Vous êtes sur la page 1sur 6

Imprima 29/06/10 00:53

Você S/A / Organize suas finanças / Edição 143 / Dinheiro: Online - Use a internet para ganhar dinheiro

Use a internet para ganhar dinheiro


Sites, blogs e Twitter trazem informações importantes para quem
quer investir. Há também planilhas para controlar seus gastos e
análises das melhores ações para comprar
Erica Martin (undefined) 22/06/2010

Crédito: Ilustração Atômica Studio sobre foto de Marcelo Almeida

Os livros muito técnicos que


analisam o mercado financeiro e os
relatórios imensos sobre finanças
pessoais já podem ficar guardados na
prateleira de casa. Hoje, a internet
oferece informações úteis, rápidas e
fáceis para quem quer aprender a
administrar melhor as finanças e
fazer o dinheiro render. "Para ter
disciplina e independência financeira
A curitibana ANNE LOUISE, de 30 anos, usa o conteúdo da internet para organizar sua vida financeira desde
é fundamental ter informação, e a
2007
internet é um meio rápido e fácil para
http://vocesa.abril.com.br/imprima-essa-pagina.shtml Página 1 de 6
Imprima 29/06/10 00:53

2007
adquirila. Tudo está em um único
universo", diz Eduardo Jurcevic,
superintendente de investimentos do Grupo Santander, em São Paulo. No mundo virtual você pode acessar sites,
blogs, ferramentas e ainda ficar de olho na conta bancária por meio dos dados disponíveis no internet banking.
Tudo muito simples e rápido.

A internet também permite que você acesse informações financeiras facilmente de qualquer lugar do mundo e, a
partir daí, possa tomar decisões de investimento instantaneamente, sem perder tempo e dinheiro. Uma das
maiores vantagens é que o conteúdo online é atualizado frequentemente e os administradores dos portais usam
recursos interativos para atrair o internauta. Você pode encontrar, por exemplo, vídeos com animações e
simuladores de sonhos de consumo. O problema é saber como organizar essa avalanche de informações e achar
na web aquilo que realmente procura. Ao longo desta reportagem você vai ficar por dentro do melhor conteúdo
que pode encontrar nos sites, blogs e no Twitter, indicados por 15 especialistas ouvidos pela VOCÊ S/A. E
também vai saber como usar melhor cada recurso e aprender a fugir das fraudes.

DISCIPLINA COM A PLANILHA


A curitibana Anne Louise, de 30 anos, usa o conteúdo da internet para organizar sua vida financeira desde 2007.
Ela, que faz a gestão de clientes e projetos educacionais da corretora Omar Camargo, em Curitiba, Paraná,
acompanha blogs e por tais e usa uma planilha disponível no site Mulheres em Ação, da BM&FBovespa. "Agora,
sei se estou gastando dinheiro com o que não é importante", diz. Nem sempre foi assim. Uma vez, depois de
deixar um emprego, ela decidiu comprar roupas novas. Gastou todo o dinheiro da rescisão, 800 reais, e depois
soube que não ficaria no novo emprego. "Levei três meses para me organizar." Hoje, Anne controla sua planilha
quinzenalmente e não deixa nenhum gasto de fora de suas anotações.

UM MUNDO PARA ACESSAR

http://vocesa.abril.com.br/imprima-essa-pagina.shtml Página 2 de 6
Imprima 29/06/10 00:53

As páginas eletrônicas disponibilizam textos, arquivos em áudio e vídeo, planilhas para controle de despesas e
simuladores de financiamento, que podem ajudar você a lidar melhor com seu dinheiro. Há conteúdos
específicos para as pessoas que querem organizar o orçamento, por exemplo, e para quem está em busca de
orientação específica para encontrar a melhor aplicação para a grana. "Por isso é necessário que o internauta
identifique qual é o estágio de sua necessidade financeira", diz Ricardo Rocha, professor de finanças pessoais do
Instituto de Ensino e Pesquisa (Insper), em São Paulo. Se você é um investidor novato e vai usar o homebroker, o
programa que permite negociar ações pela internet, pela primeira vez, pode buscar informações no site das
corretoras para auxiliar na decisão de comprar ou não a ação de uma empresa.

Mas se você está endividado e busca alternativas para usar melhor seu dinheiro, dá para navegar em um site que
ofereça dicas para economizar no supermercado, ou que ensine como gastar menos na hora de comprar presentes.
No site www.minhaseconomias.com, depois de se cadastrar e detalhar a receita, as despesas e os investimentos,
você consegue visualizar por meio de gráficos como está a sua saúde financeira. Visualizando as informações
gráficas dá para identificar os gastos que mais comprometem seu orçamento.

Você também pode exportar o extrato da conta corrente para a planilha, que fica disponível na web para ser
acessada de qualquer lugar. Na página www.consumidorconsciente.org, o internauta tem acesso a uma
ferramenta que ajuda a planejar um sonho de consumo de curto ou longo prazo, como a compra de um carro
novo. Para escolher um site mais amigável e que atenda às suas necessidades, a única dica unânime dos
especialistas é colocar a mão na massa. "O internauta pode testar os diferentes modelos para ver o que funciona
melhor, mas vai depender também da experiência que ele tem com as ferramentas online", diz Conrado Navarro,
fundador do site Dinheirama e planejador financeiro pessoal, em São Paulo.

Quando encontrar informações conceituais e técnicas em um blog, por exemplo, os especialistas alertam que é
importante confrontar o conteúdo com três ou quatro portais diferentes. "Nos blogs, a pessoa pode escrever o que

http://vocesa.abril.com.br/imprima-essa-pagina.shtml Página 3 de 6
Imprima 29/06/10 00:53

quiser, por isso é importante que o internauta faça outras pesquisas para saber se a informação é ou não
confiável", diz Conrado. Hoje é possível também fazer download de livros gratuitos na internet.

No site do Tesouro Direto (www.tesouro.fazenda.gov.br), por exemplo, você consegue baixar a publicação
Dívida Pública: a Experiência Brasileira e saber detalhes sobre o endividamento do país. No mesmo site você
pode aprender a fazer aplicações com títulos emitidos pelo governo federal, que têm risco baixo e boa
rentabilidade. Obras de assuntos gerais podem ser acessadas no portal www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/
PesquisaObraForm.jsp.

APROVEITE COM SEGURANÇA


Além de confrontar as informações de um site com outro, você precisa se dedicar para aproveitar bem todo o
conteúdo online disponível no mundo virtual. "Recomendo tratar a pesquisa na internet como um estudo e
investir tempo. Acessar um site superficialmente é o mesmo que ler apenas algumas páginas de um livro", diz
Marcelo Ângulo, planejador financeiro e autor do livro SuasFinanças.com (Editora Campus/Elsevier).

Para saber se um site é ou não confiável, você deve analisar a qualidade da informação e, para isso, é preciso
comparar os conteúdos acessados. Você deve ficar de olho, por exemplo, nos portais que prezam menos pela
qualidade da informação e mais pela capacidade de conquistar clientes. "Alguns sites oferecem conteúdo com o
objetivo de atrair leitores para, então, vender produtos e serviços", diz Marcelo Ângulo. Para o professor Ricardo,
do Insper, o conteúdo virtual funciona como um complemento, por isso não deve ser considerado o único meio de
encontrar informações financeiras. "É preciso lembrar que existe um mundo fora da web e nada substitui a leitura
de um bom livro", diz.

A internet é relativamente nova e como toda novidade há quem goste e quem desgoste. Para Rogério Bastos,
sócio-diretor da consultoria FinPlan de São Paulo, é essencial que o conteúdo sobre finanças pessoais disponível

http://vocesa.abril.com.br/imprima-essa-pagina.shtml Página 4 de 6
Imprima 29/06/10 00:53

na internet se dissemine entre todas as pessoas — o que ainda não aconteceu. "Muitas vezes esbarramos em uma
informação por acaso e não sabemos que existe um site específi co sobre o assunto." O grande problema,
segundo ele, é que o conteúdo online das páginas eletrônicas brasileiras ainda é pouco desenvolvido para a
pessoa física. "Aqui, ainda não é como o exterior, onde a maior parte dos países mantém foco no consumidor
final", diz.

Mas algumas mudanças já aconteceram. Sites com conteúdo apenas para orientar as pessoas que já tinham
conhecimento financeiro começaram a desenvolver tópicos com informações básicas para quem está começando
a entender o mercado. Existem dois exemplos: o portal da BM&FBovespa (www.bmfbovespa.com.br) e o Como
Investir (www.comoinvestir.com.br), da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de
Capitais (Anbima)."Para ajudar as pessoas a planejar seus investimentos, o conteúdo online precisa ser mais
amplo" diz Ricardo Nardini, gerente de certificação da Anbima, em São Paulo.

Imprima
Compartilhe

Comente

Nome:

E-mail ou site:

Comentário:

http://vocesa.abril.com.br/imprima-essa-pagina.shtml Página 5 de 6
Imprima 29/06/10 00:53

Enviar

Links Patrocinados

Controle Doméstico
Confira a Ferramenta Que OMO Criou.
Controle e Economia em Sua Casa!
Omo.com.br
Planilha Gastos Pesssoais
Baixe Grátis Já a Planilha Excel e
Controle suas Despesas Mês a Mês!
MeuBolsoemDia.com.br/PlanilhaMensal
Workshop Positive Change
Um final de semana que mudará sua
forma de pensar e agir.
www.positivechange.com.br

http://vocesa.abril.com.br/imprima-essa-pagina.shtml Página 6 de 6