Vous êtes sur la page 1sur 20

ENGENHARIA CIVIL MATERIAIS DE CONTRUÇÃO II

Vidros

Profº: William Policarpo


ENGENHARIA CIVIL

Em ciência dos materiais o vidro é uma substância


sólida e amorfa, que apresenta temperatura de
transição vítrea. Também se encontra na natureza, por
exemplo na obsidiana, um material vulcânico, ou nos
enigmáticos objetos conhecidos como tectitas.

Imagem: Obsidiana
(vidro formado naturalmente)
- VIDRO
* O vidro é uma substância inorgânica e
amorfa, obtida através do
resfriamento de uma massa em fusão.
Suas principais qualidades são a
transparência e a dureza.
O vidro comum se obtém por
fusão em torno de 1.250 °C
com os seguintes componetes
* O vidro não é poroso nem absorvente, sílica, soda, cálcio, magnésio,
é ótimo isolador, possui baixo índice alumina, cloreto de sódio,
de dilatação e condutividade nitrato de sódio, óxido,
térmica, suporta pressões de 5.800 a arsênico, corantes (óxido de
10.800 kg por cm². cobalto-azul, óxido de ferro-
verde, óxido de selênio-cinza)
e sucata de vidro.
HISTÓRIA
Há registros que relatam que o vidro
surgiu pelo menos 4.000 anos A.C.. Julga-se
entretanto que os egípcios começaram a
soprar o vidro em 1.400 A. C., dedicando-
se, acima de tudo, a produção de pequenos
objetos artísticos e decorativos, muitas
vezes eram confundidos com belas pedras
preciosas.

Imagem: Fabricação de peças em vidro


usando moldagem por sopro.
)
COMPOSIÇÃO
COMPOSTO FÓRMULA QUÍMICA PERCENTUAL

Silica (dióxido de silício) SiO2 71,40%

Óxido de alumínio AlO3 1,70%


(Alumina)
Óxidos de cálcio e CaO + MgO 11,50%
magnésio
Óxidos de sódio e potássio Na2Ou + K2Ou 14,20%
Barrilha

Outros (Fé2Ou3 Oxido de ferro, MnO 1,20%


óxido de manganês, Cr2Ou3
óxido de cromo,…)
COMPOSIÇÃO
As matérias primas que compõem o vidro são:

•Vitrificantes (são compostos de anidrido sílico, anidrido


bórico e anidrido fosfórico);
•Fundentes (são compostos de óxido de sódio e óxido de
potássio);
• Estabilizantes (são óxido de cálcio, óxido de magnésio e óxido
de zinco).
FABRICAÇÃO
O método clássico e mais utilizado atualmente para a
produção do vidro é chamado de fusão/resfriamento.
Resumidamente:

Matérias-primas  Misturador  Forno de fusão 


derretimento moldadas  resfriadas  e a peça de vidro
fica pronta para ser usada.
TIPOS DE VIDRO
Tipos Aplicações e Características

Vidro para Garrafas, potes, frascos e outros vasilhames fabricados em


embalagens vidro comum nas cores branca, âmbar e verde.

Vidros planos lisos, vidros cristais, vidros impressos, vidros


refletivos, vidros anti-reflexo, vidros temperados, vidros
Vidro plano
laminados, vidros aramados, vidros coloridos, vidros
(Vidro para a
serigrafados, vidros curvos e espelhos fabricados a partir do
construção civil)
vidro comum. Vidros de janelas, de automóveis, fogões,
geladeiras, microondas, espelhos, etc.

Tigelas, travessas, copos, pratos, panelas e produtos


Vidros domésticos
domésticos fabricados em diversos tipos de vidro;
TIPOS DE VIDRO
Mantas, tecidos, fios e outros produtos para aplicações de reforço
Fibras de vidro
ou de isolamento;

Lâmpadas incandescentes ou fluorescentes, tubos de TV, vidros


para laboratório(principalmente o vidro borossilicato), para
Vidros técnicos
ampolas, para garrafas térmicas, vidros oftálmicos e isoladores
elétricos.

Aquecimento entre 700° e 750° através de um forno e


resfriamento com choque térmico, normalmente a ar, causando
aumento da resistência por compactação das camadas superficiais.
Vidro Temperado
O aumento da resistência mecânica chega a 87%. O vidro após o
processo de têmpera não poderá ser submetido a lapidação de suas
bordas, recortes e furos.
TIPOS DE VIDRO

São os vidros lapidados, bisotados, jateados, tonalizados,


Vidros comuns acidados, laqueados e pintados, utilizados na fabricação de
decorados tampos de mesas, prateleiras, aparadores, bases e porta-
ou retratos. Nas espessuras de 2 mm a 25 mm (já se fabricam
beneficiados. vidros planos de até 50 mm, para fins especiais em
construção civil).

Vidros comuns Vitrocerâmica - obtido submetendo o vidro comum a


decorados ou temperaturas elevadas (500°C-1000°C) o que provoca a
beneficiados sua cristalização. Possui maior resistência.
PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DO
VIDRO

• Reciclabilidade;
• Transparência;
• Dureza;
• Não absorvência;
• Ótimo isolante elétrico;
• Baixa condutividade térmica;
• Recursos abundantes na natureza;
• Durabilidade.
RECICLAGEM DO VIDRO
A Reciclagem do vidro é o
processo pelo qual o vidro é
reaproveitado para criar novos
materiais; o processo se dá
basicamente derretendo o vidro
para sua reutilização e sua
reciclagem é a única integral, ou
seja, 1 kg de vidro usado (inteiro
ou quebrado) resulta em 1 kg de
vidro novo depois da reciclagem.

O único material que ao ser


reciclado não há perdas.
No processo de reciclagem os produtos devem ser separados
por tipo e cores. As três cores principais são:

• Incolor/translúcido ou branco;
• Verde;
• Marrom/âmbar;
VANTAGENS DA RECICLAGEM E
REUTILIZAÇÃO DO VIDRO

Isso reflete em economia de energia e água, maior


durabilidade dos fornos e ainda reduz a extração, beneficiamento
e transporte dos minérios, diminuindo ainda mais os gastos
energéticos e de materiais, reduz também o volume de lixo que é
enviado para aterros sanitários e lixões.
VANTAGENS
• Integralmente reciclável;
• Higiênico;
• Inerte;
• Versátil;
• Impermeável;
• Transparente;
• Difícil corrosão.
DESVANTAGENS
• Fragilidade;
• Preço mais elevado;
• Peso relativamente grande;
• Dificuldade no fechamento hermético;
• Dificuldade de manipulação.
Podemos utilizar o vidro da seguinte maneira:

* vidro oco: para garrafas, frascos, etc....


* vidro plano: janelas, portas, etc....
* vidros finos: lâmpada, películas de aparelhos eletrônicos.
* vidros curvos: usados na ind. automobilística.
* O vidro em sua fabricação atinge uma temperatura de 800 a
1250°C.
* O vidro colorido, além do aspecto estético, os vidros podem
reduzir o consumo energético de um edifício ou residência.
“Porque Deus, o vosso pai, sabe o de que tendes necessidades, antes que lho
peçais” (Matheus 6.8)

wpengenharia23@gmail.com Profº William Policarpo