Vous êtes sur la page 1sur 8

O meu telemóvel ontem, hoje e amanhã”

Trabalho realizado por Juliana Silva, nº10 Curso EFA NS Higiene e Segurança no trabalho

 

STC5-DR1

 

Índice

O

meu telemóvel ”ontem, hoje e amanhã”

1

Eu e o telemóvel

 

3

A

evolução do telemóvel

4

Funcionalidades dos telemóveis

 

7

As ondas de rádio e as microondas

8

STC5-DR1

Eu e o telemóvel

Quando não tinha telemóvel comunicava com os meus amigos e familiares por cartas ou íamos à casa de uns e de outros, tinha que ser assim porque não tinha telefone fixo.

Quando começou a surgir o telemóvel eu não tive logo telemóvel, alguns dos meus colegas já tinham, eu só tive por volta dos meus dezasseis anos, e não era propriamente meu, era da minha mãe, que mandou vir através do jornal, era uma Motorola. Nem sempre o levava para a escola, porque os meus pais diziam que era muito nova para ter um telemóvel. Então quando o levava para a escola eu e os meus colegas trocávamos de número. Chegava a estar numa ponta da escola e um colega noutra ponta, e ligávamos uns aos outros. Passávamos os intervalos a mandar mensagens escritas uns aos outros, e alguns colegas mandavam durante as aulas, o que lhes era tirado o telemóvel, porque não estavam com atenção nas aulas.

Nessa altura os telemóveis só davam para realizar chamadas e mensagens escritas, tinham também relógio, data, e pouco mais. Aos dezassete anos tive então o meu primeiro telemóvel, um Nokia, que fazia as mesmas coisas, mas tinha mais memoria que o primeiro, a lista telefónica tinha mais espaço para por os números, e as mensagens escritas com maior capacidade para as gravar.

O meu telemóvel actual é na mesma um Nokia, mas com mais conversação mensagens escritas, mensagens multimédia, cronometro, e-mail, infravermelhos, leitor de música, lista de canais PPF, Web, Bluetooth, etc. Mas não uso estas modalidades todas, uso para fazer e receber chamadas, enviar e receber mensagens escritas, o relógio, lista de tarefas, e por vezes uso as mensagens multimédia, a camera. Posso dizer que sou viciada em enviar mensagens escritas, envio mesmo muitas mensagens escritas. Mas gostava de ter um telemóvel com GPS, vídeo-chamadas, ou seja, gostava de ter um telemóvel da 3ª geração (3g), talvez um dia.

A evolução do telemóvel

A evolução do telemóvel Ontem Amanhã Hoje STC5-DR1 Página 4 de 8

Ontem

A evolução do telemóvel Ontem Amanhã Hoje STC5-DR1 Página 4 de 8
A evolução do telemóvel Ontem Amanhã Hoje STC5-DR1 Página 4 de 8

Amanhã

Hoje

STC5-DR1

Quem inventou o telemóvel?

STC5-DR1

Quem inventou o telemóvel foi Martin Cooper, que era director de projecto na Motorola.

A primeira chamada feita de um telemóvel celular foi feita no dia 3 de Abril de

1973.No dia de 3 de Abril de 2003 30 anos que o engenheiro Martin Cooper causou furor em Manhattan. Muitos novaiorquinos pararam, porque viram um tipo a falar ao

telemóvel na rua. Foi a primeira chamada feita.

De onde surgiu a ideia?

A ideia surgiu em 1947,quando alguns pesquidores se aperceberam, que recorrendo a

pequenas células poderiam aumentar a capacidade de comercio dos telefones moveis.

Quando surgiu o primeiro telemóvel?

O primeiro telemóvel surgiu em 1973.

A TMN foi a primeira operadora de telemóveis a trabalhar em Portugal em 1991. O

serviço digital foi lançado em Portugal, em Outubro de 1992, sendo a TMN a primeira a fazê-lo, também uma das pioneiras a nível Europeu.

A evolução do telemóvel

Na segunda geração de telemóveis o sistema GSM (Global System for Mobile), permitiu a melhoria das comunicações móveis. Começou a haver mais qualidade na comunicação, possibilitando de a partir de um telemóvel realizar e receber chamadas num país estrangeiro.Com o passar dos anos, o simples acto de uso telemóvel deixou de ser um facto decisivo em termos de importância social. Os telemóveis são cada vez mais associados aos computadores.

Prós e contras dos telemóveis

Os telemóveis permitiram uma maior liberdade de comunicação, e são práticos e fáceis de transportar. Os telemóveis permitem-nos uma economia de tempo e custo. Podemos comunicar em qualquer lugar e em qualquer momento, e temos acesso a uma gama de serviços como, SMS, e-mail, fax, internet, jogos, rádio, leitor de MP3, relógio, etc.

O seu uso poderá ser prejudicial à saúde devido à emissão de radiações. É fácil ser

interrompido em qualquer lugar e, sobretudo, é fácil criar uma dependência da utilização das aplicações dos telemóveis na organização do quotidiano, não saber de cor números de telefone, não ter uma agenda física, entre outros.

Telemóveis de ultima geração

STC5-DR1

O i-phone da Apple é um telemóvel multifuncional que permite realizar todas as

operações no seu ecrã táctil. É muito fácil seleccionar um contacto uma musica e ouvi-

la, efectuar chamadas. O i-phone oferece ainda serviços de internet, mail, browser e

ligação ao hifi local.

Este telefone permite estabelecer chamadas de voz e vídeo-chamadas entre dois utilizadores contaminais compatíveis. A tecnologia de 3ª geração democratizar o acesso à internet móvel de alta velocidade.

SMS

O SMS surgiu em 1992 quando as redes móveis e a internet começavam a dar os seus

primeiros passos.

MMS

A

terceira geração móvel anuncia um parente afastado do SMS, o MMS, que permitirá

o

envio de mensagens com elevado nível de personalização, texto formado, imagens

de grande qualidade e animações de áudio e vídeos.

STC5-DR1

Funcionalidades dos telemóveis

Comunicação:

Mensagens

de

texto

simples (SMS)

Mensagens multimédia (MMS)

Texto

rico

(com

formação)

Sons

Vídeos

 

Fotografias

Instant Messaging

Push to talk

Bluetooth

Entretenimento:

Rádio

MP3

Gravador

Fotografia

Vídeo

E-mail

Dicionários

Guia de conversação

Jogos

Televisão móvel

Gestão:

Agenda

Notas

Relógio

Despertador

Calculadora

Conversores

PDF readers

Drive portátil

Emotions

Feliz

Triste

() Abraço

; -) Piscar o olho

: -o Espantado

: -D sorriso enorme

: -S ou: -/ Aborrecido

: -* Beijo

: -P língua de fora

: -X Segredo

STC5-DR1

As ondas de rádio e as microondas

As ondas de rádio são ondas do mesmo tipo das que são utilizadas nas transmissões de rádio. As microondas situam-se numa faixa espectral mais elevada, sendo muito utilizadas nas comunicações móveis. A constituição de redes baseadas em ondas de rádio ou em microondas implica a instalação de antenas ou dispositivos de emissão e recepção. A partir de certas distâncias, torna-se mesmo necessária a instalação de retransmissores. As ondas de rádio podem passar através de paredes, enquanto os microondas necessitam, regra geral, de um espaço limpo de obstruções. A principal desvantagem deste tipo de redes é a sua normalmente baixa capacidade em termos de velocidade de transmissão.