Vous êtes sur la page 1sur 4

CASA PIA DE LISBOA

CED D. Nuno Álvares Pereira

-- TESTE DE AVALIAÇÃO DE PORTUGUÊS --

Educando: Ano / Turma: N.º:


Avaliação:
As professoras: O Enc. de Educ.:

Lê atentamente o texto. Após a leitura, responde às perguntas de forma completa.

Contei noutro lugar como e porquê me chamo Saramago. Que esse


Saramago não era um apelido do lado paterno, mas sim a alcunha por
que a família era conhecida na aldeia. Que indo meu pai a declarar no
Registo Civil da Golegã o nascimento do seu segundo filho, sucedeu
que o funcionário (chamava-se ele Silvino) estava bêbado (por
despeito, disso o acusaria sempre meu pai), e que, sob os efeitos do
álcool e sem que ninguém se tivesse apercebido da onomástica
fraude, decidiu, por sua conta e risco, acrescentar Saramago ao
lacónico José de Sousa que meu pai pretendia que eu fosse. E que,
desta maneira, finalmente, graças a uma intervenção por todas as
mostras divina, refiro-me, claro está, a Baco, deus do vinho e daqueles
que se excedem a bebê-lo, não precisei de inventar um pseudónimo
para, futuro havendo, assinar os meus livros. Sorte, grande sorte
minha, foi não ter nascido em qualquer das famílias da Azinhaga que,
naquele tempo e por muitos anos mais, tiveram de arrastar as obscenas alcunhas de Pichatada,
Curroto e Caralhana. Entrei na vida marcado com este apelido de Saramago sem que a família o
suspeitasse, e foi só aos sete anos, quando, para me matricular na instrução primária, foi necessário
apresentar certidão de nascimento, que a verdade saiu nua do poço burocrático, com grande
indignação de meu pai, a quem, desde que se tinha mudado para Lisboa, a alcunha desgostava. Mas
o pior de tudo foi quando, chamando-se ele unicamente José de Sousa, como ver se podia nos seus
papéis, a Lei, severa, desconfiada, quis saber por que bulas tinha ele então um filho cujo nome
completo era José de Sousa Saramago. Assim intimado, e para que tudo ficasse no próprio, no são e
no honesto, meu pai não teve outro remédio que proceder a uma nova inscrição do seu nome,
passando a chamar-se, ele também, José de Sousa Saramago. Suponho que deverá ter sido este o
único caso, na história da humanidade, em que foi o filho a dar o nome ao pai. Não nos serviu de
muito, nem a nós nem a ela, porque meu pai, firme nas suas antipatias, sempre quis e conseguiu
que o tratassem unicamente de Sousa.

SARAMAGO, José. As pequenas memórias. São Paulo: Companhia das Letras, 2006.

José Saramago nasceu em 1922, em Azinhaga, no concelho da Golegã. Ficcionista, cronista, poeta, autor
dramático, coube-lhe a honra de ser o primeiro autor português a ser distinguido com o Prémio Nobel da
Literatura, em 1998. Morreu em 2010, em Lanzarote, nas Ilhas Canárias.
I – INTERPRETAÇÃO TEXTUAL

1. O narrador/autor relata um acontecimento da sua vida.

1.1 Identifica-o, explicando a sua importância. ______________________________________________


____________________________________________________________________________

2. O narrador faz o seu relato na 1ª pessoa. Classifica-o e justifica a tua resposta com um segmento do
texto. ___________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________

3. Nas aulas de Português, vimos que o diário em que Anne Frank desabafa as suas emoções é real. Anne
Frank é autora, narradora e personagem. Este é um texto memorialístico, em que são narrados eventos
autobiográficos.

3.1 Podemos afirmar que neste texto existe também uma identificação entre o autor, o narrador e a
personagem? Porquê? __________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

4. O narrador/autor relata as circunstâncias que explicam a origem da sua alcunha “Saramago”.

4.1 Explicita-as. _______________________________________________________________________


_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

4.2 Em que momento esse acontecimento perturbou a vida da família? __________________________


_________________________________________________________________________________
_________________________________________________________________________________

4.2.1 Como reagiu o pai do narrador? Justifica com elementos textuais. _________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

4.2.2 Que implicações teve na vida do patriarca? ___________________________________________


_______________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

5. Explica a afirmação: “Suponho que deverá ter sido este o único caso, na história da humanidade, em que
foi o filho a dar o nome ao pai.” _________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________

6. Faz o levantamento de seis marcas de 1ª pessoa ao longo do texto. (3 pronomes e 3 verbos)

____________ ____________ ____________ ____________ ____________ ____________


II – FUNCIONAMENTO DA LÍNGUA

1. Reconhece os adjetivos nas frases seguintes. (Sublinha-os, para te facilitar a tarefa).

a. Os alunos transportam livros pesados.


b. O futebol americano é muito violento.
c. Os atletas não desistiram, apesar de terem chegado em último lugar.
d. Este meu primeiro prémio foi o mais difícil de ganhar.
e. Em Portugal, pela Páscoa, costuma haver uma invasão espanhola de turistas.
f. Ganhei a minha segunda taça num torneio futebolístico.

1.1 Organiza-os no quadro seguinte.

Adjetivo qualificativo Adjetivo numeral Adjetivo relacional


- - -

- - -

- - -

2. Sublinha todos os advérbios e locuções adverbiais presentes nas frases seguintes.

a. Hoje li Saramago desde manhã. Ontem li só à tarde.


b. A Rita está muito satisfeita com O Diário de Anne Frank. Mais do que o esperado!
c. Que chatice! De repente, anoiteceu.
d. Procurei os livros em todos os sítios menos aqui.
e. As Canárias ficam longe de Portugal. Se ficassem perto, era mais feliz.
f. Nunca li este livro, mas ouvi dizer que é fantástico.
g. Quando a miúda nova entrou na sala, o rapaz sorriu docemente.
h. Não fizeste o trabalho de pesquisa? Até a Marta Maria faz os trabalhos de casa.

3. Identifica e classifica os tipos de sujeito em cada uma das seguintes frases destacadas:

a) Saramago escreveu O Memorial do Convento. Sujeito ________________


b) Trovejou. Sujeito ________________
c) Há muitos funcionários na biblioteca. Foram buscar um livro ao João. Sujeito ________________
d) Vende-se livros de escritores famosos. Sujeito ________________
e) José e Anne são nomes próprios. Sujeito ________________
III – PRODUÇÃO ESCRITA

Num texto que não deverá exceder as 20 linhas, conta uma história familiar agradável, relata uma memória
espirituosa que tenhas da tua infância, um episódio caricato de que te recordes ou um que eventualmente te
tenham contado.

Se preferires, podes inventar! O importante é teres em conta o tipo de texto e a lógica discursiva. Atenção à
pontuação, aos acentos, ao uso da letra maiúscula e à revisão final do texto!

___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________

Linhas extra:
____________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________

As professoras Judite Pinto & Magda Costa