Vous êtes sur la page 1sur 1

LEGENDA

ACESSIBILIDADE CONSTRUTIVO
PISOS TÁTEIS SIMB DESCRIÇÃO
SIMB DESCRIÇÃO
ALVENARIA EXISTENTE (À MANTER)
PISO TÁTIL DE ALERTA EM PLACA DE POLIURETANO. DIMENSÃO
25X25CM EM COR CONTRASTANTE AO PISO, FIXADO ATRAVÉS CONSTRUÇÃO À DEMOLIR
DE COLA DUPLA FACE OU COLA ESPECIAL. COR AMARELA OU
CONTRASTANTE COM O PISO. COR PRETA, AZUL OU AMARELA. ALVENARIA EM BLOCO DE CONCRETO À CONSTRUIR

PISO TÁTIL DIRECIONAL EM POLIÉSTER . DIMENSÃO 25X25CM EM DRYWALL À CONSTRUIR COM PLACA BRANCA E ISOLAMENTO
hamper
COR CONTRASTANTE AO PISO, FIXADO ATRAVÉS DE COLA DUPLA ACÚSTICO INTERNO COM LÃ DE ROCHA (E=10CM)
ÁREA TECNICA
FACE OU COLA ESPECIAL. COR AMARELA OU CONTRASTANTE
4 BOMBAS DE VÁCUO ARQUIVO COM O PISO. COR PRETO, AZUL OU AMARELO. DRYWALL À CONSTRUIR COM PLACA DUPLA BRANCA DE AMBOS
OS LADOS E ISOLAMENTO ACÚSTICO COM LÂ DE ROCHA

PM100C

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF
A:5.48m²

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG
4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4

REVELAÇÃO
4 4

01 01
03 01 A:5.82m² P.D.: 3.00m
SINALIZAÇÃO, MOBILIÁRIOS E EQUIPAMENTOS (E=12CM)

PM80
01 01
P.D.: 3.00m
03 01
SUBESTAÇÃO
3.10 A:13.94m² CÓDIGO DESCRIÇÃO DRYWALL À CONSTRUIR COM PLACA VERDE (ÁREAS MOLHADAS)
ÁREA TÉCNICA P.D.: 3.00m (E=20CM)

P.D.: 3.00m
RAIO-X
A:21.87m²

A:6.62m²
PCH INSTALAR BEBEDOUROS ACESSÍVEIS P/ P.C.R. (PESSOA EM
RECEPÇÃO
A:4.31m²
A CADEIRA DE RODAS), CONFORME DETALHE D03 - CADERNO DE DRYWALL À CONSTRUIR COM PLACA DUPLA DE AMBOS OS LADOS
PRÉ-LAVAGEM P.D.: 3.00m DETALHES DE ACESSIBILIDADE (BRANCA + ROSA (CHAPA RESISTENTE AO FOGO (RF)) (E=15CM)

2.15
A:6.47M²
P.D.: 3.00M B INSTALAR MÓDULO DE REFERÊNCIA (M.R.) NO PISO, CONFORME DRYWALL OU ALVENARIA À CONSTRUIR (E=15CM) COM
01 01
VISOR COM VIDRO
DETALHE D22 - CADERNO DE DETALHES DE ACESSIBILIDADE REVESTIMENTO EM ARGAMASSA BARITADA ATÉ 2,00m
PUMBLIFERO
01 01 e=0,5mmPb (0,90x0,45/0,90m)
CONSULTÓRIO CONSULTÓRIO
APARELHO DE RAIO X
ODONTOLÓGICO DISPARADOR DE
CANHOTO CONSULTÓRIOS CANHOTO INSTALAR PLACA BRAILE NO BATENTE DAS PORTAS,
(45 unidades)

1.20
INTRABUCAL RAIO-X
IDENTIFICANDO AMBIENTES INTERNOS E TAMBÉM O BLOCO
ENTRADA
MATERIAL CONSULTÓRIO
A:450.34m² TV C EDIFICADO DA UNIDADE, CONFORME DETALHE D23 - CADERNO MOBILIÁRIO / EQUIPAMENTOS
"SUJO" PM90 P.D.: 3.00m CONSULTÓRIO ESPERA
DE DETALHES DE ACESSIBILIDADE

RODAPÉ GRANITO
ACESSÍVEL CANHOTO A:#####m²
CIRCULAÇÃO

1.20

PA150
A:14.84m²
P.D.: 3.00m
P.D.: 3.00m
INSTALAR ADESIVO COM SÍMBOLO INTERNACIONAL DE ACESSO POLICLÍNICA ODONTOLÓGICA
SANIT FUNC
MASCULINO
ENTRADA
MATERIAL D (S.I.A) EM MESAS DE TRABALHO / ATENDIMENTO
A:9.00m²
"PRÉ-LIMPO"
ITEM DESCRIÇÃO
P.D.: 3.00m SANITÁRIO

PM90
ADAPTADO MAS. OBS: AS SINALIZAÇÕES DEVEM SEGUIR OS PADRÕES ESTABELECIDOS SEGUNDO A
CIRCULAÇÃO A:2.84m² 1.20 0.90 1 EQUIPAMENTO ODONTOLOGICO FABR. KAVO
A:10.73m²
P.D.: 0.00m NBR9050.
P.D.: 3.00m TODAS AS INDICAÇÕES DE PLACAS DE SINALIZAÇÃO VISUAL DEVEM SER 2 MESA AUXILIAR ODONTOLOGICA
INCORPORADAS NO PROJETO DE COMUNICAÇÃO VISUAL, ASSIM COMO

,95
+0.00
TAMBÉM DEVE SER ESTIPULADO TAMANHO, COR, FONTE E TIPO DE MATERIAL. 3 MOCHO ODONTOLOGICO
SANIT FUNC 4

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG
4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4

1.20

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF
FEMININO PRÉ-EXPURGO
PORTAS 4 MOTORES PARA ENDODONTIA
A:9.00m² A:8.97m²
CIRCULAÇÃO

ESCOVÓDROMO
P.D.: 3.00m P.D.: 3.00m DRYWALL H=1.80M
A:8.20m²
P.D.: 3.00m (RECEPÇÃO E SEPARAÇÃO)
+0.17 · TODAS AS PORTAS DEVEM TER VÃO LIVRE DE PASSAGEM MÍNIMO DE 80CM E 5 LIXEIRA MARX-ROLL

P.D.: 3.00m
A:7.51m²
SANITÁRIO
ADAPTADO FEM.
ALTURA MÍNIMA DE 210CM. 6 APARELHO PROFILAXIA / JET SONIC

PM90
A:2.84m² · A MAÇANETA DEVE SER DO TIPO ALAVANCA E POSSIBILITAR A ABERTURA COM
P.D.: 0.00m

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF

AF
UM ÚNICO MOVIMENTO.

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG

ESG
4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4 4

7 AMALGAMADOR
3.65

1.39
· TODAS AS PORTAS DEVEM POSSUIR SINALIZAÇÃO VISUAL E TÁTIL DE
PURIFICADOR

REFRIGERADOR IDENTIFICAÇÃO DE AMBIENTE (PORTAS DOS SANITÁRIOS, SALAS DE REUNIÕES, 8 ROUPEIRO


MONTA
PLATAFORMA CIRCULAÇÃO NÚMEROS DE SALAS CONFORME ESPECIFICAÇÕES LOCAIS E NAS PORTAS DE
CARGA
(PREVER
ELÉTRICA)
A:2.37m²
A:10.02m²
P.D.: 3.00m
SAÍDAS DE EMERGÊNCIA JUNTO ÁS ESCADAS).
9 APARELHO DE RAIO X ODONTOLÓGICO INTRABUCAL
CADEIRA ODONTOLOGICA NEW CROMA ENCOSTO-SF
SINALIZAÇÃO VISUAL 10
2015 FABR DABI ATLANTE
ÁREA TÉCNICA
COPA
A: #####m²
9 BOMBAS DE VÁCUO
prever insuflamento e renovação de ar
PLACA COMPOSTA POR MENSAGENS DE TEXTOS, CONTRASTES, SÍMBOLOS 11 NEGATOSCOPIO ODONTOLOGICO TELE DIMENSOES
P.D.: 3.00m e isolamento acústico
ÁREA TECNICA E FIGURAS.
DML
A: #####m²
A: #####m²
P.D.: 3.00m (AR CONDICIONADO) · PLACAS COM PICTOGRAMAS OU TEXTOS IDENTIFICANDO O 12 AVENTAL DE CHUMBO PUMBLÍFERO
A:15.16m² AMBIENTE DEVEM SER INSTALADAS NAS PORTAS NA ALTURA ENTRE 140

1,20
P.D.: 3.00m

1.36
ÁREA TECNICA
P.D.: 3.00m
CM E 160 CM DO PISO, CENTRALIZADA NA LARGURA DA PORTA. 13 PROTETOR DE TIREÓIDE
5 BOMBAS DE VÁCUO · A SINALIZAÇÃO DEVE ESTAR INSTALADA A UMA ALTURA QUE
FAVOREÇA A LEGIBILIDADE E CLAREZA A INFORMAÇÃO, ATENDENDO ÀS 14 CADEIXA FIXA
PESSOAS COM DEFICIÊNCIA SENTADAS, EM PÉ OU CAMINHANDO, 15 CADEIXA GIRATÓRIA COM ESPALDAR MÉDIO
RESPEITANDO A SEÇÃO 4.
· A SINALIZAÇÃO SUSPENSA DEVE SER INSTALADA ACIMA DE 2,10 M 16 COMPUTADOR
DO PISO. NAS APLICAÇÕES ESSENCIAIS (VER 5.4), ESTA DEVE SER
COMPLEMENTADA POR UMA SINALIZAÇÃO TÁTIL E OU SONORA. 17 LONGARINA 4 ASSENTOS

SINALIZAÇÃO TÁTIL 18 IMPRESSORA


19 MESA DE TRABALHO 1,20 x 0,60m
PLANTA LAYOUT
1A
PLACA COM TEXTO EM RELEVO E EM BRAILLE INSTALADAS ADJACENTE À
PORTA, AO LADO DA MAÇANETA E MESMA ALTURA, DISTANTE 15CM DO 20 GELADEIRA CONSUL REFRIGERADOR 340
PAVIMENTO TÉRREO BATENTE.
ESCALA: 1:75 · FORMATO - 15 X 30 CM 21 ARMÁRIO ALTO COM CHAVE
· ESPECIFICAÇÃO: PLACA EM ACRÍLICO 3 MM COM ARTE EM BRAILLE DE
ACORDO COM INFORMAÇÃO DA PLACA PRINCIPAL. 22 ESTAÇÃO DE TRABALHO 1,20 x 1,40m
· OBSERVAÇÃO: A PEÇA DEVE SEGUIR RIGOROSAMENTE A NORMA
VIGENTE ABNT NBR 9050. 23 TV LCD 43"
MESA ACESSÍVEL 24 MESA RETA PARA REUINÃO 2,00X0,90

AS MESAS OU SUPERFICIES DE REFEIÇÕES E 25 ESCANINHO 20 POSIÇÕES


TRABALHOS EM GERAL DEVEM POSSUIR ALTURA
50 mín.
INFERIOR LIVRE DE 73 CM DO PISO. 26 QUADRO DE AVISOS
· DEVE SER GARANTIDO UM M.R. POSICIONADO
27 QUADRO BRANCO 3,00m

75 a 85
73 mín.
QUADRO BRANCO
PARA A APROXIMAÇÃO FRONTAL
POSSIBILITANDO AVANÇAR SOBRE A MESA 50
REFRIGERADOR

PM90

CM.
28 DECANTADOR PARA SALA DE GESSO
01 01 · DEVE SER GARANTIDO UMA FAIXA DE 29 FOTOPOLIMERIZADOR KAVO POLY 600S COM FIO
01 01
MESAS DE ESTUDO CIRCULAÇÃO DE 90 CM.
ADAPTADA · A ALTURA SUPERIOR DA MESA DEVE SER ENTRE 30 RECORTADOR PARA GESSO
75 CM E 85 CM. EM SALAS DE AULA PELO MENOS
1% OU 1 EM CADA SALA DEVE SER ADAPTADO 31 TORNO PARA POLIMENTOS
SALA SERVIDOR
A:9.17m² 03 01 PARA P.C.R.
P.D.: 3.00m 01 01
32 DELINEADOR BIO – ART- BZ (31,5x 23,0x20,5 cm)
SALA ESTUDOS
A:14.04m²
BALCÃO ACESSÍVEL 33 DESTILADOR TIPO PILSEN
ALMOXARIFADO P.D.: 2.60m
A:9.22m² SALA PRÓTESE SALA SUPERVISOR BALCÃO DE ATENDIMENTO DEVEM ADAPTADOS PARA P.C.R. E ESTAR
P.D.: 3.00m A:16.04m²
01 01
A:8.42m² 34 AUTOCLAVE STEMAR
P.D.: 2.60m P.D.: 2.60m LOCALIZADOS EM ROTAS ACESSÍVEIS. PELO MENOS 90 CM DE LARGURA DO
PM90

PM90

PM90

01 01

BALCÃO DEVE TER ALTURA MÁXIMA DE 90CM DO PISO. PARA A APROXIMAÇÃO 35 SELADORA RON MICRONE CANICA
PM100C
DEVE POSSUIR ALTURA MINIMA DE 73CM DO PISO DE VÃO LIVRE INFERIOR E
PROFUNDIDADE MINIMA DE 30CM. PREVER SINALIZAÇÃO VISUAL S.I.A. SUPORTE PARA CAIXA COLETORA DE RESÍDUOS
36
CIRCULAÇÃO
PARA BILHETERIA E ATENDIMENTOS RÁPIDOS, O GUICHE DEVE TER ALTURA DESCARTÁVEIS 13 LTS
MÁXIMA DE 1,05M DO PISO ACABADO, E A APROXIMAÇÃO DEVE SER LATERAL.
1,70

A:36.17M²
PARAMENTAÇÃO ULTRASSOM PARA LAVAGEM DE INSTRUMENTAL NO
P.D.: 2.60M A:#####m² 37
SAÍDA MATERIAL
P.D.: 3.00m BEBEDOURO EXPURGO
ESTÉRIL

A BICA DEVE ESTAR LOCALIZADA NA FRENTE DO BEBEDOURO E OS COMPRESSOR DE ALTO VOLUME TRIFÁSICO DE 220
MATERIAL
CONTROLES DE ACIONAMENTO DEVEM ESTAR NA FRENTE OU NA LATERAL 38 VOLTS COM RESERVATÓRIO DE AR DE 520 LITROS E
PM90

CONSUMO/
DISTRIBUIÇÃO PRÓXIMO A BORDA FRONTAL. SECADORA DE AR
A:10.58m² DEVE SER INSTALADO COM ALTURA LIVRE INFERIOR DE 0,73M DO PISO. E
P.D.: 3.00m
GARANTIR APROXIMAÇÃO MINIMA DE 0,50 M DA PAREDE, CONFORME FIGURAS 39 BOMBA A VÁCUO GNATUS IV
01 01 ABAIXO.
01 01 PRÉ-LAVAGEM 2 BEBEDOUROS DO TIPO GARRAFÃO OU OUTROS MODELOS, ASSIM COMO
RESERVATÓRIO DE AR PARA ACONDICIONAR AS
01 01
A:17.76M²
P.D.: 3.00M
03 01 MANUSEIO DE COPOS DEVEM ESTAR POSICIONADOS NA ALTURA ENTRE 0,80 E 40
ENTRADA
hamper
CIRCULAÇÃO
1,20M DO PISO ACABADO E PERMITIR APROXIMAÇÃO LATERAL DE UM PCR. CAIXAS COLETORAS DE RESÍDUOS
MATERIAL SUJO
A:13.76M²
P.D.: 2.60M BEBEDOURO
HIDRANTES E EXTINTORES CARACTERIZAÇÃO DO AMBIENTE
PM90

ADAPTADO
PM90

AUMENTO
LENTE DE

MONTA PLATAFORMA NECESSÁRIO INSTALAR PISO TÁTIL DE ALERTA NOS HIDRANTES E


CARGA
A:2.37m²
PM90 ACS
EXTINTORES, CONFORME DETALHE D25 DO CADERNO DE DETALHES DE
01 01
(PREVER
ELÉTRICA) ACESSIBILIDADE. AS EDIFICAÇÕES QUE ABRIGAM A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS
03 01
ODONTOLÓGICOS SE CARACTERIZAM PELA INTENSA RELAÇÃO MANTIDA ENTRE
AUTOCLAVE

CIRCULAÇÃO SUAS FUNÇÕES E SEUS AMBIENTES, DEFININDO, ASSIM, A INFRA-ESTRUTURA


ESTERILIZAÇÃO
A:12.48m²
EXPURGO
A:14.84m²
DESTILADOR

A:36.17M² GRELHAS E JUNTAS DE DILATAÇÃO NECESSÁRIA E ADEQUADA AO DESENVOLVIMENTO DE SUAS ATIVIDADES.


P.D.: 2.65m P.D.: 2.60M
P.D.: 2.65m
(RECEPÇÃO E SEPARAÇÃO, EM ROTAS ACESSÍVEIS, AS GRELHAS E JUNTAS DE DILATAÇÃO DEVEM A INFRA-ESTRUTURA FÍSICA APÓIA-SE EM BASES TÉCNICAS, ASSUMINDO A
LIMPEZA E DESINFECÇÃO) ESTAR FORA DO FLUXO PRINCIPAL DE CIRCULAÇÃO. CONJUGAÇÃO ENTRE CONDUTAS FUNCIONAIS E SOLUÇÕES ARQUITETÔNICAS E
AUTOCLAVE

01 01
03 01 QUANDO NÃO POSSÍVEL TECNICAMENTE, OS VÃOS DEVEM TER DIMENSÃO DE ENGENHARIA, DE MODO AMINIMIZAR OS RISCOS OU PREVENI-LOS,
ULTRASSOM MÁXIMA DE 15mm, DEVEM SER INSTALADOS PERPENDICULARMENTE AO FLUXO CONTRIBUINDO PARA A QUALIDADE DA ASSISTÊNCIA PRESTADA.
PRINCIPAL OU TER VÃOS DE FORMATO QUADRICULADO/CIRCULAR, QUANDO PARA A ELABORAÇÃO DO PROJETO FÍSICO DO SERVIÇO ODONTOLÓGICO
SELADORA
HOUVER FLUXOS EM MAIS DE UM SENTIDO DE CIRCULAÇÃO. DEVEM SER SEGUIDAS AS ORIENTAÇÕES CONSTANTES NA RDC/ANVISA N.O 50,
BARRILETE

DE 21 DE FEVEREIRO DE 2002, E SUAS ATUALIZAÇÕES, E LEGISLAÇÃO VIGENTE NO


50L

ESTADO E MUNICÍPIO DE SUA LOCALIZAÇÃO.

DIRETRIZES PARA PROJETO


PLANTA LAYOUT
1B PAVIMENTO SUPERIOR
ESCALA: 1:75
· AMBIENTE LOCALIZADO PRÓXIMO AO ACESSO DA RUA, SE POSSÍVEL, COM
ACESSO RESTRITO DOS PACIENTE/ USUÁRIOS AO LOCAL, SEM NECESSIDADE
DE ACESSO PARA OUTRAS ÁREAS DA UNIDADE.
· AMBIENTE SUJEITO A INVASÃO, SENDO NECESSÁRIO MAIOR NÍVEL DE
SEGURANÇA.
· PREVER ESPAÇO PARA A DISTRIBUIÇÃO DE ITENS DE MOBILIÁRIO E
EQUIPAMENTOS CONFORME TABELA
· SINALIZAÇÃO DO AMBIENTE DE ACORDO COM O MANUAL DE SINALIZAÇÃO
DA MARCA.

EXIGÊNCIAS AMBIENTAIS
· PÉ DIREITO MÍNIMO: 2,70M OU CONFORME CÓDIGO DE OBRA DO
MUNÍCIPIO
· ÁREA DE ILUMINAÇÃO NATURAL MÍNIMA: 1/5 DA ÁREA DE PISO OU
CONFORME CÓDIGO DE OBRA DO MUNÍCIPIO
CALHA CALHA · ÁREA DE VENTILAÇÃO NATURAL MÍNIMA: 1/10 DA ÁREA DE PISO OU
CONFORME CÓDIGO DE OBRA DO MUNÍCIPIO
· CONTROLE DE LUZ NATURAL EVITANDO INCIDÊNCIA DOS RAIOS SOLARES
SOBRE OS EQUIPAMENTOS E OFUSCAMENTO.
· A PROFUNDIDADE DO AMBIENTE EM RELAÇÃO AO POSICIONAMENTO DOS
CAIXILHOS NÃO PODERÁ SER SUPERIOR A TRÊS VEZES SEU PÉ DIREITO,
INCLUÍDA NA PROFUNDIDADE A PROJEÇÃO DE SALIÊNCIAS OU COBERTURA.
· ILUMINAÇÃO FLUORESCENTE.
· NÍVEL MÍNIMO DE ILUMINAMENTO: 500 LUX.
· CARGA ACIDENTAL A SER PREVISTA: 200 KGF/M2.
· CLASSIFICAÇÃO ACÚSTICA: PRIVATIVO.
· AS SOLUÇÕES ARQUITETÔNICAS E OS ACABAMENTOS DEVEM SER
PROJETADOS LEVANDO-SE EM CONTA A QUALIDADE ACÚSTICA E TÉRMICA
DO AMBIENTE CONSIDERANDO INSOLAÇÃO, RUÍDOS INTERNOS E EXTERNOS
À EDIFICAÇÃO.
· AS INSTALAÇÕES PARA COMPUTADORES, IMPRESSORAS E RACKS DEVEM SER
EXCLUSIVAS, NÃO ADMITINDO-SE COMPARTILHAMENTO DE ELETRODUTOS,
CAIXAS DE PASSAGEM E QUADRO DE DISTRIBUIÇÃO COM OS OUTROS
CIRCUITOS ELÉTRICOS.

COMPONENTES A SEREM INDICADOS EM PROJETO


· ESQUADRIA (A ESPECIFICAR OU INDICAR EXISTENTE)
· PEITORIL A ESPECIFICAR (A ESPECIFICAR OU INDICAR EXISTENTE)
· PORTA A ESPECIFICAR (VÃO LIVRE MÍNIMO = 80CM)
· PLACA DE IDENTIFICAÇÃO DO AMBIENTE (PORTA)
· PLACA BRAILLE DE IDENTIFICAÇÃO DO AMBIENTE (PORTA)
· SOLEIRA RAMPADA A ESPECIFICAR (QUANDO HOUVER DESNÍVEL ENTRE
CIRCULAÇÃO E AMBIENTE)

QUADRO DE REVISÕES
CALHA
R04
CALHA
R03
R02
R01 REVISÃO GERAL AZF 26/03/18
R00 EMISSÃO INICIAL AZF 23/01/18
NOTAS GERAIS REV DESCRIÇÃO DES DATA
UNIDADE
· COTAS E NÍVEIS EM METROS

PLANTA LAYOUT · AS COTAS PREVALECEM SOBRE AS MEDIDAS TOMADAS NO


ANHANGUERA NITERÓI
1C
ESCALÍMETRO
COBERTURA · TODAS AS MEDIDAS DEVERÃO SER CONFERIDAS "IN LOCO" O
ESCALA: 1:75 CONSTRUTORA DEVERÁ VERIFICAR OS PROJETOS COMPLEMENTARES TITULO DATA
(INSTALAÇÕES, ETC.) ANTES DA EXECUÇÃO, COMUNICANDO 12.04.2018
QUALQUER DISCREPÂNCIA CONSTATADA EM RELAÇÃO AO PROJETO
DE ARQUITETURA;
ADEQUAÇÃO POLICLINICA DESENHO
AZPROJETOS
· QUALQUER MATERIAL E OU ACABAMENTO QUE NECESSITE SER
SUBSTITUÍDO, DEVERÁ SER COMUNICADO A ENGENHARIA DA KROTON
ODONTOLÓGICA ESCALA
INDICADA
· DEVERĂO SER OBSERVADAS AS BOAS PRÁTICAS E TÉCNICAS DA LOCAÇÃO EXTERNA REVISÃO
CONSTRUÇÃO CIVIL EM RELAÇÃO AS NORMAS, HIGIENE, SEGURANÇA R01
E ACABAMENTO, COM INTEGRAL RESPONSABILIDADE NOS TERMOS ENDEREÇO FOLHA ETAPA
DO CÓDIGO CIVIL BRASILEIRO EXPANSÃO
· A OBRA DEVERÁ SER ENTREGUE LIMPA E COM TODOS OS SERVIÇOS
E INSTALAÇÕES EM PERFEITAS CONDIÇÕES DE FUNCIONAMENTO 18.1
RUA VISCONDE DE RIO BRANCO, 209
CENTRO - NITERÓI/RJ 01/04 PB
ARQUIVO: OEE-SE.R301-1810703_ANH NITEROI_IMOVEL CAIXA_POLICLINICA ODONTOLOGICA_PB_R01.DWG