Vous êtes sur la page 1sur 8

3 coisas que é melhor você

renunciar se quiser ser bem


sucedido
Por
Pensar Contemporâneo
 Psicologia e Comportamento

Compartilhar no Facebook

Tweet no Twitter


Photo by — https://unsplash.com/@robsonhmorgan
Alguém uma vez me disse a definição de inferno:

“No seu último dia na terra, a pessoa que você se tornou vai encontrar a pessoa
que você poderia ter se tornado.” – Anônimo

Às vezes, para se tornar bem sucedido e se aproximar da pessoa que podemos nos
tornar, não precisamos adicionar mais coisas – precisamos desistir de algumas
delas.

Existem certas coisas que são universais, o que o tornará bem-sucedido se você
desistir delas, mesmo que cada um de nós possa ter uma definição diferente de
sucesso.

Você pode desistir de alguns deles hoje, embora possa demorar um pouco mais a
desistir dos outros.

1-Abandone qualquer estilo de vida não saudável

“Cuide bem do seu corpo. É o único lugar que você tem para viver”

A primeira coisa a se fazer é procurar ter um corpo saudável e uma mente sã.
Abandone os vícios que vão prejudicar sua saúde mais cedo ou mais tarde.
Desenvolva hábitos que vão retardar o desgaste do seu corpo e da sua mente.
Pratique exercícios físicos, tente manter uma dieta razoavelmente saudável.

Não durma mais do que o necessário para se sentir descansado. Dormir mais que
as horas de sono que seu organismo precisa é um “prazer” que pode lhe tirar um
tempo precioso.

Pequenos passos, mas você vai se agradecer um dia.

2. Desista da mentalidade de curto prazo

“Você só vive uma vez, mas se você fizer isso direito, uma vez é o suficiente.”  - 
Mae West
Defina sua meta a longo prazo. Essa meta se alcança executando tarefas de curto
prazo, que é preciso fazer todos os dias.

Esses hábitos saudáveis não devem ser algo que você faz; Eles devem ser algo que
você encarna. Existe uma diferença entre malhar para obter um corpo de verão e
malhar porque isso faz de você quem você é.

3 – Abandone o hábito de pensar pequeno

“Pensar pequeno não serve ao mundo”.

Não há mérito nenhum em diminuir seu brilho para que outras pessoas não se
sintam inseguras perto de você. Sejamos como as crianças, que não se intimidam
em brilhar.

Não está apenas em alguns de nós, está em todos, e quando deixamos nossa luz
brilhar, inconscientemente damos permissão a outros para fazer o mesmo.

À medida que nos libertamos do nosso medo, nossa presença automaticamente


liberta os outros. “- Marianne Williamson

Não desperdice as oportunidades, pois a mais insignificante delas pode ser


justamente a que iria tornar seus planos em realidade. Caso as deixe passar, o
mundo nunca se beneficiará do que você poderia ter conseguido.

O medo de falhar é o primeiro erro que se comete. Dele é que nasce o desânimo e
a desistência. Antes de desistir diante de um projeto ou até adiar, faça uma análise
de consciência e constate se não está apenas desacreditando do seu potencial.

Não tenha medo de ter sucesso!

4. Elimine as suas desculpas


“A vida não consiste em ter boas cartas na mão, mas sim em jogar bem com as que
tem.” – Randy Pausch, The Last Lecture

As pessoas bem sucedidas não conquistaram o sucesso dando desculpas para não
fazer as coisas. Pelo contrário, elas eliminavam as “justificativas” de qualquer
entrave arranjando soluções para cada uma delas.

Todo problema tem uma solução, uma saída, que você vai encontrar se não estiver
disposto a usar o entrave como desculpa para se acomodar.

Lembre-se da analogia (clichê) da água que contorna qualquer obstáculo. Converse


com qualquer pessoa bem sucedida e ela terá um repertorio imenso para te relatar
sobre esses contornos que ela teve que fazer.

Pessoas bem-sucedidas sabem que são responsáveis por suas vidas, não importa o
seu ponto de partida, fraquezas e falhas do passado.

Perceber que você é inteiramente responsável pelo que acontece em seguida na sua
vida, é assustador e excitante.

Eliminar as desculpas é a única maneira que você pode alcançar o sucesso, porque
as elas nos limitam e impedem de crescer pessoalmente e profissionalmente.

Possua sua vida. Ninguém mais o fará.

5. Desista da mentalidade fixa

“O futuro pertence àqueles que aprendem mais habilidades e conseguem combiná-


las de maneiras criativas.” – Robert Greene, Maestria

Em uma mentalidade fixa, as pessoas acreditam que sua inteligência ou talento,


são simplesmente traços fixos e que talento sozinho gera sucesso – sem esforço.

Eles estão errados.


Além disso, as pessoas bem-sucedidas sabem disso.

Elas investem uma imensa quantidade de tempo para desenvolver uma mentalidade
de crescimento, adquirir novos conhecimentos, aprender novas habilidades e mudar
sua percepção, para que isso possa beneficiar suas vidas.

Lembre-se: quem você é hoje, não é quem você tem que ser amanhã.

6. Abandone a crença na “Bala Mágica”

“Todos os dias, em todos os sentidos, eu estou ficando cada vez melhor” – Émile
Coué

O sucesso de um dia para o outro é um mito.

Pessoas bem-sucedidas sabem que fazer pequenas melhorias contínua a cada dia,
será agravado ao longo do tempo, e dará os resultados desejados.

É por isso que você deve se planejar para o futuro, mas com o foco no dia seguinte,
e melhorar apenas 1%.

7. Desista do perfeccionismo

“Se mover é melhor que ser perfeito.” – Kahn Academy’s Development Mantra

Nada será perfeito, não importa o quanto tentemos.

O medo da falha (ou mesmo o medo do sucesso) nos impede frequentemente de


agir e de pôr nossa criação no mundo. No entanto, muitas oportunidades serão
perdidas se esperarmos que as coisas sejam certas.

Então, navegue e depois melhore (aquele 1%).


8. Desista de ser multitarefa

“Você nunca chegará ao seu destino se parar e jogar pedras em cada cão que ladra.”
– Winston S. Churchill

As pessoas bem sucedidas costumam focar num objetivo só por vez. Imagine uma
meta, um ponto lá na frente aonde você queira chegar e trace estratégias para
alcançá-lo, fazendo uma coisa por vez. Pode ser uma ideia de negócio, uma
conversa ou um treino.

Não tente “cortar caminho” quando não for possível, não pule etapas importantes
para não ter que recuar e assim atrasar seus planos. Se, para atingir algo, você
precisar de um determinado curso, faça o quanto antes, mas foque apenas nesse
curso e não em mais dois ou três ao mesmo tempo.

Estar plenamente presente e comprometido com uma tarefa é indispensável.

9. Desista da sua necessidade de controlar tudo

“Algumas coisas dependem de nós e algumas coisas não dependem.” – Epictetus,


filósofo estóico

Diferenciar uma da outra é muito importante.

Separar-se das coisas que você não pode controlar, e concentrar-se naquelas que
você pode, e saber que às vezes, a única coisa que você será capaz de monitorar é
a sua atitude em relação a algo.

10. Desista de dizer SIM para coisas que não levam aos seus objetivos

“Aquele que pode realizar pouco deve sacrificar pouco. Aquele que pode alcançar
muito, deve sacrificar muito. Aquele que pode alcançar níveis muito altos, deve
sacrificar grandemente.”- James Allen

Pessoas bem-sucedidas sabem que para alcançar seus objetivos, terão que dizer
NÃO a tarefas, atividades e demandas de seus amigos, familiares e colegas.
Em um curto prazo, você talvez sacrifique um pouco de gratificação instantânea,
mas quando seus objetivos começarem a dar frutos, vai valer a pena.

11. Evite as pessoas tóxicas

“Você é a média das cinco pessoas que você mais convive.” – Jim Rohn

As pessoas com quem gastamos mais tempo somam-se a quem nos tornamos.

Há pessoas menos ambiciosas e há pessoas mais ambiciosas do que nós. Se você


gastar tempo com aqueles que são menos motivados do que você, sua média vai
cair e com ela, o seu sucesso.

No entanto, se você passar o tempo com pessoas mais avançadas do que você, não
importa o quão desafiador que possa ser, você será mais bem-sucedido.

Dê uma olhada em si mesmo e veja se você precisa fazer alguma mudança.

12. Abandone sua necessidade de ser apreciado

“A única maneira de não se chatear com as pessoas é não fazer nada importante.”
– Oliver Emberton

Pense em si mesmo como um produto de mercado.

Muitas pessoas vão gostar desse produto, outras pessoas não e não importa o que
você faça, você não será capaz de fazer todas as pessoas gostarem de você.

Isso é totalmente natural, e não há necessidade de fazer nada para se justificar.

A única coisa que você pode fazer é continuar sendo autêntico, e saber que o
crescente número de pessoas que o odeiam significa que você está fazendo coisas
importantes.
13. Abandone sua dependência de redes sociais e TV

“O problema é que você acha que tem tempo” – Jack Kornfield

O vício de ficar na internet e assistir TV é o mal da sociedade atual.

Essa distração pode se tornar numa armadilha perigosa. Se distrair com isso é se
boicotar sem se dar conta.

A folha que você arranca do calendário não pode mais ser reposta. Ela significa o
tempo sendo descontado do total que sua vida dispõe, que nem é tanto assim.

As redes sociais e a TV podem fazer com que você desperdice um tempo precioso
com futilidades que não somam em nada na meta de alcançar seus objetivo.

A menos que seus objetivos dependam deles, você deve minimizar (ou eliminar) a
sua dependência sobre eles. Além disso, dirija esse tempo para coisas que podem
enriquecer sua vida.

Texto traduzido e adaptado de Personal Growth