Vous êtes sur la page 1sur 16

UNIP INTERATIVA

Projeto Integrado Multidisciplinar


Cursos Superiores de Tecnologia

Projeto de sistema informático para bibliotecas comunitárias

Unip EAD Gama-DF


2017
UNIP INTERATIVA
Projeto Integrado Multidisciplinar
Cursos Superiores de Tecnologia

Projeto de sistema informático para bibliotecas comunitárias

Phellipe Andherson Gomes Assumpção


RA 1731498
Redes de Computadores
2º Semestre

Unip EAD Gama-DF


2017
Resumo

Este trabalho tem como objetivo, apresentar um projeto de um sistema


informático para uma biblioteca comunitária localizada na periferia de uma grande
cidade, para isso, serão usados os conhecimentos na criação de banco de dados,
programação, metodologia e conceitos de ética e legislação para implementar o
sistema de forma eficiente e legal.

Palavras-Chave: Sistema, Banco de dados, Metodologia, Ética,


Legislação.
Abstract

The purpose of this paper is to present a project of a computer system for a


community library located in the periphery of a large city. For this, will be applying the
knowledge of database programming, methodology and concepts of ethics and
legislation to implement the system efficiently and legally.

Keywords: System, Database, Methodology, Ethics, Legislation.


Sumário
1- Introdução .......................................................................................................................6

2- Banco de dados .............................................................................................................7

2.1– Tipos de banco de dados .............................................................................................7

2.1.1- Oracle Database ..................................................................................................7

2.1.2- SQL server ............................................................................................................7

2.1.3- MySQL ...................................................................................................................8

2.2- Segurança dos dados...................................................................................................8

3- Banco de dados informático para Biblioteca .............................................................8

3.1- Exemplo de Tabela de dados relacional para Biblioteca. ................................................9

3.2- Script de pesquisa no banco de dados da biblioteca .......................................................9

3.3- Script para incluir livros no banco de dados. .................................................................10

4- Metodologia cientifica. ................................................................................................11

4.1- Metodologia cientifica na catalogação de livros. ............................................................11

4.2- Metodologia de organização nas bibliotecas. ................................................................12

4.3- Papel da informática nas bibliotecas ..............................................................................12

5- Ética ...............................................................................................................................13

5.1- Princípios de ética na biblioteca comunitária. ................................................................13

5.1.1- Acesso a informação. .........................................................................................13

5.1.2- Responsabilidades para com os indivíduos e para a sociedade. ................13

5.1.3- Manutenção do Acervo bibliográfico. ...............................................................14


6

1- Introdução

Hoje em dia, usar a informática já faz parte da rotina diária da população, muitas
pessoas não percebem, mas andam o tempo todo com seus smartphones, um
poderoso computador de mão com um sistema incrível, onde é possível localizar tudo
de maneira fácil e rápida, neste mundo de agilidade na busca de informação, se faz
necessário com que se tenha sistemas atualizados em locais onde o papel reina,
estamos falando das bibliotecas, locais estes, onde a quantidade de informação é
imensa e precisa ser organizada de maneira eficiente. Pensando nisso, se vê a
necessidade de construir um sistema informático para o gerenciamento prático e
rápido de um grande acervo de livros de uma biblioteca comunitária, visando melhorar
a busca de livros pelo usuário final, pessoas que usarão o sistema e, por
consequência, não o dominam, fazendo necessário que este seja simples e de fácil
entendimento.
7

2- Banco de dados

Banco de dados são conjuntos de arquivos que interagem entre si e


armazenam uma grande quantidade de dados como nomes, livros, serviços, etc. São
configurados através de diversas linguagens de programação e são extremamente
flexíveis. De um modo resumido, banco de dados é um local feito para armazenar
informações, no mercado atual, onde tudo está sendo digitalizado, a administração
dessas informações pode ser o diferencial para melhorar sua empresa.

2.1 – Tipos de banco de dados

Existem diversos tipos de bancos de dados, ou seja, a maneira como os objetos


que estão dentro deles interagem e como é feita sua modelagem. São vários modelos:
modelo hierárquico, modelo em rede, orientado a objetos, não relacional e um dos
modelos mais usados, que é o relacional. Todos estes modelos são muito importantes
para definir uma linguagem e como vai ser a estrutura do banco de dados, para isso,
se faz necessário conhecer os principais Sistemas Gerenciadores (SGBD) que estão
no mercado e qual é o mais apropriado para a empresa.

2.1.1 Oracle Database

O Oracle Data//base é um dos mais famosos SGDB, foi lançado em 1980, usa
a linguagem PL/SQL, e é o mais usado no mundo, sendo assim, conhecer bem
sua linguagem é uma obrigação de qualquer profissional da área de banco de
dados. Seu modelo de acesso é considerado por muitos o melhor, ele permite
vários acessos as mesmas informações sem perda de performance. Seu custo
de licença é o mais alto, mas ele também oferece a melhor segurança de
informação, bastante indicado para grandes empresas.

2.1.2 SQL server

O SQL Server é um SGDB da grande Microsoft, foi lançado em 1989 e assim


como o Oracle, é um banco de dados relacional e é bem conhecido no
mercado. Além da linguagem SQL, ele também utiliza o pacote .NET. O único
8

problema deste SGDB é sua restrição de sistema operacional, podendo ser


usado somente em dispositivos Windows. Seu custo de implementação é
menor do que o Oracle e pode ser usado perfeitamente em empresas de
pequeno e médio porte.

2.1.3 MySQL

Um dos mais populares da nova geração, o MySQL também é um produto da


Oracle e está ativo desde 1995. O principal diferencial deste SGDB é o fato
dele ser open source, com código totalmente aberto, e é mais usado em
sistemas online e dinâmicos, ideal para novos projetos e empresas que
possuem foco mais online.

2.2 Segurança dos dados

A segurança dos dados é um assunto importantíssimo no mundo da


informática, os dados de uma empresa são a sua maior riqueza, para isso, é
importante que o gestor do banco de dados utilize o sistema de segurança oferecido
pelo próprio SGDB, além de outras alternativas. É possível criar políticas de
autorização de acesso, assim, somente agentes autorizados podem realizar certas
operações sobre certos dados. Também existem mecanismos de recuperação, que
em caso de falha, retornam o banco de dados a um estado consistente de seus dados,
isso é feito através de históricos (log), que cadastram todas as alterações feitas no
banco de dados.

3- Banco de dados informático para Biblioteca

Para a criação do banco de dados da biblioteca, será utilizado o SQL Server, o


motivo desta escolha está baseado em seu tipo relacional, seu baixo custo e seus
recursos que não dependem de conectividade, o mesmo será totalmente offline, a
biblioteca só precisa manter um acervo em banco de dados próprio, não precisando
dos recursos de compartilhamento avançados que a internet provê.
9

3.1- Exemplo de Tabela de dados relacional para Biblioteca.

Tabela 1- Exemplo de tabela de dados relacional para uso no banco de dados

Fonte: Criação própria com dados do site: www.saraiva.com.br

3.2- Script de pesquisa no banco de dados da biblioteca

Abaixo, um script de pesquisa direto no banco de dados de livros, o usuário


pode pesquisar o livro e o sistema informa todas as informações relevantes deste livro.

<?php
$hostdb = "localhost";
$userdb = "bibliotecacom";//usuário do banco de dados da biblioteca.
$passdb = "bibliotecasenha321";// senha do banco de dados
$tabledb = "TABELA_DA_BIBLIOTECA";// tabela do banco de dados

$conecta = mysql_connect($hostdb, $userdb, $passdb) or die (mysql_error());


@mysql_select_db($tabledb, $conecta) or die ("Erro ao conectar com o banco de
dados");

$busca = $_POST['palavra'];// palavra que o usuário pesquisou.


$categoria = $_POST['categoria']; //categoria que o usuário selecionou.

$busca_query = mysql_query("SELECT * FROM Livros WHERE nome LIKE


'%$busca%' AND categoria = '$categoria'")or die(mysql_error());//faz a busca com as
palavras enviadas

if (empty($busca_query)) { //Se nao achar nada, mostrar essa mensagem


echo "Nenhum registro encontrado.";
}
// quando existir algo em '$busca_query' ele realizará o script abaixo.
while ($dados = mysql_fetch_array($busca_query)) {
echo "Id do Produto: $dados[id]<br />";
10

echo "Nome do Livro: $dados[titulo]<br />";


echo "Autor do Livro: $dados[autor] <br />";
echo "Ano do Livro: $dados[Ano] <br />";
echo "Gênero do Livro: $dados[Gênero] <br />";
echo "Editora do Livro: $dados[Editora] <br />";
echo "Código do Livro: $dados[Código] <br />";
echo "<hr>";
}
?>

3.3- Script para incluir livros no banco de dados.

Abaixo, um script para cadastrar novos livros na tabela de banco de dados do


Mysql, o usuário deve informar o nome, autor, gênero, editora e código do livro.

<?php

Include ‘conecta_mysql.inc’;

$Nome = $_POST[‘Nome’];
$Autor = $_POST[‘Autor’];
$Gênero = $_POST[‘Gênero’];
$Editora = $_POST[‘Editora’];
$Código = $_POST[‘Código’];

$sql = ‘INSERT INTO Livros VALUES”;


$sql .= “(‘$Nome’, ‘$Autor’, ‘$Gênero’, ‘$Editora’, ‘$Código’)”;

If ($conexao->query($sql) === TRUE) {


Echo “Cadastro incluído com sucesso!”;
} else {
Echo “Erro: “ . $sql . “<br>” . $conexao->error;
}

$conexao->close();
11

4- Metodologia cientifica.

Podemos definir metodologia cientifica, como o estudo das etapas ou instrumentos


necessários para a realização de um trabalho cientifico. É o conjunto de processos e
técnicas utilizados na pesquisa e formulação de uma produção cientifica e na procura
de uma verdade.

4.1- Metodologia cientifica na catalogação de livros.

O catálogo de biblioteca serve como um índice da coleção bibliográfica, nele,


encontramos fichas indicadores de cada material da coleção. Cada ficha contém uma
descrição da unidade que ela representa e um número composto que localiza a
unidade bibliográfica nas estantes.

Figura 2- Exemplo de ficha catalográfica.

Fonte: google.com

Nem todos os as fichas trazem nome de pessoas, em algumas ocasiões, os livros são
produzidos por associações, entidades cientificas ou culturais, instituições diversas ou
órgãos governamentais. Nestes casos, essas organizações são consideradas
autores, e suas fichas são incluídas no catalogo de autor ou em seções chamadas de
“autores corporativos”.
12

4.2- Metodologia de organização nas bibliotecas.

A principal função das bibliotecas institucionais, públicas e privadas, é atender as


necessidades dos leitores. Para isso, se faz necessária que haja certa organização
das publicações, os livros são organizados nas estantes por ordem alfabética de
títulos segundo um sistema de classificação. A finalidade desse sistema é reunir livros
de assuntos iguais e separar os livros dissemelhantes.
O sistema mais usado nas bibliotecas do brasil é o sistema de Classificação Decimal
Universal (CDU), que é uma ampliação do sistema Dewey Decimal Classification.
Como o próprio nome sugere, o sistema CDU usa uma notação decimal, todo o
conhecimento é representado em dez classes e cada classe contém divisões e
subdivisões, os livros são, então, organizados nas estantes segundo as numerações
desse sistema.
As classes principais da Classificação Decimal Universal são:
0. Assuntos gerais
1. Filosofia
2. Religião
3. Ciências Sociais
4. Línguas e Linguística
5. Ciência
6. Tecnologia
7. Artes
8. Literatura
9. História e Geografia

4.3- Papel da informática nas bibliotecas

No Brasil, infelizmente, ainda é muito difícil o acesso aos serviços de biblioteca


computadorizados, eles estão disponíveis em poucas bibliotecas institucionais e
restritos a algumas áreas cientificas, além disso a maioria dos sistemas não são
nacionais e são operados em sua maioria na língua inglesa. Através dos serviços
informatizados da biblioteca podemos consultar os índices e bibliografias usando um
computador ao invés do meio tradicional de manuseio dos volumes impressos. A
13

pesquisa feita por um computador nos faz ganhar muito tempo, principalmente quando
nossa revisão é complexa e possui um grande número de palavras-chave.

5- Ética

A palavra ética é de origem grega, derivada da palavra ethos, que diz respeito ao
costume e aos hábitos dos homens vivendo em uma sociedade. A ética serve para
qualificar as organizações, as pessoas e os comportamentos dentro de uma
sociedade, portanto, a sociedade é uma comunidade na qual seus membros devem
se ajudar e cooperar para uma convivência harmoniosa.

5.1- Princípios de ética na biblioteca comunitária.

Este código de ética apresenta uma séria de recomendações éticas para a orientação
de bibliotecários, a função dos códigos é estimular a reflexão sobre os princípios dos
bibliotecários para formular políticas e lidar com os dilemas, a melhoria da
autoconsciência profissional e o oferecimento de transparência para os usuários e a
sociedade em geral que vai usar a biblioteca comunitária.

5.1.1- Acesso a informação.

A principal missão da biblioteca comunitária é assegurar o acesso à informação para


todos, provendo o desenvolvimento pessoal e educacional, enriquecimento cultural,
lazer, atividade econômica, participação informada e reforço da democracia.
A biblioteca comunitária deve oferecer acesso as suas coleções e serviços de forma
totalmente gratuita.

5.1.2- Responsabilidades para com os indivíduos e para a sociedade.

A biblioteca comunitária deve promover a inclusão e erradicar a discriminação, deve


assegurar que o direito de acesso a informação não pode ser negado e que os
serviços são fornecidos para qualquer pessoa de qualquer idade, nacionalidade,
crença política, condição física ou mental, gênero, descendência, educação, renda,
14

condição imigratória ou de asilo, situação matrimonial, origem, raça, religião e


orientação sexual.

5.1.3- Manutenção do Acervo bibliográfico.

A estrutura onde o acervo da biblioteca está instalado é de suma importância, é


necessário verificar o meio ambiente onde o acervo está instalado e os riscos que
apresenta para a sua deterioração. Algumas medidas de conservação preventiva
incluem medidas e ações necessárias para:
 Melhorias das condições físicas do meio ambiente nas áreas do acervo;
 Armazenamento e manuseio;
 Cuidados necessários com o acondicionamento e o uso adequado do acervo;
 Embalagem e transporte;
 Segurança, medição e controle das condições ambientais (iluminação,
temperatura/umidade, poluição atmosférica e controle de pragas;
 Planejamento de emergência;
 Higienização das obras e do ambiente, pequenos reparos e outros;
 Evitar o consumo de alimentos perto das obras.
15

Conclusão

Concluímos com esse trabalho que a forma com que as pessoas consomem
informação, nos dias atuais, está cada vez mais rápida, é possível se atualizar em
qualquer lugar e no constante movimento da rotina agitada da cidade, o tempo é algo
muito importante. E pensando nisso, as bibliotecas tem que se atualizar para chamar
a atenção da nova geração de consumidores de informação. A informatização das
bibliotecas é algo importante e necessário, com ela é possível chegar na informação
que você deseja em segundos, e com a abertura de bibliotecas comunitárias, esse
desejo de informação rápida em locais onde falta estrutura para tal é sanado por estas
bibliotecas, onde a própria população cuida e gerencia seus recursos, compartilhando
o saber e a informação de maneira livre e neutra.
16

Referências

Wikipedia, 01/10/2017, “Ética” disponível em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/ética. >


Acesso em 01 de outubro de 2017

SNBP, 01/10/2017, “Tipos de Bibliotecas” disponível em: <


http://www.ies.ufpb.br/ojs/index.php/ies/article/view/10822/6998> acesso em 01 de
outubro de 2017

Wikipedia, 01/10/2017, “Biblioteca” disponível em: <


https://pt.wikipedia.org/wiki/Biblioteca#Bibliotecas_comunit.C3.A1rias> Acesso em
01 de outubro de 2017

UEFS, 01/10/2017, “Organização e Funcionamento de Biblioteca” disponível em: <


http://sites.uefs.br/portal/sites/bibuefs/arquivos/treinamentos/APRESENTACaO%20F
INAL.pdf> Acesso em 04 de outubro de 2017