Vous êtes sur la page 1sur 2

BANCA: CESPE/CEBRASPE NÍVEL: Médio

ÓRGÃO: Ministério Público da União DIREITO ADMINISTRATIVO DATA: 22/03/2015


CARGO: Técnico do MPU - Área de Atividade: Apoio Técnico Administrativo - Especialidade: Segurança Institucional e Transporte QUESTÕES: 11

Julgue os itens a seguir, de acordo com o regime jurídico das Acerca de deveres, proibições e penalidades previstos na
Lei n.º 8.112/1990, julgue o item subsecutivo.
autarquias.
49 Atrasos constantes no cumprimento da jornada de trabalho
21 Autarquia é entidade dotada de personalidade jurídica própria, podem caracterizar conduta desidiosa, procedimento que, de
com autonomia administrativa e financeira, não sendo possível acordo com o estatuto dos servidores públicos civis da União,
pode resultar em demissão.
que a lei institua mecanismos de controle da entidade pelo ente
federativo que a criou. rascunho
22 As autarquias responderão objetivamente pelos danos
provocados por seus agentes a terceiros, ainda que se
comprove que esses agentes tenham agido com prudência,
perícia e cuidados exigidos.

23 O instrumento adequado para a criação de autarquia é o


decreto, pois o ato é de natureza administrativa e de iniciativa
privativa do chefe do Poder Executivo.

O servidor responsável pela segurança da portaria de um


órgão público desentendeu-se com a autoridade superior desse
órgão. Para se vingar do servidor, a autoridade determinou que, a
partir daquele dia, ele anotasse os dados completos de todas as
pessoas que entrassem e saíssem do imóvel.
Com referência a essa situação hipotética, julgue os itens que se
seguem.
24 O ato praticado pela autoridade superior, como todos os atos
da administração pública, está submetido ao princípio da
moralidade, entretanto, considerações de cunho ético não são
www.cadernodequestoes.com.br

suficientes para invalidar ato que tenha sido praticado de


acordo com o princípio da legalidade.

25 O ato da autoridade superior foi praticado no exercício de seu


poder disciplinar.

26 Na situação apresentada, a ordem exarada pela autoridade


superior é ilícita, por vício de finalidade.

Acerca do regime jurídico dos servidores públicos federais, julgue


os itens subsequentes.

27 O servidor público federal estável, habilitado em concurso


público e empossado em cargo de provimento efetivo, só
perderá o cargo em virtude de sentença judicial transitada em
julgado.
28 Os atos praticados pelos servidores do MPU possuem
presunção de legitimidade, não sendo possível, por isso,
questionar-se, administrativamente, a veracidade dos fatos
expostos em declaração por eles exarada.

29 O servidor ocupante de cargo em comissão pode ser exonerado


a qualquer momento, independentemente de motivação.

30 Os impedimentos, as proibições e os deveres previstos na Lei


n.º 8.112/1990 somente se aplicam ao servidor público após a
posse, momento em que ocorre a investidura no cargo.
www.cadernodequestoes.com.br
1
MPU 2015 - Técnico do MPU - Área de Atividade: Apoio Técnico Administrativo - Especialidade: Segurança Institucional e Transporte www.cadernodequestoes.com.br

GABARITOS OFICIAIS DEFINITIVOS


Item 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 49
Gabarito E C E E E C E E C E C
Obs.: ( X ) item anulado.

 
Justificativas de alteração do gabarito de itens 
(com base nos modelos de provas disponíveis no site do Cespe) 
 
CARGO 4: TÉCNICO DO MPU – ÁREA DE ATIVIDADE: APOIO TÉCNICO ADMINISTRATIVO 
ESPECIALIDADE: SEGURANÇA INSTITUCIONAL E TRANSPORTE 
 
ITEM  GABARITO PRELIMINAR  GABARITO DEFINITIVO  SITUAÇÃO
30  C  E  Deferido c/ alteração
Considerando‐se  haver  vários  impedimentos  aplicáveis  ao  servidor  antes  da  posse,  opta‐se  pela  alteração  do 
gabarito do item. 

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO: 1 Noções de organização administrativa. 1.1 Centralização,
descentralização, concentração e desconcentração. 1.2 Administração direta e indireta. 1.3 Autarquias,
fundações, empresas públicas e sociedades de economia mista. 2 Ato administrativo. 2.1 Conceito,
requisitos, atributos, classificação e espécies. 3 Agentes públicos. 3.1 Legislação pertinente. 3.1.1 Lei nº
8.112/1990. 3.1.2 Disposições constitucionais aplicáveis. 3.2 Disposições doutrinárias. 3.2.1 Conceito. 3.2.2
Espécies. 3.2.3 Cargo, emprego e função pública. 4 Poderes administrativos. 4.1 Hierárquico, disciplinar,
regulamentar e de polícia. 4.2 Uso e abuso do poder. 5 Controle da Administração Pública. 5.1 Controle
exercido pela Administração Pública. 5.2 Controle judicial. 5.3 Controle legislativo. 6 Responsabilidade civil
do Estado. 6.1 Responsabilidade civil do Estado no direito brasileiro. 6.1.1 Responsabilidade por ato
comissivo do Estado. 6.1.2 Responsabilidade por omissão do Estado. 6.2 Requisitos para a demonstração da
responsabilidade do Estado. 6.3 Causas excludentes e atenuantes da responsabilidade do Estado. 7 Regime
jurídico-administrativo. 7.1 Conceito. 7.2 Princípios expressos e implícitos da Administração Pública.

ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO:


5.2 Lei nº 8.112/1990 e alterações: regime disciplinar (deveres e proibições, acumulação, responsabilidades,
penalidades). 5.3 Lei nº 8.429/1992: disposições gerais, atos de improbidade administrativa.

rascunho

www.cadernodequestoes.com.br
2