Vous êtes sur la page 1sur 3

Apenas mais um sonho

Enquanto estou desperta


E s, neste choque brutal
Que revelou a conscincia real
De todas as coisas deste mundo triste e azul
A dor da revelao me faz querer dormir
E assim, toco a cano da vida ao contrrio
E mergulho de novo dentro de um sonho
A vida to curta mas tem sido to louca

Quando eu no quero acordar


Como todos fazem, bovinamente, pela manh
Eu me exilo para dentro de um sonho
E assim fujo do plano bizarro
Do criador

Teve dias em que eu perdi minhas memrias


Esquecendo o que eu deveria esquecer
Esquecendo o que eu no podia esquecer
Para assim, confusamente, sobreviver

Teve noite em que eu perdi os meus pensamentos


Que dentro da minha mente alguns enlouqueceram
Outros ficaram doentes e se viraram contra mim
E eu segui, flutuando sobre uma guerra interna
E descubro, com aquele gosto amargo da manh
Que irrompe e descubro que no descansei
Buscando incessantemente
Todo os podres que sempre estiveram em minha mente
Eu era to valente
E agora me escondo no quarto escuro
Debaixo do cobertor

Mas eis que vem sempre algum


Me perguntar sobre o caf
Que eu nunca costumo fazer
Que eu nunca gostei de beber
No, eu no quero acordar
Depois de despertar
Dia aps dia
At a contagem final
Eu finalmente saberei
Quanto tempo e quanta vida
Eu no desperdicei
Eu apenas me poupei
De me negar a jogar o jogo
Imposto.

Por favor, no me acorde


No, no me sacuda
Deixe-me onde estou
Estou apenas dormindo

Todo mundo acha que eu sou preguioso


Eu no me importo, acho eles que so loucos
Correndo apressados para todo lugar
At eles perceberem que no h necessidade

Por favor, no estrague meu dia


Eu estou a milhas daqui
E alm do mais
Estou apenas dormindo

Observando o mundo que passa pela minha janela


No tenho pressa

Deitado ali e olhando fixamente para o teto


Esperando por aquele sonolento sentimento

Por favor, no estrague meu dia


Eu estou a milhas daqui
E alm do mais
Estou apenas dormindo

Observando o mundo que passa pela minha janela


No tenho pressa
Quando eu acordo cedo pela manh
Levanto minha cabea, ainda bocejando
Quando eu estou no meio de um sonho
Fico na cama, flutuando sobre um rio

Por favor, no me acorde


No me sacuda
Deixe-me onde estou
Estou apenas dormindo