Vous êtes sur la page 1sur 2

Quartzo

INTRODUÇÃO

O quartzo pertence à classe mineralógica dos silicatos, sendo sua fórmula a do dióxido de
silício (SiO2), cuja composição é de 46,75% – Si e 53,25% – O, em porcentagem de massa. Seus
cristais têm átomos ligados por um sistema contínuo de ligações covalentes formando um
retículo tridimensional muito rígido.

É um composto químico quase puro com propriedades constantes. estável em baixas


temperaturas e pressões. Ela ocorre em rochas ígneas, sedimentares, metamórfica, e ambientes
de minerais hidrotermais, particularmente em regiões continentais. É, no entanto, sua presença
é rara em rochas oceânicas. Como a estrutura é acêntrico, ocorre em ambas as variedades
esquerda e destro. É geralmente quase puro e aceita apenas quantidades muito limitadas de
outros elementos em substituição. Polimorfos incluem β- quartzo, tridimita, cristobalita,
coesite, stishovite e keatite. É frequentemente corado por diversas impurezas, o que lhe
proporcionam uma variação de cores, sendo a cor responsável pelas diversas variedades do
mineral.

PROPRIEDADES FÍSICAS – QUÍMICAS

É geralmente incolor, entretanto muitas variedades coloridas têm sido descritas. O brilho é
vítreo, isto é, apresenta transparência que lembra o vidro, não existe clivagem (divisões). Outras
características são apresentadas na tabela 01.

FAMÍLIA /GRUPO Família Tectossilicato; Grupo do Quartzo.


FÓRMULA QUÍMICA SiO2. Óxido de silício.
COMPOSIÇÃO Si = 46,7%, O = 53, 3%. Usualmente, quase
puro.
CRISTALOGRAFIA hexagonal-R; trigonal, trapezoédrica;
hexagonal-trapezoédrica; romboédrico
PROPRIEDADES ÓPTICAS Isotrópico uniaxial positivo (biaxial quando
deformado, 2V de 5º ou mais). Quase sempre
contém inclusões, tais como: turmalina,
clorita, mica, magnetita, zircão. Pode conter
vacúolos
DENSIDADE 2,65
BRILHO Predomina o brilho vítreo, mas existem
variedades com brilho gorduroso e
esplendente.
COR Geralmente incolor ou branco, mas
freqüentemente colorido devido à presença
de impurezas, além de poder apresentar mais
de uma cor.

VARIAÇÕES
Existe uma grande variedade de formas de quartzo, que são designadas em função de alguma
ou algumas das propriedades físicas. As variedades mais importantes são as seguintes:

- quartzo hialino ou cristal de rocha, que é incolor e ocorre geralmente em cristais


independentes;

- quartzo ametista corado de cor púrpura ou violeta, resultante da existência de uma impureza
de ferro (Fe 3+ );

- quartzo róseo, cristalino, geralmente sem a forma de cristal euédrico, de cor avermelhada ou
rosa. A impureza responsável pela cor parece ser, em muito pequenas quantidades, o titânio;

- quartzo fumado, que ocorre frequentemente em cristais de cor amarelo fumado, castanho ou
quase negro. A cor escura parece ser resultado da exposição a substâncias radioativas;

- quartzo leitoso, de cor branco leitoso, devido a inclusões fluídicas em pequena quantidade.

Além destas variedades cristalinas em que os cristais podem ser observados à vista desarmada,
existem variedades criptocristalinas, cujos cristais só são visíveis ao microscópio. Nestas
variedades distingue-se a calcedónia, que é uma variedade de cor parda ou cinzenta, translúcida,
com brilho de cera, apresentando formas botrioides ou outras.

Além destas variedades cristalinas em que os cristais podem ser observados à vista desarmada,
existem variedades criptocristalinas, cujos cristais só são visíveis ao microscópio. Nestas
variedades distingue-se a calcedónia, que é uma variedade de cor parda ou cinzenta, translúcida,
com brilho de cera, apresentando formas botrioides ou outras.