Vous êtes sur la page 1sur 13
ESTATUTO DA COMISSÃO DE FORMATURA DAS TURMAS QUE IRÃO SE FORMAR EM DEZEMBRO DE 2010 DA FACULDADE UNIBAN DA DENOMINAÇÃO, FINALIDADE, SEDE E DURAÇÃO Clausula 01. Sob a denominação de “Comissão de Formatura dos Cursos de Direito, Administração e Contabilidade 2010/2”, doravante neste estatuto denominada em alguns momentos somente por Comissão de Formatura 2010/2, é constituída uma associação civil, sem fins lucrativos, que será regida pelo presente estatuto; §1º. A Comissão de Formatura 2010/2 tem a sede na Rua Luiz Fagundes, nº 1680, CEP 881060000 – Picadas do Sul – São José - Santa Catarina; §2º. Toda ação efetuada em nome desta Associação e de conformidade com suas cláusulas, provém do poder delegado pelos estudantes e em seu nome será exercido; §3º. A integração de todas as Sub Comissões, que a turma terá o direito de formar, constituirá a “Comissão de Formatura”, que representará todas as decisões dos associados e Sub Comissões; §4º. A Comissão de Formatura 2010/2 tem por finalidade representar e atender o interesse dos alunos devidamente associados pelo Termo de Adesão anexa a este Estatuto. §5º. Para a realização de seus fins poderá a Comissão de Formatura 2010/2 celebrar contratos e convênios com órgãos públicos e entidades privadas, nacionais e estrangeiras, sempre respeitando as cláusulas presentes neste Estatuto; §6º. A comissão de formatura poderá incluir outra(s) turma(s) de graduando(s) de outro(s) curso(s) da Faculdade IES que terão que aderir a este Estatuto, inclusão esta, que deverá ser aprovada pela maioria absoluta dos membros da Comissão de Formatura 2010/2. Clausula 02. A vigência desta associação iniciará em Data e encerrará com o término das solenidades previstas e a prestação de contas com todos os associados, em até 60 (sessenta) dias após as solenidades. Clausula 03. Os associados e a comissão de formatura em hipótese alguma responderão pessoalmente pelas obrigações assumidas pela Comissão de Formatura 2010/2, salvo se causar dano ao patrimônio ou usar de má-fé. DA COMISSÃO DE FORMATURA Clausula 04. A Comissão Geral terá por finalidade organizar as solenidades de formatura e realizar todos os procedimentos necessários à organização das festividades relativas à comemoração de formatura do(s) curso(s). Clausula 05. A escolha dos integrantes da comissão de formatura deve ser por meio de lista de voluntários. §1º. Poderá, qualquer Associado até o término da vigência deste estatuto aderir à Comissão de Formatura. §2º. Para ser aceito na comissão, o associado deverá ter aprovação da maioria simples dos Associados. Clausula 06. Nenhum membro da Comissão de Formatura será remunerado para o desempenho de suas atividades. Clausula 07. Todo o dinheiro arrecadado deverá ser gerenciado pela Comissão e apresentado semestralmente um balanço contábil. I – O montante apurado somente poderá ser aplicado nos preparativos ou no próprio evento de formatura, conforme as estatuídas na cláusula 18. DOS ASSOCIADOS Clausula 08. Serão considerados associados todos aqueles que assinarem o termo de adesão, conforme o artigo 55. § 1º. Os associados devem preencher uma ficha cadastral, constando de nome, endereço, CEP, turma, telefone, local de trabalho, telefone comercial, telefone celular, RG, CPF e e-mail e demais informações. § 2º. Ocorrendo mudança nos dados cadastrais, é de responsabilidade exclusiva do associado avisar imediatamente à Comissão de Formatura. § 3º. Podem vir a ser admitidos novos sócios, sem aprovação da Assembléia, se for aluno transferido de outro curso ou Instituição, para a turma que esteja sob as diretrizes deste estatuto. Quaisquer divergências deverão ser resolvidas em Assembléia Geral. Clausula 09. É obrigatório aos associados à formação de um Conselho Fiscal, para fins de fiscalização do dinheiro arrecadado, composto de associados eleitos em assembléia geral. Sua composição está definida neste estatuto. Clausula 10. Todos os associados participarão da venda de rifas, bilhetes, convites ou qualquer outro tipo de arrecadação monetária, arcando com o valor das mesmas caso não consiga liquidálas em tempo hábil. § 1º. A realização, criação de tais eventos fica a cargo da Comissão de Formatura, com aprovação em assembléia geral. § 2º. O associado que não quitar as rifas, bilhetes, convites ou qualquer outro tipo de arrecadação monetária no prazo estipulado em Assembléia Geral, o valor será convertido em dívida deste associado para com a esta associação. Clausula 11. Todos os associados respondem subsidiariamente pelas obrigações sociais contraídas pelos Membros da Comissão de Formatura, proporcional à sua participação no patrimônio financeiro da Associação. Clausula 12. São deveres dos sócios: I – Cumprir o presente estatuto; II – Cumprir as decisões da comissão de formatura; III – Pagar as contribuições e taxas estipuladas, dentro do prazo estabelecido; IV – Comparecer às Assembléias Gerais. Clausula 13. São direitos dos sócios: I – Votar e ser votado, de acordo com o disposto no presente estatuto; II – Ter acesso aos livros e demais documentos da associação; Parágrafo Único: Os sócios não exercerão os seus direitos se estiverem com quaisquer mensalidades atrasadas e não regularizadas. DO CONSELHO FISCAL Parágrafo Único: O Conselho Fiscal deverá ser eleito mediante Assembléia Geral. Clausula 14. Compete ao Conselho Fiscal. I - Examinar a qualquer tempo todos os atos da Comissão de Formatura, verificando todos os livros e documentos da comissão. II- Reunir-se 01 vez por mês para conferir e lavrar os balanços e todos os documentos da Comissão de Formatura. III- Convocar assembléia geral quando julgar pertinente. DAS SOLENIDADES Clausula 15. Constarão das solenidades os seguintes eventos. I II III IV V – – – – – Impressão gráfica dos convites. Celebração ecumênica. Colação de grau. Aula da saudade. Baile de gala de formatura. Parágrafo Único: Todos os associados, estando com as obrigações financeiras em dia, têm o direito de participar de todas as solenidades. É proibido contribuir com valor a menos para não participar de alguma solenidade. Clausula 16. A data para a realização das solenidades de formatura será estabelecida em assembléia geral. Clausula 17. A Comissão de Formatura distribuirá a todos associados quantidades de convites e outros produtos referentes à formatura a ser estabelecida em Assembléia. Parágrafo único: Desejando adquirir quantidade de convites ou outro produto referente à formatura superior à estabelecida em Assembléia Geral, o associado deverá adquirilo avulsamente. Clausula 18. Todas as despesas referentes a aluguéis de locais e outras necessárias para a realização das solenidades de formatura serão pagos pela Comissão de Formatura, de acordo com os recursos arrecadados durante a vigência deste estatuto. DO PATRIMÔNIO Clausula 19. O patrimônio social será constituído de contribuições mensais efetuadas pelos associados e acrescidas dos recursos proveniente de outras atividades lucrativas aprovadas pela Assembléia Geral. Clausula 20. Os bens patrimoniais da Comissão de Formatura 2010/2 são inalienáveis a qualquer título. Clausula 21. As mensalidades deverão ser quitadas até o dia 10 de cada mês, através de boleto bancário. I – Valor das mensalidades corresponderá ao valor definido pela Comissão, podendo sofrer reajuste a qualquer tempo, sendo aplicado o mesmo percentual de reajuste acordado com a empresa prestadora de serviços da formatura, mediante aprovação em Assembléia Geral. II – A quantia mensal será cobrada todos os meses do ano civil. III – O atraso das mensalidades acarretará multa de 2% (dois por cento) e incidirão juros de mora de 1% (um por cento) ao mês ou fração. IV – O boleto será entregue em mãos por algum membro da Comissão, mediante aviso de recebimento, ou pela empresa prestadora de serviços da formatura, conforme for acordado entre esta e a comissão de formatura.. Clausula 22. O associado que deixar de pagar 1 (uma) mensalidade, será notificado a comparecer à Comissão de Formatura para motivar o inadimplemento. §1º. – Caso o associado continue inadimplente por 3 (três) mensalidades consecutivas será considerado desistente, salvo negociação em contrário. Clausula 23. A Comissão de Formatura analisará a motivação referente ao artigo anterior, sendo de direito da Comissão de Formatura negar provimento à motivação, se ficar comprovado que houve má-fé. Clausula 24. Todo sócio tem direito de se retirar da Associação, mediante comunicação por escrito à Comissão Geral e regularizando sua situação financeira. §1º. O sócio retirante terá direito de ser reembolsado a quantia contribuída mensalmente, não sendo reembolsado o valor arrecadado conforme o artigo 11º, obedecendo aos seguintes critérios: ∙ ∙ ∙ até o mês de Dezembro de 2009 – direito a 75% do valor pago; até o mês de Junho de 2010 – direito a 50% do valor pago; a partir do mês de setembro de 2010– não terá direito a reembolso devido compromissos assumidos pela Comissão de Formatura aos prováveis 2010/2 para com os eventos de formatura. §2º. A devolução do valor será efetuada no prazo mínimo de 30 (trinta) dias e no máximo de 60 (sessenta) dias, a contar do recebimento da motivação. §3º. O valor ressarcido deve ser descontado das taxas bancárias proporcionais a cada associado. Clausula 25. Somente receberá o valor integral pago às mensalidades, corrigido pelo mesmo índice do montante global arrecadado, descontado as arrecadações coletivas assumida pela Comissão e demais associados em Assembléia Geral, quando houver: I – Doenças Terminais. II – Reprovação. Clausula 26. Serão passíveis de advertência os associados que, designados pela Comissão de Formatura para a colaboração nas tarefas e que as tenham aceitado, não as cumprirem. Clausula 27. A multa será no valor de uma mensalidade. Em caso de dano material, além da multa, o associado deverá ressarcir o dano causado, qual seja o valor deste, sem prejuízo das demais cominações legais. Parágrafo Único – a multa prevista neste artigo será calculada sobre o valor da última mensalidade cobrada. DAS NOVAS ADESÕES Clausula 28. Aqueles que aderirem posteriormente devem contribuir com pagamento à vista da parcela proporcional ao que já foi pago pelos outros associados e com os modos de arrecadação vindouros do artigo 11º, conforme a fórmula: PA = Mt/Np Onde: PA = Pagamento do Associado Mt = Montante arrecadado Np = Número de participante DAS ASSEMBLÉIAS Clausula 29. A Assembléia Geral é a instância máxima de deliberações da entidade, a qual compete: I – Aprovar seu regimento interno; II – Emendar ou rever o presente estatuto por maioria de 2/3 dos votos de seus membros presentes à reunião; III – Criar departamentos; IV – Deliberar sobre medidas de interesses dos associados; V – Deliberar sobre casos omissos do presente Estatuto; VI – Aprovar o orçamento, o balanço, e o relatório das atividades da Comissão de Formatura 2010/2; VII – Deliberar sobre a advertência, suspensão ou exclusão dos membros da diretoria; VIII – Deliberar a dissolução da Comissão de Formatura 2010/2, pela presença mínima de 2/3 dos associados com votos de cinqüenta por cento mais um (50% + 1) dos presentes, a favor da dissolução. Clausula 30. As Assembléias Gerais realizar-se-ão em primeira convocação, com qualquer número de associados presentes, respeitando as cláusulas sobre a convocação. Clausula 31. Para agilizar as decisões, poderão ser feitas Assembléias da Comissão de Formatura 2010/2 cada turma concomitante pela respectiva Sub Comissão de cada uma, sendo que o somatório dos votos e presentes deve ser informado por cada Sub Comissão e registrado em Ata como Assembléia Geral. Clausula 32. As Assembléias Gerais poderão ser convocadas a qualquer momento pelos membros da Comissão de Formatura, ou por solicitação, dos associados. Clausula 33. As Assembléias Gerais serão dirigidas pelos membros da Comissão de Formatura, que terão direito a voto e agirão como mediadores, quando necessário. §1º. Este estatuto poderá ser modificado, pela vontade da maioria dos associados reunidos em assembléia, desde que, concomitantemente, seja aprovado um novo texto para a sua substituição, §2º. Quaisquer acréscimos neste estatuto, devendo ser aprovados pela Assembléia Geral, serão anexados ao mesmo como “Emenda ao Estatuto”. Clausula 34. As deliberações das Assembléias Gerais serão lavradas em atas, assinadas pela mesa que houver dirigido os trabalhos, e acompanhada da lista de presentes assinada. DA DIRETORIA Clausula 35. A Diretoria compõe-se de §1º. A Diretoria poderá ter um corpo de suplentes, variáveis de 1 (um) a 2 (dois) membros; §2º. A Tesouraria Geral será composta de um Tesoureiro da Comissão de Formatura 2010/2; §3º. Os atos da Tesouraria Geral, ou quaisquer atos na movimentação financeira, deverão constar à assinatura de todos os Tesoureiros. Clausula 36. A Diretoria não possui poderes de decisões unilaterais Clausula 37. Compete à Diretoria: I. Representar os Associados; II. Cumprir e fazer cumprir o presente Estatuto, bem como divulgá-lo entre os membros; III. Respeitar e encaminhar as decisões dos fóruns da Comissão de Formatura 2010/2; IV. V. VI. Planejar e viabilizar a vida econômica da entidade; Convocar a Assembléia Geral; Apresentar relatório de suas atividades e balanço quando solicita Cláusula 38. São responsabilidades específicas: I – Do Presidente: a) b) Representar pública e juridicamente a entidade; Transmitir os encargos aos seus substitutos legais; c) Fiscalizar, coordenar e administrar de modo geral todas as atividades da entidade; d) Responder administrativo e judicialmente em conjunto com a Tesouraria Geral pelas irregularidades financeiras da entidade; e) Assinar conjuntamente com a Tesouraria Geral as prestações de contas da entidade; II – Do Vice-Presidente: a) Substituir, com as mesmas atribuições do Presidente, nos casos de ausência ou impedimento. III – Do Secretário: a) b) Secretariar as Assembléias e reuniões de Diretoria; Lavrar as atas das Assembléias Gerais e assiná-la com o Preside Da Tesouraria Geral: a) b) Executar o planejamento econômico aprovado pela Diretoria; Autorizar o recebimento de despesas; Clausula 39. Havendo destituição ou vacância de quaisquer cargos mencionados no presente estatuto, a Diretoria reunir-se-á, e procederá a imediata substituição. DA LIQUIDAÇÃO Clausula 40. A Associação poderá ser extinta por deliberação da maioria absoluta dos associados, em qualquer tempo, desde que seja convocada uma Assembléia Geral para tal fim. Clausula 41. Todos os associados serão responsáveis civis e criminalmente no caso da extinção da Associação. Clausula 42. Extinta a Associação o patrimônio será repartido igualmente entre todos os associados. Clausula 43. Extinguir-se-á a Comissão de Formatura 2010/2 pela realização de todas as solenidades, depois de efetuados os pagamentos de todas as despesas sob sua responsabilidade. RESSARCIMENTO DE DESPESAS Clausula 44. Os membros que subsidiarem as despesas decorrentes de pagamento de interesse desta Associação, serão reembolsados mediante apresentação de documentos que provem tal gasto. DEMAIS DELIBERAÇÕES Clausula 45. As reclamações de qualquer natureza deverão ser encaminhadas, por escrito à comissão e discutidas em reunião. COMUNICAÇÕES Clausula 46. Todas as comunicações serão feitas pelas Subcomissões através de cartazes que serão fixados nos murais ou em outros locais de fácil visualização, preferencialmente dentro das salas de aula. DOS DEPARTAMENTOS Clausula 47. Serão constituídos os departamentos, devidamente transcritos em Ata. Sendo os departamentos fixos: a) Eventos em geral; §1º. Não há limite máximo de membros para a constituição dos departamentos. Clausula 48. Em anexo está o termo de adesão que todos associados deverão assinar, sendo pelo qual assumem o compromisso com todos os direitos e deveres constantes neste estatuto. Data, ______________________________ Presidente ______________________________ Secretário Relação Dos Participantes Da Assembléia. Nome Assinatura/RG 1) 2) 3) 4) 5) 6) 7) 8) 9) 10) 11) 12) 13) 14) 15 16) 17) 18) 19) 20) 21) 21) 22) 23) 24) 25) 26) 27 28) 29) 30) 31) 32) 33) 34) 35) 36) 37) 38) 39) 40) 41) 42) 43) 44) 45) 46) 47) 48) 49) 50) 51) 52) 53) 54) 55) 56) 57) 58) 59) 60) São José/SC, ............... de ......................................... de 2009. TERMO DE ADESÃO Os membros da Comissão de Formatura 2010/2 e os associados declaram ter conhecimento prévio de todos os direitos e deveres constantes neste estatuto, e das condições financeiras, entendendo e acatando-as sem restrições. Este estatuto está registrado sob o número .................................................... no cartório ...................................................................................................... .............................. E, por assim estar de acordo com todos os termos, assina o presente em duas vias de igual teor para um só efeito. Via da Comissão de Formatura: Nome: RG: CPF: Endereço: Bairro: CEP: Cidade: UF: Telefone Residencial: Celular: Local de Trabalho: Telefone: Profissão: Estado Civil: e-mail 1: e-mail 2: Turma: Matrícula: Data: _____ / ________________ / 20_____. Assinaturas: __________________________ _______ Membro da Comissão __________________ Associado