Vous êtes sur la page 1sur 2

Nome:

Manutenção e Suporte em Informática Física I Professor Charles Turuda

PROEJA Ficha de Aula 08 – Leis de Newton 01 / 06 / 2018

FORÇA

Força é qualquer ação capaz de modificar a velocidade de um corpo, ou seja, é qualquer ação capaz
de acelerar um corpo.

É possível modificar a velocidade de um corpo de dois modos diferentes. Pode-se modificar o


módulo (tamanho, valor) da velocidade ou pode-se modificar a direção dela. Quando se muda o
módulo da velocidade, diz-se que a aceleração é ‘tangencial’ (a⃗ ). Quando se muda a direção da
velocidade, diz-se que a aceleração é ‘centrípeta’ (a⃗ ). O que se chama de ‘aceleração’ (a⃗) é a adição
dessas duas acelerações, ou seja,
a⃗ = a⃗ + a⃗ [8.1]

Para modificar apenas o módulo da velocidade, deve-se aplicar a força na direção dessa última.

F⃗ F⃗

v⃗ v⃗

Se a força e a velocidade têm o mesmo Se a força e a velocidade têm sentidos


sentido, o módulo da velocidade contrários, o módulo da velocidade
aumenta. diminui.

Para alterar a direção da velocidade, deve-se aplicar a força perpendicularmente à velocidade.

F⃗

v⃗

Se a força e a velocidade são


perpendiculares, a direção da
velocidade muda.

Quando o ângulo entre a força e a velocidade não são iguais a 0o, 90o ou 180o, a aceleração é uma
combinação de aceleração tangencial com aceleração centrípeta. As acelerações tangencial e
centrípeta são perpendiculares entre si: a tangencial é paralela ou antiparalela à velocidade e a
centrípeta é perpendicular à velocidade.

Quando se adicionam a aceleração tangencial e a aceleração centrípeta, deve-se utilizar o Teorema


de Pitágoras.
a2 = a t 2 + a c 2 [8.2]
UNIDADE DE MEDIDA DE FORÇA

No Sistema Internacional de Unidade (SI), a unidade de medida de força é o ‘newton’ (N). Ele
equivale a:
m
N = kg ∙ = kg ∙ m ∙ s [8.3]
s

PRIMEIRA E SEGUNDA LEIS DE NEWTON

A segunda lei de Newton, expressa em uma fórmula, é dada por:


F⃗ = m ∙ a⃗ [8.4]

onde F⃗ é a força resultante que atua em determinado corpo, ‘m’ é a massa desse corpo e a⃗ é a
aceleração do mesmo. A ideia é que a aceleração do corpo é proporcional à força aplicada. Quanto
maior a força aplicada, maior a mudança na velocidade do corpo.

A primeira lei de Newton é uma consequência direta da segunda lei. Ela trata das situações em que
a força resultante é nula. Nesse caso, de acordo com [8.4], nota-se que a aceleração também é nula.
Ou seja, quando a força resultante que atua em um corpo é nula, a velocidade dele não muda (nem
em módulo, nem em direção).

EXERCÍCIOS

01. Uma única força F⃗ = (12; 16) atua em um corpo de massa 2,0 kg. Determine a aceleração do
mesmo.

02. As forças F⃗ = (10; −1); F⃗ = (−5; 5) e F⃗ = (−3; 0), medidas em newtons, atuam em um corpo
e o aceleram com aceleração a⃗ = (1; 2) m/s2. Determine a massa do corpo, em kg.

03. A aceleração de um bloco é a⃗ = (5; 12) m/s2 e sua massa é 2,0 kg. Qual é o valor da força
resultante que atua sobre o bloco, em newtons?

TERCEIRA LEI DE NEWTON

A terceira lei de Newton afirma que, se um objeto A exerce uma força F⃗ em outro objeto B, então o
objeto B exerce uma força −F⃗ sobre o objeto A.

EXERCÍCIOS

04. Um objeto A exerce uma força F⃗ = (5; 8) sobre outro objeto B. Qual é a força que B faz em A?

05. Um objeto A exerce uma força F⃗ = (2; −1) sobre outro objeto B. Qual é a força que B faz em A?

06. Qual é o módulo da ação na questão anterior? Qual é o módulo da reação?

07. Suponha que a terceira lei de Newton seja verdadeira para o Universo inteiro. Qual seria o valor
da soma vetorial de todas as forças que existem no Universo?

Física – Ficha de Aula 08 – Página 2 de 2