Vous êtes sur la page 1sur 64

Leia antes de escolher suas mensagens.

Dicas Ícone Design.


Este manual foi elaborado para melhor instruir você e sua turma, neste momento todo especial que é a sua
formatura. Nossa equipe de criação desenvolveu algumas dicas para o layout do seu convite estar em total
harmonia entre textos e imagens.
A quantidade de páginas que seu convite possuí, tem grande influência na escolha das mensagens. Se o
convite possuir poucas páginas reservadas a textos, procure escolher mensagens com poucos caracteres, pois
irá facilitar a sua leitura e terá um destaque todo especial em relação as imagens.
Convites com muitas páginas reservadas a textos, poderão conter mensagens com mais caracteres, porém se
tivermos mais de duas mensagens por páginas, a leitura das mensagem poderá ficar prejudicada.
Assim como as imagens, os textos também possuem uma grande influência no projeto do seu convite.
Em caso de dúvidas, contate-nos para ter mais informações e orientações.
MANUAL DE MENSAGENS  | iii

Índice

1 Mensagem Inicial 1
2 Agradecimentos
A Deus . . . . . . . . . . . . . . . 8
Aos Pais . . . . . . . . . . . . . . 12
Aos que Amamos . . . . . . . . . . 20
Aos Amigos. . . . . . . . . . . . . 28
Aos Mestres . . . . . . . . . . . . . 35
Aos Ausentes. . . . . . . . . . . . 43
3 Mensagem da Comissão 47
3 Mensagem Final 50
iv |  Convites de Formaturas para Todo Brasil
MANUAL DE MENSAGENS  | 1

Mensagem Inicial
1. “Talvez haja mais compreensão e beleza na vida 6. “A vida é realmente escuridão, exceto quando há
quando os raios ofuscantes do sol forem suavi- um impulso. E todo impulso é cego quando não
zados pelos contornos da sombra. Talvez haja há saber; e todo saber é vão, exceto quando há
raízes mais profundas numa amizade que sofreu trabalho; e todo trabalho é vazio, exceto quando
tempestades e as venceu. A experiência que há amor. E, quando trabalhais com amor, vós
nunca desaponta ou entristece, que nunca toca vos unis a vós próprios, e uns aos outros, e a
nos sentimentos é uma vivência neutra, com Deus.” (Khalil Gibran)
pequenos desafios e variações de cor. Quando
7. “O merecimento maior é o do homem que se
sentimos confiança, fé e esperança de que po-
encontra na arena, com o rosto coberto de suor
demos concretizar nossos objetivos, isto constrói
e de sangue; que conhece as grandes devoções e
dentro de nós um manancial de força, coragem
os grandes entusiasmos, pois mesmo tendo fra-
e segurança.” (Virginia M. Axiline)
cassado, jamais poderá ser substituído por essas
2. “Cada um constrói, dia por dia, hora por hora, almas tímidas e frias que não conhecem derrotas
muitas vezes sem mesmo saber, o seu próprio nem vitórias.” (Autor Desconhecido)
futuro. A sorte que nos cabe na vida atual foi
8. “Anular a capacidade de trabalho de um indi-
preparada pelas nossas ações anteriores, e da
víduo é roubar-lhe a própria essência de viver.
mesma forma edificamos, no presente, as con-
Eliminar as dificuldades e os problemas que lhe
dições da existência futura.” (Leon Denis)
cercam a sobrevivência é privar o seu raciocínio
3. “Não me preocupa que não exerça um cargo; o e inibir a sua criatividade, alienando-o no como-
que me preocupa é como me tornar capaz de dismo e jogando-o no tédio, pois somente se
um. Não me preocupa o não ser conhecido, mas compreende a vida como a uma luta constante,
procuro tornar-me digno de ser conhecido.” onde a esperança do amanhã e a vontade de
(Confúcio) participar e realizar estejam presentes em cada
gesto e atitude; porque é o desafio que nos
4. “De repente... Talvez, como disse o poeta, de
diferencia das demais espécies: a capacidade de
repente, não mais que de repente, possamos
pensar, de produzir, de realizar e de guiar nosso
nos encontrar para que, no anoitecer de nossas
futuro pelas nossas mãos.” (Autor Desconhe-
existências, possamos olhar para o passado com
cido)
o orgulho e a convicção do dever cumprido. De
repente...”. (Brun) 9. “Vencemos! Porém, não nos esqueçamos em
momento algum dos muitos brasileiros que não
5. “Os momentos mais esplêndidos da vida não
têm sequer acesso à educação primária, e que a
são os chamados dias de êxito, mas sim aqueles
maioria da população apresenta baixíssimo nível
dias em que, saindo do desânimo e do desespe-
de saúde. Principalmente, não nos esqueçamos
ro, sentimos erguer-se dentro de nós um desafio:
de que é com esse povo que temos responsabi-
a vida e a promessa de futuras realizações.”
lidade e a quem devemos todo nosso carinho e
(Gustave Flaubert)
dedicação”. (Autor Desconhecido)
2 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

10. “Os deuses dos livros foram descobertos por 14. “Não é o desafio com que nos deparamos que
outros; só você sentirá o Deus que descobriu. determina quem somos e o que estamos nos
Todos nós temos um Deus a descobrir e ele será tornando, mas a maneira com que respondemos
aquilo que você for na sua vida, aquilo no que ao desafio. Somos combatentes, idealistas, mas
você acreditou e aquilo em que pôs as suas obras plenamente conscientes, porque o ter consciên-
e os seus dias. A maior ou menor eternidade.” cia não nos obriga a ter teoria sobre as coisas:
( José L. de Azevero) só nos obriga a sermos conscientes. Problemas
para vencer, liberdade para provar. E, enquanto
11. “Cada pessoa, em sua existência, pode ter duas
acreditamos em nosso sonho, nada é por acaso.
atitudes: construir e plantar. Os construtores po-
A vida é a arte do encontro, embora haja tanto
dem demorar anos em suas tarefas, mas um dia
desencontro pela vida. É preciso encontrar as
terminam aquilo que estavam fazendo. Então
coisas certas da vida, para que elas tenham o
param e ficam limitados por suas próprias pare-
sentido que se deseja. Assim, a escolha de uma
des. A vida perde o sentido quando a construção
profissão também é a arte de um encontro.
acaba. Mas existe os que plantam. Estes, às
Porque uma vida só adquire vida quando a
vezes, sofrem com tempestades, com as estações
gente empresta nossa vida, para o resto da vida.”
e raramente descansam. Mas, ao contrário de
(Henfil)
um edifício, o jardim jamais para de crescer
e, ao mesmo tempo em que exige atenção do 15. “Há vários anos, unimo-nos com os mesmos
jardineiro, também permite que, para ele, a vida ideais, esperanças e ilusões. Queríamos crescer,
seja uma grande aventura. Os jardineiros sempre ser alguém. Sabíamos que era preciso caminhar
se reconhecerão entre si porque sabem que na e que este caminho não era fácil. Muitas vezes,
história de cada planta está o crescimento de os obstáculos nos pareciam intransponíveis, mas
toda a Terra.” (Paulo Coelho) continuamos a caminhar, mesmo assim, muni-
dos de coragem e de muita vontade de chegar.
12. “O Direito não é uma pura teoria, mas uma
Às vezes, a caminhada era árdua e o desânimo
força viva. Por isso, a Justiça sustenta, numa das
se abatia sobre nós. Mas o incentivo e a dedi-
mãos, a balança em que pesa o Direito e, na
cação de nossos pais e mestres, assim como o
outra, a espada de que se serve para o defender.
exemplo dos nossos companheiros, nos fortal-
A espada sem a balança é a Impotência do
eciam e a caminhada se tornava mais agradável.
Direito. Uma não pode avançar sem a outra,
Chegamos aqui, hoje, e estamos comemorando
nem haverá ordem jurídica perfeita sem que a
não o final de nossa caminhada, mas, sim,
energia com que a Justiça aplica a espada seja
mais uma etapa dela que foi vencida. A nossa
igual à habilidade com que maneja a balança.
formatura é um marco, uma breve parada para
Direito é um trabalho incessante, não somente
agradecermos, antes de tomarmos novos rumos
dos poderes públicos, mas ainda de uma nação
e partirmos para novas conquistas.” (Autor
inteira.” (Rudolf Von Ihering)
Desconhecido)
13. “O saber é a razão de ser da existência do
16. “De tudo ficaram três coisas: a certeza de que
homem na terra; a primeira e a última de suas
estamos sempre começando, a certeza de que é
tarefas. Faze que o estímulo de consegui-lo te
preciso continuar e a certeza de que podemos
alente, sem cessar, porque nele está a verdadeira
ser interrompidos antes de terminar. Fazer da
finalidade de tua vida.” (Logosofia)
interrupção um caminho novo, da queda, um
MANUAL DE MENSAGENS  | 3

passo de dança, do medo, uma escada, do sonho, pode encará-la, ou não, e não precisa afastar-se
uma ponte e da procura, um encontro.” (Autor demais do caminho conhecido para se ver em
Desconhecido) situações muito difíceis. A coragem de enfrentar
julgamentos e trazer todo um novo conjunto
17. “O conhecimento que se transforma em con-
de possibilidades para o campo da experiência
sciência social é um instrumento básico na luta
interpretável, para serem experimentadas por
pela transformação.” (Luckesi)
outras façanhas - é essa a façanha do herói.”
18. “Hoje, eu quero a rua cheia de sorrisos francos, ( Joseph Campbell)
de rostos serenos, de palavras soltas; eu quero a
22. “A autêntica riqueza da experiência humana
rua toda parecendo louca, com gente gritando
perderia parte de sua alegria se não existissem
e se abraçando ao sol. Hoje, eu quero ver a bola
limitações a superar. O cume da colina não teria
da criança livre, quero ver os sonhos todos nas
nem a metade de sua maravilha se não houvesse
janelas, quero ver você andando por aí. (...)
vales obscuros para atravessar.” (Halina Boulez)
Hoje, eu quero que os poetas dancem pela rua
para escrever a música sem pretensão; eu quero 23. “Neste momento, voltamos orgulhosos a olhar
que as buzinas toquem flauta-doce. Que triunfe para aqueles que, antes, apresentaram-se in-
a força da imaginação...”. (Autor Desconhecido) transponíveis, e que hoje estão ofuscados pelo
brilho de nossa vitória. Agora, cada um de nós
19. “No decorrer de nossas vidas temos uma longa
seguirá seu caminho, com a lembrança do que
jornada, repleta de montanhas, umas maiores
somos e a esperança de sermos mais, de poder-
que as outras. Porém, quando alcançamos o
mos mostrar que valeram a pena estes anos de
cume de cada uma, além de apreciar a vista,
luta e de sonhos.” (Autor Desconhecido)
devemos lembrar de cada passo que demos para
ali estar e, junto disso, lembrar das pessoas que 24. “Não te desanimes ao encontrar obstáculos. Se
nos ajudaram a tornar essa caminhada menos te desanimas ao primeiro indício de oposição
árdua.” ( Joana Lopes) ou adversidade, não chegarás muito longe no
caminho do êxito. Presta pouca atenção aos
20. “Brincadeira de criança: uma lembrança viva do
que queiram obrigar a te ocupares com teus
que seríamos agora. Vestíamo-nos de branco,
caprichos e vontades. Devemos ter fé em nossos
como hoje. O sorriso era franco, como sempre.
próprios esforços e em nosso ânimo, perseverar
Aprendíamos a gostar da vida, sem saber ao
em nossas intenções. Não te preocupes se és
certo o gosto do viver. Não existiam doenças
um indivíduo com pouco ou muito talento;
incuráveis. Éramos pequenos deuses. Pequenos
preocupa-te em dar o melhor que tens, não im-
deuses que desde cedo sabiam a receita do seu
portando se é pouco ou muito.” ( John Mackie)
próprio futuro. Pequenos deuses que desde
sempre sabiam o que lhes reservava o próp- 25. “Foi-se o tempo apressado, mas ele não conseg-
rio destino. Destino? Caminho? Brincadeira? uiria apagar de nossas memórias todo o esforço
Sonho? Sim... Sonho de ser médico!” (Autor que fizemos para estarmos aqui. Foi-se o tempo
Desconhecido) apressado, mas ele não conseguiria quebrar os
elos de nossa amizade, pois nós a construí-
21. “A experiência original é aquela que ainda
mos lentamente com uma base sólida. Foi-se
não foi interpretada para você. Assim, você
o tempo apressado, e se você sentir saudades,
tem de construir sua vida por si mesmo. Você
não se preocupe, pois saudade é o rastro que a
felicidade deixou.” (C. A. Ritzman)
4 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

26. “Andei... por caminhos difíceis, eu sei. Mas formarem um grito único; quando o homem
olhando o chão sob os meus pés, vejo a vida abandonar a posição de um animal racional para
correr. Assim, a cada passo que der, tentarei tornar-se humano; quando tudo isso deixar de
fazer o melhor que puder. Aprendi... não tanto ser um sonho; finalmente, teremos despertado
quanto quis, mas vi que, conhecendo o universo para a vida.” (Autor Desconhecido)
ao meu redor, aprendo a me conhecer melhor;
29. “Foram muitos anos de dedicação intensa. Nas
e assim, escutarei o tempo que me ensinará a
nossas lutas, muitas vitórias e algumas der-
tomar a decisão certa a cada momento. E parti...
rotas; vários momentos de incerteza e inúmeras
em busca de muitos ideais, mas sei que hoje se
alegrias. A cada dia, situações nunca imaginadas,
encontram meu passado, presente e futuro. Hoje
desafios nunca antes vividos. Um novo mundo
sinto em mim a emoção da despedida. Hoje é o
surgia. Chegamos ao fim de uma importante
ponto de chegada. Mas, ao mesmo tempo, ponto
etapa de nossas vidas. Alívios e medos, reali-
de partida.” (Autor Desconhecido)
zações e angústias, felicidades e dúvidas. Em
27. “Não basta ensinar ao homem uma especiali- meio a uma tempestade de sentimentos, as
dade, porque se tornará uma máquina utilizável, saudades já começam a nos apertar o peito e
mas não uma personalidade. É necessário que a garganta. Valeu a pena cada minuto. Cada
adquira um sentimento, um senso prático do instante difícil ensinou-nos a sermos mais
que vale ser empreendido, daquilo que é tudo, fortes, e cada momento bom ficará imortalizado
do que é moralmente correto. A não ser assim, na nossa memória. Estamos prontos para novos
ele se assemelhará, com seus conhecimentos desafios, vamos em busca de outros objetivos,
profissionais, mais a um cão ensinado do que atrás de nossos sonhos. Partimos realizados,
a uma criatura harmoniosamente desenvolvida com a certeza de que cada instante que vivemos
para apreender as motivações dos homens, suas juntos foi intensamente bem vivido.” (Eduardo
angústias, suas quimeras, para determinar com Nobuyuki Usuy Júnior)
exatidão seu lugar exato em relação a seus próxi-
30. “A ninguém, nem aos deuses nem aos demônios,
mos e à comunidade.” (Albert Einstein)
nem às tiranias da terra, nem às tiranias do céu,
28. “Um dia, quando o homem voltar às suas foi dado o poder de impedir aos homens o exer-
origens a fim de entender, antes de tudo, a si cício daquele que é o primeiro e o maior de seus
mesmo; quando o ódio for considerado algo atributos: o exercício do pensamento.” (Teócrito
mau; quando a guerra for vista como instru- de Corinto)
mento contrário à evolução humana; quando a
31. “Não somos o que deveríamos ser, não somos
liberdade for parte fundamental da vida; quando
o que queríamos ser; mas, graças a Deus, não
a ciência e a tecnologia forem desenvolvidas
somos o que éramos.” (Martin Luther King)
em favor da humanidade; quando a violência
for algo esquecido; quando a igualdade for vista 32. “Vencemos! No início, apenas unidos por um
naturalmente dentro dos parâmetros impostos objetivo comum. Recuamos, desconfiados, e aos
pelo amor; quando não for mais preciso ser poucos a convivência foi nos aproximando e nos
contra ou a favor; quando todos se unirem num encantando. A inocência daqueles dias permitia
único sentido; quando sorrir for uma neces- aos extrovertidos roubar risos de todos, mesmo
sidade; quando a paz for um ideal; quando as nos momentos mais difíceis. Éramos uma turma
mãos se encontrarem; quando todas as vozes alegre. Mas a maturidade, inevitável, aos poucos
MANUAL DE MENSAGENS  | 5

foi desvendando uma realidade menos suave. fizeste com os milagres que Deus semeou por
As dificuldades cresceram; já não éramos tão teus dias? O que fizeste com os talentos que teu
parecidos como outrora. A afinidade selecionou Mestre te confiou? Enterraste fundo em uma
os amigos. Mas, sempre colegas, soubemos cova, porque tinhas medo de perdê-los. Então,
conviver e respeitar-nos, ainda que nem sempre esta é a tua herança, a certeza de que desper-
compartilhássemos as mesmas ideias. Lutamos, diçaste a tua vida.” (Paulo Coelho)
sobrevivemos, crescemos... acima de tudo, como
36. “Não basta ter belos sonhos para realizá-los.
seres humanos. E por tudo, a saudade há de
Mas ninguém realiza grandes obras se não
ficar.” (Autor Desconhecido)
for capaz de sonhar grande. Podemos mudar
33. “Quando subirmos ao palco, em trajes de festa, o nosso destino se nos dedicarmos à luta pela
coração batendo mais forte, tremor generalizado realização de nossos ideais. É preciso sonhar,
invadindo o corpo, plateia aplaudindo a nossa mas com a condição de crer em nosso sonho, de
conquista, talvez o nervosismo nos domine e examinar com atenção a vida real, de confrontar
não sintamos a maravilhosa magia do momento nossa observação com nosso sonho, de realizar
sublime do qual nos aproximamos. Mas um escrupulosamente nossa fantasia. Sonhos...
dia, quando a saudade nos fizer abrir as páginas acredite neles.” (Lênin)
deste convite e recordar, tudo será revivido como
37. “O caminho da vida pode ser o da liberdade e
se estivesse novamente acontecendo. Então
da beleza, porém, nós nos extraviamos... Nossos
iremos nos sentir mais completos, mais inteiros,
conhecimentos fizeram-nos céticos. Pensamos
como hoje. E quando nos consolarmos (a gente
em demasia e sentimos bem pouco. Mais do
sempre se consola), nos sentiremos contentes
que máquinas, precisamos de humanidade. Mais
por termos nos conhecido. Seremos sempre
do que inteligência, precisamos de afeição e
amigos. Teremos vontade de rir juntos. E abrire-
doçura.” (Charles Chaplin)
mos, às vezes, as páginas de nossas vidas, à toa,
por gosto ou necessidade de relembrar, e numa 38. “Era ele que erguia casas onde antes só havia
dimensão qualquer, numa alegria silenciosa, chão, como um pássaro sem asas. Ele subia
haveremos de nos encontrar.” (Autor Descon- com as casas que lhe brotavam da mão, mas
hecido) tudo desconhecia de sua grande missão. Não
sabia, por exemplo, que a casa de um homem
34. “Mais do que temos... é o que somos. Mais do
é um templo, um templo sem religião, como
que conquistamos... é o que ousamos sonhar. A
tampouco sabia que a casa que ele fazia sendo
coragem se mede pelo simples ato de desejar,
a sua liberdade era sua escravidão... Olhou em
planejar e então construir. Faça de sua vida algo
torno: gamela, banco, enxada, caldeirão, vidro,
extraordinário, pois o homem tem o poder de
parede, janela, casa, cidade, nação! Tudo, tudo
escrever sua própria história.” (Luciana B. C. A.)
o que existia. Era ele quem o fazia. Ele, um
35. “Pobre de quem teve medo de correr riscos, humilde operário, um operário que sabia exercer
porque este talvez não se decepcione nunca, a profissão.” (Vinícius de Moraes)
nem tenha desilusões, nem sofra como aque-
39. “É muito melhor arriscar coisas grandiosas,
les que têm um sonho a seguir. Mas quando
alcançar triunfo e glória, mesmo expondo-se à
olhar para trás - porque sempre olhamos para
derrotas, do que formar fila com os pobres de
trás – vai escutar seu coração dizendo: O que
espírito que nem gozam muito, nem sofrem
6 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

muito, porque vivem nessa penumbra cinzenta caminhada, nossos sentimentos permaneceram
em que não conhecem vitória nem derrota!” embaraçados. Choramos, sorrimos, sonhamos e,
(Franklin Roosevelt) por fim, transformamos todos esses sentimentos
em um só: a alegria por estarmos alcançando
40. “A vida e tudo aquilo que a envolve são exper-
mais um sucesso em nossas vidas. É dia de
iências diversificadas, um aprendizado in-
recordar e de se orgulhar... Queremos com-
finito. Viver é não desistir frente às mais duras
partilhar esta vitória com todos aqueles que a
experiências que nos são apresentadas, porque
acompanharam.” (Autor Desconhecido)
enquanto existir vida, existem ideais, existem
sonhos a serem concretizados, existem coisas a 47. “Todo mundo ama um dia, todo mundo chora.
acontecerem e a serem mudadas – enfim, existe Um dia a gente chega e o outro vai embora.
a esperança.” (Adriano F. Alves da Silva) Cada um de nós compõe a sua própria história.
E cada ser em si carrega o dom de ser capaz, de
41. “Tivemos sonhos e muitos foram frustrados.
ser feliz.” (Autor Desconhecido)
Fizemos planos e muitos foram desfeitos.
Vivemos ilusões que se perderam, decepções e 48. “É o começo de uma nova vida, um novo tra-
separações. Mas vivemos também bons mo- balho, novas amizades, novos encontros. Vamos
mentos, compartilhamos a mesma jornada; continuar nos formando, aprendendo com o
aprendemos a lutar, a sobreviver, a crescer, a crer ensinar, sempre em busca do desconhecido,
na superação dos erros, a acreditar nos valores na certeza de que seremos parte da história de
humanos... E hoje, os nossos corações vivem a cada um, de uma sociedade, do mundo.” (Autor
gritar a separação e anseiam pela união.” (Autor Desconhecido)
Desconhecido)
49. “A conquista real de um objetivo inicia-se na
42. “Que os nossos esforços desafiem as impossibi- capacidade que todos temos de pensar e sonhar.
lidades. Lembrai-vos de que as grandes proezas Na origem, houve uma fermentação de sonhos e
foram conquistas do que parecia impossível.” projetos. A partir desse sonho, começamos a tra-
(Charles Chaplin) balhar e a investir tudo de que dispúnhamos na
construção do ideal. Na bagagem, expectativa,
43. “Não confunda jamais conhecimento com
ansiedade e um enorme desejo de entregar-se ao
sabedoria. Um o ajuda a ganhar a vida; a outra, a
desconhecido. O caminho às vezes pode ter sido
construir uma vida.” (Sandra Carey)
longo e os atalhos nem sempre confiáveis, mas
44. “Nada acontece a menos que sonhemos antes.” nem as maiores tempestades puderam abalar
(Carl Sandburg) o ritmo de nossa trajetória. Em cada rosto,
esforço, persistência e uma grande vontade
45. “Grandes realizações são possíveis quando se dá
de lançar-se ao futuro. Houve uma dedicação
atenção aos pequenos começos.” (Lao Tsé)
entusiasmada àquilo que começava a se tornar
46. “Hoje é um dia de vitória e êxito. Sorrisos em possível. Na caminhada, vieram as amizades e
nossos rostos, alegria em nossos corações e o as saudades de muitos que nos deixaram por
entusiasmo de concluir esta etapa. Descobrimos algum motivo. Hoje, nossa formatura: essa breve
quão bom é chegar, quando se tem paciência parada para agradecermos antes de tomarmos
e perseverança para alcançar os objetivos. Os novos rumos e abraçarmos novas possibili-
obstáculos foram muitos, tantos que, durante a dades. Há uma explosão de orgulho e de alegria.
MANUAL DE MENSAGENS  | 7

Chega o momento de alcançarmos a vitória


maior e é aí que descobrimos o quanto ainda
somos pequenos e temos de aprender, pois cada
conquista nossa abre as portas para a construção
de um novo sonho. Em cada sorriso, novas
aspirações, novos receios e a certeza de ter dado
o melhor.” (Autor Desconhecido)
50. “Concordo que talvez não haja maior alegria na
vida do que encontrarmos meios para vencer
nossas fraquezas. Nós todos conhecemos a
embriaguez da vitória e a agonia da derrota.
Encontramos um pouco de loucura e alguma
crença em nós mesmos, podemos dar grandes
passos na direção da conquista de nossos ob-
jetivos. O maior fracasso é não tentar. Muitos,
com certeza, desistiram quando, com um pouco
mais de persistência, teriam chegado lá. Quase
sempre, quando tudo parece perdido, quando
tudo indica fracasso, nesse momento abre-se o
caminho.” (Leo Buscaglia)
51. “O caminho se fez ao caminhar. As perdas e
ganhos foram irreparáveis. O momento é de
celebrar a vida, os mestres, os amigos e, princi-
palmente a Deus, ciente de que o futuro é um
objetivo a se conquistar.” (Elisabeth Estain)
52. “Não sejas o de hoje, não suspires por ontens,
não queiras ser o de amanhã. Faze-te sem lim-
ites no tempo. Vê a tua vida em todas as origens,
em todas as existências, em todas as mortes e
sabe que será assim para sempre. Não queiras
marcar a tua passagem, ela prossegue. É a pas-
sagem que se continua, é a tua eternidade, é a
eternidade, és tu.” (Cecília Meireles)
8 | 

Agradecimentos A Deus
1. “Senhor, me disseste que uma vez em que 6. “Tu conheces nossas vidas, nas coisas boas e
eu resolvi te seguir, que Tu andarias sempre más; nossas dores, nossos momentos de alegria,
comigo todo o caminho; mas notei que durante nossos desapontamentos e nossos esforços.
as maiores atribulações do meu viver havia, na Muito obrigado por nunca estares tão longe
areia dos caminhos da vida, apenas um par de para vir até nós. Muito obrigado por nossos
pegadas. Não compreendo porque nas horas em talentos e por nos teres acompanhado nesses
que eu mais necessitava de Ti, Tu me deixastes. anos todos. E, principalmente, obrigado por nos
O Senhor respondeu: “Meu precioso filho, Eu te ensinares que o importante não é nos tornarmos
amo e jamais te deixaria nas horas da tua prova homens de sucesso, mas homens de valor.” (Au-
e do teu sofrimento. Quando viste na areia ap- tor Desconhecido)
enas um par de pegadas, foi exatamente aí que
7. “Por nos ter aberto esta porta, agradecemos e
Eu te carreguei nos braços.” (Autor Desconhe-
pedimos que continue a nos abençoar no novo
cido)
caminho que começamos a trilhar.” (Autor
2. “Senhor, por todos estes anos que estivestes Desconhecido)
conosco, a cada hora de nossa árdua batalha,
8. “Fecho os livros, Senhor, meu Deus, ao final
para apreender e construir o conhecimento,
deste período de estudos em que me debrucei
pelas vezes que o desânimo se abateu sobre nós,
sobre os caminhos do meu futuro ofício. Nem
todo agradecimento seria sempre pouco. Fostes
tudo foi perfeito, mas Tu és o Mestre perfeito.
luz nos dias, mantendo-nos firmes na conclusão
Por isso não fecho o Teu Livro Santo. Muito
do nosso curso. Hoje, vos agradecemos, sobretu-
aprendi na Universidade, mas muito mais espero
do por nossas vidas e pela nossa vitória.” (Autor
aprender de Ti. Andei por várias bibliotecas,
Desconhecido)
consultei tantos livros, mas a verdadeira “lâmpa-
3. “Tua presença no próximo nos transmite a luz da para os meus pés e luz para o meu caminho
da sabedoria; Tua presença em nós possibilita- é a Tua Palavra”. Muitos colegas me cercaram,
nos estender a mão ao próximo em desa- fiz tantos novos amigos, mas o grande Amigo
mparo...”. (Autor Desconhecido) e companheiro certo de minha caminhada por
este mundo és Tu, Senhor Jesus. Faze-me agora
4. “Acima de tudo, nós vos agradecemos pela vossa
levar a vida da escola para a escola da vida e
misericórdia derramada sobre nós, para que
continua sendo o meu Mestre e Protetor.” (Au-
pudéssemos chegar, com êxito, ao final do nosso
tor Desconhecido)
curso.” (Autor Desconhecido)
9. “É maravilhoso, Senhor, ter braços perfeitos
5. “Por nunca nos ter deixado nos momentos
quando há tantos mutilados; meus olhos perfei-
difíceis e por nos ter permitido chegar até aqui.”
tos quando há outros tantos sem luz; minha voz
(Autor Desconhecido)
que canta quando tantas emudeceram; minhas
mãos que trabalham quando tantas mendigam.
MANUAL DE MENSAGENS  | 9

É maravilhoso voltar para casa quando tantos o nosso objetivo. Oferecemos a Ti nosso porvir
não têm para aonde ir... É maravilhoso amar, e pedimos forças para sempre agirmos com
viver, sonhar quando há tantos que choram, eficiência em nosso trabalho e acerto em nossas
odeiam, revolvem-se em pesadelos, morrem decisões.” (Autor Desconhecido)
antes de nascer... É maravilhoso ter um Deus
14. “O Seu amor está por cima de todos os amores
em que crer quando há tantos que não têm o
e se revela em tudo o que existe. Um amor
consolo de uma crença. É maravilhoso, Senhor,
que anima a vida na universalidade de suas
sobretudo, ter tão pouco a pedir e tanto a agra-
manifestações, que não morre nunca, que jamais
decer.” (Michel Quoist)
engana; um amor que surge do fundo mesmo
10. “No corre-corre de nossa vida diária, esquece- da natureza para alentar-nos, impulsionar-nos e
mos tantas vezes de Te agradecer. Obrigado, comover-nos ante a imponência de tudo o que
Senhor, pelos nossos pais e amigos, por todos nos é dado contemplar no universo.” (Logosofia)
aqueles que entraram em nossas histórias de
15. “Agradecemos por nos tornar parte da Sua obra
vida e nos ensinaram a crescer, a ser mais gente;
criadora, doando-nos o sentimento do amor
pelo término desta longa jornada, o mais sincero
pela vida, a inteligência para compreender a
agradecimento a Ti que nos confiaste a vida.
Sua criação e a capacidade de agradecer a nossa
Através de nossa fé, de nossas orações, de nosso
existência e toda a sua obra. E, acima de tudo,
amor, Te agradecemos por tudo que fomos, que
agradecemos por nunca nos ter deixado nos mo-
somos e ainda seremos e, principalmente, por
mentos difíceis e por nos ter permitido chegar
nunca teres nos deixado nos momentos difíceis
até aqui.” (Autor Desconhecido)
e por nos teres permitido chegar até aqui.” (Au-
tor Desconhecido) 16. “Por vezes, senti meu corpo fraquejar e Tu me
estendeste a mão e me ergueste. Por vezes senti
11. “Pela presença em cada passo de nossa camin-
minha alma se abater e enviaste o Teu próprio
hada até este brilhante momento, guiando-nos
Espírito para me consolar. Hoje, pela minha
da melhor forma possível, dando-nos saúde,
vitória, a Ti, meu Deus, toda honra e toda glória,
coragem e perseverança para atingirmos nossos
agora e para sempre, amém”. (Autor Desconhe-
objetivos, o mais sincero agradecimento e, desde
cido)
já, o pedido de que continue nos mostrando o
caminho a ser seguido em nossa nova etapa de 17. “Perdoai-nos pela arrogância, pelas vezes que
vida.” (Autor Desconhecido) brincamos de deuses e não fomos capazes de
Vos enxergar naquele que nos procurou, sujo e
12. “Senhor, agradecemos pela proteção e amor;
maltrapilho. Ensinai-nos a compreender que ser
somos gratos por Tua presença que nos conduz
médico é não se envergonhar de sentir dor ou
firmes, não vacilantes. Concede-nos a sereni-
piedade, nem de sofrer com a morte e a derrota.
dade necessária para aceitar as coisas que não
Que possamos trabalhar com o ser humano por
podemos mudar; coragem para mudar aquelas
inteiro - corpo, mente e coração, sentindo-nos
que podemos e sabedoria para distinguir umas
humanos com nossas naturais limitações, sem
das outras.” (Autor Desconhecido)
termos de nos desculpar por elas. Obrigado
13. “Incomparável e inconfundível na Tua infinita pelas mãos estendidas nos momentos difíceis;
bondade, compreendeste os nossos anseios e que possamos aprender a estender nossas mãos e
nos deste a necessária coragem para atingirmos a descruzar nossos braços. Que sejamos hu-
10 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

mildes para nos abaixar, chorar no Vosso colo e a consciência da busca incessante por fazer bem
chamar-Vos de Pai. Obrigado pela possibilidade o que estiver a nosso alcance. Obrigado por nos
de salvar vidas, confiantes que sois o Deus da terdes apontado este caminho. Fazei-nos perse-
Vida.” (Autor Desconhecido) verantes.” (Autor Desconhecido)
18. “Estiveste conosco em todos os momentos de 22. “Grandes foram as lutas, maiores as vitórias.
nossa caminhada. Vivemos bênçãos e provações. Sempre estiveste conosco. Muitas vezes,
Somos gratos por ambas, pois nos engrandece- pensamos que este momento nunca chegaria.
ram. Obrigado. Desejamos prosseguir segundo a Quisemos recuar ou parar, no entanto, Tu
Tua luz, transmitindo Teu amor através do exer- sempre estavas presente, encorajando-nos. Com
cício de nossa profissão.” (Autor Desconhecido) a Tua ajuda, vencemos. A emoção é forte. Não
chegamos ao fim, mas ao início de uma longa
19. “Pelo dom da vida e por nos ter presenteado
caminhada. Por isso, dizemos: obrigado!” (Autor
com a liberdade, abençoado com a inteligência,
Desconhecido)
nos dado força para lutarmos em prol da con-
quista de nossas realizações, cabe-TE o louvor e 23. “Não me deixe rezar por proteção contra os
a glória. A nós, de todo coração, cabe agradecer.” perigos, mas pelo destemor em enfrentá-los.
(Autor Desconhecido) Não me deixe implorar pelo alívio da dor,
mas pela coragem de vencê-la. Não me deixe
20. “Faze de mim um instrumento de Tua paz!
procurar aliados na batalha da vida, mas minha
Onde houver ódio, que eu leve o amor; onde
própria força. Não me deixe suplicar com temor
houver ofensa, que eu leve o perdão; onde hou-
aflito para ser salvo, mas esperar paciência para
ver discórdia, que eu leve a união; onde houver
merecer liberdade. Não me permita ser covarde,
dúvida, que eu leve a fé; onde houver erro, que
sentindo sua clemência apenas no meu êxito,
eu leve a verdade; onde houver desespero, que
mas me deixe sentir a força da sua mão quando
eu leve a esperança; onde houver tristeza, que
eu cair.” (Rabindramath Tagore)
eu leve a alegria; onde houver trevas, que eu
leve a Luz! Ó Mestre, faze que eu procure mais 24. “Existiam muitos caminhos a seguir, mas esse
consolar que ser consolado; compreender que foi o escolhido. Alguns não compreenderam a
ser compreendido; amar que ser amado... pois nossa escolha, porém Tua luz nos orientou. Tua
é dando que se recebe, é perdoando que se é mão nos ergueu quando estávamos prostrados
perdoado, e é morrendo que se vive para a vida diante das dificuldades; Teu braço amigo sempre
eterna.” (Oração de São Francisco de Assis) nos encorajou. Nossa eterna gratidão por tudo
o que passou e pela certeza de que continuarás
21. “Senhor, quão pequenos somos diante de Vós.
conosco na nova jornada.” (Autor Desconhe-
Apenas cuidamos da Vossa maior obra, a pes-
cido)
soa humana, o que não é tarefa fácil. Sabemos,
no entanto, que estais sempre ao nosso lado. 25. “Em todos os momentos de nossas vidas estás
Mais do que ninguém, nos permitistes sonhar e presente, guiando-nos com a Tua luz. Pelas
realizar este momento. E, com certeza, guiareis bênçãos que nos tens concedido, indignos sería-
nossas mãos, nossos olhos e nossas decisões di- mos se as atribuíssemos ao acaso dos aconteci-
ante de cada paciente. Continuará sendo difícil mentos ou apenas aos nossos próprios esforços.
entender quando nosso conhecimento não for Obrigado pela intensidade de Tua presença em
suficiente para salvar uma vida. Restará, apenas, tudo o que fazemos.” (Autor Desconhecido)
MANUAL DE MENSAGENS  | 11

26. “Desde o início da nossa caminhada, Tu estavas


conosco. Dias e noites se passaram. Vitórias fo-
ram conquistadas; derrotas, superadas; amizades
foram iniciadas; conhecimentos, adquiridos...
Agora, que alcançamos o nosso objetivo, vimos
Te louvar, agradecer e oferecer, humildemente, a
vida, o amor, a felicidade, enfim, a vitória deste
momento. Obrigado, Senhor.” (Autor Descon-
hecido)
27. “Dá-nos força para fazer o nosso amor frutificar
em boas obras para louvar-te. Dá-nos força para
não desdenhar do pobre nem dobrar o joelho ao
insolente. Dá-nos força para elevar-nos acima
das frivolidades cotidianas e humildade para
submeter-nos, com amor, à tua vontade.” (Autor
Desconhecido)
28. “Tu te fizeste presente em todos os momentos
firmes e trêmulos. E, passo a passo, pude sentir
tua mão na minha, transmitindo-me a seg-
urança necessária para enfrentar meu caminho a
seguir... A presença é qualquer coisa como a luz
e a vida, e sinto que, em meu gesto, existe o teu
gesto e em minha voz, a tua voz.” (Vinícius de
Moraes)
12 | 

Agradecimentos Aos Pais


1. “Não faz tanto tempo que me tomavam pelas agora recebemos, acreditem, é difícil encontrar
mãos, quando meus passos erravam o cam- palavras que possam traduzir tamanha gratidão.
inho. Não faz tanto tempo que, quando criança Obrigado por tudo.” (Autor Desconhecido)
travessa, tirava-lhes o sono e o sossego. Hoje,
4. “Num momento especial vocês planejaram
quero novamente pegar em suas mãos, com
nossa vinda a este mundo incerto. Com a
tantas saudades daquele tempo, olhar suas
esperança de que o nosso mundo seria melhor,
faces e agradecer-lhes... A vocês, que sempre
ensinaram-nos a viver com dignidade e nos
compartilharam sonhos e desalentos, vitórias e
iluminaram os caminhos obscuros com ternura
derrotas, alegrias e tristezas. A vocês, que nos
e dedicação para que os trilhássemos sem medo.
incentivaram a prosseguir nessa jornada, fossem
Sabemos que renunciaram a muitos de seus
quais fossem os obstáculos. A vocês, que às
sonhos em favor dos nossos, e pode ser que
vezes distantes fisicamente, mantiveram-se ao
nossas vidas tenham tomado um rumo diferente
nosso lado e lutaram pelo nosso sucesso. A vocês
daquele que vocês sonharam. Por todo o apoio,
dedicamos esta conquista com a mais profunda
carinho, estímulo e compreensão, dedicamos
gratidão.” (Autor Desconhecido)
esta conquista a vocês. Homenageamos também
2. “Obrigado, meus pais, pela compreensão, os Pais que, mesmo distantes, nos acompanhar-
quando me distanciei da família apegando-me am e sonharam viver este momento, e que agora,
aos livros. Obrigado, meus pais, pelo sonho que em algum lugar muito bonito, estão felizes com
realizo agora em que me transformo de estu- a nossa vitória.” (Autor Desconhecido)
dante em profissional e, sobretudo, obrigado
5. “Quando um recém-nascido aperta com seu
pela missão de amar que me ensinaram durante
pequeno punho, pela primeira vez, o dedo de
toda a minha vida. Tomara Deus que eu possa
seus pais, conquista-os para sempre. E para
transmiti-la no exercício de minha profissão, e
sempre seus pais serão capazes de colocá-lo
ensiná-la aos meus filhos, com a mesma digni-
no colo, apertá-lo firme contra o peito, e lhe
dade com a qual vocês a fizeram chegar a mim.
enxugar as lágrimas. Isso acontecerá mesmo
Nossa eterna gratidão vai além de nossos senti-
quando os braços já não forem mais capazes de
mentos, pois vocês cumpriram o Dom Divino.
completar duas voltas. Para sempre, terá à sua
O dom de ser Pai, o dom de ser Mãe. Amamos
disposição uma mão de contornos perfeitos, que
vocês.” (Autor Desconhecido)
surgirá todas as vezes que ele cair, mesmo que
3. “Se hoje existe um brilho dentro de mim, é dessa vez ele seja capaz de se levantar sozinho
porque veio de ti. Se em minhas palavras tortas e o tombo não tenha sido de tão alto. Para
e carregadas de gírias, falo de amor, é porque tu sempre, os pais contarão história para embalar o
me ensinaste a amar. Se meus passos trôpegos sono e amenizar as dores e dificuldades da vida
me fazem seguir em frente, é porque vou a ti. da pequena criança, mesmo que elas tenham
Hoje, todos, pais e filhos, somos formandos. de ser ouvidas por telefone. E quando não
E, apesar do diploma de comunicadores que mais existirem os mais braços e o telefone não
MANUAL DE MENSAGENS  | 13

tocar, dentro do coração do filho eles estarão 9. “A vós, pais, mestres na ciência de viver, que nos
presentes e ele será capaz de viver eternamente, destes sempre coragem para lutar, alento para o
alimentando-se das maravilhosas e inesgotáveis estudo e esperança para o futuro; a vós que, ao
lembranças.” ( Juliana Castro Bergamini) nos dar a vida, não nos imaginastes capazes de
ajudar a salvar vidas, nossos agradecimentos e
6. “De vocês eu recebi o Dom mais precioso do
nossa homenagem.” (Autor Desconhecido)
universo: a vida. Inspiraram-me a certeza de sua
presença e a segurança de seus passos, guiando 10. “Nós lhes fomos confiados por Deus para ser-
os meus. O carinho de sua voz, a esperança do mos preparados para a vida e, no final desta tão
seu sorriso, o conforto de sua lágrima, o brilho importante etapa, vemos o valor da formação
de seu olhar por mim... Se eu pudesse fazê-los que nos deram. Vemos como vocês nos ama-
eternos, eternos os faria. A vocês, pais presentes ram através do apoio, do incentivo, das orações.
e ausentes, não mais que com justiça, dedico Desejamos, sinceramente, honrar o seu nome
esta vitória.” (Autor Desconhecido) e sermos dignos dele. Muito obrigado.” (Autor
Desconhecido)
7. “Quando o grande dia chegar e nosso nome for
dito, levantaremos e procuraremos seus olhos 11. “Àqueles que esperaram por nós, que nos
no meio da multidão. Sabemos que eles estarão cuidaram. Que sorriram ao nos verem sor-
cheios de lágrimas e seus corações cheios de rir e choraram ao nos ver chorar. Àqueles que
orgulho. Somente vocês, nesta cumplicidade entenderam nossos medos, superaram seus
silenciosa, para saber quanto sacrifício fizemos medos e despertaram em nós a coragem. Que
para chegarmos até aqui. É nesta hora que sonharam nossos sonhos e dividiram conosco
queremos dizer tudo que a rotina nos fez calar. esperanças. Que acreditaram quando nós não
Obrigado pelo exemplo de força e coragem que acreditávamos. Àqueles que souberam dizer o
fizeram com que nunca desistíssemos de nossos que precisávamos ouvir e que também souberam
sonhos; pelo amor, carinho e compreensão que calar. Àqueles que ao nosso lado trilharam um
nos transmitiram segurança para enfrentar as caminho que nos trouxe até aqui: à realização, à
dificuldades, com a certeza de que em vocês vitória. E hoje, apesar de tudo o quanto apren-
encontraríamos o conforto para decepções e demos e julgamos saber, ainda não conseguimos
fracassos. Enfim, agradecemos por fazerem de descobrir de que forma agradecer tudo o que
nós o que somos agora. Amamos vocês.” (Autor recebemos de vocês, a quem dedicamos esta
Desconhecido) conquista com a mais profunda admiração e
respeito: OBRIGADO!” (Autor Desconhecido)
8. “Vocês viveram conosco este longo passar de
anos, de páginas de livros e cadernos. Sabem das 12. “Além da vida, vocês nos deram coragem para
dobras dos dias, dos conhecimentos adquiridos a luta, alento para o estudo e esperança para o
sob empenho e sacrifício. A luz esfuziante desta futuro. A vocês dedicamos o resultado da fé e
noite não pertence somente a nós, mas a vocês esperança em nós depositadas. Acolham, em
que, ao nosso lado, partilharam o nosso crescer. seus corações, a alegria do que foi semeado por
A lembrança dos que já não estão aqui afaga a vocês”. (Autor Desconhecido)
saudade.” (Autor Desconhecido)
13. “A vida tem nuances que não se podem ex-
plicar. Vocês nos transmitiram a vida por amor.
Emprestaram-nos sua boca para que pudésse-
14 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

mos falar, seus pés para que pudéssemos andar, em todos os momentos, que se debruçou em
seu amor para que pudéssemos existir. E, como nosso leito e nos assistiu por inúmeras noites;
se fosse pouco, deram parte de suas próprias a vocês, que não só nos deram a vida biológica,
vidas para que nossa existência tivesse sentido. mas nos acolheram e nos fizeram crescer para
Hoje, apesar de pensarmos saber tanto, ainda o mundo, dedicamos estes momentos. Vocês
não aprendemos palavra para expressar, sufi- nos presentearam com a luz da vida e nos
cientemente, nossa gratidão, além do simples deram amor, amparo e auxílio necessário para
obrigado.” (Autor Desconhecido) que conseguíssemos chegar até aqui.” (Autor
Desconhecido)
14. “Se um dia, homem já feito e respeitado, sentires
que a terra cede a teus pés, que tuas obras 17. “Acreditamos que esta é uma oportunidade para
desmoronam, que não há ninguém a tua volta dizer o quanto nós os amamos. Desculpem-
para te estender a mão, esquece tua maioridade, nos pelas vezes em que a nossa pequenez não
passa pela tua mocidade, volta à tua infância e permitiu que compreendêssemos certas atitudes
balbucia, entre lágrimas e esperanças, as últimas suas. Perdoem-nos por não termos nada para
palavras que sempre te estarão na alma: Meu dedicar-lhes, a não ser a nossa gratidão. Obriga-
pai, minha mãe...”. (Rui Barbosa) do.” (Autor Desconhecido)
15. “Vocês nos deram a vida e nos ensinaram a vivê- 18. “Tudo começou de maneira natural. Existiu um
la com dignidade. Não bastaria dizer obrigado. olhar e uma união. E num momento especial
A vocês, que nos iluminaram diante dos camin- vocês planejaram nossa vinda a este mundo
hos obscuros com afeto e dedicação, para que os incerto. Sem perder a esperança de que o nosso
trilhássemos sem medo e cheios de esperança, mundo seria melhor, nos ensinaram a viver
não bastaria um muito obrigado. A vocês, que com dignidade e nos iluminaram os camin-
se doaram inteiros e, muitas vezes, renunciaram hos obscuros, com afeto e dedicação, para que
a seus sonhos para que pudéssemos realizar os continuássemos sem medo. Pode ser que nossas
nossos, não bastaria um muitíssimo obrigado. A vidas não tenham sido como sonharam. Pode
vocês, pais por natureza, por opção e por amor, ser que vocês não tenham sido os pais que
não bastaria dizer que não temos palavras para pretendiam ser. Hoje, isso não importa, pois
agradecer tudo isto; mas é o que nos acontece estamos realizando um sonho, com a certeza de
agora, quando procuramos, sofregamente, uma que nada existiria, se um dia não tivessem con-
forma verbal para exprimir uma emoção ímpar, fiado em nós, muitas vezes trabalhando dobrado,
uma emoção que palavras não traduziriam.” renunciando a seus sonhos em favor dos nossos.
(Autor Desconhecido) Neste momento tão especial, procuramos entre
as palavras aquela que melhor exprime esta
16. “Chegamos ao fim de uma etapa profissional,
emoção, e só encontramos uma: OBRIGADO.
e não há preço que pague o que vocês, pais,
Obrigado, também, àqueles que, distantes, nos
fizeram e fazem por nós. Resta-nos externar a
acompanharam e sonharam viver este dia.” (Au-
nossa gratidão e dizer o quanto vocês são im-
tor Desconhecido)
portantes em nossas vidas. Por isso, dedicamos-
lhes esta conquista. A você, Pai, que sempre 19. “Por mais que evoluímos, crescemos e nos
esteve ao nosso lado e tudo fez por amor; a você, tornamos adultos, temos a certeza de que nunca
Mãe, que foi amiga, companheira e auxiliadora seremos tão independentes e autoconfiantes que
MANUAL DE MENSAGENS  | 15

não precisemos mais de carinho, de um afago suas provas de amor. Não sei quantos sonhos re-
ou de um conselho paterno. Aos nossos pais, nunciaram para que os meus fossem realizados.
que estiveram sempre ao nosso lado para sorrir Não sei se, ao me darem a vida, me imaginaram
conosco ou derramar lágrimas por nós, somos capaz de um dia lidar com outras vidas. Mas
eternamente agradecidos. Temos a satisfação de sei que só vocês, pais por natureza, por opção e
compartilhar mais essa conquista com aqueles amor, representam os verdadeiros heróis desta
que nos deram a primeira vitória: a VIDA.” vitória.” (Autor Desconhecido)
(Autor Desconhecido)
24. “Durante toda a nossa caminhada, muitas vezes
20. “Há uns que falam e não ouvimos; há uns que seus sonhos foram substituídos pelos meus.
nos tocam e não sentimos; há aqueles que nos Vocês não foram apenas pais, mas amigos e
ferem e nem cicatrizes deixam, mas há aqueles companheiros, mesmo nas horas em que as
que, simplesmente, vivem e nos marcam por ideias pareciam distantes e inatingíveis e o estu-
toda vida.” (Autor Desconhecido) do, um fardo pesado demais. Incontáveis foram
as vezes que meu cansaço e preocupação foram
21. “Obrigado, meus pais, pelo sonho que realizo
compartilhados por vocês, numa união que me
agora, passando de estudante a profissional e,
incentivava a prosseguir. Hoje, dia de minha
sobretudo, obrigado pela missão de amar, que
formatura, dou-lhes o sorriso que trago em
me ensinaram durante toda a minha vida. To-
minha face. O sorriso do trabalho, da luta, do
mara a Deus que possa transmiti-la no exercício
carinho, da crença e da esperança. Procuro entre
de minha profissão, ensiná-la aos meus filhos,
as palavras aquela que gostaria que seus corações
com a mesma dignidade com a qual vocês a
ouvissem do meu, e só encontro uma, simples e
fizeram chegar até mim. Se isto eu conseguir,
sincera: obrigado! A vocês, a quem muito amo,
estarei realizado. Serei, acima de um profission-
ofereço minha vitória.” (Autor Desconhecido)
al, um homem.” (Autor Desconhecido)
25. “Num abraço apertado ou num beijo emocio-
22. “Vocês foram nossos primeiros mestres. Quando
nado, vamos ao seu encontro. Dizer as alegrias
abrimos os olhos para o mundo, vocês nos
que sentimos, os problemas que tivemos, mas
sustentaram em seus braços. Quando aprendía-
acima de tudo que vencemos. Na busca inces-
mos a falar cada palavra, vocês eram os únicos
sante da perfeição, só nos resta o agradecimento
a compreender. Quando, temerosos, chegamos
por suas mãos que nos guiaram pelo caminho
aos bancos escolares, vocês, com sorrisos, nos
do conhecimento. Queridos pais, nosso carinho
encorajaram. Quando, inseguros, decidimos en-
especial a vocês, que nos amam com a força de
frentar o mundo, vocês nos deram apoio. Foram
seus corações, hoje e sempre.” (Autor Descon-
vocês que nos aceitaram com nossas dificuldades
hecido)
e limitações, nossos anseios, alegrias, tristezas
e lágrimas e nos ensinaram a amar. A vocês 26. “Este momento não teria sentido se não fosse
pertence a realização de nosso sonho.” (Autor o apoio e estímulo dos que estão presentes em
Desconhecido) nossas vidas de uma forma toda especial. Ao
fim desta etapa, nosso sincero obrigado a vocês,
23. “Não sei precisar as noites que a luz do
que nos amaram incondicionalmente.” (Autor
meu quarto não lhes deixou dormir ou as
Desconhecido)
preocupações que minha ausência lhes causou.
Não sei quantas vezes minhas provas foram
16 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

27. “Sempre ao lado. Sempre atento. Sempre preo- a vocês. Obrigado pelos anos de convivência,
cupado. Sempre pai. Sempre mãe. Eternos serão pelo carinho e pelo estímulo, pela dedicação e
nossos agradecimentos. Palavra alguma retribui pelo sacrifício. Obrigado por vocês existirem.
sequer um sorriso de incentivo. Por terem Obrigado por tudo! Amamos vocês.” (Autor
acreditado em nós desde o início, nos fizeram Desconhecido)
ver a luz do sol. Cada ano de vida crescemos.
29. “É difícil entender, agora, tudo o que sentimos
Hoje somos todos adultos. Vocês sempre pais.
por vocês: carinho, emoção, amor e gratidão por
Nós sempre filhos. Vocês sempre sábios, nós
todos os momentos de incentivo, de compreen-
sempre alunos, alunos da vida. Obrigado pai.
são e de firmeza com que nos encorajaram.
Obrigado mãe. Obrigado por nos darem a opor-
Esta emoção se estende, também, àqueles que,
tunidade de ver pela primeira vez a luz do sol e
mesmo ausentes, permaneceram o tempo todo
de ver as estrelas toda noite. Se chegamos aqui,
dentro de nós, acalentando-nos num misto
se somos alguém, se conhecemos um pedacinho
de ternura e saudade. Esperamos que todos
do mundo, devemos a vocês. Mesmo que tenha-
que sonharam com este dia sintam o quanto
mos aprendido muitas coisas na Universidade,
crescemos juntos nesta caminhada. Vivendo este
vocês que serão responsáveis pela maneira como
momento, queremos dizer, olhando nos seus
exerceremos nossa profissão. Porque se todo jor-
olhos: Muito obrigado!” (Autor Desconhecido)
nalista deve ser justo, humano, verdadeiro, estas
qualidade vocês é que nos ensinaram.” (Autor 30. “Nosso muito obrigado, pelo carinho, pelo
Desconhecido) apoio, pela confiança e, acima de tudo, pelos en-
sinamentos e lições primeiras que nos tornaram
28. “Somos hoje o que vocês conceberam por um
o que somos. Vocês são mais que especiais, são
ato de amor. Amor por nós, que nos trouxe até
verdadeiramente Nossos Pais.” (Autor Descon-
aqui, que nos fez o que somos agora. Ontem,
hecido)
éramos apenas crianças que, colocadas em suas
mãos, precisavam ser preparadas para a vida. 31. “Muito obrigado a vocês, que enriqueceram
Vocês, com dedicação e coragem, mostraram- nossas mentes, encheram de amor e ternura
nos o caminho, ora cheio da mais pura feli- nossos corações, nos animaram, sorriram para
cidade, do mais puro sentimento de alegria, nós. As palavras não serão suficientes para expr-
ora entremeado por tristezas que nos fizeram essar a gratidão e o respeito que temos para com
crescer e aprender. É por isso que tudo aquilo aqueles que nos deram a vida e nos orientaram:
que somos ou que esperamos ser devemos a nossos pais.” (Autor Desconhecido)
vocês. Vocês nos ensinaram e nos transmitiram
32. “A você, que compartilhou nossos ideais e os
verdadeiros valores: a bondade, a honestidade,
alimentou, incentivando-nos a prosseguir na
o perdão, a persistência, a paciência, a consider-
jornada, fossem quais fossem os obstáculos; a
ação, e, principalmente, o respeito – o respeito
você, que mesmo distante manteve-se sempre ao
a nós mesmos e ao nosso próximo. Vocês nos
nosso lado, lutando conosco. A você dedicamos
ensinaram a enfrentar desafios com um sorriso
nossa conquista e o nosso amor, com a mais
nos lábios, a arriscar quando achávamos que não
profunda admiração e respeito. Muito obrigado
éramos capazes, a buscar nossos sonhos, mesmo
porque você enriqueceu minha mente, porque
quando pareciam impossíveis. Este momento,
encheu de amor e ternura o meu coração,
tão importante para nós, queremos dedicá-lo
porque me animou e sorriu para mim. As
MANUAL DE MENSAGENS  | 17

alegrias de hoje também são suas, pois seu amor, 36. “Amados Pais, hei de lembrar por todos os dias
estímulo e carinho, foram armas desta vitória.” da minha vida o apoio, os conselhos e o amor
(Autor Desconhecido) que dedicaram a mim. Dedico esta espada, sím-
bolo da luta por que passei, a vocês, que foram
33. “Há na vida um grande mistério que é o tempo.
a luz do meu saber, a força do meu espírito e o
Existem calendários e relógios que o medem,
sucesso nas minhas dificuldades. Apesar deste
mas significam pouco, porque às vezes uma
momento de agradecimento ser tão breve, peço
hora parece uma eternidade, ao passo que outras
que se multiplique pela eternidade e, assim,
vezes passa como um relâmpago. Quanto tempo
terão ideia da felicidade que tenho no coração
se passou desde que vesti o primeiro uniforme
por tê-los como amigos, companheiros e, acima
e fui para a escola... Ao atravessar o portão
de tudo, pais.” (Márley Tânis Cardoso)
da escola não havia em mim aquele orgulho
e felicidade que vocês traziam no olhar; senti 37. “A vocês, que compartilharam dos meus dias e
apenas saudade, medo, insegurança... Talvez eu das minhas dificuldades em vencer cada mo-
imaginasse que dali em diante o caminho fosse mento. Vocês me fazem sentir especial e me dão
só meu e vocês não mais me acompanhariam. coragem para continuar enfrentando os obstácu-
No entanto, eu me enganei, pois durante todo o los da vida.” (Autor Desconhecido)
meu percurso vocês estiveram presentes. Quanto
38. “Hoje trago grandes recordações, daquelas
tempo se passou, eu não sei; sei apenas que hoje,
que nenhum filho esquece, pois a cada degrau
vendo novamente o orgulho e felicidade em
alcançado, e em todas as minhas conquistas,
seus olhos, eu sinto apenas gratidão.” (Autor
estiveste sempre ao meu lado.” (Autor Descon-
Desconhecido)
hecido)
34. “Talvez meio caminho andado seja a gente
39. “Vós sois arcos dos quais vossos filhos são ar-
acreditar no que faz. Mas acima de tudo, o que
remessados como flechas. Vós pouco dais de
mais nos incentiva, que mais nos valoriza – e
vossas posses; e quando derdes de vós próprios,
também nos torna mais conscientes de nossa
é que realmente dais. É belo dar quando solici-
responsabilidade – é saber que outros creem
tado; é mais belo, porém, dar sem ser solicitado,
em nós. E não há palavras que descrevam o
por haver apenas compreendido. Certamente é
que sentimos ao saber dos sacrifícios que eles
digno de receber os vossos dias e vossas noites,
se impõem por crerem não apenas em nós, mas
e é digno de dar a vós tudo o mais.” (Autor
também no que cremos.” (Albert Einstein)
Desconhecido)
35. “E ainda não faz tanto tempo que aquela cri-
40. “A vocês, que nas lutas da vida são o meu pilar,
ança travessa tirava-te o sono e o sossego. Não
nas derrotas, meus ombros consoladores, e nas
faz tempo que me tomavas pelas mãos quando
conquistas, meus mais ardentes torcedores. O
meus passos erravam o caminho... E um dia
seu estímulo e carinho foram as armas dessa
parti. Hoje quero novamente tomar tuas mãos,
vitória.” (Autor Desconhecido)
com tantas saudades daquele tempo, olhar teu
rosto e agradecer por este lugar que conquistei.” 41. “A você, que esteve sempre presente, com a
(Autor Desconhecido) dedicação e o apoio que só quem ama profun-
damente pode oferecer, e que iluminou a minha
vida. Hoje esta luz resplandece e o meu futuro
se delineia.” (Autor Desconhecido)
18 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

42. “É quando o indefinido aparece à nossa frente, 47. “Agradeço a vocês o carinho, a atenção, o amor
que mais sentimos as mãos protetoras pousarem e a dedicação que sempre me dispensaram em
em nossos ombros no momento certo; mãos todos os momentos da minha vida. Retribuindo,
que pertencem àqueles que viveram conosco os ofereço este momento de alegria quando posso
sacrifícios, as alegrias, as descobertas e princi- dizer: descobri o mundo mágico das palavras, já
palmente as ansiedades de toda essa caminhada. sei ler e escrever.” (Autor Desconhecido)
Àqueles que terão agora seu verdadeiro e justo
48. “Àqueles que tanto nos apoiaram nas horas
momento de vitória, não apenas “muito obriga-
difíceis, deixando para trás todos os seus sonhos
do”, mas um pedido de amor: Ajudem-nos a
para realizar os nossos, dedico esta homenagem
acreditar que podemos caminhar sozinhos!
com todo o meu amor, gratidão e respeito.” (Au-
Amamos vocês.” (Autor Desconhecido)
tor Desconhecido)
43. “Sabemos que ideias e gostos são diferentes,
49. “Obrigado por ter estado sempre aí a me olhar,
mas consideramos válido tudo o que fizemos.
a me estender as mãos, torcendo por mim.
Assim, se o que fizemos não foi o melhor, temos
Você me faz sentir especial e me dá coragem
consciência de que foi o melhor que podíamos
para enfrentar os obstáculos da vida.” (Autor
ter feito.” (Autor Desconhecido)
Desconhecido)
44. “A você, que contribuiu de alguma forma para
50. “As palavras nunca serão suficientes para expres-
o meu êxito, compreendendo minhas ausências,
sar a gratidão e o respeito que temos para com
compartilhando meus ideais e incentivando-me
aqueles que nos deram a vida e também orien-
a prosseguir, com o sorriso amigo, a palavra de
taram nossos passos. Foi por vocês que chega-
carinho e o amor dedicado, ofereço o sonho, o
mos até aqui! E é por vocês que seguiremos em
abraço, o beijo e o diploma.” (Autor Desconhe-
frente.” (Autor Desconhecido)
cido)
51. “Durante toda a nossa vida vocês não foram
45. “Hoje paramos por um instante, fechamos os
apenas pais, mas amigos que nos incentivaram
olhos e nos sentimos mais próximos e, o mais
a prosseguir. Muitos de seus sonhos e vontades
importante, constatamos, emocionados, que
foram sacrificados para que conquistássemos os
nunca estivemos distantes. A vocês é dedicado
nossos. Desde os primeiros passos, e até mesmo
este dia... Nós nos formamos juntos. Obrigado
antes deles, nos ensinaram a superar cada
por tudo. Seu filho.” (Autor Desconhecido)
obstáculo que ia surgindo até que chegássemos
46. “Sentimo-nos tão envaidecidos de vós, de vosso ao momento que hoje vivemos. Encontramos
exemplo e esforço, que talvez não saibamos consolo nos momentos de angústia e, princi-
exprimir em palavras o especial carinho, o amor palmente, razões para vivermos com alegria
sincero e a gratidão que vos dedicamos. Dividi cada instante de nossas vidas. A vocês, amores
conosco os méritos desta conquista, porque de nossas vidas, oferecemos essa nossa vitória.”
ela vos pertence, ela é tão vossa quanto nossa. (Autor Desconhecido)
Abençoai-nos em nosso ingresso na vida profis-
52. “Foi uma longa caminhada até aqui. Mesmo
sional, como nos abençoastes quando viemos à
tendo chegado aonde chegamos, vocês con-
luz do mundo.” (Autor Desconhecido)
tinuam nos olhando assim, com esse olhar as-
sustado, perguntando o que irá acontecer agora.
MANUAL DE MENSAGENS  | 19

Pois saibam que, por mais incerto que seja o por tudo o que fizeram por mim, sem que
nosso futuro, sempre seremos quem vocês nos eu ao menos soubesse. Obrigado pelo sonho
ensinaram a ser. E isso, pai, mãe, não há nada que realizo, neste dia em que me transformo
que pague. O nosso obrigado é pequeno diante de estudante em profissional. E, sobretudo,
da grandeza do que fizeram por nós. Por isso, obrigado pela lição de amor que me ensinaram
por mais que cresçamos, nunca seremos grandes durante toda a vida, e que eu possa transmiti-la
demais para voltar aos seus braços e neles, no exercício de minha profissão, e ensiná-la aos
então, nos esquecermos do nosso real tamanho. meus filhos, com a dignidade com que vocês a
Hoje é dia de festa e de alegria, e o brilho dos fizeram chegar até mim. Se isso eu conseguir,
seus olhos, refletindo a felicidade por termos estarei realizado; serei, acima de um profissional,
alcançado nossos sonhos, nossos e seus, enche- um ser humano.” (Autor Desconhecido)
nos de orgulho. Temos a certeza de que demos
55. “Vocês um dia sonharam conosco e nos ama-
o primeiro passo para retribuir todo o amor e
ram antes que nós existíssemos. Alegraram-se
dedicação vindos de vocês. Neste momento, em
com a nossa chegada ao mundo como alguém
que as palavras nos fogem, é a vocês, amados
que recebe um lindo presente. Acolheram-nos,
pais, que queremos agradecer, do fundo do
alimentaram-nos, educaram-nos; vocês acom-
coração, por terem nos ensinado que vale a pena
panharam nosso crescimento e muitas vezes
acreditar e lutar por nossos sonhos.” (Autor
renunciaram aos seus sonhos para que os nossos
Desconhecido)
se realizassem. Vocês são exemplos de fé e
53. “Hoje é um dos dias mais especiais de nossas esperança, exemplos que nos dão muita força e
vidas. Estamos vivendo momentos de alegria, de coragem para vencer na vida”. (Autor Descon-
lágrimas, de anseios... Mas tudo isso não teria hecido).
acontecido sem a participação de vocês, que
56. “Vocês sempre estão acertando, errando, brig-
viveram conosco nossos problemas e sempre
ando ou acalentando, mas sempre tentando ser
tentaram solucioná-los, dando-nos o apoio in-
o melhor, dar o melhor, para nós, seus filhos. A
condicional, até mesmo quando a distância nos
vocês o nosso profundo amor, sincera admiração
separava, ajudando-nos a superar todos os ob-
e respeito. Esta vitória é de vocês também; essa
stáculos, dividindo conosco nossas dificuldades.
e todas as outras que ainda acontecerão em nos-
Vocês, que não mediram esforços para nos guiar
sas vidas. Obrigado por tudo.” (Autor Descon-
pelo melhor caminho possível, e que supera-
hecido)
ram barreiras para que conquistássemos mais
essa etapa. Nós temos orgulho de chamá-los
de pais, pois tornaram nossos sonhos realidade,
com amor, apoio e presença. O sucesso desse
dia especial é dedicado a vocês. Nosso muito
obrigado!“ (Ronald Gomes)
54. “Hoje, dia de minha formatura, procuro entre as
palavras aquela que gostaria que seus corações
ouvissem do meu, palavra que se tornará
pequena diante do que representa: obrigado,
meus pais, por toda compreensão e dedicação,
20 | 

Agradecimentos Aos que Amamos


1. “Aí, então, eu existirei para alguma coisa mais desiludido, quis tudo abandonar... E quando lá-
elevada. Você também assim existirá e os dias grimas rolaram, foi você quem veio me confor-
serão mais claros e as pessoas mais felizes, tar. Agora, finalmente, cheguei lá. Hoje é festa!
porque nós existimos.” (Autor Desconhecido) Tantos abraços e congratulações, e ao meu lado
está você, como no começo de tudo, sempre a
2. “Vocês foram presença constante nos momen-
me apoiar. Neste momento eu sei que não basta
tos de certezas e dúvidas, de vitórias e derrotas.
agradecer porque, mais do que tudo, eu amo
Transmitiram-nos, mesmo em silêncio, amor e
você.” (Autor Desconhecido)
compreensão... Sofreram nossa ausência quando
o dever e o estudo nos chamavam, e ainda assim 6. “Não me deixem admitir impedimentos à união
nos entenderam: souberam respeitar e valorizar de espíritos puros. Amor não é o amor que
nossos limites e esforços. Com vocês apren- muda quando mudanças encontra, ou se curva
demos o valor do respeito, da cumplicidade, da a quem quer extingui-lo. Oh, não! O amor é
amizade; aprendemos o que é saudade, dedi- um marco eterno que, inabalável, enfrenta as
cação e abdicação. Em vocês encontramos força tormentas. É a estrela de todo barco errante, de
e incentivo para continuar. Esta conquista tem a brilho certo, mas de valor desconhecido. Amor
sua presença.” (Autor Desconhecido) não é joguete do tempo, embora, ao envelhecer,
os lábios nos entorte. Amor não muda conforme
3. “Companheiros de todos os nossos momentos,
o dia e a hora, mas chega inalterado até o fim
na livre marcha dos dias; estimuladores supre-
dos tempos. Se me provarem que isto está er-
mos de nossas vontades, para a caminhada do
rado, então, nunca escrevi nem ninguém jamais
amanhã; dividimos, pois, convosco, o mérito
amou.” (William Shakespeare)
desta conquista.” (Autor Desconhecido)
7. “Você foi presença na minha solidão, respeit-
4. “A vocês, que compartilharam nossos ideais e
ando profundamente a minha maneira única
os alimentaram, incentivando-nos a prosseguir
de ser. Na sua companhia e no seu sorriso,
na jornada, fossem quais fossem os obstáculos;
encontrava o conforto de minha alma. Suas
a vocês que, chamados pelo próprio amor, se
palavras doces conseguiam me confortar nas
fizeram presentes e hoje comungam a vitória
horas mais difíceis de minha jornada estudantil,
almejada, nosso reconhecimento sincero pela
mostrando-me seu mais profundo amor. Muito
compreensão e nossas desculpas pelas horas rou-
obrigado por todas as vezes que você me ouviu,
badas de seu convívio.” (Autor Desconhecido)
na hora do desespero e da angústia, ficando
5. “Eu caminhava sozinho e, então, Deus me sempre do meu lado e segurando minha mão.
trouxe você, e meus dias se tornaram pequenos As alegrias de hoje são também suas, pois o seu
para tanta felicidade. Com o passar do tempo, amor, estímulo e carinho, foram as armas desta
surgiram as dificuldades e os problemas pare- vitória.” (Autor Desconhecido)
ciam não ter solução, mas novamente lá estava
você, e tudo se resolvia. Um dia, já cansado e
MANUAL DE MENSAGENS  | 21

8. “O tempo passou e, com ele, o sofrimento das meado no vento, na cachoeira, no eclipse. Amor
horas tristes, das despedidas e da ausência. As foge a dicionários e a regulamentos vários. Eu
homenagens deste dia se estendem também te amo porque não amo bastante ou demais a
a ti, sempre presente com um sorriso amigo e mim. Porque amor não se troca, não se conjuga,
um beijo na hora do adeus. As alegrias de hoje nem se ama. Porque o amor é amor a nada. Feliz
também são tuas.” (Autor Desconhecido) e forte em si mesmo.” (Carlos Drummond de
Andrade)
9. “No decorrer desses anos, por diversas vezes,
chegamos a nos sentir derrotados, aniquilados 13. “O amor é, certamente, a razão última da ex-
e com medo do desconhecido. Quando, porém, istência humana, seu objetivo maior. Tudo, sem
nem esperávamos, brotava uma palavra amiga, amor, é nada. Aos que amamos, pois, dedicamos
uma mão estendida, um sorriso franco, con- esta obra de aperfeiçoamento do ser que im-
tribuindo assim, de forma especial, para a nossa porta, também, em aperfeiçoar o amor.” (Autor
formatura. Vibrando com o nosso sucesso, Desconhecido)
tentando amenizar as nossas falhas, recordando
14. “Àqueles que acompanharam nossos passos,
momentos felizes, ajudaram-nos e fizeram-nos
mesmo quando foi preciso correr para andar-
sentir quão importante é ter alguém ao nosso
mos juntos, obrigado. Obrigado aos nossos
lado.” (Autor Desconhecido)
irmãos que fizeram as coisas ficarem mais leves
10. “Em um momento tão importante quanto este, e lúdicas. Obrigado pelas risadas e pelas brigas
não poderíamos esquecer das pessoas que esta- de sempre. Obrigado por terem guardado o meu
vam sempre ao nosso lado. A vocês, que não se mundo nas mãos, para tê-lo como refúgio. Aos
importaram com a ausência e a despedida, sem- amigos, que ficaram tanto tempo esperando
pre presentes com um sorriso amigo e um beijo nossas visitas que nunca aconteceram, que se
na hora do adeus; que compartilharam os nossos acostumaram com nossos “parabéns” atrasados,
ideais e os alimentaram, nós lhes dizemos muito que aceitaram tantos “hoje eu não posso ir” sem
mais do que obrigado, pois não há palavras que questionar, que estiveram sempre tão disponíveis
possam expressar a nossa verdadeira gratidão.” quando nosso tempo para eles era tão limitado,
(Autor Desconhecido) obrigado. Aos nossos namorados (as), noivos
(as) e esposos (as), que tantas vezes deixamos
11. “Senti, muitas vezes, o tocar de suas mãos em
em segundo plano, que abraçaram este nosso
minha cabeça em sinal de consolo. Escutei as
sonho como se fosse deles. Agradecemos pelo
palavras certas nas horas de desânimo e percebi
ombro, pela admiração, mesmo quando foram
a sua tolerância em meus momentos de ausên-
deixados de lado. Obrigado àqueles para os
cia. Sempre notei seus passos ao lado dos meus.
quais não fomos suficientemente filhos, irmãos,
Sabia que não estava sozinho. Hoje, vejo um
amigos, namorados, maridos, esposas e que, por
sorriso em seus lábios e uma lágrima por cair,
nos amarem tanto, contribuíram para o mérito
dividindo comigo essa minha conquista.” (Autor
desta conquista.” (Autor Desconhecido)
Desconhecido)
15. “Saibam, quantos estes meus versos virem, que
12. “Eu te amo porque te amo. Não precisas ser
te amo do amor maior que possível for.” (Os-
amante e, nem sempre, saber sê-lo. Eu te amo
wald de Andrade)
porque te amo. Amor é estado de graça e como
amor não se paga; amor é dado de graça. É se-
22 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

16. “A você, meu grande amor, quero me desculpar dos os momentos; que fizeram de nossos sonhos
por muitas vezes ter esquecido das riquezas seus próprios objetivos e de nossos objetivos,
do dia-a-dia para que pudesse levar adiante sua própria luta. Queremos compartilhá-la com
conquistas pessoais. Foram tempos difíceis. Es- vocês. Pessoas tão especiais, que não pouparam
colhas difíceis que se tornaram menos dolorosas esforços para que o sorriso que hoje traze-
com seu apoio e compreensão. Tenho certeza mos no rosto fosse possível. A vocês, que nos
de que, ao olhar para trás, não lembrarei do que ofereceram sempre o melhor que puderam nos
foi perdido, mas de tudo que você me deu, dos dar, através de seu olhar de apoio, de sua palavra
dias penosos que se tornaram iluminados com de incentivo, de seu gesto de compreensão, de
sua presença. Você deu sentido a tudo. Você, sua atitude de segurança, mesmo quando nos
que sem razões ou explicações me aceitou e me veio o desânimo. Nos momentos importantes,
amou incondicionalmente, aos poucos se tornou suportaram nossa ausência; nos dias de fracasso,
alguém impossível de esquecer. Muito obrigado respeitaram nossos sentimentos e enxugaram
por, acima de tudo, fazer-me feliz.” (Autor nossas lágrimas. Se hoje estamos aqui, é porque
Desconhecido) vocês acreditaram em nosso sucesso e camin-
haram ao nosso lado! Recebam nosso muito
17. “Agradecer é admitir que houve um momento
obrigado, repleto de amor e de carinho.” (Autor
em que se precisou de alguém; é reconhecer que
Desconhecido)
jamais se poderia pretender ser autossuficiente.
Ninguém cresce sozinho: sempre é preciso um 20. “Sabemos que a vitória não foi só nossa, porque
olhar de apoio, uma palavra de incentivo, um ao nosso lado caminhavam pessoas que acredi-
gesto de compreensão, uma atitude de amor. taram em nós, em nosso sucesso. A vocês que
A todos vocês, a quem muito amamos, que muito amamos e que compartilharam dos nos-
veem com alegria este fim de etapa e estão tão sos ideais, compreenderam-nos, incentivaram-
felizes quanto nós, nossos agradecimentos. nos, mesmo que no silêncio e na distância, o
Sim, vocês nos amaram o suficiente para tolerar nosso muito obrigado.” (Autor Desconhecido)
nossas ausências, para encorajar e aplaudir
21. “Às vezes estivemos ausentes, talvez meio
estas vitórias. A vocês, portanto, a nossa mais
distantes. Procuramos o sentido da vida, de
profunda gratidão e o nosso respeito.” (Autor
tudo! Vocês foram o nosso norte, nosso solo,
Desconhecido)
nossos caminhos. Estivemos carentes, sozinhos,
18. “Durante esta caminhada foram muitos os derramamos lágrimas e sorrisos. Vocês foram o
momentos em que não estivemos presentes e nosso colo, nosso rumo. E cada vez mais vocês
muitas renúncias foram feitas em busca de um se fizeram presentes. Acolheram-nos e motivar-
ideal. Hoje, podemos perceber o quanto foi am... E nunca mais seremos de tal modo tristes
importante cada sorriso, cada beijo, cada braço porque vocês estão ao nosso lado e, se faltamos
que nos foram oferecidos sem esperar nada em aos nossos sentimentos, seja em presença ou em
troca, e podemos dedicar essa vitória a vocês que palavras, que possam conceder sua compreensão,
muito amamos. E fazer um pedido: continuem porque já não podemos mais só andar; porque já
sempre conosco.” (Autor Desconhecido) não podemos mais andar sós! E agradecer-lhes é
saber reconhecer que nós jamais podemos ter o
19. “Se hoje comemoramos uma conquista, esta se
dom de ser autossuficientes.” (Kepler Alexandro
deve àqueles que estiveram ao nosso lado em to-
Reis Jr.)
MANUAL DE MENSAGENS  | 23

22. “Há sempre alguém na vida da gente, alguém morte, angústia de quem vive, quem sabe a
que nos apareceu sorrindo, alguém que nos solidão, fim de quem ama, eu possa me dizer do
deixou chorando, e por mais indiferente que amor (que tive): que não seja imortal, posto que
nos queira parecer, há sempre alguém na vida é chama, mas que seja infinito enquanto dure.”
da gente... Impossível esquecer! A estrada foi (Vinícius de Moraes)
longa: em vocês encontramos a força e o incen-
25. “Só se pode viver perto de outro, e conhecer
tivo necessário para que continuássemos a cam-
outra pessoa, sem perigo de ódio, se a gente
inhar. Vocês nos ofereceram sempre o melhor
tem amor. Qualquer amor já é um pouquinho
que puderam nos dar, por meio dos olhares de
de saúde, um descanso na loucura.” (Guimarães
apoio, das palavras de incentivo, dos gestos de
Rosa)
compreensão, das atitudes de segurança, mesmo
quando nos veio o desânimo. Nos momentos 26. “Àqueles que contribuíram para o nosso êxito,
importantes, suportaram nossa ausência; nos a nossos pais, a nossos mestres, ao amor de
dias de fracasso, respeitaram nossos sentimen- nossos companheiros, ao incentivo dos filhos,
tos e enxugaram nossas lágrimas. A vocês, à amizade de nossos amigos, com saudade dos
que estiveram sempre conosco, nos apoiando que se foram. A todos abraçamos ao fim da
incondicionalmente a cada passo; a vocês, que jornada, com profundo sentimento de gratidão,
foram dedicados e pacientes, que silenciaram dedicando-lhes nossos eventuais méritos.” (Au-
quando reclamávamos e disseram as palavras tor Desconhecido)
que precisávamos ouvir quando nos calávamos;
27. “Nesta breve caminhada, um período repleto
a vocês que, muitas vezes, deixamos em segundo
de incertezas, angústias e realizações, algu-
plano para ir em busca de um sonho, o nosso
mas pessoas sempre se fizeram presentes, nos
MUITO OBRIGADO. Muito obrigado aos
amparando e motivando, tornando esta jornada
amores presentes, aos ausentes, aos reais, aos
mais amena. A estas pessoas nossos sinceros
irreais, aos amantes, aos incondicionais”. (Autor
agradecimentos pelo carinho e compreensão dos
Desconhecido)
anos a fio.” (Autor Desconhecido)
23. “Com especial carinho, àquele que conosco
28. “A vocês, que ouviram nossos desabafos, a vocês
constituiu um sonho; àquele que de mãos dadas
que presenciaram nossos silêncios, a vocês que
ri, chora e consola. As alegrias de hoje também
fizeram do nosso mundo, um mundo... A vocês
são suas, pois seu amor, estímulo e carinho, nos
que acompanharam, choraram, riram, aconsel-
deram força para vencermos esta importante
haram. A vocês, hoje, oferecemos um sorriso,
etapa. Juntos alcançaremos muitos ideais!” (Au-
pois, na validade de toda a nossa luta, nos méri-
tor Desconhecido)
tos de nossas conquistas, há muito da presença
24. “De tudo ao meu amor serei atento. Antes, e de vocês.” (Autor Desconhecido)
com tal zelo, e sempre, e tanto que mesmo em
29. “Quantas vezes, motivado pela fragilidade
face do maior encanto, dele se encante mais
humana, tive a intenção de parar e desistir.
meu pensamento. Quero vivê-lo em cada vão
Mas amparado por você, lutando em sentido
momento e em seu louvor hei de espalhar meu
contrário e portando armas de amor, incen-
cantor e rir meu riso e derramar meu pranto
tivo e solicitude, chego hoje ao objetivo final:
ao seu pesar ou seu contentamento. E assim,
minha formatura. Você foi presença na solidão e
quando mais tarde me procure quem sabe a
24 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

respeitou profundamente minha maneira de ser. Muito de nossa conquista é devido a estas pes-
Sua companhia, seu sorriso, suas palavras e até soas e a elas dedicamos este acontecimento.”
mesmo sua ausência foram expressões de amor (Autor Desconhecido)
profundo. Mas você está junto de mim, como no
33. “O tempo passou, e com ele o sofrimento das
começo de tudo. Receba, pois, minha gratidão,
horas tristes, das despedidas e da ausência. As
reconhecimento e a lembrança de que nos méri-
homenagens deste dia se estendem também a
tos desta conquista, há muito de sua presença.”
você, sempre presente com um sorriso amigo,
(Autor Desconhecido)
uma palavra sincera e um beijo na hora do
30. “A vocês, que ingressaram em nossas vidas por adeus. Desculpe-me pelas muitas vezes em
acaso, sempre que nos tiveram por perto, que que estive exausto, preocupado com as provas,
nos procuraram e nos encontraram, tomando- chateado com as notas, mas você, talvez sem
nos como seus parceiros no amor e nos ideais. saber, compreendeu. As alegrias de hoje também
A vocês, que mesmo conhecendo o que há para são suas, pois seu amor, estímulo, carinho e
conhecer sobre nós, ainda nos fornecem abrigo, participação, foram as armas desta vitória. Você
proteção, conforto e carinho incondicionais. A se preocupou comigo, e neste dia gostaria que
vocês, que se alegram com nosso sucesso e com sentisse orgulho de quem também a ama.”
nossa felicidade e, mais que isso, ajudaram-nos (Walmir Ayala)
a construí-los. A vocês, que quando presentes
34. “A você, que sempre nos incentivou e nos apoio
dão-nos a sensação da força maior e, quando
nesta luta, sempre ao nosso lado, ajudando-nos
ausentes, deixam na lembrança a vívida im-
a descobrir novos horizontes. Seu incentivo foi
pressão de que continuarão conosco em nossa
fundamental nessa difícil caminhada. Agora
longa caminhada. A vocês, que nos momentos
que vencemos juntos, essa vitória também é
árduos e indóceis permaneceram conosco e nos
sua. Nossos sinceros agradecimentos.” (Autor
incentivaram a crescer. A vocês, a quem ama-
Desconhecido)
mos de um modo especial, na nossa esperança
de senti-los eternamente por perto. A vocês, o 35. “Nossa eterna gratidão aos esposos (as), noivos
nosso amor e a nossa gratidão.” (Autor Descon- (as), namorados (as), filhos (as) e demais famil-
hecido) iares. A jornada foi árdua. Fica a lembrança de
poucos momentos, mas muito intensos, vivi-
31. “Aos esposos, esposas, filhos, noivos, namorados
dos ao lado de vocês. De falta de humor e das
e amigos, nossos agradecimentos pelo apoio
poucas horas ou da folga ou do cansaço, ou do
que nos deram, pois sem a ternura do amor,
desânimo de alguns momentos que vocês obrig-
os obstáculos se tornariam maiores. A vocês, o
atoriamente compartilharam. Resta a certeza
beijo, o abraço, o sonho, o futuro e um universo
de que, se foi difícil para nós, não menos o foi
de esperança.” (Autor Desconhecido)
para vocês. Agora o trabalho, difícil e repleto de
32. “Nossa eterna gratidão aos maridos, esposas, surpresas. Novas emoções para vivermos juntos.”
namorados, namoradas, filhos, irmãos e demais (Autor Desconhecido)
parentes, pelo constante incentivo e apoio neste
36. “Agradecemos de coração a calorosa compan-
caminho por nós trilhado. Nossa eterna lem-
hia de nossos companheiros (as) e amigos (as).
brança aos amigos e colegas que durante estes
Nos momentos mais felizes e durante as crises,
anos repartiram conosco a vivência universitária.
o apoio foi fundamental para que essa cam-
MANUAL DE MENSAGENS  | 25

inhada de concretizasse. Pelo simples fato de 40. “Num abraço apertado, viemos a este encon-
estarem ao nosso lado, muito contribuíram para tro, para falar das alegrias que sentimos, dos
o nosso rendimento, pois seus sentimentos, sua problemas que tivemos, das vitórias alcançadas.
confiança e sua sinceridade nos fazem pessoas O tempo passou. As homenagens deste dia não
melhores, mais felizes, mais completas. A força são só nossas: estendem-se também àqueles que
que demonstraram ao suportar até mesmo nossa nos fazem sentir especiais, que estiveram sempre
ausência em alguns momentos faz-nos acreditar presentes com um sorriso amigo, ao nosso lado,
no amor, faz-nos acreditar em vocês e em nós compartilhando e alimentando nossos ideais;
mesmos. A vocês que souberam colaborar, mui- pessoas pelas quais carregamos profunda admi-
tas vezes apenas com um sorriso, um carinho e ração e respeito. Hoje paramos por um instante,
até com o silêncio para que este dia se tornasse fechamos os olhos e nos sentimos mais próxi-
realidade, nossa gratidão. Neste momento de mos e, o mais importante, constatamos, emocio-
grande alegria, dividimos com vocês os méritos nados, que nunca estivemos distantes. Obrigado
dessa longa e difícil jornada.” (Autor Descon- por tudo.” (Autor Desconhecido)
hecido)
41. “Nós só queríamos dizer que sabemos o quanto
37. “A você,s que sempre estiveram presentes, com- foi difícil conviver com tantas ausências, caras
preendendo minhas ausências, compartilhando feias, esperas, carinhos interrompidos, frus-
minhas ideias e incentivando-me a prosseguir trações pelas adiadas expressões de amor. Dizer
com um sorriso, com uma palavra de carinho... ainda como foi importante compartilhar com
Perdoem a cara amarrada, a falta de tempo, de vocês nossa conquista, deslumbramentos,
espaço, de abraço – os dias eram assim. Agora alegrias, excitações e expectativas para nossos
finalmente cheguei lá. Hoje é dia de festa... Tan- projetos de vida... Nosso crescer. Nós queríamos
tas congratulações e abraços e ao meu lado você, ainda, acima de tudo, falar do quanto é gostoso
como no começo de tudo, sempre a me apoiar. E sentir todo esse afeto, e que com ele foi possível
neste momento, eu sei que não basta agradecer, superar os tantos desencontros desses anos.”
porque mais do que tudo... EU AMO VOCÊ!” (Autor Desconhecido)
(Autor Desconhecido)
42. “A todos que, de algum modo, nos incentivaram
38. “A você que esteve comigo nos dias mais anôni- e acompanharam nessa jornada, nosso mais
mos, nas horas mais simples... As alegrias de sincero agradecimento. Freqüentemente, nosso
hoje também são suas.” (Autor Desconhecido) cansaço e preocupações foram sentidos e com-
partilhados por vocês. Tantas foram as vezes em
39. “Você pode comprar o tempo de um homem,
que nos distanciamos de vocês e nos apegamos
você pode comprar-lhe também certa atividade,
aos livros. Hoje somos diferentes. Mudamos,
mas não pode comprar entusiasmo, não pode
crescemos e chegamos lá. E vocês mais uma vez
comprar iniciativa, não pode comprar lealdade,
estão juntos de nós, como no começo de tudo.
nem devoção de espírito, de coração, de alma.
A alegria desta conquista também é de vocês.
Estas coisas você necessita conquistar! Muito
Obrigado.” (Autor Desconhecido)
obrigado a você que enriqueceu minha mente,
que encheu de amor e ternura o meu coração, 43. “A todos aqueles que estiveram conosco nos
que me animou, que sorriu para mim. Muito dias mais anônimos, nas horas mais simples e
obrigado a você, não importa quantos nomes mesmo assim contribuíram para a construção
você tenha.” (Autor Desconhecido)
26 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

desta data. A todos aqueles que não estão cono- noivas, namoradas e filhos, os frutos que ora
sco fisicamente, mas que levam a vida em outros colhemos, a vocês dedicamos como troca pelas
cantos ou que repousam em nossa saudade. A horas ausentes, pela compreensão, pelo beijo na
todos aqueles que, indistintamente, foram nosso despedida e o abraço no retorno, porque foram
caminho e descanso, nosso reconhecimento e vocês o bálsamo de amor para todas as feridas
amor.” (Autor Desconhecido) desta caminhada.” ( Josemar M. Lohn)
44. “Aqueles que contribuíram para o nosso êxito, 48. “Àqueles que encontramos no nosso caminho.
nossos pais, nossos mestres, parentes, a amizade Àquele que conosco constitui um sonho. Àquele
de nossos amigos e colegas, com a saudade dos que de mãos dadas ri, chora e consola. Ao nosso
que se foram... A todos abraçamos ao fim da outro, nosso amor.” (Autor Desconhecido)
jornada, com profundo sentimento de gratidão,
49. “Vós, que com vosso amor nos fizestes livres,
dedicando-lhes nossos eventuais méritos.” (Au-
que com vossa amizade nos fizestes fortes
tor Desconhecido)
e confiantes, que com vossa companhia nos
45. “A vocês, que compartilharam dos nossos fizestes felizes. Vós, que com vossas palavras nos
ideais e os alimentaram, incentivando-nos a fizestes refletir e buscar um ideal, sois o sopro
prosseguir a jornada. Compreenderam nossas que guia nossa mente, a energia que move nos-
ausências, momentos de ansiedade. O amor, sas mãos, o impulso que gera a nossa voz. Na
carinho, respeito que recebemos foi o que nos nossa conquista está a vossa presença.” (Autor
impulsionou para prosseguir. Para vocês - nossos Desconhecido)
amores - dedicamos nossa conquista.” (Autor
50. “Ai, então existirei para alguma coisa mais
Desconhecido)
elevada. Você também, assim, existirá e os dias
46. “Jamais trate o amor com leviandade. A verdade serão mais claros e as pessoas mais felizes,
é que a maior parte das pessoas jamais teve a porque nós existimos.” (Autor Desconhecido)
felicidade de amar alguém. Que dure somente
51. “Companheiros de todos os nossos momentos,
hoje e uma parte de amanhã, ou dure uma vida
na livre marcha dos dias; estimuladores supre-
inteira – é a coisa mais importante que pode
mos de nossas vontades, para a caminhada do
acontecer a um ser humano. Existirão sempre
amanhã: dividimos convosco o mérito desta
pessoas que dirão que ele não existe, porque não
conquista.” (Autor Desconhecido)
podem tê-lo. Mas eu lhe digo que é verdade que
você o possui e é um felizardo.” (Ernest Hem- 52. A todos que nos ajudaram a vencer os quatro
ingway) anos do curso. Deus, nossos pais, cônjuges,
mestres, filhos, irmãos, parentes e amigos. Da
47. “Somos gratos àqueles que sempre torceram
palavra, incentivo e compreensão de cada um,
por nós e nunca nos abandonaram; que, na
foi possível chegar até aqui. Agora abrimos
noite, quando protegeram nosso sono e, quando
nossos corações emocionados, para, de dentro
longe, sonhavam com nosso futuro. Aqueles
deles, extrair uma palavra tão comum, mas que é
que, com um simples sorriso conseguem der-
insubstituível: obrigado.” (Autor Desconhecido)
rubar toda nossa amargura e nos tornar cri-
anças novamente; aqueles que amamos e que 53. “Se hoje comemoramos uma conquista, esta se
nos amam recíproca e desinteressadamente. deve àqueles que estiveram ao nosso lado em
Gostaríamos de registrar que, queridas esposas, todos os momentos, que fizeram de nossos son-
MANUAL DE MENSAGENS  | 27

hos seus próprios objetivos e de nossos objetivos


sua própria luta. Queremos compartilhá-la com
vocês, pessoas tão especiais, que não pouparam
esforços para que o sorriso que hoje traze-
mos no rosto fosse possível. A vocês, que nos
ofereceram sempre o melhor que puderam nos
dar, através de seu olhar de apoio, de sua palavra
de incentivo, de seu gesto de compreensão, de
sua atitude de segurança, mesmo quando nos
veio o desânimo. Nos momentos importantes,
suportaram nossa ausência; nos dias de fracasso,
respeitaram nossos sentimentos e enxugaram
nossas lágrimas. Se hoje estamos aqui, é porque
vocês acreditaram em nosso sucesso e camin-
haram ao nosso lado. Recebam nosso muito
obrigado, repleto de amor e carinho.” (Autor
Desconhecido)
28 | 

Agradecimentos Aos Amigos


1. “Partimos hoje em busca do destino, cheios de 5. “Chegamos ao fim do curso. Longos anos
vida, certo de que triunfaremos. Então não nos de estudo e abnegação. Em meio aos transes
veremos mais todos os dias, talvez nem todos difíceis, fizemo-nos amigos, auxiliando-nos para
os anos. Mas certamente jamais nos esquecer- concluir a árdua jornada. Seja este sentimento
emos... Quantas vezes tu foste força, tu foste fraternal um marco indiscutível em nossas
paciência, tu foste acalanto. Hoje, eu gostaria vidas.” (Autor Desconhecido)
que vibrasses comigo, não porque eu venci, mas
6. “Olha, no teu jardim, as flores entreabertas e
porque juntos vencemos mais um desafio em
nunca as pétalas caídas. Observa, em teu camin-
nossas vidas.” (Autor Desconhecido)
ho, a distância vencida e nunca o que ainda falta
2. “Tivemos sonhos, muitos foram frustrados. palmilhar. Guarda em tuas mãos as flores que
Fizemos planos, muitos foram desfeitos. Vive- te ofertaram, esquece os espinhos que, talvez,
mos ilusões que se perderam, decepções e desu- fincaram. De teus lábios conserva as mensa-
niões. Mas vivemos também bons momentos, gens bondosas, esquece as maldições. Conta e
compartilhamos a mesma jornada; aprendemos mostra as medalhas das tuas vitórias, esquece
a lutar, a sobreviver, a crescer, a crer na superação as cicatrizes das derrotas. Olha de frente o sol
dos erros e acreditar nos valores humanos. E que existe em tua vida, esquece a sombra que te
hoje os nossos corações se preparam para viver fica atrás. A bondade é mais forte em nós e dura
a busca de cada ideal sonhado e, principal- mais do que o mal que nós mesmos praticamos.
mente, a realização do que mais se esperou. O Sê otimista, amigo, e não te esqueças de que é
fim de uma história que mal começou.” (Autor no fundo das noites sem luar que brilham muito
Desconhecido) mais nossas estrelas.” (Autor Desconhecido)
3. “Amigo é coisa para se guardar do lado esquerdo 7. “Gestos de apreço, de carinho, de conforto que
do peito, dentro do coração. Mesmo que o tem- recebemos, tantas e tantas vezes, nesta trajetória
po e a distância digam não, mesmo esquecendo de estudos, das pessoas amigas que a vida se en-
a canção. O que importa é ouvir a voz que vem carregou de deixar mais perto de nós, traduzem-
do coração. Pois seja o que vier, venha o que se na beleza e na emoção desta formatura.”
vier, qualquer dia, amigo, eu volto a te encontrar, (Autor Desconhecido)
qualquer dia, amigo, a gente vai se encontrar...”.
8. “O tempo e a distância jamais poderão apagar,
(Fernando Brant)
de nossos corações, a lembrança daqueles que
4. “Que bom, amigo, poder saber outra vez que souberam conquistar nossa amizade.” (Autor
estás comigo. Dizer com certeza outra vez a Desconhecido)
palavra amigo. Se bem que isso nunca deixou
9. “Não fique triste nas despedidas; uma despedida
de ser. Que bom, amigo, poder dizer teu nome a
é necessária antes de vocês poderem se encon-
toda hora, a toda gente. Sentir que tu sabes que
trar outra vez. E se encontrar de novo, depois de
estou para o que der e vier, contigo. Se bem que
momentos ou de vidas, é certo para os que são
isso nunca deixou de ser.” (Milton Nascimento)
amigos.” (Richard Bach)
MANUAL DE MENSAGENS  | 29

10. “De tudo ficam três coisas: a certeza de que 15. “Hoje, neste dia de festa, quando o coração
estamos começando, a certeza de que é preciso bater mais forte, saberemos que a tua presença
continuar, a certeza de que podemos ser inter- foi importante; saberemos também que o reen-
rompidos antes de continuar. Fazer da inter- contro será conseqüência natural se assim dese-
rupção um caminho novo, fazer da queda um jarmos. O tempo e a distância jamais poderão
passo de dança, do medo uma escada, do sonho apagar de nossos corações a lembrança daqueles
uma ponte, da procura, um encontro.” (Deng que souberam conquistar a nossa amizade.”
Ming-Dao) (Autor Desconhecido)
11. “Amigos, que no passado deixem um nome que 16. “Que belo é ter um amigo! Ontem éramos
se respeite, que no futuro venham a brilhar, e ideias contra ideias. Hoje é este fraterno abraço
que em cada dia do presente construam suas a afirmar que acima de ideias estão os homens.
histórias sem receio. É difícil chegar aonde Um sol tépido a iluminar a paisagem de paz
queremos, mas não desistam, continuem.” (Au- onde esse abraço se deu, forte e repousante. Que
tor Desconhecido) belo e natural é ter um amigo!” (Autor Descon-
hecido)
12. “Fica para trás o bate-papo nos corredores;
confissão, amores, dissabores; a criatividade dos 17. “Ninguém pode criar velhos companheiros.
gozadores. Fica para trás o sonho que se traz de Nada vale o tesouro de tantas recordações
estudar e de ser um bom rapaz. Fica para trás o comuns, de tantas horas vividas juntos, de tantos
medo da prova; estudar, senão reprova. Tensão impulsos afetivos. Só a convivência constrói
passou... vamos comemorar! Fica para trás o essas amizades. Seria inútil plantar um carvalho
bate-bola; não vale cola, vale a cervejinha, a pi- na esperança de ter, em breve, o abrigo de suas
adinha. Haja coração! Fica para trás um tempo folhas.” (Autor Desconhecido)
muito bom!” (Autor Desconhecido)
18. “Quem ainda lembra do sorriso tímido do
13. “Chegamos ao final de nossa caminhada. Du- início? Meros conhecidos que passariam anos
rante os longos anos de convívio, tornamo-nos juntos, conhecendo-se, tornando-se colegas e
amigos, enfrentamos juntos cada obstáculo do amigos. Pois é, o tempo voou. Vivemos uns a
caminho. Compartilhamos o nervosismo das vida dos outros sem perceber. Aprendemos a
vésperas das provas, trocamos olhares tensos nos conhecer, interpretar e compreender. Agora,
na tentativa desesperada de encontrar uma no final da reta, mais um aprendizado: a despe-
solução para as dificuldades. Lamentamos os dida. Não definitivamente, mas nada mais será
erros cometidos, mas vibramos intensamente tão intenso. Então... até logo, até já, até breve,
com cada vitória. Agora, seguiremos caminhos até qualquer dia...”. (Autor Desconhecido)
diferentes em busca de nossas conquistas. No
19. “Os verdadeiros amigos são aqueles que en-
entanto, estamos certos de que esta partida
tendem os nossos pensamentos e sentimentos,
jamais será um adeus, mas um até breve.” (Autor
mesmo quando não os expressamos através de
Desconhecido)
palavras. São aqueles cuja companhia é su-
14. “A glória da amizade não é a mão estendida, ficiente para que se estabeleça logo um per-
nem o sorriso carinhoso, nem mesmo a delícia feito entrosamento de almas. São aqueles que
da companhia. É a inspiração espiritual que vem aumentam a nossa capacidade, unindo a sua à
quando você descobre que alguém acredita e nossa, e possibilitando-nos realizar coisas que
confia em você.” (Ralph Waldo Emerson)
30 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

nós próprios julgamos impossíveis de realizar.” 23. “Amigos do acaso: por acaso nos encontramos
(Autor Desconhecido) e tornamo-nos amigos. Foi bom e gratificante
termos participado, juntos, de todos os mo-
20. “Quando a noite tiver chegado e a terra estiver
mentos de alegrias e de descobrimentos. Quem
escura e a lua for a única luz que vemos, não, eu
busca amizade sente a dor da saudade que nasce
não terei medo. Não, eu não terei medo enquan-
da lembrança de um passado feliz. Lembrar
to você estiver ao meu lado. Se o céu que vemos
sempre, esquecer jamais.” (Autor Desconhecido)
lá em cima desabar e cair, ou as montanhas
desmoronarem para o mar, eu não chorarei, eu 24. “Que a distância não disperse nossas ideias, mas
não chorarei. Não, eu não derramarei uma lá- as defina, expandindo-as em prol da transfor-
grima, desde que você esteja ao meu lado.” (Bem mação social. O incrível de tudo é que uma
E. King / John Lennon – Stand By Me) parte de nós fica, a outra vai, não nos dividindo,
mas nos reproduzindo. Cada uma vai com
21. “Que não tenha o tom solene da despedida
todas e todas ficam com uma. Isso é, realmente,
nem a ilusão de um recomeço... Os incontáveis
um acréscimo mútuo. Trocamos ideias e nos
momentos como a vida, de alegria e sofrimento.
propusemos edificar um mundo melhor. E, as-
Ao lado, um abraço, um tropeço, um sorriso,
sim, passaram-se quatro anos. Tivemos son-
outro dia uma piada; eis que encontro um
hos, muitos foram frustrados; fizemos planos,
amigo. Agora, corações disparados, mentes em
muitos foram desfeitos; vivemos ilusões que se
turbilhão, alma encharcada e olhos... olhos que
perderam, decepções e desuniões. Mas vivemos
se encontram e se fecham para cerrar a primeira
também bons momentos, compartilhamos a
lágrima que marca a face e encontra lábios,
mesma jornada; aprendemos a lutar, a sobre-
para então comemorar o gosto doce do sabor
viver, a crescer, a crer na superação dos erros e
do dever cumprido. Não voltaremos para casa
acreditar nos valores humanos... Hoje, nossos
sozinhos.” (Autor Desconhecido)
corações se preparam para viver a busca de cada
22. “O que há tantos anos parecia distante, hoje, é ideal sonhado e, principalmente, a realização do
presente. As noites a fio que juntos observamos que mais se esperou: o fim de uma história que
passar e que pareciam infindáveis, agora, somam mal começou.” (Autor Desconhecido)
o calendário do passado. E que sabor terão as
25. “No início, eram apenas alguns rostos con-
noites do futuro? Sem dúvida, terão o incon-
hecidos no meio da multidão. À medida que
fundível gosto da saudade. Saudade do já vivido,
conviviam, trocavam palavras sinceras e ideias
do amigo ausente, das palavras que, aos poucos,
comuns. E, quanto mais se conheciam, mais
vão querendo virar lágrimas. Mas a despedida
sentiam alegria na prosperidade mútua, auxílio
muda de tom quando a certeza do reencontro
no momento difícil, conforto no ombro amigo.
permanece tão viva: quando se percebe que
E, então, perceberam que já eram mais que ami-
sentir é muito mais honesto do que se dizer que
gos – já eram irmãos.” (Autor Desconhecido)
sente; quando se acredita que adeus existe so-
mente para os que querem dizer adeus; quando 26. “No início éramos apenas alguns nomes alin-
se vê que, nem sempre, estar junto é estar perto. hados na lista. Mas depois eles foram se unindo
Fica tudo mais simples e puro. É muito mais por fortes laços de amizade e de objetivos
fácil acreditar que ninguém se vai ou, então, que comuns. Tantos risos, tantos momentos, talvez
vamos todos juntos.” (Autor Desconhecido) algumas discórdias, porém, tanta solidariedade.
MANUAL DE MENSAGENS  | 31

O laço que nos une não é de sangue, mas de novos profissionais. Que esse até breve jamais se
respeito e alegria pela vitória de cada um. O transforme num adeus.” (Autor Desconhecido)
mundo é tão grande, mas descobrimos que a
31. “Há pessoas estrelas e há pessoas cometas. Os
separação é pequena, pois longe é um lugar que
cometas passam, apenas são lembrados pelas
não existe para as amizades que cultivamos.”
datas que passam e retornam. As estrelas per-
(Autor Desconhecido)
manecem. O Sol permanece. Passam os anos,
27. “Quantas horas estivemos lado a lado! Quantas e as estrelas permanecem. O importante é ser
alegrias e sofrimentos compartilhados! Sonhos estrela. Permanecer. Marcar presença. Ser luz.
desfeitos, ideais construídos... Muitas lutas Ser calor. Ser vida. Amigo é estrela. Podem pas-
empreendemos juntos, muitas nos aguardam. sar anos, podem surgir distâncias, mas a marca
Agora de nós há de ficar uma enorme saudade. fica no coração. Há necessidade de se criar um
Foi muito importante ter você por perto. A você, mundo de estrelas e todos os dias contar com
que por um motivo nos deixou, o nosso abraço elas. Todos os dias ver a luz e sentir o seu calor.
e a expectativa de um reencontro marcante. Assim são os amigos, estrelas na vida da gente
Meu pedido de desculpa a você quando não o – pode-se contar com eles. Eles são presença.
compreendi, e o meu perdão quando não soube São coragem nos momentos de tensão. Luz nos
me compreender. A você que fica, um recado: momentos de escuridão. Segurança nos mo-
Coloque amor em todo o seu caminho, e lute! mentos de desânimo. Ser estrela neste mundo
Vale a pena.” (Autor Desconhecido) passageiro, nesse mundo repleto de pessoas
cometas é um desafio, mas acima de tudo uma
28. “A todos os colegas, que compartilharam
recompensa. É nascer e ter vivido, e não apenas
conosco os anos de estudos e expectativas no
ter existido.” (Autor Desconhecido)
cotidiano da vida escolar, sabendo cultivar uma
amizade que o tempo amadureceu, os nossos 32. “E chegou a hora de partir... Agora, cada um
sinceros agradecimentos.” (Autor Desconhe- de nós seguirá o seu caminho e a separação
cido) tornar-se-á inevitável. Ficarão na memória de
cada um momentos que passamos juntos, e bons
29. “Vivemos tantas lutas juntos, e delas carregamos
momentos principalmente. Por muito tempo,
a marca da experiência. Que tudo que apren-
ouviremos ainda o eco de nossos risos. Cada um
demos seja luz para nossos caminhos. Que a
seguirá sua trilha, com a lembrança do que so-
amizade forjada nos bancos acadêmicos seja
mos e a esperança de sermos mais, de podermos
maior que as distâncias que agora nos separam.”
mostrar que valeram a pena estes anos de luta e
(Autor Desconhecido)
de sonho.” (Autor Desconhecido)
30. “A nossa amizade àqueles que nos quiseram
33. “As coisas mais vividas existem dentro de um
bem e nos apoiaram nos bons e nos maus
espaço pequeno, porque nele a intensidade é
momentos. O nosso perdão àqueles que, por
maior. É infinita. Na maioria das vezes, tudo
motivos alheios a nossa vontade, não nos com-
se fecha no fim. Naturalmente, tudo recomeça.
preenderam, nem se fizeram compreender. A
Porém, levando o sentimento em consideração,
nossa saudade e esperança de um reencontro aos
tudo fica, indubitavelmente, insubstituível pelo
que, por vários motivos, nos deixaram, seguindo
prazer da saudade e pela conquista de uma ami-
outros caminhos. E os nossos carinhos aos que
zade que fica.” (Autor Desconhecido)
ficam, prosseguindo a luta diária da formação de
32 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

34. “Foi-se o tempo apressado, as noites mal dor- 38. “Amigo é aquela pessoa que o tempo não apaga,
midas e até pequenas desavenças que surgiram que a distância não esquece, que a maldade não
em função de um objetivo comum. Mas valeu destrói. É um sentimento que vem de longe, que
o esforço pelos bons momentos que passamos ganha lugar no seu coração e você não substitui
juntos. Talvez eu tenha falhado, nem sempre por nada. É alguém que você sente presente,
pude ser o que esperavam. Mas, com certeza, mesmo quando está longe. Que vem para o seu
tentei ser o melhor. Para aqueles que não me lado quando você está sozinho, e nunca nega
entenderam, eu sinto não lhes ter correspon- um sentimento sincero. Ser amigo não é coisa
dido. Para aqueles que me apoiaram e foram de um dia. São gestos, palavras e atitudes que se
amigos, um lugar especial fica reservado. Mas solidificam no tempo e não se apagam jamais”.
para todos: que a despedida não seja um adeus. (Autor Desconhecido)
Com certeza ficará a saudade de cada momento
39. “Há coisas que, mesmo de dias, meses, anos,
que estivemos juntos.” (Autor Desconhecido)
jamais esqueceremos. Vocês são uma delas.
35. “Chegaria mesmo um dia em que seria preciso E quando lembrarmos de vocês, certamente
acabar, em que cada um seguiria seu caminho. sentiremos saudades.” (Autor Desconhecido)
E estava escrito que, neste dia, a separação nos
40. “Vocês, que surgem na nossa vida, na hora
faria sorrir e chorar ao mesmo tempo. Que será
em que mais precisamos de alguém, que nos
se, de tantas gargalhadas, de tantas conversas e
criticam, mas que também nos defendem, que
de todas as festas compartilhadas nestes anos,
vibram com nossos sucessos e nos consolam
ficar a certeza de que quando se fizer necessário,
quando fracassamos. Vocês que souberam
haverá uma voz do outro lado da linha? Não
escutar, compreender, que foram fiéis e aten-
só para retomar a alegria de quando éramos
ciosos, que estão sempre dispostos a ajudar, que
estudantes e sonhadores, apesar do tempo e
permanecem do nosso lado mesmo quando
dos possíveis tropeços, mas também para ser
estamos errados... A vocês, a nossa eterna
fiel. Valerá a pena ver que o brilho no olhar
gratidão.” (Adair Alexandre Pimentel)
permaneceu intacto, e que os caminhos, mesmo
diferentes, podem voltar a se cruzar. Até lá.” 41. “A perfeita amizade é a que subsiste entre aque-
(Autor Desconhecido) les que são bons e cuja similaridade consiste na
bondade; pois estes desejam o bem do outro de
36. “As melhores amizades, as mais duradouras, as
maneira semelhante, à medida que são bons; e
que se tornam eternas, são as que não foram
são especialmente amigos aqueles que desejam o
jamais consolidadas. São sonhos que ficaram em
bem a seus amigos por si mesmos, porque assim
sonhos, ou melhor, os sonhos que não foram in-
se sentem em relação a eles, e não por uma mera
tegralmente sonhados.” (Humberto de Campos)
questão de circunstância. Assim, a amizade
37. “A você, que sempre esteve conosco nos mo- entre esses homens permanece enquanto eles
mentos difíceis desta caminhada, quando os são bons, e a bondade traz em si um princípio
obstáculos advindos pareciam instransponíveis, de permanência.” (Autor Desconhecido)
hoje agradecemos. Você sempre torceu por nós.”
42. “Durante estes anos, por diversas vezes chega-
(Autor Desconhecido)
mos a nos sentir derrotados, aniquilados e com
medo do desconhecido. Porém, de onde menos
se esperava, brotava uma palavra amiga, a mão
MANUAL DE MENSAGENS  | 33

estendida, o sorriso franco, contribuindo de 47. “Cada um que passa em nossa vida passa soz-
forma especial para a nossa graduação, vibrando inho, pois cada pessoa é única e nenhuma sub-
com o nosso sucesso, recordando os nossos stitui a outra. Cada um que passa em nossa vida
momentos de peripécias estudantis. Isso tudo passa sozinho, mas não vai só, nem nos deixa só,
nos ajudou a sentir o quão importante é ter um leva um pouco de nós mesmos, deixa um pouco
amigo.” (Autor Desconhecido) de si mesmo. Há os que levaram muito, mas não
há os que não deixaram nada. Esta é a maior re-
43. “A amizade não se força, não se compra e não
sponsabilidade de nossa vida e a prova evidente
se vende. A amizade acontece, lentamente, em
de que duas almas não se encontram por acaso”.
silêncio, devagar.” (Autor Desconhecido)
(Saint Exupéry)
44. “São idênticas as nossas missões; são diversas
48. “Como num passe de mágica os anos se pas-
as nossas sendas. Que esta casa nos guie nos
saram. Iniciamos cheios de esperança e ideais.
meandros de nossa jornada, até nos perdermos
Não podíamos imaginar que tão logo chegaria
ao longe, na orla insondável do horizonte, onde
o momento em que seria preciso terminar e que
termina a vida e a eternidade principia.” (Autor
cada um seguiria o seu caminho. Mas todos
Desconhecido)
sabíamos que, neste momento, a separação nos
45. “Ao colega, ao companheiro, ao amigo que se fez faria rir e chorar ao mesmo tempo. Ficariam
presente. As coisas mais vividas existem dentro para trás as dificuldades, o bate-papo nos
de um espaço pequeno, porque nele a inten- corredores, a correria para conseguir os famosos
sidade é maior. É infinita. Nossa luta, nossa von- resumos. Que bom será se, de tantas gargal-
tade, nossas fraquezas e a lembrança de todos hadas, tantas conversas e de todas as cervejas
os momentos, são partilhados com emoção no compartilhadas, ficar a certeza de que, quando
decorrer do curso.” (Autor Desconhecido) quisermos, voltaremos a nos falar. Não só para
retomar a euforia do tempo de estudantes, mas
46. “Nossos caminhos se cruzaram diante de um
para sentir que a alegria e o sonho resistiram,
ideal comum. Partilhamos cada descoberta, de-
apesar do tempo e dos possíveis tropeços. Aos
safio e conquista. Dividimos medos, incertezas e
nossos queridos colegas jamais caberia um
inseguranças. Mas somamos entusiasmos, forças
adeus, mas sempre um sincero até breve...”. (Au-
e alegrias. Sua presença tornou mais amena
tor Desconhecido)
nossa jornada. Ao seu lado, as intermináveis
horas de estudo, as noites não dormidas e os 49. “Parece que foi ontem... Chegamos aqui pouco
dias de extremo cansaço foram mais felizes. mais que adolescentes e hoje saímos adultos.
Hoje temos um pouco do outro em cada um de Na entrada tínhamos estampada no rosto a
nós. Sua amizade me torna mais forte e embala expectativa daquilo que estava por vir, o frio na
meus planos futuros. Obrigado, amigo, por tor- barriga, a esperança nos olhos... Houve gente
nar inesquecível nossa formação, por tornar tão que chegou para ficar. Alguns vieram só para
agradável nossa escolha: abnegação, dedicação, olhar, outros somente para crescer e hoje estão
entrega. Obrigado por tornar doce e fascinante partindo. Há gente que hoje sorri e outros que
o aprendizado da VIDA.” (Autor Desconhe- choram.” (Autor Desconhecido)
cido)
34 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

50. “Agora, a expectativa transformou-se em


lembrança de maus e bons momentos. Hoje, o
frio na barriga virou nó na garganta, contendo
emoções. Antes foi a espera pelo término, agora
é a realidade à nossa frente. Explodem gritos e
abraços, explode a emoção contida. Das faces
vermelhas de choro escorrem lágrimas já de
saudades. Desatando o nó da garganta, reações
diversas, de todos nós, demonstram a mais
sublime sensação do dever cumprido.” (Autor
Desconhecido)
51. “Nossos caminhos se cruzaram diante de um
ideal comum. Partilhamos cada descoberta,
desafio e conquista. Dividimos medo, incertezas
e inseguranças, mas somamos entusiasmo, forças
e alegrias. Sua presença tornou mais amena
nossa jornada. Hoje, temos um pouco do outro
em cada um de nós. Sua amizade me torna mais
forte e embala meus planos futuros. Obrigado,
amigo, por tornar inesquecível nossa formação;
por tornar tão agradável nossa escolha: abne-
gação, dedicação, entrega. Obrigado por tornar
doce e fascinante o aprendizado da vida. As
saudades são inevitáveis, um pra cá, outro pra
lá. E assim vamos nos separando. Mas não pre-
cisamos perder contato só por isso, podemos nos
reunir de vez em quando para não deixarmos
que essa aventura se transforme só em lem-
brança. Fomos mais que colegas, talvez mais que
amigos. Fomos parceiros. A gente se vê!” (Autor
Desconhecido)
52. “No início, apenas estávamos por um objetivo
comum. Recuados, desconfiados, aos poucos a
convivência foi nos aproximando e nos en-
cantando. Sempre colegas, soubemos conviver e
respeitar-nos. Lutamos, sobrevivemos, cresce-
mos – sobretudo como seres humanos. E, por
tudo, a saudade há de ficar.”
MANUAL DE MENSAGENS  | 35

Agradecimentos Aos Mestres


1. “Criar é abrir possibilidades e ampliar con- 8. “Àqueles que acreditaram em nosso potencial,
sciências, é levantar projetos, é sugerir soluções, confiaram em nossa capacidade, nos transmiti-
é construir o pequeno trecho que faltava ao ram valorosos conhecimentos em nosso proc-
caminho. Nossos agradecimentos sinceros pela esso de formação profissional e pessoal, nossa
sua contribuição para alcançarmos nosso ideal.” gratidão e reconhecimento.” (Autor Desconhe-
(Autor Desconhecido) cido)
2. “A vós, mestres, nossos segundos pais na senda 9. “Convivemos com vocês por no mínimo seis
do aprender e da ciência, nossa homenagem e meses. Com vocês aprendemos, rimos, discu-
nossa gratidão.” (Autor Desconhecido) timos, trocamos experiências, brigamos. Vocês,
muitas vezes, nos fizeram perguntar: “Eles
3. “Nossa homenagem e nossa gratidão a todos
acham que nós só temos esta disciplina para
aqueles que, pela dedicação, pela amizade, pela
fazer?” Foram muitas provas, trabalhos, relatóri-
abnegação ou pelo simples convívio ao longo
os, seminários. Foram horas na biblioteca,
desses anos, a nós se ligaram pelo vínculo da
noites estudando. Muitas vezes “choramos” por
experiência comum.” (Autor Desconhecido)
adiamento nas entregas dos trabalhos, por trans-
4. “O trabalho de formação do ser humano é ferência no dia das provas, por alguns pontinhos
árduo e exige dedicação, abnegação e experiên- que nos livrassem das temidas e odiadas provas
cia. Agradecemos àqueles que compartilharam finais. Divertimo-nos. Aprendemos. Dividimos
conosco seus conhecimentos e nos auxiliaram uma história. Pudemos nos conhecer, e mais que
na busca da realização plena de nossos ideais educadores, vocês se tornaram nossos amigos.
profissionais e humanos.” (Autor Desconhecido) O esforço de vocês, exigindo nossa dedicação,
além de nos tornar aptos para nossa profissão,
5. “Venham até a borda, ele disse. Eles disseram:
nos permitiu identificar o que de melhor existe
Nós temos medo. Venham até a borda, ele
dentro de nós: o caráter. Obrigado!” (Autor
insistiu. Eles foram. Ele os empurrou... e eles
Desconhecido)
voaram.” (Guillaume Apollinaire)
10. “Em cada professor, um mestre. Em cada mes-
6. “Ousar é perder o equilíbrio momentaneamente.
tre, um universo. Talvez, saber ensinar seja mais
Não ousar é perder-se.” (Soren Kierkegaard)
difícil que conseguir aprender. Obrigado, mestre,
7. “Ensinar é crer e acreditar que se pode con- por sua sabedoria.” (Autor Desconhecido)
tribuir para a formação de caráter; é compar-
11. “O mestre que caminha à sombra do templo,
tilhar suas próprias experiências. Aos nossos
rodeado de discípulos, não dá de sua sabedoria,
mestres, pelas lições de saber, pela orientação
mas de sua fé e sua ternura. Se ele for verdadei-
constante, pela dedicação e renúncias pessoais,
ramente sábio não vos convidará a entrar na sua
por repartirem suas experiências de vida e nos
mansão do saber; antes, vos conduzirá ao limiar
auxiliarem a trilharmos este caminho, manifes-
de vossa própria mente. Àqueles que dedicaram
tamos nosso reconhecimento e estima.” (Autor
Desconhecido)
36 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

seu tempo e sua experiência para que nossa for- dignidade pessoal e, sobretudo, de amor. Nosso
mação fosse também um aprendizado de vida, carinho e gratidão aos mestres que souberam,
nosso carinho e nossa homenagem.” (Autor além de transmitir-nos sua experiência, apoiar-
Desconhecido) nos em nossas dificuldades, medos e inseg-
uranças”. (Autor Desconhecido)
12. “A inteligência e a cultura têm duas tarefas
distintas: a primeira, dar segurança e ânimo às 19. “Aprender é descobrir que você já sabe. Fazer é
pessoas, consolá-las e atribuir um sentido ao seu demonstrar que você o sabe. Ensinar é lembrar
amor; a segunda, mais misteriosa e não menos aos outros que eles sabem tanto quanto você.
importante, consiste em possibilitar-lhes o Vocês são todos aprendizes, fazedores, profes-
desabrochamento pleno. Dedicamos o resultado sores.” (Richard Bach)
de um esforço comum aos mestres que reparti-
20. “Nossa gratidão a vocês, que repartiram conosco
ram conosco os seus conhecimentos, transfor-
seus conhecimentos, colocando em nossas mãos
mando os nossos ideais em realizações.” (Autor
as ferramentas com as quais abriremos novos
Desconhecido)
horizontes, rumo à satisfação plena de nossos
13. “A vós, mestres, nosso reconhecimento pela ideais profissionais e humanos.” (Autor Descon-
dedicação, amizade e conhecimentos que hecido)
nos legastes, preparando-nos para o cumpri-
21. “Todos são homens, alguns são professores,
mento da elevada missão de bem servir.” (Autor
mas poucos são mestres. Aos primeiros, deve-
Desconhecido)
se escutar; aos segundos, deve-se respeitar; aos
14. “Sábio é o profissional que lutou por um princí- últimos, deve-se seguir. Àqueles que dedicaram
pio, que admitiu suas falhas e delas tirou suas seu tempo e sua experiência para que nossa for-
verdades.” (Autor Desconhecido) mação fosse também um aprendizado de vida,
nosso carinho, nossa homenagem, nosso afeto
15. “É fundamental diminuir a distância entre o que
e profunda gratidão. Àqueles que se limitaram
se diz e o que se faz, de tal maneira que, num
a ser, apenas, professores, nosso agradecimento.
dado momento, a tua fala seja a tua prática.”
Àqueles que não foram mestres, nem profes-
(Autor Desconhecido)
sores, nem amigos, mas que passaram por nossas
16. “Na cadeia da vida todos os elos são igualmente vidas, nossa compreensão e nosso respeito.”
valiosos, porque todos são igualmente necessári- (Autor Desconhecido)
os.” (Van Dongen)
22. “Aos mestres, que nos encorajaram para en-
17. “O tempo e o lugar não nos separam, pois vocês frentar o desafio da vida, levando-nos a crer no
deixaram um pouco de si e levaram um pouco potencial da pessoa humana, fundamentando a
de nós.” (Autor Desconhecido) esperança de podermos partilhar de uma nova
sociedade, sem medo e sem vínculos com os
18. “Ser mestre não é apenas lecionar. Ensinar não
erros do passado, expressamos, aqui, nosso agra-
é apenas transmitir matéria. Ser mestre é ser
decimento.” (Autor Desconhecido)
humano e amigo, guia e companheiro. É cam-
inhar com o aluno passo a passo. É transmitir a 23. “Aos nossos mestres, que por sua presença mar-
este os segredos da caminhada. Ser mestre é ser caram nossa vida e, em um simples gesto, até
exemplo – exemplo de dedicação, de doação, de mesmo num olhar, transmitiram-nos sabedoria;
MANUAL DE MENSAGENS  | 37

aos que gravaram em nós, indelevelmente, o levas a superar as suas dificuldades, limitações
sentimento solidário, a justiça, o conhecimento ou fracassos, sem humilhações, sem inúteis frus-
da ciência e da arte de sermos médicos, por trações; se os estimulas a emitir opiniões, mes-
tudo o que nos ajudaram a ser, pela imensa mo contrárias às tuas; se os levas a refletir mais
alegria deste dia, a vocês, o nosso simples mas do que decorar; se te emocionas com a visão de
eterno obrigado. Agradecer é admitir que houve tantas criaturas que de ti dependem para desa-
um minuto em que se precisou de alguém; é brocharem em consciência, em criatividade, em
reconhecer que jamais se poderia pretender ser liberdade e responsabilidade, então podes dizer:
autossuficiente.” (Autor Desconhecido) SOU MESTRE.” (Autor Desconhecido)
24. “O importante não é estar aqui ou ali, mas ser. 29. “Quando a dúvida sombrear as atitudes ou a
E ser é uma ciência delicada, feita de pequenas e insegurança se refletir nos olhos daqueles que
grandes observações do cotidiano, dentro e fora encontramos a nossa espera; quando a certeza
da gente. Se não executamos estas observações, do compromisso assumido iluminar o quadro-
não chegamos a ser: apenas estamos e desapa- negro das salas que habitamos ou a saudade
recemos.” (Carlos Drummond de Andrade) sugerir entre os textos explorados, nós nos
encontraremos na memória.” (Autor Desconhe-
25. “Obrigado pelas receitas ensinadas e os temper-
cido)
os acrescentados no preparo do nosso nutritivo
alimento: a profissão. E pelas pitadas pessoais de 30. “Os verdadeiros professores, que impression-
amizade, de conflito, de confiança, de dedicação aram nossas vidas, não foram necessariamente
e de incentivo. Agora, podemos escolher e sabe- os que sabiam mais, mas aqueles que deram o
mos onde encontrar os melhores ingredientes máximo de si, que nos olharam frente a frente,
para os nossos cardápios de sucesso, mantendo com humanismo. Não há modo de ensinar mais
sempre acesa a chama da inovação e do amor ao forte e suave do que o próprio exemplo. O nosso
próximo.” (Autor Desconhecido) agradecimento sincero aos professores amigos,
aos somente professores e aqueles que, com seus
26. “A vós, mestres, a nossa imorredoura e mais sin-
problemas e dores humanas, também passaram
cera gratidão pelo desprendimento e empenho
por nós.” (Autor Desconhecido)
com que vos lançastes à luta da nobre missão de
ensino, estendendo-nos a mão nas horas de dúv- 31. “O trabalho de lapidação do ser humano é
ida, nos momentos difíceis e apoiando-nos em árduo e exige dedicação, abnegação e experiên-
nossas decisões. Nosso júbilo e nossa gratidão cia. Agradecemos àqueles que compartilharam
hão de compensar o que o verbo silencia.” (Au- conosco seus conhecimentos e nos auxiliaram
tor Desconhecido) na busca da realização plena de nossos ideais
profissionais e humanos.” (Autor Desconhecido)
27. “Além dos ensinamentos que vocês nos trans-
mitiram, a responsabilidade, o companheirismo 32. “Não existe alguém que nunca teve um pro-
e a amizade foram os pontos marcantes de nossa fessor na vida, assim como não há ninguém
admiração. Muito obrigado por tudo.” (Autor que nunca tenha tido um aluno. Se existem
Desconhecido) analfabetos, provavelmente não é por vontade
dos professores. Se existem letrados, é porque
28. “Se és capaz de aceitar teus alunos como são em
um dia tiveram seus professores. Se existem
sua realidade social, humana e cultural; se os
prêmios Nobel, é porque alunos superaram seus
38 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

professores. Se existem grandes sábios, é porque 39. “Sábios os que entendem que melhor do que
transcenderam suas funções de professores. fazer alguma coisa para as pessoas é fazer algo
Quanto mais se aprende, mais se quer ensinar. junto com elas.” (Autor Desconhecido)
Quanto mais se ensina, mais se quer aprender.”
40. “A você, que nos transmitiu seus conhecimentos,
(IçamiTiba)
experiências profissionais e de vida com toda
33. “Mais do que conhecimento, o que faz o dedicação e carinho, nosso reconhecimento. A
verdadeiro mestre é a dedicação. Aos que, pos- você, que nos guiou para além das teorias, das
suindo a sabedoria, a transmitiram com amor: o filosofias e das técnicas, expressamos os nos-
nosso preito de imorredoura gratidão. Aos que sos maiores agradecimentos e respeito.” (Autor
souberam suprir as limitações, doando-se por Desconhecido)
inteiro: o nosso perene reconhecimento. Aos
41. “Algumas pessoas sonham com a realização de
que simplesmente nos passaram conhecimentos:
méritos, enquanto outras estão acordadas e o
muito obrigado. E aos que, carecendo de luzes,
fazem.” (Autor Desconhecido)
foram também incapazes de se doar, que não
sejam julgados, mas compreendidos.” (Autor 42. “Aos mestres, pelas lições de saber, pela orien-
Desconhecido) tação constante, pela dedicação e pelas renún-
cias pessoais, por repartirem suas experiências
34. “Mestre não é só quem ensina, mas quem de
de vida e auxiliarem a trilharmos este caminho,
repente aprende.” (Guimarães Rosa)
manifestamos nosso conhecimento e estima.”
35. “O professor torna-se uma pequena lembrança. (Autor Desconhecido)
E você, mestre, será um exemplo a ser seguido.”
43. “Educadores, onde estarão? Em que covas terão
(Autor Desconhecido)
se escondido? Professores, há aos milhares, mas
36. “A posse do saber não é nada se antes não vier professores é profissão, não é algo que se define
compreensão, humildade e vontade de se dar por dentro, por amor. Educador, ao contrário,
carinhosamente. A você, nosso reconhecimento não é profissão: é vocação. E toda vocação nasce
por tudo de bom que recebemos.” (Autor de um grande amor, de uma grande esperança.
Desconhecido) Agradecemos a vocês, que além de nos trans-
mitirem os seus conhecimentos, nos deram tam-
37. “Pode-se viver no mundo uma vida magnífica,
bém o apoio de amigo nas horas mais difíceis de
quando se sabe trabalhar e amar. Trabalhar
nossa jornada.” (Autor Desconhecido)
pelo que se ama e amar aquilo que se trabalha,
porque o segredo da felicidade é fazer do seu 44. “Nós tínhamos um barco, um leme, dois remos.
dever o seu prazer.” (Autor Desconhecido) E tínhamos um sol, um céu, um mar. Um hori-
zonte no qual precisávamos encontrar sonhos,
38. “Vocês plantaram em nós a semente do saber.
esperanças, maravilhas. Mas não sabíamos re-
Muitas vezes, essas sementes são varridas pelo
mar. E vocês vieram. Mostraram-nos a força que
vento, mas outras germinam e brotam no solo,
tínhamos nos braços e como era fácil navegar.
transformando-se em belos frutos. Portanto, a
Partimos. Veio chuva, sol, vento, brisa – e nós
vocês, nosso eterno agradecimento pela semente
fomos seguindo. Um dia choverá muito forte e
plantada em nós.” (Autor Desconhecido)
o barco insistirá em nos jogar nas águas. Vocês
não estarão por perto, e ainda que nademos
MANUAL DE MENSAGENS  | 39

com dificuldades, lembraremos de vocês e com 51. “A imutabilidade de que se reveste a natureza
certeza sobreviveremos.” (Autor Desconhecido) humana faz o homem sempre presente. Pre-
sente pela cultura que transmitiu. Presente pela
45. “A convivência nos tornou amigos, e embora
amizade que conquistou. Presente pelo exemplo
houvesse divergências, levaremos saudades. Foi
que legou. Sempre presente porque o homem
através da tua ajuda que chegamos a este degrau,
foi educador.” (Autor Desconhecido)
e é seguindo os teus conselhos que chegaremos
à realização dos nossos sonhos. Aprendemos a 52. “Os que tiverem ensinado a muitos o caminho
te respeitar, a confiar em ti e hoje te admiramos da justiça, brilharão como estrelas, por toda a
ainda mais como profissional e como pessoa. As eternidade.” (Autor Desconhecido)
vezes em que nos sentimos derrotados, ofer-
53. “Queremos agradecer por tudo o que recebemos
eceste-nos segurança. Pelo incentivo nas horas
nestes anos de aprendizado, oferecendo-lhes a
de desânimo, por chegarmos até aqui, muito
alegria de nossa vitória.” (Autor Desconhecido)
obrigado.” (Autor Desconhecido)
54. “Neste momento de grande alegria para nós,
46. “Deste dia, somente restarão recordações dis-
reconhecemos a sua valiosa influência em nossa
tantes, mas em nossas memórias, no dia-a-dia,
formação.” (Autor Desconhecido)
em cada etapa que nossa carreira nos proporcio-
nar, lembraremos de seus ensinamentos. Cada 55. “Pela sua contribuição, que nos auxiliou a
palavra que um dia nos foi dita será o estímulo alcançar nosso ideal, nossos sinceros agradeci-
para nossa vitória.” (Autor Desconhecido) mentos.” (Autor Desconhecido)
47. “Ensinar é lembrar ao outro que ele sabe tanto 56. “A convivência nos tornou amigos, e na partida
quanto você.” (Richard Bach) levaremos saudades. Este é o agradecimento
por todo o conhecimento que nos foi oferecido
48. “Um mestre funciona como um agente catal-
durante a nossa caminhada.” (Autor Desconhe-
isador, cuja simples presença estimula. Ele não
cido)
pode entregar a você aquilo que conhece, mas
pode criar certo campo de energia no qual as 57. “A você, que nos ajudou a iniciar o nosso cam-
suas sementes são encorajadas, em que você inho profissional, o nosso muito obrigado e a
pode criar coragem suficiente para dar o salto no nossa eterna gratidão.” (Autor Desconhecido)
qual o milagre torna-se possível.” (Osho Zen)
58. “Não existe ser humano que não possa ensinar.
49. “Tal como o ferreiro forja a lâmina, e o arqueiro Mas são poucos com sabedoria e experiência de
apura suas flechas, o mestre nos aprimora o vida que tenham grande dedicação como você.”
saber. Ele sabe do fundo de sua alma que não (Autor Desconhecido)
há arma mais poderosa que o próprio conheci-
59. “Dizem que o tempo faz as pessoas se con-
mento.” (Dhiogo Cidral de Lima)
hecerem melhor. No entanto, com vocês foi
50. “Aos nossos mestres e orientadores, dedicamos diferente. O tempo foi curto, mas a amizade
o resultado de um esforço comum, consciente e permanente. Encontramos em vocês, além de
honesto em prol do desenvolvimento e valori- um mestre, grandes valores humanos.” (Autor
zação de nossa atividade profissional.” (Autor Desconhecido)
Desconhecido)
40 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

60. “Nós, que convivemos contigo e aprendemos a da saudade, pela conquista, pela amizade que
conhecer-te, sabemos que procuraste o melhor permanece.” (Autor Desconhecido)
nos outros e deste o melhor de ti, que não só
69. “No instante em que novos horizontes se abrem
preencheste um lugar, mas, sim, cumpriste uma
para um futuro ainda incerto, a juventude se
missão.” (Autor Desconhecido)
dobra ante a luz da experiência, um porto que
61. “Obrigado por compartilhar de nossos ideais, sempre se apresenta seguro.” (Autor Desconhe-
alimentando-os e incentivando-nos a prosseguir cido)
na jornada, fossem quais fossem os obstáculos.”
70. “Nossa homenagem àquele que repartiu conosco
(Autor Desconhecido)
seus conhecimentos, transformando os nossos
62. “Hoje estamos nascendo para um novo mundo, ideais em realizações.” (Autor Desconhecido)
não mais necessitamos de mão protetoras, mas
71. “A vivacidade e incentivo aos que ainda estão
de mãos que acolham os brotos das sementes
no começo da estrada, à mão sempre amiga dis-
por vocês plantadas. O nosso muito obrigado.”
posta a aplaudir nossos acertos e a compreender
(Autor Desconhecido)
nossos erros, agradecemos e oferecemos uma
63. “Sua dedicação não foi esquecida, a prova é esta amizade sincera.” (Autor Desconhecido)
homenagem, que é simples na forma e gran-
72. “A um homem nada se pode ensinar. O que se
diosa no significado.” (Autor Desconhecido)
pode fazer é ajudá-lo a encontrar o caminho
64. “Um dia só restarão recordações vagas e do conhecimento. Ensinar não é só transmitir
distantes. Mas sei que a cada vitória que esta matéria. Ser mestre é ser amigo, companheiro,
carreira me proporcionar, estarás por trás dela, é caminhar com o aluno passo a passo. Ser
como estiveste em cada momento de minha mestre é vivenciar cada momento, aproveitando
jornada.” (Autor Desconhecido) ao máximo a oportunidade de estar compar-
tilhando com outras pessoas o conhecimento,
65. “Hoje, ao chegarmos a este dia que marca o fim
doando-se aos alunos e com eles aprendendo.
de uma fase de nossas vidas e o início de outra,
Nosso muito obrigado aos que, nesta etapa de
não poderíamos deixar de agradecer a você, que
nossas vidas, souberam nos ajudar a encontrar o
através de uma forma digna soube honrar a mis-
caminho.” (Autor Desconhecido)
são de ensinar.” (Autor Desconhecido)
73. “Agora, quando deixo de ser aluno para ser
66. “Nossa justa homenagem àquele que resume
colega e te tornas, além de mestre, também um
dentro de si dedicação, perseverança e seriedade,
amigo, as tuas palavras fazem mais sentido para
traços sempre transmitidos em nossa convivên-
mim. As tuas lições me parecem mais reais.
cia.” (Autor Desconhecido)
Agora sei agradecer-te por fazer-me entender
67. “A nossa admiração pela sua pessoa, nossos o valor exato de nossa luta. Aos nossos profes-
agradecimentos pelo seu apoio, nosso carinho sores, eternos mestres, sempre amigos.” (Eliana
pela sua amizade.” (Autor Desconhecido) do C. Pereira)
68. “Na maioria das vezes tudo se fecha no fim. 74. “Façamos de nossa conquista o instrumento
Naturalmente, tudo recomeça... Porém, le- de gratidão e reconhecimento por tudo quanto
vando o sentimento em consideração, tudo fica, recebemos.” (Autor Desconhecido)
indubitavelmente, insubstituível pelo prazer
MANUAL DE MENSAGENS  | 41

75. “A você, que nos transmitiu seus conhecimentos 83. “Aprendemos a admirá-lo pela maneira sábia
com dedicação e carinho, expressamos os nossos com que nos transmitiu seus ensinamentos.
maiores agradecimentos e o nosso profundo re- É justo ao destino que fez o mestre, pois o
speito, que pode ser pouco diante do muito que verdadeiro é aquele que nos proporciona a
nos foi oferecido.” (Autor Desconhecido) grandeza através da sabedoria e com sua alegria
faz com que reconheçamos a importância de sua
76. “Há homens que lutam um dia e são bons. Há
presença.” (Autor Desconhecido)
outros que lutam um ano e são melhores. Exis-
tem aqueles que lutam muitos anos e são muito 84. “Tivemos mestres que às vezes não nos com-
bons. Porém, existem os que lutam toda a vida, preenderam e nem se fizeram compreender.
e esses são imprescindíveis.” (Autor Desconhe- Afinal, mestre por opção ou por natureza é
cido) difícil de ter. Mas houve aqueles que se interes-
saram, se responsabilizaram, trabalharam com
77. “Com alegria, lhe agradecemos por ter nos
afinco; que cresceram e não nos abandonaram,
ajudado a alcançar este importante degrau de
que inquietaram e não só compareceram, que
nossas vidas, porque além de mestre és amigo.”
caminharam junto conosco e não nos abandon-
(Autor Desconhecido)
aram. A esses dedicamos nosso carinho e nossa
78. “Cada homem tem seu lugar no mundo e no gratidão por terem sido verdadeiramente nossos
tempo que lhe é concedido. Sua tarefa nunca é Mestres.” (Autor Desconhecido)
maior que sua capacidade para poder cumpri-la.
85. “Após noites sem dormir, na busca do con-
Ela consiste em preencher seu lugar, em servir à
hecimento, acabamos por descobrir que nossos
verdade e aos homens.” ( João Guimarães Rosa)
melhores mestres não foram aqueles que nos
79. “Ainda que a obrigação de ensinar seja conse- ensinaram as respostas, mas sim aqueles que
qüência do amor aos demais, a obrigação de nos ensinaram as perguntas. Talvez as respostas
continuar aprendendo, cada dia, é conseqüência que aprendemos se percam no tempo, talvez
do amor à verdade.” (Autor Desconhecido) não lembremos da mais básica equação, porém,
jamais nos esqueceremos de quem nos ensinou a
80. “Pelo incansável e competente labor, pela hu-
questionar, a duvidar, a pensar e a sonhar... Não
mildade diante das realizações, o homem grava
se pode ensinar algo a alguém, pode-se apenas
na história do seu tempo a beleza da alma e a
auxiliá-lo a descobrir por si mesmo.” (Galileu
grandeza de seus atos.” (Autor Desconhecido)
Galilei)
81. “Vossa visão acrescentou novos conhecimentos
86. “Ser mestre não é apenas lecionar, ensinar não
e ideais, trazendo uma conscientização melhor
é apenas transmitir o conteúdo programático.
para enfrentarmos a vida como profissionais.”
Ser mestre é ser orientador e amigo, guia e
(Autor Desconhecido)
companheiro, é caminhar com o aluno passo a
82. “Essa homenagem é nada se comparada ao passo. É transmitir a este os segredos da cam-
muito que nos deste, pois nosso convívio foi inhada. Ser mestre é ser exemplo de dedicação,
mais que uma simples relação aluno-mestre: foi de doação, de dignidade pessoal e de amor. O
um degrau na caminhada para o nosso engran- agradecimento sincero aos mestres e amigos,
decimento profissional.” (Autor Desconhecido) aos somente mestres, e àqueles que, com seus
problemas e dores humanas, não foram ami-
42 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

gos e nem mestres, mas que também passaram


por nós. Nosso respeito, nosso afeto.” (Autor
Desconhecido)
87. “O educador deve ser não um sábio, mas sim
um homem diferenciado pela sua educação, pela
força de seus costumes, pela maturidade de seus
modos, jovial, dócil, acessível, franco, enfim, em
quem se encontre muito que imitar e pouco que
corrigir.” (Simon Bolivar)
88. “A um homem nada se pode ensinar. Tudo que
podemos fazer é ajudá-lo a encontrar as coisas
dentro de si mesmo.” (Galileu Galilei)
89. “Acima dos dons brilhantes do espírito e do
coração, acima da torça física ou da cultura in-
telectual, o que constitui verdadeiramente uma
personalidade forte é a têmpera do caráter, que
nos faz dizer de um homem: ele vale, pode-se
contar com ele.” (G. Courtois)
90. “Da mesma forma, um discípulo nunca pode
imitar os passos do seu guia. Porque cada um
tem uma maneira de ver a vida, de conviver com
as dificuldades e com as conquistas. Ensinar é
mostrar que é possível. Aprender é tomar pos-
sível a si mesmo”. (Paulo Coelho)
91. “A um homem nada se pode ensinar. Tudo
que se pode fazer é ajudá-lo a se encontrar.
Poucas foram as oportunidades que tivemos
para agradecer-lhes por tão grandioso trabalho.
Neste momento de alegria, no qual celebramos
o final de uma longa etapa, aproveitamos para
prestar uma justa e sincera homenagem a vocês,
que pela amizade ou pelo simples convívio, nos
apontaram o caminho.” (Autor Desconhecido)
MANUAL DE MENSAGENS  | 43

Agradecimentos Aos Ausentes


1. “Neste momento, alguém que gostaria de estar saudade. Claro, as conversas e brincadeiras pelos
conosco está ausente. Mas a lembrança da sua corredores da faculdade, a eterna lembrança,
presença, o soar da sua voz sopram suave na além do pesar por não poder abraçá-lo agora
memória, num murmúrio triste de lamento e e partilharmos, juntos, a alegria de mais esta
saudade. Você se foi num adeus eterno, mas conquista. Saudades de seus colegas.” (Autor
aqui está lembrado, presente, eterno...” (Autor Desconhecido)
Desconhecido)
8. “Como seria bom tê-lo comigo neste momento
2. “Amigo... Viver no coração dos que aqui ficam tão importante de minha vida! Poder ver o
não é partir.” (Autor Desconhecido) sorriso, as lágrimas de alegria ao compartilhar
comigo esta vitória. Sentir o calor de seu abraço
3. “Amigo... A vida sempre nos leva a caminhos
carinhoso e aconchegante que, ao envolver-me,
diferentes e, embora tenhamos a certeza de nos
faria sentir seu coração batendo descompassado
reencontrar, sua lembrança permanecerá indel-
e tão semelhantemente ao meu. Ah! Eu daria
ével em nossos corações.” (Autor Desconhecido)
todo meu mundo para tê-lo junto a mim mas,
4. “É inútil lamentar o vaso quebrado, quando já que a vida tem desígnios que não podemos
todas as forças do universo se reuniram para reverter, trago sua imagem e seu amor para sem-
fazê-lo cair de nossas mãos.” (Aldous Huxley) pre dentro de mim. Sei que, onde estiver agora,
olha-me e abençoa cada um de meus passos. E
5. “Trilhava um caminho de glória, cabeça erguida
quase posso ver seu sorriso e quase posso ouvir
e peito aberto. Sorriso franco de quem sabia
suas palavras a dizer-me: sempre me orgulharei
aonde ir. Vento no rosto, passo firme, olhar
de você! Se as pessoas que amamos são tiradas
refletindo a luz da esperança. Então, repentina-
de nós, a maneira de mantê-las vivas é nunca
mente, escureceu. E sobrou um caminho a ser
deixar de amá-las.” (Autor Desconhecido)
percorrido.” (Autor Desconhecido)
9. “Hoje, mais do que nunca, sentimos sua
6. “Neste momento, alguém que gostaria de estar
presença, pois nossa saudade os traz de volta.
conosco, está ausente. Mas a lembrança de sua
Nossos olhos jamais vão se cruzar, mas não
presença, o som de sua voz sopram suaves na
estarão suficientemente longe para serem esque-
memória, num sussurro efêmero de saudade.
cidos, porque longe é um lugar que não existe.”
De sua ausência resta comigo a recordação, o
(Autor Desconhecido)
exemplo, além do pesar por não poder abraçá-
lo agora e compartilharmos juntos a alegria da 10. “Quando subir ao palco para receber meu di-
tarefa cumprida. Nossa homenagem e o eterno ploma, sentir-te-ei ao meu lado, sorrindo e feliz.
agradecimento”. (Autor Desconhecido) Sentirei tua mão carinhosa afagar meus cabelos
e o som da tua voz soprando, suave, eem minhas
7. “De sua existência resta conosco o exemplo de
mais queridas recordações. E, neste instante,
persistência, a coragem, a vontade de ser uma
te abraçarei em silêncio, sorrirei, deixarei fluir
pessoa melhor, o olhar confiante para o futuro, a
44 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

a emoção... um misto de alegria e de saudade. seus abraços, pois vocês, que foram embora tão
Por mais que o tempo e a distância insistam em cedo, estão vivos dentro de nós. Nós os ama-
fazer-me te esquecer, sei que o amor verdadeiro mos muito. Obrigado por nos terem ensinado a
nunca morrerá, pois tu aqui estás: lembrado... viver!” (Autor Desconhecido)
presente... eterno...”. (Autor Desconhecido)
15. “Hoje, por ocasião desta formatura, vocês são a
11. “Este vínculo entre nós não pode ser quebrado. ausência mais presente, pois nossa saudade os
Eu estarei aqui. Não chore, pois você estará em traz de volta, porque não morre quem, em nós,
meu coração. Sim, você estará em meu coração vivo vive.” (Autor Desconhecido)
deste dia em diante, agora e eternamente.
16. “Por muito tempo achei que ausência era falta, e
Quando o destino chama, você deve ser forte.
lastimava ignorante a falta. Hoje não a lastimo.
Eu, talvez, não esteja com você, mas você estará
Não há falta na ausência. A ausência é um
em meu coração. Você estará em meu coração,
estar em mim. E sinto-a, branca, tão pegada e
sempre. Sempre ”...(Phil Collins – You’ll Be My
aconchegada em meus braços, que rio e danço e
Heart)
invento exclamações alegres, porque a ausência,
12. “Ontem, estava aqui presente; hoje é saudade. essa assimilada, ninguém a rouba mais de mim.”
De homem virou estrela. Sabemos que, agora, (Carlos Drumond de Andrade)
você está disfarçado de estrela. Quando olha-
17. “Por mais que o tempo e a distância insistam em
mos para o céu, sentimos saudades. Esteja onde
me fazer te esquecer, sei que o amor verdadeiro
estiver, amamos você.” (Autor Desconhecido)
nunca morrerá. E, por todo tempo que ainda
13. “Vocês partiram cedo! Não temos seu abraço, viver, perpetuarei tua memória e hei de ser fiel
nem vemos seu sorriso orgulhoso, mas dividi- aos teus princípios; pois tudo que me ensinaste é
mos com vocês nosso esforço, nosso sucesso e a base de todo este trabalho. Eu sou a continui-
nossa alegria. Sabemos que, onde estiverem, dade do teu brilho.” (Autor Desconhecido)
ainda nos acompanham a cada sonho, a cada
18. “A você, que por motivos alheios a nossa von-
vitória, sempre iluminando o nosso caminho.
tade, mas por vontade de Deus, já não faz mais
O triunfo de hoje é de vocês também, queridos.
parte deste mundo, o nosso profundo respeito e
Gostaríamos de compartilhar com vocês mais
agradecimento pela bagagem que nos transmi-
esta conquista, este dia tão esperado. A saudade
tiu em sua curta permanência em nosso meio.
torna-se mais forte neste momento, mas de
Nesse momento, gostaríamos que estivesse
vocês fica conosco seu exemplo e, por isso, nosso
conosco. Você se foi num adeus eterno, mas
eterno agradecimento. Sua ausência é presença
aqui está lembrado, presente, eterno...’’. (Autor
na saudade.” (Autor Desconhecido)
Desconhecido)
14. “Agradecemos a vocês por nos terem ensinado
19. “O grande dia chegou e procuro por ti na
sobre o amor, o respeito, a solidariedade, por nos
plateia. Olho cuidadosamente para lá e para cá,
terem dado coragem para enfrentar os desafios
querendo ver-te, mas não consigo! Espero escu-
da vida. A saudade que sentimos já se tornou
tar tua voz, mas não a ouço. Tu não pudeste es-
parte de nós – é constante. E hoje, mais do que
perar por este momento e, hoje, especialmente,
nunca, faz-se sentir. Infelizmente, não po-
a minha saudade é ainda maior. Saudade do teu
demos ver seus olhos brilharem de orgulho, mas
amor, do teu sorriso, do teu abraço caloroso, da
podemos fechar nossos olhos e sentir o calor de
MANUAL DE MENSAGENS  | 45

tua voz amiga, da tua força, da tua sabedoria, 24. “É preciso a saudade para eu te sentir como
saudade de ti. Hoje, mais uma vez não te vejo, sinto - em mim - a presença misteriosa da
mas te sinto e posso dizer bem alto dentro de vida... Mas quando surges és tão outro e múlti-
mim: nós conseguimos! E te vejo, te abraço e te plo e imprevisto que nunca te pareces com teu
ouço.” (Autor Desconhecido) retrato... E eu tenho que fechar meus olhos para
ver-te!” (Mário Quintana)
20. “De repente se foram, deixando uma dor
profunda, que hoje é saudade presente. Onde 25. “Amigo... Viver no coração dos que ficam não
estiverem, que ouçam as nossas preces e com é partir... Ah! Mas que palavras podem os vivos
elas nutram seus espíritos, sabendo que a cada dizer aos mortos? E hoje era teu dia de festa!
vitória que esta carreira nos proporcionar, vocês Meu presente é buscar-te. Não para vires comi-
estarão por trás dela, como estiveram em cada go. Para encontrares com os que, antes de mim,
momento desta conquista, pois somos apenas o viestes buscar, outrora, com menos palavras. Não
perpetuar de sua força sempre presente.” (Autor tem fala, nem movimento, nem corpo e eu te
Desconhecido) reconheço.” (Cecília Meirelles)
21. “Se a falta de vocês diz de um silêncio que cruza 26. “Agir como se a morte não existisse, ou agir
a nossa vida, é porque sua experiência nos é real. pensando na morte a cada instante é, talvez, a
Hoje, mais do que nunca, a sua presença se faz mesma coisa.” (Nikos Kazantzakis)
sentir, pois somos a continuidade do seu brilho.”
27. “Na profundidade de vossas esperanças e as-
(Autor Desconhecido)
pirações dorme vosso silencioso conhecimento
22. “Pai, neste momento tão importante para mim, do além... E somente quando beberes do rio
sinto um misto de alegria, de tristeza e de sau- do silêncio que podereis realmente cantar...”
dade. A lembrança da tua presença, e a certeza (Gibran Khalil Gibran)
de que a todo instante você olha por mim,
28. “Amigo... A vida sempre nos leva a caminhos
suavizam a dor de tua ausência. Se mil vezes me
diferentes e, embora tenhamos a certeza de nos
fosse permitido, por mil vezes eu te faria eterno.
reencontrarmos, sua lembrança permanecerá
Hoje e sempre, te abraço em silêncio...”. (Autor
inapagável em nossos corações.” (Autor Descon-
Desconhecido)
hecido)
23. “A vós, os grandes ausentes desta quadra de
29. “Você partiu deixando um imenso vazio. Se
nossas vidas, que partistes tão cedo de nosso
agora conquisto mais uma vitória, é porque um
convívio, deixando em nossas entranhas a indel-
dia esteve ao meu lado e me ensinou a seguir
ével mácula da saudade, mas que, não obstante
pelo melhor caminho. Hoje, especialmente,
o universal silêncio, nos guiais a mão incerta. A
a saudade é mais forte, mas a lembrança de
vós, que fazeis reluzir a vossa luz imortal diante
sua voz amiga, de seu sorriso, de seu abraço,
de nossos vastos horizontes; que em segredo,
realimenta o amor que jamais se apagará em
esse segredo impenetrável da eternidade, nos
meu coração. Sei que estará sempre ao meu
recompensais o amor que por vós nutrimos...
lado e, neste momento, sinto seu peito pleno de
A vós, pais ausentes, queremos dizer-vos neste
orgulho e seus olhos banhados de emoção. Sinto
dia: obrigado! Um obrigado cálido, úmido de
sua presença, ouço seus aplausos. Poderia dizer-
lágrimas...”. (Autor Desconhecido)
lhe tanta coisa, mas me calo. Só o silêncio pode
46 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

dizer o que sinto: um amor enorme e saudade.”


(Autor Desconhecido)
30. “Nossa homenagem àqueles que partiram – pais,
mães, irmãos, parentes – deixando-nos a lem-
brança das suas presenças e o carinho de suas
vidas.” (Autor Desconhecido)
MANUAL DE MENSAGENS  | 47

Mensagem da Comissão
1. “Mais uma etapa de nossas vidas foi vencida. parcela maior de colaboração para a realização
Todos fizemos o que estava ao nosso alcance deste evento.” (Autor Desconhecido)
e cada um deu o melhor de si. Na busca da
3. “Nossa gratidão àqueles que, em qualquer mo-
perfeição, nossos esforços dirigiram-se para
mento, se colocaram disponíveis para que hoje,
uma única preocupação: fazer desta data algo
juntos e felizes, pudéssemos participar de nossas
inesquecível. Que Deus nos abençoe e nos
conquistas. A nossa amizade aos que nos quis-
ilumine, nos ajude a crescer e nos torne cada
eram bem. Nosso perdão aos que, por motivo al-
vez mais humanos e solidários em nossas ações.
heio a nossa vontade, não nos compreenderam.
Nossa saudade e a esperança de um novo reen-
Nossas desculpas pelas falhas involuntariamente
contro com aqueles que, por vários motivos, nos
cometidas. Tivemos coragem para mudar o que
deixaram, seguindo outros caminhos. E o car-
entendemos que deveria ser mudado. Nos-
inho aos que ficam, prosseguindo na luta diária
sos agradecimentos àqueles que confiaram na
como novos profissionais. Que este ‘até breve’ ja-
honestidade de nosso trabalho. Tentamos fazer
mais se transforme em ‘adeus’. Agradecimentos
o melhor!!!” (Autor Desconhecido)
a todos os formandos e, especialmente, àqueles
que deram uma parcela maior de colaboração 4. “Agradecemos a todos que contribuíram, de
para a realização deste evento.” (Autor Descon- alguma maneira, para as nossas realizações,
hecido) reconhecendo nosso esforço. Na busca da
perfeição fomos ora ditadores, ora democráti-
2. “Um ideal de vida nos uniu, fez-nos compan-
cos. Contudo, agimos com a única preocupação
heiros de uma caminhada. Esse mesmo ideal vai
de fazer desta data algo inesquecível.” (Autor
nos separar porque é assim: cada um de nós tem
Desconhecido)
um destino a seguir. A saudade de um tempo
que ainda não passou, que ainda acontece, me 5. “Talvez não tenhamos conseguido fazer o mel-
invade. Um dia, por certo, iremos lembrar o hor, mas lutamos para que o melhor fosse feito.
passado e encontrar, sem dúvida, em nossas Na busca da perfeição fomos ora democráticos,
lembranças, a presença dos amigos que foram ora ditadores, mas agimos com a única preo-
nossos. Infelizmente, o tempo tudo muda e faz cupação de fazer desta data algo inesquecível...”.
esquecer aquilo que hoje nos parece o mais im- (Autor Desconhecido)
portante: os amigos. Amanhã, serão outros em
6. “As palavras são filhas do vento; as obras, filhas
nossas vidas e nós estaremos nas vidas de outros,
da alma.” (W.Jones)
mas o que importa é que hoje, agora e aqui, a
gente existe para fazer felizes aqueles que nos 7. “Jamais poderemos compreender o que o
cercam. Nossa saudade é a esperança do reen- outro espera de nós e o que esperamos dos
contro. Que este até breve jamais se transforma outros. Mas ainda é preferível fazer alguma
em adeus. Agradecimentos a todos os forman- coisa, mesmo errando, a nada fazer pelo medo
dos e, especialmente, àqueles que deram uma de errar. Àqueles que buscaram ajudar, nossa
48 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

eterna gratidão. Aos obstáculos que surgiram, 11. “Quando alguém encontra seu caminho, precisa
somos gratos também, pois dificuldades são para ter coragem suficiente para dar passos errados.
vencer. Eis aqui a nossa vitória. Fica a certeza de As decepções, as derrotas, o desânimo são ferra-
que tudo foi feito buscando o melhor e a nossa mentas que Deus utiliza para mostrar a estrada.”
única preocupação foi a de fazermos desta data (Autor Desconhecido)
algo inesquecível.” (Autor Desconhecido)
12. “O que fizemos foi apenas uma gota d’água no
8. “Organizar uma formatura não foi tarefa fácil, oceano, mas se não tivéssemos feito, esta gota
ainda mais tendo que conciliar com aulas, faltaria.” (Madre Teresa de Calcutá)
estágios, família... Contudo, agimos com única
13. “Por tantas vezes, de mãos dadas, caminhamos
preocupação de fazer desta data algo para
para um mesmo objetivo; lado a lado, lutando
nunca mais esquecermos. Com muito esforço
contra os mesmos obstáculos, rindo, chorando e
e dedicação fomos colocando as coisas em seus
comemorando pelos mesmos motivos. Sau-
devidos lugares. Críticas negativas, falta de in-
dações àqueles que, vivendo momentos de pouca
centivo e desinteresse por parte de alguns foram
luz, desrespeitaram o companheirismo. Sepa-
obstáculos que tivemos de superar. Mas nossa
ramo-nos agora não com um adeus, mas com
persistência e a nossa vontade de fazer algo
a saudade do tempo que juntos percorremos.”
melhor foram maiores. Nossa sincera amizade
(Autor Desconhecido)
àqueles que nos quiseram bem, ouvindo-nos
com paciência e se colocando sempre à dis- 14. “Cada detalhe, cada possibilidade aparente-
posição. Nossa compreensão àqueles que se mente oculta pode resultar na descoberta de
omitiram, não colaboraram ou, ainda, critic- todo um mundo’’. (Madalena Freire)
aram sem dar soluções. Nosso agradecimento
15. “A todos que nos deram seus votos de confiança,
àqueles que confiaram na honestidade do nosso
apoiando-nos a cada passo na organização desta
trabalho.” (Autor Desconhecido)
formatura, expressamos todo o nosso carinho
9. “Um dia, quando a saudade nos fizer abrir as e os nossos sinceros agradecimentos.” (Autor
páginas deste convite, tudo será revivido como Desconhecido)
se estivesse novamente acontecendo”. (Autor
16. “Quando amamos e acreditamos do fundo de
Desconhecido)
nossa alma em algo, nos sentimos mais fortes
10. “Vivemos... Aprendemos... Foram anos juntos, que o mundo, e somos tomados de uma sereni-
não alguns minutos... Quase uma vida... Juntos dade tão grande que vem da certeza de que nada
lutamos... Juntos brigamos... Juntos até cho- nem ninguém poderá vencer nossa fé. É esta
ramos... Foram anos de luta, de cansaço... Às força estranha que faz com que sempre tomem-
vezes até de desânimo... Foram dias e noites de os as decisões certas, na hora exata, e quando
trabalho... Mas, antes de tudo, foram anos de atingimos nosso objetivo ficamos surpresos com
aprendizagem. Fomos amigos... Somos amigos... nossa própria capacidade.” (Autor Desconhe-
Partimos mas ficamos... Ficamos na lembrança cido)
de cada um... Não é um adeus... Não é uma des-
17. “As cerimônias selam uma jornada de conquistas
pedida... Não dizemos até breve... Fica o desejo
e materializam nossa alegria, e por isso as leva-
de boa sorte... Fica a promessa do reencontro.”
mos a sério desde o começo e nos preocupamos
(Fernando Sabino)
com todos os detalhes para que este momento
MANUAL DE MENSAGENS  | 49

jamais fosse esquecido. As comemorações 21. “É melhor tentar e falhar, do que simplesmente
trazem à tona nossos ideais, nossas vontades, ver a vida passar. Aos que nos ajudaram e
nossos sonhos, nossos desejos, todas as alegrias apoiaram em todos os momentos, agradecemos
acumuladas e, acima de tudo, nossa grande pela participação. Aos que não conseguimos
vitória. Desejamos de coração que esta data nos fazer entender, nossas sinceras desculpas.
marque o início de uma etapa sólida, duradoura E a todos os acadêmicos nossas felicitações por
e feliz para todos nós. Estejam certos de que terem conquistado mais um degrau na pirâmide
fizemos o melhor.” (Autor Desconhecido) da vida. Inúmeros caminhos despontarão agora
a nossa frente, que trilharemos conscientes do
18. “Na vida existe tempo para todas as coisas e
nosso dever e de nossa responsabilidade profis-
um tempo para cada coisa. Existe o tempo para
sional; aquilo que verdadeiramente aprendemos
trabalhar e o tempo para descansar. O tempo de
valerá bem mais do que aquilo que nos ensi-
sofrer e o tempo de sorrir… Assim por diante,
naram.” (Autor Desconhecido)
todos esses tempos, quando aceitos e vividos, são
partes integrantes do todo da vida: nosso tempo 22. “Acabamos de vencer uma batalha dentre muitas
de viver. Porém, num determinado momento com as quais haveremos de nos deparar. Neste
o homem para, parece que escuta e, às vezes, momento, conquistamos uma vitória. Ao longo
não ouve. Olha, mas nem sempre vê. É que de nossas vidas, todos nós fizemos escolhas e
chega para o homem o momento da decisão: fomos convidados a seguir em frente para atin-
momento inevitável de dar rumo ao todo da gir nosso ideal. Hoje é o fim de uma trajetória e
vida e descobrir um sentido ao tempo de viver. início de outra. Fomos trilhando caminhos sub-
Muitos são os caminhos, porém outras tantas as jetivos. Nas diferenças formamos nossa identi-
escolhas. Cabe a cada indivíduo a iniciativa de dade. A partir de escolhas, construímos nosso
trilhar seu caminho. Cabe a cada um de nós a saber. Amadurecemos. Passamos por vários
coragem de assumir a sua própria escolha.” (Au- momentos, obstáculos, situações difíceis, mas
tor Desconhecido) também felizes e enaltecedoras, e hoje já não
somos mais os mesmos. É nessa nova fase que
19. “Há uns que nos falam e não os ouvimos. Há
se definirá o nosso futuro, e até aonde cada um
outros que nos tocam e não os sentimos. Há
chegará na vida. Que nosso conhecimento não
alguns que nos ferem e nem cicatrizes nos
seja um obstáculo à humanidade, pois o desejo
deixam. Mas há aqueles que simplesmente
de ter sempre razão é o maior obstáculo às
vivem, e nos marcam por toda a vida.” (Autor
ideias novas. É melhor termos ideias suficientes,
Desconhecido)
mesmo que algumas delas estejam erradas, do
20. “Construir um momento único é uma tarefa que termos sempre razão e não termos quais-
difícil. Agradar a todos, talvez impossível. Fazer quer ideias. Não é importante sermos sérios
o melhor, a nossa meta. Superamos obstáculos, para todas as coisas, mas sermos sérios para as
esquecemos incompreensões, ancoramo-nos coisas importantes, pois quando um ser humano
firmemente aos apoios e elogios recebidos; par- desperta para um grande desejo, todo universo
timos dos erros para crescer e continuar. Unimos conspira a seu favor.” (Autor Desconhecido)
mãos, mentes, vontades, ideias, ideais, lágrimas,
sorrisos, abraços, momentos... Dando um pouco
de cada um para que nosso momento seja único
e inesquecível.” (Autor Desconhecido)
50 | 

Mensagem Final
1. “Se o que você está percorrendo é o caminho Mas, o dia de hoje, bem vivido, faz de cada dia
dos seus sonhos, comprometa-se com ele. Não passado um sonho de felicidade. E de cada dia
deixe a porta de saída aberta, com a desculpa: futuro, uma visão de esperança. Sejamos, pois,
“ainda não é bem isto que eu queria”. Esta frase, cuidadosos com o presente.” (Budismo)
tão utilizada, guarda dentro dela a semente da
4. “As pessoas sem imaginação podem ter tido as
derrota. Assuma o seu caminho. Mesmo que
mais imprevistas aventuras, podem ter visitado
precise dar passos incertos, mesmo que saiba
as terras mais estranhas. Nada lhes ficou. Nada
que pode fazer melhor o que está fazendo. Se
lhes sobrou. Uma vida não basta apenas ser
você aceitar suas possibilidades no presente,
vivida; também precisa ser sonhada.” (Mário
com toda certeza vai melhorar no futuro. Mas
Quintana)
se negar suas limitações, jamais se verá livre
delas. Enfrente seu caminho com coragem, não 5. “Não é o desafio com que nos deparamos que
tenha medo da crítica dos outros e não se deixe determina quem somos e em que estamos nos
paralisar por sua própria crítica. Deus estará tornando, mas a maneira com que respondemos
com você nas noites insones e enxugará com seu ao desafio. Somos combatentes, idealistas, mas
amor as lágrimas ocultas. Deus é o Deus dos plenamente conscientes; porque o ter consciên-
valentes.” (Paulo Coelho) cia não nos obriga a ter teoria sobre as coisas;
só nos obriga a sermos conscientes. Dignidade
2. “Os gestos de apreço, de carinho, de conforto
para vencer. Liberdade para provar. E, quando
que recebemos, tantas e tantas vezes, nesta
acreditarmos em nosso sonho, nada é por acaso.”
trajetória de estudos, de pessoas amigas que
(Henfil)
a vida se encarregou de deixar mais perto de
nós, traduzem-se na beleza e na emoção nesta 6. “Todos os dias a vida se repete, tem gente que
formatura.” (Autor Desconhecido) chega pra ficar, tem gente que vai pra nunca
mais; tem gente que vem e quer voltar, tem
3. “Para vencer é preciso ter um grande ideal e
gente que veio só olhar; tem gente a sorrir e a
lutar por ele. Evitar as pequenas capitulações
chorar. A hora do encontro é também da despe-
cotidianas, que preparam as grandes. Saber, ex-
dida...”. (Milton Nascimento)
atamente, o que se quer e de onde se parte. Não
superestimar as próprias capacidades, mas tam- 7. “Nada lhe posso dar que já não existam em você
bém não as subestimar. Persuadir-se de que tudo mesmo. Não posso abrir-lhe outro mundo de
está por fazer, quando nos dizem “que não há imagens, além daquele que há em sua própria
nada a fazer”. Aprender a trabalhar em equipe, alma. Nada lhe posso dar a não ser a oportuni-
sem exclusividade. Não confundir nervosismo dade, o impulso, a chave. Eu o ajudarei a tornar
com rapidez. Ter paciência para esperar. Saber, visível o seu próprio mundo, e isso é tudo.”
hoje, perder tempo para estudar algo que talvez (Hermann Hesse)
sirva para o amanhã. O dia de ontem é apenas
um sonho; o dia de amanhã é uma simples visão.
MANUAL DE MENSAGENS  | 51

8. “Dê-me um ponto de apoio e moverei o 12. “Talvez seja este o aprendizado mais difícil:
mundo.” (Arquimedes) manter o movimento permanente, a renovação
constante, a vida vivida como caminho e mu-
9. “É chegada a hora da despedida. Agora, cada
dança.” (Maria Helena Kuhner)
um de nós seguirá um caminho, seu caminho, e
a esperança é inevitável. Ficarão, na memória de 13. “A alegria do triunfo jamais poderia ser experi-
cada um, os momentos que passamos juntos; os mentada se não existisse a luta, que é o que de-
bons momentos, principalmente. Estes não se termina a oportunidade de vencer.” ( Logosofia)
apagarão e ouviremos por muito tempo, ainda,
14. “É melhor tentar e falhar que se preocupar em
o eco de nossos risos... Cada um seguirá seu
ver a vida passar. É melhor tentar, ainda em
caminho com a lembrança do que fomos e a
vão, que sentar-se fazendo nada até o final. Eu
esperança de sermos mais, de podermos mostrar
prefiro, na chuva, caminhar que, em dias tristes,
que valeram a pena estes anos de luta e sonhos.”
em casa, me esconder. Prefiro ser feliz, embora
(Autor Desconhecido)
louco, que em conformidade viver.” (Martin
10. “Se em horas de encontros pode haver des- Luther King)
encontros, que a hora da separação seja, tão-
15. “O dia de ontem é apenas um sonho; dia de
somente, a hora de um verdadeiro, profundo e
amanhã é uma simples visão. Mas o dia de hoje,
coletivo encontro. De tudo ficarão três coisas:
bem vivido, faz de cada dia passado um sonho
a certeza de estar sempre começando, a certeza
de felicidade. E de cada dia futuro, uma visão
de que é preciso continuar, e a certeza de que
de esperança. Sejamos, pois, cuidadosos com o
podemos ser interrompidos antes de terminar.
presente.” (Budismo)
Fazer da queda um passo de dança, do medo
uma escada, do sonho uma ponte, da procura 16. “Ao ouvirmos nossos nomes, estaremos termi-
um encontro. Fica a promessa de um reencon- nando uma fase de nossas vidas e, talvez, não
tro... Fica o desejo de boa sorte... Fica a vontade saibamos discernir a importância do momento
de que lutes e venças.” (Fernando Sabino) que estamos vivenciando. As sensações de
nervosismo e a ansiedade estarão latentes. Mas
11. “Não basta ensinar ao homem uma especiali-
uma coisa nós sabemos: não estamos sozinhos.
dade. Porque, assim, ele se tornará uma má-
Ao longo da jornada, vocês sentiram o que nós
quina utilizável, mas não uma personalidade.
sentimos, sofreram conosco, desfrutaram de uma
É necessário que adquira um sentimento,
alegria igual ou superior à nossa em cada vitória
um senso prático daquilo que vale a pena ser
alcançada. Neste momento não será diferente. O
empreendido, daquilo que é belo, do que é
nosso estímulo é saber que vocês nos acompan-
moralmente correto. A não ser assim, ele se as-
harão nas próximas etapas de nossas conquistas.
semelhará, com seus conhecimentos profission-
A vocês o abraço, o beijo, o sonho, o futuro e um
ais, mais a uma máquina do que a uma criatura
universo de esperança. Obrigado por existirem.”
harmoniosamente desenvolvida. Deve aprender
(Autor Desconhecido)
a compreender as motivações dos homens, suas
quimeras e suas angústias, para determinar com 17. “Hoje estamos nascendo para um mundo novo,
exatidão seu lugar em relação a seu próximo e à não mais necessitando de mãos protetoras, mas
comunidade.” (Albert Einstein) de mãos que colham os brotos das sementes por
vocês plantadas.” (Autor Desconhecido)
52 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

18. “Agradecer é admitir que houve um momento 22. “Chegará um dia... quando o peso do tempo
em que se precisou de alguém; é reconhecer que curvar nossos ombros, quando a experiência ac-
jamais se poderia pretender ser autossuficiente. ertar nossos passos, quando a lembrança de cada
Ninguém cresce sozinho: sempre é preciso um um despertar saudades e as lágrimas descerem
olhar de apoio, uma palavra de incentivo, um fáceis; quando lá, bem distante, novamente nos
gesto de compreensão, uma atitude de amor. encontrarmos, cada um com seu novo sonho,
A vocês pais, avós, irmãos, cônjuges, filhos, então saberemos que fomos felizes a cada mo-
namorados, enfim, àqueles que compartilharam mento e que, dos sonhos todos, este foi o maior.”
os nossos ideais, que veem com alegria o fim de ( Joaquim Nabuco do Nascimento)
etapa e estão felizes como nós, nossos agradeci-
23. “Se eu pudesse deixar algum presente a você,
mentos. Sim, vocês nos amaram o suficiente
deixaria aceso o sentimento de amor à vida
para tolerar nossa ausência, para encorajar e
dos seres humanos, a consciência de aprender
aplaudir esta vitória; portanto, a vocês, a nossa
tudo o que nos foi ensinado pelo tempo afora.
mais profunda gratidão e respeito.” (Autor
Lembraria os erros que foram cometidos,
Desconhecido)
como sinais, para que não mais se repetissem; a
19. “Rir muito e com freqüência; ganhar o respeito capacidade de escolher novos rumos. Deixaria
de pessoas inteligentes e o afeto das crianças; para você, se pudesse, o respeito àquilo que é in-
merecer a consideração de críticos honestos e dispensável: além do pão, o trabalho e a ação. E,
suportar a traição de falsos amigos; apreciar a quando tudo mais faltasse, para você eu deixaria,
beleza, encontrar o melhor nos outros; deixar o se pudesse, um segredo: o de buscar no interior
mundo um pouco melhor, seja por uma saudável de si mesmo a resposta para encontrar a saída.”
criança, um canteiro de jardim ou uma redimida (Mahatma Ghandi)
condição social; saber que ao menos uma vida
24. “Tentar e falhar é, pelo menos, aprender. Não
respirou mais fácil porque você viveu: isto é ter
chegar a tentar é sofrer a inestimável perda do
sucesso.” (Ralph Waldo Emerson)
que poderia ter sido.” (Geraldo Eustáquio)
20. “O aprendizado nunca termina. Não existe parte
25. “Quero ver o sol atrás do muro... quero um re-
da vida que não contenha lições. Se você está
fúgio que seja seguro... quero o mundo feito sem
vivo, há lições para aprender.” (Autor Descon-
porta ou vidraça... quero uma estrada que leve à
hecido)
verdade... quero voar de mãos dadas com você,
21. “A vida não é um corredor reto e tranqüilo que ganhar o espaço em bolhas de sabão, escorregar
nós percorremos livres e sem empecilhos, mas pelas cachoeiras, pintar o mundo de arco- íris...
um labirinto de passagens, pelas quais nós deve- quero rodar nas asas de um girassol, fazer
mos procurar nosso caminho, perdidos e confu- cristais com gotas de orvalho, cobrir de flores os
sos, de vez em quando presos em um beco sem campos de aço... beijar de leve as faces da lua.”
saída. Porém, se tivermos fé, uma porta sempre (Thomas Roth)
será aberta para nós, talvez não aquela sobre a
26. “A verdadeira riqueza é aquela que pode ser
qual pensamos, mas aquela que definitivamente
compartilhada. Mesmo não tendo nada, somos
se revelará boa para nós.” (Autor Desconhecido)
ricos porque compartilhamos o que temos, o
amor. O amor verdadeiro, puro e sincero é a
base de nossa amizade. Que Deus nos abençoe.”
(Autor Desconhecido)
MANUAL DE MENSAGENS  | 53

27. “As pessoas que vencem neste mundo são as que seguindo outros caminhos. E o nosso carinho
procuram as circunstâncias de que precisam, aos que ficam, prosseguindo a luta diária da
e, quando não as encontram, simplesmente as formação de novos profissionais. Que esse até
criam. Compartilhe comigo deste momento!” breve jamais se transforme num adeus.” (Autor
(Autor Desconhecido) Desconhecido)
28. “E chegou a hora de partir... Agora, cada um 31. “Quando as coisas vão erradas, não pense que
de nós seguirá o seu caminho, e a separação se todos os seus esforços têm sido em vão... Talvez
torna inevitável... Os novos amigos e horizon- tudo foi para melhor. Por isso, sorria... E experi-
tes que se abriram... As descobertas do nosso mente outra vez. Pode ser que o seu aparente
mundo. Os vaivéns pelos corredores... Momen- fracasso venha a ser a porta mágica que o con-
tos de angústias ao encontrarmos obstáculos... duzirá para uma nova felicidade que antes você
Momentos de união para vencermos cada jamais conheceu. Você pode estar enfraquecido
batalha... Enfim, as palavras não exprimem os pela luta, mas não se considere vencido... Isso
momentos vividos, mas ficarão na memória de não quer dizer derrota. Não vale a pena gas-
cada um os instantes que juntos vivemos. E os tar o precioso tempo em lágrimas e lamentos.
bons momentos principalmente... Estes não se Levante-se... E enfrente a vida outra vez... E, se
apagarão no decorrer dos anos, e, certamente, você guardar na mente o alto objetivo de suas
ouviremos por muito tempo ainda o eco de nos- aspirações, os seus sonhos se realizarão... Tire
sos risos... Com a lembrança do que somos, e a proveito dos seus erros, colha experiência das
esperança de sermos mais, e podermos mostrar suas dores, e então um dia você dirá: “Graças
que valeram a pena todos esses anos de dedi- a Deus, eu ousei experimentar outra vez.” (Do
cação e sonhos...”. (Richard Bach) livro Otimismo em Gotas.)
29. “... mudaram as estações, nada mudou. Mas eu 32. “A partir de agora nos sentimos mais com-
sei que alguma coisa aconteceu. Está tudo assim pletos, mais inteiros. As nossas lutas, as horas
tão diferente... Você lembra quando a gente debruçadas sobre os livros, as ansiedades antes
chegou um dia a acreditar que tudo era pra sem- e depois de cada prova, de cada exame. Hoje
pre, sem saber que o para sempre sempre acaba. são lembranças agradáveis e ainda quentes na
Mas nada vai conseguir mudar o que ficou. memória, mas dentro em breve estaremos com
Quando penso em alguém só penso em você. um diploma nas mãos, renovando nossos ideais,
E aí então estamos bem, mesmo com tantos concretizando nossos sonhos. Quando subirmos
motivos pra deixar a vida como está. Em desistir ao palco em trajes de festa, o coração estará
e voltar. Agora tanto faz. Estamos indo de volta batendo mais forte e nós estaremos trêmulos;
para casa.” (Renato Russo) a emoção invadirá o corpo; a plateia aplaudirá
a nossa conquista e talvez o nervosismo nos
30. “A nossa amizade àqueles que nos quiseram
domine e não sintamos a maravilhosa magia do
bem e nos apoiaram nos bons e nos maus
momento sublime do qual nos aproximamos.
momentos. O nosso perdão àqueles que, por
Mas um dia, quando a saudade nos fizer abrir
motivos alheios a nossa vontade, não nos
as páginas deste convite e recordar, tudo será
compreenderam, nem se fizeram compreender.
revivido como se estivesse acontecendo naquele
A nossa saudade e a esperança de um reencon-
momento. E certamente, iremos nos sentir mais
tro aos que, por vários motivos, nos deixaram,
próximos e mais completos, por inteiro.” (Autor
Desconhecido)
54 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

33. “A partir de hoje, estamos em busca de um 37. “Iremos lutar pelos ideais e pelos elementos
destino cheio de Vida. Talvez não nos vejamos sagrados da cidade, tanto individual, quanto
todos os dias, talvez nem todos os anos, mas coletivamente, (...) não vamos deixar esta
certamente jamais nos esqueceremos. Fica aqui cidade para os nossos descendentes nem pior,
a promessa do reencontro, das festas, da brinca- nem igual, mas sim melhor e mais bonita do
deira, da cerveja. Fica aqui o desejo de boa sorte que era quando a recebemos.” ( Juramento dos
e felicidade. Fica a vontade de que lutes e venças Atenienses)
sempre!” (Autor Desconhecido)
38. “O homem é o único ser da natureza que tem
34. “Não há dificuldade que o amor não vença; consciência de que vai morrer. Mesmo sabendo
doença que o amor não cure; porta que o amor que tudo irá acabar, façamos da vida uma luta
não abra; obstáculo que o amor não transponha; digna de um ser eterno.” (Paulo Coelho)
muralha que o amor não derrube; pecado que o
39. “Grande é a tarefa que nos espera... Para todos
amor não redima... Não importa que o problema
os seres humanos constitui quase um dever
se ache há muito enraizado; que as perspectivas
pensar que o que já se tiver realizado é sempre
não ofereçam esperança; que a situação esteja
pouco em comparação com o que resta por
embaralhada; que o erro tenha as dimensões que
fazer.” ( João XXIII)
tiver. O sentimento autêntico do amor dissolv-
erá tudo. Quem souber amar o suficiente será 40. “Quando amamos e acreditamos em algo, do
o mais feliz e o mais poderoso ser do mundo.” fundo de nossa alma, nos sentimos mais fortes
(Emmet Fox - O Sermão da Montanha) que o mundo, e somos tomados de uma sere-
nidade que vem da certeza de que nada poderá
35. “Cada passo que damos, cada obstáculo que
vencer a nossa fé. Esta força estranha faz com
superamos, cada vitória que conquistamos,
que sempre tomemos a decisão certa, na hora
fazem dos anos vividos uma experiência a mais
exata e, quando atingimos nossos objetivos, fi-
que adquirimos; pois a vida passa, mas as obras
camos surpresos com nossa própria capacidade.”
realizadas ficam como um marco em nossa
(Paulo Coelho)
existência.” (Autor Desconhecido)
41. “Se não houver frutos, valeu a beleza das flores,
36. “O amanhã... palavra tão obscura que ao aman-
se não houver flores, valeu a sombra das folhas,
hecer nos espera. Espera-nos para apoderar-se
se não houver folhas, valeu a intenção da se-
do nosso destino e nos deixar sem controle. O
mente.” (Henfil)
futuro nos aguarda com uma incessante batalha,
cujo prêmio é a sobrevivência. Esperamos tanto 42. “Não sejas o de hoje. Não suspires por ontens.
pela data de hoje. Agora lamentamos tê-la Não queiras ser o de amanhã. Faze-te sem lim-
chegado. Deixaremos nossa segunda família, ites no tempo. Vê a tua vida em todas as origens.
mas o faremos com o peito cheio de orgulho. Em todas as existências. Em todas as mortes. E
Aprendemos a ser fiéis... Seremos. Aprendemos sabe que serás assim para sempre. Não queiras
a ter confiança... Teremos. Aprendemos a nos marcar a tua passagem. Ela prossegue. É a pas-
levantar... Levantar-nos-emos. Aprendemos a sagem que se continua. É a tua eternidade... É a
viver...”. (Autor Desconhecido) eternidade, És tu.” (Cecília Meireles)
MANUAL DE MENSAGENS  | 55

43. “Sou livre quando amo o que faço. Sou livre 49. “Acabamos de vencer uma batalha, dentre
quando aceito que o mais importante é a minha muitas com as quais haveremos de nos deparar.
consciência. Sou livre quando sei que, na hora Neste momento, conquistamos uma vitória.
do fracasso, é sempre tempo de começar outra Ao longo de nossas vidas, todos nós fizemos
vez. Sou livre quando sou capaz de amar o escolhas e fomos convidados a seguir em frente
instante da vida que eu tenho nas mãos.” ( Juan para atingir nosso ideal. Hoje é o fim de uma
Arias) trajetória e início de outra. Estudamos sobre
a mente, sobre o comportamento e sobre o
44. “Creio fortemente que a ciência e a paz triun-
desenvolvimento humano. Fomos trilhando
farão da ignorância e da guerra, que os povos
caminhos subjetivos. Nas diferenças formamos
chegarão a um acordo não para destruir, mas
nossa identidade. A partir de escolhas, construí-
para construir, e que o futuro pertencerá aos que
mos nosso saber. Amadurecemos. Passamos por
mais tiverem trabalhado para aliviar o sofri-
vários momentos, obstáculos, situações difíceis,
mento humano.” (Pasteur)
mas também felizes e enaltecedoras, e hoje já
45. “As coisas tangíveis tornam-se insensíveis à não somos mais os mesmos. É nessa nova fase
palma da mão. Mas as coisas lindas, muito mais que se definirá o nosso futuro, e até aonde cada
que lindas, essas ficarão” (Carlos Drummond de um chegará na vida. Que nosso conhecimento
Andrade) não seja um obstáculo à humildade, pois o
desejo de ter sempre razão é o maior obstáculo
46. “Eu não sou nada, nunca serei nada, não posso
às ideias novas. É melhor termos ideias sufi-
querer ser nada. À parte isso, tenho em mim
cientes, mesmo que algumas delas estejam er-
todos os sonhos do mundo.” (Fernando Pessoa)
radas, do que termos sempre razão e não termos
47. “Gastei uma hora pensando um verso, que a quaisquer ideias. Não é importante sermos
pena não quer escrever. No entanto ele está cá sérios para todas as coisas, mas sermos sérios
dentro inquieto, vivo. Ele está cá dentro e não para as coisas importantes, pois, quando um ser
quer sair. Mas a poesia deste momento inunda humano desperta para um grande desejo, todo
minha vida inteira. Renda-se, como eu me universo conspira a seu favor.” (Autor Descon-
rendi. Mergulhe no que você não conhece como hecido)
eu mergulhei. Não se preocupe em “entender”.
50. “E agora?
Viver ultrapassa todo o entendimento.”(Clarice
O sonho de criança tornou-se realidade.
Lispector)
Acabou-se o sonho? Ou está começando?
48. “Não basta lutar. Não é bastante a presença do Viveremos o dilema da vida entre sucessos e
dever ser humano e humano. É preciso ampliar fracassos.
cada sinal que aponte para um novo e difer- Não seremos derrotistas nem derrotados, mas
ente vínculo onde o afeto e a conquista estejam lutadores, guiados pelo instinto da vida, a man-
presentes. Não basta que o trabalho seja fonte ter vivos nossos sonhos.
de bem-estar e distribuição de renda. É preciso No lugar dos brinquedos, dignidade.
que a dignidade seja a mediação ética referen- No lugar da brincadeira, ética.
dada no caminhar humano. Valeu a pena? Tudo Mas, e agora?
vale a pena se a alma não é pequena.” (Fernando Agora, basta viver o sonho de criança.
Pessoa) Com sonhos e medos, com seguranças e dúvi-
56 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

das, com lágrimas e sorrisos, passamos por aqui. familiar que sempre nos tocou por alguma razão
E alguma coisa aconteceu dentro de nós, sem desconhecida. Isso simplesmente quer dizer
que pudéssemos perceber, quase sem querer. que a magia real vem substituir tudo aquilo que
Algo tão grande que não se pode expressar apenas fora antevisto e desejado na penunbra de
por palavras e tão forte que ficará para sempre nossas fantasias noturnas. E não é maravilhoso?
gravado em nossas vidas. Em verdade, parece que apenas em sonhos
Foram vários anos. sucessivos a vida é possível de ser dignamente
Sentiremos saudades. vivida. ( Júlio Kaempf )
E ter saudade é mais que apenas relembrar.
53. Será que agora adquirimos experiência e
Ter saudade é não ter medo de olhar para trás,
estamos finalmente prontos? Será que podemos
É ter coragem de aprender com tudo o que se
olhar tranqüilos para o futuro, na certeza de
viveu.
termos encontrado nosso caminho? Sim, po-
E continuar.
demos fazer isso, contanto que não pensemos
Afinal, a vida continua, nossa história continua...
que nossa tarefa terminou. Que graça teria viver,
Sonhos, acreditem neles!” (Lênin)
se não tivéssemos de nos aperfeiçoar a cada dia?
51. O engraçado das conquistas é que, apesar de Que emoção haveria em observar de longe as
termos sofrido sozinhos todas as provações batalhas dos outros? Conquistar alguma coisa é
que lhes antecedem, no mais recôndito de apenas ganhar o direito de nos sentirmos mais
nossa alma, gostamos de vê-las como algo que fortes para os desafios que virão. Sejamos dignos
alcançamos com o auxílio e o esforço de nossos de tal direito, para que nossos conhecidos pos-
entes queridos. E, no fundo, quem pode garantir sam ver em nossa vida um exemplo da realiza-
que não foram eles que nos sustentaram em ção do ser humano. ( Júlio Kaempf )
cada momento difícil por que passamos, em
54. Em toda a parte o caos mais generalizado
cada estrada pedregosa, em cada beco escuro?
parece haver tomado conta de tudo: violên-
Aquele amigo que escutou nossas preocupações
cia, roubo, difamação, desespero, ceticismo,
no bar, o pai ou a mãe que nos incentivaram
doenças e crises de toda a ordem abalam a
a continuar a luta, o companheiro ou a com-
esfera pequenina em que os homens levam suas
panheira que embalsamou nossas feridas com
vidas. Mas será que isso é motivo suficiente para
os panos quentes do amor? Certamente não
deixarmos de sorrir e de amar o nosso próximo?
estaríamos aqui se não fosse por eles. Apenas as
Será que a maldade alheia deve ser um convite
pessoas de espírito mesquinho veem a con-
para que também sejamos maus? Pelo contrário!
quista como fruto de esforço solitário; todos os
Tudo o que vai errado no mundo é um convite
grandes conquistadores são magnânimos. ( Júlio
para que nos manifestemos e mostremos o que
Kaempf )
ainda há de bom por aqui. ( Júlio Kaempf )
52. Todos os momentos da nossa vida em que
55. Quando termina a missão do educador? Quan-
sentimos a satisfação de havermos realizado um
do ele pode dar por encerrados os seus esforços?
sonho são, precisamente, como outro sonho que
Nunca – simplesmente nunca, e aquele que
começamos a viver. As coisas passam velozes, as
pensar o contrário jamais sentiu em seu peito a
luzes têm mais brilho, as palavras fazem mais
missão de educar. Pois educar não é nada mais
sentido, os sorrisos são mais sinceros... Até
do que conduzir as pessoas a uma direção, e isso
passamos a compreender a letra daquela música
MANUAL DE MENSAGENS  | 57

pode e dever ser feito em todos os períodos de algo simples e fácil: é preciso ter enorme senso
nossa vida, não como um trabalho penoso, mas de beleza e de justiça para dar a cada coisa
como uma graça, não como uma profissão, mas a solução de que necessita. E é preciso, além
como uma vocação das mais importantes. E disso, imaginação, fantasia, razão, criatividade
qual é a melhor maneira de se educar alguém, e tudo o mais que se costuma requerer da arte.
senão pelo exemplo? Que bom seria se todas as Seja no que toca ao meio-ambiente, seja no que
pessoas pensassem no que fazem como a um ex- toca às produções humanas dos mais variados
emplo para aqueles que as observam. A maioria tipos, desde as máquinas até as construções, eles
dos males simplesmente deixaria de existir. Mas sempre serão os verdadeiros artistas da matéria.
isso, que talvez mais não seja do que um sonho ( Júlio Kaempf ).
de idealista, deve ser o princípio básico de todos
59. O papel do dentista não é nenhum pouco desp-
os que tomaram a pedagogia como espinha
rezível: se não fosse por ele, todos os sorrisos da
dorsal de suas existências. ( Júlio Kaempf )
vida seriam amarelos. ( Júlio Kaempf )
56. Ora, senhores bacharelandos, pesai que vos ides
60. Criações do pensamento, invenções da ciência,
consagrar à lei, num país onde a lei absoluta-
produções da arte, expansões do afeto universal
mente não exprime o consentimento da maioria,
da humanidade... Tudo aquilo que mais apre-
onde são as minorias, as oligarquias mais acan-
ciamos e de que nos orgulhamos enquanto seres
hadas, mais impopulares e menos respeitáveis,
humanos, e ainda muito mais, simplesmente
as que põem, e dispõem, as que mandam, e
não seria possível se não houvesse saúde. Não há
desmandam em tudo; a saber, num país, onde,
Einstein que dispense um bom médico e uma
verdadeiramente, não há lei, não há, moral,
boa enfermeira. ( Júlio Kaempf )
política ou juridicamente falando. (Rui Barbosa)
61. Um arquiteto atingiria o auge de sua vida
57. Com que pode ter compromisso um advogado?
se pudesse tornar reais todos os castelos que
Com a verdade. A que se deve ater estrita-
os homens constroem no ar. ( Júlio Kaempf ).
mente? À Verdade, senhores, escrita com letras
O biólogo é aquele que se instrui para poder
maiúsculas. Não tem outra razão de ser um
falar sobre as mais diversas manifestações da
julgamento senão restabelecer a verdade sobre
vida. Talvez seja umas pessoas que mais sinta
os fatos. Os advogados são os condutores desse
o mistério tremendo que nos envolve desde as
processo, e não devem temer a nada, não devem
profundezas de nosso ser. ( Júlio Kaempf )
se deixar levar por barganhas e outras ofertas
aduladoras, não podem querer passar por cima 62. Calcular, medir, prever, somar, subtrair, mul-
do que deve ser estabelecido por direito. Se tiplicar... À primeira vista não parece muito
agem como o devido, são instrumentos na mão importante o trabalho dos contadores. Mas so-
do senso de justiça que se manifesta em cada mente à primeira vista: porque no fundo o que
homem, independentemente de suas condições eles contabilizam é o fruto de nossas conquistas,
econômicas ou sociais; se agem de outro modo, a medida de nossas ambições, o alcance de nos-
são exemplos vergonhosos da impotência hu- sos sonhos e, por que não?, os desregramentos
mana. ( Júlio Kaempf ) de nossa vaidade. ( Júlio Kaempf )
58. Os engenheiros estão no mundo para engen-
har soluções as mais variadas. Não se trata de
63. Todos os seres humanos adoram ouvir e contar
58 |  Convites de Formaturas para Todo Brasil

histórias. Mas isso que é um anseio universal


nos homens é um privilégio nos historiadores.
A eles cabe a tarefa de desvendar e interpretar
os conflitos, as ambições, as picuinhas, a glória
e a fatuidade das ações que, embora passadas,
continuam a atuar em nossas vidas. Eles são
como aquelas vizinhas que sempre sabem o que
se passa nas redondezas, mas também como os
guardiões de um tesouro muito valioso: nada
mais e nada menos do que as pegadas da hu-
manidade. ( Júlio Kaempf )
64. Há qualquer coisa de filial na Geografia, pois
ela é uma das ciências cujo objetivo é cuidar da
nossa mãe, a Terra. E o sucesso de sua tarefa
pode ser medido pelo amor que os geógrafos
demonstram pelo nosso planeta. ( Júlio Kaempf )
65. A língua é a mais viva expressão de nacionali-
dade. Saber escrever a própria língua faz parte
dos deveres cívicos. (Napoleão Mendes de
Almeida)
MANUAL DE MENSAGENS  | 59

Centres d'intérêt liés