Vous êtes sur la page 1sur 16

Sir William Crookes

Spiritist Society
Amai-vos, eis o primeiro ensinamento.
Instruí-vos, este o segundo.

ANO 3 ● Nº 12 ● DEZEMBRO 2007

Nesta Edição
Sir William Crookes Editorial
Spiritist Society 02 Preces de Natal
http://www.sirwilliam.org Palestras
Reg Charity No. 1104534 03 BUSS; SWCSS – Dez 07, Jan 08
Outras Casas
Boletim Informativo 06 Palestras e cursos
Ano 3 ● n° 12 ● dez 2007 Notícias
08 Os últimos acontecimentos
Crônicas
Coordenadora 10 Crônica de Natal
Ivonete Jessamy Poema
coord_sirwilliam@yahoo.co.uk 11 Algo mais no Natal
Conto
Editor 12 Presente de Natal
Redação
Luís del Nero 13 Reencarnación
luis@delnero.co.uk 14 Jesus – o aniversariante
Pensamento
15 The Golden Rule not the Rule of Gold
Reuniões aos domingos
Oxford House, Evangelização aos domingos
Derbyshire Street 14:30 às 16:45
Bethnal Green Infanto – Juvenil
London E2 6HG
(Metrô - Bethnal Green)

14:30 às 16:30
Estudos Espíritas e Palestra
em português
16:30 às 17:30
Passe ● Confraternização
Livraria ● Biblioteca
Preces de Natal

Mais uma vez nos reportamos a Jesus!


O Mestre Amoroso é fonte inesgotável de inspiração, é farol a ser
seguido em todos os meses, de todos os anos. Ao mesmo tempo, em
dezembro a humanidade se lembra dele comcarinho especial, por
causa da sua encarnação entre nós.
Esse nascimento que divide as eras do mundo antes e depois dele,
parece nem sequer ter na realidade ocorrido em dezembro. Ao que
tudo indica, aproveitou-se a época de uma antiga celebração pagã e
por convenção o Natal se assinala em 25 desse mês. Porém os
Espíritos seus Mensageiros nos dizem que a psicosfera da Terra
melhora nessa época do ano, pois as pessoas se lembram de Jesus e
oram. “A prece em conjunto”, nos diz o Evangelho Segundo o
Espiritismo,”tem uma ação mais poderosa quando todos os que
oram se associam de coração a um mesmo pensamento e têm um
mesmo objetivo, porque, então, é como se muitos clamassem a uma
só voz.”
Juntemo-nos portanto de todo o nosso coração a esse coro
universal de prece. Neste mês, oremos com os Trabalhadores
Espirituais, mentalizando
Jesus como um menino que renasce hoje trazendo a Boa Nova para o
mundo: o amor redime, fecunda de paz e espalha o Eterno Bem!
A todos os nossos leitores desejamos um Feliz Natal!
Luís del Nero
SEMINAR
The Mechanisms of Our Spiritual Body
1st December 2007 - 2pm – 6pm

Mr. Guy Lyon Playfair


"Author and researcher of many books,
which include “The Flying Cow” and
“Indefinite Boundary” and "New Clothes for
Old Souls" based on all aspects of psychical
research, most recently he has written on
twin telepathy, reincarnation and poltergeist.
He began his career working with Dr.
Hernani Andrade, renowned spiritist
researcher.

Member of the Society for Psychical Research and the College of Psychic
Studies, UK. He spent 14 years in Brazil as a freelance journalist, writing
articles for The Economist, Time, Associated Press and other agencies."
Lecture: Hernani's Life and Research.

Dr. Dagobert Goebel


“Electrical engineer with a degree from the
Physikalish-Technische Lehranstalt, Hamburg.
Under the guidance of Dr. Hernani G. Andrade, a
Brazilian spiritist researcher, Goebel designed
and built electromagnetic equipment to demon-
strate the principles of the Biological Organizing
Model to explain how the spiritual body (perispirit)
influences the physical body”.
Lecture:The Biological Organising Model.

Oxford House Theatre


Derbyshire Street Bethnal Green
Enquiries
Suggested London - E2 6HG www.bussorg.co.uk
Contribution
£ 5-00 chair@bussorg.co.uk
Tel – 07950 786 202
Palestras
Dezembro
Dia 02 - "Os mecanismos do nosso corpo espiritual"
Dr. Dagobert Goebel
das 14,30hs às 16,30hs

Dia 09 - "O Maior Mandamento" - Evanise Zwirtes


das 14,30hs às 15,30hs
- "Estudos Espíritas e Livro dos Esp." - Ivonete Jessamy
das 15,30hs às 16,30hs

Dia 16 - "Estudos Espíritas e Livro dos Esp." - Ivonete Jessamy


das 14,30hs às 15,30hs
- "Jesus" - Robério Fernandes
das 15,30hs às 16,30hs

Recesso de fim de ano


A casa se encontrará fechada
entre 23 de dezembro e 6 de janeiro.
Primeira reunião do ano: 13 de janeiro de 2008
Palestras
Janeiro
Dia 13 - "Estudos Espíritas e Livro dos Esp." - Ivonete Jessamy
das 14,30hs às 15,30hs
- "Trabalho e Servir" - Hagatha Zucculotto
das 15,30hs às 16,30hs

Dia 20 - "A Lei de Amor - Sublimação da vida" - Eugene Pires


das 14,30hs às 15,30hs
- "Estudos Espíritas e Livro dos Esp." - Ivonete Jessamy
das 15,30hs às 16,30hs

Dia 27 - "Estudos Espíritas e Livro dos Esp." - Ivonete Jessamy


das 14,30hs às 15,30hs
- "A Família" - Léa Leal
das 15,30hs às 16,30hs
Spiritist Psychological Society
S EMINÁR IO
O Pas s e
(em português - entrada franca - todos são bem-vindos)
Dia: 27.01.08
Horário: 0 6 .0 0 p m
Local: B is h o p C r e ig h t o n H o u s e
3 7 8 L illie R o a d S W 6 7 P H - L o n d o n -U K
E xpos itores :
Fernando G alda Es pelho
Tema: As pecto His tórico: Mag netis mo & Mes mer, Jes us , C uras
Mauro Oliveira
Tema: Fluidos , Peris pírito e C hacras
Ana C ecília R os a
Tema: O que é o Pas s e? Qual o Mecanis mo? Quando e Onde? ...
Ivonete D.O.Jes s amy
Tema: Tipos de Pas s e, Técnicas do Pas s e, G abine do Pas s e, C onfidência
E vanis e M Zwirtes
Tema: Pas s is ta & Paciente, Fé - Merecimento - Vontade ...
Antônio J Leal
Tema: Pas s e Individual & C oletivo, Durante a Aplicação ....

SEMINÁRIO
TRANSTORNOS MENTAIS: Causas e Consequências
(em português - entrada franca - todos são bem-vindos)
Dia: 26.01.08
Horário: 02.00pm às 06.00pm
Local: Quakers Meeting House
20, Nigel Playfair Avenue - W6 9JY - London-UK
Expositores:
Ana Sinclair: Tema - A Concepção Espírita do Homem
O que é o Espírito? Evolução Anímica. O Psiquismo na Visão Espírita...
Manoel Portásio Filho: Tema - Heranças do Passado
O Passado Agindo no Presente - Lei de Causa e Efeito.
Karma e Espiritismo & Arquétipos Jung.
Identidade, Individualidade e Personalidade ...
Ana Cecília Rosa: Tema - Causas dos Transtornos Mentais
Psicopatologia e Doenças Mentais. Transtornos de Ansiedade. Transtornos do Humor:
Depressão...Transtornos do Pânico, Fóbicos, Dissociativos, Psicóticos ...
Evanise M Zwirtes: Auto Encontro (Razão e Emoção)
Máscaras do Ego... Como ver a Inveja? A Censura (resistência).
A Projeção (viver fora da própria realidade). Consciência de Culpa - O Que Fazer?...
Fernando Galda Espelho: Tema - Evolução Cura Espiritual
Doença Mental e Mediunismo (mediunidade e obsessão)... Desejo Gerador da Vontade...
Diferença entre Arrependimento e Remorso... Diferença entre Dor e Sofrimento...
Evanise M Zwirtes: Terapêutica Espírita
Natureza Moral da Terapia Espírita... Ressignificação de Crenças ...
Percepção, Aceitação, Decisão...

Informações & Inscrições


Tel: 0207 244 9648
E-mail: spiritist.psychologicalsociety@virgin.net
CONVITE

O Depto. de Ensino do Solidarity Spiritist Group faz saber que,


a partir de FEVEREIRO de 2008, estará ministrando os
seguintes Cursos, em português:

4as. Feiras - das 7:00 às 9:00 p.m.


1) INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO ESPIRITISMO
2) EDUCAÇÃO MEDIÚNICA – 2º ANO

5as. Feiras - das 8:30 às 10:00 p.m.


CIÊNCIA ESPÍRITA

As inscrições (GRATUITAS) para esses Cursos estarão abertas


a partir de 03 de janeiro de 2008, na sede do Solidarity
Spiritist Group, 59 Wandsworth High Street, SW18 2PT, tel.
020 8874 9758, no horário das 6:15 às 8:15 p.m., com Renata
ou Manuel, sendo o convite extensivo aos frequentadores de
todos os grupos espíritas de UK. Maiores informações no
local. Agradecemos a caridade da divulgação.
Depto. de Ensino
Manuel Portasio - Dirigente
Evangelização
SEE YOU SOON
Voltou a Pátria do Cruzeiro, o nosso queridíssimo Giovani Guimarães, deixando
a todos os amigos de Londres uma saudade gostosa. Ativo colaborador da
Evangelizacao, esse obreiro do Cristo segue a risca a cartilha de Kardec,
trabalhando a “sua transformação moral e empreendendo esforços para combater
suas más inclinações”. Destacou-se, entre muitas atividades que exercia, no
trabalho com crianças do berçário, maternal e jardim, conciliando técnica e
paciência com um carisma pessoal que conquistava a meninada.

Estamos felizes porém, com os novos rumos na vida deste irmão que retorna aos braços da sua família
nas Minas Gerais e continuará servindo o Cristo, trabalhando com o valoroso médium Geraldo Lemos
Neto, que foi discípulo direto do nosso inesquecível Chico Xavier.
Boa sorte companheiro!!!

READING AND LEARNING


Esse ano, das atividades culturais que tivemos, o
“Dia da Leitura”, que acontece sempre no primeiro
domingo de cada mês, foi a alegria dos
evangelizandos e evangelizadores. Sempre um
contador de historias diferente e convidado a
participar, trazendo um livro e motivando a todos ao
importantíssimo hábito da leitura. Luís del Nero,
Edivánia Mazzoco e Carolina Von Scharten foram os
destaques deste ano.
Com uma leitura clara e sempre lúdica encantaram a
todos.
Próximo ano, teremos a participação, já confirmada, da nossa querida Elsa Rossi, onde as crianças
terão a oportunidade de ouvir as estórias e fazer perguntas à própria autora do livro. Elsa já
publicou seu quarto livro, todos eles voltados para o público infantil.
Ler e ler, para aprender!!!

BUSY AND HAPPY


Para quem ainda não sabe, a nossa Maria José Barbosa (ela mesma, a Zezé), além
de evangelizar todos os domingos e ser vice-coordenadora do “W.Crookes”, ainda
tem a abençoada missão de conduzir os destinos da Evangelização no Reino
Unido. Junto com a diretoria do British Union of Spiritist Societies, ela iniciou
uma campanha maciça de divulgação da evangelização da criança e do jovem em
todas as casas espíritas de U.K. e conta com o apoio incondicional de todos.
“Evangelize, coopere com Jesus” (antigo lema da D.I.J-F.E.B)
Pode contar conosco!!!
Guy's and St Thomas' Hospital

Pede a nossa
colaboração com
roupas usadas para
adultos e crianças.
CRÔNICA DE NATAL
Desde a ascensão de Herodes, O Grande, que se fizera rei com a apoio dos
romanos, não se falava na Palestina senão no Salvador que viria, enfim...
Mais forte que Moisés, mais sábio que Salomão, mais suave que David,
chegaria em suntuoso carro de triunfo para estender sobre a Terra as leis do
Povo Escolhido. Por isso, judeus prestigiosos, descendentes das doze tribos,
preparavam-lhe oferendas em várias nações do mundo. Velhas profecias
eram lidas e comentadas, na Fenícia e na Síria, na Etiópia e no Egito. Dos
confins do Mar Morto às terras de Abilena, tumultuavam notícias da
suspirada reforma...E mãos hábeis preparavam com devotamento e carinho
o advento do redentor. Castiçais de ouro e prata eram burilados em Cesárea,
tapetes primorosos eram tecidos em Damasco, vasos finos eram importados
de Roma, perfumes raros eram trazidos de remotos rincões da Pérsia...

Negociantes habituados à cobiça cediam verdadeiras fortunas ao Templo de Jerusalém, após ouvirem as predições
dos sacerdotes, e filhos tostados do deserto vinham de longe trazer ao santuário da raça a contribuição espontânea
com que desejavam formar nas homenagens ao Celeste Renovador. Tudo era febre de expectação e ansiedade.
Palácios eram reconstruídos, pomares e vinhas surgiam cuidadosamente podados, touros e carneiros, cobras e
pombos eram tratados com esmero para o regozijo esperado. Entretanto, o Emissário Divino desce ao mundo na
sombra espessa da noite. Das torres e dos montes, hebreus inteligentes recolhem a grata notícia... Uma estrela
estranha rutila no firmamento. O enviado, porém, elege pequena manjedoura para seu berço de luz. Milícias
angelicais rejubilam-se em pleno céu. Mas nem príncipes, nem doutores, nem sábios e nem poderosos da Terra lhe
assistem a consagração comovente e sublime. São pastores humildes que se aproximam, estendendo-lhe os braços.
Camponeses amigos trazem lhe peles surradas. Mulheres pobres entregam-lhe gotas de leite alvo. E porque as
vozes dos Céu se fazem ouvir, cristalinas e jubilosas, cantam elas também... - "Gloria a Deus nas alturas, paz na
Terra, boa vontade para com os homens!... Ali, na estrebaria singela, estão Ele e o povo... E o povo com Ele inicia
uma nova era... É por isso que o Natal é a festa da bondade vitoriosa. Lembrando o Rei Divino que desceu da
Glória à Manjedoura, reparte com teu irmão tua alegria e tua esperança, teu pão e tua veste.Recorda que Ele, em
sua divina magnificência, elegeu por primeiros amigos e benfeitores aqueles que do mundo nada possuíam para
dar, além da pobreza ignorada e singela. Não importa sejas, por enquanto, terno e generoso para com o próximo
somente um dia... Pouco a pouco, aprenderás que o espírito do Natal deve reinar conosco em todas as horas de
nossa vida. Então, serás o irmão abnegado e fiel de todos, porque, em cada manhã, ouvirás uma voz do Céu a
sussurrar - te, sutil: - Jesus nasceu! Jesus nasceu!... E o Mestre de Amor terá realmente nascido em teu coração para
viver contigo eternamente.

Francisco Cândido Xavier / Irmão X - Livro: Antologia Mediúnica do Natal

Gostaria de agradecer aos leitores a atenção pelo meu trabalho no decorrer deste ano e desejar uma noite de Natal repleta de
muita paz e harmonia.
Claudia Werdine
ALGO MAIS NO NATAL

Senhor Jesus!

Diante do Natal, que te lembra a glória na

manjedoura, nós te agradecemos:


a música da oração;

o regozijo da fé;

a mensagem de amor;

a alegria do lar;

o apelo a fraternidade;

o júbilo da esperança;
a bênção do trabalho;

a confiança no bem;

o tesouro da tua paz;

a palavra da Boa Nova;

e a confiança no futuro!...
Entretanto, oh! Divino Mestre, de corações voltados

para o teu coração,

nós te suplicamos algo mais!

...Concede-nos, Senhor,

o dom inefável da humildade


para que tenhamos a precisa coragem

de seguir-te os exemplos!

EMMANUEL
PRESENTE DE NATAL
Ivone Molinaro Ghiggino, Rio de Janeiro, Brasil

Após a prece emocionada, dirigida ao amado Pai e ao aniversariante querido, a ceia de Natal,
na bonita casa em bairro elegante da cidade, desenrolava-se em meio a muita alegria! E dessa
alegria compartilhavam os serviçais, para os quais, simultaneamente, outra refeição era
servida na copa; eles se revezavam, a fim de cearem e, ao mesmo tempo, servirem os atrões e
seus convidados.
Após a ceia natalina, chegara a hora da entrega e troca dos presentes, os quais se
encontravam festivamente espalhados sob a árvore iluminada. Contentamento geral!
E os donos da casa chamaram à sala todos os empregados, que igualmente receberiam seus
presentes.
Quando a distribuição chegava ao seu final, o velho jardineiro, de cabeça nevada e olhos
cheios de sabedoria adquirida no múltiplo reencarnar, pediu licença ao patrão para também
ele entregar uma humilde lembrancinha a todos...
Obtida a permissão, ele retirou, de dentro de singela bolsa de papel, pequenos embrulhos,
como trouxinhas, feitos de folhas de bananeira, amarrados com tosco barbante.
Simplesmente, entregou um a cada pessoa ali presente, pedindo-lhes desculpas por ser algo
tão modesto.
E, quando cada um abriu seu pacotinho, dentro dele havia um pequenino grão, uma
sementinha...
O velho jardineiro então explicou... Aquela era uma semente muito rara, e difícil ainda de ser
cultivada: era a semente da boa vontade, tão aconselhada por Nosso Senhor, quando falava
aos homens!
Era difícil de crescer, porque necessitava o adubo das boas ações, e a rega do suor do trabalho
pelos semelhantes. Precisava estar sempre cercada pela vigilância do jardineiro, para impedir
que o sol causticante das paixões terrenas e os vermes devoradores da imperfeição não a
destruíssem...
Quem conseguisse fazê-la germinar, estaria seguindo os ensinamentos do Messias, pois, com
boa vontade, florescem sempre os frutos do amor, da paciência, da humildade e da caridade!
Total emoção entre os que ouviam o velho e sábio jardineiro!
E, à medida que ele falava sobre a sementinha da boa vontade, aqueles grãozinhos miúdos,
minúsculos mesmo, começaram a irradiar luz diferente, como a demonstrar um pouquinho
da luz do Divino Mestre!...
Todos entenderam o recado, considerando, ali, mais um dos muitos presentes valiosos de
Jesus a seus Irmãos...
Amigos, em mais este Natal, indaguemos de nós mesmos como está a nossa plantinha da boa
vontade?
Já plantamos sua semente em nossos corações? Devidamente a cuidamos?
Numa real homenagem ao Mestre amado, mesmo que surjam ameaças mil, não deixemos de
ampará-la, buscando cercá-la de atenções, porquanto, em verdade, já sabemos que seu maior
beneficiário é o próprio jardineiro...
Que o Grande Cultivador das Almas vos abençoe nessa data de mais um de seus
aniversários!
Feliz Natal a todos!
REENCARNACIÓN
Ivone Molinaro Ghiggino, Rio de Janeiro, Brasil

Reencarnación: la clave para comprender nuestra existencia aquí en la Tierra.

Palabra de origen latina, del prefijo RE (de nuevo), más el prefijo IN (movimiento hacia adentro), más los
sustantivos CARNE (carne) y ACTIONE (acción), significando “acción de volver a tomar una carne” (o un
cuerpo humano); se trata, por lo tanto, de un nuevo cuerpo físico, distinto del anterior.

Los pueblos antiguos ya conocían la reencarnación bajo el nombre de “palingénese” - del griego PALIS (de
nuevo) y GÉNESIS (nacimiento) – “trasmigración del alma”, o sencillamente “renacimiento”. Es, pues, una
creencia antigua, existente prácticamente desde el surgimiento del ser humano, principalmente en las filosofías
religiosas orientales: nadie tenía dudas. Por ejemplo, el filósofo egipcio Plotino (205/270) ya se refería
seguidamente al “Alma viajante”... Además, el Cristianismo de entonces la aceptaba como realidad irrefutable,
hasta el año 553, cuando, en el 2º Concilio de Constantinopla, fue proscrita por razones personales y políticas,
condenándose, así, las propias enseñanzas de Jesús, que no pocas veces la mencionó, como en la afirmación a
los apóstolos de que Juan Bautista fuera Elías, en charlas con Nicodemus, etc.

La reencarnación es, sin duda, una prueba más de la misericordia de Dios, nuestro amoroso Padre, y de su
infinita justicia (no fuera Él “soberanamente justo y bueno...” – L. Espíritus, p. 13). Ella faculta que nosotros, sus
hijos, rescatemos los errores cometidos en el pasado, por medio del aprendizaje y del trabajo en nuevas
existencias, usando nuevos cuerpos somáticos – “uniformes de servicio en la Tierra” – para que, poco a poco,
siguiendo al Cristo, aprendamos a vivenciar el amor.

La reencarnación es instrumento pedagógico para el espíritu, indispensable, pues, a su evolución, hasta que
alcance un escalón moral superior. Nuestros hermanos de Humanidad (con todo el respeto que tenemos por sus
opiniones), que no aceptan la idea de la reencarnación, no logran, de forma que atienda a nuestra racionalidad,
explicar el motivo de nuestros sufrimientos y de las diferencias entre nosotros (físicas, sociales, intelectuales,
morales, etc.)... No obtienen respuestas lógicas a las grandes preguntas que angustian al ser humano a lo largo
de los tiempos: ¿Qué soy? ¿De donde vine? ¿Por qué y para qué estoy aquí? ¿Cuál será mi futuro? Y, sin darse
cuenta, esos hermanos están calificando nuestro Padre de absurdamente injusto y cruel...

La reencarnación, nombrada poéticamente en India de “Rueda de Sansara”, promueve la progresión del


espíritu, hasta el momento en que él no más la necesite para su continua evolución. Ella iguala los hombres
(espíritus encarnados), e impone la verdad de la responsabilidad individual en la construcción de su futuro...
Responsabilidad esa que no puede ser anulada por dogmas o solemnidades materiales de cualquier tipo.
Recordemos la aserción de Léon Denis: ¡“El hombre es arquitecto de su destino!”

Hoy día, la reencarnación escapó a la esfera de la filosofía y de la religión, invadiendo decididamente el área de
la ciencia, la cual cada vez más la comprueba, no sólo por pesquisas y experimentos que la ratifican en la
Terapia de Vidas Pasadas y en estudios sobre niños que recuerdan su última encarnación o que revelan
conocimientos prodigiosos en todos los sectores de la vida humana - totalmente excepcionales para su edad
cronológica - y que ahí están, llevando los incrédulos a pensar sobre el asunto y renovar conceptos...

Científicos y pesquisidores renombrados, como el médico americano Brian L. Weiss (“Muchas vidas, muchos
maestros”) y tantos otros, definitivamente rompieron el tabú existente, comprobando ineluctablemente la
reencarnación.En noviembre de 2006, la Federación Espírita Brasilera reeditó, en DVD, la película “Mi vida en
otra vida”, que relata la historia verídica de la inglesa Jenny Cockell, proyectista de juguetes electrónicos,
casada, con una pareja de niños, que se acordaba de su vida anterior, en Irlanda, donde desencarnara dejando
seis hijos. ¡Después de muchas dificultades, logró reencontrar esos hijos suyos (menos uno, que ya
desencarnara) y reunirlos, todos ellos bastante más ancianos que ella en su actual existencia!...

El bienhechor Emmanuel, en el libro homónimo, psicografía de Chico Xavier, nos asegura: ¡“Cada encarnación
es como un atajo en la ruta de la ascensión”. Así, vivenciemos bien esa importante oportunidad de progreso,
usando ese valioso “talento” para nuestra regeneración, construyendo un nuevo recomienzo, acertando el paso
a camino de la luz.

¡Mucha Paz!
Jesus – o aniversariante
por Noémia José, Londres

A humanidade pretende comemorar a data do nascimento


de Jesus.

Espírito de natureza altamente superior, designado por


Deus o governador do planeta Terra, apieda-se da
população terrena, seus irmãos menores, e vem ao nosso
encontro. O Amor era a sua paixão, por isso o Amor foi o
tema basilar do Seu ministério.
Entre os homens, os preparativos para a comemoração do Natal começa no dia de Natal anterior: decide-se
logo em casa de quem o Natal próximo será festejado. Planeiam-se economias para a compra dos
presentes. O capitalismo, sob a forma de consumismo, domina o ambiente, as mentes, as vontades, as
decisões. No próximo ano, Fulano e Sicrano terão um presente mais digno, isto é , mais caro, mas Beltrano
teve o que realmente merece. A noite e o dia de Natal irão ser um desafio ao bom garfo. Diversificar as
iguarias e comer até não poder mais é o que se pretende. Actualizam-se novidades, revelam-se planos para
o futuro próximo, etc, etc.

Ninguém esperou pelo aniversariante. Ninguém notou a sua presença! Por isso, não se cantou os parabéns!
Jantar terminado bem tarde na noite, abraços e beijos, e todos se vão rumo aos seus aconchegos. As portas
fecharam-se. E todos se acomodaram para o sono reparador.

Jesus, o esquecido, permaneceu lá, invisível a todos, espargindo bênçãos em profusão, saturadas do Seu
sublime Amor.

Que conceito fazemos ainda do Natal? Será trocar presentes e partilhar manjares? Não estará na hora de
reformularmos o conceito da quadra natalícia? Não deveremos nós espíritas revolucionar o conceito?

Convidemos Jesus para a festa que erigimos para Ele!! Em vez de troca de presentes, saciemos a fome a
quem está exangue e desnutrido. Partilhemos do que nos sobra e até do que nos faz falta com os que nada
têm ou têm menos do que nós. Em vez de mesa lauta, façamos uma refeição dentro do que o estômago
comporta e o organismo assimila. Comemoremos o aniversário de Jesus, sentindo-o como o hino ao Amor
à potência. À mesa da ceia de Natal, citemos Jesus sem preconceitos e, através do recolhimento da prece,
convidemos todos à reflexão dessa figura ímpar, que jamais e em tempo algum foi igualado. E firmemos
um pacto com a consciência: em Natais futuros em diante, o aniversariante deverá ser o protagonista por
excelência, falandonos à inteligência e ao coração, penetrando o âmago da consciência, num convite
irrecusável à prática do amor incondicional na pessoa do nosso semelhante.

Cantemos, pois, os Parabéns!!


The Golden Rule not the Rule of Gold

Zoroastrianism
"That nature only is good when it shall not do unto another whatever is not good for its own self."
...Dadistan-i-Dinik, 94:5...

"We cannot all do great things but we can do small things with great love."...
Mother Teresa

Confucianism
"Do not unto others what you would not have them do unto you"
...Analects 15:23...

Baha'i
"Blessed is he who preferreth his brother before himself."
...Baha'u'llah, Tablets of Baha'u'llah,71...

Buddhism
"Hurt not others in ways that you yourself would find hurtful."
...Udana-Varga,5:18...

Christianity
"All things whatsoever ye would that men should do to you, do ye even so to them."
...Matthew7:12...

Hinduism
"This is the sum of duty: do naught unto others which would cause you pain if done to you."
...Mahabharata 5:1517...

Islam
"No one of you is a believer until he desires for his brother that which he desires for himself".
...Sunnah...

Jainism
"In happiness and suffering, in joy and grief, we should regard all creatures as we regard our own self"
...Lord Mahavira, 24th Tirthankara...

Judaism
"What is hateful to you, do not to your fellow man. That is the law: all the rest is commentary"
...Talmud, Shabbat 31a

Native American
"Respect for all life is the foundation."

Sikhism
Don't create enmity with anyone as God is within everyone."