Vous êtes sur la page 1sur 130

IMOBILIZADORES

1

IMOBILIZADORES

IMOBILIZADORES 1 IMOBILIZADORES Técnicas de Reset e Decode

Técnicas de Reset e Decode

IMOBILIZADORES

2
2
Copyright © 2008 by Engeprog Todos os direitos reservados Proibida a reprodução total ou parcial,
Copyright © 2008 by Engeprog
Todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial, por qualquer meio ou processo,
especialmente por sistemas gráficos, micro fílmicos, fotográficos, reprográficos,
fonográficos, videográficos, internet, e-books. Vedada a memorização e/ou
recuperação total ou parcial em qualquer sistema de processamento de dados e
a inclusão de qualquer parte da obra em qualquer programa juscibernético.

Essas proibições aplicam-se também às características gráficas da obra e à sua editoração. A violação dos direitos autorais é punível como crime (art. 184 e

parágrafos, do Código Penal, conforme Lei nº 10.695, de 07.01.2003) com pena de reclusão, de dois a quatro anos, e multa, conjuntamente com busca e

apreensão e indenizações diversas (art. 102, 103 parágrafo único, 104,105, 106

e 107 itens 1, 2 e 3 da Lei nº 9.610, de 19.06.98, Lei dos Direitos Autorais).

Os Autores acreditam que todas as informações aqui contidas estão corretas e podem ser utilizadas para qualquer fim legal. Entretanto, não existe qualquer garantia, explícita ou implícita, de que o uso de tais informações conduzirá sempre ao resultado desejado. Os nomes de empresas e sites, porventura mencionados, foram utilizados apenas para ilustrar os exemplos, não tendo vínculo nenhum com a empresa, não garantindo sua existência nem divulgação.

IMOBILIZADORES

3
3

Apresentação

Este treinamento aborda as técnicas de leitura de senhas e reprogramação de Centrais de Injeção eletrônica e Imobilizadores, para reset e/ou decode dos sistemas. Isto se torna necessário na manutenção de veículos, na troca de

centrais, painel etc.

cada montadora e treinamento prático, mostrando as aplicações na Oficina.

Apresenta estudo teórico dos sistemas e procedimento padrão de

Apresentamos os diferentes sistemas de Imobilizador e transponder eletrônico utilizados pelos fabricantes de veículos,
Apresentamos os diferentes sistemas de Imobilizador e transponder
eletrônico utilizados pelos fabricantes de veículos, e as técnicas de programação de
cada um.
Treinamento com ferramentas de hardware e softwares utilizados para
executar os processos de reprogramação e leitura de senhas.
Este treinamento conclui com prática na bancada, executando os
testes em várias Centrais.
Os métodos
apresentados são baseados nas normas ISO9001 e QS9000
de qualidade automotiva, formando profissionais aptos a executar serviços com

garantia de qualidade.

IMOBILIZADORES

4
4

ÍNDICE

1. SISTEMAS IMOBILIZADORES

9

1.1.

SISTEMA IMOBILIZADOR VOLKSWAGEN

10

1.2

SISTEMA

IMOBILIZADOR

FIAT

17

1.2.1

FIAT

CODE1

17

1.2.2

FIAT

CODE2

21

1.3

SISTEMA

IMOBILIZADOR GM

24

1.3.1

GM

CODE1

24

1.3.2

GM

CODE2

26

1.4 SISTEMA IMOBILIZADOR FORD 28 1.4.1 FORD PATS1 30 1.4.2 FORD PATS2 31 1.5 FRANCESES
1.4
SISTEMA IMOBILIZADOR FORD
28
1.4.1
FORD PATS1
30
1.4.2
FORD PATS2
31
1.5
FRANCESES
32
1.5.1
RESET DO MODO ECCO
38
2
TÉCNICAS DE RESET E DECODE
40
2.1
LOCALIZAÇÃO DO MÓDULO IMOBILIZADOR
42
2.2
MEMÓRIAS E PROCESSADORES
48
MEMÓRIAS 8BITS
ENCAPSULAMENTOS
CAPACIDADE DE ARMAZENAMENTO
MEMÓRIAS 16BITS
ENCAPSULAMENTOS
CAPACIDADE DE ARMAZENAMENTO
MEMÓRIAS SOIC8
PROCESSADOR
48
48
49
49
49
50
50
51
2.3
LER E GRAVAR ARQUIVOS
53
2.3.1
LER E GRAVAR MEMÓRIAS 8BITS
53
2.3.2
LER E GRAVAR MEMÓRIAS 16BITS
59
2.3.3
UTILIZAÇÃO DO PROGRAMADOR ST10FLASHER
70
3
SOFTWARE E INTERFECE
78
3.1
SOFTWARES PARA IMOBILIZADOR
79
3.1.1
VAG DASH
79
3.1.2
MERCEDES
SPRINTER START ERROR
80
3.1.3
IMMO KILLER
81
3.2
INTERFACES PARA IMOBILIZADOR
82
3.2.1
VAG TACHO
82
3.2.2
OPEL IMMO TOOL
85

IMOBILIZADORES

5
5

4

RESET DE

CENTRAL NA BANCADA

88

4.1

CENTRAIS

FIAT

88

4.1.1

IAW5NF / 5NP / 5NR

89

4.1.2

IAW59FB

91

4.1.3

IAW4AFB

92

4.1.4

IAW1G7

93

4.1.5

IAW4SF

94

4.1.6

MAREA BOSCH M20.10.4

95

4.1.7

LER SENHA CODE DO BC FIAT

96

4.2

FRANCESES

97

4.2.1

SENIC SIRUS 32

98

4.2.2

FÊNIX 5

101

4.2.3

SAGEM SL96

103

4.3

FIC FORD

104

4.3.1

EEC-LV

CÓD. DISK

105

4.3.2

EEC-V

CÓD. ENIO

108

4.3.3 EEC-LV CÓD. TOGA 110 4.4 CENTRAIS GM 111 4.4.1 DELPHI MULTEC M 112 4.4.2
4.3.3
EEC-LV CÓD. TOGA
110
4.4
CENTRAIS GM
111
4.4.1
DELPHI MULTEC M
112
4.4.2
BOSCH M1.5.4
114
4.4.3
DELPHI MULTEC H (GRANDE)
116
4.5
CENTRAIS VW
117
4.5.1
BOSCH MP9
118
4.5.2
IAW1AVP
120
4.5.3
CENTRAL
IMOBILIZADOR MEGAMOS
121
4.5.4
CENTRAL
DO IMOBILIZADOR KOSTAL
123

IMOBILIZADORES

6
6

Introdução

O sistema imobilizador foi adotado no Brasil a partir de 1996, com os veículos da

família Fiat Pálio. Hoje é item de série em todos os veículos.

O sistema é composto basicamente por:

• Chaves eletrônicas com código secreto (transponder);

• Central do imobilizador; ( em alguns veículos está incorporada ao painel de instrumentos)

• Antena; • Unidade de comando da injeção - UCE com linha de comunicação com
• Antena;
• Unidade de comando da injeção - UCE com linha de comunicação com o módulo do
imobilizador.
Chave com transponder
Central do imobilizador

Unidade de comando da injeção

Antena

IMOBILIZADORES

7
7

Funcionamento

Quando a chave de ignição é rotacionada para a posição MAR (marcha) a unidade de comando - UCE e a central CODE são alimentadas com tensão de bateria. A UCE então "pergunta" à central CODE: "Qual é o código secreto para permissão da partida no motor?"

A central CODE, responde a pergunta, após verificar o código secreto existente no transponder da chave, através da antena, enviando um sinal eletromagnético que o lê.

A Central CODE analisa se o código está correto ou não. Se o código estiver correto, a central CODE apaga a lâmpada de manutenção CODE (0,7 segundos após a chave de ignição ter sido ligada) e informa a UCE que a partida pode ser dada. Se o código estiver errado ou se a central CODE não conseguir fazer sua leitura, a lâmpada de manutenção CODE é mantida acesa permanentemente e a UCE entrará no modo de controle do motor proibido.

Nesse caso a UCE "corta" o controle dos sistemas de ignição e injeção de combustível.
Nesse caso a UCE "corta" o controle dos sistemas de ignição e injeção de
combustível. Dessa forma, o motor não pode entrar em funcionamento

IMOBILIZADORES

8

CAPÍTULO - 1 Sistemas Imobilizadores
CAPÍTULO - 1
Sistemas Imobilizadores

IMOBILIZADORES

9
9

1. Sistemas Imobilizadores

Cada fabricante tem um ou mais modelos (gerações) de sistemas imobilizadores de partida. Embora tenham componentes e princípios de funcionamento similares, cada sistema imobilizador de partida tem suas

particularidades. São essas particularidades que no dia-a-dia podem confundir

o reparador.

O sistema imobilizador da Fiat, por exemplo, é conhecido como

sistema Fiat code. O Fiat code possui duas gerações (code 1 e code 2). O Fiat code 1 é aplicado na maioria dos veículos da montadora. O code 2 começou a ser utilizado em 2001 na família pálio fire com sistema Ve.N.I.C.E. Esses sistemas têm lógicas semelhantes de funcionamento, mas os procedimentos de codificação de chaves, de substituição da UCE, do módulo imobilizador etc. são totalmente distintos.

A Ford e a GM também possuem duas gerações de imobilizadores. Na Ford o sistema
A Ford e a GM também possuem duas gerações de imobilizadores. Na
Ford o sistema é denominado Ford PATS (I e II); na GM, immobilizer (1 e 2).
Como na Fiat, entre gerações há diferenças na execução dos procedimentos
de codificação das chaves novas, substituição da UCE etc.

A Volkswagen também apresenta distinções entre os imobilizadores que utiliza. Uma particularidade interessante, por exemplo, é que em alguns veículos golf, o módulo imobilizador faz parte do painel de instrumentos - instrumento combinado. Nesses veículos, caso ocorra falha em algum componente do sistema imobilizador (transponder da chave, antena etc.) é possível efetuar uma partida de emergência. Em toda a linha Fiat (code 1 e

code 2), também é possível efetuar esse procedimento. Para os veículos Fiat,

o procedimento de partida de emergência está descrito no manual do proprietário.

IMOBILIZADORES

10
10

1.1. Sistema imobilizador Volkswagen

IMOBILIZADORES 10 1.1. Sistema imobilizador Volkswagen Este sistema vem evoluindo desde a sua criação, quando foi

Este sistema vem evoluindo desde a sua criação, quando foi lançada a primeira geração, que possuía código fixo, ou seja, o módulo requisita o código que está faltando, (o gravado no transponder), completando assim os códigos do sistema e a liberação da ignição.

Na Geração II (código rotativo), o código é trocado toda vez que se desliga a chave de ignição; neste momento um novo código é armazenado e estará disponível para a próxima partida.

E, a Geração III (código criptografado) fragmenta o código do transponder para então passar para o módulo, sendo rotativo também.

Vamos conhecer o as características do sistema adotado pela Volkswagen, que utiliza sistemas das Gerações
Vamos conhecer o as características do sistema adotado pela Volkswagen, que
utiliza sistemas das Gerações I e III, e apenas o Passat importado utiliza a Geração II.
O sistema desabilita a partida do motor caso os códigos de acesso não sejam
compatíveis.
O sistema é composto por:

Chaves de ignição com transponder

(TRANS = transmitir/PONDER = responder), um circuito integrado que, quando energizado pela bobina/antena do comutador da chave de ignição (pois não possui pilha própria), envia um sinal de rádio com o código da chave.

do comutador da chave de ignição (pois não possui pilha própria), envia um sinal de rádio
do comutador da chave de ignição (pois não possui pilha própria), envia um sinal de rádio
do comutador da chave de ignição (pois não possui pilha própria), envia um sinal de rádio

IMOBILIZADORES

11
11

Bobina/Antena

É um enrolamento de fio montado no comutador de partida que, na primeira fase, ao ligar a chave de ignição, gera um campo magnético e energiza o transponder. Na segunda fase, funciona como antena, enviando o código da chave para o sistema imobilizador.

Módulo de Comando do Imobilizador É uma central eletrônica que aciona a bobina/antena, recebe o
Módulo de Comando do Imobilizador
É uma central eletrônica que aciona a bobina/antena, recebe o sinal de código da
chave e envia este sinal à central de Injeção Eletrônica.
que aciona a bobina/antena, recebe o sinal de código da chave e envia este sinal à
que aciona a bobina/antena, recebe o sinal de código da chave e envia este sinal à

IMOBILIZADORES

12
12

Central de Injeção Eletrônica

Central de Injeção Eletrônica “Codificada”. É responsável por todo o funcionamento do sistema de injeção e ignição do veículo

do sistema de injeção e ignição do veículo Led do painel Ao ligar a ignição, a

Led do painel

Ao ligar a ignição, a central do imobilizador, realiza verificações necessárias em todo o sistema, inclusive o próprio acionamento do led do painel. Se o sistema apresentar alguma anomalia, a central aciona o Led, indicando assim que existem falhas no sistema.

IMOBILIZADORES

13
13

Substituição do Módulo de Comando

Situação 1 – Módulo de comando novo e módulo do imobilizador já programado. Esta situação requer a execução dos procedimentos de programação do módulo de comando e em seguida a programação das chaves.

Situação 2 – Módulo de comando novo e módulo do imobilizador novo. Nesta situação, requer os procedimentos de programação de chaves e do módulo de comando.

Situação 3 – Módulo de comando usado para testes em outro veículo.

Cuidado, ao se utilizar módulo de comando usado: A - Verifique se as senhas dos
Cuidado, ao se utilizar módulo de comando usado:
A - Verifique se as senhas dos módulos envolvidos estão presentes, caso contrário, solicite
as senhas (número de série de quatorze dígitos) à rede de concessionárias.
B - Verifique se existem duas chaves para cada módulo do imobilizador.
Caso as condições acima estiverem OK, remova o módulo com defeito e instale o novo. Em
seguida execute a programação das chaves e a programação do módulo imobilizador.
A senha está na tarjeta que acompanha a chave original.
das chaves e a programação do módulo imobilizador. A senha está na tarjeta que acompanha a

IMOBILIZADORES

14
14

Programação das chaves

Este procedimento deverá ser utilizado toda vez que se desejar acrescentar alguma chave nova às já existentes, ou para excluir do sistema alguma que se tenha perdido, ou quando os módulos do imobilizador, painel de instrumentos e comando forem substituídos. Através do Scanner e de posse da senha do imobilizador, deve-se executar o apagamento automático de todas as chaves presentes na memória dos módulos. Para novas chaves, devem-se programar no mínimo duas e no máximo oito chaves. Atenção: caso a senha for digitada errada duas vezes, o sistema ficará bloqueado por 35 minutos. Caso isso ocorra, desconecte o Scanner, deixe a chave de ignição (L15) ligada por 35 minutos. Na Kombi, Gol e Santana, a caixa do imobilizador original é de cor preta, porém a caixa do imobilizador quando peça de reposição é amarela. Deve-se assim tomar muito cuidado, caso o mecânico digite duas vezes a senha errada, o módulo do imobilizador fica inutilizado definitivamente.

o módulo do imobilizador fica inutilizado definitivamente. Com o auxílio de um Scanner, execute a adaptação

Com o auxílio de um Scanner, execute a adaptação das chaves:

A - Insira a primeira chave a ser adaptada na ignição B - Ligue a ignição. A luz do imobilizador no painel deverá se acender por aproximadamente dois segundos e em seguida se apagar. Se isto ocorrer, retire a chave e continue adaptando as outras chaves.

IMOBILIZADORES

15
15

Substituição do Módulo Imobilizador Cada módulo imobilizador da linha Volkswagen, seja avulso ou painel de instrumentos, possui uma senha própria, que sempre será requisitada pelo Scanner nos procedimentos de programação de chaves e módulo de comando. Se o módulo imobilizador for substituído por outro novo, a senha que acompanha passa a ser o novo código para abertura da janela de programação. Após a instalação do novo módulo, execute os procedimentos de programação de chaves através do Scanner. São necessárias todas as chaves de ignição, pois o processo apaga automaticamente da memória dos módulos as chaves anteriormente programadas.

Atenção:

Há casos em que a nova peça não possui nenhuma identificação da senha. Quando isto ocorre, deve-se conectar o Scanner e entrar no sistema imobilizador na função número de série, onde irão aparecer 14 dígitos do módulo. De posse deste número, procure uma concessionária Volkswagen e solicite a senha de quatro dígitos.

Esquema de Ligação do módulo imobilizador
Esquema de Ligação do módulo imobilizador

IMOBILIZADORES

16
16

Partida de Emergência

A partida de emergência só pode ser realizada de posse da senha de quatro dígitos. O procedimento a ser seguido é o seguinte:

1 - Ligar a ignição.

2 - Girar o botão do ajuste do relógio para a direita e simultaneamente pressionar o botão de reset do hodômetro parcial.

3 - No mostrador, o hodômetro ficará zerado e o primeiro dígito, piscando. Nesse momento, soltar os dois botões.

4 - Pressione o botão do reset do hodômetro parcial até que o primeiro dígito do código secreto apareça no mostrador.

5 - Gire o botão de ajuste do relógio para a direita para habilitar o
5 - Gire o botão de ajuste do relógio para a direita para habilitar o segundo dígito.
6 - Aperte o botão de reset para inserir outro dígito.
7- Repita os procedimentos 5 e 6 para inserir os demais dígitos
8 - Assim que o último dígito for inserido, gire novamente o botão de ajuste das horas para a
direita e, simultaneamente, pressione o botão de reset do hodômetro parcial. A lâmpada de
anomalias do painel permanecerá acessa e o hodômetro voltará às condições normais de
funcionamento.
Cuidado: dê a partida no motor sem desligar a ignição.

IMOBILIZADORES

17
17

1.2 Sistema Imobilizador Fiat

IMOBILIZADORES 17 1.2 Sistema Imobilizador Fiat O Fiat code possui duas gerações (code 1 e code

O Fiat code possui duas gerações (code 1 e code 2). O Fiat code 1 é aplicado na maioria dos veículos da montadora. O code 2 começou a ser utilizado em 2001 na família pálio fire com sistema Ve.N.I.C.E.

Os sistemas Code1 e Code2 da linha Fiat, são muito diferentes.

1.2.1 Fiat Code1

Equipa os veículos Fiat até 1999, possui código fixo, vem com 03 chaves, sendo uma
Equipa os veículos Fiat até 1999, possui código fixo, vem com 03 chaves,
sendo uma chave mestra (vermelha) e duas chaves escravas (azuis).
Pode-se adaptar no
máximo 08 chaves com a codificação via chave mestra. A central pode ser reutilizada
mediante reset da mesma.
Obs. Em um sistema virgem, quando se apresenta as chaves, a primeira que
for colocada na ignição, será reconhecida como mestra mesmo sendo azul.
Chaves de ignição com transponder
mesmo sendo azul. Chaves de ignição com transponder 1- Chave Mestra - vermelha 2- Chave Principal

1- Chave Mestra - vermelha 2- Chave Principal - azul 3 -Chave principal para veículos dotados de sistema de alarme (azul).

Utilizar a Chave Mestra somente para situações de emergência, em todo o caso, pode ser utilizado como se fosse a chave principal.

IMOBILIZADOR ES

18
18

Central do Imobilizad or

CODE CARD Serve apenas para par tida de emergência
CODE CARD
Serve apenas para par tida de emergência
IMOBILIZADOR ES 18 Central do Imobilizad or CODE CARD Serve apenas para par tida de emergência

IMOBILIZADORES

19
19

Central de Injeção codificada

Todas as centrais já vem de fábrica com o “Master Code”, que é a pré-disposição para reconhecer o código da central do imobilizador e gravar em sua memória este código. Após apresentação de um código da central de imobilizador a uma Central de injeção nova (virgem), este código fica gravado e a central passa a solicitar este código para liberar seu funcionamento. Para testar uma central virgem (resetada) em um veículo, deve-se desconectar a central de imobilizador deste veículo, para não codificar esta central.

Programar Chaves CODE 1

1.
1.

Pegue todas as chaves que vão ser usadas no carro. Devem ter no mínimo 3 chaves sendo 2 azuis (chaves que vão ser usadas no dia-a-dia) e 1 vermelha (esta é a chave mestre que vai ser usada para liberar o uso das outras chaves);

2. Coloque a chave Vermelha no cilindro de ignição e vire para a posição de MARCHA (MAR);

3. Aguarde a lâmpada do code acender e apagar;

4. Logo após apagar retire a Chave vermelha num prazo de 2 segundos no máximo;

5. Insira uma das chaves azuis no prazo de 10 segundos e vire a chaves para a posição MAR.

6. Com a chave nesta posição a lâmpada do code vai acender e apagar;

7. Após a lâmpada se apagar retire a chave obedecendo ao limite de 2 segundos e coloque a próxima chave num prazo Maximo de 10 segundos. Repita o procedimento com todas as chaves azuis sempre obedecendo ao tempo e lembrando que só podemos codificar no Maximo sete chaves.

8. Quando você codificar a ultima chave, coloque a Chave Mestre (vermelha) e vire-a para MAR.

9. A lâmpada indicadora do CODE se ascenderá e apagara logo em seguida. Quando a lâmpada se apagar o processo de codificação esta terminado.

10. Por ultimo e não mais importante, teste todas as chaves.

IMOBILIZADORES

20
20

Partida de Emergência

Com este procedimento é possível, apertando o pedal do acelerador, transmitir o código eletrônico à central de injeção através do sinal que esta pega do potenciômetro da borboleta.

1) Ler no Code Card o código eletrônico de 5 dígitos (Eletronic Code)

2) Por a chave em “mar”; apertar e manter apertado o pedal do acelerador. a lâmpada piloto de avaria do sistema de injeção acende por 4 segundos, depois apaga brevemente (150 ms) e acende de novo por mais 4 segundos.

2) Quando a lâmpada piloto apagar, você deve soltar o pedal do acelerador.

3) Ao soltar o pedal, a lâmpada piloto começa a piscar (freqüência de 0,8hz).

4) Depois de um número de lampejos igual ao primeiro dígito do código lido no
4) Depois de um número de lampejos igual ao primeiro dígito do código lido no Code
Card, apertar até o fim e manter nesta posição o pedal do acelerador.
6) A lâmpada piloto do sistema de injeção acende de novo por 4 segundos, depois
apaga indicando que o primeiro digito foi aceito.
7) Quando a lâmpada piloto apagar, você deve soltar o pedal do acelerador.
8) Ao soltar o pedal, a lâmpada piloto recomeça a piscar como descrito anteriormente
(ponto 4).

9) Depois de um número de lampejos igual ao segundo dígito, apertar o pedal do acelerador; a lâmpada piloto acende por 4 segundos, depois apaga indicando que o segundo dígito foi aceito

10) Repetir as instruções dos pontos 4, 5, 6 e 7 para os outros dígitos do Code Card

11) Ao soltar o pedal depois que o último dígito foi introduzido, a lâmpada piloto pisca com uma freqüência dupla (1,6hz) indicando que todo o código foi aceito. se a lâmpada piloto ficar acesa, isto significa que o código foi recusado.

12) Se o código foi aceito, ligue o motor; em caso contrário, por a chave em “stop” e repetir a operação.

ATENÇÃO Uma vez acionado o sistema de emergência, as chaves originais podem não funcionar mais, devemos reverter o sistema com o “Lancia Tester”

IMOBILIZADORES

21
21

Todos os veículos Fiat Fire .

1.2.2 Fiat Code2

A central do imobilizador faz parte integrante do Computador de Bordo (BC). Não possui chave mestre; a codificação de chaves é feita via Scanner.

Chaves

Possui apenas duas chaves

é feita via Scanner. Chaves Possui apenas duas chaves Programação de Chaves Code2 Para codificar chaves

Programação de Chaves Code2

Para codificar chaves é necessário Scanner e senha.

IMOBILIZADORES

22
22

Central do Imobilizador

A Central do imobilizador no sistema Code2 encontra-se incorporado ao

Computador de Bordo (BC).

Code2 encontra-se incorporado ao Computador de Bordo (BC). Ex. BC Magneti Marelli As montadoras utilizam componentes

Ex. BC Magneti Marelli

As montadoras utilizam componentes de diversos fornecedores. Neste exemplo apresentamos o BC Magneti Marelli, no capítulo de práticas de serviço, mostraremos os dispositivos dos diversos fornecedores (Bosch, Delphi, Siemens etc.)

IMOBILIZADORES

23
23

Partida de Emergência

Com este procedimento é possível, apertando o pedal do acelerador, transmitir o código eletrônico à central de injeção através do sinal que esta pega do potenciômetro da borboleta.

1) Ler no Code Card o código eletrônico de 5 dígitos (Eletronic Code)

2) Por a chave em “mar”; apertar e manter apertado o pedal do acelerador. a lâmpada piloto de avaria do sistema de injeção acende por 4 segundos, depois apaga brevemente (150 ms) e acende de novo por mais 4 segundos.

2) Quando a lâmpada piloto apagar, você deve soltar o pedal do acelerador.

3) Ao soltar o pedal, a lâmpada piloto começa a piscar (freqüência de 0,8hz).

4) Depois de um número de lampejos igual ao primeiro dígito do código lido no
4) Depois de um número de lampejos igual ao primeiro dígito do código lido no Code
Card, apertar até o fim e manter nesta posição o pedal do acelerador.
6) A lâmpada piloto do sistema de injeção acende de novo por 4 segundos, depois
apaga indicando que o primeiro digito foi aceito.
7) Quando a lâmpada piloto apagar, você deve soltar o pedal do acelerador.
8) Ao soltar o pedal, a lâmpada piloto recomeça a piscar como descrito anteriormente
(ponto 4).

9) Depois de um número de lampejos igual ao segundo dígito, apertar o pedal do acelerador; a lâmpada piloto acende por 4 segundos, depois apaga indicando que o segundo dígito foi aceito

10) Repetir as instruções dos pontos 4, 5, 6 e 7 para os outros dígitos do Code Card

11) Ao soltar o pedal depois que o último dígito foi introduzido, a lâmpada piloto pisca com uma freqüência dupla (1,6hz) indicando que todo o código foi aceito. se a lâmpada piloto ficar acesa, isto significa que o código foi recusado.

12) Se o código foi aceito, ligue o motor; em caso contrário, por a chave em “stop” e repetir a operação.

ATENÇÃO Uma vez acionado o sistema de emergência, as chaves originais podem não funcionar mais, devemos reverter o sistema com o “Lancia Tester”

IMOBILIZADORES

24
24

1.3 Sistema Imobilizador GM

IMOBILIZADORES 24 1.3 Sistema Imobilizador GM Nos veículos da Linha GM encontramos duas gerações de imobilizador:

Nos veículos da Linha GM encontramos duas gerações de imobilizador:

GM1 e GM2.

1.3.1 GM Code1

O sistema de imobilizador GM1 equipa os veículos Corsa, Vectra e Omega utiliza transponder com código fixo e grava 07 chaves. Apresenta com Scanner e o código do Info Card as chaves novas, a ECU e central do imobilizador. Código errado ocasiona perda da central do imobilizador.

Luz de anomalia é a mesma da injeção. Para veículos que não possui imobilizador ou
Luz de anomalia é a mesma da injeção.
Para veículos que não possui imobilizador ou na retirada do imobilizador,
verificar o jumper nos terminais 6 e 7 do conector do mesmo, pois o sinal de rotação passa
pelo módulo imobilizador por estes terminais. Para GM1 e GM2

IMOBILIZADORES

25
25

O sistema é composto por:

Chaves de ignição com transponder

Chave com um circuito integrado que, quando energizado pela bobina/antena do comutador da chave de ignição (pois não possui pilha própria), envia um sinal de rádio com o código da chave.

Central do Imobilizador A central do imobilizador contém a antena incorporada.
Central do Imobilizador
A central do imobilizador contém a antena incorporada.

Ex. Módulo Imobilizador Siemens

Neste exemplo apresentamos a Central Siemens.

No capítulo de prática de serviço,

mostraremos os componentes dos diversos fornecedores (Bosch, Delphi, Siemens etc.)

IMOBILIZADORES

26
26

Central de Injeção codificada

Central de Injeção Eletrônica “Codificada”. É responsável por todo o funcionamento do sistema de injeção e ignição do veículo

1.3.2 GM Code2

Equipa os veículos, Astra, Meriva, Celta e Zafira.

Transponder com código criptografado e rotativo; programa até 05 chaves . Apresentação de central do imobilizador, chaves e ECU pelo scanner e senha do InfoCard.

Apresenta com Scanner e o código do Info Card as chaves novas, a ECU e central do imobilizador. Código errado ocasiona perda da central do imobilizador.

Luz de anomalia é a mesma da injeção. Para veículos que não possui imobilizador ou
Luz de anomalia é a mesma da injeção.
Para veículos que não possui imobilizador ou na retirada do imobilizador,
verificar o jumper nos terminais 6 e 7 do conector do mesmo, pois o sinal de rotação passa
pelo módulo imobilizador por estes terminais.
Possui versão com central do imobilizador incorporada ao Computador de
Bordo BCM. O BCM pode ser resetado e apresentado mediante senha do
infocard.

O sistema é composto por:

Chaves de ignição com transponder

Chave com um circuito integrado que, quando energizado pela bobina/antena do comutador da chave de ignição (pois não possui pilha própria), envia um sinal de rádio com o código da chave.

pilha própria), envia um sinal de rádio com o código da chave. As Chaves contém também
pilha própria), envia um sinal de rádio com o código da chave. As Chaves contém também

As Chaves contém também o comando do Alarme original

IMOBILIZADORES

27
27

InfoCard e

Módulo Computador de Bordo BCM

O imobilizador pode estar incorporado ao BCM

de Bordo BCM O imobilizador pode estar incorporado ao BCM O BCM pode ser resetado e

O BCM pode ser resetado e apresentado mediante senha do InfoCard

Central de Injeção codificada

Central de Injeção Eletrônica “Codificada”. É responsável por todo o funcionamento do sistema de injeção e ignição do veículo. pode ser resetado e apresentado mediante senha do InfoCard

IMOBILIZADORES

28
28

1.4 Sistema Imobilizador Ford

IMOBILIZADORES 28 1.4 Sistema Imobilizador Ford A Ford utiliza o sistema denominado PATS (Passive Anti-Theft System)

A Ford utiliza o sistema denominado PATS (Passive Anti-Theft System) nas Versões PATS1 e PATS2.

O sistemas imobilizador PATS está incorporados a central de comando da Injeção Eletrônica ECU, com exceção da F250 e Mondeo.

LED de anomalia localizado ao lado do relógio.

Central de Injeção com imobilizador PATS incorporado Central de Injeção Eletrônica FIC Ford “Codificada”. É
Central de Injeção com imobilizador PATS incorporado
Central de Injeção Eletrônica FIC Ford “Codificada”. É responsável por todo o
funcionamento do sistema de injeção e ignição do veículo

IMOBILIZADORES

29
29

Códigos de defeitos sinalizados pelo PATS LED

Quando o código da chave não é detectado, a ECU passa a emitir código de defeito. Ao ligar a ignição o PATS LED irá piscar rapidamente (com freqüência de 4 Hertz) e em seguida sinalizará o código.

Código Descrição da Falha 11 Sinal da Antena não detectado 12 Antena não conectada 13
Código
Descrição da Falha
11
Sinal da Antena não detectado
12
Antena não conectada
13
Código da chave não detectado
14
Código da chave parcialmente recebido
15
Código da chave errado ou não programado
16
Comunicação ruim entre as centrais
21
Menos de duas chaves programadas

IMOBILIZADORES

30
30

1.4.1 Ford PATS1

Equipamento opcional nos modelos Ford até ano 2000.

Vem com 03 chaves com transponder, uma vermelha (mestra) e duas pretas.

Pode-se codificar até 16 chaves por intermédio da chave mestra.

Programar as chaves PATS1 1. Pegue todas as chaves que vão ser usadas no carro.
Programar as chaves PATS1
1. Pegue todas as chaves que vão ser usadas no carro. Devem ter no mínimo 3 chaves
sendo 2 pretas (chaves que vão ser usadas no dia-a-dia) e 1 vermelha (esta é a
chave mestre que vai ser usada para liberar o uso das outras chaves);
2. Coloque a chave Vermelha no cilindro de ignição e vire para a posição de MARCHA
(MAR);
3. Aguarde a lâmpada do code acender e apagar;

4. Logo após apagar retire a Chave vermelha num prazo de 2 segundos no máximo;

5. Insira uma das chaves pretas no prazo de 10 segundos e vire a chaves para a posição MAR.

6. Com a chave nesta posição a lâmpada do code vai acender e apagar;

7. Após a lâmpada se apagar retire a chave obedecendo ao limite de 2 segundos e coloque a próxima chave num prazo Maximo de 10 segundos. Repita o procedimento com todas as chaves pretas sempre obedecendo ao tempo.

8. Quando você codificar a ultima chave, coloque a Chave Mestre (vermelha) e vire-a para MAR.

Obs. Com scanner é possível executar os testes de falhas no sistema imobilizador, apagar chaves, reset do sistema tornando virgem sem uso de senhas .

IMOBILIZADORES

31
31

1.4.2 Ford PATS2

Equipa os modelos Ford após ano 2000.

Vem com 02 chaves com transponder, não possui chave mestra.

Pode-se codificar até 16 chaves via Scanner.

Com scanner é possível executar os testes de falhas no sistema imobilizador, apagar chaves, reset do sistema tornando virgem sem uso de senhas .

Quando o sistema é virgem é necessário adaptar duas novas chaves via Scanner. Este processo leva em torno de 10 minutos cada adaptação.

virgem é necessário adaptar duas novas chaves via Scanner. Este processo leva em torno de 10

IMOBILIZADORES

32
32

1.5

FRANCESES

Sistema Imobilizador

IMOBILIZADORES 32 1.5 FRANCESES Sistema Imobilizador Sistema de antiarranque codificado (geração 2), presente em todos
IMOBILIZADORES 32 1.5 FRANCESES Sistema Imobilizador Sistema de antiarranque codificado (geração 2), presente em todos

Sistema de antiarranque codificado (geração 2), presente em todos os veículos multiplexados da Peugeot (807, 307, 406, 607 e 206). A troca de informações encriptadas entre o calculador do motor, a CSI e o transponder via rede multiplexada acontece após o reconhecimento das chaves (configuração dos 3 calculadores).

Os Calculadores CSI (Central de serviço Inteligente), Calculador de injeção (ECU) e as chaves do veículo são codificados e estão vinculados, impossibilitando a troca de um veículo para outro, assim como a partida do motor sem a liberação de um deles. A codificação destes componentes somente é possível com o código confidencial contido no cartão e apresentação do sistema com Scanner.

Princípio de funcionamento: 1) A chave envia a informação a CSI. 2) CSI verifica se
Princípio de funcionamento:
1) A chave envia a informação a CSI.
2) CSI verifica se a etiqueta da chave é reconhecida.

3) Sendo a etiqueta da chave reconhecida a CSI envia um número a chave.

4) A chave insere esse número em uma fórmula matemática contida em sua memória e envia o resultado da fórmula para a CSI.

5) Estando o valor correto, a CSI envia uma informação de chave reconhecida ao calculador de injeção (ECU).

6) O calculador recebe a informação e insere em uma fórmula contida em sua memória.

7) O calculador envia o resultado da fórmula de volta a CSI.

8) Com o valor correto, a CSI solicita o destrancamento do calculador e o motor parte.

Obs: A cada partida a CSI e o painel trocam informações, verificando os valores de quilometragem memorizados. Será sempre adotado o maior valor em ambos os parâmetros.

IMOBILIZADORES

33
33

O sistema é composto por:

Módulo CSI / BSI

Ex. CSI Valeo As montadoras utilizam componentes de diversos fornecedores. Neste exemplo apresentamos o CSI
Ex.
CSI Valeo
As montadoras utilizam componentes de diversos fornecedores. Neste exemplo
apresentamos o CSI Valeo.
No capítulo de Práticas de serviço, mostraremos os
componentes dos diversos fornecedores (Bosch, Delphi, Siemens etc.)
os componentes dos diversos fornecedores (Bosch, Delphi, Siemens etc.) Controlador de Injeção eletrônica (ECU)

Controlador de Injeção eletrônica (ECU)

IMOBILIZADORES

34
34

Chaves

IMOBILIZADORES 34 Chaves
IMOBILIZADORES 34 Chaves
IMOBILIZADORES 34 Chaves

IMOBILIZADORES

35
35

Programar Chaves

Como já vimos, este sistema utiliza informação dos três componentes para perfeito sincronismo. Isto é feito através da rede CAN / rede VAN.

A substituição dos componentes, apresentação da Chave nova, troca do BSI, Controlador da Injeção (ECU) é executada com Scanner original do Grupo PSA. Peugeot Citroën.

LEXIA3
LEXIA3
Injeção (ECU) é executada com Scanner original do Grupo PSA. Peugeot Citroën. LEXIA3 PPS2000 Peugeot PROXIA3

PPS2000 Peugeot

Injeção (ECU) é executada com Scanner original do Grupo PSA. Peugeot Citroën. LEXIA3 PPS2000 Peugeot PROXIA3

PROXIA3

Citroën

IMOBILIZADORES

36
36

PEUGEOT 206 FLIP – Programar Controle Remoto da Chave

Central Door Lock (1 botão FLIP KEY)

1.

Assegurar que todas as portas estão desbloqueadas com a chave.

2.

Pressione e segure o botão plip até o LED parar de piscar.

3.

Após liberar o botão, o LED irá acender constantemente.

 
4. Pressione o botão Plip uma vez, e o LED irá apagar. 5. Abra a
4. Pressione o botão Plip uma vez, e o LED irá apagar.
5. Abra a porta e segure a tecla Flip perto do interruptor de ignição, e pressione o botão
Flip um tempo.
6. Ligue a ignição, e espere 10 segundos, em seguida, desligar a ignição.
7. Após 5 segundos o FLIP deve funcionar.

Fechamento central da porta com deadlocking (2 BUTTON FLIP KEY

1. Assegurar que todas as portas estão desbloqueadas com a chave.

2. Pressione e segure o botão Flip grande chave, enquanto o LED pisca continuamente

por 20 segundos.

Após 20 segundos, pressione o botão pequeno uma vez, enquanto ainda

está segurando o botão grande.

 

3. O LED pára de piscar.

4. Solte o botão grande e o LED acende constantemente.

5. Aperte o botão uma vez e o LED se apagará.

IMOBILIZADORES

37
37

6. Abra a porta e segure a tecla Flip próximo a chave de ignição e pressione o botão flip

grande uma vez.

7. Ligue a ignição, aguarde 10 segundos e depois desligar a ignição.

8. Após 5 segundos o FLIP deve funcionar.

206 FLIP PROGRAMAÇÃO SINCRONIZAÇÃO-BSI

1. Inserir a chave de ignição. 2. Pressione o botão preto pequeno. 3. Gire a
1.
Inserir a chave de ignição.
2.
Pressione o botão preto pequeno.
3.
Gire a ignição ON (não dê partida)
4.
Mantenha o botão de bloqueio pressionado durante 10 segundos.
5.
Solte o botão de bloqueio, OFF ignição e retirar a chave.
6.
Feche todas as portas e pressione o botão de bloqueio 2 vezes.

NOTA: Se FLIPS ainda não funcionar, ligar e desligar o veículo. Abra e feche a porta, FLIP e verificar novamente.

IMOBILIZADOR ES

38
38

1.5.1 Reset do modo E CCO

Bloqueio do sistema IM OBILIZADOR após a remoção da bateri a ou carga a baixo de

situação, a partida do

9v, e no painel digital centra l aparece a indicação “ECCO”. Nesta motor fica desabilitada.

Para reabilitar o sistema nova mente, é necessário efetuar o “RESET” do sistema.

1) Desligue o cabo POSITIVO da bateria (12,00 volts); 2) Aguarde, no mínimo 60 seg undos e religue o cabo POSITIVO da ba teria; 3) Ligue a chave de ignição p or 30 segundos; 4) Desligue a chave de igniçã o por 3 segundos;

5) Repita os procedimentos d e 3 a 4 por mais 5 consecutivas. 6) Efetue a partida do motor e deixe em marcha lenta durante 60 segu ndos; 7) Desligue o motor;

8) O “RESET” do modo ECCO foi efetuado com sucesso; 9) Se a partida não
8) O “RESET” do modo ECCO
foi efetuado com sucesso;
9) Se a partida não foi possív el durante o procedimento 6, examine o
imobilizador a procura de falh as no sistema.
sistema de injeção ou
Modo ECCO

IMOBILIZADORES

39

CAPÍTULO - 2 Técnicas de Reset e Decode
CAPÍTULO - 2
Técnicas de Reset e Decode

IMOBILIZADORES

40
40

2 Técnicas de Reset e Decode

O sistema de imobilizador que equipa os veículos, é composto por um Dispositivo Eletrônico digital (hardware) que carrega em sua memória um ou mais arquivos (software) que é programado para executar suas funções.

Em conjunto com os outros Dispositivos Eletrônicos no veículo é formado o sistema imobilizador que bloqueia o funcionamento do motor, se este for executado de forma não autorizada.

Vamos entender como funciona esse Hardware e Software separadamente do sistema montado no veículo e assim fazer o conserto do hardware, reprogramação do software, ler as senhas em sua memória, Resetar, Decodificar etc.

Este serviço é muito útil na oficina ou chaveiro, pois pode recuperar dispositivos “travados”, trocar
Este serviço é muito útil na oficina ou chaveiro, pois pode recuperar
dispositivos “travados”, trocar Centrais de comando de um veículo para outro, programar
chaves sem a senha do cartão etc.
Sabemos que o sistema imobilizador é composto por vários dispositivos, que
em conjunto possibilita bloquear ou liberar o funcionamento do motor. Portanto a função de
Resetar, Decodificar e Ler a senha secreta, poderá ser executada em outros Módulos, e
não apenas na Central de Comando do Imobilizador. Mas isso depende também da
característica do sistem e o Protocolo de comunicação.
Ex.1
Sistema Codificado de comunicação Serial

Chave

Ex.1 Sistema Codificado de comunicação Serial Chave Imobilizador ECU Codificada ECU Codificada – Solicita

Imobilizador

Codificado de comunicação Serial Chave Imobilizador ECU Codificada ECU Codificada – Solicita informação do

ECU

Codificada

ECU Codificada – Solicita informação do módulo imobilizador através da comunicação serial

Sistema Decodificado de comunicação Serial

Chave

serial Sistema Decodificado de comunicação Serial Chave Imobilizador ECU Decodificada ECU Decodificada – Não

Imobilizador

ECU

Decodificada

ECU Decodificada – Não solicita informação do módulo imobilizador Pode funcionara sem módulo imobilizador.

IMOBILIZADORES

41
41

Ex. 2

Sistema Codificado de comunicação por Barramento

Chave

Imobilizador
Imobilizador
CSI ECU Codificada
CSI
ECU
Codificada
por Barramento Chave Imobilizador CSI ECU Codificada ECU e os outros módulos tem comunicação entre si
por Barramento Chave Imobilizador CSI ECU Codificada ECU e os outros módulos tem comunicação entre si

ECU e os outros módulos tem comunicação entre si através da Central inteligente que confere a presença e o código de todos os componentes do sistema.

Sistema Reset de comunicação por Barramento Chave CSI ECU Reset Imobilizador
Sistema Reset de comunicação por Barramento
Chave
CSI
ECU
Reset
Imobilizador

ECU e os outros módulos em Reset podem ser reapresentados ao sistema. Pode ser reprogramado com novo código para uso em outro veículo. Não funciona sem a presença de um dos componentes do sistema.

Nos exemplos 1 e 2 vemos a diferença entre duas configurações de hardware. Essas diferenças ainda estão presentes, quanto os protocolos e algoritmos utilizados.

CONCLUSÂO

Podemos concluir que na prática dos serviços de reset, Decod, reprogramação, Leitura de senhas, adaptação de Software e Hardware, tem procedimentos e equipamentos diferentes para atender as características de cada sistema.

IMOBILIZADORES

42
42

2.1 Localização do Módulo Imobilizador

O Dispositivo imobilizador pode estar localizado em diferentes módulos eletrônicos, conforme projeto da montadora.

A Immo Box

conforme projeto da montadora. A – Immo Box Utilizado por quase todas as montadoras desde que

Utilizado por quase todas as montadoras desde que foi adotado o sistema

imobilizador nos veículos.

informações da senha da chave e informa a central de injeção o comando de bloqueio e desbloqueio do funcionamento do motor. As informações podem estar gravadas em uma memória serial SOIC8 ou na memória interna do Processador.

Central de comando do imobilizador (hardware) que contém as

IMOBILIZADORES

43
43

B – Central de Comando da Injeção Eletrônica

43 B – Central de Comando da Injeção Eletrônica Centrais de Comando de Injeção eletrônica FIC.

Centrais de Comando de Injeção eletrônica FIC. Utilizado pela Ford

desde que foi adotado o sistema imobilizador nos veículos.

transponder da chave e contém as informações para executar o comando de bloqueio e desbloqueio do funcionamento do motor.

Recebe o código secreto do

IMOBILIZADOR ES

44
44

C – Módulo Co mputador de Bordo BC

BC Deph i do Pálio Serial eeprom 93 LC66
BC Deph i do Pálio
Serial
eeprom
93 LC66

Central de Coma ndo do Imobilizador localizado no Módu lo BC. As informações da senha encontram-se gravadas na memória soic8 o u no processador.

IMOBILIZADORES

45
45

D – Módulo do Painel

IMOBILIZADORES 45 D – Módulo do Painel Central de Comando do Imobilizador localizado no Painel de
IMOBILIZADORES 45 D – Módulo do Painel Central de Comando do Imobilizador localizado no Painel de

Central de Comando do Imobilizador localizado no Painel de Instrumentos. As informações da senha encontram-se gravadas na memória serial.

IMOBILIZADORES

46
46

Outros Módulos para Reset e Decod

Como já vimos anteriormente podemos trabalhar com o reset e decod do sistema em outras centrais que compõem o sistema, como por exemplo no Módulo de Injeção Eletrônica.

Centrais de Injeção Eletrônica

8bts

Processador Memória ROM
Processador
Memória ROM

Algumas centrais, podem ser decodificadas para cancelar a solicitação da informação do módulo imobilizador através da reprogramação do software do processador ou arquivo da memória ROM.

No terceiro capítulo deste treinamento em Prática de Serviço, vamos ver caso a caso nos sistemas.

IMOBILIZADORES

47
47

Centrais de Injeção Eletrônica

16bts

Memória SOIC8 Processador
Memória SOIC8
Processador

Para Reset e Decod, os procedimentos podem ser os mais variados, conforme o sistema.

Existem sistemas que não envolve programação, devendo apenas retirar um componente da placa de circuito impresso, ou fazer um jumper em pontos determinados.

Na próxima etapa vamos estudar as memórias e processadores, bem como os equipamentos para leitura e programação.

IMOBILIZADORES

48
48

2.2 Memórias e Processadores

Entre os diversos componentes dos módulos que compõem o sistema

imobilizador, iremos trabalhar com os componentes os arquivos e software para reprogramação.

onde se encontra

Memórias 8bits

Encontradas nas centrais fabricadas até ano 1999 / 2000.

Encapsulamentos Memórias com encapsulamento PLCC Memórias com encapsulamento DIP 27C128 / 27C256 / 27C512 27C1001
Encapsulamentos
Memórias com encapsulamento PLCC
Memórias com encapsulamento DIP
27C128 / 27C256 / 27C512
27C1001 ou 27C010
27C512 / 27C1001 ou
28F5152 / 28F1001 ou
27C010
28F010
28 terminais
Regravável
Apaga com UV
32 terminais
Regravável
Apaga com UV
32 terminais
Não Regravável
Não Apaga
32 terminais
Regravável
Apaga e grava no Gravador
de Eprom

IMOBILIZADORES

49
49

Capacidade de armazenamento

Tamanho do arquivo e endereço de registro.

 

Armazenamento e Endereçamento

 

27C128

27C256

27C512 / 28F512

27C1001 / 010 / 28F010

Capacidade

Endereço

Capacidade

Endereço

Capacidade

Endereço

Capacidade

Endereço

16kb

0000 – 3FFF

32kb

0000 - 7FFF

64kb

0000 – FFFF

128kb

0000 - 1FFFF

Memórias 16bits Encontradas nas centrais fabricadas a partir de 1999 / 2000. Encapsulamentos POSP44 TSOP48
Memórias 16bits
Encontradas nas centrais fabricadas a partir de 1999 / 2000.
Encapsulamentos
POSP44
TSOP48
28F200 / 28F400 / /28F800
29F200 / 29F400 / /29F800
28F200 / 28F400 / /28F800
29F200 / 29F400 / /29F800
44 terminais SMD
Regravável
Apaga e grava no Gravador de Eprom ou no circuito
48 terminais SMD
Regravável
Apaga e grava no Gravador de Eprom ou no circuito

IMOBILIZADORES

50
50

Capacidade de armazenamento

Tamanho do arquivo e endereço de registro.

 

Armazenamento e Endereçamento

 

28F200 / 29F200

28F400 / 29F400

28F800 / 28F800

Capacidade

Endereço

Capacidade

Endereço

Capacidade

Endereço

128kb

00000 – 3FFFF

256kb

00000 – 7FFFF

512kb

00000-FFFFF

Memórias SOIC8 Memórias SOIC8 EEPROM encapsulamento SMD 24C04 95040 95080 95160 8 terminais Regravável Apaga
Memórias SOIC8
Memórias SOIC8
EEPROM encapsulamento SMD
24C04
95040
95080
95160
8 terminais
Regravável
Apaga e grava no Gravador
de Eprom
8 terminais
Regravável
Apaga e grava no Gravador
de Eprom
8 terminais
Regravável
Apaga e grava no Gravador
de Eprom
8 terminais
Regravável
Apaga e grava no Gravador
de Eprom

IMOBILIZADORES

51
51

equipamentos

Processador

Centrais 8bits

Nas Centrais de comando 8bits, pode-se Ler e Gravar os Processadores com como X-PROG ou UPA.

Processador Centrais 8bits Nas Centrais de comando 8bits, pode-se Ler e Gravar os Processadores com como
Processador Centrais 8bits Nas Centrais de comando 8bits, pode-se Ler e Gravar os Processadores com como

IMOBILIZADORES

52
52

Centrais 16bits

Centrais de comando 16bits, pode-se Ler e Gravar os Processadores, e as

memórias com equipamentos

centrais de comando Híbridas e Micro-híbridas.

específicos.

Encontramos também as

Central Híbrida Central Micro-híbrida Centrais que não tem Eprom aparente ex. IAW4SF Centrais que não
Central Híbrida
Central Micro-híbrida
Centrais que não tem Eprom aparente ex. IAW4SF
Centrais que não tem Eprom aparente ex. Delphi Multec
Regravável
Apaga e grava com Programador serial específico via
conector de diagnóstico ou no circuito
Regravável
Apaga e grava com Programador serial específico via
conector de diagnóstico ou no circuito

IMOBILIZADORES

53
53

2.3 Ler e Gravar Arquivos

Para reprogramar as Centrais de comando com novo arquivo (reprogramação) é preciso utilizar alguns procedimentos técnicos, que são diferentes para cada tipo de sistema.

2.3.1 Ler e Gravar Memórias 8bits

Utilizado o Programador de Eprom Universal, e adaptadores para os diversos tipos de encapsulamento de dispositivos de memória. Nas figuras abaixo mostramos este equipamento.

Equipamentos e adaptadores Programador de Eprom Universal
Equipamentos e adaptadores
Programador de Eprom Universal

IMOBILIZADOR ES

54
54

Adaptado res

IMOBILIZADOR ES 54 Adaptado res Adaptador PLCC 28pinps p a r a D I P Adaptador

Adaptador PLCC

28pinps

para DIP

54 Adaptado res Adaptador PLCC 28pinps p a r a D I P Adaptador PLCC para

Adaptador

PLCC para DIP

32pinps

Soquete tornead 28 Pinos o DIP Soquete torn eado DIP 32 Pinos
Soquete tornead
28 Pinos
o DIP
Soquete torn eado DIP
32 Pinos

Soquete PLCC 32 pinos montag em SMD

Adaptador

para SOIC8

IMOBILIZADORES

55
55

Apagador para Eproms DIP 8bts Janeladas

IMOBILIZADORES 55 Apagador para Eproms DIP 8bts Janeladas Apagador de EPROM Ultra Violeta (UV) com temporizador

Apagador de EPROM Ultra Violeta (UV) com temporizador

IMOBILIZADORES

56
56

Utilização do Programador de Eprom Universal Willem NewPro

Instalar o software que acompanha o Willem New Pro e conectar o Programador na porta USB.

Ler Eprom original

Seleciona Idioma Seleciona a eprom a ser lida Dispositivo selecionado aparece aqui
Seleciona Idioma
Seleciona a
eprom a ser lida
Dispositivo selecionado
aparece aqui

Mostra a posição do chip no gravador

IMOBILIZADORES

57
57
2º Click em Arquivo> Salvar como 1º Click em Ler Mostra Conteúdo do arquivo hexadecimal
2º Click em Arquivo>
Salvar como
1º Click em Ler
Mostra Conteúdo do
arquivo hexadecimal

Mostra o checksom do arquivo hexadecimal

IMOBILIZADORES

58
58

Gravar Eprom do arquivo

Selecionar o Dispositivo a ser gravado que aparece na caixa ao lado, e coloque uma eprom em branco no soquete ZIF, conforme mostrado na imagem.

Click em Arquivo> Abrir> selecionar o arquivo.

Click em Escrever

Click em Arquivo> Abrir> selecionar o arquivo. 2º Click em Escrever Mostra o checksom do arquivo
Click em Arquivo> Abrir> selecionar o arquivo. 2º Click em Escrever Mostra o checksom do arquivo
Click em Arquivo> Abrir> selecionar o arquivo. 2º Click em Escrever Mostra o checksom do arquivo

Mostra o checksom do arquivo hexadecimal

IMOBILIZADORES

59
59

2.3.2 Ler e Gravar Memórias 16bits

Para Leitura e programação de Centrais de comando 16bits são utilizados diversos tipos de equipamentos, desde os Convencionais Scanner de diagnóstico às interfaces FlashOBD com software específico para leitura de senhas e reprogramação de imobilizadores.

Software da Interface de Leitura de Senha FlashOBD

específico para leitura de senhas e reprogramação de imobilizadores. Software da Interface de Leitura de Senha

IMOBILIZADORES

60
60

Esquemas de ligação e Bootstrap para leitura de Centrais na Bancada

IAW4AFB

IMOBILIZADORES 60 Esquemas de ligação e Bootstrap para leitura de Centrais na Bancada IAW4AFB

IMOBILIZADORES

61
61

IAW5NF / 59FB

IMOBILIZADORES 61 IAW5NF / 59FB

IMOBILIZADORES

62
62

Bosch M1.5.5

IMOBILIZADORES 62 Bosch M1.5.5

IMOBILIZADORES

63
63

Delco Multec

IMOBILIZADORES 63 Delco Multec

IMOBILIZADORES

64
64

Bosch ME7.2.1

IMOBILIZADORES 64 Bosch ME7.2.1

IMOBILIZADORES

65
65

ME7.4.5

IMOBILIZADORES 65 ME7.4.5

IMOBILIZADORES

66
66

Bosch 7.5.10

IMOBILIZADORES 66 Bosch 7.5.10

IMOBILIZADORES

67
67

ME7.9.6

IMOBILIZADORES 67 ME7.9.6

IMOBILIZADORES

68
68

IAW 6LP

IMOBILIZADORES 68 IAW 6LP

IMOBILIZADORES

69
69

IAW4SF

IMOBILIZADORES 69 IAW4SF

IMOBILIZADORES

70
70

2.3.3 Utilização do Programador

ST10Flasher

IMOBILIZADORES 70 2.3.3 Utilização do Programador ST10Flasher

IMOBILIZADORES

71
71

Instalar o Software que acompanha o Programador KW2000. Conectar a interface em uma porta USB.

ST10Flasher Tool é executado em um PC conectado ao microcontrolador alvo ST10F27x através da interface ST10Flasher e porta serial RS232.

.

Entre no modo de inicialização (bootstrap mode) padrão, forçando P0L.4 a 0 e

P0L.5 a 1 do Processador da Central.

Reinicie o ST10Flasher Tool Iniciar -> Programas -> ST10-Flasher-2.4

ST10Flasher Tool inicia e aparece a seguinte janela:

Tool ● Iniciar -> Programas -> ST10-Flasher-2.4 ST10Flasher Tool inicia e aparece a seguinte janela:
Tool ● Iniciar -> Programas -> ST10-Flasher-2.4 ST10Flasher Tool inicia e aparece a seguinte janela:

IMOBILIZADORES

72
72

Configurações de Comunicação

Se a alimentação do Programador ST10Flasher estiver desligada ou a Central não está em Bootstrap correto e você inicia o software ST10Flasher Tool, você não vai obter a comunicação com a memória interna do Processador e aparece a mensagem de erro:

interna do Processador e aparece a mensagem de erro: Bootstrap Bootstrap mode é o estado de

Bootstrap

Bootstrap mode é o estado de permissão do Processador para leitura e gravação de dados Internos. Para garantir a consistência de Dados, o Processador utiliza a estratégia de não permissão da comunicação externa. Através do Bootstrap o Processador libera esta comunicação.

IMOBILIZADORES

73
73

Neste caso:

● Introduza o bootstrap mode corretamente;

Reinicie o ST10

Ao carregar o monitor, clicando no ícone Reload Monitor, o software realiza um autodevice detecção.

O dispositivo é exibido na interface, indicando que você está conectado a ex. ST10F276. Se a janela de status mostra mensagens de erro, verifique se o arquivo "startup.ini" no diretório do aplicativo corresponde aos parâmetros de aplicação, especialmente para os parâmetros COMPORT e BAUDRATE. Suas configurações padrão são:

COMPORT = COM1 BAUDRATE = 9600, N, 8,1

Apagar ST10F27x ● Clique no botão de comando ERASE FLASH. ● Uma janela será exibida.
Apagar ST10F27x
● Clique no botão de comando ERASE FLASH.
● Uma janela será exibida. Marque as áreas de memória flash para apagar.

IMOBILIZADORES

74
74

Clique em Erase para iniciar a operação de apagar.

mensagem de status da operação de apagamento aparece escrito na janela de status.

iniciar a operação de apagar. ● mensagem de status da operação de apagamento aparece escrito na

IMOBILIZADORES

75
75

Programação

Antes de programar o flash, você deve certificar-se que o dispositivo está em branco. Você pode usar o BlankCheck botão e apagar manualmente os blocos que não estão em branco, se existir algum. Você também pode ativar a opção Auto Erase para apagar automaticamente antes de cada programação de dispositivo.

Clique em File to program e selecione o arquivo *. hex hexadecimal para

programar.

Ao clicar em OK ou duplo clique no arquivo selecionado automaticamente carrega o arquivo HEX.

O nome do arquivo corrente carregado é exibido.

A janela de status retorna o resultado da operação de carregamento.

nome do arquivo corrente carregado é exibido. ● A janela de status retorna o resultado da
nome do arquivo corrente carregado é exibido. ● A janela de status retorna o resultado da

IMOBILIZADORES

76
76

Clique no botão

Program & Verify

para desencadear a operação de

 

programação.

Agora, o carregado hex é transferido para o ST10 e programa as memórias

flash internas.

  programação. Agora, o carregado hex é transferido para o ST10 e programa as memórias flash

IMOBILIZADORES

77

CAPÍTULO - 3 Softwares e Interfaces
CAPÍTULO - 3
Softwares e Interfaces

IMOBILIZADORES

78
78

3 Software e Interfece

Existem diversas formas de executar os serviços de reset, decode, leitura de senhas e reprogramação do sistemas imobilizador.

Os procedimentos mostrados no primeiro capítulo, são procedimentos convencionais indicados pelo fabricante para manutenção de veículos.

Neste capítulo vamos ver as alternativas em softwares e equipamentos de hardwares aliados ao conhecimento de técnicas, ampliando as possibilidades de execução desse trabalho.

equipamentos de hardwares aliados ao conhecimento de técnicas, ampliando as possibilidades de execução desse trabalho.

IMOBILIZADORES

79
79

3.1 Softwares para imobilizador

Softwares para leitura de senhas e Decodificação dos arquivos

(dump) nas memórias SOIC ou

Processadores.

Para trabalhar com os softwares basta utilizar as técnicas mostradas no capítulo anterior para ler os arquivos contidos na memória do Módulo Imobilizador e editar nos softwares.

3.1.1 VAG Dash

Módulo Imobilizador e editar nos softwares. 3.1.1 VAG Dash Software para reprogramar o arquivo da memória

Software para reprogramar o arquivo da memória SOIC dos Módulo de Injeção Eletrônica BOSCH ME7xx. Permite Decodificar esta central de injeção para que não solicite o código do imobilizador.

IMOBILIZADORES

80
80

3.1.2 Mercedes Sprinter START ERROR

IMOBILIZADORES 80 3.1.2 Mercedes Sprinter START ERROR Software para resetar o arquivo da memória SOIC dos

Software para resetar o arquivo da memória SOIC dos Módulo de Injeção

Eletrônica

Mercedes Sprinter.

Permite o Reset desta central de injeção para destravar

Start Error.

IMOBILIZADORES

81
81

3.1.3 Immo Killer

IMOBILIZADORES 81 3.1.3 Immo Killer Software para editar e resetar o arquivo da memória SOIC (dump)

Software para editar e resetar o arquivo da memória SOIC (dump) dos Módulo de Injeção Eletrônica e Módulo do Imobilizador.

Atende a maioria das montadoras e modelos de veículos. Deve-se ter atenção no algoritmo e a versão do modelo selecionado, pois este software é projetado para o mercado europeu.

IMOBILIZADORES

82
82

3.2 Interfaces para Imobilizador

Dispositivos eletrônicos para se conectar ao sistema imobilizador, através de um computador comum.

Diversos tipos de Interfaces, para atender os sistemas das montadoras e modelos de veículos diferentes. Permite Ler senhas, adaptar chaves, programar novas senhas, diagnósticos de falhas etc.

3.2.1 VAG Tacho

novas senhas, diagnósticos de falhas etc. 3.2.1 VAG Tacho Interface para linha de veículos Volks Wagen.

Interface para linha de veículos Volks Wagen. Executa todos os serviços.

IMOBILIZADORES

83
83
IMOBILIZADORES 83

IMOBILIZADORES

84
84
IMOBILIZADORES 84

IMOBILIZADORES

85
85

3.2.2 Opel Immo Tool

IMOBILIZADORES 85 3.2.2 Opel Immo Tool Interface para linha de veículos GM. Executa todos os serviços

Interface para linha de veículos GM. Executa todos os serviços de leitura de senhas, reset, adaptação de chaves.

IMOBILIZADORES

86
86
IMOBILIZADORES 86

IMOBILIZADORES

87

CAPÍTULO - 4 Práticas de Serviços
CAPÍTULO - 4
Práticas de Serviços

IMOBILIZADORES

88
88

4 Reset de Central na Bancada

Utilizando os conhecimentos mostrados nos Capítulos anteriores e alguns arquivos prontos (arquivos resetados), vamos efetuar o trabalho de reset e decode das centrais de Injeção na Bancada.

4.1 Centrais FIAT Na seqüência veremos os procedimentos de reset das centrais FIAT na Bancada.
4.1 Centrais FIAT
Na seqüência veremos os procedimentos de reset das
centrais FIAT na Bancada.

IMOBILIZADORES

89
89

4.1.1 IAW5NF / 5NP / 5NR

Utilizar serra copo para abrir o local de acesso a eeprom.
Utilizar serra copo para abrir
o local de acesso a eeprom.

IMOBILIZADORES

90
90
Procedimento
Procedimento

- Retirar eeprom com auxílio da pinça e Estação de Retrabalho

- Gravar arquivo 5NF.sem code.bin (verificar versão compatível)

- Colocar a eeprom resetada.

IMOBILIZADORES

91
91

4.1.2 IAW59FB

IMOBILIZADORES 91 4.1.2 IAW59FB Procedimento - Retirar eeprom - Gravar arquivo 59FB.sem code.bin (verificar versão

Procedimento

- Retirar eeprom

- Gravar arquivo 59FB.sem code.bin (verificar versão compatível)

- Colocar a eeprom resetada.

IMOBILIZADORES

92
92

4.1.3 IAW4AFB

EEPROM 95160
EEPROM 95160

Procedimento

- Retirar eeprom

- Gravar arquivo 4AFB.sem code.bin (verificar versão compatível)

- Colocar a eeprom resetada.

IMOBILIZADORES

93
93

4.1.4 IAW1G7

EPROM 27C512
EPROM 27C512

1- Inserir Eprom 27C512 gravado com arquivo anexo no lugar do chip original da central. 2- Ligar alimentação de 12v (linha30 e 15) da central + e - por 4 minutos 3- Desligar o modulo imobilizador. 4- pronto a central estará desabilitada sem code pronto pra funcionar.

IMOBILIZADORES

94
94

4.1.5 IAW4SF

IMOBILIZADORES 94 4.1.5 IAW4SF Procedimento: Reset somente com Programador ST10Flasher As instruções acompanham o

Procedimento:

Reset somente com Programador ST10Flasher As instruções acompanham o programador

IMOBILIZADOR ES

95
95

4.1.6 Marea Bosch M20.1 0.4

PLCC 27C512
PLCC 27C512

Procedimento

- Retirar E prom PLCC

- Gravar a rquivo Marea.sem code.bin (verificar ve rsão compatível)

- Colocar

a Eprom resetada.

IMOBILIZADORES

96
96

4.1.7 Ler Senha Code do BC Fiat

IMOBILIZADORES 96 4.1.7 Ler Senha Code do BC Fiat Leitura direta da senha em Hexa =
IMOBILIZADORES 96 4.1.7 Ler Senha Code do BC Fiat Leitura direta da senha em Hexa =

Leitura direta da senha em Hexa = ao code = 35423

IMOBILIZADORES

97
97
4.2 FRANCESES Procedimentos de rest das centrais Reneault, Peugeot, Citroën na Bancada.
4.2
FRANCESES
Procedimentos de rest das centrais Reneault,
Peugeot, Citroën na Bancada.

IMOBILIZADOR ES

98
98

4.2.1 Senic Sirus 32

Para liberar im o da linha Scenic Sirus 32 / Xsara Siem ens:

- Retire a central e abra, religue a central no carro aberta . Sem a tampa

- Desligue o fio d o terminal 58 , 12v (fio verde) do imo(se desligado o c ode não reativa.

deixar esse fio

- Ligue a chave

e de curtos entre 18 e 19 da Eprom PS OP

- Acompanhar n o scaner você vera partida habilitada. A i o carro pega

Obs1. é verificado muito prob lema nesse tipo de central em relação a o imobilizador, é manter o fio 58 desligado não habilita imobilizador.

prob lema nesse tipo de central em relação a o imobilizador, é manter o fio 58

IMOBILIZADORES

99
99

Eprom PSOP

IMOBILIZADORES 99 Eprom PSOP OBS 2. Scenic muda de immo sozinha dentro do modulo bsi ela

OBS 2. Scenic muda de immo sozinha dentro do modulo bsi ela tem dois

immo bs1 e bs2 ela costuma passar de 1 para 2.

a 2 é criptografada entrar em funções de imo no scanner e mudar de 2 para 1 e só dar partida e pronto.

A 1 é com transponder comum e

Apague a luz com o scaner função imobilizador , desligar imobilizador

IMOBILIZADORES

100
100
Retirar para apagar Luz do immo
Retirar para apagar
Luz do immo

IMOBILIZADORES

101
101

4.2.2 Fênix 5

- Retire a central e abra, religue a central no carro aberta. Sem a tampa, desligue o - fio 35 (fio verde). - Ligue a chave e dê curtos entre os pinos 26 e 27 da memória com uma chave de fenda.

Obs: Manter o fio 35 desligado, não habilita immo. Se ligar fio 35 reabilita immo

não habilita immo. Se ligar fio 35 reabilita immo Chave ligada ou bancada pequenos curtos entre

Chave ligada ou bancada pequenos curtos entre os terminais 26 27 do eprom .

IMOBILIZADORES

102
102
IMOBILIZADORES 102 Terminais 2 e 3 negativo 48 42 29 bomba sinal rotação bobina 4 53

Terminais 2 e 3 negativo

48

42

29

bomba sinal rotação bobina 4 53 25 bicos 24 bateria 12v

30 32 Cortar fio do chicote que liga no terminal 35 fio verde.
30
32
Cortar fio do chicote que liga no terminal 35 fio verde.

Se deixar esse fio 35 desligado o code não reativa, caso religue, ele reativará o imobilizador.

IMOBILIZADORES

103
103

4.2.3 Sagem SL96

IMOBILIZADORES 103 4.2.3 Sagem SL96 - Retire a central e abra, religue a central no carro

- Retire a central e abra, religue a central no carro ou simulador aberta. Sem a tampa,

- Desligar immo, terminais 27 e 48 da central.

- Ligue a chave e dê curtos entre os pinos 21 e 29 da memória com uma chave de fenda.

IMOBILIZADORES

104
104
4.3 FIC Ford Procedimentos de rest das centrais FIC Ford na Bancada
4.3
FIC Ford
Procedimentos de rest das centrais FIC Ford na Bancada

IMOBILIZADORES

105
105

4.3.1

EEC-lV

cód. DISK

IMOBILIZADORES 105 4.3.1 EEC-lV cód. DISK

IMOBILIZADORES

106
106
Retirar este CI
Retirar este CI

IMOBILIZADORES

107
107
Jumper nos pontos indicados
Jumper nos pontos indicados

IMOBILIZADORES

108
108

4.3.2

EEC-V

cód. ENIO

IMOBILIZADORES 108 4.3.2 EEC-V cód. ENIO

IMOBILIZADORES

109
109
Retirar estes 2 CIs
Retirar estes 2 CIs

IMOBILIZADORES

110
110

4.3.3

EEC-lV

cód. TOGA

Retirar o CI regulador da fonte do immo jumpear 1 e 7
Retirar o CI regulador da fonte
do immo jumpear 1 e 7

IMOBILIZADORES

111
111
4.4 Centrais GM Procedimentos de reset das centrais GM na Bancada.
4.4 Centrais GM
Procedimentos de reset das centrais GM na Bancada.

IMOBILIZADORES

112
112

4.4.1 Delphi Multec M

IMOBILIZADORES 112 4.4.1 Delphi Multec M

IMOBILIZADORES

113
113

Procedimento:

Desativa Reseta Imobilizador da linha GM Corsa

Preparar Dispositivo para Reprogramar o Processador da Central GM Corsa:

1- Utilizar uma central de injeção da linha palio 1.0 ou 1.5 sistema 1G7 funcionando 2- Retirar o processador dessa central e soldar um soquete smd no lugar.

Reprogramar o processador da central GM Corsa:

1- Retirar o processador da central do Corsa e colocar na central do Palio já soquetada 2- Inserir o chip 27C512 gravado com arquivo anexo no lugar do chip original da central. 3- Ligar alimentação de 12v (linha30 e 15) da central + e - por 4 minutos 4- Desligar e retirar o processador da central do palio e soldá-lo novamente na central GM 5- Desligar o modulo imobilizador que se encontra junto ao miolo da chave do Corsa 6- Efetuar um jumper nos fios 6 e 7 para que não acenda a luz de code. 7- pronto a central estará desabilitada sem code pronto pra funcionar.

acenda a luz de code. 7- pronto a central estará desabilitada sem code pronto pra funcionar.
Processador
Processador
Chip para reset
Chip para reset

IMOBILIZADORES

114
114

4.4.2 Bosch M1.5.4

IMOBILIZADORES 114 4.4.2 Bosch M1.5.4

IMOBILIZADORES

115
115
SOIC para reset
SOIC para reset

Procedimento

- Retirar eeprom SOIC

- Gravar arquivo M154reset.bin (verificar versão compatível)

- Colocar a eeprom resetada.

IMOBILIZADORES

116
116

4.4.3 Delphi Multec H (grande)

IMOBILIZADORES 116 4.4.3 Delphi Multec H (grande) Ou gravar FF nesta eeprom

Ou gravar FF nesta eeprom

IMOBILIZADORES

117
117

4.5

Centrais VW

Procedimentos de reset das centrais VW na Bancada.
Procedimentos de reset das centrais VW na Bancada.

IMOBILIZADORES

118
118

4.5.1 Bosch MP9

IMOBILIZADORES 118 4.5.1 Bosch MP9

IMOBILIZADORES

119
119

Existem 3 versões de Central MP9 Verificar a versão correta para cada caso.

SOIC 8
SOIC 8

Procedimento

- Retirar eeprom SOIC

- Gravar arquivo MP9.reset.bin (verificar versão compatível)

- Colocar a eeprom resetada.

IMOBILIZADORES

120
120

4.5.2 IAW1AVP

PLCC 27C010
PLCC 27C010

Procedimento

- Retirar eprom PLCC

- Gravar arquivo 1AVP.sem code.bin (verificar versão compatível)

- Colocar a eprom resetada.

IMOBILIZADORES

121
121

4.5.3 Central Imobilizador Megamos

IMOBILIZADORES 121 4.5.3 Central Imobilizador Megamos a. Gravar arquivo de código conhecido b. Ler Código no

a. Gravar arquivo de código conhecido

b. Ler Código no arquivo

IMOBILIZADORES

122
122

Ler Código no Arquivo

Converter o valor Hexadecimal dos endereços 25 e 26, para Decimal em uma calculadora cientifica.

Ex. Endereço 25 = 12 Endereço 26 = 43

Hexa = 1243

converter para decimal = 4675 = code Pin

calculadora cientifica. Ex. Endereço 25 = 12 Endereço 26 = 43 Hexa = 1243 converter para

IMOBILIZADORES

123
123

4.5.4 Central do Imobilizador Kostal

IMOBILIZADORES 123 4.5.4 Central do Imobilizador Kostal a. Gravar arquivo de código conhecido b. Ler Código

a. Gravar arquivo de código conhecido

b. Ler Código no arquivo

IMOBILIZADORES

124
124

Ler Código Pin no Arquivo

Converter o valor Hexadecimal dos endereços indicados no exemplo para Decimal em uma calculadora cientifica.

Ex. Endereço 3D = 11 Endereço 3F = E4

Hexa = 11E4

converter para decimal = 4580 = code Pin

Atenção – Pode aparecer com Byte invertido

Endereço 3F = E4 Hexa = 11E4 converter para decimal = 4580 = code Pin Atenção
Endereço 3F = E4 Hexa = 11E4 converter para decimal = 4580 = code Pin Atenção

IMOBILIZADORES

125
125

Tabela de Equivalência de componentes Bosch

Обозначение Bosch

Общепринятое обозначение

Тип корпуса

B57120

EPROM

27C64

DIL28

B57347

EPROM

27C64

DIL28

B57423

EPROM

27C256

DIL28

B57477

EPROM

27C64

DIL28

B57519

EPROM

27C64

DIL28

B57604

EPROM

Intel

27C256

DIL28

B57605

EPROM

27C256

DIL28

B57607

EPROM

27C128

DIL28

B57610

EPROM

27C128

DIL28

B57618 EPROM 87C257 DIL28 B57654 EPROM 27C256 DIL28 B57696 EPROM 27C256 PLCC32 B57701 EPROM 27C256
B57618
EPROM
87C257
DIL28
B57654
EPROM
27C256
DIL28
B57696
EPROM
27C256
PLCC32
B57701
EPROM
27C256
DIL28
B57764
EPROM
87C257
DIL28
B57808
EPROM
27C256
DIL28
B57922
EPROM
87C257
DIL28
B57995
EPROM
27C256
DIL28
B57995
EPROM
27C256
DIL28
B58014
EPROM
27C256
DIL28
B58038
EPROM
27C256
DIL28
B58094
EPROM
27C510
DIL28
B58126
EPROM
27C010
PLCC32
B58127
EPROM
27C512
DIL28
B58150
EPROM
87C257
DIL28
B58157
EPROM
27C512
DIL28
B58185
EPROM
87C257
DIL28
B58234
EPROM
27C256
DIL28
B58235
EPROM
87C257
DIL28
B58239
EPROM
27C512
DIL28
B58275
EPROM
27C1024
PLCC44
B58293
EPROM
27C512
PLCC32
B58331
EPROM
28F010
PLCC32
B58381
EPROM
28F512
PLCC32

IMOBILIZADORES

126
126
B58399 EPROM 28F010 PLCC32 B58424 EPROM 27C512 DIL28 B58517 EPROM 28F020 PLCC32 B58530 EPROM AMD
B58399
EPROM
28F010
PLCC32
B58424
EPROM
27C512
DIL28
B58517
EPROM
28F020
PLCC32
B58530
EPROM
AMD
AM29F010
PLCC32
B58533
EPROM
27C4096
PLCC44
B58539
EPROM
27C256
DIL28
B58541
EPROM
27C512
DIL28
B58542
EPROM
27C512
DIL28
B58543
EPROM
27C512
DIL28
B58544
EPROM
27C1001
DIL32
B58545
EPROM
87C257
DIL28
B58546
EPROM
TI
87C510
DIL28
B58547
EPROM
27C1001
PLCC32
B58548
EPROM
TI
TMS27PC210
PLCC44
B58550
EPROM
27C512
PLCC32
B58639
EPROM
TI
87PC110
PLCC32
B58755
EPROM
AMD
AM29F200
PSOP44
B58768
EPROM
AMD
AM29F400AB
PSOP44
B58791
EPROM
AMD
AM29F200AB
PSOP44
BOSCH
30001
A/D CONVERTER ADC0809
30061
A/D CONVERTER ADC0809
30117 30424

30221

6-CHANNEL POWER DRIVE 30313

B22AN

EEPROM 93C06

B34AB

EEPROM 24C02

B42AB

EEPROM 93C06 ??

B43AB

EEPROM 24C02

B46AJ

EEPROM 24C02

B49AJ

EEPROM 24C02

B52AP

EEPROM 24C02

B54AH

EEPROM 24C02

B81AB

EEPROM 93S66

B56022

EPROM 27C128

B56240

LM2902

B57120

A/D CONVERTER ADC0809

B57306

80C52

B57324

EPROM 2732A

B57325

EPROM 27C32

IMOBILIZADORES

127
127

B57345

ULN2003

B57347

EPROM 27C64

B57383

CA139EX

B57402

LM2904

B57416

80C49

B57422

74HC74

B57423

EPROM 27C256

B57425

CD40106

B57427

A/D CONVERTER ADC0809

B57440

TWO TIMERS B556

B57449

74HC74

B57477

EPROM 27C64

B57487

74HCT573

B57515

80C52

B57519

EPROM 27C64

B57528

SAE81C52

B57545

LM2903

B57546

EPROM 27C010

B57549

74HC365

B57554

LM2903

B57574

74HCT573

B57558 74HCT00 B57560 74HCT02 B57574 74HCT373 ?? B57581 74HC573 B57582 LM2903N B57604 B57605 B57607 B57610
B57558
74HCT00
B57560
74HCT02
B57574
74HCT373 ??
B57581
74HC573
B57582
LM2903N
B57604
B57605
B57607
B57610
B57618
B57618
EPROM 27C256
EPROM 27256
EPROM 27C128
EPROM 27C128
EPROM 87C257
EPROM 87C64
B57622
80C52
B57625
B57647
EPROM 2764A
8253, КР580ВИ53

B57648

80C52

B57654

EPROM 27C256

B57656

MCU 80C535

B57677

BD206M

B57684

EPROM 27C256

B57696

EPROM 27C256

B57701

EPROM 27C256

B57725

TA13255A

B57733

4 x LOW-SIDE SWITCH TLE4211, TLE6220

B57764

EPROM 87C257

B57764

EPROM 87C64

B57769

MC68HC05SR3

B57771

EPROM 27C256

B57808

EPROM 27C256

B57820

TI948B

B57826

RAM HM6264

B57828

80C515

IMOBILIZADORES

128
128

B57886

B57922

B57945

B57960

B57965

B57995

B58007

B58010

B58014

B58024

B58029

B58038

B58081

B58090

B58094

B58098

B58108

B58115

B58126

B58127

8051 ??

EPROM 87C257

87C52

EPROM 27C256

74HC14

EPROM TMS27C256

SAB80C517

RAM HM6264

EPROM 27C256

80C515

CA3272

EPROM 27C256 74HCT573 ?? 74HCT573 ?? EPROM 27C510 EPROM 27C512 6 x LOW-SIDE SWITCH TLE4216, TLE4226 RAM HM6264 EPROM 27C010 EPROM 27C512 EPROM 87C257 EPROM 27C512 EPROM 87C257 EEPROM NS93C46 EEPROM 93C06 ?? EPROM 27C256 EPROM 27C256 EPROM 87C257 EPROM 27C512

B58150 B58157 B58185 B58196 B58213 B58214 B58234 B58235 B58239 B58240 6 x LOW-SIDE SWITCH TLE4216G,
B58150
B58157
B58185
B58196
B58213
B58214
B58234
B58235
B58239
B58240 6 x LOW-SIDE SWITCH TLE4216G, TLE4226G
B58241 4 x LOW-SIDE SWITCH TLE4214G, TLE6225
B58243
EPROM CJ87BC6QG
B58244
I87M12
B58252
EEPROM 24C02

B58253

EEPROM 24C02

B58256

EEPROM 24C01

B58258

EEPROM 24C02

B58265 CONTROLLER CANController ??

B58275

B58286 CONTROLLER

B58290 6 x LOW-SIDE SWITCH TLE4226G

EPROM 27C1024

SAB80C166

B58291

TLE5205-2

B58293

EPROM 27C512

B58298

80C515 ??

B58323

EPROM 93C46

B58331

EPROM 28F010

B58334

EEPROM 28C64

B58335

EEPROM AT28C64B

B58339

28F512

B58380

EEPROM 24C02

B58381

EPROM AM28F512

IMOBILIZADORES

129
129

B58399

EPROM AM29F010

B58400

EPROM 87C510

B58424

EPROM 27C512

B58444

27C010

B58468

SAB80C517

B58470

80C535

B58474

SAB80C517

B58484

SAB80C517

B58502 ABS, ASR SYSTEM IC TLE5200G, TLE6210G B58504 ABS, ASR SYSTEM IC TLE5201G, TLE6211G B58505 2 x LOW-SIDE SWITCH TLE5225G, TLE6215G

B58517 B58530 B58533 B58539 B58541 B58542 B58543 B58544 B58545 B58546 B58547 B58548 B58550 EPROM 27C020,
B58517
B58530
B58533
B58539
B58541
B58542
B58543
B58544
B58545
B58546
B58547
B58548
B58550
EPROM 27C020, 27C2001
EPROM 27C010, 28F010, 29F010
EPROM 27C4096
EPROM 27C256
EPROM 27C512
EPROM 27C512
EPROM 27C512
EPROM 27C1001
EPROM 87C257
EPROM 87C510
EPROM 27C1001, 27C010
EPROM TMS27PC210, 27C1024
EPROM 27C512
B58553
SCL4410
B58590
AS87C196EN
B58601
EPROM AM29F200B
B58608
93C66
B58637 4 x LOW-SIDE SWITCH TLE5226G, TLE6216G
B58639
EPROM 87C510 (87PC110 ??)
B58647
87C257
B58718
27C512
B58732 4 x LOW-SIDE SWITCH TLE5216G, TLE6220
B58748
SAB83C166

B58755

EPROM AM29F200

B58768

EPROM AM29F400AB

B58791

EPROM AM29F200AB

B58813

EEPROM 93C56

B58838

EPROM 27C256

B58911

EPROM TMS27C010A

B58944

uPD43256BGU-70

B9411

EPROM AM27C256

IMOBILIZADORES