho
E7 A
Que você deixou
D E7 A F#m
É um pedacinho
Bm E7 A E7
Da saudade que ficou (aquele lencinho)
A F#7 Bm
Aquele lencinho
E7 A
Que você deixou
D E7 A F#m
É um pedacinho
Bm E7 A A7
Da saudade que ficou
D E7
Era a felicidade
A F#m
Que acenava pra mim
Bm E7 A F#m
Hoje é bandeira da saudade
Bm E7 A
Banhada num pranto sem fim (vamos nós)
E7 A F#m Bm
Um lencinho não dá pra enxugar
E7
O rio de lágrimas
A
Que eu tenho pra chorar
F#7 Bm
Que nasce da saudade
E7 A
Que ficou no seu lugar
D A
Que nasce da saudade
E7 A
Que ficou no su lugar (outra vez)
E7 A F#m Bm
Um lencinho não dá pra enxugar
E7
O rio de lágrimas
A
Que eu tenho pra chorar
F#7 Bm
Que nasce da saudade
E7 A
Que ficou no seu lugar
D A
Que nasce da saudade
E7 A E7
Que ficou no su lugar (aquele lencinho)
A F#7 Bm
Aquele lencinho
E7 A
Que você deixou
D E7 A F#m
É um pedacinho
Bm A E7
Da saudade que ficou
A F#7 Bm
Aquele lencinho
E7 A
Que você deixou
D E7 A F#m
É um pedacinho
Bm E7 A A7
Da saudade que ficou (deixa pra mim, olha só)
D E7
Era a felicidade
A F#m
Que acenava pra mim
Bm E7 A F#m
Hoje é bandeira da saudade
Bm E7 A
Banhada num pranto sem fim
E7 A F#m Bm
Um lencinho não dá pra enxugar
E7
O rio de lágrimas
A
Que eu tenho pra chorar
F#7 Bm
Que nasce da saudade
E7 A
Que ficou no seu lugar
D A
Que nasce da saudade
E7 A
Que ficou no seu lugar (pianinho agora)
E7 A F#m Bm
Um lencinho não dá pra enxugar
E7
O rio de lágrimas
A
Que eu tenho pra chorar
F#7 Bm
Que nasce da saudade
E7 A
Que ficou no seu lugar
D A
Que nasce da saudade
E7 A
Que ficou no seu lugar.

10 – Samba do Grande Amor

D7M A(b13)/C# C7M


Tinha cá prá mim que agora sim
Am6/C F#m7/B Am6/C F#m7/B B7
Eu vivia enfim o grande amor, mentira
Em7/B Eb7M/Gb Em7/A
Me atirei assim de trampolim
A7(9b) D7M C7M
Fui até o fim, um amador, ôôôô
Dm7 C#º Db7M/Ab
Passava um verão a água e pão
F#m7/B B7 Am6/C B7 Am6/C B7
Dava o meu quinhão pro grande amor, mentira
Em7 Eb7M/Bb Em7/A
Eu botava a mão no fogo então
G7(9b) D7M C7M
Com meu coração de fiador, ôôôô
Am7 Ab7 Em7/A A7/C# C#º
Hoje eu tenho apenas uma pedra no meu pei------to
D7M A(b13)/C# Am6/C F#m7/B B7
Exijo respeito, não sou mais um sonhador
Em7 Gm6/Bb Am6/C G7(b13)
Chego a mudar de calçada quando aparece uma flor
E7(9) A7(13) D6 A7(b13)
E dou risada do grande amor, mentira
D7M A(b13)/C# C7M
Fui muito fiel, comprei anel
Am6/C F#m7/B Am6/C F#m7/B B7
Botei no papel o grande amor, mentira
Em7/B Eb7M/Gb Em7/A A7(9b) D7M C7M
Reservei hotel, sarapatel e lua de mel em Salvador, ôôôô
Dm7 C#º Db7M/Ab
Fui rezar na Sé prá São José
F#m7/B B7 Am6/C B7 Am6/C B7
Que eu levava fé no grande amor, mentira
Em7 Eb7M/Bb Em7/A
Fiz promessa até prá Oxumaré
G7(9b) D7M C7M
De subir a pé o Redentor, ôôôô

11 – Como é grande o meu amor

Intro: D D7M

Em A7
Eu tenho tanto pra lhe falar
D F#m
Mas com palavras não sei dizer
Em A7 D D7M 2x
Como é grande o meu amor por você
Em A7
E não há nada pra comparar
D F#m
Para poder lhe explicar
Em A7 D D7M 2x
Como é grande o meu amor por você
Em A7
Nem mesmo o céu, nem as estrelas
F#m Bm
Nem mesmo o mar e o infinito
Em A7
Não é maior que o meu amor
D7M B7
Nem mais bonito
Em A7
Me desespero a procurar
F#m Bm
Alguma forma de lhe falar
E E7 A7 (PARADO)
Como é grande o meu amor por você
G Gm
Nunca se esqueça nenhum segundo
F#m B7
Que eu tenho o amor maior do mundo
Em A7 D Bm
Como é grande o meu amor por você
G A7 D Gm D
Como é grande o meu amor por você
12 – Estrela de Madureira

A A7+ G F#
Brilhando um imenso cenário, num turbilhão de luz, de luz
Bm Bm7+ Bm7 E Bm7+ E A E
Surge a imagem daquela que o meu samba traduz
A C#m7 F# C#m7 F# C#m7 F# C#m7 F#7 Bm
Ah, estrela vai brilhan.....do, mil paetês salpican....do o chão de
poesia
Dm A F# Bm E A E
A vedete principal do subúrbio da central foi a pioneira
A C#m
E um trem de luxo parte
G F# Bm
Para exaltar a sua arte que encantou Madureira
Dm A G# G F# Bm
Mesmo com o palco apagado apoteose é o infinito
Dm E A
Continua a estrela brilhando no céu

13 – O que é? O que é?

Dm E7 Am Am/G
Eu fico com a pureza da resposta das criancas
F7 E7
É a vida ! É bonita e é bonita
A C#7 F#m F#m/E D E7
Viver e não ter a vergonha de ser feliz
Bm E7
Cantar, e cantar, e cantar
A
A beleza de ser um eterno aprendiz
E7 A
Ah, meu Deus ! Eu sei, eu sei ( Refrao )
A7 D
Que a vida devia ser bem melhor e será
Dm A F#7
Mas isso não impede que eu repita
Bm E7 A E7 BIS
É bonita, é bonita, e é bonita
Am A7 Dm
E a vida ? E a vida o que é, diga lá, meu irmão?
Bm5-/7 E7
Ela é a batida de um coração ?
Bm5-/7 E7 Am
Ela é uma doce ilusão ?
E7 Am A7 Dm
Mas e a vida ? Ela é maravilha ou é sofrimento ?
Bm5-/7 E7
Ela é alegria ou lamento ?
Bm5-/7 E7 Am A
O que é ? O que é, meu irmão ?
G7 C
Ha quem fale que a vida da gente é um nada no mundo
Bm5-/7 E7
É uma gota, no tempo
Em5-/7 A7
Que não dá um segundo
Dm Bm5-/7 Am
Há quem fale que é um divino misterio profundo
F F7 E7
É o sopro do Criador numa atitude repleta de amor
Bm5-/7 E7
Você diz que é luta e prazer
Am
Ele diz que a vida é viver
E7
Ela diz que o melhor é morrer
Em5-/7 A7
Poia amada não é, e o verbo e sofrer
Dm Bm5-/7
Eu so sei que confio na moça
Am
E na moça eu ponho a força da fé
F7
Somos nós que fazemos a vida
E7
Como der, ou puder, ou quiser
Bm5-/7 E7 Am Ab7 G7 C
Sempre desejada por mais que esteja errada
Bm5-/7 E7 Am B7 E7
Ninguém quer a morte, só saúde e sorte
Bm5-/7 E7 Am Ab7 G7 C A7
E a pergunta roda, e a cabeça agita
Dm E7 Am Am/G
Fico com a pureza das respostas das crianças
F7 E7
É a vida ! É bonita e é bonita !

14 – É (gonzaguinha)

C7M
É ...
a gente quer valer o nosso amor
Dm7
a gente quer valer nosso suor
a gente quer valer o nosso humor
Gm7
a gente quer do bom e do melhor
C7/9 Gm7
a gente quer carinho e atenção
C7/9 F7M
a gente quer calor no coraçao
F#m7
a gente quer suar mas de prazer
B7 E7M
a gente quer é ter muita saúde
Fm7 Bb7 Eb7
a gente quer viver a liberdade
Em7 A7 D7M
a gente quer viver felicidade
G7M
É ...
C7/9 D7M
a gente não tem cara de panaca
A#7 G7M
a gente não tem jeito de babaca
C7/9 F#m7
a gente não esta com a bunda ex posta na janela

pra passar a mão nela


Em7
É ...
A7 F#m7
a gente quer viver pleno direito
B7 E7M
a gente quer viver todo defeito
Em7 F#m7
a gente quer viver uma nação
Em7 F#m7
a gente quer e ser um cidadão
Em7 F#m7
a gente quer viver uma nação
Gm4/7 Gm7 Gm7 Gm7
É, é,é,é, é,é,é,é ,é...
C7M
É ...
a gente quer valer o nosso amor
Dm7
a gente quer valer nosso suor...
15 – Você não entende nada

Intro: E A E A

E A C#m B
Quando eu chego em casa nada me consola
E A E A
Você está sempre aflita
E A C#m F#m B7
Lágrimas nos olhos, de cortar cebola
E A E E7
Você é tão bonita
A D E
Você traz a coca-cola eu tomo
A D
Você bota a mesa, eu como, eu como
G#m C#7 F#m
Eu como, eu como, eu como
C7 B7 E
Você não está entendendo
A C#m F#m B7/5+
Quase nada do que eu digo
E A C#m
Eu quero ir-me embora
F#m B7 E E7
Eu quero é dar o fora
A B7 E E7
E quero que você venha comigo
A B7 E B7
E quero que você venha comigo
E A C#m F#m B7/5+
Eu me sento, eu fumo, eu como, eu não aguento
E A C#m F#m B7/5+
Você está tão curtida
E A C#m F#m B7/5+
Eu quero tocar fogo neste apartamento
E A E E7
Você não acredita
A D E
Traz meu café com suita eu tomo
E7 A D
Bota a sobremesa eu como, eu como
G#m C#7 F#m
Eu como, eu como, eu como
B7/5+ A C#m
Você tem que saber que eu quero correr mundo
F#m B7/5+
Correr perigo
E A C#m
Eu quero é ir-me embora
F#m B7 E E7
Eu quero dar o fora
A B7 E E7
E quero que você venha comigo
A B7 E E7
E quero que você venha comigo
A B7 E E7
E quero que você venha comigo
A B7 E E7
E quero que você venha comigo
A B7 E E7
E quero que você venha comigo

16 – Cotidiano

Introdução: Bbº

C#dim Gm7
Todo dia ela faz tudo sempre igual
F7
Me sacode às seis horas da manhã
Eb7/Bb
Me sorri um sorriso pontual
D7/A Bbdim
E me beija com a boca de hortelã

C#dim Gm7
Todo dia ela diz que é pra eu me cuidar
F7
E essas coisas que diz toda mulher
Eb7/Bb
Diz que está me esperando pro jantar
D7/A Bbdim
E me beija com a boca de café

C#dim Gm7
Todo dia eu só penso em poder parar
F7
Meio dia eu só penso em dizer não
Eb7/Bb
Depois penso na vida pra levar
D7/A Bbdim
E me calo com a boca de feijão
C#dim Gm7
Seis da tarde, como era de se esperar
Am7(b5)
Ela pega e me espera no portão

Diz que está muito louca pra beijar


F#dim
E me beija com a boca de paixão

Bbdim Gm7
Toda noite ela diz pra eu não me afastar
F7
Meia-noite ela jura eterno amor
Eb7/Bb
Me aperta pra eu quase sufocar
D7/A Bbdim
E me morde com a boca de pavor

17 – Amantes

Intro: B B7+ B B7+

B
Vou caminhando nas ruas
B7+ B B7+
Pensando em você
B
Nesses momentos
B7+ C#m
Que a gente consegue se ver
F#
Você me diz
C#m
Que o seu casamento vai mal
F# C#m F#
Por isso trai, já não quer mais
B F#7
Mas não se vai
B B7+
Eu me pergunto, afinal
B B7+
O que sou pra você
B
Simples amante
F#m B7 E
Ou nada além de um prazer!

Você se entrega pra mim
B7+ G#m
Com hora certa do fim
C#m
Depois me diz
F#7 B
"Até amanhã" e vai

G#m C#m
Eu queria ser bem mais
F# B B7+ G#m
Que amante
C#m
Quero ter você
F#7 B B7+
O tempo todo
G#m C#m
Eu queria ser bem mais
F#7 B B7+ G#m
Que amante
C#m
Quero ter você
F# E G
Aqui
C
Eu conto as horas
C7+ C C7+
Que faltam para o dia que vem
C
Não quero mais
C7+ Dm
Dividir esse amor com ninguém
G
Fico pensando
Dm
No que você possa dizer
G
Se já contou
Dm G
Se ele notou
C G
Ou nem quis saber
C
Como machuca o peito
A dor de esperar
Quero te amar
Gm
Simplesmente
C7 F
Poder te abraçar

Quero você só pra mim
C7+ Am
Sem hora certa do fim
Dm
Não quero ouvir
G7
Você dizer mais
C
Adeus
Am Dm
Eu queria ser bem mais
G7 C C7+ Am
Que amante
Dm
Quero ter você
G7 C C7+
O tempo todo
Am Dm
Eu queria ser bem mais
G7 C C7+ Am
Que amante
Dm
Quero ter você
G7 C
Aqui.....

18 – Samba do Avião

Amaj7 Cº Bm7 Cº Dbm7 Dº Dmaj7 Dm6 Dbm7 Cº


Em7 F#7/5+
Mi- nha alma can- ta, Vejo o Rio de Janeiro, Estou
morrendo de saudade
B7/6 B7/5+ Bm7 E7/9-
Rio, teu mar, praias sem fim, Rio, você foi feito pra mim
Amaj7 Cº Bm7 Cº Dbm7 Dº Dmaj7
Cristo Redentor, Braços abertos sobre a Guanabara
D6/9 Dm6 Dbm7 Cº Bm7 G#º
Dbm7 F#7/5+ Bm7 E7/9-
Este samba é só porque, Rio, eu gosto de você, A morena vai
sambar, Seu corpo to- do balançar
Em7 F#7/5+ Bm9
Bm7 F#7/5+ F7/5+
Rio de sol, de céu, de mar, Dentro de mais um minuto estaremos
no Galeão
Bmaj7 Dbº Cm7 Dbº Dm7 Ebº Ebmaj7
Cristo Redentor, Braços abertos sobre a Guanabara
Eb6/9 Ebm6 Dm7 Dbº Cm7 Aº
Dm7 G7/5+ Cm7 F7/9-
Este samba é só porque, Rio, eu gosto de você, A morena vai
sambar, Seu corpo to- do balançar
Fm7 G7/5+ Cm9
Aperte o cinto, vamos chegar, Água brilhando, olha a pista
chegando, E vamos nós,
F#7/5+ F7/5+ B6/9
A- te- rrar

19 – Nó na madeira

Introdução: C7+ A7/9- Dm7/9 G7 C7M Dm7 G7 Em7 A7/9-

Dm7/9
Eu sou é madeira
G7/13 C7+
Em samba de roda já dei muito nó
Em7 Ebº Dm7
Em roda de samba sou considerado
G7/13 C7+ A7/9-
De chinelo novo brinquei carnaval, carnaval
Dm7/9
Sou é madeira
G7/13 C7+ Em7
Meu peito é do povo, do samba e da gente
A7/9- Dm7/9
E dou meu recado de coração quente
G7/13 C7+ A7/9-
Não ligo à tristeza, não furo, eu sou gente
Dm7/9
Sou é madeira
G7/13 C7+
Trabalho é besteira, o negócio é sambar
Em7 Ebº Dm7
Que samba é ciência e com consciência
G7/13 Gm7 C7/9
Só ter paciência que eu chego até lá
F/A
Sou nó na madeira
Bb7/9 C7+
Lenha na fogueira que já vai pegar
A7/9- D7/9
Se é fogo que fica ninguém mais apaga
G7/13 C7+ Gm7
É a paga da praga que eu vou te rogar (devagar)
C7/9 F/A
Sou nó na madeira
Bb7/9 C7+
Lenha na fogueira que já vai pegar
A7/9- D7/9
Se é fogo que fica ninguém mais apaga
G7/13 C7+
É a paga da praga que eu vou te rogar

20 – Maria Rita de Moreira da Silva

Intro: Em Gm Gbm7(b5) Bm Em G(9)

D(9)
Por onde andará?

A(9) Bm7
Por onde andará Maria Rita que andava gingando com laço de fita

Am Gbm D7M
Por quem tenho grande admiração

A7(9) B7
É que eu preciso saber onde anda essa pequena
E A7M Am7 B7
Dos olhos redondos e da pele morena que é para acalmar meu coração

F7M Bm7 F7M


Agora eu chego no samba o meu peito se agita porque sente falta de Maria Rita
Cabrocha bonita, corpo escultural

A7M D
Por isso eu preciso saber qual o seu paradeiro

A(9) Gm D
Bem antes que chegue o mês de fevereiro sem ela pra mim não vai ter carnaval

A(9)
Por onde andará?

A7M Bm7 F7M A(9)


Por onde andará Maria Rita que andava gingando com laço de fita
Por quem tenho grande admiração

A(9) Am7(b5) Bb7M


É que eu preciso saber onde anda essa pequena

G7(9) Am Gbm
Dos olhos redondos e da pele morena que é para acalmar meu coração

Bm7 A7M Bm7(b5) A G(9) F7M


Agora eu chego no samba o meu peito se agita porque sente falta de Maria Rita
Cabrocha bonita, corpo escultural

A7(9) D
Por isso eu preciso saber qual o seu paradeiro
A(9) Gm
Bem antes que chegue o mês de fevereiro sem ela pra mim não vai ter carnaval

21 – Triste Madrugada

Tom: G

G E7 Am
Triste madrugada foi aquela
D7 G D7
Que eu perdi meu violão
G E7 Am
Não fiz serenata pra ela
D7 G
E nem cantei uma linda canção
Am D7 G E7
Uma canção para quem se ama
Am D7 G E7
E sai do coração dizendo assim
Am
Abre a janela amor
D7 G E7
Abre a janela
Am D7 G
Dê um sorriso e jogue uma flor para mim
E7
Cantando assim
Am D7 G E7
Lalaia laia laia laia
Am D7 G
Laia laia lalaia
Am D7 G E7
Lalaia laia laia laia
Am D7 G
Laia laia lalaia

22 – Tristeza

Introdução: E

E C#7 F#m
Tristeza, por favor vá embora
B7 E B7
Minha alma que chora está vendo o meu fim
E C#7 F#m
Tristeza, por favor vá embora
B7 E E7
Minha alma que chora está vendo o meu fim

A Am
Fez do meu coração a sua moradia
E D# D C#7
Já é demais o meu penar
F#m
Quero voltar àquela vida de alegria
B7 E
Quero de novo cantar

23 – Gatinha Manhosa

Introdução: B G#m B G#m B G#m F#7

B G#m
Meu bem já não precisa
E F#7
Falar comigo dengosa assim
B G#m
Briga para depois
E F#7
Ganhar mil carinhos de mim
F#m B7
Se eu aumento a voz
E Em
Você faz beicinho e chora baixinho
D#m G#m
E diz que a emoção
C#m Em
Doí seu coração
B G#m
Já não acredito
E F#7
Se você chora dizendo me amar
B G#m
Eu sei que na verdade
E F#7
Carinhos você quer ganhar
F#m B7
Um dia gatinha manhosa
E Em
Eu prendo você no meu coração
D#m G#m
Quero ver você
C#m Em
Fazer manha então
D#m G#m
Presa no meu coração
C#m C B G#m B G#m B G#m F#7
Quero ver você, ê
F#m B7
Um dia gatinha manhosa
E Em
Eu prendo você no meu coração
D#m G#m
Quero ver você
C#m Em
Fazer manha então
D#m G#m
Presa no meu coração
C#m C B G#m B G#m B G#m F#7
Quero ver você, ê

24 – Vem chegando a madrugada

G Am
Vem chegando a madrugada, ôi
D7 G
O sereno vem caindo - bis

E7 Am D7
Cai, cai, sereno devagar
G
O meu amor está dormindo - bis

E7 Am
Deixa dormir em paz
D7 G
Uma noite não é nada

E7 Am
Não acorde o meu amor
D7 G
Sereno da madrugada!

25 – Atire a primeira pedra

D G/A D
Covarde eu sei me que podem chamar
B7 Em
Porque não calo no peito esta dor
A7
Atire a primeira pedra ai,ai,ai
Em7 A7 D
Aquele que não sofreu por amor
A7 D
Eu sei que vão censurar o meu proceder
F#7
Eu sei, mulher
Bm
Que você mesma vai dizer
G D
Que eu voltei pra me humilhar
E7
É, mas não faz mal
Em A7
Você pode até sorrir
Em A7 D
Perdão foi feito pra gente pedir
Em A7 D
Perdão foi feito pra gente pedir
26 – Leva meu samba

G D7 G G7 Gb7 F7
Leva meu samba
E7 Am
Meu mensageiro
B7 Em A7
Este recado
D7 G7
Para o meu amor
primeiro
C
Vai dizer que ela é
Cm6 G/B E7
A razão dos meus ais
A7 D7 G D7
Não não posso mais

G B7 Em
Eu que pensava que podia te esquecer
B7 Em
Mas qual o que aumentou o meu sofrer
G7 C C#º G/D
Falou mais alto no meu peito uma saudade
G D7 G G7
E para o caso não há força de vontade

C C#º G/D E7
Aquele samba foi pra ver se comovia o teu coração
A7 D7 G
Onde eu dizia Vim buscar o meu perdão

27 – Levante, sacode a poeira

Am7 Em7
Lá, laia, laia, laia, laia, laia, laia, laia, laia, laia, laia, laia,
C7 B7 Em7 E7
Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima

Em7 B7/D#
Chorei, ah eu chorei,
Em7
não procurei esconder
E7 Bm7/5-
Todos viram, Fingiram
E7 Am7
Pena de mim não precisava
D7
Ali onde eu chorei
G7+ C7+
Qualquer um chorava
F#m7/5- B7
Dar a volta por cima que eu dei
Em7
Quero ver quem dava
F#m7/5- B7 Em7
Um homem de moral não fica no chão
Bm7/5- E7
Nem quer que mulher
Am7
Lhe venha dar a mão

Em/D Am7 Bbº Em7


Reconhece a queda e não desanima
C7 B7
Levanta, sacode a poeira
Em7
E dá a volta por cima (2x)

28 – Brasil Pandeiro

Intro.: G7 / / C7M C#° / Dm7 G/B / Em7(b5) A7 / Dm7 G7 /

C7M C#° Dm7 G7 C7M(9) /


Chegou a hora dessa gente bronzeada mostrar seu valor
Gm7 C7(9) F7M /
Eu fui na Penha, fui pedir ao padroeiro para me ajudar
G#° G7 Dm7 G7
Salve o Morro do Vintém, pendura a saia eu quero ver
Dm7 G7 Dm7 G7 C7M G7 /
Eu quero ver o Tio Sam tocar pandeiro para o mundo sambar

C7M C#° Dm7 G7 C7M(9) /


O Tio Sam está querendo conhecer a nossa batucada
Gm7 C7(9) F7M /
Anda dizendo que o molho da baiana melhorou seu prato
G#° G7 Dm7 G7 /
Vai entrar no cuzcuz, acarajé e abará
Dm7 G7 Dm7 G7 C7M C#° /
Na Casa Branca já dançou a batucada de ioiô, iaiá

Dm7 G/B Em7(b5) A7 Dm7


Brasil, esquentai vossos pandeiros iluminai os terreiros
G7 C7M C#° Dm7 G/B Em7(b5)
Que nós queremos sambar há quem sambe diferente
A7 Dm7 G7 C7M C#° /
Noutras terras, noutra gente num batuque de matar
Dm7 G/B Em7(b5) A7
Batucada, batucada, reunir nossos valores as historinhas
Dm7 G7 C7M C#°
E cantores expressão que não tem par, ó meu Brasil

Dm7 G/B Em7(b5) A7


Brasil, esquentai vossos pandeiros
iluminai
Dm7 G7 Gm7 C7(9) /
Os terreiros que nós queremos sambar
F7M Bb7(9) Em7(b5) A7
Brasil, esquentai vossos pandeiros iluminai
Dm7 G7 C7M
Os terreiros que nós queremos sambar

29 – O neguinho e a senhorita

E
O Neguinho gostou da filha da Madame
C#7 F#m
Que nós tratamos de sinhá
B7
Senhorita também gostou do Neguinho
Mas o Neguinho não tem dinheiro pra
E
Gastar
C#7
A Madame tem preconceito de cor
F#m
Não pôde evitar esse amor
A B7 E
Senhorita foi morar lá na Colina
F#m B7 E
Com o Neguinho que é compósito
A B7 E
Senhorita foi morar lá na Colina
F#m B7 E
Com o Neguinho que é compósito
O Neguinho gostou da filha da Madame
C#7 F#m
Que nós tratamos de sinhá
B7
Senhorita também gostou do Neguinho
Mas o Neguinho não tem dinheiro pra
E
Gastar
C#7
A Madame tem preconceito de cor
F#m
Não pôde evitar esse amor
A B7 E
Senhorita foi morar lá na Colina
F#m B7 E
Com o Neguinho que é compósito
A B7 E
Senhorita foi morar lá na Colina
F#m B7 E
Com o Neguinho que é compósito
F#m B7 E
Senhorita ficou com nome na história
G# C#m
E agora é a rainha da escola
A Am
Gostou do samba e hoje vive muito
E
Bem
F#m B7 E
Ela devia nascer pobre também
A Am
Gostou do samba e hoje vive muito
E
Bem
F#m B7 E
Ela devia nascer pobre também

30 – Um dia (Nelson Gonçalves)

Em E7 Am
Um dia você vai pensar direito
Am/G Am6
E vai procurar um jeito
B7 Em Gb7 B7
Para me pedir per dão
Em E7 Am
É bem melhor, você, pensar agora
Am6 B7
Antes de chegar a hora
Em Dm6 E7
De uma separação
Bb Em
Eu já derramei um rio de lágrimas
C7+ Am6
Muitas vezes chorei minhas mágoas
B7 Dm6 E7
Só porque eu, te amo de mais
Am D7
Olha amor dediquei a voce
G C7+
Minha vida inteirinha

Do meu sonho de amor


F B7
Fiz você a rainha
Dm6 E7
E você vem falando em separação, meu amor
Am D7
Olha amor antes que seja tarde
G C7+
O arrependimento
Eu não quero ouvir mil desculpas
F B7
Lamento

Porque tudo que eu fiz


Em
Foi pra ti ver feliz

31 – Dona da minha Sina

(intro) F Gm7 Am7 D7 Gm7 C7 F C7 F

F Gm7 Am7 D7
Não me lembro mais do rosto daquela mina
Gm7 C7 F C7
Não me lembro mais.....não me lembro mais, não
F Gm7 Am7 D7
Ela ia ser a dona da minha sina
Gm7 C7 F C7
Onde andará...meu Deus aquela menina

F D7 Gm7 D7
Gm7 D7
Uma vaga lembrança, que usava trança e um laço de
fita....aaa...aaaa...aaaa
Gm7 C7 F C7
Jeitinho dengoso, beijinho gostoso que dava saudade
F D7 Gm7 D7 Gm7
D7
Uma princesa com muita certeza no dia do amanhã ... aããã ....
ãããã ...ããã
Gm7 C7
Não lembro seu rosto, tão pouco seus olhos
F C7
Pro meu desgosto

F Gm7 Am7 D7
Não me lembro mais do rosto daquela mina
Gm7 C7 F C7
Não me lembro mais.....não me lembro mais, não
F Gm7 Am7 D7
Ela ia ser a dona da minha sina
Gm7 C7 F C7
Onde andará...meu Deus aquela menina

F
Simpatia, promessa
D7 Gm7 D7 Gm7 D7
Oferendas a beça e um monte de juras ....aaa...aaaa...aaaa
Gm7 C7 F C7
Soubesse do preço, tomava endereço para não sofrer
F D7 Gm7 D7 Gm7
D7
Na força do tempo do meu pensamento, também do amor.
oooo....oooo..ooooor
Gm7 C7 F
Tenho a esperança que minha lembrança devolva seu rosto

F Gm7 Am7 D7
Não me lembro mais do rosto daquela mina
Gm7 C7 F C7
Não me lembro mais.....não me lembro mais, não
F Gm7 Am7 D7
Ela ia ser a dona da minha sina
Gm7 C7 F C7
Onde andará...meu Deus aquela menina

32 – Laranja Madura
Dm
Você diz A7
Que me dá casa e comida
Dm
Boa vida e dinheiro pra gastar
A7 Dm
O que é que há minha gente
Am
O que é que há
E7
Tanta bondade
A7 D7
Que me faz desconfiar

Gm
Laranja madura
C7 F Bb7
Na beira da estrada
A7
Tá bichada, Zé
Dm7
Ou tem marimbondo no pé

A7
Santo que vê muita esmola
Dm
Na sua sacola

Desconfia
A7 Dm
E não faz milagres, não
A7
Gosto da Maria Rosa
Dm
Quem me dá prosa

É Rosa Maria
A7 Dm7
Vejam só que confusão

33 – Poxa

Em Am
Poxa, como foi bacana te encontrar de novo
Am/F#
Curtindo um samba junto do meu povo
B7/9- E- E7
Você não sabe como eu acho bom
A- D G
Eu te falei que você não ficava nem uma semana
C Am/F#
Longe desse poeta que tanto te ama
B7 E- E7
Longe da batucada e do meu amor
Am D G
Poxa, por que você não pára pra pensar um pouco
C Am/F#
Não vê que é motivo de um poeta louco
B7/9- Bm7/5- E7
Que quer o teu amor pra te fazer canção
Am D G
Poxa, não entre nessa de mudar de assunto
C Am/F#
Não vê como é gostoso a gente ficar junto
B7/9- Bm7/5-
Mulher, o teu lugar é no meu coração
E7 Am/F# B7/9- Em
Poxa, pra ter o teu amor e te fazer canção
Bm7/5- G7 Am
Poxa, mulher, o teu lugar é no meu coração

34 – Tiro ao Álvaro

Bb G7
De tanto levar
Cm
"frechada" do teu olhar
F7
meu peito até
Bb Bb7
parece sabe o que
Eb
"táubua"
Ebm Bb
de tiro ao "alvaro"
Cm
não tem mais
F7 Bb
onde furar, não tem mais

(REPETE 1ª PARTE)

Cm
Teu olhar mata mais
F7 Bb
que bala de carabina
Gm Cm
que veneno estricnina
F7 Bb Bb7
que peixeira de baiano
Eb
Teu olhar
Cm Bb
mata mais que atropelamento
Gm
de "automóver"
Cm
mata mais
F7 Bb
que bala de "revórver"
35 – Ultimo Desejo

Intro: Fm Cm C# G7 Cm

Fm
Nosso amor que eu não esqueço
G7 Dm5-/7 G7 Cm G#7 G
E que teve o seu começo numa festa de São João
A# G#
Morre hoje sem foguete, sem retrato e sem bilhete
G7 C7
Sem luar, sem violão
Fm
Perto de você me calo
G7 C7
Tudo penso e nada falo, tenho medo de chorar
Fm Cm
Nunca mais quero o seu beijo
C# G7 C Am7 Dm7 G7 C
Mas meu último desejo você não pode negar
D7/9 G7
Se alguma pessoa amiga pedir que você lhe diga
Cm G
Se você me quer ou não
Cm A# G#
Diga que você me adora, que você lamenta e chora
G7 C
A nossa separação
Am7 D7
Às pessoas que eu detesto
G G7 C C7
Diga sempre que eu não presto, que meu lar é o botequim
Fm C Am7
E que eu arruinei sua vida
D7/9 G7 G# Fm7 C
Que eu não mereço a comida que você pagou pra mim

36 – Cabelos Brancos

Gm Am5- D7/9- Gm
Não falem desta mulher perto de mim
Cm7 F7 Bb7+
Não falem prá não aumentar minha dor
Am5- D7/9- Gm
Já fui moço, já gozei a mocidade
A7 D#7 D7
Se me lembro dela me dá sauda__de
Cm7 F7 Bb7+
Por ela vivo aos trancos e barrancos
Am5- D7/9- Gm
Respeitem ao menos os meus cabelos brancos.
Am5- D7/9- Gm
Ninguém viveu a vida que eu vivi
Cm7 F7 Bb7+
Ninguem sofreu na vida o que eu sofri
Am5- D7/9- Gm
As lágrimas sentidas, o meu sorriso franco
A7 D#7 D7
Refletem-se hoje em dia nos meus cabelos brancos
Cm7 F7 Bb7+
E agora em homenagem ao meu fim.
Am5- D7/9- Gm
Não falem dessa mulher perto de mim

37 – Na aldeia

Na aldeia,ô... na aldeia
Quero ver o teu vestido arrastando-se na areia
Ô... na aldeia, na aldeia
Quero ver o seu vestido arrastando-se na areia

Morena, meu doce encanto, pra matar minha saudade


Quero te ver bem distante do barulho da cidade
Quero que a vida nos seja de ventura e sempre cheia
Do seu vestido de renda arrastando-se na areia

38 – Gostava tanto de você

Intro: (A A7+)

A7+ Bm7
Nem sei porque você se foi
C#m7
Quantas saudades eu senti
Bm7
E de tristeza vou viver
A7+
E aquele adeus não pude dar
Bm7
Você marcou em minha vida
C#m7
Viveu, morreu na minha história
Bm7
Chego a ter medo do futuro
A7+ Bm7
E da solidão que em minha porta bate

A7+ Bm7
E eu
C#m7
Gostava tanto de você
Bm7 A7+
Gostava tanto de você

Bm7
Eu corro, fujo dessa sombra
C#m7
Em sonho vejo este passado
Bm7
E na parede do meu quarto
A7+
Ainda está o seu retrato
Bm7
Não quero ver pra não lembrar
C#m7
Pensei até em me mudar
Bm7
Lugar qualquer que não exista
A7+
O pensamento em você...

Refrão

39 – Gostoso Veneno

Em A7 D7M G7M C F#7 Am7 B7

Lá lairá lairá lairá lá laia laia

Em A7 D7 G7 C F#7 Bm C F#7

Lá lairá lairá lairá lá laia

Bm A7

Esse amor me envenena

G7 F#7
Mas todo amor sempre vale a pena

Bm Bm7 C#7

Desfalecer do prazer morrer de dor

Em F#7 Bm

Tanto faz eu quero é mais amor

A7 D7M

Agua da fonte bebida na palma da mao

F#7 Bm B7

Rosas se abrindo se despetalando no chão

Em A7 D7M G7M C F#7

Quem não viu e nem provou não viveu

Am7 B7 Em F#7

Nunca amou se a vida é curta

Bm

E o mundo é pequeno

G7 C

Vou vivendo e morrendo de amor

F#7 Bm

Ai gostoso veneno

40 – Conto de areia

C6/9 F6 G7 C6/9
É água no mar, é maré cheia ô, mareia ô mareia, é água no mar
C6/9 F6 G7 C6/9
É água no mar é maré cheia ô mareia ô mareia
A7 Dm
Contam que toda tristeza que tem na Bahia
G7 C6/9
Nasceu de uns olhos morenos molhados de mar
A7 Dm
Não sei se é conto de areia ou se é fantasia
G7 C6/9
Que a luz da candeia alumia pra gente contar
A7 Dm
Um dia a morena enfeitada de rosas e rendas
G7 C6/9
Abriu seu sorriso de moça e pediu pra dançar
A7 Dm
A noite emprestou as estrelas bordadas de prata
G7 C6/9
E as águas de Amaralina eram gotas de luar
A7/9- Dm
Era um peito só cheio de promessa era só
G7 C6/9
Era um peito só cheio de promessa era só

42 – Aperto de mão

Aquele aperto de mão


Não foi adeus
A nossa separação não convenceu
Sim, seja tudo pelo amor de Deus
Você quer voltar
Eu gostei porque
Já estava louca pra ver você

Sei que vão falar mal


Por eu não cumprir uma jura que fiz
Antes de partir
Nessa história de amor
Todos são iguais
Até rei, volta a sua palavra atrás
Confesso que não podia mais.

42 - Disse-me-disse

Carlos Galhardo
Composição: Pedro Caetano e Claudionor Cruz
Chega, eu já sei o que vens me dizer
Chega, eu não quero saber
Se ela é falsa, deixa a tristeza comigo
Quem fala dela não pode ser meu amigo
Disse-me-disse é sempre uma fonte de dor
Acreditar em tolices é matar um amor
Sou feliz, muito feliz, porque não ligo
Quem fala dela não pode ser meu amigo.

43 – Jogo de Azar

Fm Bbm
Vou te contar das andanças que eu vivi
D# G# Gm Fm
Foram somente cair na desilusão
Fm D# C#
Me machuquei apanhei me perdi rolei insisti
C7
Como se a vida me tivesse dito nao
Fm Bbm
E nesse jogo de azar que arranjei cai
D# D#m F
Só consegui desventura encontrar
F Bbm D# G# Fm
Nunca pensei perder assim, pois afinal sou de ganhar
Bbm C7 Cm F
Tudo na vida tem um fim, ja aprendi que e bom voltar
Bbm D# G# Fm
Por isso hoje estou aqui, e desta vez nao vou deixar
Bbm C7 F , D, Gm , C7
Que o nosso amor nos diga não por isso vem
F C Cm
Vem, quero mudar o jogo te abraçar de novo
F Bb
E reviver em nos esse amor
Bbm Am7 D7
Vem quero sentir a sua presença outra vez
G7 Gm
E outra vez quero estar com voce
C7
Por isso vem
F C Cm
Vem, quero mudar o jogo te abraçar de novo
Bb
E reviver em nos esse amor
Bbm Am7 D7
Vem quero sentir a sua presença outra vez
G7 C7 F D
E outra vez te amar
Gm C7 F D
E outra vez te amar
Gm C7 F
E outra vez te amar

44 – Fé em Deus

Am Am7/G F6 E7/9
A luta está difícil, mas não posso desistir
Am Am7/G F6 E7/9
Depois da tempestade, flores voltam a surgir
Am D7/9 Gm
Mas quando a tempestade demora a passar
C7/9 F7+
E a vida até parece fora do lugar
F6
Não perca a fé em Deus
Bm7/5- E7 A7+
Fé em Deus que tudo irá se acertar
F7+ G7+ A7+
**Pois o sol de um novo dia vai brilhar
C#m7/5- F#7 Bm
E essa luz vai refletir na nossa estrada
E7/9 A7+
Clareando de uma vez a caminhada
C#m7/5- F#7 Bm7
Que nos levará direto ao apogeu
Cm7 Bm7
Tenha fé
E7/9 A7+ Em7 A7
Nunca perca a fé em Deus
D7/9+
Pra quem acha que a vida não tem esperança
E7/9 A7+
Fé em Deus
A7 D7/9+
Pra quem estende a mão e ajuda a criança
E7/9 A7+
Fé em Deus
C#m7/5-
Pra quem acha que o mundo acabou
F#7
Pra quem não encontrou o amor
Bm7 Cm7
Tenha fé, vai na fé
Bm7 E7/9 A7+
Nunca perca a fé em Deus
A7 D7/9+
Pra quem sempre sofreu e hoje em dia é feliz
E7/9 A7+
Fé em Deus
A7 D7/9+
Pra quem não alcançou tudo que sempre quis
E7/9 A7+
Fé em Deus
C#m7/5-
Pra quem ama, respeita e crê
F#7
E pra aquele que paga pra ver
Bm7 Cm7
Tenha fé, vai na fé
Bm7 D7/9 A7+ A6 Bm7/5- E7/9
Nunca perca a fé em Deus

Am Am7/G F6 E7/9
Aquilo não mata só nos faz fortalecer
Am Am7/G F6 E7/9
Vivendo eu aprendi que é só fazer por merecer
Am D7/9 Gm
E passo a passo, um dia a gente chega lá
C7/9 F7+
Pois não existe mau que não possa acabar
F6
Não perca a fé em Deus
Bm7/5- E7/9 A7+
Fé em Deus que tudo irá se acertar Volta no **

Centres d'intérêt liés