Vous êtes sur la page 1sur 6

Estruturas Pedagógicas

Área disciplinar de Biologia e Geologia


Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares Ano letivo 2017/2018
Direção de Serviços da Região Centro

Classificação: _________________________
FICHA DE AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS NATURAIS
O Professor: __________________________
Ano: 8º Turma: A - C Data: 21/02/2018
Enc. Educação: ________________________
Duração: 50 MINUTOS
Data ____ / ____ / ______

Nome do aluno____________________________________________________Nº__________

VERSÃO 1

MOD.01, revisão 0 Página 1 de 6


Grupo I
A borboleta-azul-das-turfeiras, tal como as outras borboletas, é um inseto muito delicado, ativo e
especializado. A borboleta-azul é muito rara porque não tolera grandes variações no ecossistema, exigindo
condições muito específicas, como a presença obrigatória da sua planta hospedeira, a genciana-das-
turfeiras, onde coloca os seus ovos, e de formigas da espécie Myrmica aloba, que alimentam as suas larvas
no formigueiro. A fêmea deposita cerca de 60 ovos numa planta com o botão ainda por abrir e que fique
perto de um formigueiro; cerca de três a quatro semanas depois, as lagartas deixam de se alimentar da
planta e atiram-se para o solo. As formigas são enganadas por um produto químico libertado pelas lagartas,
confundindo-as com larvas de formiga, pelo que são cuidadosamente transportadas para o formigueiro.
Passam cerca de onze meses nos formigueiros, sendo alimentadas pelas formigas e fornecendo-lhes
substâncias açucaradas. As larvas de borboleta-azul são procuradas debaixo do solo, nos formigueiros,
pela vespa da espécie Ichneumon eumerus. A vespa localiza a larva da borboleta e injeta-lhe os seus
próprios ovos. Quando a lagarta de borboleta-azul passa a pupa, as larvas da vespa eclodem e alimentam-
se da pupa de borboleta.

Na resposta a cada um dos itens de 1. a 5., seleciona a única opção que permite obter uma afirmação
correta.
1. A sobrevivência da borboleta-azul-das-turfeiras depende da existência...
(A) … da genciana-das-turfeiras e das formigas Myrmica aloba.
(B) … da genciana-das-turfeiras mas não das formigas Myrmica aloba.
(C) … das formigas Myrmica aloba mas não da genciana-das-turfeiras.
(D) … da vespa Ichneumon eumerus.

2. A relação biótica entre a borboleta-das-turfeiras e a formiga Myrmica aloba é…


(A) … o mutualismo. (C) … o parasitismo.
(B) … o comensalismo. (D) … a competição.

3. Na relação biótica entre a borboleta-azul e a genciana-das-turfeiras...


(A) … a borboleta é beneficiada, sendo indiferente para a planta.
(B) … tanto a borboleta como a planta são beneficiadas.
(C) … a planta é beneficiada e a borboleta é prejudicada.
(D) … a borboleta é beneficiada e a planta é prejudicada.

4. A borboleta-azul, a genciana-das-turfeiras e a formiga constituem...


(A) … uma população.
(B) … uma parte da comunidade.
(C) … uma espécie.
(D) … um conjunto de consumidores.

5. A relação que se estabelece entre a formiga e a vespa é de…


(A) … comensalismo e pode ser caracterizada por (+;0).
(B) … comensalismo e pode ser caracterizada por (+;–).
(C) … parasitismo e pode ser caracterizada por (+;0).
(D) … parasitismo e pode ser caracterizada por (+;–).

6. Faz corresponder a cada um dos tipos de relação biótica, expressos na coluna A, a respetiva
designação, que consta da coluna B. Utiliza cada letra e cada número apenas uma vez.
Coluna A Coluna B
(a) _____Relação entre seres vivos de duas espécies diferentes (1) Canibalismo
em que ambos são beneficiados.
(b) _____Relação entre seres vivos de duas espécies diferentes
(2) Comensalismo
em que os de uma espécie são beneficiados e os da outra são (3) Competição interespecífica
indiferentes.
(c) _____Relação entre seres vivos de duas espécies diferentes (4) Competição intraespecífica
em que os de uma espécie vivem à custa do seu hospedeiro. (5) Cooperação
(d) _____Relação entre seres vivos da mesma espécie em que
ambos disputam os mesmos recursos. (6) Mutualismo
(e) _____Relação entre seres vivos de duas espécies diferentes (7) Parasitismo
em que os de uma espécie, para se alimentarem, matam os da
outra. (8) Predação

Página 2 de 6_V1
7. As formigas vivem em campos de ervas rasteiras. A erva rasteira permite que o sol aqueça e o solo,
criando condições para o desenvolvimento dos insetos que servem de alimento às formigas. A erva é
mantida curta pela pastagem do gado doméstico. Explica qual é a consequência para a população de
borboletas-azuis se o gado deixar de pastar estes campos.

Grupo II
É a avifauna aquática migradora que atribui ao estuário do Tejo o estatuto de mais importante zona húmida
do país. Aqui ocorrem, com regularidade, cerca de 100 000 aves invernantes, ultrapassando o valor de
120 000 aves nos períodos de passagem migratória. A riqueza deste estuário é preservada graças à
manutenção das zonas entre marés. A matéria vegetal em decomposição, maioritariamente produzida pelo
sapal, e as microalgas que se desenvolvem à superfície dos substratos são consumidas por inúmeros
invertebrados e pequenos peixes. Eles constituem, por sua vez, a base alimentar de peixes, na maré cheia,
e de aves, na maré vazia. Várias dessas espécies desempenham um papel fundamental nas cadeias
alimentares estuarinas.
Baseado em http://www2.icnf.pt/portal/ap/r-nat/rnet/fauna (Consult. em janeiro de 2018)

Figura 1. Teia alimentar do estuário do Tejo.


Baseado em https://pt.slideshare.net/paulalopessilva/biodiversity-at-moita (Consult. em janeiro de 2018)

Página 3 de 6_V1
Na resposta a cada um dos itens de 1. a 7., seleciona a única opção que permite obter uma afirmação
correta.

1. As setas representadas no diagrama representam


(A) um aumento na população.
(B) o fluxo de energia e materiais.
(C) a evolução dos organismos.
(D) uma sucessão ecológica.

2. Quando um ser vivo come outro organismo, a maioria da energia disponível do alimento é
(A) usada no crescimento de tecidos do ser vivo.
(B) excretada sob a forma de fezes.
(C) usada para a respiração celular.
(D) transmitida para o próximo organismo na cadeia alimentar.

3. A garça-real é um
(A) produtor de segunda ordem e ocupa o segundo nível trófico.
(B) produtor de primeira ordem e ocupa o terceiro nível trófico.
(C) consumidor de primeira ordem e ocupa o segundo nível trófico.
(D) consumidor de segunda ordem e ocupa o terceiro nível trófico.

4. O fitoplâncton são seres


(A) decompositores e transformam a matéria orgânica em matéria inorgânica.
(B) decompositores e transformam a matéria inorgânica em matéria orgânica.
(C) produtores e transformam a matéria orgânica em matéria inorgânica.
(D) produtores e transformam a matéria inorgânica em matéria orgânica.

5. A águia-sapeira regula o número de indivíduos da população de caranguejos-verdes de uma forma


(A) direta, através do seu consumo.
(B) direta, através do consumo dos pernas-vermelhas.
(C) indireta, através do consumo dos pernas-vermelhas.
(D) indireta, através do seu consumo.

6. As plantas do sapal incorporam o carbono na matéria orgânica no processo de


(A) alimentação.
(B) fotossíntese.
(C) respiração.
(D) decomposição.

7. Na teia representada, a tainha é um ser


(A) autotrófico, pois produz a sua própria matéria orgânica a partir de matéria mineral.
(B) autotrófico, pois necessita de obter matéria orgânica produzida por outros organismos.
(C) heterotrófico, pois produz a sua própria matéria orgânica a partir de matéria mineral.
(D) heterotrófico, pois necessita de obter matéria orgânica produzida por outros organismos.

Grupo III
Um grupo de investigadores quantificou o carbono que é armazenado pelas algas no ecossistema costeiro
do oceano Pacífico, na presença e na ausência de lontras. Na ausência das lontras, a população de ouriços
aumenta, pastando os campos de algas até os tornar estéreis. Os investigadores concluíram que os
predadores carnívoros exercem um forte efeito nas plantas de um ecossistema, que por sua vez
influenciam a concentração de carbono atmosférico.
A lontra funciona como uma espécie-chave deste ecossistema, isto é, uma espécie que exerce um grande
papel ecológico numa rede alimentar, de modo que, se retirada, a estrutura da comunidade inteira é
comprometida. É como a pedra angular na parte mais alta de um arco, que mantém todas as outras peças
juntas. Esta espécie influencia o controlo de outras espécies, determinando mudanças na abundância de
várias espécies e permitindo que uma comunidade seja formada por espécies muito diferentes.
Na resposta a cada um dos itens de 1. a 5., seleciona a única opção que permite obter uma afirmação
correta.
1. As algas são seres…
(A) … decompositores e transformam a matéria orgânica em matéria inorgânica.
(B) … decompositores e transformam a matéria inorgânica em matéria orgânica.
(C) … produtores e transformam a matéria orgânica em matéria inorgânica.
(D) … produtores e transformam a matéria inorgânica em matéria orgânica.

Página 4 de 6_V1
Figura 2. Transporte de carbono e produção de matéria orgânica na presença e na ausência de lontras.

2. A lontra regula o número de indivíduos da população de algas de uma forma…


(A) … direta, através do seu consumo.
(B) … indireta, através do seu consumo.
(C) … direta, através do consumo dos ouriços.
(D) … indireta, através do consumo dos ouriços.

3. As algas incorporam o carbono na matéria orgânica no processo de…


(A) … alimentação.
(B) … fotossíntese.
(C) … respiração.
(D) … decomposição.

4. Na ausência das lontras, a população de ouriços…


(A) … aumenta, diminuindo a produtividade primária do ecossistema.
(B) … aumenta, aumentando a produtividade primária do ecossistema.
(C) … diminui, diminuindo a produtividade primária do ecossistema.
(D) … diminui, aumentando a produtividade primária do ecossistema.

5. Os fatores que contribuem para a diminuição de uma população são…


(A) … a natalidade e a imigração.
(B) … a natalidade e a emigração.
(C) … a mortalidade e a imigração.
(D) … a mortalidade e a emigração.

6. Faz corresponder a cada um das descrições, expressas na coluna A, a respetiva designação, que consta
da coluna B. Utiliza cada letra e cada número apenas uma vez.
Coluna A Coluna B
(a) _____Animal que se alimenta de vegetais. (1) Espécie
(b) _____Organismo que produz a matéria orgânica de que se (2) População
alimenta.
(c) _____Organismo capaz de sintetizar compostos orgânicos, (3) Produtor
necessários ao seu metabolismo, a partir de substâncias (4) Consumidor
inorgânicas. (5) Decompositor
(d) _____Organismo que participa na transformação da matéria
(6) Autotrófico
orgânica morta em matéria mineral.
(e) _____Conjunto de indivíduos idênticos que vivem no mesmo (7) Heterotrófico
espaço, no mesmo período de tempo. (8) Herbívoro

Página 5 de 6_V1
7. Explica, de acordo com os dados da figura 2, como é que a ausência de lontra pode contribuir para a
diminuição das populações que vivem no fundo oceânico.

GRUPO I
1. ...................................................................................................................................................... 4 pontos
2. ...................................................................................................................................................... 4 pontos
3. ...................................................................................................................................................... 4 pontos
4. ...................................................................................................................................................... 4 pontos
5. ...................................................................................................................................................... 4 pontos
6. ...................................................................................................................................................... 6 pontos
7. .................................................................................................................................................... 10 pontos
36 pontos
GRUPO II
1. ..................................................................................................................................................... 4 pontos
2. ..................................................................................................................................................... 4 pontos
3. ..................................................................................................................................................... 4 pontos
4. ..................................................................................................................................................... 4 pontos
5. ..................................................................................................................................................... 4 pontos
6. ..................................................................................................................................................... 4 pontos
7. ..................................................................................................................................................... 4 pontos
28 pontos
GRUPO III
1. ...................................................................................................................................................... 4 pontos
2. ...................................................................................................................................................... 4 pontos
3. ...................................................................................................................................................... 4 pontos
4. ...................................................................................................................................................... 4 pontos
5. ...................................................................................................................................................... 4 pontos
6. ...................................................................................................................................................... 6 pontos
7. .................................................................................................................................................... 10 pontos
36 pontos

BOA SORTE

Página 6 de 6_V1