Vous êtes sur la page 1sur 14

POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO

DIRETORIA DE ENSINO E CULTURA

Anexo a que se refere o item 27 do Bol G PM 128, de 10 de julho de 2017.

1 - CCE/17 - CONCURSO INTERNO DE SELEÇÃO AO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO


PROFISSIONAL (CEP) AÇÕES TÁTICAS ESPECIAIS - II/17 - INSTRUÇÕES

EDITAL DEC 9/23/17

A Diretoria de Ensino e Cultura da Polícia Militar do Estado de São Paulo torna pública a abertura de
inscrições para o concurso interno de seleção ao Curso de Especialização Profissional - Ações Táticas
Especiais II/2017, com o intuito de preparar, tecnicamente, os Policiais Militares aprovados e
classificados, dentro do número de vagas previstas, para as atividades operacionais das Cia G.A.T.E.
(Grupo de Ações Táticas Especiais) do 4º BPChq.
O concurso será regido pelas normas constantes na Lei Complementar 893/01, que institui o
Regulamento Disciplinar da PMESP (RDPM); Lei Complementar 1.036/08 - Lei de Ensino da PMESP;
pelo Decreto Estadual 54.911/09, que regulamenta a lei de Ensino; pela Diretriz Geral de Ensino
(D-5-PM), publicada no anexo "A" do Boletim Geral 74/10, e alterações posteriores, bem como por este
Edital.
O concurso será de responsabilidade do 4º BPChq, por meio das Cia G.A.T.E, obedecidas as
normas deste edital.
O presidente do concurso é o Cmt do 4º BPChq, cuja sede funcional está localizada na
Rua Amambaí, nº 9, Vila Maria, São Paulo/SP.
1. Das inscrições:
1.1. período: de 10JUL17 a 01AGO17.
2. Dos requisitos exigidos:
2.1. o interessado em participar do concurso de seleção deverá preencher todos os requisitos a
seguir:
2.1.1. ser Capitão ou Tenente QOPM, ou Praça QPPM, se policial militar do Estado de São Paulo;
ser oficial ou praça, se integrante de outras instituições, pertencente ao quadro de combatentes; se civil,
ser policial que exerça cargo ou função em unidade operacional;
2.1.2. ser habilitado ao uso da Pistola .40 S&W;
2.1.3. estar apto em inspeção de saúde, sem restrição de qualquer natureza médica, incluindo
inspeção dermatológica para uso de piscina, e odontológica, devendo o interessado comparecer à UIS -
Unidade Integrada de Saúde, para a devida inspeção, observando a data limite para a inscrição;
2.1.4. estar apto no Teste de Aptidão Física (TAF);
2.1.5. estar aprovado no Estágio de Atualização Profissional (EAP);
2.1.6. estar apto no Teste de Aptidão de Tiro (TAT);
2.1.7. possuir, no mínimo, 02 (dois) anos de efetivo serviço prestados à PMESP, não podendo ser
computado, para tal fim, qualquer tempo de serviço averbado;
2.1.8. se praça, estar, no mínimo, no bom comportamento, nos termos da Lei Complementar 893/01;
2.1.9. não ter sido avaliado com conceito inferior em quaisquer das 02 (duas) últimas avaliações de
desempenho;
2.1.10. estar em efetivo exercício de suas funções;
2.1.11. não registrar, nos últimos cinco anos, punição disciplinar atentatória à Instituição ou ao
Estado, aos princípios de hierarquia e disciplina, aos direitos humanos fundamentais ou de natureza
desonrosa; não possuir sentença penal condenatória com trânsito em julgado, devendo anexar, à
inscrição, comprovação mediante declaração do Setor de Justiça e Disciplina (SJD) da OPM do
interessado, conforme Anexo “G”;
2.1.12. autorizar, por escrito, coleta de materiais biológicos (sangue, cabelos, pelos e/ou raspas de
unhas), devidamente preenchida, para fins de realização de exames antidrogas e toxicológicos, a
qualquer momento, durante o concurso e/ou curso, no interesse da Polícia Militar do Estado de São
Paulo, conforme Anexo “D” (modelo de autorização) deste edital.
2.2. os requisitos para a inscrição deverão ser preenchidos até ao dia anterior à publicação destas
instruções em Bol G PM e mantidos até a data da matrícula, salvo o disposto no subitem 2.1.3. que
deverá ser preenchido até o último dia das inscrições.
3. Das providências a serem adotadas pelo interessado em participar do concurso interno de
seleção:
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 2

3.1. o interessado em participar do concurso de seleção deverá:


3.1.1. conhecer o presente edital;
3.1.2. observar os requisitos exigidos para participar do concurso de seleção;
3.1.3. efetuar recolhimento do reembolso escolar de inscrição no valor de 3 (três) UFESP, R$ 75,21
(setenta e cinco reais e vinte e um centavos), para oficiais e 2 (duas) UFESP, R$ 50,14 (cinquenta reais
e catorze centavos), para praças, conforme publicação inserta no Anexo “A” do
Boletim Geral PM 191/14, tabela do FEPOM (concurso para ingresso), no Banco do Brasil,
Agência 1897-X, conta corrente 8822-6, anexando o comprovante original à ficha de inscrição;
3.1.4. entregar e protocolar, na Administração Central das Cia G.A.T.E. do 4º BPChq, em horário de
expediente, os seguintes documentos:
3.1.4.1. ficha de inscrição original (modelo publicado no Anexo “A” do Boletim Geral PM 134, de
16JUN99), devidamente preenchida;
3.1.4.2. comprovante original de depósito (ou comprovante original de transferência eletrônica) do
reembolso escolar de inscrição, devidamente preenchido;
3.1.4.3. autorização, por escrito, original, para coleta de materiais biológicos (sangue, cabelos, pelos
e/ou raspas de unhas), devidamente preenchida, para fins de realização de exames antidrogas e
toxicológicos, a qualquer momento, durante o concurso e/ou curso, no interesse da Polícia Militar do
Estado de São Paulo, conforme Anexo “D” (modelo de autorização) deste edital;
3.1.4.4. cópia atualizada e autenticada da Nota de Corretivos ou cópia atualizada e autenticada da
folha 09 (nove) dos Assentamentos Individuais (AI);
3.1.4.5. extrato das 02 (duas) últimas avaliações de desempenho onde consta o conceito recebido,
se não constar da ficha de inscrição.
3.1.5. acompanhar e cumprir todas as orientações relacionadas ao concurso e que serão divulgadas,
a qualquer momento, pela Intranet da PMESP;
3.1.6. apresentar-se, nos locais e horários previamente divulgados, para cada uma das fases do
concurso, sempre munido dos documentos, dos uniformes, da arma de fogo, dos equipamentos e dos
materiais previstos neste edital e/ou divulgados pela Intranet da PMESP, necessários para a
confirmação de identidade, confirmação de preenchimento dos requisitos e/ou para a realização de cada
uma das fases do concurso.
4. Das vagas para o curso:
4.1. 30 (trinta) vagas, que deverão ser preenchidas conforme segue:
4.1.1. 05 (cinco) vagas para Capitães e Tenentes QOPM;
4.1.2. 22 (vinte e duas) vagas para Praças QPPM;
4.1.3. 03 (três) vagas para outras instituições.
4.2. as vagas não preenchidas pelos Capitães e Tenentes QOPM serão remanejadas às Praças
QPPM;
4.3. as vagas não preenchidas por outras instituições serão remanejadas às praças QPPM;
4.4. em havendo sobra de vagas (não preenchidas por praças QPPM, incluindo as vagas
remanejadas), estas serão remanejadas para os Capitães e Tenentes QOPM;
4.5. o limite de 03 (três) vagas para outras instituições somente poderá ser extrapolado por decisão
do Comandante Geral da PMESP.
5. Das fases:
5.1. a partir do protocolo da ficha de inscrição original na Administração Central das Cia G.A.T.E. do
4º BPChq, o interessado em participar do concurso de seleção será considerado “candidato” e, a contar
de então, será submetido a 05 (cinco) fases de seleção, conforme a seguir:
5.1.1. 1ª fase - análise de documentos e requisitos (eliminatória);
5.1.2. 2ª fase - testes de condicionamento físico geral e testes de habilidades específicas
(eliminatória e classificatória);
5.1.3. 3ª fase - testes de habilidades técnicas especiais (eliminatória);
5.1.4. 4ª fase - avaliação psicológica (eliminatória);
5.1.5. 5ª fase - avaliação de conhecimentos profissionais (eliminatória).
5.2. as fases do concurso de seleção dar-se-ão conforme previstas neste edital e/ou divulgação pela
Intranet da PMESP;
5.3. será responsabilidade do candidato acompanhar e cumprir todas as orientações relacionadas ao
concurso e que serão divulgadas, a qualquer momento, pela Intranet da PMESP.
6. Da realização das fases:
6.1. 1ª fase - análise de documentos e requisitos (eliminatória):
6.1.1. nesta etapa do concurso, a Comissão Examinadora (CE) deverá conferir os documentos
recolhidos na inscrição, atentando aos seguintes itens:
6.1.1.1. preenchimento dos requisitos exigidos para inscrição;
6.1.1.2. cumprimento das instruções e prazos previstos neste Edital.
6.1.2. considerar-se-á eliminado na 1ª fase e, consequentemente, do concurso o candidato que:
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 3

6.1.2.1. não preencher todos os requisitos exigidos neste edital;


6.1.2.2. deixar de entregar e protocolar, na sede da Administração Central das Cia G.A.T.E., do
4º BPChq, no prazo previamente estipulado, qualquer dos documentos a seguir relacionados:
6.1.2.2.1. ficha de inscrição original, devidamente preenchida;
6.1.2.2.2. comprovante original de depósito (ou comprovante de transferência eletrônica) do
reembolso escolar de inscrição, devidamente preenchido;
6.1.2.2.3. autorização, por escrito, original, para coleta de materiais biológicos (sangue, cabelos,
pelos e/ou raspas de unhas), devidamente preenchida, para realização de exames antidrogas e
toxicológicos, conforme Anexo “D”;
6.1.2.2.4. cópia da Nota de Corretivos ou da folha 09 (nove) dos AI, devidamente atualizada e
autenticada;
6.1.2.2.5. extrato das 02 (duas) últimas avaliações de desempenho onde consta o conceito recebido,
se não constar da ficha de inscrição.
6.1.2.3. entregar e protocolar, na sede do G.A.T.E., qualquer dos documentos anteriormente
mencionados com rasura(s), ilegível e/ou incompleto.
6.2. 2ª fase - testes de condicionamento físico geral e habilidades específicas (eliminatória e
classificatória):
6.2.1. os testes abaixo serão realizados todos no mesmo dia e na sequência abaixo, em
conformidade às normas relativas a treinamento físico em vigor na PMESP:
6.2.1.1. subida no cabo vertical: o candidato deverá içar o seu corpo ao longo de uma corda lisa de
02 (duas) polegadas, que estará verticalmente suspensa e com a extremidade inferior livre, de tal modo
que, tão logo o candidato inicie a subida, partindo da posição “em pé” e “sem saltar”, perca contato com
o solo, iniciando a contagem na primeira marcação de contato dos membros superiores. Os homens
farão uso apenas dos membros superiores, sendo que o contato dos membros inferiores com a corda,
com o intuito de descansar ou melhorar a marca, determinará o encerramento da subida, naquela altura.
Às mulheres será facultada, além da utilização dos membros superiores, a utilização dos membros
inferiores. Na corda, até a altura máxima estabelecida nas tabelas, serão pintadas marcas visíveis a
cada 50 (cinquenta) centímetros, a fim de permitir a aferição da altura alcançada;
6.2.1.2. resistência abdominal - tipo remador: o candidato deverá se colocar sobre o solo, em
decúbito dorsal, com o corpo inteiramente estendido, bem como os braços, no prolongamento do corpo,
acima da cabeça, tocando o solo. Por meio da contração da musculatura abdominal, o candidato deverá
adotar a posição sentada, flexionando, simultaneamente, os joelhos. Será requisito, para a execução
correta do movimento, que os braços sejam levados à frente, estendidos e paralelos ao solo, e ainda,
durante a flexão, que a linha dos cotovelos ultrapasse a linha dos joelhos. Em seguida, o candidato
deverá retornar à posição inicial, até que toque o solo com as mãos, completando um movimento,
quando poderá dar início à execução de novo movimento. O número de movimentos executados,
corretamente, em 60 (sessenta) segundos será o resultado obtido;
6.2.1.3. velocidade - corrida em 40 segundos: o teste será realizado em pista plana sem barreiras. O
candidato, tendo tempo cronometrado, deverá correr, em velocidade máxima, durante 40 (quarenta)
segundos;
6.2.1.4. resistência aeróbica - corrida de 4.000 metros: o teste será realizado em pista plana sem
barreiras. O candidato, tendo tempo cronometrado, deverá percorrer a distância de 4.000 (quatro)
mil metros no menor tempo possível;
6.2.1.5. natação - adaptação ao meio líquido: o teste será realizado em piscina de 25 (vinte e cinco)
metros; consistirá em 200 (duzentos) metros de natação. Inicialmente, o candidato deverá nadar
200 (duzentos) metros, de maneira ininterrupta, utilizando apenas 01 (um) estilo, sem qualquer tipo de
apoio ou auxílio (borda, flutuador, separador de raias e/ou fundo), no tempo máximo de 05 (cinco)
minutos para o masculino e 06 (seis) minutos para o feminino;
6.2.1.6. travessia em altura no pórtico - adaptação à altura: o teste será realizado em pórtico. O
candidato deverá atravessar o pórtico, de um lado até o outro lado e retornar ao local de início (ida e
volta), andando, em pé, sem o uso da(s) mão(s), ininterruptamente, a 17 (dezessete) metros de altura
(em relação ao solo), sem apoio no cabo de segurança e sem apoio na base de deslocamento da
plataforma.
6.2.2. as tabelas de pontuação e interpolação de pontos dos testes de condicionamento físico geral
constam nos Anexos “B” (masculino) e “C” (feminino) deste edital;
6.2.3. considerar-se-á eliminado, na 2ª fase e, consequentemente, do concurso o candidato que:
6.2.3.1. faltar ou chegar atrasado a qualquer prova dos testes;
6.2.3.2. necessitar de auxílio após iniciado qualquer prova dos testes.
6.2.4. os testes serão aplicados segundo normatização do PPT-4-PM (Programa padrão de
treinamento policial militar).
6.3. 3ª fase - testes de habilidades técnicas especiais (eliminatória):
6.3.1. os seguintes testes serão realizados todos no mesmo dia e na sequência abaixo:
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 4

6.3.1.1. oitava em barra fixa: o teste será realizado em barra fixa, com a posição das mãos em
pronação para o masculino e supinação para o feminino, estando suspenso na barra (sem usar o solo
para impulsionar), o candidato deverá fazer 01 (um) movimento completo, girando o corpo, pela frente e
sobre a barra. Uma vez fora do solo (suspenso na barra), o candidato somente poderá tocá-lo,
novamente, após concluir o teste;
6.3.1.2. circuito de agilidade: o teste será realizado em pista plana com extensão total de 100 (cem)
metros (ida e volta), com obstáculos distribuídos nos 50 (cinquenta) metros iniciais (ida) e sem
obstáculos nos 50 (cinquenta) metros finais (volta), conforme Anexo “E”. Partindo da posição “parado”,
após apito sonoro (sinal de início), o candidato deverá saltar 01 (um) obstáculo de 01 (um) metro de
altura e realizar rolamento sobre 01 (um) colchonete. Em seguida, o candidato deverá passar por 06
(seis) argolas colocadas no chão, sendo 03 (três) alinhadas à direita e 03 (três) alinhadas à esquerda,
diagonalmente postas, de tal forma que toque o solo com o pé direito nas partes internas das argolas
colocadas à direita e com o pé esquerdo nas partes internas das argolas colocadas à esquerda. Na
sequência, o candidato deverá passar por 06 (seis) barreiras: sobre 03 (três) barreiras de 01 (um) metro
de altura e sob 03 (três) barreiras de 1,5 (um e meio) metro de altura, intercaladas. A seguir, o candidato
deverá passar por 06 (seis) cones, sendo 03 (três) alinhados à direita e 03 (três) alinhados à esquerda,
diagonalmente postos, de tal forma que toque os cones colocados à direita com a mão direita e os cones
colocados à esquerda com a mão esquerda. Após, o candidato deverá saltar 01 (um) obstáculo de
01 (um) metro de altura e realizar rolamento sobre 01 (um) colchonete. Finalizando, o candidato deverá
realizar retorno e correr os últimos 50 (cinquenta) metros, em pista plana, sem qualquer obstáculo,
voltando ao ponto inicial do circuito. O candidato que errar qualquer movimento, em qualquer ponto do
circuito, deverá retornar ao local de início da sequência de barreiras onde houve o erro. O tempo, desde
o início, até o fim (ida e volta), será cronometrado e o candidato deverá percorrer todo o circuito em, no
máximo, 35 (trinta e cinco) segundos;
6.3.1.3. flutuação - adaptação ao meio líquido: o teste será realizado em piscina de 25 (vinte e cinco)
metros; consistirá em 25 (vinte e cinco) minutos de flutuação no meio líquido. O candidato deverá flutuar
no meio líquido, na posição vertical e com o queixo acima da linha da água, movimentando os membros
inferiores e os membros superiores, sem realizar movimentos de deslocamento (afastar-se do ponto
inicial) e sem qualquer tipo de apoio ou auxílio (borda, flutuador, separador de raia e/ou fundo) durante o
tempo mínimo de 25 (vinte e cinco) minutos para todos os candidatos;
6.3.1.4. teste de aptidão de tiro (TAT): o teste será realizado em estande de tiro. Consistirá na
realização de 10 (dez) disparos de Pistola calibre .40 no alvo PM-L 74 (curso básico “MÉTODO
GIRALDI®” - Anexo “H” deste edital). O candidato, distante 7 (sete) metros do alvo, no tempo máximo de
45 (quarenta e cinco) segundos, contado a partir de apito sonoro (sinal de início), deverá efetuar 10 (dez)
disparos de Pistola calibre .40; será considerado acerto com 10 (dez) pontos cada tiro que impactar o
interior dos espaços A ou B ou que estiver tocando os espaços A ou B, localizados na parte central do
alvo PL 74; não será considerado acerto o tiro que impactar os espaços C, D, E ou F, localizados após o
(em volta do) espaço B do alvo PL 74. Se, durante o teste, houver qualquer pane de arma ou falha na
munição, o cronômetro será interrompido (e mantido parado) até que a pane/falha seja sanada; em
seguida, o candidato dará continuidade ao teste, dentro do tempo restante; porém, se a pane/falha for
decorrente da falta de habilidade do candidato, o cronômetro não será interrompido e o candidato deverá
saná-la dentro do tempo previsto para a prova. O candidato deverá, dentro do tempo previsto, obter, no
mínimo, 70% (setenta por cento) de acerto nos espaços A e B, ou seja, 70 (setenta pontos) ou mais.
Caso ocorra 1 (um) disparo após o tempo limite previsto para o teste, será descontado o melhor acerto
no alvo. Caso ocorram 2 (dois) disparos após o tempo limite previsto para o teste, serão descontados os
2 (dois) melhores acertos no alvo. Caso ocorram 3 (três) disparos após o tempo limite previsto para o
teste, serão descontados os 3 (três) melhores acertos no alvo. Caso ocorram mais de 3 (três) disparos
após o tempo limite previsto para o teste, o candidato será eliminado do concurso. Caso ocorra(m)
disparo(s) acidental(is) e/ou qualquer(quaisquer) outra(s) falha(s) de segurança durante o teste, o
candidato será eliminado do concurso;
6.3.1.5. os integrantes das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares dos outros Estados,
bem como das Forças Armadas do Brasil ou das nações amigas, ou ainda das outras instituições
policiais, sejam elas nacionais ou das nações amigas, poderão realizar no teste descrito no subitem
anterior com armas correspondentes à Pistola calibre .40.
6.3.2. os testes da 3ª fase, habilidades técnicas especiais, não admitirão reteste;
6.3.3. considerar-se-á eliminado na 3ª fase e, consequentemente, do concurso o candidato que:
6.3.3.1. faltar ou chegar atrasado a qualquer teste;
6.3.3.2. não conseguir realizar qualquer teste de habilidade técnica especial;
6.3.3.3. necessitar de auxílio, após iniciado qualquer teste.
6.4. 4ª fase - avaliação psicológica (eliminatória):
6.4.1. a avaliação psicológica será desenvolvida pela Divisão de Seleção e Alistamento (DSA) da
Diretoria de Pessoal (DP). Visa a avaliar o perfil psicológico do candidato, verificando sua capacidade de
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 5

adaptação e potencial de desenvolvimento na função a que se destina o curso, segundo os parâmetros


estabelecidos para o perfil psicológico adotado pelo G.A.T.E. do 4º BPChq, publicado no
Boletim Geral PM 077/12;
6.4.2. será aplicada em duas etapas, assim caracterizadas:
6.4.2.1. etapa coletiva: composta pela aplicação coletiva de métodos e técnicas de avaliação
psicológica; habilitará o candidato apto a participar da etapa individual;
6.4.2.2. etapa individual: composta pela aplicação individual (ou em pequenos grupos) de métodos e
técnicas de avaliação psicológica.
6.4.3. a avaliação psicológica será conclusiva e o candidato será considerado apto, inapto ou faltoso:
6.4.3.1. apto: significa que o candidato apresentou perfil psicológico compatível com o perfil em vigor
nas Cia G.A.T.E. do 4º BPChq;
6.4.3.2. inapto: significa que o candidato não apresentou perfil psicológico compatível com o perfil
psicológico em vigor nas Cia G.A.T.E. do 4º BPChq;
6.4.3.3. faltoso: significa que o candidato não foi avaliado, em razão do não comparecimento a 1
(uma) ou mais etapa(s) do exame psicológico.
6.4.4. a inaptidão nos exames psicológicos não pressupõe a existência de transtornos mentais,
indicando, tão somente, que o avaliado não atendeu, à época dos exames, aos parâmetros exigidos
para o exercício das funções de Operacional de Equipe Tática do G.A.T.E., no 4º BPChq; logo, produzirá
efeitos apenas para o presente concurso;
6.4.5. o candidato que, na avaliação psicológica, for considerado apto será aprovado na 4ª fase.
6.5. 5ª fase - avaliação de conhecimentos profissionais (eliminatória):
6.5.1. o candidato será submetido a 01 (uma) prova escrita discursiva composta por 20 questões,
visando a aferir os conhecimentos profissionais específicos sobre gerenciamento de crises com reféns e
procedimentos preventivos com explosivos, conforme bibliografia básica sugerida no Anexo “F” deste
edital;
6.5.2. a avaliação será escrita, individual e sem consultas;
6.5.3. cada questão valerá, no máximo, 0,5 (meio) ponto;
6.5.4. o candidato deverá atingir nota mínima de 5 (cinco) pontos;
6.5.5. considerar-se-á eliminado do concurso o candidato que:
6.5.5.1. faltar à avaliação de conhecimentos profissionais;
6.5.5.2. chegar atrasado à avaliação de conhecimentos profissionais;
6.5.5.3. for surpreendido utilizando meios ilícitos para melhoria de nota (“cola” ou outros meios,
eletrônicos, digitais etc.);
6.5.5.4. obter nota inferior a 5 (cinco) pontos na avaliação de conhecimentos profissionais.
7. Endereços dos locais de inscrição, testes e das avaliações do concurso:
7.1. 4º BPChq: Rua Amambaí, nº 9 - Vila Maria, São Paulo/SP;
7.2. COE: Rua Sargento Advíncula, nº 197 - Tucuruvi, São Paulo/SP;
7.3. G.A.T.E.: Rua Amambaí, nº 9 - Vila Maria, São Paulo/SP;
7.4. APMBB: Av. Água Fria, n° 1.923 - Tucuruvi, São Paulo/SP;
7.5. ESSd: Av. Dr. Felipe Pinel, 2859 - Pirituba, São Paulo/SP;
7.6. DSA/DP: Av. Cruzeiro do Sul, nº 260, 1º andar - Canindé, São Paulo/SP;
7.7. os locais poderão ser alterados por decisão da Comissão Examinadora do concurso.
8. Das atribuições da Comissão Examinadora do concurso:
8.1. por proposta da Diretoria de Ensino e Cultura - DEC, será designada, pelo Comandante Geral
da PMESP, a Comissão Examinadora do concurso (composta por Oficiais e Praças pertencentes ao
efetivo do 4º BPChq, da DSA/DP e de outras OPM de interesse da seleção), cabendo-lhe, entre outras
funções peculiares deliberar sobre:
8.1.1. inscrição de interessado em participar do concurso;
8.1.2. documento apresentado por interessado em participar do concurso;
8.1.3. documento apresentado por candidato;
8.1.4. requisitos exigidos para participar do concurso;
8.1.5. prazos relacionados ao concurso;
8.1.6. eventuais alterações de datas, locais e/ou horários relacionados ao concurso;
8.1.7. aplicação dos testes e das avaliações, de acordo com as especialidades dos membros da
Comissão Examinadora;
8.1.8. rol de candidatos aprovados em cada uma das fases, convocando-os para prosseguir no
concurso;
8.1.9. recurso administrativo, no prazo de 03 (três) dias úteis, a contar do protocolo na Administração
Central das Cia G.A.T.E., do 4º BPChq;
8.1.10. questões ou assuntos relacionados ao concurso e não previstos neste edital.
8.2. caberá ainda à Comissão Examinadora:
8.2.1. conferir os locais onde serão realizados os testes e as avaliações;
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 6

8.2.2. divulgar relação dos aprovados no concurso, com a classificação prévia;


8.2.3. divulgar relação dos aprovados e classificados no concurso.
9. Dos recursos administrativos:
9.1. ao interessado em participar do concurso/candidato que se julgar prejudicado, caberá recurso
administrativo, o qual deverá ser endereçado ao Presidente da Comissão Examinadora do concurso e
indicando seu objeto, cabalmente fundamentado e devendo ser protocolado na Administração Central
das Cia G.A.T.E., em até 1 (um) dia útil, a contar do fato;
9.2. contra eliminação em qualquer fase do concurso devendo ser protocolado na Administração
Central das Cia G.A.T.E. em até 1 (um) dia útil, a contar da divulgação da relação dos candidatos
convocados para a próxima fase ou na divulgação final dos classificados e aprovados no presente
concurso;
9.3. da decisão da Comissão Examinadora do concurso não caberá recurso administrativo;
9.4. nenhum recurso administrativo terá efeito suspensivo;
9.5. não haverá vistas ou revisão de teste de condicionamento físico geral, de teste de habilidade
específica, de habilidades técnicas especiais, de avaliação psicológica e/ou de avaliação de
conhecimentos profissionais.
10. Atribuições particulares:
10.1. caberá à DEC propor, ao Comandante Geral da PMESP, a Comissão Examinadora do
concurso;
10.2. caberá à OPM do interessado:
10.2.1. preencher a ficha de inscrição no que lhe couber (modelo publicado no Anexo “A” do Boletim
Geral PM 134/99);
10.2.2. apresentar o candidato em cada fase do concurso ao 4º BPChq, para as Cia G.A.T.E., nos
locais e horários definidos por este edital e/ou pela intranet da PMESP;
10.2.3. acompanhar todas as orientações relacionadas ao concurso e que serão divulgadas pela
Intranet da PMESP, atendendo-as, no que lhe couber.
10.3. caberá às Cia G.A.T.E. do 4º BPChq:
10.3.1. a organização e execução do concurso;
10.3.2. remeter, à DEC, a relação de aprovados e classificados no concurso, para fins de publicação
em Boletim Geral PM.
11. Condições exigidas para realização de matrícula no curso:
11.1. ter sido aprovado em todas as fases do concurso de seleção;
11.2. estar classificado dentro do número de vagas estabelecidas para o curso, de acordo com o
posto ou a graduação, e ser convocado para frequentar o curso;
11.3. preencher os requisitos previstos no art. 56 da D-5-PM, excluindo a obrigatoriedade do
cumprimento do inciso VII, não sendo exigido o interstício para este curso.
12. Do curso:
12.1. período de realização, conforme calendário, Anexo “A”;
12.2. local: 4º BPChq - “Operações Especiais” nas Cia G.A.T.E.. Contatos: telefone: (11) 2967-9880
(fac-símile) e endereço eletrônico 4bpchqgate@policiamilitar.sp.gov.br;
12.3. código OPM: 801042000, para disponibilização do SIPA ao lançamento de DA e AA;
12.4. o curso será realizado com prejuízo do serviço, sendo que os alunos permanecerão as
24 (vinte e quatro) horas do dia, em todos os dias do curso, à disposição das Cia G.A.T.E.
13. Prescrições diversas:
13.1. o interessado (em participar do concurso de seleção) será considerado “candidato” a partir do
protocolo da ficha de inscrição original na Administração Central das Cia G.A.T.E., presumindo-se, a
contar daí, por parte dele, o conhecimento destas instruções e a aceitação das condições e dos
requisitos estabelecidos para o concurso;
13.2. não serão expedidos ofícios de convocação endereçados ao candidato e/ou à OPM do
candidato durante o concurso;
13.3. o candidato somente será autorizado a participar de teste e de avaliação, ou seja, de qualquer
fase do concurso após apresentar identidade funcional a membro da Comissão Examinadora;
13.4. os dados contidos na ficha de inscrição e nos demais documentos apresentados para fins de
inscrição serão de responsabilidade do interessado, em participar do concurso, e da OPM do
interessado;
13.5. na ficha de inscrição, o campo destinado à avaliação médica (Médico) e dermatológica
(Dermatológico) deve ser preenchido por Oficial Médico, fazendo constar diagnóstico, parecer, data,
assinatura, nome, posto e CRM; ficha de inscrição sem assinatura de Oficial Médico no campo destinado
à avaliação médica, ou dermatológica e/ou faltando qualquer outra informação será desconsiderada e o
candidato eliminado do concurso;
13.6. na ficha de inscrição, o campo destinado à avaliação odontológica (dentista) deve ser
preenchido por Oficial Dentista, fazendo constar diagnóstico, parecer, data, assinatura, nome, posto e
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 7

CRO; ficha de inscrição sem assinatura de Oficial Dentista no campo destinado à avaliação odontológica
e/ou faltando qualquer outra informação será desconsiderada e o candidato eliminado do concurso;
13.7. somente poderá passar para a próxima fase do concurso o candidato aprovado na fase
anterior;
13.8. o concurso obedecerá a sequência das fases, ou seja, 1ª, 2ª, 3ª, 4ª e 5ª fases, nesta ordem;
13.9. o candidato considerado inapto no exame antidrogas ou toxicológico será automaticamente
eliminado do concurso ou do curso, sem prejuízo das responsabilidades nas esferas administrativa e/ou
penal;
13.10. não será aceita inscrição extemporânea e/ou via postal, fac-símile ou e-mail; poderá, a
inscrição, ser entregue ou enviada via malote, desde que protocolados, no G.A.T.E., dentro do período
de inscrição;
13.11. as fases do concurso de seleção dar-se-ão conforme previstas neste edital e/ou divulgação
pela Intranet da PMESP;
13.12. será responsabilidade do candidato acompanhar e cumprir todas as orientações relacionadas
ao concurso e que serão divulgadas, a qualquer momento, pela Intranet da PMESP;
13.13. em havendo empate na classificação final do concurso, o desempate será feito pelo critério de
antiguidade, de acordo com as normas em vigor na PMESP;
13.14. poderá, a critério da Comissão Examinadora, ser excluído, em qualquer fase do concurso, o
candidato que deixar de observar qualquer orientação constante neste edital e/ou divulgada pela
Intranet, causando transtorno(s) ao bom andamento do concurso;
13.15. as avaliações de desempenho mencionadas nestas instruções referem-se ao SADE, de
acordo com o preconizado nas I-24-PM;
13.16. a autorização para coleta de materiais biológicos (sangue, cabelos, pelos e/ou raspas de
unhas) para fins de realização de exames antidrogas e toxicológicos, conforme Anexo “D” (modelo de
autorização) deste edital, deverá ser assinada por 02 (duas) testemunhas;
13.17. a Comissão Examinadora deverá adotar providências preventivas durante os testes de
condicionamento físico geral e habilidades específicas (2ª fase) e os testes de habilidades técnicas
especiais (3ª fase), a fim de preservar a vida e a integridade física do candidato;
13.18. qualquer irregularidade constatada em relação ao candidato implicará na anulação de todos
os atos praticados, inclusive da matrícula no curso, sem prejuízo de responsabilidade civil, disciplinar
e/ou criminal;
13.19. o interessado em vaga de outras instituições, além de preencher os requisitos previstos neste
edital, no que lhe couber, deverá:
13.19.1. encaminhar documento ao Comando Geral da PMESP, via cadeia de comando, até
10AGO17, manifestando interesse em participar do concurso;
13.19.2. ser oficialmente apresentado, munido dos documentos necessários;
13.19.3. ser submetido apenas aos testes previstos na 2ª fase (eliminatória e classificatória) e na 3ª
fase (eliminatória) deste edital em data, local e horário indicados, conforme calendário no Anexo “A”.
13.20. serão convocados para frequentar o curso, nas vagas das outras instituições, os 03 (três)
melhores aprovados e classificados, conforme pontuação obtida na 2ª fase prevista neste edital; em
caso de empate, será convocado o candidato superior hierárquico ou mais antigo (se do mesmo posto
ou graduação), caso seja militar, ou aquele com mais tempo de serviço, se civil;
13.21. o concurso interno ou o curso poderá ser interrompido ou cancelado por ordem do
Comandante Geral PM, de acordo com os critérios de conveniência e oportunidade, a qualquer tempo.
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 8

ANEXO “A” DO EDITAL DEC 9/23/17

CALENDÁRIOS

CALENDÁRIO GERAL DO CURSO:

DATAS INFORMAÇÕES

Prazo para inscrição (entrega da ficha de inscrição e demais documentos, na


10JUL17 a 01AGO17
Administração Central da Cia G.A.T.E.).

02AGO17 Realização da 1ª fase - Análise dos documentos exigidos e dos requisitos.

04AGO17 Convocação dos candidatos para a próxima fase.

Realização da 2ª fase - teste de condicionamento físico geral, testes de


07AGO17 habilidades específicas (eliminatória e classificatória) e convocação para
próxima fase.
Realização da 3ª fase - Testes de habilidades técnicas especiais
07AGO17
(eliminatória).

10AGO17 Convocação dos candidatos para a 4ª fase.

14AGO17 a 24AGO17 Realização da 4ª fase - avaliação psicológica.

25AGO17 Convocação dos candidatos para a 5ª fase.

28AGO17 Realização da 5ª fase - avaliação de conhecimentos profissionais.

Realização da 2ª fase - - teste de condicionamento físico geral e testes de


29AGO17 habilidades específicas (eliminatória e classificatória) para outras
instituições.
Realização da 3ª fase - testes de habilidades técnicas especiais
29AGO17
(eliminatória) para outras instituições.

31AGO17 Divulgação e convocação dos aprovados e classificados no concurso.

Início e término do curso de Ações Táticas Especiais II/17 - Sede do


04SET17 a 03OUT17
G.A.T.E. (4º BPChq).
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 9

CALENDÁRIO DOS TESTES E AVALIAÇÕES DO CONCURSO:

DATAS TESTES - AVALIAÇÕES LOCAL * UNIFORME / TRAJE

Subida na corda vertical. APMBB/ESSd T-1 (Treinamento Físico)

Resistência abdominal. APMBB/ESSd T-1 (Treinamento Físico)

Corrida em 40 segundos. APMBB/ESSd T-1 (Treinamento Físico)

07 para Corrida de 4.000 metros. APMBB/ESSd T-1 (Treinamento Físico)


PMESP
e
Circuito de agilidade. APMBB/ESSd T-1 (Treinamento Físico)
29AGO17 para
outras
instituições. Oitava na barra APMBB/ESSd T-1 (Treinamento Físico)

Flutuação e natação - adaptação ao


APMBB/ESSd T-2 (Natação)
meio líquido (piscina)
Adaptação à altura (travessia
COE T-1 (Treinamento Físico)
pórtico)

Teste de aptidão de tiro APMBB/ESSd Usual do candidato.

14AGO17 a
Avaliação Psicológica. DSA/DP Trajes civis
24AGO17

28AGO17 Conhecimentos profissionais G.A.T.E. Usual do candidato

1. O local poderá ser alterado por decisão da Comissão Examinadora do concurso.


2. Para o teste de adaptação ao meio líquido/piscina, o candidato masculino deverá se apresentar
com uniforme T-2 (Natação) e todos os candidatos deverão se apresentar com touca de natação e será
facultativo o uso de óculos de natação.
3. Para o teste da corrida em 40 segundos, o candidato poderá utilizar sapatilhas.
4. Para o teste da corrida de 4.000 metros, o candidato poderá utilizar tênis adequados para corridas
de longas distâncias.
5. Para o Teste de Aptidão de Tiro (TAT), o candidato deverá apresentar-se com uniforme
operacional, usual de sua respectiva OPM, com pistola .40 da PMESP (carga pessoal), colete balístico,
protetor ocular (óculos de proteção) e protetor auricular.
* Obs.: a decisão pela utilização das dependências da APMBB ou da ESSd, nos testes acima
mencionados, será da Comissão Examinadora e se pautará nas condições dos equipamentos e das
instalações, quando da proximidade de realização dos mesmos.
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 10

ANEXO “B” DO EDITAL DEC 9/23/17

PROTOCOLO PARA APLICAÇÃO DOS TESTES DE CONDICIONAMENTO FÍSICO GERAL -


MASCULINO

I - Aplicações:
TAF 2 - Para candidatos ao Curso de Ações Táticas Especiais do G.A.T.E..

III - A interpolação de pontos, em relação à tabela, para os testes de condicionamento físico geral será
feita da seguinte forma:
Subida no cabo vertical 10 (dez) pontos a cada 50 (cinquenta centímetros)
Resistência abdominal 5 (cinco) pontos a cada movimento completo
Corrida de 40 segundos 2 (dois) pontos a cada 1(um) metro percorrido
Corrida de 4.000 metros 1 (um) ponto para cada 1,5(um e meio) segundos a menos
IV - as tabelas acima foram retiradas do PPT-4 -PM, anexo “G”.

ANEXO “C” DO EDITAL DEC 9/23/17

PROTOCOLO PARA APLICAÇÃO DOS TESTES DE CONDICIONAMENTO FÍSICO GERAL -


FEMININO

I - Aplicações:
TAF 2 - Para candidatos ao Curso de Ações Táticas Especiais do G.A.T.E..
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 11

III - A interpolação de pontos, em relação à tabela, para os testes de condicionamento físico geral
será feita da seguinte forma:
Subida no cabo vertical 10 (dez) pontos a cada 50 (cinquenta centímetros)
Resistência abdominal 5 (cinco) pontos a cada movimento completo
Corrida de 40 segundos 2 (dois) pontos a cada 1(um) metro percorrido
Corrida de 4.000 metros 1 (um) ponto para cada 1,5(um e meio) segundos a menos
IV - as tabelas acima foram retiradas do PPT-4 -PM, anexo “G”.

ANEXO “D” DO EDITAL DEC 9/23/17

AUTORIZAÇÃO

Referência: Concurso Interno de Seleção ao Curso de Ações Táticas Especiais II/2017

Eu__________________________________________________________, abaixo
qualificado, AUTORIZO coletas de materiais biológicos (sangue, cabelos, pelos e/ou raspas de
unhas),para fins de realização de exames antidrogas e toxicológicos, a qualquer momento, durante o
concurso e/ou curso acima referenciados, no interesse da Polícia Militar do Estado de São Paulo:
POSTO OU GRADUAÇÃO:____________________________________________________________
RE:_______________________________________________________________________________
UNIDADE: _________________________________________________________________________
ASSINATURA:______________________________________________________________________
1ª Testemunha:
Nome completo e RE ou RG: ___________________________________________________________
Assinatura: _________________________________________________________________________
2ª Testemunha:
Nome completo e RE ou RG: ___________________________________________________________
Assinatura: _________________________________________________________________________
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 12

ANEXO “E” DO EDITAL DEC 9/23/17

CIRCUITO DE AGILIDADE

TÉRMINO INÍCIO
Diagrama sem escala, apenas para referência.

ANEXO “F” DO EDITAL DEC 9/23/17

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

SÃO PAULO (Estado). Polícia Militar. Diretriz PM3-1/02/13 - Ocorrências que exijam ação do grupo
de Ações Táticas Especiais (G.A.T.E.);
______.______. Diretriz PM3-10/02/14 - Atuação das Unidades Operacionais de Ações Especiais de
Polícia ( UOp AEP)
______.______. IP-01-PM Instrução Provisória Policial Militar - Atendimento de Ocorrências
Envolvendo Artefatos Explosivos (ou bombas), publicado no anexo ao Boletim Geral PM 173/96, com
alterações impostas pela publicação do Boletim Geral PM 158/97.
______. Resolução SSP-13/10 - Disciplina o procedimento para atendimento de ocorrências com
reféns no Estado de São Paulo, por parte das Polícias Militar e Civil;
SOUZA, Wanderley Mascarenhas (Cap PM), Monografia: “Negociação e Atuação de Grupos
Especiais de Polícia na Solução de Eventos Críticos” (CAO-II/95);
______. (Ten Cel PM), Monografia: “Ações do Policial Negociador nas Ocorrências com Reféns”
(CSP-I/02);
TOLEDO JUNIOR, Theseo Darcy Bueno (Cap PM), Monografia: “Medidas preliminares no
atendimento de ocorrências com bombas e artefatos explosivos”, (CAO-I/01).
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 13

ANEXO “G” DO EDITAL DEC 9/23/17

MODELO DE DECLARAÇÃO SJD

SECRETARIA DE ESTADO DOS NEGÓCIOS DA SEGURANÇA PÚBLICA


POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO
(NOME DA OPM)
SEÇÃO DE JUSTIÇA E DISCIPLINA

DECLARAÇÃO Nº ___/___/17

www.policiamilitar.sp.gov.br

Declaro para fins de concurso interno de seleção ao Curso de AÇÕES TÁTICAS ESPECIAIS -
II/17, que o POSTO/GRADUAÇÃO/RE/NOME, não registra, nos 05 (cinco) últimos anos, punição
disciplinar atentatória à Instituição ou ao Estado, aos princípios de hierarquia e disciplina, aos Direitos
Humanos Fundamentais ou de natureza desonrosa, nem tampouco possui Sentença Penal
Condenatória com Trânsito em Julgado.
São Paulo, _____de_______ de 2017.

(NOME)
Ten Cel PM - Cmt

1. Oficial responsável pela lavratura do ato. 2. Oficial responsável pela conferência do ato.

(NOME) (NOME)
Cap PM - Oficial SJD Maj PM - Scmt
ANEXO AO BOL G PM 128, DE 10 DE JULHO DE 2017. 14

ANEXO “H” DO EDITAL DEC 9/23/17

ALVO PM-L 74 (CURSO BÁSICO “MÉTODO GIRALDI”)

Pontuação: Espaço "A" e “B”- 10 pontos

(PORTARIA DEC-27/23/17)

CAMILA Assinado de forma digital por


CAMILA MENDONCA MUNHOZ

MENDONCA DATI:33604594820
DN: c=BR, o=ICP-Brasil,
ou=Secretaria da Receita Federal
MUNHOZ do Brasil - RFB, ou=RFB e-CPF A3,
ou=(EM BRANCO), ou=AR

DATI:33604594 IMPRENSA OFICIAL, cn=CAMILA


MENDONCA MUNHOZ

820
DATI:33604594820
Dados: 2017.07.07 15:46:48 -03'00'