Vous êtes sur la page 1sur 14
SECRETARIA EXECUTIVA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO GERÊNCIA DE POLÍTICAS DA EDUCAÇÃO DE JOVENS, ADULTOS E IDOSOS (GEJA) UNIDADE DA EDUCAÇÃO DE JOVENS, ADULTOS E IDOSOS (UEJAI) ORIENTAÇÕES TEÓRICO – METODOLÓGICAS GEOGRAFIA EDUCAÇÃO DE JOVENS, ADULTOS E IDOSOS ENSINO FUNDAMENTAL RECIFE - 2012 1 SECRETARIA EXECUTIVA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO GERÊNCIA DE POLÍTICAS DA EDUCAÇÃO DE JOVENS, ADULTOS E IDOSOS (GEJA) UNIDADE DA EDUCAÇÃO DE JOVENS, ADULTOS E IDOSOS (UEJAI) Secretário de Educação do Estado Anderson Stevens Leônidas Gomes Secretária Executiva de Desenvolvimento da Educação Ana Coêlho Vieira Selva Secretária Executiva de Gestão de Rede Margareth Costa Zaponi Secretário Executivo de Educação Profissional Paulo Fernando Vasconcelos Dutra Gerente da Educação de Jovens e Adultos Claudia Mendes Abreu Chefe da Unidade da Educação de Jovens, Adultos e Idosos Maria Cândida Sérgio 2 Equipe Técnica Pedagógica da Unidade de Educação de Jovens, Adultos e Idosos UEJAI Claudia Mendes de Abreu Maria Cândida Sérgio Anair Silva Lins e Mello Célia Cristina de Siqueira Cavalcanti Veras Danielle de Mota Bastos Diego Bruno Barbosa Felix Enildo Luiz Gouveia Jandy Feitosa Carlos da Silva Josinete Ferreira de Abreu Maria Auxiliadora de Almeida Monica Dias do Nascimento Roberto de Carvalho Ventura Rosa Maria de Souza Leal Santos Thiago de Oliveira Reis Marques Freire Verônica Luzia Gomes de Sousa 3 SECRETARIA EXECUTIVA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO GERÊNCIA DE POLÍTICAS DA EDUCAÇÃO DE JOVENS, ADULTOS E IDOSOS (GEJA) UNIDADE DA EDUCAÇÃO DE JOVENS, ADULTOS E IDOSOS (UEJAI) Coordenação: Maria Cândida Sérgio – GEJA - Chefe da Unidade da Educação de Jovens, Adultos e Idosos - UEJAI Equipe de elaboração: Enildo Luiz Gouveia Técnico de Geografia – Gerência de Educação de Jovens e Adultos Evandro Ribeiro de Souza Lúcia Ângela Macedo França Técnicos de Geografia - Equipe de Ensino da GPEM/SEDE/SEE Maria Alves do Nascimento Silva Técnicos de Geografia - Gerência Regional de Educacional Recife Sul Revisão: Danielle de Mota Bastos Diego Bruno Barbosa Felix Rosa Maria de Souza Leal Santos 4 SECRETARIA EXECUTIVA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO GERÊNCIA DE POLÍTICAS DA EDUCAÇÃO DE JOVENS, ADULTOS E IDOSOS (GEJA) UNIDADE DA EDUCAÇÃO DE JOVENS, ADULTOS E IDOSOS – UEJAI ORIENTAÇÃO TEÓRICO – METODOLÓGICA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS - ENSINO FUNDAMENTAL – 1º SEGMENTO – 1ª FASE DE ESCOLARIDADE COMPONENTE CURRICULAR: GEOGRAFIA OBJETIVO: Perceber as interações existentes no espaço geográfico a partir do Lugar, do cotidiano relacionando com outras escalas. HABILIDADES E COMPETÊNCIAS  Reconhecer os fenômenos espaciais a partir da seleção, comparação e interpretação, identificando as singularidades ou generalidades de cada lugar, paisagem ou território.  Ler, analisar e interpretar os códigos específicos da Geografia (mapas, gráficos, tabelas etc.), considerando-os como elementos de representação de fatos e fenômenos espaciais e/ou espacializados. 5 I BIMESTRE 1. Eixo Estruturante Orientação, Localização e Organização do espaço geográfico   Estabelece relações de inclusão espacial entre o aluno, a sala de aula e a escola através da percepção da forma, tamanho e distribuição no espaço. Estabelece relações de inclusão espacial entre o aluno, a sala de aula e a escola e o bairro através de visitas para análise da forma, tamanho e organização espacial. II BIMESTRE 2. Eixo Estruturante Orientação, Localização e Organização do espaço geográfico  Representação do espaço vivido através do desenho ou da linguagem oral (elaboração de desenhos e produção de textos do espaço vivido na escola e em casa)  Representação do contorno e da forma dos objetos, das pessoas e dos lugares a partir da visão oblíqua (a partir do chão) e da visão vertical (a partir do alto e de cima e debaixo).  Representação e identificação de objetos, pessoas e lugares em seu tamanho real e a partir da sua redução proporcional (escala) em desenhos. Fotografias, maquetes e mapas.  Construção e leitura de legendas (significantes e seus significados) III BIMESTRE 3. Eixo Estruturante Os elementos naturais e culturais do espaço de vivência   Observação e descrição de desenhos, croquis dos elementos naturais e culturais presentes no espaço de vivência. Análise os elementos naturais e culturais e seu nível de conservação/degradação através de entrevistas com conterrâneos para posterior sistematização e 6 socialização. IV BIMESTRE 4. Eixo Estruturante Os elementos naturais e culturais do espaço de vivência   Observação e descrição de desenhos, croquis dos elementos naturais e culturais presentes no espaço de vivência. Análise os elementos naturais e culturais e seu nível de conservação/degradação através de entrevistas com conterrâneos para posterior sistematização e socialização. EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS - ENSINO FUNDAMENTAL – 1º SEGMENTO – 2ª FASE DE ESCOLARIDADE. COMPONENTE CURRICULAR: GEOGRAFIA OBJETIVO Compreender a organização do Espaço e Tempo cotidiano como influência da dinâmica natural. HABILIDADES E COMPETÊNCIAS • Reconhecer os fenômenos espaciais a partir da seleção, comparação e interpretação, identificando as singularidades ou generalidades de cada lugar, paisagem ou território. • Ler, analisar e interpretar os códigos específicos da Geografia (mapas, gráficos, tabelas etc.), considerando-os como elementos de representação de fatos e fenômenos espaciais e/ou espacializados. 7 I. BIMESTRE 1. Eixo Estruturante Espaço, Tempo e Cotidiano Compreensão o funcionamento do cotidiano como decorrente da influência da dinâmica da Terra no Universo observando a organização do bairro (serviços, transportes, feiras etc). II. BIMESTRE 2. Eixo Estruturante Espaço, Tempo e Cotidiano  Representação do espaço vivido através do desenho ou da linguagem oral (elaboração de desenhos e produção de textos do espaço vivido na escola e em casa)  Representação do contorno e da forma dos objetos, das pessoas e dos lugares a partir da visão oblíqua (a partir do chão) e da visão vertical (a partir do alto e de cima e debaixo).  Representação e identificação de objetos, pessoas e lugares em seu tamanho real e a partir da sua redução proporcional (escala) em desenhos. Fotografias, maquetes e mapas.  Construção e leitura de legendas (significantes e seus significados) III.BIMESTRE 3. Eixo Estruturante Organização espacial de diferentes escalas    Leitura e representação espacial do município a partir dos mapas disponibilizados em sites do município e/ou IBGE, CONDEPE etc. Orientação, espacialização do seu local de vivência em relação a outras escalas. Identificação as diferentes formas e escalas de organização do espaço rural e urbano através da delimitação do que seja o perímetro urbano de cada município. 8 IV. BIMESTRE 4. Eixo Estruturante Organização espacial de diferentes escalas    Leitura e representação espacial do município a partir dos mapas disponibilizados em sites do município e/ou IBGE, CONDEPE etc. Orientação, espacialização do seu local de vivência em relação a outras escalas. Identifica as diferentes formas e escalas de organização do espaço rural e urbano através da delimitação do que seja o perímetro urbano de cada município. EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS – 2° SEGMENTO – 3.ª FASE DE ESCOLARIDADE COMPONENTE CURRICULAR: GEOGRAFIA OBJETIVO Compreender a organização do espaço brasileiro, suas especificidades físicas, sociais e culturais. HABILIDADES E COMPETÊNCIAS • Selecionar e elaborar esquemas de investigação que desenvolvam a observação dos processos de formação e transformação dos territórios, tendo em vista as relações de trabalho, a incorporação de técnicas e tecnologias e o estabelecimento de redes sociais. • Reconhecer na aparência das formas visíveis e concretas do espaço geográfico atual a sua essência, ou seja, os processos históricos, construídos em diferentes tempos, e os processos contemporâneos, conjunto de práticas dos diferentes agentes, que resultam em profundas mudanças na organização e no conteúdo do espaço. I. BIMESTRE 1.Eixo Estruturante Caracterização do espaço brasileiro  Compreensão a inserção do seu espaço local como integrante de uma realidade maior através de utilização de mapas e imagens de satélite: do bairro (se possível), do município, do estado, da região, do país. 9  Observação a distribuição e organização do território brasileiro (dimensão, limites, fronteiras), bem como, sua evolução ao longo da história através de vídeos e/ou mapas históricos. II. BIMESTRE 2. Eixo Estruturante Caracterização do espaço brasileiro  Compreensão da inserção do seu espaço local como integrante de uma realidade maior através de utilização de mapas e imagens de satélite: do bairro (se possível), do município, do estado, da região, do país.  Observação da distribuição e organização do território brasileiro (dimensão, limites, fronteiras), bem como, sua evolução ao longo da história através de vídeos e/ou mapas históricos. III. BIMESTRE 3. Eixo Estruturante Caracterização do espaço brasileiro  Compreensão da inserção do espaço brasileiro como integrante de uma realidade maior através da contextualização do território brasileiro na: América do Sul, continente americano e no mundo.  Entendimento sobre a regionalização do Brasil a partir de levantamentos detalhados das especificidades (físicas, humanas, históricas e econômicas) das regiões. IV. BIMESTRE 4. Eixo Estruturante Caracterização do espaço brasileiro  Compreensão da inserção do espaço brasileiro como integrante de uma realidade maior através da contextualização do território brasileiro na: América do Sul, 10 continente americano e no mundo.  Entendimento sobre a regionalização do Brasil a partir de levantamentos detalhados das especificidades (físicas, humanas, históricas e econômicas) das regiões. EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS – 2° SEGMENTO – 4.ª FASE DE ESCOLARIDADE COMPONENTE CURRICULAR: GEOGRAFIA OBJETIVO Compreender a organização do espaço brasileiro, suas especificidades físicas, sociais e culturais e sua relação com o espaço global. HABILIDADES E COMPETÊNCIAS • Selecionar e elaborar esquemas de investigação que desenvolvam a observação dos processos de formação e transformação dos territórios, tendo em vista as relações de trabalho, a incorporação de técnicas e tecnologias e o estabelecimento de redes sociais. • Reconhecer na aparência das formas visíveis e concretas do espaço geográfico atual a sua essência, ou seja, os processos históricos, construídos em diferentes tempos, e os processos contemporâneos, conjunto de práticas dos diferentes agentes, que resultam em profundas mudanças na organização e no conteúdo do espaço. I. BIMESTRE 1. Eixo Estruturante O espaço mundial  Identificação através de pesquisa, documentários, filmes, mapas e globo a diversidade de países, línguas, culturas existentes no globo. II. BIMESTRE 2. Eixo Estruturante O espaço mundial  Identificação através de pesquisa, documentários, filmes, mapas e globo a diversidade de países, línguas, culturas existentes no globo. 11 III. BIMESTRE 3. Eixo Estruturante O espaço mundial  Compreensão da polarização política, econômica e cultural existente no mundo atual, bem como, os arranjos econômicos (blocos econômicos). IV. BIMESTRE O espaço mundial  Compreensão da polarização política, econômica e cultural existente no mundo atual, bem como, os arranjos econômicos (blocos econômicos). SUGESTÕES DE REFERÊNCIAS SITES ANA - AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS: Disponível em: www.ana.gov.br CONDEPE/FIDEM. – Agência Estadual de Planejamento e Pesquisas de Pernambuco. Disponível em: www.condepefidem.pe.gov.br IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Disponível em: www.ibge.gov.br CPRM – Serviço Geológico do Brasil. Disponível em: www.cprm.gov.br CPRH – Agência Estadual de Meio Ambiente. Disponível em: www.cprh.pe.gov.br DNPM – Departamento Nacional de Produção Mineral. Disponível em: www.dnpm.gov.br Espaço Professor da Secretaria de Educação de Pernambuco. Disponível em: www.educacao.pe.gov.br INPE - Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Disponível em: www.inpe.br INMET – Instituo Nacional de Meteorologia. Disponível em: www.inmet.gov.br LIVROS ANDRADE, Manuel Correia de. A federação brasileira: uma análise geopolítica e geosocial. São Paulo, Contexto, 1999. CARLOS, Ana Fani Alessandri (org.). A Geografia na sala de aula. 8.ª Ed. São Paulo, Contexto, 2010. 12 CHAVES, Paulo de Tarso (org.). O mar e o espaço geográfico brasileiro. Vol. 8. Brasília, Ministério da Educação, 2006. CASTRO, Iná Elias de; GOMES, Paulo Cesar da Costa; CORRÊA, Roberto Lobato (orgs.). Geografia: Conceitos e Temas. 10ª Ed. Rio de Janeiro, Bertrand Brasil, 2007. CHIZZOTTI, Antônio. Pesquisa em Ciências Humanas e Sociais. 10ª ed. São Paulo, Cortez, 2009. GOULART, Lígia Beatriz. Aprendizagem e Ensino: uma aproximação necessária à aula de Geografia. In: TONINI, Ivaine Maria et. al. O ensino da Geografia e suas composições curriculares. Porto Alegre, UFRGS, 2011. IBGE – Instituto de Brasileiro de Geografia e Estatística. Atlas geográfico escolar. Rio de Janeiro, IBGE, 2002. LACOSTE, Yves. A Geografia – isso serve, em primeiro lugar, para fazer a guerra. Campinas, SP, Papirus, 1988. OLIVEIRA, Ariovaldo Umbelino de (org.). Para onde vai o ensino de Geografia? São Paulo, Contexto, 2010. PONTUSCHKA, Nídia Nacib; PAGANELLI, Tomoko Iyda; CACETE, Núria Hanglei. Para ensina e aprender Geografia. 3.ª Ed. São Paulo, Cortez, 2009. RAFFESTIN, Claude. Por Uma Geografia do Poder. São Paulo: Ática, 1993. SANTOS, Milton. Por uma outra globalização: do pensamento único à consciência universal. 18.ª Ed. Rio de Janeiro, Record, 2009. ____________. A natureza do espaço. 4ª ed. São Paulo, EDUSP, 2006. ____________. Metamorfoses do Espaço Habitado. 6ª Ed. São Paulo, EDUSP, 2008. SCHNEEBERGER, Carlos Alberto. Minimanual compacto de geografia geral: teoria e prática. São Paulo, Rideel, 2003. TEIXEIRA, W.; TOLEDO, M. C. M; FAIRCHILD, T. R.; TAILOLI, F. (org.). Decifrando a Terra. Oficina de Textos/USP. São Paulo, 2000. ZAPE – Zoneamento Agroecológico do Estado de Pernambuco (Banco de Dados Digital Versão 1.0.47). EMBRAPA SOLOS, Recife, 2001. KIMURA, Shoko. Geografia no ensino básico: questões e propostas. São Paulo, Contexto, 2008. 13 REFERÊNCIAS BCC- Base Curricular Comum. Secretaria de Educação de Pernambuco. Disponível em: www.educacao.pe.gov.br PCN – Parâmetros Curriculares Nacionais. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Disponível em: www.portal.mec.gov.br PCN+ - Parâmetros Curriculares Nacionais: Ciências Humanas e suas tecnologias. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Disponível em: www.portal.mec.gov.br OCN – Orientações Curriculares para o Ensino Médio: Ciências Humanas suas tecnologias. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Disponível em: www.portal.mec.gov.br 14