Vous êtes sur la page 1sur 1

Educação 7

Edição: Pedro Santos Florianópolis, junho de 2009

Secretarias atrasam Processos contra sistema de


cotas na UFSC chegam a 119

programa de dislexia
Já são 119 os processos abertos ficação do aluno. Ou seja, simula-se
contra a Universidade Federal de San- a classificação geral do vestibular sem
ta Catarina (UFSC) por vestibulandos as determinações do sistema de cotas
que se sentiram prejudicados pelo e, se o aluno obtiver pontuação neces-
sistema de cotas em 2009. De acordo sária nessas condições, será matricu-
com dados da Comissão Permanente lado. No entanto, há casos de alunos
A iniciativa inclui identificação e acompanhamento para o aluno do Vestibular (Coperve), os cursos que
mais receberam ações foram Direito
que chegam a ganhar a liminar, mas
quando sua posição na reclassificação
de ensino fundamental que for diagnosticado com o distúrbio noturno, com 17 processos abertos,
Medicina, com 12, e Odontologia, com
é analisada, ele não possui pontos su-
ficientes.
Débora Oliveira nove. Em cada um deles pode haver Para o advogado Alexandre Arau-
O programa para identificação mais de um requerente. jo Konescki, a universidade não
da dislexia nas escolas de Santa Quando o aluno entra com o pro- cumpre com a própria resolução que
Catarina, autorizado desde janeiro cesso contra a universidade, o juiz criou o Programa de Ações Afirmati-
pelo governo estadual, ainda não foi pode conceder uma liminar para que vas e que inclui as determinações do
regulamentado pelas secretarias de o estudante consiga efetuar sua ma- sistema de cotas (008/CUn/2007). De
Saúde e Educação. De acordo com a trícula de forma provisória até que o acordo com a normativa, deve haver
lei 14.658, a formulação de diretrizes julgamento seja realizado. Assim, ele “ampliação de vagas nos cursos de
para a execução do programa está pode começar a estudar enquanto graduação”, assim como a abertura
sob responsabilidade das secretarias. aguarda a decisão da justiça e não é de cursos noturnos.
A legislação prevê a realização de prejudicado caso ganhe a ação. O advogado garante que os 15 casos
exames nos alunos matriculados na Para garantir matrícula definitiva que está defendendo prevêem a não re-
rede estadual de ensino e o acompa- na universidade, o aluno deve ter seu tirada do aluno cotista. Renata Santos
nhamento dos portadores da dislexia processo aprovado em duas instân- Nogueira, mãe de uma das clientes de
por profissionais da área. cias. A primeira delas é julgada pela Konescki, diz que não deseja a retirada
Segundo a coordenadora de edu- Seção Judiciária de Florianópolis. Se a do aluno que entrou pelo sistema de
cação especial do estado de Santa resposta for positiva, o processo segue cotas. “Só queremos que a universida-
Catarina, Rita de Cássia Kleber, duas para o Tribunal Regional Federal da de siga o que determinou”, explica.
equipes de funcionários das secre- 4ª região, com sede em Porto Alegre. Não aparece na resolução uma re-
tarias da Saúde e Educação serão Tanto o aluno quanto a universi- lação direta entre o sistema de cotas e
responsáveis pela implantação do dade podem recorrer contra decisões a criação de um número determinado
Se diagnosticada nos anos do ensino fundamental, a dislexia pode ser aliada à educação
programa. Até o momento, elas ain- da Justiça. Em geral, a instituição en- de vagas. Além disso, de acordo com o
da não foram formadas devido ao tra com pedido de agravo, para que a procurador Parma, o juiz não deter-
atraso das atividades.
O distúrbio
liminar seja derrubada. O vestibulan- mina se serão criadas mais vagas. Ele
Prevista para entrar em vigor
ainda em 2009, a iniciativa visa a As características da dislexia do pode, então, entrar com outro re-
curso e tentar obter sentença favorá-
apenas julga se a universidade possui
autonomia para implementar o siste-
capacitação permanente dos profes- vel, ou seja, conseguir ser matriculado ma. Caso a decisão seja desfavorável
sores para o auxílio na identificação A dislexia é uma diferença no funcionamento das áreas de linguagem do cérebro. Não
novamente. Devido a esses trâmites da à instituição, o aluno que entrou com
da dislexia, contemplando, ainda, se trata de uma doença ou anormalidade. Na maioria dos casos, ela vem associada a outros
Justiça, não há tempo médio para du- o processo será classificado de acordo
a aplicação de exames que identifi- problemas de atenção como o Transtorno do Déficit de Atenção.
ração das ações. com a pontuação geral e o estudante
quem casos do problema nos alunos, De origem genética, a dislexia é a dificuldade no processamento cerebral da informação.
Os processos são vários e cada um que passou no vestibular pelo sistema
principalmente, do ensino funda- Ela se dá nos lobos parietais, que ficam na parte superior do cérebro. É nessa região onde
possui uma interpretação que depende de cotas, mas tirou nota menor, terá
mental da rede estadual. Esse diag- se realiza a decodificação das imagens que chegam da visão, como no caso da leitura. Nos
do juiz responsável pela ação. Alguns, que ser retirado da universidade.
nóstico e posterior acompanhamen- disléxicos, é comum a troca ou inversão de letras, o que pode resultar na fala e na escrita
por exemplo, concedem a liminar
to deverá ser feito por profissionais equivocada das palavras. Outro problema corriqueiro é a falta de memorização no momento
apenas depois de realizada a reclassi- Aline Fernandes
de diferentes áreas, como psicólogos, destinado à leitura. Depois de enxergar uma das letras da palavra, o indivíduo, ao passar para
fonoaudiólogos, médicos e psico- a próxima, se esquece da anterior. Isso acontece de forma muito rápida no cérebro, causando
pedagogos. O custo mensal de uma
equipe assim é, em média, R$ 500,00
confusão e cansaço no leitor.
Ao contrário do que possa parecer os disléxicos apresentam inteligência normal, e em mui-
Discussões giram em torno da
por aluno.
Apesar de a dislexia geralmente
tos casos, acima da média. De acordo com a psicopedagoga e pesquisadora Lucília Travassos,
os disléxicos, além de criativos, possuem um pensamento pictórico, em forma de figuras, ideal constitucionalidade do programa
ser percebida apenas na fase adulta, para trabalhar com imagens 3D. A recorrência do distúrbio é grande entre cientistas e artistas.
ela pode ser diagnosticada nos pri- Dentre eles, nomes como Leonardo da Vinci, Michelangelo, Charles Darwin. Implementado pela primeira vez tanto para questões administrativas,
meiros anos do ensino fundamental. no Brasil em 2003, o sistema de cotas quanto didático-pedagógicas.
“O grande ganho da escola que con- Magistério, Ilma Gonçalves, 44 anos, tes ou provas. provoca polêmica não só em Floria- Outro argumento trata do artigo
segue identificar a criança disléxica descobriu ser disléxica em 2006. Foi De acordo com a psicopedagoga e nópolis, mas em todo o país. No Sena- 5º da Constituição Federal, que prevê
é fazer a ponte entre profissionais, depois de levar o filho de dez anos pesquisadora Lucília Travassos, dou- do, discute-se um projeto de lei para a igualdade de todos perante a lei. Os
instituição e aluno”, explica Sandra para consultar diferentes especialis- toranda em Engenharia e Gestão do que todas as universidades federais estudantes defendem que a reserva
Carrieri, pedagoga do Colégio Aplica- tas, devido às dificuldades de apren- Conhecimento do Conhecimento pela implementem o programa. Em vários de vagas é inconstitucional por dife-
ção da Universidade Federal de Santa dizagem que o garoto apresentava, UFSC, não existe nenhum outro tipo lugares do Brasil, estudantes proces- renciar os candidatos no processo de
Catarina (UFSC), onde atualmente que Ilma se deu conta de que possuía de exame que identifique a dislexia, sam as instituições que já possuem seleção. Já as universidades alegam,
há dois disléxicos. Ali, como na maio- as mesmas características apontadas a não ser o clínico, que é feito pelo o sistema. A principal discussão está com base no mesmo artigo, que é a
ria das escolas brasileiras, não há pelos médicos como dislexia. método da eliminação. Geralmente relacionada à constitucionalidade ou igualdade de acesso à instituição que
um profissional especializado iden- Ao perceber que a escola não se os primeiros profissionais a serem não do programa. deve ser garantida.
tificar e prestar acompanhamento. interessava pelo aprendizado do fi- procurados são médicos oftalmolo- Um dos argumentos utilizado pelos De acordo com Nilto Parma, pro-
O Colégio de Aplicação proporciona, lho, Ilma mudou a criança de colé- gistas, otorrinolaringologistas ou até estudantes refere-se ao artigo 22 da curador da UFSC, há bons argumentos
quando necessário, a presença de um gio e passou a comprar livros para neurologistas que verificam possíveis Constituição Brasileira que concede dos dois lados. O advogado acredita
bolsista nas salas para auxiliar alu- conhecer mais sobre dislexia. Hoje, problemas de visão e audição. Há ca- apenas ao Governo Federal a compe- que as decisões são bem fundamen-
nos com essas características. ela e o filho gastam R$48,00 por mês sos em que apenas psicopedagogos tência para legislar acerca de diretri- tadas e dependem, principalmente, da
na compra de um remédio usado em conseguem identificar o distúrbio. zes e bases da educação nacional. Ao composição dos três juízes dos Tribu-
Auxílio aos disléxicos situações de grande esforço de con- mesmo tempo, a mesma Constituição nais Regionais Federais que julgam o
A dona de casa e estudante do centração como a realização de tes- Débora Oliveira prevê a autonomia da universidade processo. (A.F.)