Vous êtes sur la page 1sur 22
Máximos e Mínimos de Funções de Várias Variáveis

Máximos e Mínimos de

Funções de Várias Variáveis

Máximos e Mínimos Condicionados

Máximos e

Mínimos

Condicionados

Considere os seguintes problemas (1) (2) 2 Max f ( x , y ) 

Considere os seguintes problemas

(1)

(2)

2

Max f ( x, y ) 4 x y

2

Max f x y

(

,

)

{

s a x

.

y

 

4

2

x

2

y

2

Problema de Otimização Irrestrita

Problema de Otimização Restrita

Solução do Problema (1) => Ponto de máximo livre ou não condicionado de f Solução do Problema (2) => Ponto de máximo condicionado de f

• Problemas de otimização restrita podem ser muito complexos; • Situações simples: podemos resolver explicitando

Problemas de otimização restrita podem ser muito complexos;

Situações simples: podemos resolver explicitando uma variável em função das outras e substituir na função

objetivo (como fizemos!)

O método dos Multiplicadores de Lagrange permite analisar situações mais gerais.

Problemas Envolvendo Funções de Duas Variáveis e uma Restrição

Problemas Envolvendo

Funções de Duas Variáveis

e uma Restrição

Max f ( x , y s . a { g ( x , y

Max f ( x , y

s . a { g ( x , y )

)

0

Max f ( x , y s . a { g ( x , y )
Max f x y ( , ) (ou Min f ( x , y s

Max f x y

(

, ) (ou Min f ( x , y

s a g x y

(

{

)

.

,

0

))

Max f x y ( , ) (ou Min f ( x , y s a

f P ) g P )

(

0

(

0

Proposição

Proposição: Seja f(x,y) uma função diferenciável em um

conjunto aberto U. Seja g(x,y) uma função com derivadas

parciais contínuas em U tal que

(x,y)V, onde V={(x,y)V/g(x,y)=0}. Uma condição necessária para que (x 0 ,y 0 )V seja extremante local de f em V é:

g ( x , y ) 0

para todo

f ( x , y

0

0

)

g ( x , y )

0

0

Utilizando a Proposição podemos dizer que todos os pontos de máximo e/ou mínimos condicionados de

Utilizando a Proposição podemos dizer que todos os pontos de máximo e/ou mínimos condicionados de f devem satisfazer as equações:

f

x

f

y

g

(

x

,

g

x

g

y

y

)

0

(1)

para algum número real

=> Multiplicador de Lagrange

O método proposto por Lagrange consiste em definir uma função de três variáveis L (

O método proposto por Lagrange consiste em definir uma função de três variáveis

L ( x , y ,) f ( x , y ) g ( x , y )

E observar que o sistema (1) é equivalente a:

L 0

L

x

L

y

L

0

0

0

Assim, os extremantes locais de f sobre g(x,y)=0 são pesquisados entre os pontos críticos de

Assim, os extremantes locais de f sobre g(x,y)=0 são pesquisados entre os pontos críticos de L. Os valores máximos e/ou mínimos de f sobre g(x,y)=0 coincidem com os valores

máximos e/ou mínimos livres de L.

Esse método permite determinar potenciais pontos

extremantes. A classificação desses pontos deve ser feita por

outros meios, tais como argumentos geométricos.

Exemplo 1

Um galpão retangular deve ser construído em um

terreno com a forma de um triângulo, conforme a

figura abaixo. Determinar a área máxima possível para o galpão.

em um terreno com a forma de um triângulo, conforme a figura abaixo. Determinar a área
Problemas Envolvendo Funções Três Variáveis e Uma Restrição

Problemas Envolvendo

Funções Três Variáveis e

Uma Restrição

Max f x y , z ) ( Min s a ( { , g

Max f x y , z ) ( Min

s a

(

{

, g x y , z )

(

,

0

.

f x y z

,

(

,

))

f x y , z ) ( Min s a ( { , g x y

f ( P ) g ( P )

0

0

O método dos multiplicadores de Lagrange para determinar potenciais pontos extremantes de f(x,y,z) sobre g(x,y,z)=0,

O método dos multiplicadores de Lagrange para determinar potenciais pontos extremantes de f(x,y,z) sobre g(x,y,z)=0, consiste em definir a função Lagrangeana

L ( x , y , z ,) f ( x , y , z ) g ( x , y , z )

E determinar os pontos (x,y,z) tais que:

L 0

L

x

L

y

L

z

L

0

0

0

0 ( g (

x

,

y

, z )

0)

Exemplo 2

Um fabricante de embalagens deve fabricar um

lote de caixas retangulares de volume V=64cm³.

Se o custo do material usado na fabricação da caixa é R$0,50 por centímetro quadrado,

determinar as dimensões da caixa que tornem

mínimo o custo do material usado em sua fabricação.

Problemas Envolvendo Funções Três Variáveis e Duas Restrições

Problemas Envolvendo

Funções Três Variáveis e

Duas Restrições

Max f x , , ) ( ( y z Min f x y z

Max f x , , ) (

(

y z

Min f x y z

(

,

,

))

s a

.

g x ,

(

h x ,

(

)

y z

,

)

y z

,

0

0

f ( P0)
f ( P0)
f (P ) 0
f (P )
0

deve ser normal a

curva C

g ( P ) e h ( P ) 0 0
g ( P )
e
h ( P )
0
0

são

normais a curva C

Assim, estes três vetores são coplanares em P 0

Proposição

Proposição: Seja AR³ um conjunto aberto. Suponhamos que f(x,y,z) é diferenciável em A e que g(x,y,z) e h(x,y,z) têm derivadas parciais de 1ª ordem contínuas em A. Seja B={(x,y,z)A/g(x,y,z)=0 e h(x,y,z)=0}. Suponhamos também que ∇ ℎ são linearmente independentes em B. Se P 0 é um ponto extremante local de f em B, então existem números reais λ e μ tais que:

f ( P ) g ( P ) h ( P ) 0 0 0
f
( P
)
g ( P )
h ( P )
0
0
0
Considere a Função Lagrangeana associada ao problema dada por: L ( x , y ,

Considere a Função Lagrangeana associada ao problema dada por:

L ( x , y , z ,,) f ( x , y , z ) g ( x , y , z ) h ( x , y , z )

Pela Proposição, podemos dizer que os candidatos a extremantes condicionados de f devem satisfazer as equações:

L 0

L

x

L

y

L

z

L

L

0

0

0

(

0

g

(

x

,

y

,

z

) 0)

0 (h(

x

,

y ,

z

)

0)

Exemplo 3

Determinar o ponto da reta de intersecção dos

planos x+y+z=2 e x+3y+2z=12 que esteja mais

próximo da origem.