Vous êtes sur la page 1sur 3

[Digite texto]

EXMO. SR. JUIZ DE DIREITO DA _____ VARA CRIMINAL DA COMARCA DE SOBRAL

DENÚNCIA

Inquérito: 553-1086/2015
Indiciado: FRANCISCO JAIRO FERREIRA DUARTE
Tipo penal: Art. 7, II, Lei de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher |
Art. 147, Código Penal (Dec. Lei 2848) | Art. 163, Código Penal (Dec. Lei 2848)

O MINISTÉRIO PÚBLICO ESTADUAL, por intermédio do Promotor


de Justiça signatário, no uso de suas atribuições legais, notadamente as conferidas pelo art.
129, I, da CF/88 e 41 do CPP, vem, com o mais elevado respeito, à presença de V.Exa.,
oferecer DENÚNCIA contra:

FRANCISCO JAIRO FERREIRA DUARTE, brasileiro,


solteiro, alfabetizado, filho de Maria Aparecida Ferreira
Duarte, nascido em 07.11.1990, natural de Sobral, residente
na Rua Eva, 157, Bairro Expactativa, Sobral/Ce;

pelo cometimento do fato delituoso a seguir narrado:

Consta do incluso Inquérito Policial que na data de 18 de outubro de


2015, na Rua Eva, Bairro Expactativa, neste município, o acriminado Francisco Jairo
Ferreira Duarte quebrou a chutes diversos portões dos vizinhos deixando todos em pânico
com suas ameaças de morte, o indiciado ameaçou os vizinhos dizendo que invadiria suas

1
[Digite texto]

casas para mata-los, também ameaçou sua própria mãe de agressão física após ter-lhe
agredido moralmente.
Historiam os autos que as vítimas estavam em suas casas descansando
quando o indiciado começou a proferir violentos chutes nos portões de seus vizinhos
ameaçando a todos de agressão e de morte gratuitamente sem que ninguém o houvesse
provocado.
Um sargento da Polícia Militar, que estava nas proximidades do ato
criminoso, foi acionado para atender uma ocorrência de ameaça e dano praticado contra
diversas pessoas e chegando ao local encontrou o acusado extremamente alterado e
violento, desafiando e ameaçando a todos e que por isso já se encontrava detido e amarrado
pela população que estava enfurecida com seus atos. O sargento conseguiu aproximar-se do
indiciado, identificou-se como policial e lhe deu voz de prisão. Contudo, o indiciado se
mostrou muito transtornado e nervoso sendo preciso ser conduzido à força pelas
autoridades.
A materialidade e autoria estão presentes.

DO EXPOSTO, havendo o infrator FRANCISCO JAIRO FERREIRA


DUARTE praticado o crime previsto no Art. 7, II, Lei de Violência Doméstica e
Familiar contra a Mulher | Art. 147, Código Penal (Dec. Lei 2848) | Art. 163, Código
Penal (Dec. Lei 2848), requer esta Promotoria de Justiça o recebimento e autuação desta
denúncia, sendo o acusado citado para o interrogatório e intimados dos demais atos
processuais, notificadas as testemunhas e vítima arrolada adiante para vir depor em juízo
em dia e hora a serem designados, sob as cominações legais, culminando-se numa sentença
penal condenatória, respeitando-se sempre o devido processo legal.

Pede e aguarda justo deferimento.

Sobral, 04 de novembro de 2015.

Promotora de Justiça

2
[Digite texto]

Rol de Testemunhas:

Rômulo Rosério Madeiro (condutor policial militar), qualificada às fls. 05 do IP;


Maria Aparecida Ferreira Duarte (vítima), qualificada às fls. 08 do IP;
Maria da Conceição Sales Rodrigues (vítima), qualificada às fls. 09 do IP;
Francisco Alan Felismino Sales Lima (vítima), qualificada ás fls. 10 do IP;
Rosa Maria Felismino (vítima), qualificada às fls. 11 do IP;
Laiane Felismino Lopes (vítima) qualificada às fls. 12 do IP;
Alexsandro de Sousa Lopes Silva (vítima), qualificada às fls. 13 do IP;
Francisco Ferreira Lopes Júnior (vítima), qualificada às fls. 14 do IP;