Vous êtes sur la page 1sur 24

SOLUÇÕES

SUSTENTÁVEIS
PARA O
SISTEMA DE
AERAÇÃO

Ricardo Brandão

Gerente de Produto
COMMITTED TO SUSTAINABLE PRODUCTIVITY

We stand by our responsibilities towards our customers,


towards the environment and the people around us.
We make performance stand a test of time. This is what
we call – Sustainable Productivity.
TECNOLOGIA CORRETA

Para gerar um fluxo de 1600 m³/h (942 cfm) a uma pressão de 0,8 bar(e) (11,6 psig)

Soprador Parafuso
Soprador Tri-lobular

3
ZS 7 -315 & ZS+ 15-315 VSD
Comparação de Tecnologias

Soprador tipo Roots Soprador Parafuso


 Max 0.8 to 1.0 bar(e)  max 1.2 bar(e)
 Tecnologia Básica  Tecnologia Reforçada
 Baixa Eficiência  Alta Eficiência
 Alto nível de Ruído: 75 - 90 dB(A)
 Nivel de ruído: 70 - 74 dB(A)
 Sistema incompleto
 Sistema completo
 Confiança e tempo de vida limitados
 Alta confiança e tempo de vida
4
ZS 7 -160 & ZS+ 15-160 VSD
COMPARAÇÃO COM A TECNOLOGIA ROOTS: ENERGIA ESPECÍFICA CONSUMIDA

ZS75+ VSD vs ZL3000 with VSD

180

160

140
50% saving at 0,8 bar

120
SER (J/l)

31% saving at 0,6 bar ZL3000 with VSD


ZS75+VSD
100

80

26% saving at 0,5 bar


60

40
0,3 0,4 0,5 0,6 0,7 0,8 0,9 1 1,1 1,2 1,3
Pressure (bar)

5
APLICAÇÕES

Tratamento de Efluentes

• Tratamento de água
• Tratamento de esgoto
• Filtros de areia
• Mistura

Tratamento e compressão de
Biogás

• Aterro Sanitário
• Bio Digestores
• Remoção de
Xiloxiteno
RETROFFIT - PONTOS IMPORTANTES

Equilibrar a vazão de ar
• Variação de vazão
• Estabilidade no valor o OD
• Controle por sonda de oxigênio ou amônia

Em uma ETE aproximadamente 70% da energia elétrica é consumida no Sistema de


Aeração.
COMO DIMENSIONAR O SOPRADOR

O processo precisa de vazão de admissão ou descarga?

• Vazão admissão, valor teórico.


• Vazão descarga medido, real.
• Diferença aproximadamente 10%
• Vazão descarga sempre menor.
( depende da pressão).
Área

8
COMO DIMENSIONAR O SOPRADOR

Pressão de descarga ou pressão diferencial?

• Perda de carga no filtro? Silenciador? Válvula de retenção?

• É pressão de saída?
Perda de carga no filtro de admissão:  20 mbar
Perda de carga no silenciador:  15 mbar
Perda de carga na válvula retenção:  10 mbar
Pressão barométrica (mBar (a)) 916
Pressão na sucção (mBar (a)) 896
Pressão diferencial (mBar (a)) 500
Pressão na saída do lobulo (mBar (a)) 1396
Pressão na saída do soprador (mBar (a)) 1371

9 Diferença de 7 % de energia ou 45 mBar(g)


EFICIÊNCIA NO TRATAMENTO
O que incrementa a Eficiência no Tratamento?

 Escolha do Processo de Tratamento;


 Escolha da Altura do Tanque correta ( Área ocupada é Barata?); Tanque de 7 (SETE) metros
ocupa um superficie 43% menor do que em um tanque de 3 metros com mesmo volume de
água.

10
EFICIÊNCIA NO TRATAMENTO
O que incrementa a Eficiência no Tratamento?
Tanque de 7 (SETE) metros = 41% menos ar?
 Aumento de 1m na altura do tanque equivale a 20% a menos de Ar comprimido na estação
 Consumo especifico KW/m³AR diminui de 10% a 15%;

11
EFICIÊNCIA NO TRATAMENTO
O que incrementa a Eficiência no Tratamento?

 Escolha correta da TECNOLOGIA de compressão ajuda a economizar mais de 30% em


energia elétrica;

12
GERENCIADORES HSI 5100

 Controle do Processo
 Garantia de Menor perda de carga
 Controle de pressão e vazão;
 Controle de sensor de oxigênio e
amônia;
 Redução de energia de 5 a 10%;
 Garantia da quantidade exata de
oxigenio;
EFICIÊNCIA NO TRATAMENTO
O que incrementa a Eficiência no Tratamento?

 Tamanho correto da Bolha


 Quantidade de difusores
 Distribuição dos difusores

14
EFICIÊNCIA NO TRATAMENTO
O que incrementa a Eficiência no Tratamento?

 Utilização de máquinas preparadas para variação de velocidade


 Interligação do Sensor de oxigênio ao inversor de frequência para variar vazão de ar conforme
a quantidade de oxigênio necessária.

15
O QUE DEVEMOS VER NO PROJETO

 Altura do Tanque: Maior menor consumo de ar;


 Área ocupada é barata?;
 Escolha da tecnologia de compressão;
 Tamanho da bolha e eficiência de transferência de oxigênio;
 Distribuição dos difusores;
 Custo CAPEX + OPEX : Aquisição+ Consumo de Energia;
 Temperatura do ar de descarga do soprador, menor temperatura maior tempo a bolha fica na
água, menor consumo de ar;
 Custo de instalação das máquinas ( Horas de instalação e montagem da máquina,
necessidade de fundação, diâmetro de cabos, diametro do tubo, etc..)

16
CASO DE SUCESSO

O Cliente Solicitou um Teste

 Utilizamos 02 (dois) Sopradores ZS 110 K para testar sua eficiência na ETE com
capacidade para atender 150 mil habitantes e Vazão de Esgoto média de 420 l/s

• Retirar soprador lóbulo e colocar parafuso.

– Soprador Lobulo Dados de plaqueta :


• Vazão Máxima: 145,8 m³/min (Entrada) @ 2375 rpm
• Vazão Utilizada: 87 m³/min ( Entrada- Aproximadamente)
• Potência do Motor: 200 kW ( VSD)
• Pressão Diferencial: 570 mbar (Na ocasião da vista a Pressão Diferencial era de 800 mbar)

• 18 04 (quatro) Sopradores Instalados e 02 (dois) em Operação a 60% da capacidade;


CASO DE SUCESSO

• Retirar soprador lóbulo e colocar parafuso.

– ZS 110 K VSD
• Vazão: 85 m³/min (Entrada)
• Potência do Motor : 110 kw
• Pressão Diferencial : 750 mbar

19
CASO DE SUCESSO

Economia Calculada
 Condição de Cálculo: 2 (dois) Lobulo vs 2 (dois) ZS 110
Valor Kwh R$ 0,30
ZS 110 K ( Parafuso) LÓBULO
Vazão Admissão (m³/ min) 85 87
Pressão Diferencial (mbar) 750 750
Potênica no eixo kW 91 125
Potência do motor 110 kW 200 kW
VALOR KW/ M³/ H 1,070588235 1,436781609

Economia de energia 25%


Quantidade de MÁQUINAS 2 2
Horas Trabalhadas 8760
Consumo de energia 1.594.320,00 2.190.000,00
Gasto de Energia R$ 478.296,00 R$ 657.000,00
Economia com ZS por ano
por Soprador R$ 178.704,00
R$ 893.520,00
Economia em 5 anos com ZS
20 por Soprador
CASO DE SUCESSO

Situação Real:
• Apenas 02 (dois) ZS 110 K VSD em operação.
Dados coletados após a instalação do soprador parafuso:
• O ZS reduziu em 22% o total de energia consumida pela ETE

• O Soprador Parafuso reduziu em mais de 30% o consumo de


energia elétrica quando comparado com o Lóbulo.

21
CASO DE SUCESSO
• Economia de energia;
• Eficiência superior do Soprador ZS;
• Melhor turn down (ampla faixa de variação de vazão);
• Menor temperatura do ar na descarga;
• Mais fácil de instalar;
Valor Kwh R$ 0,50

ZS 110 K ( Parafuso) LÓBULO


Vazão Admissão (m³/ min) 85 87
Pressão Diferencial (mbar) 750 750
Potênica no eixo kW 91 135
Potência do motor 110 kW 200 kW
VALOR KW/ M³/ H 1,070588235 1,551724138

Economia de energia 31%


Quantidade de MÁQUINAS 2 2
Horas Trabalhadas 8760
Consumo de energia 1.594.320,00 2.365.200,00
Gasto de Energia R$ 797.160,00 R$ 1.182.600,00

R$ 385.440,00
Economia com ZS por ano
por Soprador

R$ 1.927.200,00
Economia em 5 anos com ZS
22 por Soprador
Economia com a utilização de um soprador de velocidade variavel
COMMITTED TO
SUSTAINABLE PRODUCTIVITY.