Vous êtes sur la page 1sur 2

ESCOLA SECUNDRIA C/ 3 CEB DE LOUSADA

Portugus 12 ano
GRUPO I
Leia o texto com muita ateno e depois responda de uma forma clara e objectiva:

Fernando Pessoa

1. Explica o assunto do poema apresentado sem ultrapassares as 8 linhas.


2. O poema apresenta alguns recursos estilsticos.
a. Identifica os que consideres mais significativos e explica a sua sugestividade.
3. Explica o sentido deste verso: Sono de ser, sem remdio,/ Vestgio do que no foi.
4. Sem ultrapassares as 8 linhas, explica aquilo que entendes por Orpheu.

GRUPO II
1. Completa os espaos em branco com as palavras correctas que encontrars na lista abaixo
colocada. Para isso deves ter em conta aquilo que estudaste sobre este assunto:

No incio do sc. XX, a ______________________ continuava a sofrer a


agitao
social
que
buscava
a
democracia.
Quando
em
___________________ comeava a Primeira Guerra Mundial, o mundo
inteiro questionava os valores e descria dos sistemas _________________.
Portugal tambm se ressente desta situao. Comeam a aparecer as
primeiras correntes ___________________, influenciadas por esta situao.
Em Portugal Fernando Pessoa e outros jovens poetas e
________________, como por exemplo: _____________________ e SCarneiro, (este ltimo que se suicidou em Paris em _______________),
ficaram conhecidos pelos escritores do __________________ e deram incio
ao movimento mais ________________________ do sculo XX, que ver a
sua aco ser prosseguida pelo grupo da revista ______________________,
com Jos Rgio, Miguel Torga e outros.
A poesia de Pessoa revela a expresso do ________________ e da
frustrao
em
no
conseguir
atingir
a
to
ansiada
______________________. Surge ento uma nova poesia que procura
comunicar os seus mais profundos _________________________ com a
mxima
liberdade.
Os
principais
temas
desta
nova
_______________________ artstica so: o esforo do auto-conhecimento,
entre outros. Uma das principais caractersticas da poesia do ortnimo a
dialctica _____________________, tentando encontrar um ponto de
equilbrio, e que no consegue. um poeta _________________, aquele
que se recorda de uma infncia perdida. o poeta da
____________________, aquele que tem uma viso negativa do mundo e da
vida.
Outro problema que atravessa a poesia pessoana o problema do
_________________; ele um factor de desagregao, porque tudo
_______________ e breve. Isso f-lo desejar voltar ________________
visto que ela o nico momento possvel de ____________________ e de
alegria, que ele tanto procurou e acabou por no encontrar. Acabou por
falecer em ____________________.
desiluso paz infncia vanguardista artistas 1935 expresso tempo 1916 tdio estticas
Almada Negreiros
efmero felicidade
Europa
polticos
sentir/pensar
1914
Presena
sentimentos triste Orpheu