Vous êtes sur la page 1sur 6

ELETROTÉCNICA GERAL 1

Esta lista de exercícios deverá ser entregue no dia da prova com as respostas
manuscritas. Valerá 2,0 do conteúdo, 1,0 ponto da apresentação. A prova valerá 7,0
pontos tirada desta lista.

1- O que é tensão elétrica e qual a sua unidade de medida?

2- O que é corrente elétrica e qual a sua unidade de medida?

3- O que é resistência elétrica e qual sua unidade de medida?

4- Um chuveiro funciona com 110V de tensão. Se medirmos uma corrente de 40 A qual é o valor da
resistência desse chuveiro?

5- Quais são os instrumentos para se medir tensão, corrente e resistência elétricas?

6- O que é potência elétrica e sua unidade de medida?

7- Qual a unidade prática de medir energia elétrica e suas unidades derivadas?

8- Calcule o consumo e o custo mensal de uma lâmpada de 60W ligada 12h por dia (tarifa de
R$0,50/kwh)

9- Calcule o consumo e o custo mensal de 01 aparelho de ar condicionado de 7.000BTU ligado 10h


por dia. (considerar 7000BTU = 1,0kW) tarifa de R$0,50/kWh

10- Qual é o consumo mensal de 01 computador funcionando 10 h por dia. (Potência 100W)

11- O que é uma corrente contínua?

12- O que é uma corrente alternada?

13- Explique como é gerada a CA senoidal.

14- Por quê a Corrente Alternada senoidal é a mais utilizada para transporte de energia?

15- Na sua forma matemática uma tensão alternada é dada pela expressão v(t) = V m.sen (wt +  )
volts. Explique cada termo dessa expressão.

16- Mostre que se aplicarmos uma tensão senoidal em uma lâmpada, a potência terá
dupla freqüência da onda de tensão.

17- Mostre que o Capacitor é um derivador de tensão.

18- Mostre que a energia dissipada em um capacitor durante 1 ciclo da tensão é zero.

19- Mostre que o indutor é um derivador de corrente.

20- Mostre que a energia dissipada em um indutor durante 1 ciclo da tensão é zero.

Prof. Almeida
DEZ/2014
ELETROTÉCNICA GERAL 2
21- O que é “golpe Indutivo”?

22- O que é um fasor?

23) Dados as tensões e correntes senoidais abaixo, escreva o valor das mesmas na
forma fasorial, represente as mesmas no plano cartesiano e determine a “defasagem”
entre elas:

a) v(t) = 220 sen(377t)volts; i(t) = 100sen(377t+30º)Amperes

b) v(t) = 13800 sen(377t + 60º)volts; i(t) = 15sen(377t + 90º)

24) Dadas as tensões e correntes abaixo na forma fasorial, desenhe os fasores


respectivos e escreva as mesmas em função do tempo.

a) V* = 110/19º volts I* = 20/64º Ampéres

b) V* = 500/25º volts I* = 200/53º Ampéres

25- O que é Reatância Capacitiva e Indutiva?

26- O que é uma impedância?

27- Em um circuito RLC o que é Freqüência de Ressonância?

28- Mostre que a Freqüência de ressonância entre um capacitor e um indutor acontecerá


na freqüência f = 1/2  LC Hertz.

29- O que é valor eficaz de uma tensão senoidal?


VMAX
30- Mostre que para uma tensão senoidal seu valor Eficaz é VEFICAZ 
2
31- Qual é a principal utilização dos circuitos trifásicos.

32- Qual a defasagem entre as tensões geradas nas centrais elétricas?

33- Mostre que em um circuito trifásico a tensão fase-fase é igual a fase-neutro x 3

34- Mostre que em um circuito trifásico equilibrado a corrente de neutro é zero.

35- Três impedâncias iguais a Z = 55 20  são ligadas em estrela a um gerador


trifásico 220V equilibrado, devidamente aterrado. Determine:
a) As correntes que circulam nas três fases: Ia= 4   20 A, Ib=4 100 A, Ic=4
  220 A
b) A corrente que circula no neutro.ZERO.
c) Desenhe o circuito equivalente.

36) Em um motor ligado em 440V mediu-se a corrente obtendo-se 40 A. O fator de


potência do mesmo é cos  = 0,85. Determine:
a) A potência aparente desse motor em KVA R: 30,5kVA
b) A Potência real em KW. R: 25,9kW
c) A potência reativa em KVAr. R: 16,1kVAr
Prof. Almeida
DEZ/2014
ELETROTÉCNICA GERAL 3
d) A Potência em CV. R: 35CV

PROBLEMAS
1) A corrente em uma indutância pura L = 0,01H é i (t )  5 cos 2000t A . Qual é a tensão?
R: 100cos(2000t + 90º)

2) A corrente em uma capacitância pura de C =30 F é i (t )  12 sen 2000t. Qual é a tensão?


R: 200 sen(2000t -90º)

3) A tensão nos terminais da indutância, em um circuito série R=5Ω e L = 0,06H é


v l (t )  15sen200tVolts . Achar a tensão total, a corrente, o ângulo de atraso de i(t) em relação a v(t) e o
módulo da Impedância.
R: i=1,25 sen(200t-90º), VT=16,25 sen(200t-22,65º); 67,35º; Vm/Im=13 ohms

4) A tensão na resistência do circuito do problema (3) é v R (t )  15sen200t Volts .


Calcular a tensão total, a corrente, o ângulo de atraso de i(t) em relação a vT(t) e o módulo da
impedância.
R: i  3sen200tA; VT  39sen( 200t  67,35º );67,35º ; Vm / Im  13

5) A tensão total e a corrente resultante em um circuito série de dois elementos são:


v(t )  255 sen(300t  45º ) Volts e i (t )  8,5sen(300t  15º ) Amperes
Determinar os elementos que constituem esse circuito. R: R  26 L  0,05 H

6) A tensão total e a corrente resultante em um circuito série de dois elementos são:


vT (t )  150 cos(200t  30º ) Volts e i (t ) 4,48 cos(200t  56,6º ).
Determinar os elementos que constituem esse circuito. R : R  30 L  0,075 H

7) Dois elementos puros, R  12 e C  31,3F , são ligados em série com uma tensão aplicada de
v(t )  100 cos(2000t  20º ) Volts . Os dois elementos são então ligados em paralelo com a mesma tensão.
Calcular a corrente total em cada ligação. Qual é a freqüência dessa tensão e da corrente?
R: Série  i  5 cos(2000t  33,2º ) A Paralelo  i  10,4 cos(2000t  16,8º ) A f  318Hz

8) Um resistor de R  27,5 e um capacitor C  66,7 F estão em série. A tensão no capacitor é


v C (t )  50 cos1500t Volts . Calcular vT (t ), o ângulo de avanço da corrente em relação à tensão e o
módulo da impedância. Qual é a freqüência dessa tensão?
R : VT  146,3 cos(1500t  70º )V ; 20º ; Vm / Im  29,3; f  239 Hz

9) Um resistor R=5ohms e um capacitor desconhecido estão em série. A tensão nos terminais do resistor
é V R  25sen( 2000t  30 º ) . Se a corrente está adiantada de 60º em relação tensão, qual é a capacitância
desse capacitor? R : C  57,7 F

10) Um circuito série constituído de L=0,05H e um capacitor desconhecido têm a seguinte tensão aplicada
e corrente resultante:
v(t )  100sen(5000t ) Volts ; i (t )  2 sen(5000t  90º ) Amperes
Achar a capacitância do capacitor. Qual a freqüência desse sistema.
R : C  0,667 F f  796 Hz

11) Em um circuito RLC, a corrente está atrasada de 30º em relação a tensão aplicada. A tensão em L
tem para valor máximo o dobro do valor máximo da tensão no capacitor e v L (t )  10 sen1000t Volts . Se
o valor de R é 20ohms, determinar os valores de L e de C. R : L  0,05 H ; C  86,5F

Prof. Almeida
DEZ/2014
ELETROTÉCNICA GERAL 4
12) Um circuito série constituído de R=5Ω, L=0,02H e C=80 F tem uma tensão senoidal aplicada de
freqüência variável. Achar os valores de W para os quais a corrente:
a) Esteja avançada de 45º em relação à tensão
b) Esteja em fase
c) atrasada de 45º.
R: a )675; b)790; c )925rad / s
13) Um circuito paralelo de dois ramos é constituido de apenas um resistor de 50  em um dos ramos e
um elemento simples desconhecido no outro ramo. Conhecesse a tensão aplicada e a corrente total:
v (t )  100 cos(1500t  45º ) Volts
i (t )  12sen(1500t  135º ) Amperes
Determine o elemento desconhecido. R: R  10

14) Determine a corrente total em um circuito paralelo de L=0,05H e C=0,667 F sendo:


v (t )  100 cos 5000t Volts a tensão aplicada. R: i (t )  0,067 sen5000t Amperes

15) Um resistor R=10ohms e um indutor L = 0,005H estão em paralelo. A corrente no ramo indutivo é
i L  5 sen(2000t  45º ) Amperes . Achar a corrente total e o ângulo entre iT (t ) e a tensão aplicada.
R: iT  7,07 sen(2000t  0º ) A; 45º ; (iT atrasada emrelação a V )
16) Um circuito paralelo constituído de um ramo de R=5  e um único elemento desconhecido no outro
ramo tem para tensão aplicada e para corrente total:
v (t )  10 cos(50t  60º )) Volts ; i (t )  5,38 cos(50t  8,23º ) Amperes
Achar o elemento desconhecido. R: L = 0,04 H

17) Dois elementos puros R=10Ω e C= 100 F , em uma ligação paralela, tem para tensão aplicada
v(t )  150 cos(5000t  30º ) . Achar a corrente total. R: iT (t )  76,5 cos(5000t  48,7º ) Amperes

18) Um capacitor puro de C  35F está em paralelo com outro elemento simples de circuito. Se a
tensão aplicada e a corrente resultante forem, respectivamente,
v  150sen3000t Volts e iT  16,5sen(3000t  72,4º ) Amperes , achar o elemento desconhecido.
R: R=30 

19) A tensão aplicada em um circuito paralelo LC é v  50 cos(3000t  45º ) Volts e a corrente total
iT  2 cos(3000t  45º ) A .
Sabe-se também que a corrente do ramo L é cinco vezes maior que a do ramo capacitivo. Achar L e C.
R: L = 6,67mH e C=3,33 F

20) A tensão aplicada a três ramos em paralelo, em cada um dos quais existe um elemento puro é
v(t )  200 sen 200t Volts . Os ramos contém, respectivamente, R=300Ω, L=0,5H e C= 10 F . Achar a
corrente total, o ângulo entre a corrente total e a tensão aplicada e o módulo da impedância.
Vm
R: iT  1,74 sen(1000t  67,4º ) Amperes;67,4º (iT  avançada);  115 
Im
21) No circuito da figura abaixo, a tensão aplicada e a corrente total são:
v(t )  100sen500t Volts e iT (t )  2,5sen(500t ) Amperes. Achar L. R: L=0,08H

Prof. Almeida
DEZ/2014
ELETROTÉCNICA GERAL 5
22) A tensão aplicada ao circuito da figura abaixo é v (t )  50sen( 2000t  90º ) Volts .
Achar a corrente total.
R: i (t )  11,2 sen( 2000t  116 ,6º ) Amperes

L1
.02H
1.0mH

R1
205
v 
C1
16,67F
10uF

23) No circuito abaixo, a tensão aplicada é v  100 sen5000t Volts . Achar as correntes i1 ; i 2 ; iT
R: i1  7,07 sen((5000t  45º ) A; i 2  7,07 sen(5000t  45º ) A; iT  10sen5000t A

i1 i2
V )
iT(t R2
R1 20Ω
10
1
100 V
20ohms
10

796.2 Hz
0Deg L2 C1
1.0mH
0,002H
10uF
20µF

24) Calcular a tensão em cada impedância do circuito série abaixo. Mostrar num diagrama fasorial que a
soma V1  V2  V3 é igual a tensão aplicada V  1000º Volts

25) Determine a tensão V aplicada ao circuito em série abaixo, sabendo que é de 27   10º Volts a
queda de tensão em Z1.

Prof. Almeida
DEZ/2014
ELETROTÉCNICA GERAL 6

26)
Z

27)

28) – Um motor monofásico tem os seguintes dados de placa:

Potência: 2CV
Tensão: 220V
CosØ:0,8

Determinar:
a) O circuito equivalente
b) A corrente consumida por esse motor
c) A impedância equivalente
d) Qual o capacitor que deveria ser ligado em paralelo para que o CosØ = 1

Prof. Almeida
DEZ/2014