Vous êtes sur la page 1sur 4

O Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares:

Metodologias de operacionalização II
D – GESTÃO DA BE
D.1.Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE.
Indicadores Factores críticos de sucesso Instrumentos de Evidências extraídas dos instrumentos a integrar no
recolha de Relatório de Auto - Avaliação
evidências sugeridos
§A escola inclui a BE na formulação e §A BE está contemplada nos principais documentos que regem a vida
desenvolvimento da sua missão, princípios e A. Excertos das determinações escolar (PEA, RIA, PCA, PAAA) enquanto promotora do sucesso
objectivos estratégicos e de aprendizagem. contidas na documentação
educativo. – A, B, C, D, I, J
institucional que define os
§O professor bibliotecário tem assento no conselho objectivos e regula o §O professor bibliotecário tem participação activa no conselho pedagógico,
pedagógico. funcionamento da contribuindo para a afirmação e valorização da BE na comunidade escolar.
escola/agrupamento,
referentes à BE. (PEA, RIA e – C, F, G
§São desencadeadas acções com vista à partilha,
discussão e aprovação da missão e objectivos da BE PCA, PAAA) §A PB desenvolve acções no sentido da discussão e aprovação da
nos órgãos de administração e gestão (conselho missão e objectivos da BE com o Director. – C, D
geral, director, conselho pedagógico) departamentos B. Aspectos contidos nos
curriculares e demais estruturas de coordenação documentos que regem o §Apresentação do MAAB em Conselho Pedagógico (2 Dez) – C, F
educativa e de supervisão pedagógica. funcionamento da BE e que se
relacionam com este item/ §A PB reune com estruturas de acção pedagógica e educativa da Escola o
§O regulamento interno da escola contempla os documentos que tiveram de ser que contribui para a valorização da BE e respectiva articulação. – C, F, H
seguintes aspectos:- Missão e objectivos da BE;- reformulados este ano lectivo.
D.1.1 Organização funcional do espaço;- Organização e
§ A BE apoia o desenvolvimento dos projectos a realizar pelos docentes. –
C. Registos de reuniões/contactos F, H, I
gestão dos recursos de informação; - Gestão dos
Integração/acção recursos humanos afectos à BE; - Serviços prestados informais com docentes
§ O plano de desenvolvimento da BE articula com o PEA e com o PAAA. –
da BE na escola/ à comunidade escolar no âmbito do projecto A, H, I
educativo; - Regimento do funcionamento das BE. D. Questionário ao Director (CK1)
agrupamento.
§ A BE envolve-se nos planos de acção dos agentes educativos da escola,
§A BE adequa os seus objectivos, recursos e E. Ficha de registo de A. A. do PB
participando em reuniões e estabelecendo contactos regulares (actas). –
actividades ao currículo nacional, ao projecto (CK3)
B, C
curricular de escola e aos projectos curriculares das
turmas. F. Questionário aos docentes
§ A BE dinamiza actividades e projectos de cooperação e parcerias a nível
(QD3)
interno, divulgando-as na comunidade escolar através dos meios habituais.
§O plano de desenvolvimento da BE acompanha, em
G. Questionário aos alunos (QA4) -I
termos de acção estratégica, o projecto educativo da
escola e outros projectos. A Equipa procede à análise estatística dos QD3 aplicados a, no mínimo
H. Excertos do Plano de
Desenvolvimento da BE e do 30% dos docentes da Escola Sede, havendo a registar os seguintes
§O plano anual de actividades da BE relaciona-se, em
termos de objectivos operacionais, com o apoio ao PEA dados:… - F
currículo, com o plano anual de actividades da escola ▪A Equipa procede à análise estatística dos QA4 aplicados a 10% dos
e com outros projectos em desenvolvimento. I. Excertos do PAAA e do PAA
da BE e do relatório de alunos da Escola Sede, seleccionados por amostragem aleatória
Actividades da BE proporcional, havendo a registar os seguintes dados:… - G
D – GESTÃO DA BE
D.1.Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE.
Indicadores Factores críticos de sucesso Instrumentos de Evidências extraídas dos instrumentos a integrar no Relatório
recolha de de Auto – Avaliação
evidências
sugeridos
§ O órgão de administração e gestão atribui/não atribui uma verba anual para a
§Os órgãos de administração e gestão (conselho actualização da colecção e para o funcionamento da BE. – A, C
geral, director, conselho pedagógico) apoiam as BE e
§ O Agrupamento contempla a BE e os seus recursos nos projectos e actividades
envolvem-se na procura de soluções promotoras do A. Documentos de
educativas e curriculares. – A, E
seu funcionamento. gestão da escola.
§ Alguns docentes integram a BE nas suas práticas e utilizam-na como recurso. – D, E,
§Os órgãos de administração e gestão põem em B. Documentos de
G
prática uma política de afectação de recursos gestão da BE.
humanos adequada às necessidades de § Alguns docentes encaminham os alunos para que estes façam trabalhos de pesquisa.
C. Entrevista/ – E, F, G
desenvolvimento da BE. questionário ao director
(CK1). § Alguns docentes encaminham os alunos para a BE para que estes escolham livros
D.1.2 §Os órgãos de administração e gestão (director, para projectos de leitura individual e utilizem os dicionários em situações pontuais. – E,
conselho pedagógico) e os departamentos curriculares D. Excertos de actas de F, G
Valorização estabelecem estratégias visando a articulação entre a apresentação de
BE e as demais estruturas de coordenação educativa projectos/relatórios ao § Os docentes utilizam a BE para realizar trabalhos e animação de Leitura no âmbito do
da BE pelos conselho pedagógico;
e de supervisão pedagógica. PNL. – F, G
órgãos de determinações/
direcção, §A escola contempla a BE e os seus recursos nos
recomendações do § A BE dispõe de 9 computadores novos. - F
conselho pedagógico.
administração projectos e actividades educativas e curriculares § Registo em actas que comprovam procura de soluções, trabalho desenvolvido e
e gestão da E. Registos de articulação. – A, B, C, D
escola/ §Os órgãos de administração e gestão atribuem uma projectos/actividades
verba anual para a renovação de equipamentos ,para envolvendo trabalho § A BE possui apenas … assistente(s) operacional(is), o que é suficiente/insuficiente. - B
agrupamento.
a actualização da colecção e para o funcionamento da na/com a BE § O número de elementos da equipa e horas atribuídas adequa-se/não se adequa às
BE. necessidades. - B
F. Estatísticas de
utilização da BE. § O Director e o C.P. analisam várias vezes propostas relativas ao funcionamento da BE.
§A escola encara a BE como recurso fulcral no
desenvolvimento do gosto pela leitura, na aquisição -E
G. Questionário aos
das literacias fundamentais, na progressão nas docentes (QD3) § Professores, coordenadores dos D.T., SPO, CNO e associação de pais articulam
aprendizagens e no sucesso escolar. trabalho com a BE no desenvolvimento do gosto pela leitura, enriquecimento cultural e
na progressão das aprendizagens visando o sucesso educativo. - E
§Os docentes valorizam o papel da BE e integram-na
nas suas práticas de ensino/aprendizagem. § Reforço da política de Marketing para valorizar a BE na comunidade escolar e dar
visibilidade para o exterior. - B
D – GESTÃO DA BE
D.1.Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE.
Indicadores Factores críticos de sucesso Instrumentos de Evidências extraídas dos instrumentos a integrar no
recolha de Relatório de Auto - Avaliação
evidências sugeridos
§A BE funciona num horário contínuo e alargado que
possibilita o acesso dos utilizadores no horário lectivo
§ O horário é contínuo e coincide com a permanência dos alunos na
e acompanha as necessidades de ocupação em
escola. - A
horário extra lectivo.
§ A análise estatística de ocupação da BE revela que os alunos utilizam
§As BE no agrupamento são geridas de forma com frequência o espaço. – A, B
integrada, rentabilizando recursos, possibilidades de A. Horário da BE
acesso a programas e projectos. § Os recursos e serviços da BE correspondem/não correspondem ainda,
na totalidade, às metas e estratégias definidas no projecto curricular e
§Os recursos e serviços da BE respondem às metas outros projectos. – D, E
B. Estatísticas de utilização da
e estratégias definidas no projecto educativo, projecto BE § Sensibilização da Direcção para a necessidade de integrar mais
curricular e outros projectos. elementos na equipa para se poder alargar o leque de” boas práticas” a
desenvolver. – C, D
§A BE cria condições e é usada como recurso e como
D.1.3 local de lazer e de trabalho. C. Registos de § A BE é usada como local de lazer e de trabalho. - B, D, E
reuniões/contactos.
§ A BE apoia os utilizadores, no âmbito das competências tecnológicas, no
Resposta da BE às §A BE apoia os utilizadores no acesso à colecção,
acesso à colecção, aos equipamentos, à leitura, à pesquisa e ao uso da
necessidades da aos equipamentos, à leitura, à pesquisa e ao uso da
informação. informação - D
escola/ D. Registos de
agrupamento. projectos/actividades. § A BE cria dinâmicas de promoção cultural e de difusão dessas práticas. -
§A BE planifica com docentes, departamentos (planificação, definição de D
curriculares e demais estruturas de coordenação objectivos e concretização de
educativa e de supervisão pedagógica. actividades). § A BE possui planificações/projectos em articulação com outras
estruturas. - D
§A BE desenvolve projectos com a
§ A PB cria dinâmicas para formar públicos, estando a promover desde o
escola/agrupamento.
E. Questionário aos docentes 1º período acções de formação e outras no âmbito da literacia da
(QD3). Livro/Caixa de informação e da pesquisa. – B, D
A BE assume-se como pólo de fomento e de difusão sugestões/Reclamações.
cultural. § Análise dados obtidos nos questionários para verificar se a BE é um pólo
de fomento e difusão cultural (% de níveis 1, 2,3 ou 4 atribuídos pelos
§ Estruturas de coordenação educativa e supervisão docentes nos itens 1 a 6 e 8. - E
pedagógica e docentes. Criar dinâmicas de promoção
cultural e difundir essas práticas formando públicos, § A BE dispõe de uma caixa de sugestões / propostas / observações. - E
promovendo a escola e a BE como pólo cultural.
D – GESTÃO DA BE
D.1.Articulação da BE com a Escola/Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE.
Indicadores Factores críticos de sucesso Instrumentos de Evidências extraídas dos instrumentos a integrar no
recolha de Relatório de Auto - Avaliação
evidências sugeridos
§A BE implementa um sistema de auto-avaliação
contínuo. A. Informação recolhida com
recurso ao sistema automatizado
§Os órgãos de direcção, administração e gestão são de gestão bibliográfica. § A BE implementa o sistema de auto-avaliação contínua definido no
envolvidos no processo de auto-avaliação da BE. modelo de auto-avaliação das BE. – A, B, C, D

B. Registos de observação,
questionários, entrevistas ou
§Os instrumentos de recolha de informação são § São utilizados os instrumentos de recolha de informação, aplicados de
outros realizados no âmbito da
aplicados, de forma sistemática, e no decurso do avaliação da BE. forma sistemática (órgãos de direcção inclusive). – A, B, C, D
processo de gestão.

C. Excertos de documentação § A informação recolhida é analisada e os resultados da análise/avaliação


D.1.4 §A informação recolhida é analisada e os resultados recolhida. originarão, quando necessário, a redefinição de estratégias, no sentido de
da análise/avaliação originam, quando necessário, a uma efectiva melhoria. – B, D, C
Avaliação da BE na redefinição de estratégias, sendo integrados no
escola/ processo de planeamento. D. Relatórios relativos ao
agrupamento funcionamento da BE:
§ Os resultados da auto-avaliação são divulgados junto dos órgãos de
§Os resultados da auto-avaliação são divulgados
- Relatório de actividades da BE direcção, administração e gestão (conselho geral, director, conselho
junto dos órgãos de direcção, administração e gestão
pedagógico), estruturas de coordenação educativa e de supervisão
(conselho geral, director, conselho pedagógico),
- Estatística de ocupação da BE pedagógica e da restante comunidade, com o objectivo de promover e
estruturas de coordenação educativa e de supervisão
valorizar as mais-valias da BE e de alertar para os pontos fracos do seu
pedagógica, e da restante comunidade, com o - Estatística de requisições funcionamento. - D
objectivo de promover e valorizar as mais-valias da
BE e de alertar para os pontos fracos do seu - Questionário a alunos
funcionamento.
- Questionário a docentes
§ O relatório de auto-avaliação da BE é referido no relatório de A.A. da
§São realizadas actividades de benchmarking. escola/agrupamento. – C, D
- Questionário ao Director
§A auto-avaliação da escola integra os resultados da - Registo de Actas
auto-avaliação da BE.

Margarida Costa Rodrigues