Vous êtes sur la page 1sur 38

Capítulo 1 - O Acumulador de Orgone

fonte:
https://www.orgon.de/infos-zum-orgon-akkumulator/ausführliches-kapitel-über-den-or
ac/

O acumulador de energia Orgone foi projetado pelo Dr. Ing. Wilhelm Reich
desenvolveu-se em 1940 nos EUA. Este dispositivo foi o resultado de muitos anos
de conhecimento científico e pesquisa médica e observações, bem como o ponto de
partida para uma extensa pesquisa adicional por Reich e seus colegas, bem como
outros cientistas e médicos. O acumulador de orgone representa a evolução central
da orgonomia, a ciência da energia cósmica primordial, a energia vital ou a energia
orgone, como Reich a denominou, depois de descobrir e defini-la cientificamente.

Hoje, mais de 70 anos depois, o funcionamento e as aplicações da energia orgone


ainda são amplamente desconhecidos do público em geral. Aqueles que estão
familiarizados com o nome de Wilhelm Reich geralmente sabem que Reich fez
pesquisas sobre energia orgone, mas muitas vezes não muito mais. Este capítulo
pretende, portanto, explicar as funções básicas da energia orgone e do acumulador
de orgone. Ele é projetado para permitir que leigos e cientistas interessados ​em
outros campos possam lidar de forma adequada e responsável com a energia
concentrada do orgone.

Este capítulo é largamente baseado nas especificações de Reich 1951, publicado no


The Orgone Energy Accumulator - É Uso Científico e Médico . Além disso, eu uso
informações do trabalho padrão do Reich orgonemedisches The Discovery of
Orgone, Vol. 2, The Cancer. Outra fonte importante é a Biografia do Império de
Myron Sharaf, The Holy Wrath of the Living .

Além disso, este artigo contém muito material do livro The Orgone Accumulator
depois de Wilhelm Reich , publicado em 1983 sob o pseudônimo "Jürgen F.
Freihold". Eu traduzi o texto do Reich, The Orgone Energy Accumulator - é Scientific
and Medical Use e queria publicá-lo em alemão. Reich tinha em seu trabalho padrão
The Cancer forneceu apenas informações muito gerais sobre a construção e o
funcionamento da bateria de orgone e, de outro modo, nenhuma informação exata
sobre dimensões, materiais, método de produção e aplicação foi deixada. As
tentativas de produzir e aplicar acumuladores de orgone de acordo com esses dados
foram, portanto, amplamente malsucedidas. Apenas sobre um paciente Hoppes,
médico e empregado do Reichs, que continuava a operar a medicina orgone mesmo
depois da morte de Reich em Israel, recebi informações precisas sobre o projeto.
Sobre ele também aprendi que Reich havia escrito um manual de construção
simples, que ainda não havia sido publicado. O Museu Wilhelm Reich, em Orgonon,
Maine, EUA, publicou este manual de instruções e o vende como uma fotocópia.

Infelizmente eu não tive esse tempo os direitos à Empire Texto O Orgone


acumulador de energia .... A gestão legal da herança de Wilhelm Reich, o "Fundo
Fiduciário Wilhelm Reich infantil", negados os direitos, argumentando apenas para
grandes editoras se qualificaria , No entanto, uma vez que as grandes editoras que
se mudaram de Reich não se importaram com o texto por razões econômicas, ele
permaneceu inédito na Alemanha até hoje.

Decidi então reeditar todas as informações contidas neste texto e escrevi o livro Der
Orgon-Akkumulator nach Wilhelm Reich . Eu próprio vinha produzindo acumuladores
de orgone desde 1977, então publiquei minhas informações sobre a construção,
bem como um primeiro relatório extenso de campo.

A publicação deste livro, que eu havia distribuído em formato fotocopiado já em


1980, é um dos passos decisivos para o relançamento do aplicativo médico da
ORAC.

Wilhelm Reich havia construído um total de cerca de 250 acumuladores de orgone


(de acordo com os dados Myron Sharafs, que realizou pesquisas). Eu mesmo
construí consideravelmente mais dispositivos em 36 anos. Do meu livro The Orgone
Accumulator to Wilhelm Reich, cerca de 4000 cópias foram vendidas. O livro Orgone
e DOR foi vendido cerca de 10.000 vezes. Além disso, vários outros autores
publicaram instruções de construção, por exemplo, 1976 Bernd Laska no Wilhelm
Reich Blätter . As instruções de construção na biografia do reino, David Boadellas,
infelizmente não foram traduzidas corretamente para o alemão, de modo que erros
significativos são incluídos. O livro de James DeMeo The Orgone Accumulator - um
manual(Verlag 2001), que também contém instruções de construção, foi publicado
no outono de 1994 e vendido em três edições até o início de 1995. As instruções
nele também são tão falhas que dificilmente é possível trabalhar depois. O único
manual de construção viável está atualmente no livro de Heiko Lassek orgonoterapia
- um manual de medicina energética vida (ISBN 978-3934391239) foi publicado. É
um manual de construção atualizado do meu livro Orgone and DOR.

Como Reich em 1951 seu texto A Energia Orgone Accumulator publicado ..., ele
imaginou que o orgonomia médica iria continuar a desenvolver o então padrão de.
Os resultados orgonômicos foram relativamente difundidos apenas devido às
publicações do Reich, sem qualquer publicidade e outro suporte jornalístico.
A descoberta da energia orgone "não teve um eco súbito e meteórico entre o público
em geral. De acordo com suas funções bioenergéticas, era mais como uma árvore
crescendo do que como um relâmpago ofuscante. Nem ela sofreu o destino maligno
do desaparecimento meteórico em público. " (Wilhelm Reich, The Orgone Energy
Accumulator - It's Scientific and Medical Use, p. 9)

Especialmente nos Estados Unidos, onde Reich havia trabalhado, os acumuladores


de orgônio desapareceram completamente depois que Reich e seus associados
foram condenados a destruir todos os dispositivos orgônicos e depois que toda a
literatura orgonômica foi queimada. Nenhum médico se atreveu a praticar a medicina
orgone novamente nos EUA - mas menos por motivos criminais, mas porque um
acidente ou morte em conexão aleatória com a ORAC traria indignas alegações da
lei civil.

Funções Básicas da Energia Orgônica e do Acumulador de Orgônio

Wilhelm Reich descobriu uma energia original, a energia primordial cósmica, que
existe antes de cada geração de matéria e que, juntamente com matéria sólida e
água, constitui a vida. Portanto, ele também a chamou de energia vital e a chamou
de "orgone", referindo-se aos termos "orgânico" ou "orgasmo". Ele conscientemente
distanciou-os de outros conceitos de energia, como o "éter", "prana" ou "od", uma
vez que esses termos estavam sujeitos a idéias ideológicas adicionais e, portanto,
não foram definidos puramente cientificamente. Além disso, Reich documentou com
a criação desta palavra de arte, a autoria de sua descoberta, que ele considerou,
com razão, uma conquista científica revolucionária.

Reich já estava ativo quando jovem, aos 22 anos, no círculo de Freud como
psicanalista. Ele trabalhou desde o início, a minha função sexual e olhou para o
conceito freudiano de energia drive "libido", não só, como a maioria de seus colegas,
como uma metáfora linguística, mas desde o início como energia no sentido físico, o
que também está de acordo com detectável teria que ser.

Apenas alguns anos depois, depois de abandonar a psicanálise tradicional, ele


realizou experimentos sensacionais na Noruega no final dos anos 30, nos quais ele
queria provar a libido como energia elétrica do corpo, mostrando claras mudanças
na voltagem elétrica nas reações de prazer e ansiedade. No entanto, o modelo
elétrico não o satisfez, porque a bio-eletricidade comprovada correspondia às
reações emocionais, mas não podia ser considerada como a única fonte de energia
do organismo por causa da quantidade relativamente pequena.
Ao mesmo tempo, Reich iniciou seus chamados experimentos com bíons na
Noruega. Ele observou que a formação de feno, areia, terra e todos os tipos de
substâncias químicas espontaneamente protozoários, quando o material se
decompõe (por exemplo por calor), e é misturado com água. A formação dos
protozoários não é feito pela Empire observações de como biologia clássica
unbewiesenermaßen postulado sobre "germes em suspens", mas em uma
desintegração vesicular de substâncias que coalescem espontaneamente acumulam
e iniciam um movimento autónomo. Essas bolhas, que Reich chamou de "Bione",
formam uma pré-forma de seres vivos. A partir deles, organismos unicelulares
classificáveis ​são formados em uma etapa adicional de desenvolvimento.

Uma vez que toda a matéria orgânica se decompõe em Bionenformen se morrer,


Reich assumido que os micro-organismos são de uma forma permanente de
transição, de modo que constantemente protozoários também ocorrer dentro de um
organismo vivo, tais como bactérias, fungos ou protozoários. Em seu tempo, essas
idéias foram consideradas bacteriologista absurdo e famosa tentando fazer Império
ridículo público, que eles conseguiram na Noruega, que contribuiu decisivamente
para esse reino para parar o seu Bionforschung e seus experimentos bioelétricos e
teve que se mudar para os Estados Unidos. Embora as idéias biológicas
revolucionárias de Reich ainda não sejam universalmente aceitas hoje, há um
número crescente de naturalistas que confirmaram as descobertas do Reich de
outras maneiras.

Nessas preparações e nas salas onde Reich os observava, ele tomou um brilho
azulado. Reich queria descartar que eram ondas eletromagnéticas e colocou os
espécimes em uma caixa de metal, que foi acidentalmente isolada do lado de fora
com madeira. Aqui, no entanto, esse fenômeno de radiação tornou-se mais intenso e
permaneceu visível mesmo sem os preparativos na caixa. Em uma caixa de madeira
sem uma camada interna de metal, os fenômenos de radiação não poderiam ser
reconhecidos.

Além dos trechos azul-acinzentados, Reich podia ver flashes de luz e pequenas
"ondas giroscópicas" em movimento rápido. Todos esses fenômenos pareciam ser
ambos subjetivos, porque ele podia vê-los com os olhos fechados, bem como
objetivamente, porque eles também podiam ser ampliados com uma lupa.

Essa energia também teve claras reações organísmicas. Assim, a pele avermelhada
ligeiramente quando as preparações - algum tempo colocar sobre a pele e, na
observação microscópica, Reich e outros atraído para o Bionkulturen observadas ao
microscópio, conjuntivite severa para - sobre um substrato de vidro de quartzo.
Foi só muito mais tarde, quando Reich descobriu esses fenômenos de energia na
atmosfera, que ele decidiu assumir uma energia física independente.

"No Maine, Reich começou a olhar para as estrelas através de um tubo de madeira.
Ele acidentalmente apontou o tubo em um espaço azul escuro entre as estrelas.
Para sua surpresa, ele viu um brilho vívido, depois flashes de luz fina. Quanto mais
ele se aproximava da lua, menos intensos os fenômenos apareciam. Eles eram mais
pronunciados nas partes mais escuras do céu entre as estrelas. Era o mesmo
tremeluzir e piscar que ele tinha visto tantas vezes na caixa. Uma lupa, que era
usada no tubo como uma ocular, aumentava os raios. De repente, o mistério do
Geflacker se dissolveu no Reichs Kasten. A explicação era simples: quando não
havia culturas na caixa, a energia nelas saía da atmosfera. Então a atmosfera
continha uma energia desconhecida.

Reich fez observações visuais dessa energia, incluindo a ampliação dos fenômenos,
para descartar que eram apenas sensações subjetivas. No entanto, essas tentativas
nunca foram tão conclusivos que resistiram a uma revisão crítica ". (Myron Sharaf, A
ira santa de viver, S. 334/335)

O método do conhecimento Reich diferia fundamentalmente da visão


mecanicista-mística predominante da natureza. Ele chamou isso de "funcionalismo
energético". É o método de olhar a natureza do ponto de vista funcional dos vivos,
não rigidamente mecanicista para vê-la como um processo mecânico ou automático,
e não místico, isto é, projetar funções naturais em domínios psíquicos, espirituais ou
divinos.

O funcionalismo energético incorpora as funções naturais do ser observador, isto é,


o ser humano exploratório, em consideração. O cientista de aparência natural vê seu
próprio organismo, sentimentos e emoções como as ferramentas mais importantes
com as quais ele entende a natureza. Portanto, ele tem que manter suas funções
biológicas, sua percepção natural e expressão, bem como outras ferramentas com
as quais ele trabalha. Uma pessoa que tem medo de suas próprias funções vitais
terá dificuldade em enxergar a si mesmo e a natureza do ponto de vista da vida, e
tenderá a adotar e representar conceitos rígidos e mecânicos de funções naturais, e
ele se tornará tudo o que ele faz. então não pode explicar

"As observações sobre o lago Mooselookmeguntic representam um momento de


suprema visão para Reich. Pela primeira vez, ele se permitiu acreditar sinceramente
que estava observando radiação que era independente das culturas SAPA, e mesmo
que ele não pudesse provar nada com isso, independente de fenômenos de luz
subjetivos. Só quando sentiu que estava lidando com uma energia fora do corpo,
mesmo fora do assunto em tudo, o que podia da terminologia mais convencional
para energia no corpo - a libido, a bioeletricidade - Desligue e sua descoberta
"energia orgone «Ligue. (...)
Além disso, a experiência em Mooselookmeguntic significou o maior contraste
possível com a ciência da época. Apenas dez meses antes, em 11 de outubro de
1939, Roosevelt recebeu a carta de Einstein na qual ele insistia no desenvolvimento
de uma bomba atômica, já que Hitler provavelmente trabalhava na mesma direção
com todas as suas forças. Esta carta começou o histórico projeto de Los Alamos. E
Reich lutou sua batalha solitária com o equipamento mais primitivo e com
observações "bobas" em porões escuros e sobre um lago. Ele frequentemente
apontava esse contraste: por um lado, todo o esforço intelectual e técnico
avassalador dedicado aos "raios da morte"; e, por outro lado, os meios primitivos
com os quais ele se fez sem ajuda externa, para descobrir os "raios da vida". No
entanto, esse contraste não deve obscurecer o fato de que existem grandes
semelhanças entre a abordagem de Reich e a ciência tradicional. Reich não
procurou os esforços de qualquer outro cientista para fazer medições objetivas. Suas
observações visuais certamente não poderiam existir como um "experimento
crucial". Então ele deve em breve ter hipóteses verificáveis ​e experiências
replicáveis para virar-se para. "(Myron Sharaf, A Santa Ira dos Vivos, p. 336/337)

Esta visão geral curta e aproximada de algumas estações importantes de orgonomia


deve dar uma idéia de como o acumulador de orgônio foi desenvolvido. A área
científica que aqui entra é tão extensa que nenhum império, segundo Reich,
conseguiu realizar qualquer tipo de pesquisa ampla. Devido à dificuldade da maioria
das pessoas "neuróticas normais" ter acesso à orgonomia na compreensão de suas
próprias funções biológicas, especialmente de sua própria sexualidade, parece
compreensível que apenas alguns cientistas estejam intransponíveis por trás das
descobertas do Reich.

Funções observáveis ​da energia orgone

A energia orgone rodeia tudo, todos os seres consistem nela, faz na conexão com
matéria sólida e rega a parte que dá vida à matéria. As pessoas vivem tão
intimamente ligadas a essa energia que mal percebem espontaneamente e acham
difícil reconhecer as funções do orgone separadamente de si mesmas.

ondas de fiação Se você olhar para o céu azul e focalizá-lo em cerca de 2 metros,
verá, após alguns segundos, muitos pontos brilhantes de luz que se movem em
círculo. Quanto mais você olha, mais claramente você pode ver. Nas ondas
giroscópicas, que quase todas as pessoas podem ver que tentam isso, a natureza
subjetiva e objetiva da energia orgone pode ser entendida muito bem. É impossível
dizer onde esse fenômeno ocorre, seja na retina dos olhos, na conjuntiva ou na
atmosfera diante dos olhos. Boadella escreve:

"Se tais fenômenos, como Reich os descreveu, são realmente vistos no céu, como é
que, então, alguém pode perguntar com razão, que outras pessoas não escreveram
sobre isso? (...) Qualquer um que olhe para o céu desta maneira pode ver esses
pontos de luz, e ainda assim muito poucas pessoas os percebem, a menos que
sejam conscientizados deles. Nos anais da ciência não há representação desses
pontos de luz. A questão não parece irrelevante se eles são produtos artificiais do
olho humano (fenômenos endóticos) ou atributos da atmosfera da Terra (fenômenos
exóticos), acreditava Reich; nem os livros biológicos humanos nem os livros
meteorológicos nos fornecem informações sobre esses fenômenos. Eles nunca
foram examinados (David Boadella, Wilhelm Reich, p. 162f.)

Atrial orgone: A cintilação e o jitter de onda, que pode ser visto em estradas através
lagos, picos, especialmente com binóculos, ou em gravações de filme que foram
feitas com a lente teleobjectiva extrema é geralmente referida como "ondas de
calor". Sua função, no entanto, não tem nada a ver com "calor". Eles também
aparecem a 30 graus abaixo de zero e não podem ser vistos em alguns dias
quentes. As ondas de calor subiriam de baixo para cima à medida que o ar aquecido
se elevasse, e esse fenômeno pode, de fato, ser observado sobre uma lareira
aquecida. Mas essas ondas estão se movendo de oeste para leste na direção da
rotação da Terra, apenas mais rápido do que isso. O ar em movimento não é visível,
o vento só pode ser visto através de coisas em movimento, como folhas ou areia
rodopiante. O que observamos aqui é o movimento do campo orgone da terra.

Céu Azul : O azul é para Reich "a cor específico de energia orgone dentro e fora do
organismo" (Wilhelm Reich, A Energia Orgone Accumulator ... página 15). O azul do
céu é a energia orgone irradiada na atmosfera. Onde DOR, uma forma congelada de
orgone na atmosfera, não se espalha mais ou menos. Lá, o céu, especialmente no
horizonte, aparece esbranquiçado, nublado e em concentrações mais altas, cinza a
marrom e roxo. Nos desertos, o DOR é visto como camadas enegrecidas, como
fumaça ou fumaça de escapamento.

Os Bions também apareceram sob o microscópio com um campo de energia azul


brilhante e uma foto da Terra vista do espaço torna a atmosfera do nosso planeta
muito semelhante ao campo de energia de um Bion.

O verde das plantas é composto pelas cores marrom-amarronzadas da terra do


material vegetal e pelo azul da energia orgone. Quando a vida - a energia e a água -
se retira das folhas verdes, elas ficam amarelas ou marrons. Além disso, os glóbulos
vermelhos são verdes sob o microscópio, se se observar sangue vivo (não corado).
Vaga-lumes e madeira luminescente brilham em azul, assim como o fogo de St.
Elms e as luzes do norte. A observação da energia orgone em uma sala escura
revestida de metal, uma sala de orgônio, mostra que faixas azuladas
espontaneamente brilhantes enchem a sala.

Como o acumulador de orgone funcion​a

"O acumulador de orgone é um dispositivo que é materialmente organizado para que


a energia vital presente na atmosfera de nosso planeta possa ser capturada,
acumulada e usada para fins científicos, educacionais e médicos." (Wilhelm Reich,
The Orgone Energy) Acumulador ..., p. 12)

"Esse mecanismo de concentração é baseado em dois fatos:


1. Matéria orgânica de qualquer tipo atrai e retém orgone. Por outro lado, o material
contendo orgone atrai e mantém pequenas partículas orgânicas.
2. Materiais metálicos, especialmente ferro, atraem orgone, mas repelem
rapidamente. Por outro lado, o metal carregado com orgone repele partículas
metálicas. (Wilhelm Reich, Der Krebs, p. 128).

Embora, em princípio, o material orgânico atraia o orgone, ele também se aplica a


toda uma gama de substâncias que são consideradas inorgânicas no sentido
físico-químico e, ainda assim, possuem essa propriedade. Reich explica:

"O material é um bom isolante de energia elétrica, ou o que equivale à mesma coisa,
um mau condutor de eletricidade, é bem capaz de absorver a energia orgone."
(Wilhelm Reich, A Energia Orgone Accumulator ..., p 16 )

Essas propriedades de metal e isolante são aplicadas no acumulador de orgone


usando isolante no lado de fora e metal no lado de dentro. Por esse arranjo, o
orgônio é gravado e armazenado no lado de fora e recolhido no interior do metal e
rapidamente passado adiante. Devido ao arranjo dos materiais, a repulsão ocorre
predominantemente no interior. Se o metal e o isolador forem colocados em
camadas múltiplas, um atrás do outro, sempre de metal por dentro e isolador
externo, a capacidade do dispositivo de concentrar a energia orgone é aumentada.
Uma camada de cada metal e isolante é chamada de "camada dupla". Quanto mais
bicamadas um acumulador de orgone tiver, mais acumulará orgone.

Uma ideia óbvia, mas ainda não comprovada, ou experimentalmente compreendida,


é que não é o número de camadas que é crítico, mas a área em que as reservas de
energia e os condutores se tocam. Assim, quanto mais finas e finas forem as
camadas internas, mais forte será o acumulador de orgone. Para mim, isso parece
plausível que não é o número de camadas - após o acumulador de orgone não sei
quantas camadas que tem -, mas a superfície de toque em que uma loja de energia
para o metal encaminha a energia orgone no interior.

Entretanto, além do número de camadas do dispositivo, vários outros fatores são de


importância decisiva para a força da acumulação:

carga de orgone da atmosfera: A atmosfera próxima da Terra é muito diferente. O


ideal é uma carga alta na área das nuvens cumulus, das ovelhas ou das nuvens de
clima agradável na área próxima da Terra, que se elevam o mais alto possível e o
mais bruscamente possível do céu azul profundo circundante. O horizonte é
claramente visível e colinas distantes, montanhas ou florestas são as mais azuis
quanto mais longe elas estão. A carga é muito pequena quando o céu é azul pálido a
cinza e nenhuma ou somente nuvens diferenciáveis ​embaçadas na área próxima da
Terra podem ser vistas. O horizonte é branco a castanho-cinzento descolorido e
desfocado na neblina.

umidade: A água se liga à energia orgone e, portanto, quanto menos umidade


relativa estiver, menos "livre" será a energia atmosférica, isto é, "mais livre". De
acordo com Reich 40-50% de umidade relativa são boas condições para o acúmulo.
A pior possibilidade seria 99% de umidade relativa, o que corresponderia ao
nevoeiro.

Latitude geográfica e elevação acima do nível do mar. Com a altura acima do nível
do mar, a ligação da energia orgone ao ar diminui, por isso também é "mais livre",
menos é o que importa. Mais eficaz é um acumulador de orgone no espaço.
Também no equador o acumulador de orgone é mais efetivo, porque a terra não é
muito redonda, mas no equador é um pouco mais larga (como uma rotunda).
Portanto, a carga de orgone é maior em relação aos pólos. (Praticamente, no
entanto, principalmente não, já que nos trópicos, a umidade relativa é muito alta e
nas áreas desérticas, a carga de orgone é muito baixa.)

Tamanho do acumulador em relação ao organismo: As paredes de metal internas do


acumulador de orgone devem estar a uma curta distância do organismo. Quanto
maior essa distância se torna, mais difícil se torna para os campos de energia do
organismo e o acumulador produzir uma sobreposição. O ideal é, portanto, sempre
relativo ao pequeno acumulador do organismo, que o envolve exatamente, sem que
as paredes devam ser tocadas.

Número de acumuladores acumulado​s


Quanto mais acumuladores de orgônio estiverem em um prédio, especialmente se
estiverem próximos ou interligados, mais forte será o acumulador. Império tinha
criado em seu laboratório em Orgonon uma sala como "Orgonraum": A Câmara foi
completamente interior é forrado com metal e nesse grande acumulador único
muitos mais dois acumuladores de orgone médicos eram para realmente sentar-se,
e testar baterias para testes físicos e biológicos e medições. Cada dispositivo
individual trabalhou mais forte no espaço orgone do que sozinho em outro ambiente.

Os efeitos organísmicos do acumulador de orgone

Os efeitos do acumulador de orgone nos organismos baseiam-se em certas


propriedades biológicas e físicas da energia orgone. O potencial orgonômico, o grau
de carga de um sistema energético, por exemplo, um organismo ou a atmosfera ou
um acumulador de orgone, sempre flui do sistema mais fraco para o mais forte.

O acumulador de orgone é um sistema energético criado artificialmente. Seu arranjo


na forma de uma bolha de energia lhe dá um sistema de energia muito semelhante
ao de um organismo. Em termos de atmosfera, é o sistema mais forte.

"Com relação ao acumulador, o organismo é o sistema de energia mais forte. Assim,


o corpo fechado faz um potencial de dentro para fora. Biofisicamente falando, o
organismo vivo forma o primeiro acumulador, circundando-o, o segundo sistema de
irradiação orgonoticamente envolvente. Os campos de energia de ambos os
sistemas entram em contato e depois de algum tempo, dependendo do poder
bioenergético do sistema, tanto o organismo vivo quanto o campo de energia do
acumulador começam a "brilhar", ou seja, são energizados e próximos "Eles estão
se empurrando para níveis mais altos de excitação." (Wilhelm Reich, The Orgone
Energy Accumulator ..., p. 27)

O acumulador de orgone permite que o organismo absorva consideravelmente mais


energia orgone do que seria possível sem seu uso. Não existe outro método que
tenha um efeito semelhante ou igual. No entanto, pode-se dizer que outros
tratamentos incluem certos aspectos do carregamento de orgone - sauna, banhos de
sol, massagem, acupuntura, medicamentos. Freqüentemente, esses tratamentos
tratam do fortalecimento da energia do corpo, da excitação e do fortalecimento das
defesas do corpo. No entanto, apenas aspectos individuais da carga no acumulador
de orgônio são abordados. A especificidade desta carga, que também tem efeitos
específicos, é a excitação e superposição de dois sistemas de energia (se incluirmos
a atmosfera da Terra, incluindo três), o que leva a que o organismo pode absorver
consideravelmente mais energia do que sem o aparelho. A experiência mais próxima
dessa excitação de sistemas de energia é a fusão energética no abraço sexual
genital de dois amantes.

"No acumulador de orgone, finalmente temos um dispositivo médico e profilático


adequado à nossa disposição para lidar com isso de forma eficaz, o que geralmente
é chamado de DOENÇA DE DOENÇA. Essa disposição é algo muito concreto: É DE
BAIXO NÍVEL BIOENERGÉTICO E TEMPO MUDANDO A ENERGIA NO
ORGANISMO. " (Wilhelm Reich, The Orgone Energy Accumulator ... p. 34)

Sobrecarga e sobrecarga crônicas do organismo

Cada organismo tem uma certa capacidade de carga ideal, a capacidade de


absorver uma certa quantidade de energia orgone. Se essa capacidade não for
preenchida, ela é chamada de subcarga orgonótica. Se um organismo é carregado
mais alto do que sua capacidade requer, ele é chamado de sobrecarga. Tanto a
subcarga crônica quanto a excessiva levam a "biopatias".

Myron Sharaf escreve:

"Ele usou o termo" biopatia "para cobrir toda uma gama de doenças, incluindo
câncer, doenças cardíacas e esquizofrenia. Ele disse que a causa das doenças
degenerativas é a hipofunção crônica da energia biológica do organismo. Estas
doenças devem ser diferenciadas das doenças infecciosas ou bacterianas, porque o
desenvolvimento das biopatias é principalmente dependente da vida emocional do
paciente. (...)
Reich considerava o acumulador de orgone como possivelmente a arma mais
importante na luta pelos cuidados de saúde. A carga orgonótica do sangue poderia
reduzir a disposição da doença em uma base ampla e combater um grande número
de doenças baseadas na defesa enfraquecida. (Myron Sharaf, A Santa Ira dos
Vivos, capítulo 22)

Hoje em dia, pode-se supor que a maioria da população está cronicamente abaixo
do peso, uma pequena parte cronicamente sobrecarregada. Muito poucas pessoas
são energeticamente saudáveis.

A "radiação", a experiência específica no acumulador de orgon​e

O "luminosidade" o contato energético entre os campos de energia do acumulador


de orgone e do organismo, a experiência sensorial específica na carga no
acumulador, uma muito agradável, sentimento íntimo de expansão, que detecta cada
célula do corpo e manifestações nesse sentido tem variado, de leve formigamento
na pele a atividade intestinal estimulada, a sensações de fluxo cósmico que lembram
a profunda fusão no orgasmo, mas também a sensação de se apaixonar ou o
primeiro sol se aquecendo na primavera.

De fato, há claras semelhanças entre a sensação de se sentar no sol suave da


primavera e a sensação de radiação orgonótica no acumulador de orgônio. Não que
alguém possa ser igualado ao outro ou que ambos sejam intercambiáveis, mas há
certa similaridade na experiência corporal. O sentimento é o mesmo que "algo"
quente flui de todos os lados do organismo e penetra e se espalha como um
sentimento físico de alegria para a última célula.

Essa fase de radiação, que sempre é experimentada como positiva, benéfica


(mesmo que algumas pessoas, por razões emocionais, se afastem desse "toque"
íntimo e rejeitem o acumulador de orgone), deve-se expandir enquanto for
experimentado como benéfico. Reich descreveu esse sentimento como um "brilho
suave" ou como um "brilho suave na pele".

De acordo com Reich, "prazer" é uma função básica dos vivos, na qual o sistema
nervoso autônomo se estende e o tecido se expande e todas as células do corpo se
expandem com energia e fluido. Nesse sentido, o uso da bateria orgone pode ser
descrito como prazeroso e, portanto, a radiação também é mais experimentada.

Wilhelm Reich chama o uso do acumulador de orgone de "aplicação médica" e ele


está certo se entender o efeito no organismo em geral como médico. No entanto, há
uma diferença entre uma aplicação médica direcionada do acumulador de orgone
como um "tratamento médico" e uma aplicação para a carga bioenergética geral. As
fronteiras são fluidas, mas essa diferença deve ser feita tanto objetivamente
(tratamento médico como efeito sobre certas doenças) quanto legal (somente
médicos e outros curandeiros licenciados podem orientar o uso médico).

No entanto, não se deve negligenciar que o uso do acumulador de orgone é uma


coisa muito prazerosa e a maioria das pessoas que o usam não só se fortalece no
sentido médico, mas porque a "radiação" é tão íntima A experiência é. Wilhelm
Reich e os médicos Orgonomic de seu tempo com esse aspecto atraente sensual do
uso do acumulador de orgone quase não aparecem, que também é muito
compreensível, dadas as campanhas de imprensa irrelevantes contra reino, e o
orgonomia. O que a imprensa sensacional publicou sobre declarações obscenas e
distorcidas sobre a "caixa-sexuada" era verdadeiro de um modo muito neurótico e
desfigurante. O próprio Reich, como muitos outros, usou o acumulador de orgone
porque era muito divertido e não porque teria sido razoável. Reich estava
gravemente doente com doenças cardíacas e estava muito sobrecarregado, se não
cronicamente sobrecarregado, pelo menos nos últimos anos após o experimento de
Oranur. Pode até não ter sido razoável para ele continuar usando o acumulador, e
só posso imaginar que ele não queria renunciar a essas experiências sensuais
incomparáveis. O fato de ele não enfatizar particularmente esse aspecto da
acusação no acumulador de orgônio também pode ser devido ao fato de que ele
queria impor o acumulador de orgone como um dispositivo médico no público
profissional. que ele não queria renunciar a essas experiências sensuais
incomparáveis. O fato de ele não enfatizar particularmente esse aspecto da
acusação no acumulador de orgônio também pode ser devido ao fato de que ele
queria impor o acumulador de orgone como um dispositivo médico no público
profissional. que ele não queria renunciar a essas experiências sensuais
incomparáveis. O fato de ele não enfatizar particularmente esse aspecto da
acusação no acumulador de orgônio também pode ser devido ao fato de que era
importante para ele impor o acumulador de orgone como um dispositivo médico no
público profissional.

Impressões sensoriais extraordinárias no acumulador de orgone

Como as células nervosas também estão excitadas, há sensações especiais no nível


de todas as experiências sensoriais que podem ocorrer, mas não precisam. Essas
experiências sensoriais estão especialmente na primeira fase, quando o organismo
ainda não atingiu sua capacidade de carga ideal e o Nevensystem ainda não se
acostumou ao upload regular. As células nervosas respondem apenas à mudança
de estímulos, de modo que a aparência súbita ou ausência de impressão sensorial.
Assim, no acumulador de orgone, as células nervosas podem ser excitadas e
ativadas fora de sua função normal. Então, vem a sensação de formigamento,
cócegas e calor na pele, flashes de luz e um leve brilho azulado na bateria escura,
leve ruído nos ouvidos, sal ou gosto "elétrico" na língua e um cheiro pronunciado
metálico e fresco. Cada uma dessas percepções pode ocorrer espontaneamente,
mesmo sem um acumulador de orgone, porque o upload repentino parcial de partes
individuais do corpo também pode ocorrer naturalmente.

Carga ótima e sobrecarga

A capacidade dos organismos vivos para aumentar o potencial de carga pode ser
explicada por relações biológicas-energéticas. A ingestão de energia sempre ocorre,
especialmente através da pele e respiração. Em situações em que há mais energia
livre, ou seja, em tempo seco e claro, o organismo pode se adaptar a esse nível
mais alto de energia atmosférica. Ele instintivamente se expõe ao "bom tempo",
então gosta de ficar ao ar livre e se move. Se há menos energia orgone na
atmosfera - ou seja, em clima úmido e nublado, em neblina e chuva - ela se protege
e tenta manter a energia armazenada o maior tempo possível. Esta capacidade do
organismo de se adaptar à diferente natureza energética da atmosfera causa que ele
pode fazer upload mais alto no acumulador de orgônio. Aqui, por assim dizer - no
sentido energético - há sempre "bom tempo" em comparação com o entorno
imediato.

O processo de carga é teoricamente infinito, com efeito, o organismo finalmente


atinge seus limites, desenvolvendo a sensação de "sobrecarga".

"Uma pessoa sensível terá o suficiente depois de algum tempo. Isso é explicado pelo
fato de que, de uma maneira verdadeiramente auto-reguladora, o organismo absorve
apenas a quantidade de energia orgone necessária. Não se deve comparar a
irradiação de Orgon com o enchimento mecânico de um barril com água; a ideia está
errada, seria melhor, quanto mais energia se "derrama" no organismo. Uma vez que
um certo nível tenha sido atingido, as percepções se tornam desagradáveis.
Pressão na cabeça, náusea leve, mal estar geral e tontura são os sinais mais
comuns de sobrecarga. Você simplesmente deixa o acumulador, e se você teve
muito, você sai ao ar livre e os sinais de sobrecarga desaparecem rapidamente ".
(Wilhelm Reich, The Orgone Energy Accumulator, p. 30)

Com o acumulador de orgone como um instrumento para receber energia orgone


concentrada, é assim possível fornecer ao organismo mais energia do que é capaz
de contrair a partir de sua capacidade de carga. Para evitar essa sobrecarga, basta
confiar em sua percepção subjetiva. Até agora, não há outra maneira de determinar
a sobrecarga.

Para entender a função organísmica da sobrecarga, a comparação com a ingestão


de alimentos se oferece. Mesmo com a comida, há a sensação infalível de ter "tido o
suficiente" antes de ser significativamente prejudicado em seu bem-estar. Aqui,
também, o organismo é completamente auto-regulado e as perturbações só ocorrem
quando se supera a auto-regulação, deliberada ou emocionalmente, e ouve-se as
advertências do organismo. Apenas em casos excepcionais, pode ser aconselhável
para ignorar os avisos organicista, ou seja, em caso de doença, você será rápido,
mesmo se você está com fome ou comer em fome mais do que é essencial para a
sobrevivência. Assim como você experimenta como você se sente quando come
demais, você vai experimentar,

A experiência em si é geralmente inofensiva se você não ficar de fora por horas ou


se já tiver uma séria doença de sobrecarga. Portanto, deve-se absolutamente evitar
dormir em um acumulador de orgone ou sob um cobertor de orgone. A sobrecarga é
semelhante a uma insolação leve (sem a pele queimar, é claro), que também é uma
doença sobrecarregada.

Depois de uma sobrecarga, você vai no ar puro, se possível ande no vento ou tome
um longo banho morno. A água é, como eu disse, capaz de atrair e ligar energia.
Sobrecarga pesada ou mesmo contato DOR, como James DeMeo aconselha, deve
tomar um banho completo depois de adicionar um quilo de sal marinho e refrigerante
para a água.

A dosagem de sessões de acumulador

Quanto tempo deve ficar no acumulador de orgone? Quase todos os dias ouço essa
pergunta e até agora só havia uma resposta, que se deve observar atentamente sua
percepção para descobrir quando a sobrecarga começa. Enquanto as sensações
forem agradáveis, é bom usar a bateria.

Algumas pessoas experimentam a radiação com um pouco de medo a princípio,


quando são "tocadas", o que muitas pessoas não experimentam há muito tempo. No
entanto, essa experiência é geralmente tão sutil que muitos ficam bastante
desapontados porque a sensação talvez não seja tão bombástica quanto nas idéias
que alguém já fez.

Pela primeira vez é melhor ir ao acumulador de orgone frequentemente e não muito


longo, isto é, 20 a 30 minutos várias vezes ao dia. O organismo, então, aprende
mais rapidamente para lidar com a nova situação energética do que se a pessoa
entrar por um longo tempo.

É claro que é muito bom ter a oportunidade de discutir essa experiência nova e
desconhecida com alguém que sabe o que está sendo discutido e ajuda a expressar
as primeiras percepções.

Aqueles que estão muito sobrecarregados podem não ter nenhuma percepção
especial em suas primeiras sessões. O organismo então tem que se recuperar
energeticamente, sob certas circunstâncias, ele precisa de um certo tempo para se
acostumar com a carga no acumulador de orgone. É bom entrar frequentemente e
por um curto período de tempo.

Somente a carga de longo prazo e regular no acumulador de orgone garante uma


carga em seu próprio nível de energia ideal e somente o uso contínuo, isso pode ser
mantido. Com que frequência e por quanto tempo isso deve variar muito de pessoa
para pessoa. Pode ser de 30 minutos por dia ou 5 minutos a cada três dias. Você
tem que tentar.

Fatores que influenciam a carga do orgone no acumulador

O número de camadas duplas

No início da pesquisa sobre os efeitos médicos do acumulador de orgone, Wilhelm


Reich pensou primeiro que apenas dispositivos de três camadas deveriam ser
usados ​sem supervisão médica. Dr. No entanto, Walter Hoppe usava acumuladores
de orgone de 20 camadas já na década de 1950, e no final da década de 1970
recomendou que seus pacientes psiquiátricos usassem dispositivos de 10 a 20
camadas. Em alguns casos, dispositivos mais poderosos carregam
consideravelmente mais rápido, de modo que as pessoas que têm um sistema de
energia bastante fraco ou que, por motivos médicos, usem uma bateria recarregável,
estarão em melhor situação com um dispositivo de 10 camadas ou mais forte.
Aqueles que estão sobrecarregados (por exemplo, pessoas com doença
cardiovascular) ou que são propensos a sobrecarga devem usar um dispositivo de 3
a 5 camadas.

A perceptibilidade dos fenômenos específicos não tem necessariamente nada a ver


com a força do dispositivo, mas principalmente com a disposição do organismo e
outras condições mais atmosféricas. Algumas pessoas percebem mais mesmo em
acumuladores mais fracos do que em mais fortes. Talvez seja porque o sistema de
energia do corpo na bateria de baixa potência precisa de mais "auto-atendimento"
para sustentar a excitação.

Em particular, os médicos e os naturopatas que querem colocar seus pacientes em


acumuladores de orgone, muitas vezes enfrentam o problema de querer tratar tanto
pacientes fracos quanto com excesso de peso. Você teria que montar um forte
acumulador de orgone e um fraco para poder tratar os pacientes da melhor maneira
possível.

Para resolver este problema, você pode ir com um teto Orgone no ORAC, o que
intensifica significativamente o seu efeito.

A situação atmosférica
O segundo fator importante é a carga da atmosfera. Você deve se acostumar a dar
uma olhada no céu e detectar a umidade quando entrar na bateria. As diferenças
são impressionantes e fáceis de entender se você se sair bem. Mais uma vez: Uma
alta carga de orgone aparece em nuvens de ovelhas, que são nitidamente distintas
do céu azul profundo. O horizonte é claramente visível, colinas distantes e grupos de
árvores são mais azuis do que esbranquiçadas. A umidade relativa deve ser a mais
baixa possível.

A hora do di​a

Ao meio-dia, a carga de orgone da atmosfera é mais alta. É mais baixa ao


entardecer e amanhecer, e muito mais baixa à noite do que durante o dia.

A disposição energética do próprio organismo

A própria situação energética básica é sempre decisiva para a carga no acumulador


de orgone. Qualquer pessoa que tenha passado o dia ao ar livre em um dia claro e
cheio de energia experimentará o acumulador de orgônio de uma maneira diferente
da pessoa que trabalhou no escritório de plano aberto sob lâmpadas fluorescentes e
equipamentos de tela. Se você está envenenado energeticamente, você deve
primeiro "desintoxicar". (Veja o artigo "The Energy Raiders").

Como já descrevi, a carga básica do organismo é crucial por quanto tempo leva para
chegar à radiação. Aqueles que têm um alto nível de energia, são "vitais", carregam
rapidamente. Cujo nível bioenergético caiu, pode precisar de algumas sessões para
conseguir a radiação e aqueles que já estão acima do peso experimentarão os
sintomas de sobrecarga muito rapidamente, em poucos minutos.

Todo ser humano precisa de um acumulador de orgone ou você já pode ter o nível
de carga ideal? Como já descrevi, a capacidade do organismo de absorver
quantidades maiores de energia é baseada em leis biofísicas (carregadas como
"bom tempo"). Assim, quem, organicamente e energeticamente, em grande parte
saudável, se movimenta muito ao ar livre em um ambiente saudável, vivendo em
harmonia consigo mesmo e com o ambiente social e natural, tem boas condições
para ser saudável. Especialmente estas pessoas vitais podem usar a carga de
energia mais alta no acumulador particularmente bem. Seria sem sentido pensar que
não seria necessário o acumulador porque se é "saudável". Pelo contrário, quem
tem uma situação energética básica bem desenvolvida, Conhece as vantagens da
carga no acumulador de orgone particularmente bom, sabe quando uma sessão na
bateria faz sentido e acima de tudo: quem tem um sistema de energia bem
desenvolvido, apreciará o fator de prazer que acompanha a radiação na bateria.
Wilhelm Reich e todos os seus colegas de trabalho usaram o Acumulador Orgone
não apenas por razões médicas e terapêuticas, mas também porque é divertido e
acrescenta um prazer extra à vida.

A disposição emocional

Há pessoas que não podem usar o acumulador de orgone por razões emocionais. A
base de uma atitude defensiva é geralmente o "medo do medo", como Reich
chamou de medo de grande excitação emocional, de sexualidade e especialmente
de orgasmo. O "toque" muito íntimo e energético no acumulador de orgônio é
frequentemente sentido por pessoas muito atordoadas como muito diretas, de modo
que ficam assustadas. Outros personagens começam a fazer piadas bobas ou a
encontrar argumentos aparentemente factuais contra o acumulador. Muitos se
recusam a considerar colocar-se nele, outros estão desesperados para colocar todo
tipo de pessoa, mas não a si mesmos, de acordo com o lema: o que ajuda os outros
um dia me convencerão e se todos estiverem saudáveis, eu estarei também.

Muito entusiasmo pelo acumulador de orgone, mesmo antes de ser usado, pode ser
uma atitude defensiva. Eu acho que um ceticismo saudável sobre uma coisa que
você ainda não conhece, é apropriado. É melhor estar aberto e ser convencido de
suas próprias experiências e resultados.

Também deve ser evitado para persuadir as pessoas que não querem usar o
acumulador, para persuadir. Por trás disso, muitas vezes esconde-se uma incerteza
de quem tenta convencer.

Eu também acho muito problemático querer colocar pessoas no acumulador de


orgone, porque alguém está convencido de que isso as beneficiaria. Somente os
médicos devidamente qualificados devem oferecer tratamentos. Repetidamente,
descubro que parentes preocupados querem obter um acumulador de orgone para o
parente doente. Muitas vezes isso não é bom. Você não deve incapacitar as
pessoas a menos que elas não tenham mais autoridade sobre suas decisões.
Mesmo aqueles que são sugeridos pelo médico, eles ainda podem recusar.

Fatores geográficos e cósmicos

Quanto mais próximo do equador e mais alto em Bergen você estiver, mais os
acumuladores de orgônio funcionam. Outros fatores que aumentam a atmosfera do
orgone incluem aumento da atividade das manchas solares, lua cheia e lua nova.
Fatores climáticos e ambientais

Toda situação climática traz consigo uma carga orgonótica específica da atmosfera.
Antes de uma tempestade, o efeito do acumulador pode ser completamente
cancelado. Da mesma forma, condições climáticas desfavoráveis ​ou extremas do
DOR podem afetar a carga no acumulador de orgônio ou torná-lo completamente
impossível. Deve-se seguir seu sentimento aqui e também - ser capaz de julgar tais
situações críticas de fronteira - treinar suas percepções no acumulador de orgone
desde o início.

O lugar ideal para estabelecer um acumulador de orgone é uma cabana de madeira


em um glade sunlit, longe de plantas nucleares, nucleares e outros depósitos de
armas, linhas eléctricas, máquinas de raios-X, ruas movimentadas, fábricas de todos
os transmissores tipos, televisão, rádio, radar e telefone , sem TV, telas de
computador, lâmpadas fluorescentes ou mesmo sem qualquer dispositivo elétrico e
sem um telefone celular. Se possível, mesmo sem toxinas ambientais químicas da
agricultura e com a menor poluição DOR possível. Aqueles que encontram tal
ambiente, podem ter sorte.

Todos esses fatores, se forem muito severos, podem dificultar ou mesmo


impossibilitar o uso de um acumulador de orgone. Todo mundo tem que avaliar a
força ou concentração do impacto ambiental para si mesmo, que geralmente só
pode ser subjetivo. Apenas uma coisa deve ser mantida em mente: A carga no
acumulador de orgônio é o reforço de um processo energético, que sempre ocorre
entre o organismo e a atmosfera. Então, se o acumulador de orgônio é tóxico por
causa de certas influências ambientais, então esta situação ambiental é inadequada
para os seres vivos, mesmo sem uma bateria e, estritamente falando, mortal.

Por exemplo, eu a rejeitaria para mim e minha família, por exemplo, morar a menos
de 500 metros de uma linha de energia, menos de 20 km de uma usina nuclear,
mais de 2 km de uma estação de rádio ou televisão ou uma casa com um sistema de
raios-x (por exemplo, por um dentista) está em operação. Eu também não conseguia
me imaginar vivendo perto de um deserto, por exemplo, em todo o Mediterrâneo,
onde a maior parte da atmosfera do DOR prevalece. Todo ser humano tem que
pesar para si mesmo que tipo de impacto ambiental ele tem ou quer viver e então
decidir se ele pode administrar um acumulador de orgone lá. Se a resposta for
negativa, meu conselho é procurar um novo lugar para morar em breve. Para avaliar
a situação ambiental é mais no capítulo "Os ladrões de energia".

Roupas e outros fatores


Ao usar o acumulador de orgônio, você deve estar o mais leve possível, pois roupas
pesadas, especialmente lã e plástico, formam uma camada isolante supérflua que
pode atrasar o processo de carregamento. Como a temperatura do corpo geralmente
aumenta um pouco e você desenvolve uma sensação de calor, roupas leves são
recomendadas de qualquer maneira. Por outro lado, não há razão para ir
completamente despido. O organismo é usado para vestuário e normalmente pode
integrá-lo em seu sistema de energia. Se a bateria estiver em uma sala fria, você
pode começar com uma roupa quente e, gradualmente, tirar a roupa, pois é
confortável.

Não é absolutamente recomendado ir suado ou pesado suado no acumulador,


porque então as folhas podem enevoar-se. (Além disso, é melhor não incluir bebidas
quentes e fumegantes, devido ao aumento da umidade.) A umidade se instala
imediatamente sobre as folhas relativamente frias e isso pode absorver a carga
quase completamente, de modo que o acumulador de orgone uma vez deve ser
permitido secar dentro antes que você possa continuar a usá-lo.

Você também deve usar sapatos (chinelos limpos e significativos), já que a placa
inferior é rapidamente oxidada pelo suor dos pés. Portanto, você não deve
necessariamente ir às meias no acumulador de orgone, pois elas não param o suor.
Se for importante assegurar que a placa inferior não se oxide, você pode colocar
uma folha ou tela de arame (feita de ferro galvanizado ou aço), pois elas são
oferecidas como Fußabtreter. Isso também é recomendado para médicos ou onde
os acumuladores são usados ​por muitas pessoas.

Você deve definitivamente ir com as mãos limpas no acumulador de orgônio. Mãos


suadas, dedos gordos, sujeira de alimentos, bebidas, etc. também são muito
desfavoráveis. As chapas galvanizadas costumam reagir violentamente com a
oxidação, de modo que elas rapidamente entorpecem quando entram em contato
com graxa e suor. Folhas de metal sujas com traços de aderência, etc., devem ser
limpas o mais rapidamente possível. Se forem utilizados agentes de limpeza,
limpe-os com um pano úmido, sem detergentes, uma vez que o líquido de limpeza, o
álcool, etc. deixam uma película orgânica fina na folha. Um solvente gordo
relativamente isento de resíduos é acetona. No entanto, isso também deve ser limpo
úmido.

Muitas vezes me perguntam se você deve remover anéis, brincos, relógios etc. no
acumulador de orgônio. Em princípio, acredito que esses objetos, se interferirem no
acumulador de orgônio, não podem ter nenhum efeito positivo.
Possível imparidade devido à transmissão de informações no acumulador

Recentemente, sempre pessoas que eu encontro, a sua percepção sensível de


estruturas e processos energéticos - por exemplo, através da percepção visual clara
ou por percepções emocionais únicos - chamou minha atenção para a questão da
possível transferência de informação no acumulador.

Depois de usar acumuladores Orgone ou cobertores Orgone, um padrão de energia


pode ser deixado no dispositivo que pode ser transferido para um usuário
subsequente. Como já mencionado, esta observação é uma percepção puramente
subjetiva, sensorial e emocional que não foi cientificamente testada.

Recentemente, mais e mais conceitos médicos chegam ao público, nos quais o


tratamento é feito por pura transferência de informações, como homeopatia ou
radiônica. A característica comum destes métodos é que os organismos não são
tratados com informação grosseira (por exemplo, na forma de drogas químicas ou
mesmo ervas), mas a informação é passada através de um meio de transporte.

Recentemente, até mesmo tentaram usar a energia orgone como meio de transporte
para transmissão de informações. Eu considero este aspecto uma abordagem
importante. Ainda existem ligações inexploradas entre a acupuntura, a homeopatia,
as flores de Bach, Mora etc. e a orgonomia. O que é lamentável é o fato de que,
nesse contexto, os critérios bem definidos de medicina orgonômica derivados da
ciência orgonofuncionalista geralmente ficam de lado. Não se deve "usar" a
orgonomia enquanto, ao mesmo tempo, lançar seus alicerces científicos ao mar.
Mas isso seria outro assunto.

Eu poderia imaginar que um organismo - por exemplo, um paciente gravemente


doente - deixa um padrão de energia em um acumulador de orgônio. O campo de
energia relativamente forte do paciente e os fracos de orgone acumulador de fusão e
formar um corpo forte energética comum que podem absorver uma grande
quantidade de energia da atmosfera - tanto quanto o reichiana vai medicina
orgonômica. É perfeitamente concebível que esse corpo de energia contenha a
estrutura daquilo que está atualmente no acumulador. Como o próprio acumulador
de orgônio retém um campo de energia fraco, pode ser que, por um certo tempo, ele
carregue o padrão do último usuário em si.

Especialmente aqueles que como médicos ou naturopatas colocam muitos usuários


diferentes no acumulador, devem considerar se não devem limpar o dispositivo
regularmente após o uso com um pano úmido.

Doenças e tratamentos contra-indicados

Em geral, a carga no acumulador de orgônio é inofensiva, desde que você evite


sobrecargas pesadas, porque a carga de orgone é uma função biofísica endógena e
nenhuma energia de radiação externa. Contraindicado são todas as doenças que
indicam sobrecarga crônica. Então você deve desencorajar o uso de acumuladores
de orgone fortes e seria útil monitorar um orgonemedicine de aplicativo de
acumulador.
Sinais de sobrecarga crônica incluem:
- pressão arterial alta prolongada;
- doenças devidas à vasoconstrição;
- personagens histéricos (no sentido dos personagens de Reich);
- defeitos cardíacos não tratados;
- tumores cerebrais;
- arteriosclerose;
- Acidente vascular cerebral (não use uma bateria recarregável muito tempo depois
do ataque agudo);
- dermatite;
- conjuntivite;
Em todos estes casos, o acumulador de orgônio em sintomas agudos não deve ser,
e se alguma vez usado após se recuperar dos sintomas apenas em sessões muito
curtas e em dispositivos muito fracos (3 camadas). Reich escreve:

"A duração das sessões pode ser aumentado lentamente ao longo do tempo, até ter
certeza de que nenhum colapso ... ocorre, o que pode ser causada por uma
contração súbita. O rebentamento dos vasos sanguíneos, choques vegetativos, a
suspensão da pulsação estão bem possível se a sobrecarga acontece em tais
casos, por exemplo, um acumulador de 20 vezes. Não houve mortes devido a
sobrecarga em 10 anos o uso da energia orgone, mas a possibilidade não pode ser
totalmente excluída. Deve-se particularmente no caso da hipertensão arterial que
estar vigilantes, pois poderia responder à influência vagotônico expansão da energia
orgone com um aumento súbito em vez de uma diminuição da pressão. " (Wilhelm
Reich, A Energia Orgone Accumulator ..., p 43 )

Todos os tratamentos com medicamentos alopáticos fortes, especialmente


antibióticos e cortisona, são contraproducentes. Esses medicamentos incluem
venenos organísmicos destinados a regular certas disfunções corporais. Pode-se
pensar neles como se desejasse - se alguém fizer tal tratamento, ele deve ser
mantido até o fim de acordo. O organismo reage aos venenos com reações de
defesa. No acumulador de orgônio essa defesa é grandemente fortalecida em
determinadas circunstâncias, de modo que você pode obter através de uma
aplicação simultânea do acumulador de orgone na posição de ter lutado a proteção
de drogas e reduzida sem ter já desenvolvido uma resposta imune forte. Além disso,
o tratamento com drogas imunossupressoras (cortisona) e o tratamento
concomitante com o acumulador de orgone, que fortalece o sistema imunológico,
seriam a aplicação de medidas mutuamente exclusivas. Reich escreveu:

"Nunca misture orgone com outros tratamentos químicos. A energia orgone é uma
força forte. Não sabemos quais as consequências que essa mistura pode ter. (...)
Vitaminas, compostos orais de ferro, penicilina e outras drogas de origem biológica
são compatíveis com a energia orgone. Por outro lado, a menor quantidade de
componentes inorgânicos tais como sulfonamidas deve ser administrada sob
quaisquer circunstâncias, internamente, quer externamente ou porque inibem o
processo de regeneração que foi iniciada pela energia orgânica. " (Reich, O Orgônio
acumulador de energia ... P. 36/41)

Então, se você usar o acumulador de orgônio, você deve usar remédios naturais
sempre que possível. um começa tratamentos alopáticos, deve-se ter o cuidado de
fazer uma qualificado em Orgonmedizin médico medida em que tratamentos
apoiar-se mutuamente ou interferir ou interromper o tratamento orgónio, enquanto se
leva drogas químicas, através da sua interacção com um orgónio concentrada O
tratamento é desconhecido.

A radiação radioativa é, em qualquer caso, neutralizada. Após o tratamento com


raios-X, ressonância magnética ou radioterapia, são necessários alguns dias (pelo
menos três) antes da reutilização do acumulador de orgone, caso contrário, pode
ocorrer uma reação orgânica de Oranur.

Atirador e outras construções de acumulador de orgone

Wilhelm Reich desenvolveu um pequeno acumulador de orgone que tem a função de


tratar especificamente pequenas regiões do corpo, como cortes, queimaduras,
fraturas, etc.

A carga é direcionada para fora a partir dos painéis internos através de um


"BX-Cable", uma mangueira de metal feita de ferro galvanizado revestido com
plástico do lado de fora. No final do tubo, funis de ferro galvanizado podem ser
anexados, cujo tamanho corresponde à área do corpo a ser tratado. Sem essa
superfície de contato adicional, o atirador atua como um holofote.

O funcionamento do orgone shooter é totalmente equivalente ao do grande


acumulador de orgone. Os dois campos de energia, isto é, o forte campo de energia
do corpo e o campo relativamente fraco nas placas internas do atirador, se fundem e
o campo orgônico organísmico do sujeito é carregado.

O uso do atirador é recomendado quando o tratamento de regiões do corpo


enfraquecidas individuais ou lesões de qualquer tipo seria tão demorado, que não
seria possível usar o grande acumulador de orgônio por tanto tempo sem
sobrecarregar. Uma sobrecarga do atirador é dificilmente temida. Também não é
possível usar o atirador como uma "substituição" para o grande acumulador, porque
somente isso pode levar à radiação de todo o corpo dos campos de energia e
transmitir a experiência correspondente. Algumas pessoas muito pesadas podem
sentir o atirador, mas a carga não atinge o nível da bateria grande. É, portanto,
enganador para aqueles que querem usar o atirador primeiro, por assim dizer, antes
de usar um grande acumulador. para comparar o efeito dos dois dispositivos entre si.
Especialmente para pessoas relativamente fracas, o efeito do atirador é muitas
vezes bastante decepcionante.

Portanto, é altamente recomendado usar o atirador em conjunto com o grande


acumulador. Quanto maior o organismo total, melhor absorve energia, mesmo em
partes menores do corpo. É por isso que eu instalo um shooter em cada bateria
padrão, que está incluída no assento. Para isso, é perfeitamente suficiente alinhar o
interior do assento com metal, de modo que seja criado um espaço metálico a partir
do qual sai uma mangueira de metal. Durante a sessão no acumulador de orgônio,
você pode usar o atirador em partes menores do corpo.

Você também pode usar este atirador de bancada fora do acumulador de orgônio se
você levar a mangueira de metal para fora através da porta levemente aberta e
então sentar na frente do acumulador de orgone. Esta construção pode parecer um
pouco hesitante, mas este shooter é muito forte porque a carga da grande bateria
está disponível.

Ao contrário do grande acumulador de orgone, o atirador é mais um dispositivo


médico cujo uso em doenças pertence às mãos de médicos e naturopatas treinados.
A aplicação médica privada deve ser limitada ao tratamento de pequenas feridas,
como cortes e escoriações, pequenas queimaduras, etc., que de outra forma não
seriam tratadas por um médico. Mas o aplicativo vale a pena. Por um lado, se você
dedicar o tempo para estudar os incríveis poderes de cura da energia orgone. Por
outro lado, pode-se evitar as várias complicações frequentemente associadas a
processos de cura "normais". Quão eficaz é um tratamento de ferida depende se
você toma o tempo para tratar a área do corpo por tempo suficiente. Este "tempo
suficiente" é um tamanho indefinido que depende de todos os fatores que eu já
mencionei acima, especialmente o nível bioenergético de quem quer se tratar. Em
qualquer caso, você deve trazer uma boa dose de paciência.

Muitas vezes, mesmo esses tratamentos locais produzem resultados


surpreendentes, por exemplo, depois de extrações dentárias ou tratamentos de
gengiva ou outras pequenas cirurgias que podem ter efeitos dolorosos.

O atirador pode, claro, ser usado como um pequeno acumulador para experiências,
tais como experiências de germinação ou para carregar água potável ou comida.

O acumulador de orgone: responsabilidade científica e pública

Wilhelm Reich trabalhou desde 1922 nas funções sexual e libido do povo e de 1939
até sua morte em 1957 na exploração da energia orgone. Ele sempre colocou a si
mesmo e seu trabalho a serviço dos vivos, nunca se subordinando a interesses
comerciais ou a uma "carreira". Ele se separou de pessoas e instituições que
exigiam "concessões" científicas dele, e havia muitos desses tipos de divisões no
devir científico do Reich. Para muitos, parecia estranho em sua imperturbabilidade e
teimosamente manter seus próprios objetivos e rumores sobre seu estado de
espírito e trabalho científico supostamente desqualificado foram circulados -
especialmente por antigos amigos e colegas de trabalho decepcionados.

Dificilmente um cientista do século 20 foi atacado como Wilhelm Reich. Seus livros
foram queimados não só pelos nazistas, mas também por instigação da Food and
Drug Administration (FDA). A rancorosa, os fatos de forma maliciosa distorção
imprensa tem na Noruega e nos Estados Unidos literalmente caça feito sobre estes
pesquisadores, que desenvolveram há bombas ou agentes de guerra, mas
descobriu a energia vital e um dispositivo simples que ajuda as pessoas a apoiar as
funções vitais. O Judiciário dos EUA proibiu os acumuladores de orgônio e toda a
sua literatura porque Reich declarou o tribunal inelegível para decidir sobre as leis
naturais e, consequentemente, recusou-se a jogar o jogo dos truques legais. Quando
Reich então desconsiderou o julgamento contra ele, Ele foi condenado a dois anos
de prisão em outro julgamento. Neste segundo julgamento, ele não pôde mais
defender seu conteúdo com relação à energia orgone, e não havia dúvida sobre o
fato de que o primeiro julgamento foi desconsiderado - ele foi condenado a dois anos
de prisão aos 60 anos de idade. Reich estava seriamente doente desde o
experimento de Oranur. A atmosfera na prisão prejudicou gravemente sua condição
e, alguns dias antes de sua alta prematura, ele morreu de insuficiência cardíaca.
Reich estava seriamente doente desde o experimento de Oranur. A atmosfera na
prisão danificou gravemente sua condição e, alguns dias antes de sua alta
prematura, ele morreu de insuficiência cardíaca. Reich estava seriamente doente
desde o experimento de Oranur. A atmosfera na prisão prejudicou gravemente sua
condição e, alguns dias antes de sua alta prematura, ele morreu de insuficiência
cardíaca.

O próprio Reich sempre explicou a hostilidade em relação ao seu trabalho e contra a


sua pessoa pelo medo das pessoas do conhecimento de sua própria natureza
energética e sexual. Para os neuróticos que temem a própria vida natural, não há
nada pior do que estar preocupado com a sexualidade humana, o orgasmo, a
sexualidade de crianças e adolescentes e a energia física por trás das funções vitais.

O próprio Wilhelm Reich disse que descobriu "demais". Ele observou repetidamente
com pesar que a plenitude do material a ser trabalhado e o descontrole do que teria
que ser explorado ainda, ele mesmo apenas seções e linhas gerais de sair do
trabalho para fora o que é possível e o que teria sido necessário. A abordagem
orgonômica é tão fundamental que todas as ciências naturais, humanidades e
ciências sociais devem ser reexaminadas.

Numa época em que os mais diversos modelos científicos esotéricos e alternativos


estão empurrando para o público e tornando-se cada vez menos familiarizados com
a ciência estabelecida, a orgonomia tornou-se muito difícil. Essa direção da ciência
orienta-se intransigentemente sobre o método científico de trabalhar, mesmo que
entenda o viver como a base de todo conhecimento e rejeite todas as abordagens
mecanicistas e místicas. Acontece hoje que a orgonomia não confia de maneira
alguma, ou que se torna quase não-criticamente familiarizada com o misticismo. É
descartado como um embuste ou oferecido como um ensinamento de salvação por
pessoas que não têm a menor idéia sobre isso.

A organização de Wilhelm Reich é impopular e certamente permanecerá, porque as


exigências sobre a racionalidade e seriedade daqueles que lidam com isso são
muito altas. Quem tem medo de assuntos sexuais ou evita avidamente qualquer
menção a questões sexuais; Quem tem medo da vivacidade de crianças e
adolescentes e quem pensa que seria natural que pessoas jovens e saudáveis
​vivessem asceticamente; quem prefere confiar em um medidor do que em uma
percepção sensual, ou em quem acredita que um deus determinou o que podemos
saber e o que não é; quem significa, uma pessoa que abraça outra amorosamente
sem ter uma licença de uma instituição social,
Wilhelm Reich foi estritamente assegurado que seu trabalho não é mal utilizado para
práticas duvidosas e que ninguém se atreve a representar opiniões puros sobre
orgonomia que não foram adquiridos através do trabalho orgonômica e
conhecimento relevante.

"Acontece de novo e de novo que descobertas orgonômicas diligentemente


elaboradas e cuidadosamente apresentadas encontram" opiniões "puras que não
têm base alguma através de observações ou experimentos. Quando expressas por
um químico ou médico, tais opiniões são aceitas pelo leigo como uma decisão de
"autoridade", independentemente de a opinião ser baseada em observação ou não.
É assim que uma opinião pública errada se desenvolve.
Uma vez que a "autoridade" é assim mal usada no interesse de práticas comerciais
desonestas ou política, devemos insistir que quem expressa uma opinião sobre a
aplicação médica ou outra de energia orgone primeiro prova que ele ... regras para
seguiu a observação de funções orgonóticas. (Wilhelm Reich, The Orgone Energy
Accumulator ..., p. 44)

Tanto em termos de seus desenvolvimentos terapêuticos quanto do mau uso de seu


nome, suas advertências e exigências não eram injustificadas.

Após sua morte, aqueles que se referem ao seu trabalho em termos de conteúdo,
dividiram-se em várias direções. Muitos daqueles que são orientados para a
orientação orgonológica formaram grupos sectários. Alguns afirmam ser os únicos
terapeutas especializados em orgias e culpam outros que trabalham igualmente
seriamente como trapaceiros. A herança do reino é o conhecimento da natureza, das
ciências sociais e humanas, a que ninguém "pertence", mesmo que alguns o
reivindiquem. Eu só quero pedir ao leitor aqui para ser crítico, e para olhar
auto-proclamado "autoridades" em termos de Wilhelm Reich e Orgonomia nos dedos
e nas publicações.

E mais uma coisa: não pergunte a nenhum médico, terapeuta ou praticante


alternativo o que ele pensa sobre o acumulador de orgone. Uma pessoa séria
admitirá que não tem critérios de julgamento, mas infelizmente apenas alguns
trazem essa força de caráter. A maioria das pessoas reluta em responder, o que
certamente não é uma reação errada, dados os muitos dispositivos indefiníveis que
estão no mercado de "medicina alternativa". Mas faz sentido perguntar a alguém que
sabe do que se trata.

"Um médico não é autoridade sobre o acumulador de orgone, a menos que ele tenha
estudado diligentemente o acumulador, usado regularmente, tenha sentido as
respostas subjetivas e medido as funções objetivas. Portanto, não há outras
autoridades no campo da orgonomia, exceto aquelas que têm estudado a energia
orgone continuamente. " (W. Reich, The Orgone Energy Accumulator ..., p. 45)

Reich queria ter certeza de que aqueles que produzem e vendem acumuladores de
orgônio, e até mesmo aqueles que os usam, isto é, aqueles que se beneficiam da
ciência orgonômica, também participam financeiramente da orgonomia. Portanto, ele
não vendeu baterias orgânicas inicialmente, mas apenas as alugou. Esse contrato
representou uma parte não desprezível de sua receita para a manutenção do
Orgonon, seu instituto científico em Rangeley, Maine, Myron Sharaf descreve que
Reich poderia ter aumentado consideravelmente mais com sessões de terapia e
ensino científico. Mas Reich também prestou homenagem à ação bastante simbólica
de que cada um dos beneficiários teria de contribuir para a orgonomia, mesmo que
ela ainda fosse tão pequena.

"A energia orgone pode ser obtida como água ou ar e existe em quantidades
ilimitadas. Tudo o que você precisa fazer é fornecer ao usuário um mecanismo para
concentrá-los; isto é, como foi mostrado, o acumulador. As condições devem ser
criadas para que até mesmo as pessoas mais pobres possam arcar com a energia
orgone concentrada.
Portanto, é responsabilidade dos trabalhadores orgonômicos disponibilizar a energia
orgone para o maior número possível de pessoas. Mas também existe a
responsabilidade daqueles que se beneficiam da energia orgone para ajudar a
garantir o futuro da pesquisa em energia orgone! Em particular, é necessário evitar a
exploração imprudente da energia orgone, tanto através do lucro implacável quanto
da indiferença à pesquisa por parte dos beneficiários. ...
Não há intenção de criar um monopólio sobre a produção de acumuladores de
orgone. Pelo contrário, tal monopólio não seria aceitável. Os fabricantes podem
realizar a construção do acumulador de orgone em maior medida por uma taxa
razoável e com um lucro razoável para cada acumulador. Há também planos no
pipeline para fornecer informações para aqueles que querem construir sua própria
bateria. (Wilhelm Reich, The Orgone Energy Accumulator ..., p. 45/46)

Desde 1977 tenho produzido acumuladores de orgone, bem como outros


dispositivos orgonômicos, estritamente de acordo com as diretrizes que Wilhelm
Reich emitiu para sua construção. Dispositivos orgonômicos corretamente
construídos são um pré-requisito central para a continuação do trabalho científico e
médico de Reich, como é feito aqui na Alemanha, entre outros, pelo Instituto Wilhelm
Reich, em Berlim. Eu também tento ser o mais claro possível em minhas
informações, produção e trabalho de vendas de acordo com os requisitos de Reich.
Assim, atribuo importância ao fato de que cada parte interessada obtém material
sobre a orgonomia, a partir da qual ele pode ver o que é um acumulador de orgônio,
como ele funciona e como é usado. Para o fabrico e a venda, eu cobro como Reich
exigiu para dispositivos orgone, "lucros razoáveis" que são muito diferentes dos de
outros fabricantes de dispositivos médicos. Eu também não anuncio.

Eu pretendo agir dessa maneira no sentido do Reich. Eu ficaria muito feliz se outros
fabricantes de dispositivos orgonais também fossem guiados por esses critérios.

COMO FUNCIONA O ACUMULADOR DE ENERGIA ORGONE ?

Devido ao arranjo de condutor de energia (chapas de ferro, lã de aço) e


armazenamento de energia (não tecidos de poliéster, placas de fibras de madeira)
ocorre um campo de energia fraca, uma "aura artificial", que o campo de energia
humano directamente no organismo - geralmente de 3 a 10 cm de largura -
corresponde.

O organismo dentro do acumulador de orgone se sobrepõe ao campo de energia


nas folhas. Tanto o acumulador quanto o humano formam um sistema energético
comum, muito forte, capaz de absorver grandes quantidades de orgone da
atmosfera circundante.

Este efeito não é artificial, é uma função biológica básica. Os seres vivos gostam de
passar o tempo ao ar livre em um clima "agradável", ou seja, seco, agradavelmente
quente e levemente ventoso: absorvemos energia. Em climas úmidos, frios ou muito
quentes, perdemos mais energia. No acumulador de orgone esta função básica
bioenergética é extremamente aumentada.

Após um curto período de habituação, o usuário é capaz de aumentar


significativamente a carga energética - a vitalidade -: todos os processos
organísmicos são estimulados e os poderes de autocura são suportados.

Este efeito de absorção de energia só é interrompido quando você deixa o


acumulador de orgônio novamente, então você também pode sobrecarregá-lo. A
sobrecarga vem lentamente e se manifesta em sensações desagradáveis, como
uma ligeira dor de cabeça ou aumento da transpiração. Se você deixar o acumulador
imediatamente, está tudo bem.
Você também pode direcionar esse campo de energia para partes específicas do
corpo usando um "shooter", pequeno acumulador localizado sob o assento em uma
câmara de metal separada. Do atirador leva uma mangueira de ferro com isolamento
oco, no final do qual um funil de ferro está ligado. Este funil é mantido a uma
distância de 1 a 3 cm da parte do corpo a ser tratada e, desse modo, o campo de
energia é carregado ali. O atirador também pode ser construído como um pequeno
acumulador e depois usado tanto no acumulador grande quanto no exterior.

UM ORGONE PODE ACUMULAR CÂNCER ?

Eu ouço perguntas deste tipo com muita frequência, elas me tocam muito e eu tento
ajudar de novo e de novo dando a informação mais apropriada possível. No entanto,
muitas vezes tive a sensação de que essa verdade factual também pode ser
desagradável, porque até os dispositivos Orga não são drogas milagrosas. Existem
dispositivos médicos muito potentes que funcionam adequadamente usados
​surpreendentemente bem.

Wilhelm Reich tornou-se famoso por sua pesquisa sobre as causas do câncer.
Afinal, ele foi o primeiro a praticar a imunologia do câncer muito antes de ter esse
termo médico. Ele também tratou com sucesso alguns casos de câncer e os
descreveu detalhadamente em sua literatura (The Discovery of Orgone, Volume 2,
The Cancer). No entanto, o uso medicamente descontrolado de acumuladores de
orgone em tumores existentes pode ser fatal para o paciente. O acumulador de
orgone pode ser muito forte TRATAMENTO. Os tumores podem, na verdade, ser
decompostos e os remanescentes de tecido resultantes - pequenas partículas de
células em grandes quantidades - podem destruir a função renal. Hoje, os médicos
que tratam o câncer com dispositivos orgônicos usam-no apenas como um
complemento, ou seja, além de um tratamento convencional. Um médico
responsável usará os métodos reconhecidos como eficazes no câncer e em outras
doenças potencialmente fatais. É sobre salvar a vida do paciente, não o sucesso de
um método.

Eu sou perguntado por leigos interessados, mas também por médicos e


marcapassos médicos de novo e de novo por informações especiais de aplicação
para Orgongeräte. Eu gostaria de enfatizar aqui que não damos nenhuma
informação médica especial. Existem médicos especialmente treinados e praticantes
alternativos que você pode encontrar em nossa lista de discussão. Como leigo
médico e fabricante de dispositivos médicos alternativos, NÃO POSSO divulgar
nenhuma informação médica, e acho que isso também é completamente correto e
cumpre a lei. Afinal, como fabricante, eu poderia estar unilateralmente interessado
em trazer aparelhos orgone para o marido e a esposa.

Portanto, o conselho mais importante é: Não se automedicar com dispositivos


orgone para tratar quaisquer condições médicas ou lesões que requeiram atenção
médica de um médico ou praticante alternativo. Defina suas tentativas de tratamento
apenas para lesões e queimaduras, infecções, inflamações, etc., ou seja, nas
chamadas "doenças mundanas" com as quais você não iria ao médico de qualquer
maneira. Apoie seu organismo com tratamentos, aumentando sua vitalidade. Não
experimente sua própria saúde e a de seus entes queridos.

Orgonomia é um sistema médico desenvolvido com muitas aplicações diferentes.


Certamente até mesmo um leigo não terá a idéia de comprar agulhas de acupuntura
e pedir ao fabricante onde colocá-las para doenças especiais. O fabricante de
bisturis nunca esperará orientação para uma operação autônoma.

Por outro lado, a carga energética no acumulador de orgone não é mais ou menos
"perigosa" do que, por exemplo, banhos de sol. De fato, a irradiação solar é muito
semelhante à carga no acumulador - tanto positiva quanto negativa. Um banho de
sol de tempo limitado tem um carregamento similar, em um efeito vitalizante positivo.
É uma necessidade natural do nosso corpo ficar ao ar livre e ao sol pelo menos uma
vez por dia. E se você ficar muito tempo ao sol, podemos ter uma insolação - e em
todos os seus sintomas, com exceção das queimaduras na pele, é o que sentimos
como "sobrecarga" no acumulador de orgônio.

O acumulador de orgone é, portanto, muito semelhante em seu uso e sua


"periculosidade" ao banho de sol. Pessoas saudáveis ​dificilmente terão a idéia de
perguntar a um médico se podem ir ao sol por quinze minutos ou meia hora por dia.
Pessoas doentes devem fazer isso.

Portanto, a aplicação mais importante e comum dos dispositivos orgônicos é que


eles geralmente aumentam a vitalidade, sustentam a bioenergia ou energia vital e,
para isso, as pessoas que não têm nenhuma doença que exija tratamento não
precisam da permissão de um médico.

QUAIS SÃO AS EXPERIÊNCIAS TÍPICAS NO ACUMULADOR DE ORGONE ?


A carga no acumulador de orgone acontece no nível energético. A carga real está
ligada à água, então o fluido corporal. Se você perceber o processo de carga alguma
coisa e que você sente é muito individual, porque é a resposta do nervo, que se faz
sentir: cócegas, formigamento na pele, um calor agradável na pele e o sentimento
típico de algo muito agradável penetrado, para ser lavado. Mas todas essas reações
nervosas são individualmente diferentes. Muitas vezes há reações significativas do
sistema digestivo e urinário ou Stuhldrang.

Após um curto período de habituação, o usuário do acumulador de orgone é capaz


de aumentar significativamente a carga energética, a "vitalidade": todos os
processos organísmicos são estimulados e os poderes de autocura são suportados.

Em primeiro lugar, o acumulador de orgone é um dispositivo médico - como Wilhelm


Reich o apresentou. Mas ele e seus colegas de trabalho, assim como aqueles que
têm experiência inigualável no acumulador, usaram-no para aumentar sua vitalidade
e acrescentar uma dimensão extra às suas vidas.

A fusão do campo de energia do corpo com a energia atmosférica armazenada


chamou "radiação" de Reich, uma experiência suave e até íntima de fluidez suave e
brilho interno.

A luminosidade é uma experiência muito alegre um "contato" íntimo, uma fusão de


campo de energia do corpo com o acumulador, que ocorre após um período de
familiarização curto e que pode ser percebido como "bom fluxo" ou "recozimento" no
organismo. Um é penetrado por ondas de energia atmosférica.

Esta luminosidade é um sentimento muito positivo, que lembra a íntima união de


duas pessoas na sexualidade, como também vai encontrar lá - na situação ideal -
este lumination vez. Foi a dimensão íntima do que isto, desencadeada por um
sentimento dispositivo que os críticos de colocar, mover aqui com malícia, ridículo e
obscenidades sexuais sobre Reich e o acumulador de orgone e destruir o trabalho
com este dispositivo nos EUA completamente.
A percepção da radiação é bastante real e não-mística, uma vez que se baseia na
capacidade de cada célula do corpo absorver energia e inchar. Como as células
nervosas também são ativadas, ela pode (mas não precisa) entrar no acumulador de
orgônio para as mais diversas percepções sensoriais:

Formigueiro na pele como bolhas carbonatadas;

Sensação de calor sem aumento de temperatura;

Ruído nos ouvidos;

Gosto metálico e cheiro;

Toda reação fisiológica no acumulador de orgone depende da situação energética


básica da pessoa que usa o dispositivo. Por mais que muitas pessoas experimentam
um sentimento espontâneo de calor, enquanto uma pequena parte de fazer um
mesmo experiência significativamente legal, frio que anda de mãos dadas com
extremidades frias claras, e ainda pode ser percebida como extremamente
agradável: um "arrepios" na periferia do corpo e um resfriado Sensação de fluxo no
centro do corpo.

REAÇÕES FISIOLÓGICAS NO ACUMULADOR DE ORGONE

Ele vem no Orgonakkumulator - dependendo da situação de energia básica do


usuário, o comprimento e a frequência de uso e a situação atmosférica (o clima) -
para reações corporais específicas que são objetivas:

atividade intestinal estimulada claramente audível


micção repentina
Aprofundamento da respiração
aumento da desintoxicação
vermelhidão da pele.
febres espontâneas
Aumento da temperatura da pele
Aumento na temperatura central
Aumento da frequência cardíaca
sedimentação eritrocitária melhorada.
Nem todas essas reações ocorrem em todas as pessoas.

Acontece, por exemplo, muitas vezes já nas primeiras reuniões em orgone


acumulador surtos espontâneos de febre se - o que pode ser assumido aqui - o
organismo com o potencial de energia mais elevado reage espontaneamente a
infecções existentes. Portanto, há uma "chance" de experimentar uma febre latente
com febre.
Se esta fosse uma reação fisiológica típica do acumulador de orgone, tal resposta
febril teria que ser obrigatória, o que não é o caso.

As taxas de sedimentação, muitas vezes significativamente melhorados após duas a


quatro semanas de uso regular do acumulador de orgone é uma indicação segura de
que as infecções não reconhecidos e processos inflamatórios foram concluídas com
êxito e que o organismo como um todo passou por uma recuperação.

Em contraste, o aumento da temperatura central foi medido consistentemente em


quase todos os indivíduos como uma resposta fisiológica espontaneamente
mensurável. Como a temperatura central é uma reação fisiológica que é difícil de
influenciar, o maior "valor probatório" nessa medida é que as reações no acumulador
de orgone são baseadas em uma realidade biofísica objetiva, uma "energia".

Você também pode sobrecarregar, porque o processo de carregamento termina


apenas quando você sai do dispositivo. Sobrecarga aparece em percepções
desagradáveis ​lentamente aumentando como

tontura
dores de cabeça
afrontamentos
Náuseas.

As reações de sobrecarga mostram todos os sintomas, como insolação ou insolação


(sem queimaduras na pele, é claro), ou seja, também insolação e insolação são
sobrecargas energéticas.

Sobrecargas no acumulador de orgônio são inicialmente seguras, pois elas nunca


ocorrem repentinamente. Deixe a unidade assim que aparecerem sintomas
desagradáveis, saia ao ar livre ou tome um banho completo (no caso extremo
energético com 500g de sal marinho e 500g de refrigerante cada) e os sintomas
desaparecem rapidamente.
A sobrecarga extrema por horas pode ser perigosa, especialmente se você já estiver
sofrendo de doenças excessivas, como a hipertensão crônica. Os usuários que já
estão passando por sobrecarga pesada não têm percepção dos sintomas de alerta
e, portanto, podem entrar em colapso.

Por esta razão, você não deve dormir no acumulador de orgone por mais tempo
(mais de uma hora). Além disso, o uso de cobertores orgone deve ser monitorado de
perto sob este aspecto: não durma sob cobertores orgone e use-os somente se
controlado por uma segunda pessoa.

Deve-se notar, no entanto, que acidentes e situações extremas raramente foram


causados ​pelo uso de acumuladores de orgone, sem dúvida porque os sintomas de
advertência de sobrecarga são claros e geralmente entendidos corretamente.

QUANTO TEMPO E COM QUE FREQUÊNCIA VOCÊ SE SENTA NO


ACUMULADOR DE ORGONE?

A sessão deve durar enquanto as sensações forem agradáveis. Muitas vezes você
também não sente nada - isso acontece quando a carga básica é muito profunda ou
quando se usa o acumulador de orgônio com muita freqüência em uma base regular.
Então o sistema nervoso se acostuma a essa experiência e não a percebe mais
como uma sensação. Se você não sente nada, você deve definir um limite de tempo
- 15 ou 20 minutos. Faz mais sentido entrar no acumulador frequentemente e por um
curto período de tempo do que uma vez. Uma vez que o corpo conhece o processo
de carga - é a mesma função que o desejo de estar ao ar livre quando o tempo está
bom - ele primeiro tem que se acostumar a aumentar a carga energética de sessão
para sessão.

Se o acumulador de orgone tiver sido prescrito pelo médico como tratamento, ele
também dará instruções precisas sobre com que frequência e por quanto tempo o
acumulador será usado. Para doenças graves, ou seja, com muito pouca vitalidade,
isso pode ser duas vezes por hora por dia.

Assim que as percepções se tornarem desconfortáveis ​- por ex., Ondas de calor,


pressão na cabeça, ardor nos olhos, suores, etc., você deixa o acumulador. Se você
está sobrecarregado, é bom tomar um longo banho, passear e passar dois ou três
dias no acumulador.

A duração e a frequência das sessões devem ser determinadas pelo próprio


organismo. Tal como acontece com a ingestão de alimentos, há uma auto-regulação
biológica simples aqui. Nós geralmente sabemos exatamente, muitas vezes e quanto
queremos comer. Às vezes acontece que nos sobrepomos a nós mesmos, então
não estamos indo tão bem por algumas horas, mas para pessoas relativamente
saudáveis, ainda é seguro. Apenas freqüente ou mesmo regular excessos tem
consequentemente consequências negativas para a saúde. Esses mecanismos de
auto-regulação aplicam-se analogamente à carga de orgone.

Não faz sentido estar excessivamente ansioso aqui. Para uma pessoa saudável,
uma única sobrecarga pesada não é prejudicial, sim, eu recomendo começar pelo
menos uma vez uma sobrecarga forte, em um dia seco com céu azul profundo e
nuvens de ovelhas da manhã à noite em cada caso 5 a 10 minutos por hora nos
conjuntos de acumuladores. Então você provavelmente irá experimentar uma
sobrecarga pesada. O objetivo disso é conhecer essa experiência sensualmente.
Qualquer um que tenha experimentado tal coisa nunca mais duvidará da carga
energética e saberá o que é uma carga energética adequada e o que é uma
sobrecarga. Contanto que você não tenha experimentado isso, é uma idéia pura,
sem experiência sensorial, e muitas pessoas tendem a obter as coisas que sabem
sobre.