Vous êtes sur la page 1sur 12

Ficha de informações de

segurança de produtos

químicos (FISPQ)
Fosfato de tributila
04423801
Seção 1. Identificação
Identificador GHS do : Fosfato de tributila
produto

Uso da substância/ : Antiespumante para aplicação industrial


preparação

Fornecedor/Fabricante : LANXESS Indústria de Produtos Químicos e Plásticos Ltda.


Address : Av. Maria Coelho de Aguiar, 215, Bloco B, 2º Andar -
São Paulo - SP - CEP 05804-902 - Brazil
Telefone: +55 11 3741 3333
Email : fichadeseguranca@lanxess.com
Telefone para emergências : 0800-773-8177

Seção 2. Identificação de perigos


Classificação da substância : TOXICIDADE AGUDA (oral) - Categoria 4
ou mistura TOXICIDADE AGUDA (dérmico) - Categoria 5
IRRITAÇÃO À PELE - Categoria 2
CARCINOGENICIDADE - Categoria 2
PERIGOSO AO AMBIENTE AQUÁTICO – AGUDO - Categoria 2
PERIGOSO AO AMBIENTE AQUÁTICO – CRÔNICO - Categoria 3

Elementos GHS do rótulo


Pictogramas de perigo :

Palavra de advertência : Atenção


Frases de perigo : H302 - Nocivo se ingerido.
H313 - Pode ser nocivo em contato com a pele.
H315 - Provoca irritação à pele.
H351 - Suspeito de provocar câncer.
H401 - Tóxico para os organismos aquáticos.
H412 - Perigoso para a vida aquática com efeitos prolongados.
Frases de precaução
Prevenção : Use luvas/roupas de proteção e proteção ocular/facial. Evite a
liberação para o meio ambiente.
Resposta à emergência : EM CASO DE exposição ou suspeita de exposição:Consulte um
médico. EM CASO DE CONTATO COM A PELE: Lave com água e
sabão em abundância.
Armazenamento : Armazene em local fechado à chave.
Disposição : Descarte o conteúdo e o recipiente conforme as regulamentações
locais, regionais, nacionais e internacionais.

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


1/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2
Classificação
Outros perigosdaque
substância
não : TOXICIDADE AGUDA (oral) - Categoria 4
Nenhum Conhecido.
resultam em uma
classificação

Seção 3. Composição e informações sobre os ingredientes


Substância/mistura : Substância
Nome químico : fosfato de tributila
Sinônimo : tri-n-butilfosfato

Número CAS/sinônimo
Nome do ingrediente % Número de
registro
CAS
fosfato de tributila 99 - 99.8 126-73-8

Não há nenhum ingrediente adicional presente que, dentro do conhecimento atual do


fornecedor e nas concentrações aplicáveis, seja classificado como perigoso para saúde ou
para o ambiente e que, consequentemente, requeira detalhes nesta seção.
Limites de exposição ocupacional, caso disponíveis, encontram-se indicados na seção 8.

Seção 4. Medidas de primeiros-socorros


Descrição das medidas necessárias de primeiros socorros
Contato com os olhos : Lavar imediatamente os olhos com água em abundância,
levantando para cima e para baixo as pálpebras ocasionalmente.
Verificar se estão sendo usadas lentes de contato e removê-las.
Continue enxaguando durante pelo menos 10 minutos. Consulte
um médico.
Inalação : Remova a vítima para local ventilado e mantenha-a em repouso
numa posição que favoreça a respiração. Se ocorrer falta de
respiração, respiração irregular ou parada respiratória, realizar
respiração artificial ou fornecer oxigênio por pessoal treinado. Pode
ser perigoso à pessoa que provê ajuda durante a ressuscitação
boca-a-boca. Consulte um médico. No caso de perda de
consciência, colocar a pessoa em posição de recuperação e
procurar imediatamente a orientação médica. Manter desobstruída
a passagem de ar. Soltar partes ajustadas da roupa, como
colarinho, gravata ou cinto.
Contato com a pele : Lavar imediatamente a pele com muita água ou, melhor ainda,
limpar imediatamente com polietilenoglicol 400 e, em seguida, com
muita água e sabão. Remova roupas e calçados contaminados.
Continue enxaguando durante pelo menos 10 minutos. Lavar as
roupas antes de reutilizá-las. Limpe completamente os sapatos
antes de reusa-los.
Ingestão : Lave a boca com água. Remover a dentadura, se houver. Remova
a vítima para local ventilado e mantenha-a em repouso numa
posição que favoreça a respiração. Caso o material tenha sido
ingerido e a pessoa exposta estiver consciente, dê pequenas
quantidades de água para beber. Suspenda a ingestão de água
caso a pessoa exposta estiver enjoada, uma vez que vomitar pode
ser perigoso. Não induzir vômitos a não ser sob recomendação de
um médico. No caso de vômitos, a cabeça deverá ser mantida
baixa para evitar que entre nos pulmões. Consulte um médico. Se
necessário, chame um centro de controle de intoxicação ou um
médico. Nunca dar nada por via oral a uma pessoa inconsciente.
No caso de perda de consciência, colocar a pessoa em posição de

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


2/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2

Seção 4. Medidas de primeiros-socorros


recuperação e procurar imediatamente a orientação médica.
Manter desobstruída a passagem de ar. Soltar partes ajustadas da
roupa, como colarinho, gravata ou cinto.

Sintomas e efeitos mais importantes, agudos ou tardios


Efeitos Agudos em Potencial na Saúde
Contato com os olhos : Não apresentou efeitos significativos ou riscos críticos.
Inalação : Não apresentou efeitos significativos ou riscos críticos.
Contato com a pele : Pode ser nocivo em contato com a pele. Provoca irritação à pele.
Ingestão : Nocivo se ingerido.
Sinais/sintomas de exposição excessiva
Contato com os olhos : Sintomas adversos podem incluir os seguintes:
dor ou irritação
lacrimejamento
vermelhidão
Inalação : Não há dados específicos.
Contato com a pele : Sintomas adversos podem incluir os seguintes:
irritação
vermelhidão
Ingestão : Não há dados específicos.

Se necessário, indicação de atendimento médico imediato e necessidade de tratamento especial


Notas para o médico : Sem tratamento específico.
Tratamentos específicos : Sem tratamento específico.
Proteção das pessoas : Nenhuma ação que envolva risco deve ser tomada sem treinamento
que prestam primeiros apropriado. Pode ser perigoso à pessoa que provê ajuda durante a
socorros ressuscitação boca-a-boca. Lavar completamente as roupas
contaminadas com água antes de removê-las, ou usar luvas.

Consulte a Seção 11 para Informações Toxicológicas

Seção 5. Medidas de combate a incêndio


Meios de extinção
Meios de extinção : Em caso de fogo use spray de água (neblina), espuma, pó químico
adequados seco ou CO2.
Meios de extinção : Nenhum Conhecido.
inadequados

Perigos específicos que se : Em situação de incêndio ou caso seja aquecido, um aumento de


originam do produto pressão ocorrerá e o recipiente poderá estourar. Este material é
químico tóxico para a vida aquática. Este material é prejudicial para a vida
aquática com efeitos prolongados. A água usada para apagar
incêndio e contaminada com esse material deve ser contida e
jamais despejada em qualquer curso d'água, esgoto ou dreno.
Produtos perigosos de : Os produtos de decomposição podem incluir os seguintes materiais:
decomposição térmica dióxido de carbono
monóxido de carbono
óxido de fósforo

Medidas de proteção : Isolar prontamente o local removendo todas as pessoas da


especiais para os bombeiros vizinhança do acidente, se houver fogo. Nenhuma ação que
envolva risco deve ser tomada sem treinamento apropriado.

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


3/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2

Seção 5. Medidas de combate a incêndio


Equipamento de proteção : Os bombeiros devem usar equipamentos de proteção adequados e
especial para bombeiros usar um aparelho respiratório autônomo com uma máscara
completa operado em modo de pressão positiva.

Seção 6. Medidas de controle para derramamento ou


vazamento
Precauções pessoais, equipamento de proteção e procedimentos de emergência
Para o pessoal que não faz : Nenhuma ação que envolva risco deve ser tomada sem treinamento
parte dos serviços de apropriado. Evacuar áreas vizinhas. Não deixar entrar pessoas
emergência desnecessárias ou desprotegidas. NÃO tocar ou caminhar sobre
material derramado. Evitar inspirar vapor ou fumos. Forneça
ventilação adequada. Use equipamento de proteção pessoal
adequado.

Precauções ao meio : Evite a dispersão do produto derramado e do escoamento em


ambiente contato com o solo, cursos de água, fossas e esgoto. Informe as
autoridades pertinentes caso o produto tenha causado poluição
ambiental (esgotos, vias fluviais, terra ou ar). Perigoso para a vida
aquática com efeitos prolongados. Recolha o material derramado.

Métodos e materiais para a contenção e limpeza


Pequenos derramamentos : Interromper o vazamento se não houver riscos. Mover recipientes
da área de derramamento. Diluir com água e limpar se solúvel em
água. Alternativamente, ou se solúvel em água, absorver com um
material inerte seco e colocar em um recipiente adequado de
eliminação dos resíduos. Descarte através de uma empresa
autorizada para eliminação de resíduos.
Grande derramamento : Interromper o vazamento se não houver riscos. Mover recipientes
da área de derramamento. Liberação a favor do vento. Previna a
entrada em esgotos, cursos de água, porões ou áreas confinadas.
Os derramamentos devem ser recolhidos por meio de materiais
absorventes não combustíveis, como por exemplo areia, terra,
vermiculite ou terra diatomácea, e colocados no contentor para
eliminação de acordo com a legislação local (consulte a seção 13).
Descarte através de uma empresa autorizada para eliminação de
resíduos. Obs.: Consulte a Seção 1 para obter informações sobre
os contatos de emergência e a Seção 13 sobre o descarte de
resíduos. O material absorvente contaminado pode causar o
mesmo perigo que o produto derramado.

Seção 7. Manuseio e armazenamento


Precauções para manuseio : Utilizar equipamento de proteção pessoal adequado (consulte a
seguro Seção 8). Comer, beber e fumar deve ser proibido na área onde o
material é manuseado, armazenado e processado. Os funcionários
devem lavar as mãos e o rosto antes de comer, beber ou fumar.
Remova a roupas contaminada e o equipamento de proteção antes
de entrar em áreas de alimentação. Evitar a exposição - obter
instruções específicas antes da utilização. Não manuseie o produto
antes de ter lido e compreendido todas as precauções de segurança.
Não deixar entrar em contato com os olhos ou com a pele ou com a
roupa. Não ingerir. Evitar inspirar vapor ou fumos. Evite a
liberação para o meio ambiente. Se durante o uso normal o material
apresentar perigo respiratório, utilizar somente com ventilação
adequada ou com um respirador apropriado. Mantenha no
recipiente original, ou em um alternativo aprovado feito com material
compatível, herméticamente fechado quando não estiver em uso.
Recipientes vazios retêm resíduo do produto e podem ser perigosos.

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


4/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2

Seção 7. Manuseio e armazenamento


Condições de : Armazenar de acordo com a legislação local. Armazene no
armazenamento seguro, recipiente original protegido da luz do sol, em área seca, fresca e
incluindo qualquer bem ventilada, distante de materiais incompatíveis (veja Seção 10)
incompatibilidade e alimentos e bebidas. Armazene em local fechado à chave.
Manter o recipiente bem fechado e vedado até que esteja pronto
para uso. Os recipientes que forem abertos devem ser selados
cuidadosamente e mantidos em posição vertical para evitar
vazamentos. Não armazene em recipientes sem rótulos. Utilizar
um recipiente adequado para evitar a contaminação do ambiente.

Seção 8. Controle de exposição e proteção individual


Parâmetros de controle

Valores de limite de :
exposição
Nome do ingrediente Limites de Exposição
fosfato de tributila ACGIH TLV (Estados Unidos,
3/2016).
TWA: 0,459 ppm 8 horas. Formulário:
Inhalable fraction and vapor
TWA: 5 mg/m³ 8 horas. Formulário:
Inhalable fraction and vapor
Procedimentos de controle : Se este produto contiver ingredientes com limites de exposição,
recomendados pode ser requerido o monitoramento biológico ou da atmosfera do
local de trabalho e do pessoal, para determinar a efetividade da
ventilação ou outras medidas de controle e/ou a necessidade de
usar equipamento de proteção respiratória. Devem ser feitas
referencias aos padrões de monitoramento adequados. Será
também necessário consultar documentos de orientação nacional
sobre métodos de determinação de substâncias perigosas.

Medidas de controle de : Se as operações do utilizador gerarem pó, fumos, gases, vapor ou


engenharia névoa, usar vedantes no processo, utilizar exaustor local, ou outro
controle de engenharia para manter a exposição do trabalhador aos
contaminantes aéreos abaixo dos limites estatutários ou
recomendados.
Controle de exposição : As emissões dos equipamentos de ventilação ou de processo de
ambiental trabalho devem ser verificadas para garantir que atendem aos
requisitos da legislação sobre a proteção do meio ambiente. Em
alguns casos, purificadores de gases, filtros ou modificações de
engenharia nos equipamentos do processo podem ser necessários
para reduzir as emissões à níveis aceitáveis.

Medidas de proteção pessoal


Medidas higiênicas : Lave muito bem as mãos, antebraços e rosto após manusear os
produtos químicos, antes de usar o lavatório, comer, fumar e ao
término do período de trabalho. Técnicas apropriadas podem ser
usada para remover roupas contaminadas. Lavar as vestimentas
contaminadas antes de reutilizá-las. Assegure que os locais de
lavagem de olhos e os chuveiros de segurança estejam próximos
dos locais de trabalho.
Proteção dos olhos/face : Usar óculos de segurança que obedecem aos padrões
estabelecidos sempre que uma avaliação de risco indicar que existe
risco de exposição respingos, gases, vapores ou pós.
Recomendado: Óculos de proteção herméticos.

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


5/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2
Parâmetros
Proteção dade controle
pele
Proteção para as mãos : Luvas resistentes à produtos químicos, impermeáveis que
obedecem um padrão aprovado, devem ser usadas todo tempo
enquanto produtos químicos estiverem sendo manuseados se a
determinação da taxa de risco indicar que isto é necessário. Após
contaminação pelo produto, substituir imediatamente as luvas e
proceder a disposição de acordo com a legislação aplicável.
Recomendado: (< 1 hora) Borracha de butilo - IIR, Viton® ou
Cloreto de polivinilo - PVC
Outra proteção para a : O equipamento de proteção pessoal deve ser avaliado e
pele selecionado por um especialista, de acordo com a tarefa executada
e os riscos envolvidos, antes da manipulação do produto.
Recomendado: vestuário de proteção
Proteção respiratória : Use uma proteção respiratória devidamente ajustada com o
fornecimento de ar , ou um purificador de ar que obedeça um
padrão de aprovação quando a taxa de risco indicar que isto é
necessário. Seleção do respirador deve ter como base os níveis de
exposição conhecidos ou antecipados, os perigos do produto e os
limites de trabalho seguro do respirador selecionado.
Recomendado: Máscara facial com filtro tipo ABEK se formar
vapores do produto.

Seção 9. Propriedades físicas e químicas


Aspecto
Estado físico : Líquido.
Cor : Incolor.
Odor : Inodoro.
Limite de odor : Não disponível.
pH : Não disponível.
Ponto de fusão : <-80°C (<-112°F)
Ponto de ebulição : 289°C (552,2°F)
Ponto de fulgor : Vaso fechado: 152°C (305,6°F) [DIN EN 22719]
Vaso aberto: 168°C (334,4°F) [DIN ISO 2592]
Tempo de combustão : Não aplicável.
Taxa de combustão : Não aplicável.
Taxa de evaporação : <0,001 (acetato de butilo = 1)
Inflamabilidade (sólido; : Não disponível.
gás)
Limites de explosividade : Não disponível.
(inflamabilidade) inferior e
superior
Pressão de vapor : <0.0001 hPa (25℃)
Densidade de vapor : Não disponível.
Densidade : 0,97 kg/L (20℃)
Densidade relativa : 0,98
Solubilidade : 0,28 g/l (Água)
Coeficiente de partição – n- : Não disponível.
octanol/água
Ponto de ignição: : 400°C
Temperatura de : >482°C (>899,6°F)
autoignição
Temperatura de : 177 a 178°C (350,6 a 352,4°F)
decomposição
SADT : Não disponível.
Viscosidade : Dinâmica (temperatura ambiente): 3,5 a 4 mPa·s (3,5 a 4 cP)

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


6/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2

Seção 9. Propriedades físicas e químicas


Remarks : Tensão superficial 25.1 - 27.55 mN/m (20 °C)

Seção 10. Estabilidade e reatividade


Reatividade : Não existem dados de testes específicos disponíveis relacionados à
reatividade deste produto ou de seus ingredientes.

Estabilidade química : O produto é estável.

Possibilidade de reações : Não ocorrerão reações perigosas em condições normais de


perigosas armazenagem e uso.

Condições a serem evitadas : Não há dados específicos.

Materiais incompatíveis : Não há dados específicos.

Produtos perigosos da : Sob condições normais de armazenamento e uso não devem se


decomposição formar produtos de decomposição perigosa.

Seção 11. Informações toxicológicas


Informação sobre os efeitos toxicológicos
Toxicidade aguda
Nome do Produto/ Resultado Espécie Dose Exposição Método
Ingrediente
fosfato de tributila LD50 Oral Rato - Sexo 1553 mg/kg - -
masculino,
Sexo
feminino
fosfato de tributila LD50 Coelho - >3100 mg/kg - -
Dérmico Sexo
masculino,
Sexo
feminino
fosfato de tributila LC50 Rato - Sexo >4242 mg/m³ 4 horas * OECD 403
Inalação masculino, Acute
Poeira e Sexo Inhalation
neblina feminino Toxicity

Conclusão/Resumo : fosfato de tributila:* Concentração máxima que se pode obter.

Irritação/corrosão
Nome do Produto/ Resultado Espécie Pontuação Exposição ObservaçãoReversibilidade
Ingrediente
fosfato de tributila Pele - Eritema/ Coelho 1,8 4 horas 14 dias -
escara
Pele - Edema Coelho 0,7 4 horas 14 dias -
Olhos - Opacidade Coelho 0,4 24 horas 21 dias Totalmente
da córnea reversível
em 7
dias ou
menos
Olhos - Lesão na íris Coelho 0,2 24 horas 21 dias Totalmente
reversível
em 7

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


7/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2

Seção 11. Informações toxicológicas


dias ou
menos
Olhos - Vermelhidão Coelho 1,5 24 horas 21 dias Não
da conjuntiva totalmente
reversível
dentro
de 21
dias ou
mais
Olhos - Edema da Coelho 1 24 horas 21 dias Totalmente
conjuntiva reversível
em mais
de 7 dias
Conclusão/Resumo
Pele : Irritante leve
Olhos : Não-irritante
Sensibilização
Nome do Produto/ Rota de Espécie Resultado
Ingrediente exposição
fosfato de tributila pele Porquinho da Índia Nenhuma sensibilização

Mutagenecidade
Nome do Produto/ Método Teste Resultado
Ingrediente
fosfato de tributila Ames test: com Teste: In vitro Negativo
ativação metabólica / Sujeito: Bactérias
sem ativação
metabólica
OECD 473 In vitro Teste: In vitro Negativo
Mammalian Sujeito: Mamíferos - Animais
Chromosomal Célula: Somática
Aberration Test
- Teste: In vitro Negativo
Sujeito: Mamíferos - Animais
Célula: Germes
Chromosomal Teste: In vivo Negativo
aberration assay Sujeito: Mamíferos - Animais
Célula: Somática
Carcinogenicidade
Nome do Produto/ Resultado Espécie Dose Exposição
Ingrediente
fosfato de tributila Negativo - Oral - Rato - Sexo 8,9 a 11,6 mg/ 24 meses
masculino, kg NOEL
Sexo feminino
Conclusão/Resumo : tributyl phosphate:Os resultados do estudo mecanístico
confirmam que o tributilfosfato não é um cancerígeno genotóxico.
Em todos os estudos de toxicidade genética não houve
nenhuma evidência de um potencial mutagênico. Pode-se
concluir que tributilfosfato, via citotoxicidade específica do órgão,
causa hiperplasia da bexiga e necrose. O mecanismo indireto
para transformação celular é apoiado pelo aumento da atividade
mitótica e reversão completa da hiperplasia e proliferação após
10 semanas de tratamento, seguido por 10 semanas de
recuperação. Estes dados confirmam um baixo risco de
exposição humana ao tributilfosfato.
Teratogenicidade

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


8/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2

Seção 11. Informações toxicológicas


Nome do Produto/ Resultado Espécie Dose Exposição
Ingrediente
fosfato de tributila Negativo - Oral Rato - Sexo - -
feminino

Efeitos Agudos em Potencial na Saúde


Contato com os olhos : Não apresentou efeitos significativos ou riscos críticos.
Contato com a pele : Pode ser nocivo em contato com a pele. Provoca irritação à pele.
Ingestão : Nocivo se ingerido. Irritante para a boca, a garganta e o estômago.

Sintomas relativos às características físicas, químicas e toxicológicas


Contato com os olhos : Sintomas adversos podem incluir os seguintes:
dor ou irritação
lacrimejamento
vermelhidão
Inalação : Não há dados específicos.
Contato com a pele : Sintomas adversos podem incluir os seguintes:
irritação
vermelhidão
Ingestão : Não há dados específicos.

Efeitos tardios e imediatos e também efeitos crônicos de curto e longo períodos


Exposição de curta duração
Efeitos potenciais : Não disponível.
imediatos
Efeitos potenciais tardios : Não disponível.
Exposição de longa duração
Efeitos potenciais : Não disponível.
imediatos
Efeitos potenciais tardios : Não disponível.
Efeitos Crônicos em Potencial na Saúde
Nome do Produto/ Resultado Espécie Dose Exposição
Ingrediente
fosfato de tributila Subcrônico NOEL Oral Camundongo - 75 mg/kg -
Sexo diariamente
masculino,
Sexo feminino
Carcinogenicidade : Suspeito de provocar câncer. O risco de câncer depende da
duração e do nível de exposição.
Observações : Os resultados do estudo mecanístico confirmam que o tributilfosfato
não é um cancerígeno genotóxico. Em todos os estudos de
toxicidade genética não houve nenhuma evidência de um potencial
mutagênico. Pode-se concluir que tributilfosfato, via citotoxicidade
específica do órgão, causa hiperplasia da bexiga e necrose. O
mecanismo indireto para transformação celular é apoiado pelo
aumento da atividade mitótica e reversão completa da hiperplasia e
proliferação após 10 semanas de tratamento, seguido por 10
semanas de recuperação. Estes dados confirmam um baixo risco
de exposição humana ao tributilfosfato.

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


9/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2

Seção 12. Informações ecológicas


Toxicidade
Nome do Produto/Ingrediente Método Resultado Espécie Exposição
fosfato de tributila OECD 209 Agudo. EC50 Bactérias - 3 horas
Activated 100 mg/l Água lodo activado
Sludge, fresca
Respiration
Inhibition Test
- Agudo. EC50 Daphnia - 48 horas
1,8 mg/l Água Daphnia
fresca magna
- Agudo. IC50 2, Algas - 72 horas (taxa
8 mg/l Scenedesmus de
subspicatus crescimento)
- Agudo. IC50 1, Algas - 96 horas
3 mg/l Scenedesmus (biomassa)
subspicatus
- Agudo. LC50 Peixe - Salmo 96 horas
4,2 a 11,8 mg/l gairdneri
- Crônico IC10 Algas - 72 horas (taxa
0,92 mg/l Scenedesmus de
subspicatus crescimento)
- Crônico Daphnia - 21 dias
NOEC 1,3 mg/ Daphnia
l Água fresca magna
- Crônico Peixe - 95 dias
NOEC 0,82 Oncorhynchus
mg/l Água mykiss
fresca

Persistência/degradabilidade
Nome do Produto/ Método Resultado Dose Inoculante
Ingrediente
fosfato de tributila OECD 301D 92 % - Facilmente - 28 - -
Ready dias
Biodegradability
- Closed
Bottle Test
OECD 301C 77 % - Facilmente - 28 - -
Ready dias
Biodegradability
- Modified
MITI Test (I)

Nome do Produto/ Meia-vida aquática Fotólise Biodegradabilidade


Ingrediente
fosfato de tributila - - Facilmente

Potencial bioacumulativo
Nome do Produto/ LogPow BCF Potencial
Ingrediente
fosfato de tributila 4 7 a 35 baixa

Mobilidade no solo
Coeficiente de Partição Solo/: Não disponível.
Água (KOC)

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


10/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2
Toxicidade
Outros efeitos adversos : Não apresentou efeitos significativos ou riscos críticos.

Observações : O produto não contém metais pesados em concentrações


importantes para as águas residuais. O produto não contém
nitrogênio liberável que possa contribuir para a eutrofização. O
produto contém phosphorus

Seção 13. Considerações sobre destinação final


Produto
Métodos de eliminação : A geração de resíduo deve ser evitada ou minimizada. A
eliminação deste produto, soluções ou qualquer subproduto devem
obedecer as exigências de proteção ambiental bem como a
legislação para a eliminação de resíduos segundo as exigências
das autoridades nacionais. Descarte o excesso de produtos não
recicláveis através de uma empresa autorizada no controle e
disposição de resíduos. Os resíduos não devem ser eliminados
sem tratamentos para o esgoto, a menos que estejam totalmente
compatíveis com os requisitos das autoridades locais.
Embalagem
Métodos de eliminação : A geração de resíduo deve ser evitada ou minimizada. As
embalagens do produto podem ser recicladas. A incineração ou o
aterro somente deverão ser considerados quando a reciclagem não
for viável.
Precauções especiais : Não se desfazer deste produto e do seu recipiente sem tomar as
precauções de segurança devidas. Cuidados são necessários
quando manusear recipientes vazios que não foram limpos e
lavados. Recipientes vazios ou revestimentos podem reter alguns
resíduos do produto. Evite a dispersão do produto derramado e do
escoamento em contato com o solo, cursos de água, fossas e
esgoto.

Seção 14. Informações sobre transporte


RTPP IMDG IATA
Número ONU - - -

Nome - - -
apropriado para
o embarque
Classe(s) de - - -
risco para o
- - -
transporte

Grupo de - - -
embalagem
Perigoso para o Não. No No
ambiente

Precauções Não regulado. Not regulated. Not regulated.


especiais para o
usuário/
Informações
adicionais

Outras informações:

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


11/12
Fosfato de tributila 04423801 / 2

Seção 14. Informações sobre transporte


Mercadoria não perigosa durante o transporte.
Irrita a pele.
Manter separado de produtos alimentares.
Transporte em grande volume de acordo : Não disponível.
com o anexo do MARPOL e do código IBC
(Contêiner intermediário para carga a
granel (IBC-Intermediate Bulk Container)

Seção 15. Informações sobre regulamentações


Regulamentações : Não é conhecida nenhuma regulamentação nacional e/ou regional
específicas de segurança, específica a este produto (incluindo seus ingredientes).
saúde e meio ambiente para
o produto

Seção 16. Outras informações


Histórico
Data de emissão/Data da : 11.05.2017
revisão
Data da edição anterior : 28.09.2015
Versão : 2
Indica as informações que foram alteradas em relação à versão anterior.
Observação ao Leitor
As indicações dadas baseiam-se no estado atual dos nossos conhecimentos. A folha de dados
de segurança descreve os produtos do ponto de vista das exigências de segurança. As
indicações não têm significado de dados de qualidade, promessa de propriedades ou
garantias.

Data de emissão : 2017-05-11 Página:


12/12