Vous êtes sur la page 1sur 5

SAMBA

“…Eu amo Samba. Samba é minha vida,


Samba é meu amor. Com o Samba eu
Sou feliz, seja onde for…”
I. HISTÓRIA
O samba originou-se dos antigos batuques trazidos pelos africanos que
vieram como escravos para o Brasil. Esses batuques estavam geralmente
associados a elementos religiosos que instituíam entre os negros uma
espécie de comunicação ritual através da música e da dança, da percussão
e dos movimentos do corpo. Os ritmos do batuque aos poucos foram
incorporando elementos de outros tipos de música, sobretudo no cenário do
Rio de Janeiro do século XIX.
O samba foi introduzido no Brasil no período colonial pelos escravos
africanos sendo portanto um estilo que provém da fusão entre as culturas
africana e brasileira.
Inicialmente, as festas de danças dos negros escravos na Bahia eram
chamadas de "samba". A manifestação durante muito tempo foi considerada
um estilo de música e dança criminalizado e visto com preconceito, devido
às suas origens negras.
Em 1917 foi gravado no Brasil o primeiro samba com o título: "Pelo Telefone",
com letra de Mauro de Almeida e Donga, cantado por Bahiano.
Há controvérsias sobre a origem da palavra "samba", mas provavelmente
advém do termo africano "semba" que significa "umbigada".
O samba está presente em todas as regiões brasileiras, modificando-se
conforme o local, sendo que os mais conhecidos são:
Samba da Bahia
Samba Carioca (Rio de Janeiro)
Samba Paulista (São Paulo)
Assim, dependendo do Estado modificam-se os ritmos, as letras, o estilo de
dançar e até mesmo os instrumentos que acompanham a melodia.
Com o passar do tempo, o samba foi conquistando o público em geral e
adquirindo um lugar de destaque entre os principais elementos da identidade
cultural brasileira.
II. DEFINIÇÃO
O samba é a dança e a música típica do Brasil, de origem africana, é muito
parecida com a rumba, mas com um ritmo mais acelerado. Foi o carnaval
característico do Rio de Janeiro que tornou o samba tão famoso quanto é
agora, entre 1920 e 1930. É uma das mais importantes manifestações
culturais do Brasil e um símbolo de identidade nacional. Para que o samba
seja aquele som e ritmo peculiares, são utilizados instrumentos de
percussão característicos do Brasil, como chocalho, reco-reco, tamborín e
cabaça.
PAGODE

“…Quem cultiva a semente do amor


Segue em frente não se apavora…”
I. DEFINICION:
O pagode é um estilo diferente de samba. Tem suas origens no Rio de
Janeiro entre o final da década de 1970 e início da década de 1980, a partir
da tradição das rodas de samba feitas nos "fundos de quintal".
O termo "pagode" está presente na linguagem musical brasileira desde,
pelo menos, o século XIX. Inicialmente, era associado às festas que
aconteciam nas senzalas e, mais tarde, se tornou sinônimo de qualquer
festa regada a, bebidas alcólicas e cantoria. Com o passar do tempo, o
termo "pagode" começou a ser usado como sinônimo de samba, por causa
de sambistas que se valiam deste nome pra suas festas, ou, seus pagodes.
Como vertente musical, o pagode nasceria exatamente dessa manifestação
popular completamente marginal aos acontecimentos musicais dos grandes
meios de comunicação brasileira. A partir do surgimento de nova geração
de sambistas no Rio de Janeiro nos anos oitenta, oriunda desses pagodes e
que inovaria a forma de se fazer samba, o termo "pagode" batizaria
espontaneamente o novo estilo musical derivado do samba .

Centres d'intérêt liés