Vous êtes sur la page 1sur 15

Introdução:

John Lennon disse numa entrevista a uma revista americana:

“O cristianismo vai se acabar, vai se encolher desaparecer”. Eu não preciso discutir sobre isso.
Eu estou certo. Jesus era legal, mas suas disciplinas são muito simples.

Hoje, nós (Beatles) somos mais populares que Jesus Cristo. (1966)

Lennon, depois de ter dito que os Beatles estavam mais famosos que Jesus Cristo, recebeu
cinco tiros de seu próprio fã (Mark David Chapman), que o idolatrava como um deus e se
decepcionou.

TANCREDO NEVES: Na ocasião da campanha presidencial, disse que se tivesse 500 votos do
seu partido (PDS),

“Nem Deus o tiraria da presidência da república”.

Os votos ele conseguiu com folga, mas o trono lhe escapou por um triz no dia anterior a Posse.

Cazuza: Em um show no Canecão (Rio de Janeiro), deu um trago em um cigarro de Maconha,


soltou a fumaça para cima e disse:

“Deus, essa é para você!”

Nem precisa falar em qual situação morreu esse homem.

MARILYN MONROE:

Foi visitada por Billy Graham durante a apresentação de um show. Ele, um pregador do
evangelho, na época havia sido mandado pelo Espírito Santo àquele lugar, para pregar a
Marilyn. Porém ela, depois de ouvir a mensagem do Evangelho, disse:

“Não preciso do Seu Jesus.”

Uma semana depois foi encontrada morta em seu apartamento.

Em Campinas, uma turma de amigos já embriagados, foram buscar a última pessoa para ir à
balada, parou em frente da casa da jovem e chamou, junto com a moça veio à mãe. A mãe
com medo, vendo todos embriagados e sua filha entrando naquele carro lotado, pegou na
mão da filha que já estava dentro do carro e disse:

“FILHA VAI COM DEUS QUE ELE LHE PROTEJA”,

A filha pra tirar uma onda com a mãe disse:

“SÓ SE ELE FOR NO PORTA-MALAS, POIS AQUI JÁ ESTÁ LOTADO”.

Algumas horas depois veio a noticia aos familiares dos jovens, sofreram um acidente,
morreram todos, o carro ficou irreconhecível, mas o porta-malas ficou intacto.
Pode até parecerem coincidências, estes
acontecimentos, mas o fato é que não devemos brincar
com coisa séria. A palavra de Deus diz em: Gl 6.7-8 diz:
7 Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear,
isso também ceifará.

8 Porque o que semeia para a sua própria carne da carne colherá corrupção;
mas o que semeia para o Espírito do Espírito colherá vida eterna. Gl 6.7-8.

Quero considerar com vocês o texto de Mateus 7:21-23 e


falar sobre o tema
Como brincar de ser igreja ou como a igreja falsa se
incorpora a igreja verdadeira.
Abra sua bíblia em Mateus 7:13-23
13 Entrai pela porta estreita larga é a porta, e espaçoso, o caminho que
conduz para a perdição, e são muitos os que entram por ela),

14 porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que conduz para a vida, e


são poucos os que acertam com ela.

15 Acautelai-vos dos falsos profetas, que se vos apresentam disfarçados em


ovelhas, mas por dentro são lobos roubadores.

16 Pelos seus frutos os conhecereis. Colhem-se, porventura, uvas dos


espinheiros ou figos dos abrolhos?

17 Assim, toda árvore boa produz bons frutos, porém a árvore má produz
frutos maus.

18 Não pode a árvore boa produzir frutos maus, nem a árvore má produzir
frutos bons.

19 Toda árvore que não produz bom fruto é cortada e lançada ao fogo.

20 Assim, pois, pelos seus frutos os conhecereis.

21 Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas
aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.

22 Muitos, naquele dia, hão de dizer-me: Senhor, Senhor! Porventura, não


temos nós profetizado em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e
em teu nome não fizemos muitos milagres?
23 Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os
que praticais a iniquidade.

Este texto faz parte da aplicação do maior sermão de


proferido em todo tempo: O SERMÃO DO MONTE.
O sermão do monte fala sobre Reino dos céus: ele fala
sobre suas normas, sua ética, como deve ser meu
comportamento diante do reino de Deus. Também fala
como devemos testemunhar sobre este reino fala sobre o
nosso testemunho diante deste REINO. (5.3-16)
a. A s normas do reino (VS 5.3-12)
l ) As BEM-AVENTURANÇAS ( 5 .3 - IO )
3. Bem-aventurados os pobres em espírito, pois deles é o
Reino dos céus.
4. Bem-aventurados os que choram, pois serão
consolados.
5. Bem-aventurados os humildes, pois eles receberão a
terra por herança.
6. Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça,
pois serão satisfeitos.
7. Bem-aventurados os misericordiosos, pois obterão
misericórdia.
8. Bem-aventurados os puros de coração, pois verão a
Deus.
9. Bem-aventurados os pacificadores, pois serão
chamados filhos de Deus.
10. Bem-aventurados os perseguidos por causa da justiça,
pois deles é o Reino dos céus.”
b. O testemunho do reino (5.13-16)
1) Sal (5.13)
13 “Vocês são o sal da terra. Mas se o sal perder o seu sabor, como restaurá-lo? Não
servirá para nada, exceto para ser jogado fora e pisado pelos homens.”

2) Luz (5.14-16)
14 “Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um
monte.

15 E, também, ninguém acende uma candeia e a coloca debaixo de uma vasilha. Ao


contrário, coloca-a no lugar apropriado, e assim ilumina a todos os que estão na casa.

16 Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e
glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus.”

c. Conclusão: Ele faz uma a exigência de perfeição (5.48)


48 “Portanto, sejam perfeitos como perfeito é o Pai celestial de vocês.”

Ele faz um alerta contra a Hipocrisia religiosa: sua


descrição e subversão (6.1-18)
a. O princípio (6.1)
1 “Tenham o cuidado de não praticar suas ‘obras de justiça’ diante dos outros para
serem vistos por eles. Se fizerem isso, vocês não terão nenhuma recompensa do Pai
celestial.”

b. Três exemplos NEGATIVOS dos falsos religiosos (6.2-18)


1) Esmola (6.2-4)
2 “Portanto, quando você der esmola, não anuncie isso com trombetas, como fazem os
hipócritas nas sinagogas e nas ruas, a fim de serem honrados pelos outros. Eu lhes
garanto que eles já receberam sua plena recompensa.

3 Mas quando você der esmola, que a sua mão esquerda não saiba o que está fazendo
a direita,

4 de forma que você preste a sua ajuda em segredo. E seu Pai, que vê o que é feito em
segredo, o recompensará.”

2) Oração (6.5-15)
a) Ostentação na oração (6.5,6)
5 “E quando vocês orarem, não sejam como os hipócritas. Eles gostam de ficar orando
em pé nas sinagogas e nas esquinas, a fim de serem vistos pelos outros. Eu lhes
asseguro que eles já receberam sua plena recompensa.

6 Mas quando você orar, vá para seu quarto, feche a porta e ore a seu Pai, que está em
secreto. Então seu Pai, que vê em secreto, o recompensará.”

3) Jejum (6.16-18)
16 “Quando jejuarem, não mostrem uma aparência triste como os hipócritas, pois eles
mudam a aparência do rosto a fim de que os outros vejam que eles estão jejuando. Eu
lhes digo verdadeiramente que eles já receberam sua plena recompensa.

17 Ao jejuar, arrume o cabelo e lave o rosto,

18 para que não pareça aos outros que você está jejuando, mas apenas a seu Pai, que
vê em secreto. E seu Pai, que vê em secreto, o recompensará.”

Conclusão: chamado para decisão e compromisso (7.13-


27)
a. Dois caminhos (7.13,14)
13 “Entrem pela porta estreita, pois larga é a porta e amplo o caminho que leva à
perdição, e são muitos os que entram por eia.

14 Como é estreita a porta, e apertado o caminho que leva à vida! São poucos os que a
encontram.”

O sermão do monte termina com quatro advertências,


cada uma oferecendo um par de contrastes:
 Dois caminhos (vs. 13,14); obs:explicar sobre os dois
caminhos
 Duas árvores (vs. 15-20); obs:explicar sobre as duas
arvores
 Duas afirmações (vs. 21-23);
 E dois construtores (vs. 24-27).
Até aqui O tema ainda é o reino dos céus. Mas ela alerta
Alguns não entrarão no reino dos céus (21-23).
21 Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas
aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.

22 Muitos, naquele dia, hão de dizer-me: Senhor, Senhor! Porventura, não


temos nós profetizado em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e
em teu nome não fizemos muitos milagres?

23 Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os


que praticais a iniquidade.

Nosso texto é uma advertência para aqueles que pensam


estar confortavelmente incluídos na igreja, mas na
realidade não estão.
1- A condição para entrar no reino de Deus (v.21)
a- Não são aqueles que dizem Senhor, Senhor. (v.21a)
b- São aqueles que fazem a vontade de Deus. (v.21b)
Qual a condição para entrar no reino de Deus.
primeiramente não são aqueles que dizem Senhor,
Senhor (observem que a repetição da palavra senhor,
senhor da à ideia de devoção).
Estou certo que há pessoas que vivem na igreja, mas não
conhecem Jesus Cristo de maneira pessoal e vital. Talvez
estas pessoas tenham alguma devoção a Jesus, talvez
tenham alguma sensação religiosa e emoções santas, mas
não conhecem Jesus Cristo.
Mateus 25. 1-13 é uma história que ilustra exatamente o
que estou dizendo:
1 "O Reino dos céus, pois, será semelhante a dez virgens que pegaram suas candeias e
saíram para encontrar-se com o noivo.

2 Cinco delas eram insensatas, e cinco eram prudentes.

3 As insensatas pegaram suas candeias, mas não levaram óleo consigo.

4 As prudentes, porém, levaram óleo em vasilhas juntamente com suas candeias.

5 O noivo demorou a chegar, e todas ficaram com sono e adormeceram.

6 "À meia-noite, ouviu-se um grito: ‘O noivo se aproxima! Saiam para encontrá-lo! ’

7 "Então todas as virgens acordaram e prepararam suas candeias.

8 As insensatas disseram às prudentes: ‘Dêem-nos um pouco do seu óleo, pois as


nossas candeias estão se apagando’.

9 "Elas responderam: ‘Não, pois pode ser que não haja o suficiente para nós e para
vocês. Vão comprar óleo para vocês’.

10 "E saindo elas para comprar o óleo, chegou o noivo. As virgens que estavam
preparadas entraram com ele para o banquete nupcial. E a porta foi fechada.

11 "Mais tarde vieram também as outras e disseram: ‘Senhor! Senhor! Abra a porta
para nós! ’

12 "Mas ele respondeu: ‘A verdade é que não as conheço! ’

13 "Portanto, vigiem, porque vocês não sabem o dia nem a hora! "

As virgens foram todas convidadas para a festa.


Simbolicamente, em um sentido, elas tinham o
evangelho. Ouviram a proclamação: “Vinde à festa”. Isso
é uma ilustração autêntica da chamada de Deus ao
mundo. Elas estavam preparadas a ponto de terem suas
lâmpadas. Tinham, inclusive, as roupas certas. Até
chegaram a casa onde seria a festa. Mas não entraram.
O clamor delas é semelhante ao de Mateus 7:21:
“Senhor, Senhor, abre-nos a porta!” Mas o Senhor disse:
“Em verdade vos digo não vos conheço” .
A seguinte frase está escrita numa velha placa em
uma igreja na Alemanha:
Assim fala Cristo, nosso Senhor: vós me chamais Senhor e
não me obedeceis. Vós me chamais Luz e não me vedes.
Vós me chamais Caminho e não andais em mim. Vós me
chamais Vida e não me dejesais. Vós me chamais Sábio e
não me seguis. Vós me chamais Formoso e não me amais.
Vós me chamais Rico e não me pedis. Vós me chamais
Eterno e não me buscais. Vós me chamais Nobre e não
me servis. Vós me chamais Gracioso e não confias em
mim. SE EU VOS CONDENAR, NÃO ME CULPEIS.
Aplicação:
O que eu aprendo aqui? Quais lições podemos tirar para
nossa vida?
Primeira lição: Mera profissão de fé dizer: (Senhor,
Senhor) não será suficiente para herdar o Reino de Deus.
Você pode vim à igreja todos os dias de culto, você pode
ser fiel nos seus dízimos, você pode se emocionar quando
louva a Deus, você ajudar os necessitados da
comunidade, você pode ter lido a sua bíblia toda e assim
mesmo correr o risco de não entrar no reino de Deus.
A segunda lição: mero conhecimento intelectual a
respeito de Jesus Cristo não será suficiente para herdar o
Reino de Deus. Você pode ter conhecimento total sobre
Jesus Cristo , sobre seu nascimento, sua vida adulta ,
sobre seu ministério, sobre sua morte vicária na cruz,
sobre sua maravilhosa ressurreição e assim mesmo ser
condenado ao inferno.
A condição para entrar no reino de Deus (v.21)
a. Não são aqueles que dizem Senhor, Senhor. (v.21a)
b. Mas aquele que faz a vontade de Deus (v.21b)
Não basta pedir, não basta desejar, e preciso ser
obediente. Deus estabeleceu regras para entrar no Reino
dos céus ela deve ser obedecidas, pois no contrário não
há entrada. É somente por meio da fé pessoal no senhor
Jesus Cristo que você, e eu entraremos no Reino dos
Céus. A confissão de lábios não é suficiente – tem de
haver obediência.
Deus estabeleceu a exigência para entrada no Reino de
Deus. Não tem nada a ver com o Templo. Tem tudo a ver
com Jesus. Chamar a Cristo de Senhor ou qualquer outra
coisa não é suficiente. Fazer a vontade de Deus é a
resposta.
Talvez você diga: bem qual é a vontade de Deus?
Paulo falou a Timóteo que “Deus, nosso Salvador... deseja
que todos os homens sejam salvos” (1Tm 2.3-4). Essa é a
vontade de Deus.
Cristo disse: “A vontade de meu Pai é que todo homem
que vir ao filho e nele crer tenha a vida eterna; e eu o
ressuscitarei no último dia” (Jo. 6.40) essa é a vontade de
Deus.
Deus quer que você receba a cristo como Salvador e
Senhor.
Quem entrará no Reino de Deus?
Não serão aqueles que com hipocrisia diz Senhor,
Senhor, mas aquele que faz a vontade de Deus.
O segundo ponto sobre o tema desta noite BRINCANDO
DE SER IGREJA É:
2. O CLAMOR DOS QUE NÃO ENTRARAM NO REINO DE
DEUS. (VS.22-23)
Observe, agora, o clamor daqueles que não puderam
entrar no Reino:
22 Muitos, naquele dia, hão de dizer-me: Senhor, Senhor! Porventura, não temos nós
profetizado em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e em teu nome não fizemos
muitos milagres?

23 Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os que praticais a
iniquidade.

Observe a expressão naquele dia. Isso é muito importante


porque é uma referencia a um dia especifico que ocorrerá
quando Cisto vier para julgar. Na bíblia, a ideia de
naquele dia está conectada a julgamento. Há um dia
vindouro em que Deus julgara. Há um dia em que o
grande trono branco será uma realidade. Apocalipse
20.11-15 nos esclarece isto.
11 Depois vi um grande trono branco e aquele que nele estava assentado. A terra e o
céu fugiram da sua presença, e não se encontrou lugar para eles.

12 Vi também os mortos, grandes e pequenos, de pé diante do trono, e livros foram


abertos. Outro livro foi aberto, o livro da vida. Os mortos foram julgados de acordo
com o que tinham feito, segundo o que estava registrado nos livros.

13 O mar entregou os mortos que nele havia, e a morte e o Hades entregaram os


mortos que neles havia; e cada um foi julgado de acordo com o que tinha feito.

14 Então a morte e o Hades foram lançados no lago de fogo. O lago de fogo é a


segunda morte.

15 Se o nome de alguém não foi encontrado no livro da vida, este foi lançado no lago
de fogo.

Muitas pessoas estão indo para o inferno eternamente


desapontadas, porque pensavam que sua performance
(desempenho) religioso era suficiente para salvá-las.
Milhões de pessoas de pessoas confiam na sua
moralidade, boas obras, batismo, membresia na igreja.
Mas não é suficiente.
Aplicação:
O que aprendo aqui nesse segundo ponto:
Atuar poderosamente em nome de Jesus não é suficiente

 Profetizar
 Expulsar demônios.
 Fazer milagres todos em nome de Jesus não nos
levará ao céu. Somente um relacionamento de amor
em cristo Jesus.
 É possível fazer proezas e grandes obras sem ser
salvo. Um homem ímpio pode se esconder por trás
de obras religiosas.
O terceiro ponto desta noite sobre o tema Brincando de
ser igreja é:
3 - A CONDENAÇÃO PARA AQUELES QUE ESTÃO SEM
CRISTO. (V23)
23 Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os que praticais a
iniquidade.

A palavra (direi explicitamente), significa que Jesus como


grande juiz vai proclamar abertamente (para todos
ouvirem diante do trono branco) que não conhece essas
pessoas. A mesma palavra é usada em Mateus 10.32
"Quem, pois, me confessar diante dos homens, eu também o confessarei diante do meu
Pai que está nos céus”

Se você não proclama a Cristo aberta e


espontaneamente neste mundo, ele não o proclamará
abertamente no céu. Em vez disso, ele dirá: “nunca vos
conheci”.
O que Cristo quis dizer quando falou “nunca vos
conheci”. Sabemos que ele não esta dizendo. “não sei
quem você é”. Ele sabe quem cada pessoa. E sabe ate
quando um pardal cai (Mt 10.29-30). Deus sabe tudo que
há para saber.
Temos a resposta em (2 Timóteo): Entretanto, o firme fundamento de
Deus permanece inabalável e selado com esta inscrição: "O Senhor conhece quem lhe
pertence" e "afaste-se da iniqüidade todo aquele que confessa o nome do Senhor"
O que Paulo está dizendo aqui é que a palavra
“conhecer” na escritura implica um relacionamento
singular de amor.
Temos um relacionamento de amor intimo com
Deus. Isso é ilustrado para nós nas palavras de Cristo: (Jo
10:14) "Eu sou o bom pastor; conheço as minhas ovelhas; e elas me conhecem;

Você percebe a beleza e a intimidade do


relacionamento de amor que temos com Jesus Cristo?
No entanto, para aqueles que não têm esse
relacionamento de amor, Ele dirá: “Nunca vos conheci”.
Conclusão:
Termino aqui com uma ilustração:
Certa vez, havia um ator em um jantar social.
Pediram ao ator que recitasse algo para os presentes.
Ele se levantou e sendo gracioso para com os
presentes disse: recitarei o que vocês desejarem que eu
recite.
Um velho pregador sentado no fundo do salão
levantou e disse: Gostaria de ouvir você recitar o Salmo
23.
O ator ficou chocado com o pedido, mas como disse
que recitaria qualquer coisa que fosse pedido, fez o que o
velho pregador pediu. Recitou por completo e com
grande eloquência o salmo 23. – foi uma interpretação
primorosa. Sua dicção foi bela. Quando terminou todos
estavam de pé aplaudindo o ator.
O ator querendo se vingar do velho pregador por ter
pedido recitar um salmo da bíblia, disse ao velho
pregador: agora quero ver você recitar o salmo 23
também.
O velho levantou foi para frente é com uma voz
arrastada e fanha, não era uma voz tão bela recitou
todinho o salmo 23.
A interpretação não foi realmente excelente.
Quando o velho pregador acabou não houve aplausos.
Mas não havia olhos sem lagrimas no salão. O ator,
sentindo sua própria emoção, e com os olhos cheios de
lagrimas, levantou e disse:
Senhoras e senhores eu atingi seus olhos e ouvidos,
mas ele atingiu seu coração.
A diferença é esta: eu conheço o SALMO, ele
conhece o PASTOR.
Meus amados irmãos cristianismo não é uma
formalidade. Não é uma religião
É um relacionamento pessoal de amor com Jesus
Cristo.
Você tem este relacionamento de amor com Cristo?
Você conhece este Cristo? Você conhece o bom
Pastor?
Como será naquele dia, o dia do juízo, onde você
estará frente a frente com Jesus.
O que será que ele vai dizer pra você?

 Entra no meu reino filho querido.


Ou será? Não te conheço, você não me pertence.
Se você compreendeu esta mensagem, se Cristo falou ao
teu coração nesta noite e deseja dedicar sua vida ao
Senhorio de Jesus cristo. Quero convidar você a
proclamar abertamente nesta noite. Venha aqui na frente
quero orar com Você.
Que Deus em Cristo nos abençoe.