Vous êtes sur la page 1sur 3

APRENDENDO LINUX

cut

O comando cut(cortar) lê o conteúdo de um ou mais arquivos e tem como saída uma coluna vertical.

As opções mais usadas são:

• -b número : Imprime uma lista vertical com o byte número (da esquerda para a direita).
• -c número : Imprime uma lista vertical com o caractere número (da esquerda para a direita).
• -d delimitador : Configura o delimitador que separa uma coluna da outra. O padrão é o Tab.
• -f número : Imprime a coluna número

Exemplo:
fernandopaiva@Tux:$ cut -d : -f 1 /etc/passwd

od

O comando od é utilizado para visualizar o conteúdo de um arquivo nos formatos hexadecimal, octal,
ASCII e nome dos caracteres.

A opção mais utilizada é:


-t tipo : Específica o tipo de saída que o comando od deve gerar.

Os tipos disponíveis são:


a : Nome do caractere
c : ASCII
o : Octal
x : Hexadecimal

Exemplo:
fernandopaiva@Tux:$ cat > arquivo.txt
Fernando Paiva

No exemplo acima criei um arquivo chamado arquivo.txt com o comando cat, e como conteúdo dei a ele
Fernando Paiva

Agora com o comando od siga o exemplo:


fernandopaiva@Tux:$ od -t x arquivo.txt

dd
O comando dd, copia e converte arquivos de acordo com as opções. Com este comando você pode criar
imagens identicas da sua distro, copiar disquetes entre outros. É um comando que eu pessoalmente gosto
muito.

Exemplo:
fernando@Tux:~$dd if=image.img of=/dev/fd0,

Neste exemplo estou copiando o arquivo image.img para um disquete, não se preocupe você irá entender
melhor com o decorrer da sua leitura.
Leia o man do comando para se divertir e aprender mais.

fmt

O comando fmt, formata um texto com uma largura específica. Ele pode remover espaços ou adicionar
espaços conforme a largura desejada.

A opção mais usadas é:


-w número : Configura a largura desejada para o texto.

Exemplo:
fernandopaiva@Tux:$ fmt -w 50 arquivo.txt

expand

O comando expand troca o Tab(tabulação) dentro dos textos pelo número de espaços correspondentes. É
útil para tornar um texto que faz uso das tabulações mais atrativo para determinados dispositivos, como
impressora, arquivos etc...

As opções mais usadas são:

-t número: Específica o número de espaços que o tab contém. O padrão é 8


-i : Converte somente o início das linhas

Exemplo:

fernandopaiva@Tux:$ expand arquivo.txt

join

O comando join, une as linhas de ambos os arquivos que tenham um índice comum. Ele poderá ser
utilizado para criar um banco de dados simples.

As opções mais utilizadas são:


-j1 número : Escolhe o campo número como índice para o arquivo1.
-j2 número : Escolhe o campo número como índice para o arquivo2.
-j número : Escolhe o campo número como índice para ambos os arquivos.

Exemplo:
Suponha que o arquivo1 contenha o seguinte conteúdo:
1. FER - 13/12/79

E o arquivo2 tenha o seguinte conteúdo:


1. Nascimento

Depois siga os passos abaixo:


fernandopaiva@Tux:$ join -j 1 arquivo1 arquivo2

A saída será a seguinte:


1. FER - 13/12/79 Nascimento