Vous êtes sur la page 1sur 4

TÍTULO DO PROJETO DE CONCLUSÃO DE CURSO

NOME: Rafael Santa Maria Bianchetti RA: 16000247

PROF. ORIENTADOR: Marcos Silva


DATA: 00/00/2018
ASSINATURA:________________________________

PROJETO DE PESQUISA

1. Introdução:
Este projeto vai ser elaborado para trabalhar e compreender a ditadura militar no período
do governo de Ernesto Geisel, e será possível discutir o desfecho da ditadura militar e o processo
de redemocratização que se iniciou neste período, discutindo também os movimentos sociais e
a importância dos mesmos como única forma de oposição ao regime militar, o projeto será
fundamentado dentro de um quadro de análise histórica, como também considerando uma
perspectiva crítica dentro da delimitação do tema, respeitando todo o quadro de historicidade
em questão.

2. Justificativa:
Trazer para a discussão o recorte histórico em que se refere o governo Geisel é essencial
para a compreensão da importância das lutas pela a retomada da democracia, ao mesmo tempo
em que é preciso analisar o processo em que a ditadura militar começou a definhar perante ao
olhar da população, que começou a sofrer grandes dificuldades financeiras devido à postura
política e econômica tomada pelo regime militar.
A importância de estudar o regime militar no período Geisel, está também presente na
questão no que se refere o quesito popular, como por exemplo o movimento do ABC paulista,
que passou a enfrentar a ditadura com greves pedindo melhores condições trabalhistas e
questionando a política adotada pelo governo no que diz respeito aos trabalhadores.
Entender as políticas econômicas adotadas pelo governo, bem como as decisões que
seriam o início do processo de distensão política, é essencial para compreender como a ditadura
militar começou a se desvanecer.
As lutas por direitos civis e democráticos que começaram a ganhar força no governo
Geisel e também a crise econômica que fez o regime militar perder crédito perante ao olhar
popular, é de toda forma indispensável para estudar as atitudes de um governo autoritário e
também a importância das lutas pela conquista de direitos democráticos, que estavam sendo
negados devido ao vigor do AI-5.

3. Objetivo(s):
Este projeto terá como finalidade analisar o começo do processo de redemocratização e
também a retomada pela luta de direitos trabalhistas e sociais que eram totalmente reprimidas
na fase áurea da ditadura, também conhecida como “anos de chumbo”, marcada fortemente pela
repressão violenta de alto teor de censura, devido o decreto do AI-5 que reprimia totalmente a
vida artística bem como o direito de se expressar de toda a população em questão, e com o
governo Geisel que caminhou para processo de reabertura bem como a volta da participação
popular de alguns setores da sociedade, será possível e analisar e compreender os motivos da
crise que arruinou o alto vigor da ditadura militar, que agora dava seus passos em direção ao
processo de distensão política, abrindo espaços de forma estratégica para a retomada “lenta e
gradual” da democracia, assim como planejou o general Ernesto Geisel desde o início de seu
governo.

Objetivo geral:
O principal objetivo deste projeto será compreender o processo de redemocratização e
o nascimento da nova república através das sucessivas crises que a ditadura militar passou a
enfrentar desde o início do governo Geisel, nesta questão percebe-se o processo dialética da
história, analisar a mesma dentro do princípio das contradições e buscar a entender o caráter
das crises econômicas e políticas, e como elas levaram a população a perceber que estavam
vivendo sob a tutela de uma ditadura e como foi possível romper as barreiras autoritárias para
o porvir de uma nova era democrática.
Objetivos específicos:
 Compreender o processo de redemocratização;
 Compreender o nascimento da nova república.

4. Metodologia ou Procedimentos:
Esta parte do projeto deve responder às seguintes perguntas: Com que materiais?
Com que instrumentos? De que modo fazer?
Expor o método em que se baseará a pesquisa, por exemplo, a partir da abordagem
teórica e bibliográfica de uma obra, autor ou tema filosófico, no sentido de análise,
crítica, reflexão, etc.; pesquisa de campo a partir de alguma questão teórica/filosófica
proposta; pesquisa documental, a partir de fontes documentais diversas (imagens,
arquivos, textos, etc.) entrevistas ou produção de material acadêmico, etc.;
Pode-se fazer uma “revisão” ou síntese sobre o tema com base em alguma fonte de
consulta que se pretenda trabalhar. Enfim, um resumo introdutório sobre o tema;
Deve-se indicar também a divisão dos tópicos do artigo que se pretende desenvolver
no trabalho;
O trabalho final pode conter anexos, apêndices, gráficos, tabelas, ilustrações, que não
precisam ser indicadas no pré-projeto ou projeto.

5. Referencial Teórico:
Esta parte do projeto deve responder à pergunta: Com que fundamentos?

Apontar o Campo Histórico que se pretende desenvolver o projeto (História Social,


Política, Econômica, Cultural, etc.); apontar e delimitar as categorias e conceitos
essências para a pesquisa; apontar os possíveis diálogos interdisciplinares do projeto.

6. Revisão Bibliográfica
Esta parte do projeto deve responder à pergunta: Dialogando com quem?
Apontar as principais obras bibliográficas que servirão de base conceitual, analítica e
teórica para o desenvolvimento do projeto.
Apresentar breves comentários sobre itens particularmente importantes das obras
apontadas.
Demonstrar conhecimento da referência bibliográfica base.

7. Referências Bibliográficas

ARAÚJO, MARIA PAULA. et al. Ditadura e democracia no Brasil. 1.ed. Rio de Janeiro:
Ponteio, 2013.
D’ARAÚJO, MARIA CELINA; CASTRO, CELSO. Ernesto Geisel. 3.ed. Rio de Janeiro:
Fundação Getúlio Vargas, 1997.
NAPOLITANO, MARCOS. História do Regime Militar Brasileiro. 1.ed. São Paulo:
Contexto, 2014.
SKIDMORE, T. Brasil, de Castelo a Tancredo. 5.ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988.
NAPOLITANO, C.J. et al. O golpe de 1964 e a ditadura militar em perspectiva. 1 ed. SÃO
PAULO: UNESP, 2014. 394 p.
REZENDE, Maria José De. A ditadura militar no brasil: repressão e pretensão de
legitimidade: 1964-1984. 1 ed. Londrina: Eduel, 2013. 398 p.
VALLE, Maria Ribeiro Do. 1964-2014: Golpe Militar, História, Memória e Direitos
Humanos. 1 ed. Araraquara: Cultura Acadêmica, 2014. 174 p.
OLIVEIRA, Luciano. De Rubens Paiva a Amarildo. E “nego sete”? O regime militar e as
violações de direitos humanos no Brasil. Direito & Práxis, Rio de Janeiro, v. 9, n.1, p.202-
225, 2018.
CUNHA, Raphael Coutinho Da; FARIAS, Rogério De Souza. As relações econômicas
internacionais do governo Geisel (1974-1979). Revista Brasileira de Política Internacional,
São Paulo, v. 54, n. 2, p. 46-69, 2011.

8. Cronograma
Esta parte do projeto deve responder à pergunta: Quando fazer?
Início do projeto: 00/00/2018
Término previsto: 00/00/2018

FASE DE ELABORAÇÃO MÊS 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


Elaboração do pré-projeto X
Levantamento bibliográfico X
Elaboração do Projeto de Pesquisa X
Leitura da Bibliografia
Redação da revisão bibliográfica
Entrega do pré-projeto
Entrega do projeto
Preparação para coleta de dados
Coleta de dados
Análise de dados
Redação da Discussão
Redação da conclusão
Entrega da 1ª versão do artigo
Preparação final do TCC, artigo etc.
Revisão final do trabalho
Apresentação da pesquisa
Entrega do trabalho concluído