Vous êtes sur la page 1sur 2

QUÍMICA 2 - Prof Emanuele

APS 2 - Relações de massa e Estudo dos gases Valor: 10,0 Nota:__________


Nome:___________________________________________________________________________________ Turma:__________

1) Para tomar um cafezinho, é comum a adição de açúcar. Suponha que, para adoçar uma xícara de café, tenham sido
colocadas 2 colheres de açúcar, contendo, por colher, 3,5 g. Qual a quantidade em mol de açúcar nesse cafezinho? Dado:
fórmula molecular do açúcar = C12H22O11.

2) O corpo humano apresenta cerca de 18% da sua massa em átomos de carbono. Com base nesse dado, qual o número de mol
de átomos de carbono no corpo de um indivíduo que pesa 100 kg?

3) Considere um balão de aniversário contendo 2,3 L de ar seco. Aproximadamente 20% deste gás são constituídos por gás
oxigênio. Suponha que 1 mol de gás ocupa aproximadamente um volume de 23 L, a 25 °C e sob a pressão de 1 atm. Qual o
número aproximado de moléculas de oxigênio presentes no balão?

4) Uma determinada massa gasosa, confinada em um recipiente de volume igual a 6,0 L, está submetida a uma pressão de 2,5
atm e sob temperatura de 27 °C. Quando a pressão é elevada em 0,5 atm, nota-se uma contração no volume de 1,0 L.

a) Qual a temperatura em que o gás se encontra?

b) Que tipo de transformação ocorreu?

5) Um pneu de bicicleta é calibrado a uma pressão de 4 atm em um dia frio, à temperatura de 7 °C. O volume e a quantidade de
gás injetada são os mesmos. Qual será a pressão de calibração no pneu quando a temperatura atinge 37 °C?

6) Com o objetivo de determinar a massa molecular de um gás A, um pesquisador introduziu em um recipiente de volume V,
que se encontrava inicialmente vazio, 15,0 g do referido gás e observou o surgimento de uma pressão P, sob a temperatura T. A
seguir, utilizando outro recipiente de volume igual ao do primeiro, verificou que era necessário introduzir a massa de 1,0 g de H 2
para que, na mesma temperatura, fosse gerada a mesma pressão observada no primeiro recipiente. Calcule a massa molar do
gás em estudo.
7) São introduzidos 207,3 g de XeF4 gasoso em um recipiente, inicialmente sob vácuo, de 3,00 L e a 80 °C. Qual a pressão, em
atm, no recipiente?

8) Em um recipiente indeformável, de capacidade igual a 4 L, são colocados 2 L de H 2 medidos a CNPT, juntamente com 3 L de
O2 medidos a 27°C e 700 mmHg. Calcule a pressão no interior do recipiente, sabendo que, após a mistura dos gases, a
temperatura dele é 17°C.

9) Uma mistura gasosa formada por 44 g de dióxido de carbono e 6 g de gás hidrogênio é mantida a 27 °C e a 8,2 atm.
Determine o volume parcial do H2 nessa mistura.

10) Em um recipiente de 50 L a 127 °C, temos 3,3 g de anidrido carbônico (CO 2), 4,8 g de anidrido sulfuroso (SO2) e 3,4 g de gás
sulfídrico (H2S). Pedem-se:

a) a pressão total da mistura gasosa;

b) sua composição porcentual em massa;

c) sua composição porcentual em volume;