Vous êtes sur la page 1sur 94

FUNDADA EM 11 DE SETEMBRO DE 1928 POR THIERS VELLOZO. Nº 31.182.

ANO LXXXIX

www.gazetaonline.com.br VITÓRIA, SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 - EDIÇÃO ENCERRADA: 23h GRANDE VITÓRIA R$ 2,50 DEMAIS CIDADES R$ 3,00

SEM FREIO SEM RUMO

FÁTIMA MEIRA/ESTADÃO CONTEÚDO


STAFF IMAGES/FLAMENGO

4x1
Flamengo Sport
1x4
Vasco Corinthians

Inspirado, Fla atropela o Sport no Maracanã e Time cruzmaltino sofre apagão em campo no
se mantém na liderança do Brasileirão Pág. 32 segundo tempo e cede à pressão do Timão Pág. 30

UNIVERSIDADE NO SUFOCO
Ufes amplia gasto com
servidores e corta em
limpeza e segurança
Em 2017, folha de pagamento consumiu 84% do orçamento da universidade, índice
maior que a média nacional. Enquanto isso, gasto com custeio cai ano a ano Págs. 3 a 5
CHEGA DE FILA! ELEIÇÕES 2018 VITOR VOGAS
Vida&Ciência Luciano pecou no trato
NOVO SISTEMA HORTALIÇAS ROSE ADMITE com a base em Vitória Pág. 16
DO INSS LIBERA TAMBÉM SÃO INTERESSE EM
BENEFÍCIOS VIA FONTE DE TER APOIO DE ANGELO PASSOS
ES registra recorde na
INTERNET Págs. 20 e 21 PROTEÍNA Pág. 25 HARTUNG Págs. 14 e 15 criação de empresas Pág. 22
ASSINANTE,
BAIXE O SEU CARTÃO DO

O Clube A Gazeta oferece aos seus assinantes benefícios em segmentos como


gastronomia, entretenimento, moda e muito mais. Para começar a aproveitar,
o primeiro passo é baixar o seu cartão no site do Clube. Veja como é fácil:

Acesse o site: Insira seu CPF ou Clique em “OK” e


clubedoassinante. CNPJ no campo “Baixe aguarde o download
agazeta.com.br aqui seu cartão”. automático.

AGORA É SÓ IMPRIMIR OU GUARDAR EM SEU SMARTPHONE!

Faça parte deste


Clube você também.
Ligue e assine:
27 3321-8699
2 | BOM DIA SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

AMARILDO FALA, LEITOR


Endereço: Rua Chafic Murad, 902, Monte Belo, Vitória-ES – CEP 29053-315.
E-mail: carta@redegazeta.com.br. Telefone: (27) 3321-8073. Só serão
aceitas cartas assinadas. A redação reserva-se o direito de editar os textos
por motivos de clareza e/ou espaço.

Independência do Brasil”, deixou a no-


dos Poderes tícia em evidência. A
“emenda foi pior que o
Não conseguimos “engo- soneto”.
lir” essa intromissão de- Humberto Schuwartz
masiada de chefes do Soares, por e-mail
Poder Executivo na vida —
do Legislativo. Governa-
bilidade? É uma descul- Bike VV
pa muito esfarrapada. Se Sobre ampliação do nú-
todos, executivos e legis- mero de estações de bi-
lativos, se preocupassem cicletas em Vila Velha
única e exclusivamente
com o bem-estar da so- De pouco adianta pro-
ciedade, a necessária in- mover o pedalar no Es-
dependência entre os tado sem construir mais
Poderes seria muito mais ciclovias! Mais gente pe-
eficaz. Falar de “racha dalando em locais sem
na base”, “traição”, “re- ciclovias será mais gente
belados”, na relação en- atropelada e engarrafa-
tre Executivo e Legisla- mentos de bicicletas! Is-
tivo, nos faz ver que al- so já acontece nos cal-
gumas escolhas, na nos- çadões de algumas
sa hora de votar, foram praias, pois ao mesmo
equivocadas. Existe algo tempo que pedestres in-
de errado nessa relação. vadem as ciclovias, tam-
Luiz Carlos Mercier, por bém skatistas dividem o
e-mail, da Serra mesmo espaço! Uma
DA REDAÇÃO — boa iniciativa foi da Pre-
feitura de Vitória em re-
Tragédias naturais servar a primeira faixa a

Semana decisiva para cer cedo para dedicar aten-


ção ao processo eleitoral, as
convenções são altamente
O nosso país tem um
imenso território pleno
direita a bikes nos fe-
riados e finais de sema-
na. Na verdade deveria
os próximos 4 anos importantes. Definirão
quais serão os candidatos,
com quem estarão e, prin-
de riquezas naturais e
com diferenças climáti-
ser todos os dias!
Daniel Stone, via
cas, mas nada que se Facebook
PODE ATÉ PARECER exa- rias (governador e senado- çam metas e põem inte- cipalmente, quais partidos e compare a outros países —
gero, mas não é: nos pró- res) e proporcionais (depu- resses sobre a mesa, a fim de lideranças formarão os pró- do mundo, alguns até
ximos dias, tudo que se fizer tados estaduais e federais). que todos, de alguma for- ximos governos”, pontua a com território ínfimo, Auxílio-moradia
e se disser na política poderá Em que pese o formalismo ma, saiam ganhando. É jus- editora de Política de A GA- sujeitos a tragédias cli-
produzir reflexos até 2022. que esse ritual possui, es- tamente aí – nessa expo- ZETA, Samanta Nogueira. máticas - incêndios, en- O tempo passou, veio o
Seguindo os prazos fixados tamos falando de um dos sição de objetivos nem sem- Em tempos de descrença do chentes, furacões e ou- impeachment de Dilma,
pela legislação eleitoral, os períodos mais importantes pre às claras – que reside a eleitorado, pôr uma lupa tros fenômenos naturais, veio a prisão de Lula,
partidos têm até domingo para o jornalismo especia- principal missão do jorna- sobre os políticos e seus até periódicos. Deus veio a Copa do Mundo,
para realizar suas conven- lizado em política. Isso por- lismo: descobrir o que está compromissos é reafirmar sempre governou muito os dias se passaram e o
ções – reuniões oficiais em que, daqui até as conven- sendo combinado e o por- nosso compromisso com a bem nossa natureza; no auxílio-moradia conti-
que se define o lançamento ções, líderes partidários con- quê dos acordos. “Apesar de democracia e a sociedade. Brasil, todas as tragédias nua a ser pago rigoro-
de candidaturas majoritá- versam, reconversam, tra- para alguns eleitores pare- Boa segunda-feira. envolvendo recursos na- samente em dia e nem
turais ficam na conta da sequer entra em pauta a
incompetência, desleixo, discussão de sua extin-
ambição e desonestidade ção ou restrição. En-
de dirigentes de todos os quanto isso, magistra-
escalões da República. A dos com 2, 3 ou mais
propósito, como estarão imóveis continuam a re-
hoje os brasileiros órfãos ceber a benesse sem se
da calamidade de Maria- preocupar com o aspec-
na-MG? to moral do benefício.
Beleza natural Acho difícil o auxí-
Roberto Pimentel, por
O José Ricardo compartilhou
esta foto da Baía de Vitória
e-mail, da Praia do Canto, lio-moradia ser extinto
para demonstrar seu amor pe-
Vitória pois depende da ação
lo ES: “Tirei esta foto indo tra- — de deputados e senado-
balhar de bike. Sou de Afonso res, os quais por sua vez
Cláudio mas moro em Vila Ve- Gilmar Mendes dependem de juízes pa-
lha” FOTO: José Ricardo Bicas ra atender suas causas,
Poderia passar desper- enfim, nessa vergonho-
cebido, mas Gilmar sa troca de favores
CARO LEITOR
A Rede Gazeta está a caminho Mendes, ministro do quem perde é sempre o
dos 90 anos e quer celebrar o que STF, ao processar o pro- contribuinte.
há de melhor: o orgulho de ser motor goiano Fernando Luciano Pereira, por
capixaba. Marque a hashtag Krebs por considerar
#somoscapixabas nas redes e-mail
sociais e apareça neste espaço. Gilmar “o maior laxante —

Endereço: Rua Chafic Murad, 902, Monte Belo – CEP 29053-315 – Vitória-ES – CP 01-0275 – Telefones: Geral: (27) 3321-8333 - Fax: (27) 3321-8632 – Classificadões: (27) 3321-8600 - www.redegazeta.com.br.
Fale com Gerente Comercial Mídia Impressa: Fernando Bohn Geller – (27) 3321-8047 – fgeller@redegazeta.com.br / Ivan Henrique Saettler Reis – (27) 3321-8224 – ireis@redegazeta.com.br . Sucursais no Espírito Santo: Cachoeiro:
(28) 3526-4447 – Colatina: (27) 3770-4035/4003 – São Mateus: (27) 3763-1833 – Linhares: (27) 3373-7679/7670. Sucursal São Paulo: Ricardo Costi – (11) 2506-7600 – rcosti@redegazeta.com.br Outros Estados: Fabio
REPORTAGEM: 3321-8519 Vilas Boas Fernandes // 27 3321-8419/8546 // fbfernandes@redegazeta.com.br Preços: Exemplar na Grande Vitória e Guarapari: R$ 2,50 de segunda a sábado e R$ 3,00 aos domingos / Demais regiões R$ 3,00 de segunda
REDAÇÃO: 3321-8333 a sábado e R$ 4,00 aos domingos. Preço da assinatura anual diária: Grande Vitória e Guarapari: R$ 538,80 / Demais regiões do Espírito Santo: R$ 598,80. Assinatura anual diária em outros Estados: R$ 1.188,00. Carga
SAC: 3321-8699 Tributária 3,65% Comitê de Ética: etica@redegazeta.com.br. ATENDIMENTO AO ASSINANTE: 3321-8699. VENDA ASSINATURA: 3321-8000 B ASSINATURA@REDEGAZETA.COM.BR
4 | CIDADES SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

RAIO-X
GASTOS DA UFES
Pagamentos realizados pela universidade em 2016 e 2017

Total pago anual


(corrente em R$)

745.934,17 78.388.835,33 150.286.010,43 1.305.023,44 87.454.752,16 114.582.070,17 Total pago anual


• Primário obrigatório Despesa Financeiro Primário Despesa Financeiro Primario
Despesas com pessoal, encargos discricionária discricionário discricionária discricionário
906.164.119,58
sociais e custeio obrigatório 848.000.105,47

• Financeiro
Contribuição patronal para o
regime próprio da previdência
social 2016 2017
Em R$ Em R$
• Primário discricionario
São gastos não obrigatórios
para manutenção da universidade

• Despesa discricionária
Despesas com custeio e 618.579.325,54 702.822.273,81
investimento vindas de emendas Primário Primário
obrigatório obrigatório 2016 2017

Comparativo Maiores despesas


Outras universidades 2017 Percentual Custeio 2016 2017
Pessoal e encargos sociais 37245784347,39 81,7% Bolsas de estudo 17.916.650,02 17.808.823,82
Custeio 7132883543,64 15,6% Auxílio-alimentação 16.837.895,46 16.949.626,51
Investimentos 1204298730,61 2,6% Serviços de apoio ao ensino 19.788.492,16 13.078.511,71
Inversões financeiras 558254,15 0%*
Em comparacão
ao gasto com Investimento
*Não atingiu a 1%
pessoal Obras em andamento 1.860.813,80 2.382.875,68
Material de TIC (permanente)*** - 2.340.418,68
UFES 2017 Percentual
Equipamento médico hospitalar 506.476,89 919.757,41
Pessoal e encargos sociais 761568186,97 84%
Custeio 134684264,36 14,9% Com pessoal e encargos
Investimentos 9911668,25 1,1% Vencimentos e salários 164.452.581,63 186.375.700,38
Inversões financeiras** - - Proventos - pessoal civil 137.124.267,52 160.572.484,74
**Não teve gasto de inversões financeiras Gratificação por exercício de cargo efetivo 128.774.093,25 149.999.081,05
Fonte: Tesouro Gerencial/Elaboração: Contas Abertas ***São despesas com "Tecnologias da Informação e Comunicação" Infografia | Marcelo Franco

DESPESA COM SEGURANÇA


CAI QUASE PELA METADE
Alunos e servidores se sentem inseguros e temem violência
RAQUEL LOPES Associação Contas Aber- dem ser maiores em de- mantidas reféns por um ra a sensação de inseguran-
rflopes@redegazeta.com.br
tas. Os valores não foram DESCASO corrência da aquisição de bandido armado dentro ça”, disse.
A Universidade Federal do corrigidos pela inflação. itens de investimentos”, de uma sala de aula da ins- Parareforçaraseguran-
Espírito Santo (Ufes) tem São gastos de custeio, ou pontua. tituição, em Goiabeiras, ça, a universidade firmou
sido palco de assaltos e até seja, não obrigatórios. Vitória. No mesmo mês um convênio com a Polícia
de estupro no campus de Os dados são divididos AUMENTO um homem foi vítima de Militar nos quatro campi
Goiabeiras, o que tem as- em vigilância ostensiva e vi- Neste ano, até junho, o abuso sexual no campus. universitários. Goiabeiras
sustado estudantes, pro- gilância ostensiva monito- gasto com segurança foi O estudante de Filosofia e Maruípe, em Vitória,
fessores e servidores. Por rada, mas, segundo o eco- maior do que em todo William Carlin Acosta, de Alegre, no Sul, e São Ma-
outro lado, os gastos na nomista Gil Castello Bran- 2017. Houve um aumento 23 anos, acredita que tem teus, no Norte, contarão
área de segurança caíram co, fundador e secretá- de 8%: se naquele ano a aumentado a sensação de com a atuação de 120 mi-
quase pela metade. A des- rio-geral da Associação “A falta de universidade desembol- insegurança, principal- litares da reserva.
pesa da instituição na área Contas Abertas, ambos po- servidores de sou R$ 3,7 milhões, em mente no período noturno. Atualmente, a universi-
reduziu em 48,5% de um dem englobar pagamento segurança 2018 já foram despendi- “A falta de servidores de se- dade conta com guardas
ano para o outro. de empresas de vigilância e universitária é um dos R$ 4 milhões. gurança universitária é um patrimoniais e vigilantes
Em 2017 foram investi- investimentos,comoacom- problema. O campus No entanto, isso ainda problema juntamente com terceirizadosquepossuem
dos R$ 3,7 milhões, en- pra de veículos para ronda, sofre um descaso no não está sendo sentido por a falta de iluminação. O porte de arma. Eles serão,
quanto que em 2016 fo- equipamentos de seguran- período noturno” quem passa pela universi- campus sofre um descaso gradativamente, substi-
ram R$ 7,2 milhões, se- ça, por exemplo. dade, que está registrando no período noturno, a vida tuídos pelos policiais, o
gundo dados do Tesouro “Assim sendo, em um WILLIAM ACOSTA casos de assaltos e até de acadêmica ocorre durante que deve gerar uma eco-
Gerencial, do governo fe- determinado ano even- ESTUDANTE estupro. Em junho, duas o dia. O despovoamento nomia de 30% nos gastos
deral, e elaborados pela tualmente as despesas po- alunas foram assaltadas e nesse período contribui pa- com segurança.
Cidades. 3
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 |
Editora: Daniella Zanotti z dzanotti@redegazeta.com.br
WhatsApp: (27) 98135.8261 | Telefone: (27) 3321.8446
ATENDIMENTO AO ASSINANTE: (27) 3321-8699

RAIO-X

GASTOS DA UFES
MAIS COM SERVIDOR E
MENOS COM MANUTENÇÃO
Despesa com folha de pagamento é maior que média nacional
FERNANDO MADEIRA
RAQUEL LOPES ção com o aumento de
rflopes@redegazeta.com.br
despesas obrigatórias, DESPESAS
Enquanto os gastos obri- que incluem pagamento
gatórios destinados a pa- de pessoal. Elas cresce- TIPOS
gamento de pessoal da ram acima da inflação. Existem três tipos de
Universidade Federal do “Quando isso aconte- despesas das
Espírito Santo (Ufes) cres- ce, seja pela maior quan- universidades federais.
ceram, as despesas com tidade de servidores ou Conheça cada um deles:
custeio, ou seja, manuten- pelo aumento dos salá- t Pessoal e encargos
ção, que não são conside- rios, sem que o total do sociais (obrigatório)
radas obrigatórias, reduzi- orçamento cresça na São todas as despesas
ram nos últimos dois anos. mesma proporção, uma obrigatórias com
Por conta disso, serviços das válvulas de escape pagamento de
como segurança, limpeza para tentar equilibrar o servidores, folha de
e também a disponibilida- orçamento é reduzir as pagamento, benefícios
de de bolsas de estudo ti- despesas que não são da previdência e
veram cortes na verba, obrigatórias, como cus- assistenciais vinculados
prejudicando alunos, ser- Restaurante “Alguns amigos e eu estudamos em tempo teios e investimentos.” ao salário mínimo
vidores e professores. A estudante de Ciências Bio- integral e passamos a levar marmita, e No paralelo com a mé- (abono salarial e
As despesas da Ufes lógicas Isabela Ramos, 20, infelizmente, não tem nem como esquentar. dia de todas as 63 univer- subsídios). Do total de
com pessoal, em 2017, re- deixou de comer no Restau- O valor é alto e a qualidade caiu” sidades federais, as despe- R$ 761,6 milhões gastos
presentam84%dosgastos rante Universitário (RU) de- sas com pessoal na Ufes em 2017 com pessoal,
globais da instituição, de vido ao aumento da refeição. ISABELA RAMOS UNIVERSITÁRIA são mais altas em relação R$ 674,1 milhões
R$ 906 milhões. Elas tive- ao orçamento. São 81,7% (88,5%) são despesas
ram crescimento de FERNANDO MADEIRA na média nacional contra obrigatórias, o restante é
13,9%emrelaçãoa2016e 84% na Ufes, segundo o contribuição patronal
está acima da média na- TesouroGerencial.Jáova- para Previdência Social.
cional no comparativo lor referente a investimen- t Custeio (não
com as outras universida- to – obras e novos equipa- obrigatório)
des, que foi de 81,7%. Só mentos, por exemplo – es- São despesas destinadas a
custos com servidores, tá abaixo no comparativo. manter a capacidade
aposentados e pensionis- A Ufes gasta 1,1% do seu operacional das
tas do ano passado repre- orçamento, contra 2,6% universidades, incluem
sentam um montante de da média nacional. serviços terceirizados,
R$ 761,6 milhões. pagamento de água, de
Enquanto isso, os gas- SEM DIÁLOGO telefone e de luz, por
tos com custeio foram re- Segundo o diretor de exemplo. Elas não são
duzidos em 25,4% de organização do Diretório obrigatórias e podem ser
2017 para 2016. Os dados Central dos Estudantes cortadas ou ajustadas.
são do Tesouro Gerencial, (DCE) da Ufes, Guilher- Entretanto, há um tipo de
do governo federal, e fo- me Cogo, um problema despesa que entra como
ram organizados pela As- que vem agravando as custeio e é obrigatória: a
sociação Contas Abertas a Bolsa “Eu vou começar a fazer Iniciação Científica condições da universida- assistência médica e
pedido de A GAZETA. Os Bruna Zamboni, 24, que sem bolsa porque houve cortes. Se eu não de é a falta de diálogo odontológica e
valores não foram corrigi- estuda História, vai rea- conseguir trabalho, talvez tenha que voltar com a reitoria. “A direto- precatórios, por exemplo.
dos pela inflação. lizar um projeto de pes- para Santa Teresa” ria toma atitudes sem t Investimentos (não
Os cortes em custeio quisa, mas não conseguiu passar pelo conselho uni- obrigatório)
atingem, principalmente, bolsa para estudar. BRUNA ZAMBONI UNIVERSITÁRIA versitário, a falta de de- São gastos com melhoria
os serviços terceirizados, mocracia tem crescido. de infraestrutura, seja
como limpeza, manuten- Quando a Ufes aumentou em termos de
ção e segurança. O resul- to, falta de iluminação, re- mentou de R$ 1,50 para Gil Castello Branco, fun- o valor do RU, avisamos equipamentos, obras ou
tado disso é sentido pelos dução do número de bol- R$ 5, em março) são al- dador e secretário-geral que reduziria o número mesmo de instalações
alunos, professores, servi- sas e aumento de preço no guns dos problemas en- da Associação Contas de alunos, mas preferi- para a universidade
dores e por quem precisa Restaurante Universitário frentados. Abertas, essa diminuição ram não consultar a co- funcionar.
passar pela Ufes: mato al- (RU), onde a refeição au- Segundo o economista com o custeio tem rela- munidade acadêmica.”
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 CIDADES | 5
RAIO-X

Ufes contesta dados e diz que


gasta menos com servidores FERNANDO MADEIRA
A instituição também federais, que é de 81,7%. ram na ordem de R$ 3 e R$
afirma que passou a A Proplan informa ain- 4 milhões, a Ufes diz que,
investir em ações de da que, com base na Lei atualmente, a despesa
inteligência na segurança Orçamentária de 2018, com essa área gira em tor-
mais de 50% das universi- no de R$ 12,4 milhões
RAQUEL LOPES dades federais gastam anuais.
rflopes@redegazeta.com.br
mais que a Ufes (em ter- Isso inclui vigilância
Apesar dos dados do Te- mos proporcionais) com motorizada, armada, pa-
souro Gerencial, do go- despesa de pessoal, e 25% trimonial e sistema de vi-
verno federal, apontarem gastam menos. deomonitoramento.
o contrário, a Universida- Entretanto, a Ufes con- O economista Gil Cas-
de Federal do Espírito firmou que, nos últimos tello Branco, fundador e
Santo (Ufes) afirmou que dois anos, o gasto com cus- secretário-geral da Asso-
gasta menos do que a mé- teio (manutenção, contas ciação Contas Abertas, ex-
dia nacional em despesas de luz, limpeza e bolsas plica que, além dos dados
com pessoal. entre outros) diminuiu, de vigilância ostensiva e
Por nota, a Pró-Reitoria enquanto o gasto com ser- monitorada, que estão
de Planejamento e Desen- vidores ativos e inativos dentro de custeio, consi-
volvimento Institucional aumentou. derado nas tabelas do Te-
(Proplan) da Ufes disse souro Gerencial, é possí-
que esse gasto correspon- SEGURANÇA vel que existam outros
de a 76% do orçamento Sobre os gastos com se- gastos para segurança.
global da instituição. O Te- gurança, que caíram qua- Campus de Goiabeiras da Ufes: gastos com manutenção foram reduzidos Nesse caso, também
souroGerencial,entretan- se pela metade na compa- podem ser contabilizadas
to, mostra que são 84%. ração de 2016 para 2017, A instituição passou a Integrado Operacional de timento em inteligência”, despesas do tipo investi-
Com a porcentagem a Ufes informou, por nota, investir em ações de inte- Defesa Social (Ciodes). pontua. mento (novos equipa-
apresentada pela universi- que o quantitativo de re- ligência, tais como video- “A Pró-Reitoria enfatiza Apesar dos dados do Te- mentos, obras e instala-
dade, a proporção seria in- cursos relativos à área di- monitoramento, criação ainda que essa redução do souro Gerencial aponta- ções).Porisso,aUfesapre-
ferior à média nacional de minuiu porque a universi- de aplicativo de seguran- valor do recurso não signi- rem que nos últimos dois senta um valor mais alto
gastos com pessoal do con- dade mudou a metodolo- ça, guardas motorizados e fica redução da seguran- anos os gastos com segu- doqueofornecidopeloTe-
junto das universidades gia utilizada. integração com o Centro ça, mas aumento do inves- rança na universidade fo- souro Gerencial.

21
6 | CIDADES SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

lximenes@redegazeta.com.br - Tel.: 3321-8521


Tem marqueteiro aceitando trabalhar
LEONEL XIMENES para candidatos ganhando um terço
do que cobrava nas eleições de 2014.

Devedores
de títulos
são vítimas
de golpistas
Tem golpe novo na praça. Nele, o
golpista lê o nome de alguém no edital
que o cartório de protesto publica em
jornais e, por telefone, pressiona a ví-
tima a pagar o que deve por meio de
depósito bancário. Sem saber que se NAS
trata de um golpe, a pessoa faz o ALTURAS
depósito e liga para o Cartório de Pro- Escalar o Morro do
testo para saber se sua situação está Moreno, em Vila Ve-
resolvida. É aí que descobre a fraude. lha, é ter a oportu-
nidade de apreciar
O alerta essa bela paisagem,
“É neste momento que infelizmente com a Terceira Pon-
temos que dar a má notícia. Preci- te e o Convento da
samos alertar às pessoas que cartórios Penha, sob um ân-
não fazem esse tipo de comunicação gulo pouco comum.
por telefone”, adverte Marcio Valory, FOTO: WALDSON MENEZES
presidente do Sindicato dos Cartórios
do Estado (Sinoreg-ES).

Até quando? (PPS), o vereador Cléber Félix (PP) Desperdício ES, está em torno R$ 4,60.
O asfalto da Rodovia do Sol está cheio foi assessor de Davi Esmael (PSB), Com a eleição para a presidência da
de remendos. E não esqueçamos: o candidato a vice na chapa “rebelde”. Câmara de Vitória, descobrimos que Tráfico barulhento
pedágio da via concessionada à ini- existem 75 cargos comissionados liga- Quem mora em Jardim da Penha
ciativa privada custa R$ 18 ida e volta. Delegacia especial dos à Mesa Diretora. São R$ 4,6 mi- continua a ouvir, de madrugada, fo-
O ES pode ter uma delegacia espe- lhões bancados pelo dinheiro público. guetórios vindos do Bairro da Penha.
Conexões cializada para defender os gays. O pro-
Candidato a presidente da Câmara de jeto, do deputado Hércules Silveira Lá e cá Alô, passageiros!
Vitória na chapa contrária aos inte- (MDB), visa a combater a discriminação Em áreas nobres da cidade de São Pau- Já compraram um capacete para en-
resses do prefeito Luciano Rezende e a violência contra a população LGBT. lo, o litro da gasolina custa R$ 3,98. No trar nos terminais do Transcol?

MINIENTREVISTA

“Estamos caminhando nhando para o radicalismo, pela falta


de diálogo, para a mesma divisão ge-
ral do Brasil.

para o radicalismo” O país corre risco de um


retrocesso institucional?
Corre o risco de um golpe militar ou
O debate sobre a polêmica Guer- ra os militares. “Busquei fazer uma de um golpe de esquerda, a “vene-
rilha do Araguaia volta à tona com o obra honesta e ideologicamente zuelização” do país. É um risco mé-
lançamento de “Borboletas e Lobi- equilibrada”, destaca o jornalista. dio, um alerta amarelo, com a ra-
somens” (Editora Francisco Alves, Por que até hoje a Guerrilha do Os militares não vão fazer. Espero dicalização do PT e dos adeptos de
R$ 79), livro-reportagem do jorna- Araguaia causa tanta que o PCdoB faça. Afinal, o partido Bolsonaro.
lista Hugo Studart. polêmica? abandonou 79 jovens, a maioria com A quem o seu livro vai
Resultado de nove anos de pesquisas Porque até hoje não havia sido des- menos de 25 anos, à própria morte, desagradar mais, aos militares
e consultas a arquivos militares se- cortinada, o que faço no livro. O expostos a doenças e à fome. ou à esquerda?
cretos, a obra, que cita também a PCdoB não abriu seus arquivos e os O que significou para o país a Aos dois lados porque revela segredos
participação de militantes comunis- militares também não. Guerrilha do Araguaia? que nenhum dos dois lados queria
tas capixabas no movimento, revela Militares e a esquerda até hoje Foi um momento especial da His- revelar. Busquei fazer uma obra ho-
segredos considerados incômodos não fizeram a autocrítica do tória marcado pelo radicalismo e pe- nesta intelectualmente e ideologica-
tanto para os guerrilheiros como pa- período. Isso será feito um dia? lo maniqueísmo. E estamos cami- mente equilibrada

TEMPO
Hoje Qualidade do ar
Grande Vitória Medição em 26/07
Marés Ventos
Máxima 31 / Min. 18 Estação Qualificação PORTO DE VITÓRIA PORTO DE TUBARÃO
Carapina Bom Norte, fracos a moderados
Amanhã Cariacica Bom Preamar: 1.5 às 04:15 Preamar: 1.4 às 04:08 e
Jardim Camburi Bom
Máxima 32 / Min. 18
Laranjeiras Bom e 1.4 às 16:51 1.4 às 16:49 Ondas Sol Lua
Vila Velha - Centro Bom
Quarta Vila Velha - Ibes Bom Baixamar: 0.1 às Baixamar: 0.1 às Vitória - Altura: De 0.9 a Nascer: 06:12 Cheia
Máxima 27 / Min. 19 Vitória - Centro Bom 10:36 e 0.3 às 22:53 10:38 e 0.4 às 22:53 1.2 Pôr do sol: 17:23 27/07 - 17:20
Vitória - Enseada do Suá Bom
FONTE: INMET (INSTITUTO NACIONAL DE METEREOLOGIA) - CLIMA TEMPO - CPTEC (PREVISÃO OCEÂNICA) - INCAPER - IEMA (INSTITUTO ESTADUAL DE MEIO AMBIENTE)
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 CIDADES | 7

Cooperativismo: a força do trabalho em conjunto

Alexandre Ruschi, Beatriz Seixas, Caco Barcellos, Cleto Venturim


e Pedro Scarpi Melhorim

Pedro Scarpi Melhorim e Alexandre Ruschi

Carlos André Santos de Oliveira Eliane Gomes Zandonadi, Caco Barcellos, Tania Uliana Torres,
Cleto Venturim, Vera Caser e Sandra Helena

Márcio de Oliveira Almeida Bruno Dallorto Rodylene Duarte, Thiago Nascimento e Rose Favalessa

Federação
Espírito Santo
8 | CIDADES SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

COTIDIANO
PROTESTO EM CAMBURI
RICARDO MEDEIROS RICARDO MEDEIROS

Clemilda esteve na manifestação: sua filha Thainá foi morta no ano passado Famílias de vítimas vestiram camisas e carregaram cartazes em Camburi

Pais vão às ruas contra violência e abuso


Thainá Prado, que foi data foi escolhida pela pro- AmãedeThainá,Clemil- podendo até cometer novos lo pertence a Ademir Lú- pessoas estarem atentas a
assassinada no ano ximidade com o aniversá- daAparecidadeJesus,falou abusos”, disse. cio Ferreira de Araújo, 52, mudanças de comporta-
passado, completaria rio da menina Thainá An- dadordaausênciadafilhae Thayná desapareceu que foi preso, denunciado mento dos filhos e denun-
13 anos hoje dressa de Jesus Prado, que pediu penas mais severas no bairro Universal, em e aguarda julgamento. ciarcasosdeabusos.“Resol-
completaria 13 anos hoje. para casos de abusos contra Viana, em outubro do ano A manifestação contou vemosunirforçascomasfa-
Familiares de crianças A caminhada reuniu cerca menores. “Viemos pedir pu- passado. Ela foi vista pela com a presença de Rainy mílias que estão sofrendo
que foram assassinadas e de 60 pessoas e seguiu do nições mais exemplares última vez quando entra- Butkovsky,paideKauã,de6 com o intuito de fazer uma
abusadas sexualmente fi- Clube dos Oficiais até o contra quem comete esse ti- va em um carro após dei- anos, que foi abusado e campanha preventiva para
zeram uma passeata na monumento em homena- po de crime. Não queremos xar um supermercado no morto junto com o irmão que nenhuma criança seja
manhã de ontem na Praia gem a menina Araceli ver essas pessoas daqui a bairro onde mora. Segun- Joaquim, 3, em Linhares. mais abusada.” (Com infor-
de Camburi, em Vitória. A Crespo, morta há 45 anos. poucos dias fora da cadeia, do investigações, o veícu- Elefaloudaimportânciadas mações de Rafael Silva)

VENTANIA TRAGÉDIA DE MARIANA

Marinha emite alerta de Sai data


ventos de até 61 km/h para
A Marinha do Brasil emitiu ta é válido até a manhã de acordo
alerta de ventos intensos hoje. O motivo é um sis-
que podem chegar a 61 tema de alta pressão at- O acordo assinado entre
km/h, entre o litoral Norte mosférica que pode provo- a Samarco, Vale e BHP
do Rio de Janeiro e do li- car ventos de direção Nor- Billiton, ministérios pú-
toral Sul do Estado. O aler- deste a Norte, com rajadas. blicos e governos de Mi-
nas Gerais e do Espírito
Santo será homologado
no dia 8. Assim, a Sa-
marco abre caminho pa-
ra renegociar sua dívida
com credores no exte-
rior. A informação é do
jornal O globo. O acordo
prevê que as vítimas na
Cores da diversidade em Vila Velha tragédia de Mariana te-
Pela 11ª vez, Vila Velha teve sua parada LGBTI (Lésbica, Gay, Bissexual, nham maior participação
Trans e Intersexo), na Avenida Santa Leopoldina, em Coqueiral de Itaparica, nas decisões referentes
em Vila Velha. O evento celebrou a diversidade e ressaltou também a luta
aos danos do rompimen-
pelos direitos da comunidade LGBTI no Espírito Santo. FOTOS: Vitor Jubini
to da barragem, em
2015. A contrapartida é
a extinção de uma ação
civil pública de R$ 20 bi-
lhões contra as minera-
doras e a suspensão de
outra, por dois anos, no
valor de R$ 155 bilhões.
A Samarco, pertencente
às mineradoras Vale e
BHP Billiton, foi res-
ponsável pela tragédia
que matou 19 pessoas
em novembro de 2015,
quando sua barragem
de rejeito se rompeu na
região rural do muni-
cípio de Mariana em
Minas Gerais.
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 CIDADES | 9
ACIDENTE
FOTOS: VITOR JUBINI

Equipes resgataram equipamentos na noite de ontem na orla de Vila Velha Uma mulher conseguiu chegar até a praia e foi socorrida pelos Bombeiros

Casais ficam à deriva em jet


ski no mar de Vila Velha
Um homem continuava tória, foram encontradas Camburi e saíram para um mo não voltaram no horá- tado em uma das ilhas no das praias de Itaparica,
desaparecido até a noite na noite de ontem na Praia passeio no litoral, quando rio previsto, amigos inicia- litoral de Vila Velha pela Praia da Costa e Itapoã em
de ontem; Capitania faz da Costa, em Vila Velha. desapareceram. ram as buscas. Os veículos equipe da Capitania dos busca do desaparecido na
buscas no mar Um homem que estava O último contato com aquáticos foram localiza- Portos. Uma mulher con- noite de ontem. Até o fe-
com o grupo ainda não ha- pessoasemterrateriaacon- dos por volta das 20h na re- seguiu chegar flutuando chamento da edição, equi-
KAIQUE DIAS via sido localizado pela tecido por volta das 16h30. gião da Praia da Costa, em com o jet ski à Praia da pe da Capitania dos Portos
kbenfica@redegazeta.com.br
equipe de buscas até o fe- Os casais teriam visitado a Vila Velha. Um grupo se Costa, onde foi atendida continuava as buscas no
Três pessoas que estavam chamento desta edição. ilha de Itatiaia, em Vila Ve- juntou para resgatar os veí- por uma equipe do Corpo marenoentornodasilhas.
desaparecidas após saí- Dois casais alugaram os lha,duranteatardeeentra- culos que estavam abando- de Bombeiros Os nomes das pessoas en-
rem de moto aquática do veículos em Vitória, em doemcontatonomomento nados na areia. Uma equipe dos Bom- volvidas no acidente não
Canal de Camburi, em Vi- uma marina no Canal de que deixaram o local. Co- Um dos casais foi resga- beiros percorreu a região foram divulgados.

NORTE DO ESTADO

Destruição em clube após show cancelado FOTOS DO LEITOR


Participantes do
evento destruíram o LOTERIAS
carro do organizador e
partes da área do clube MEGA-SENA CONCURSO 2063

BRUNELA ALVES 06 10 19 24 25 29
bribeiro@redegazeta.com.br Não houve acertador para a sena. 94
apostadores acertaram as cinco dezenas e
Um show cancelado termi- vão ganhar R$ 16.561,93. A quadra pagará R$
403,56 para 5511 acertadores.
nouemconfusãonamadru-
gada de ontem, em um clu- QUINA CONCURSO 4736
be no município de Monta-
nha, Norte do Espírito San- 04 19 56 59 75
Ninguém acertou a quina. A quadra pagará
to. A atração principal do R$ 3.479,01 para 127 acertadores, e cada um
evento particular era o can- Carro do organizador Marcelo Vivaldo Prates Couto foi destruído, assim como parte da estrutura do show dos 7480 acertadores do terno receberá o
prêmio de R$ 88,82.
tor Ciel Rodrigues, que não
cantou por falta de paga- mas pessoas exaltadas fi- res corriam risco à integri- um comunicado, também informando que tentaram DUPLA SENA CONCURSO 1819
mento do cachê. zeramumverdadeiroque- dade física ao tentar fazer nas redes sociais, a produ- “de todas as maneiras, 1º Sorteio
A Polícia Militar do muni- bra-quebra no local, de- uma intervenção. tora do cantor informou o buscar uma solução, ten- 02 12 14 28 41 48
cípio informou que o tumul- predando o ambiente e o Os militares orienta- que ocorreu. do em vista a força do ar- Ninguém acertou a sena. 9 apostadores
toaconteceuapósoanúncio, acertaram as cinco dezenas e vão ganhar R$
veículo do organizador do ram Romildo a compare- “A FRJ Produtora, res- tista na região”, mas sem 4.370,90. A quadra pagará R$ 90,82 para
durante o evento marcado evento, Marcelo Vivaldo cer à delegacia para regis- ponsável pelo gerencia- sucesso. “Agradecemos a 495 acertadores, e cada um dos 10267
acertadores do terno receberá R$ 2,18.
paraacontecernoúltimosá- Prates Couto. trar o boletim de ocorrên- mento do artista Ciel Ro- compreensão e espera-
bado,emumclube,dequeo Oirmãodoorganizador, cia para que as providên- drigues, vem a público in- mos voltar a cidade em 2º Sorteio
show seria cancelado. Romildo Prates, teria acio- cias fossem tomadas pos- formar o motivo do cance- breve, por outro intermé- 05 16 32 33 38 39
Segundo os militares, o nado a Polícia Militar, mas teriormente. lamento do show agenda- dio”, disse, se referindo a Ninguém acertou a sena. 7 apostadores
acertaram as cinco dezenas e vão ganhar R$
organizador do evento foi informado de que ape- do para 28 de julho de outros organizadores. 5.057,76. A quadra pagará R$ 89,55 para 502
não efetuou o pagamento nas dois policiais estavam CANTOR 2018,nacidadedeMonta- Ao ser acionado pela re- acertadores, e cada um dos 10235
acertadores do terno receberá R$ 2,19.
da prestação de serviço ao no plantão noturno e fo- O cantor pernambuca- nha.Elenãoaconteceupe- portagem, o produtor
cantor, que não compare- ram orientados a não com- no Ciel Rodrigues chegou lo descumprimento de Marcelo Vivaldo Prates FEDERAL 05305
ceu ao show. E, como tam- parecerem ao local. A jus- a divulgar sua agenda de cláusulas contratuais, por Couto, da VivaSom, disse: 1º Prêmio 80847 R$ 700.000
bém não houve o reembol- tificativa foi que devido ao shows, com o evento no parte do contratante”. “Agora não tenho detalhes 2º Prêmio 57097 R$ 28.000
3º Prêmio 78144 R$ 26.000
so dos valores dos ingres- número estimado de 200 município, através de suas Por nota, a produtora para te passar. Estou com o 4º Prêmio 51531 R$ 22.000
sos para os pagantes, algu- pessoas na festa, os milita- redes sociais. Por meio de lamenta ainda o ocorrido, advogado pra ver isso”. 5º Prêmio 43245 R$ 20.040
Brasil & Mundo. SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 | 10
ACIDENTE

Piloto morre e seis ficam feridos


em queda de avião em São Paulo
Bimotor que decolou
REPRODUÇÃO/TV GLOBO

de Videira, em Santa
Catarina, transportava
sete passageiros
SÃO PAULO
Uma aeronave de pe-
queno porte caiu no come-
ço da noite de ontem no
Campo de Marte, na zona
norte da capital paulista.
De acordo com informa-
ções dos Bombeiros, havia
sete pessoas no avião.
Quatro vítimas foram ar-
remessadas e três foram re-
tiradasdasferragens.Opilo-
to Antonio Traversi morreu
após receber atendimento
médico, segundo a Empresa
Brasileira de Infraestrutura
Aeroportuária(Infraero).As
informaçõesiniciaisaponta-
vamqueossobreviventesfo-
ramsocorridoscomquadros
de traumatismo craniano e
de abdômen. Aeronave caiu no Campo de Marte, em São Paulo, no início da noite de ontem. As causas do acidente ainda serão investigadas
Segundo informações
do coronel Marcos Palum- go. Pelo menos seis equipes te, os bombeiros do próprio (Anac) mostra que o avião – A aeronave consta como re- Videplast. Ele contou que
bo, porta-voz do Corpo de do corpo de bombeiros tra- aeroportoprestaramsocor- um bimotor fabricado em gular. As causas do acidente estavam a bordo o coorde-
Bombeiros,aaeronaveten- balharam no resgate. ro imediato e conseguiram 2008ecomcapacidadepara ainda serão investigadas. nador da empresa, Agui-
tava fazer um pouso de Segundo a Infraero, a controlar o incêndio causa- transportar sete passageiros Um dos cinco sócios da naldo Nunes, os irmãos e
emergência, por volta das aeronave saiu da cidade de do pela queda. – pertence a empresa Vide- empresa, Eliandro Pazin, fundadoresGeraldoDenari
18h10,quandocaiu,sofreu Videira,emSantaCatarina. OregistrodaAgênciaNa- plast,umafabricantedeem- confirmou, ao portal de no- e Nereu Denardi, e Enzo, fi-
uma explosão e pegou fo- Logo que ocorreu o aciden- cional de Aviação Civil balagens de Santa Catarina. tícias G1, que o avião é da lho de 17 anos de Nereu.

INDONÉSIA DOENÇA RESPIRATÓRIA


TV GLOBO - 07/11/2017

José Mayer recebe alta


Terremoto deixa 14 mortos após 30 dias internado
e mais de 160 feridos O ator José Mayer, de 68 tórias. Pode matar se
anos, recebeu alta on- não for diagnosticada a
ROSIDIN/AP
Um forte terremoto de tem, após 30 dias de in- tempo. Mayer esteve sob
magnitude 6,4 deixou ao ternação para um trata- os cuidados da equipe li-
menos 14 mortos e mais mento contra a granulo- derada por Marcelo Ka-
de 160 feridos, além de matose de Wegener. Tra- lichsztein, na Casa de
destruir várias casas na In- ta-se de doença rara au- Saúde São José, no Hu-
donésia ontem, de acordo toimune que afeta os va- maitá, Zona Sul do Rio.
com um comunicado do sos sanguíneos dos rins, Segundo nota do hospi- José Mayer tratou
porta-voz da Agência Na- pulmões e vias respira- tal, ele passa bem. (G1) doença rara autoimune
cional de Gestão de Desas-
tresdopaís,SutopoPurwo
Nugroho. “HÁ CONSEQUÊNCIAS”
EVAN VUCCI/AP
Segundoo Serviço Geo-
lógico dos Estados Unidos Trump pede mudança
(USGS, na sigla em in-
glês), o sismo aconteceu na legislação migratória
às 6h47 local (19h47 de Estragos causados no vilarejo de Sajang, na Indonésia
sábado em Brasília), a O presidente dos Estados quando as pessoas cru-
uma profundidade de sete Lombok é uma ilha do da na área mais atingida, Unidos, Donald Trump, zam nossas fronteiras,
quilômetros, com epicen- sudeste da Indonésia mui- Sembalun, uma região advertiu que cruzar a seja com ou sem crian-
tro na ilha de Lombok. to popular entre os turis- pouco povoada de planta- fronteira do país ilegal- ças - e muitos estão sim-
Uma mulher malaia de tas, a 100 quilômetros da ções de arroz e nas encos- mente tem consequên- plesmente usando crian-
30anosdeidade,visitando paradisíaca Bali. Compos- tas do Monte Rinjani, no cias, com ou sem crian- ças para seus próprios
o Monte Rinjani, um popu- to por milhares de ilhas, o lado norte da ilha. ças, e pediu ao Congres- propósitos sinistros.”
lar destino de trekking, es- arquipélago da Indonésia O país é frequentemente so que mude a legislação A Casa Branca adotou em
tá entre os mortos, segun- está na zona denominada abaladoporsismos, a maio- migratória atual, que ele abril a política de tole-
do Nugroho. A área está fe- Cinturão de Fogo do Pací- ria inofensiva, mas esta re- tachou como "a pior e rância zero contra os imi-
chada para os escaladores, fico, devido à sua intensa gião acompanha com aten- mais idiota" no mundo. grantes que entravam no
porque havia relatos de atividade sísmica. ção qualquer atividade sís- "É preciso compreender país irregularmente, me- Donald Trump chamou
deslizamentos de terra. A eletricidade foi corta- mica pelo risco de tsunami. que há consequências dida suspensa em junho. lei migratória de idiota
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 BRASIL & MUNDO | 11

O mundo mudou, a forma de se comunicar e as


relações mudaram. Mas o nosso propósito é o mesmo
e definitivo: o compromisso com você, capixaba.

Já são 90 anos narrando a história de um povo


diverso, que cada vez mais se conhece e reconhece
seu lugar. Que nos faz acreditar cada vez mais na
nossa missão de estimular uma sociedade forte,
crítica e preparada para o futuro.

Acesse: www.redegazeta.com.br/90anos e conheça a


campanha que celebra os 90 anos da Rede Gazeta.
12 | OPINIÃO SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

OPINIÃO DA GAZETA Carlos Alberto Di Franco


É jornalista
Envelhecimento da população E-mail: difranco@ise.org.br

aumenta o desafio de evitar o As redes sociais reverberam, multiplicam, agitam. Mas


colapso da Previdência, fato que o pontapé inicial é sempre das empresas de conteúdo
criaria drama social sem precedente independentes. Sem elas, a democracia não funciona

aquelas que são capazes de alterar os rumos


PREVIDÊNCIA Alma da de um país, são fruto não de boatos ou
meias-verdades disseminadas de forma ir-

AMEAÇADA democracia responsável ou ingênua, mas resultam de


um trabalho investigativo feito dentro de
rígidos padrões de qualidade, algo que está
na essência dos bons jornais.
A confiança da população na qualidade
trajetória de envelhecimento Não existe um único assunto relevante ética dos seus jornais tem sido um ines-

A
dapopulaçãobrasileirareforça que não tenha nascido numa pauta do timável apoio para o desenvolvimento de
EU DIGO QUE... jornalismo de qualidade. Os temas das um verdadeiro jornalismo de buldogues. O
a necessidade de reforma da nossas conversas são, frequentemente, combate à corrupção e o enquadramento
Previdência em 2019, inadia- “Após tantos determinados pelo noticiário e pela opi- de históricos caciques da política nacional,
velmente. Ou então a governa- anos, este será nião dos jornais. A imprensa é, de fato, o alguns acertando suas contas na prisão e
bilidade estará ameaçada, em um grande oxigênio da sociedade. Sem ela, as so- outros sofrendo o ostracismo do poder, só
momento para ciedades sucumbem às recorrentes são possíveis graças à força do binômio que
função dagrave escassez de recursos, impedin- aventuras populistas e autoritárias. sustenta a democracia: imprensa livre e
tantas famílias.
do o governo de cumprir seus compromissos. Obrigado, Kim As redes sociais reverberam, multiplicam, opinião pública informada.
PesquisaqueacabadeserdivulgadapeloIBGE agitam. Mas o pontapé inicial é sempre das Poucas coisas podem ter o mesmo im-
Jong Un” empresas de conteúdo independentes. Sem pacto que o jornal tem sobre os funcionários
aponta que em 2039 o número de idosos com — elas, a democracia não funciona. públicos corruptos, sobre os políticos que se
mais de 65 anos superará o de crianças de até 14 Donald Trump O jornalismo não é antinada. Mas ligam ao crime, que abusam do seu poder,
anos. Com o decorrer dos anos, o total de ci- Presidente dos EUA, também não é neutro. É um espaço de que traem os valores e os princípios de-
após a Coreia do contraponto. Seu compromisso não está mocráticos. Políticos e governantes com
dadãosativosnomercadodetrabalhochegaráa Norte entregar 55
vinculado aos ventos passageiros da desvios de conduta odeiam os jornais.
ser inferior ao de inativos, o que deve gerar uma urnas contendo os
política e dos partidarismos. Penso que existe uma crescente demanda
restos mortais de
situação insustentável: a renda proveniente dos soldados americanos O jornalismo sustenta a democracia não de jornalismo puro, de conteúdos editados
trabalhadores no exercício de suas funções não mortos durante a com engajamentos espúrios, mas com a com rigor, critério e qualidade técnica e
Guerra da Coreia força informativa da reportagem e com o ética. Há uma nostalgia de reportagem. É
será suficiente para arcar com as despesas dos farol de uma opinião firme, mas equi- preciso recuperar, num contexto muito
(1950-53)
aposentados. librada e magnânima. A reportagem é, mais transparente e interativo, as com-
No Espírito Santo, prenuncia-se um cenário sem dúvida, o coração da mídia. petências e o fascínio do jornalismo de
muito delicado: até 2030 a população de pes- As redes sociais e o jornalismo cidadão têm sempre. É preciso contar boas histórias.
contribuído de forma singular para processo Estamos em ano eleitoral. Os leitores
soas com mais de 90
anos deverá dobrar,
passando de 15.757
atualmente
31,5
para mil idosos
“Tenho um
pacto com a
comunicativo e propiciado novas formas de
participação, de construção da esfera pú-
blica, de mobilização do cidadão. Suscitam
debates, geram polêmicas, algumas com
esperam algo mais do que aspas, fofoca,
intriga política e marketing superficial.
Querem bons perfis dos candidatos,
análise aprofundada das suas propos-
palavra, com a forte radicalização, exercem pressão. Mas as tas, desconstrução de miragens dema-
31.593. Haverá di- É a população de pessoas notícias que realmente importam, isto é, gógicas e populistas.
informação, com
nheiro para que todos com mais de 90 anos, pre- a opinião”
vista pelo IBGE para o Es-
recebam? E em dia? pírito Santo, até 2030. —
A Previdência conso- Ruy Castro HÁ 50 ANOS
me mais de 50% do or- Escritor, em evento
FOTO: PROJETO ACERVO DIGITAL / WWW.AGENCIAAG.COM.BR
da Festa Literária
çamento da União, porque a maioria dos segu- Internacional de Jânio confinado:
rados se aposenta na faixa dos 55 anos. A con- Paraty Corumbá
tinuar nesse ritmo, em dez anos o gasto previ-
denciário consumirá 80% dos recursos disponí- O governo federal
veis nos cofres públicos, o que levará o governo determinou o
ao colapso e o país a gravíssima recessão. Faltará confinamento do
ex-presidente Jânio
dinheiro para saúde, educação, segurança etc. Quadros por 120 dias.
Um dos grandes desafios do Brasil é garantir a Jânio será confinado na
sustentabilidade da Previdência, com um viés cidade de Corumbá, Mato
importante: reduzir as injustiças de tratamento Grosso. O ministro da
Justiça, senhor Gama e
existentes no sistema. Enquanto a média das Silva, depois de estudar
aposentadorias pelo INSS, do trabalhador na detidamente as declarações
área privada, é de R$ 1.240, a do servidor pú- do ex-presidente, prestadas
blicodoExecutivofederalchegaaR$7.500e,na à Polícia Federal, sugeriu a
medida ao presidente
casta dos servidores do Legislativo, a R$ 28 mil. Costa e Silva. Somente
OdéficitdaPrevidênciajogaascontaspúblicas ontem à noite é que foi
brasileiras numa das piores condições do mun- expedida a confirmação da
notícia de confinamento
do, e isso tende a gerar imenso drama social. do agitado polpitico.
A IMAGEM DESTE JORNAL ESTÁ AMPLIADA NA EDIÇÃO DIGITAL DE A GAZETA

Presidente do Conselho de Administração: CARLOS FERNANDO LINDENBERG FILHO | Diretor-Geral da


Rede Gazeta: CARLOS FERNANDO LINDENBERG NETO | Diretor de Negócios: MARCELLO MORAES |
Diretor de Mercado Anunciante: MÁRCIO CHAGAS
gazetaonline.com.br 25/04/2018 - 25/04/2019
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 OPINIÃO | 13
Jossyl Cesar Nader Audifax Barcelos
É superintendente executivo do Centro de Integração Empresa Escola do ES É prefeito da Serra

O aumento de jovens à frente dos negócios é É cada vez mais importante que os
bastante positivo para o país, pois eles aprendem municípios se comprometam com o equilíbrio fiscal,
rápido, são criativos e não têm medo de ousar garantindo serviços e entregas à população

Força do empreendedorismo A reação tura e ao Saneamento (Finisa), para obras


de drenagem e pavimentação em 35 bair-
ros, além da construção de campos de

Há algumas décadas, o diploma de uma empreendedor, cria-se suas próprias va-


das cidades futebol, arena cultural e esportiva, ciclovias,
Unidade de Pronto Atendimento (Upa) e o
Hospital Materno Infantil, projetos que já
boa faculdade bastava para que o re- gas de emprego, além de novos postos começaram a ser executados. Bairros como
cém-formado encontrasse uma oportuni- de trabalho, participando ativamente Carapebus, Jacaraípe, Nova Almeida, Jar-
dade de emprego. Geralmente, surgia mais do desenvolvimento do país e da me- As prefeituras do Brasil vivem um mo- dim Carapina e Nova Carapina, entre ou-
de um convite e o novo profissional optava lhoria da empregabilidade. mento de escassez de recursos para a tros, serão contemplados.
pela melhor colocação ou remuneração. Com um histórico de 50 anos no Brasil realização de obras. A crise econômica que Mas, para isso, a prefeitura passou pelo
Hoje, o cenário é outro, cheio de condições e 35 no Espírito Santo, o CIEE sempre afeta o país tem como consequências a rígido crivo da Secretaria do Tesouro Na-
adversas para quem pretende ingressar no defendeu a necessidade de estimular o redução da atividade produtiva e a queda cional (STN). O órgão estabelece que para o
mercado sem experiência profissional. espírito empreendedor dos estudantes na arrecadação de tributos em todas as financiamento ser aprovado é preciso al-
Uma das saídas para os jovens é o in- oferecendo gratuitamente palestras e esferas. O momento ainda não permite cançar no mínimo nota B, no entanto a
vestimento no empreendedorismo. Con- cursos que incluem estes conceitos. projetar cenários com expectativas total- Serra tem nota A do Tesouro, o que prova
tudo, o número de empreendedores no país Por isso, a instituição acredita no es- mente favoráveis. E, para piorar, os recursos legal e tecnicamente a capacidade financeira
poderia ser muito maior se as escolas tágio como modalidade para transmitir federais, importantes para os municípios, do município. A lei estabelece que a ca-
brasileiras estimulassem mais essa cultura. a cultura empreendedora aos jovens. O estão minguando, enquanto as obrigações pacidade de endividamento dos municípios
A maioria dos jovens desconhecem conhecimento adquirido nessa fase do das prefeituras em oferecer serviços à po- pode ser de até 120% da receita corrente
como obter um financiamento bancário, processo educacional pode ser a porta pulação só aumentam. Por isso, é cada vez líquida. Mas, hoje, a Serra está com com-
ou mesmo que muitas universidades de entrada para um futuro de liderança mais importante que os municípios se prometimento de apenas 33% da receita, o
contam com incubadoras e dedicação no mundo comprometam com o equilíbrio fiscal, o que indica que o financiamento não com-
de empresas, uma efi- dos negócios, seja nos que se traduz em pagar em dia servidores e promete em nada as contas do município. A
ciente alavanca para ini- serviços, no comércio ou fornecedores e garantir serviços e entregas nota A do Tesouro foi obtida graças a um
ciar o próprio negócio. na indústria. à população. esforço conjunto da administração.
O aumento de jovens à A oportunidade de vi- Mas não se trata apenas disso. É im- A Serra é o maior município do Espírito
frente dos negócios é bas- venciar, na prática, as ex- portante que as cidades resgatem sua ca- Santo e tem uma economia pujante na
tante positivo para o país, periências que os estu- pacidade de investimento. E, para que isso indústria, no comércio e no setor de ser-
pois eles aprendem rá- dantes terão mais à fren- se realize, muitas vezes, é preciso contar viços. Estamos em equilíbrio fiscal e tra-
pido a anteciparem os te servirá para a forma- com o aporte de agentes financeiros na- balhamos para que isso se mantenha, já que
problemas, são criativos ção profissional, encora- cionais e internacionais, que exigem avaliar não queremos e não podemos depender
ao apresentar soluções e jando-os a tentar, fazer e a capacidade de endividamento, enfim, a apenas de ajuda externa.
não têm medo de ousar. agir. Talento não falta. O credibilidade do tomador. Por isso, atuamos em conjunto na
Abrir uma empresa pode que precisamos é criar Na Serra, por exemplo, a prefeitura con- criação de um ambiente de negócios
ser a maneira encontrada condições suficientes pa- seguiu obter no último mês de junho junto cada vez mais favorável para a ma-
para fugir do desempre- ra que, cada vez mais, os à Caixa Econômica Federal um finan- nutenção e a chegada de novos em-
go e construir uma car- jovens se sintam seguros ciamento de R$ 100 milhões, por meio do preendimentos que gerem emprego e
reira de sucesso. Como para ousar. programa de Financiamento à Infraestru- renda para a cidade.

Herbert Soares
É mestre em História pela Ufes

Políticos com mandatos são servidores públicos, não fazem favor. Assim que o eleitor deve encarar a eleição

tual, as redes sociais tornaram-se a sadio, que busque soluções para a


Eleições 2018: quem grande arma contra os desmandos
que ocorrem de Norte a Sul do país.
melhoria de todo o país e não só de
um ou outro grupo.

pode nos salvar? Por isso, a internet, se usada de forma


crítica, com argumentos bem fun-
damentados e sem ofensas, pode ser
Por fim, a pergunta do título: quem
pode nos salvar? Isoladamente, nin-
guém pode nos salvar. Não existe sal-
um importante canal de luta por mu- vador da pátria, seja de direita, de
danças. Nesse ponto, vale frisar a centro ou de esquerda, assim como não
A população cansou. Desde a última direito de exigir melhorias. Quem não importância de não espalhar notícias há solução fácil para problemas his-
eleição presidencial que o Brasil segue quer ser cobrado que fique dentro de falsas, as famosas “fake news”. Tal tóricos e complexos. Como resposta à
ladeira abaixo. As seguidas trapalhadas casa e não se candidate. O político com atitude só prejudica a democracia. pergunta, é preferível ficar com a cé-
colocaram o país à beira do caos. Até a mandato e seus assessores são servi- Estamos nos aproximando de mais lebre frase do falecido bispo católico,
mortalidade infantil, que não registrava dores públicos, não fazem favor para uma eleição. As diferenças políticas Dom João Batista da Mota e Albu-
crescimento desde a década de 1990, ninguém. É assim que o eleitor deve são essenciais e saudáveis para a de- querque: “Só o Povo salva o Povo”.
está de volta ao noticiário. Sem falar no encarar a próxima eleição. mocracia, ou seja, quem pensa di- Que a partir do pleito de 2018, o povo
desemprego crescente e no histórico Aos poucos, a população está se ferente não pode ser encarado como brasileiro se una em prol de um país
descaso com a educação. tornando mais exigente e vigilante. inimigo. Deve, portanto, prevalecer comprometido com a justiça social e a
O brasileiro merece respeito e tem o Com a popularização do mundo vir- entre a população o debate político democracia.

Diretor de Jornalismo: ABDO CHEQUER abdo@redegazeta.com.br | Editor-chefe: ANDRÉ HEES ahees@redegazeta.com.br |


Editora Executiva de Integração: ELAINE SILVA elainesilva@redegazeta.com.br | Editores de Produção: ABDO FILHO afilho@re-
degazeta.com.br e GERALDO NASCIMENTO gnascimento@redegazeta.com.br | Editor de Fechamento: EDUARDO FACHETTI
efachetti@redegazeta.com.br | Editor Digital: AGLISSON LOPES aslopes@redegazeta.com.br | Editor Visual: ALISON SILVA
apsilva@redegazeta.com.br | Editora de Qualidade: ANDRÉIA PEGORETTI apegoretti@redegazeta.com.br
Política. 14
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 |
Editora: Samanta Nogueira z snogueira@redegazeta.com.br
WhatsApp: (27) 98135.8261 | Telefone: (27) 3321.8332
ATENDIMENTO AO ASSINANTE: (27) 3321-8699

ROSE ADMITE INTERESSE EM


DIALOGAR COM HARTUNG
Na convenção do PSD, senadora elogiou gestão do emedebista
RICARDO MEDEIROS - 29/07/2018
NATALIA DEVENS Hartung (MDB) no palan-
ncosta@redegazeta.com.br
que da senadora. Na última
Além da força-tarefa feita sexta-feira, outro partido
pela senadora Rose de Frei- governista, o PRB, anun-
tas (Podemos) e seu grupo ciou apoio a ela. Por conta
políticoparaabrigaremsua disso, o pré-candidato do
chapa as forças que fazem PRB ao Senado, deputado
partedoatualgovernoPau- Amaro Neto, também este-
lo Hartung (MDB), a ve na convenção do PSD e
pré-candidata também de- passou o tempo todo ao la-
clarou, ontem, que gostaria do de Rose, com quem di-
de contar com o apoio dele vidirá a chapa majoritária.
em seu projeto. Atual secretário-chefe
Mesmo tendo sido corre- da Casa Civil, Giuliano Na-
ligionários por muitos anos, der também esteve presen-
Hartung e Rose não chega- te na convenção. E também
vam a ser propriamente compôs a mesa do evento,
aliados, e sempre mantive- ao lado de Rose, Amaro e
ram certa distância política. dos dirigentes do PSD.
Na convenção do PSD,
partido da base governis- DOBRADINHA
ta, realizada na manhã de A composição firmada
ontem,naCâmaradeVitó- entre Rose e Amaro tam-
ria, ela teve lugar de honra Enivaldo dos Anjos, Amaro Neto e Neucimar Fraga aplaudem Rose de Freitas durante a convenção do PSD bém foi impulsionada pe-
na mesa junto aos dirigen- lo PSD.
tes partidários, e o partido grama”, afirmou. era responsável por fazer para reivindicar o apoio “Vocês já pensaram
sinalizouumaaliançacom O presidente do Pode- as articulações políticas AFAGO das lideranças do PSD. uma chapa com essa tur-
ela, apesar de o apoio não mos, prefeito de Viana Gil- em nome do governo. Du- “O que eu tenho contra o ma nos liderando? Amaro
ter sido formalizado. son Daniel, reforçou a dis- rante a convenção do PSD, “Ele (Hartung) tem Renato (Casagrande)? Na- e Rose lá na frente e os can-
Em entrevista após as posição do partido em ele discursou já como alia- muitas coisas da. Como também não te- didatos de todos os nossos
formalidades, Rose fez um atrair o apoio do governa- do eleitoral da senadora, a importantes para nhonadacontraoPaulo.Pe- partidos a deputados esta-
aceno a Hartung. “Não es- dor. “Estamos indo passo a quem cobriu de elogios. ensinar. Nosso lo contrário! Ele fez o equi- duais e federais seguindo
tive com o Paulo, mas es- passo. O de agora é fechar “Estamos aqui trazendo diálogo só pode líbrio financeiro do Estado. essa caminhada? Trazen-
pero que se ele tiver que as coligações. O apoio do a proposta de que a sena- acrescentar” Mas eu quero ir mais além”, do justamente uma capa-
decidir, que decida pela governador é importantís- dora Rose de Freitas seja a afirmou Rose. cidade renovada de so-
minha proposta, pois no simo para nós, e com certe- nossa candidata a gover- ROSE DE FREITAS Formalmente, a decisão nhar com tempos melho-
governo dele tivemos uma za vamos buscá-lo”, disse. nadora do Espírito Santo. (PODEMOS) da convenção do PSD foi res na nossa terra”, decla-
participação ativa para Mulher guerreira, traba- PRÉ-CANDIDATA AO autorizar a Executiva esta- rou Fonseca Júnior.
ajudar o Estado. Ele tem AVANÇO lhadora, testada, honrada, GOVERNO dual a continuar as tratati- Amaro também reafir-
muitas coisas importantes O ex-secretário José tem tudo pra fazer a dife- vas e conversas com outros mou apoio à senadora.
na área da organização fi- Carlos da Fonseca Júnior rença, minha gente! Tem partidos no intuito de che- “Rose sempre se preocu-
nanceira para ensinar, até, pode ser considerado a fa- tudo pra gente poder vol- Santo”, declarou. gar a um consenso em rela- pou com os municípios, e é
e eu tenho o maior prazer ce política do governo Pau- tar a ter um brilho no olhar Em um discurso que du- ção às coligações. por isso que a nossa candi-
em dizer que nosso diálo- lo Hartung nos últimos na hora de pedir voto. O rou pouco mais de 20 mi- Oingresso doPSD naco- datura abraçou a dela.”
go só pode acrescentar na dois anos. Como secretá- governoRosedeFreitasvai nutos, Rose de Freitas usou ligação de Rose aprofunda (com informações de Eduar-
elaboração do meu pro- rio-chefe da Casa Civil, ele marcar época no Espírito a frase “preciso de vocês” a marca do governo Paulo do Dias e Vitor Vogas)

CAIO ROCHA/AGÊNCIA ESTADO

Presidenciáveis em semana de definições no Estado


Pelo menos dois candi- ticipar da convenção esta- área da segurança pública. em Santa Lúcia. PPL e PRTB), o grupo polí-
datos à Presidência da Re- dual da sigla, que deve lan- Na quinta-feira, o sena- A maior parte das con- tico de Rose não se reuniu
pública estarão no Estado çar o nome do tenente-co- dor e pré-candidato à Presi- venções ficará para os úl- para avançar nas negocia-
esta semana para partici- ronel Foresti ao Palácio An- dência Álvaro Dias também timos dias antes do prazo ções, segundo o presidente
par das convenções parti- chieta. O evento será no Ál- estará no Estado para a con- limite, sábado e domingo. do Podemos, Gilson Daniel.
dárias e reforçar o lança- vares Cabral, em Vitória. venção do Podemos, que Pelo menos 13 siglas esco- Elesaindatentamatrair
mento de pré-candidatos Bolsonaro ainda vai per- oficializará a pré-candida- lheram essas datas. MDB, PRP, Patriota, PTC,
ao governo do Estado. manecer no Espírito Santo tura de Rose de Freitas. PMN, SDD e outras legen-
Amanhã, está prevista a durante a quarta-feira, fa- Hoje será a vez do PSDB ARTICULAÇÕES das. “Teremos reuniões a
chegada de Jair Bolsonaro zendo agendas com empre- realizar sua convenção às Com a realização de três partir de amanhã (hoje) às Bolsonaro prestigiará
(PSL) às 18 horas para par- sários e com profissionais da 19h, no Cerimonial Oásis, convenções ontem (PSD, 10 horas”, disse. a convenção do PSL
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 | 15

GUILHERME FERRARI - 13/07/2015

Rede reage e diz


que Contarato
disputa Senado
Partido reafirmou a mente aconteça, a pré-can- auxiliá-la na captação de
pré-candidatura após didatura do delegado Fabia- outras alianças.
Magno Malta ser cotado no Contarato (Rede), pode- No entanto, após a afir-
para a chapa de Rose ria ser revista. “A Rose já tem mação do PSD, a direção
um companheiro de Sena- estadual da Rede reagiu e
NATALIA DEVENS do,AmaroNeto,outroqueé negou qualquer chance de Fabiano Contarato preferiu o silêncio, mas a Rede garantiu sua candidatura
ncosta@redegazeta.com.br
o Contarato, e tem a possi- abrir mão da candidatura
Dois dias depois do deputa- bilidade de atrair Magno de Contarato ao Senado. ra a Presidência da Repúbli- ra a Rede estar conosco.
do Amaro Neto (PRB) Maltaparaessachapa.Seis- “Acreditamosquetalcan- POSIÇÃO ca, não abre mão da Eles também têm a chapa
anunciar que vai disputar o so acontecer, o Contarato didatura é indispensável na pré-candidatura do Fabiano de deputado federal, esta-
cargo de senador na chapa pode descer para deputado construção de um diálogo “Em função dos Contarato ao Senado”, disse dual e não teremos dificul-
de Rose de Freitas (Pode- federal. Existe um ambiente com os diversos segmentos compromissos o partido, em nota. dade nenhuma em defi-
mos),opresidenteestadual muito bom para as alianças sociaisepromoçãodoseixos assumidos com a Já o presidente do Pode- nir”, afirmou.
do PSD, Neucimar Fraga, emtornodamesacomaRo- programáticos da Rede Sus- população do mos, Gilson Daniel, não Procurado pela repor-
afirmou que Magno Malta se de Freitas”, declarou. tentabilidade com os capi- Estado, o partido descartou a possibilidade tagem, o próprio Contara-
(PR) também negocia para A Rede, principalmente xabas. A Rede Sustentabili- não abre mão da de um rearranjo nas duas to preferiu não comentar a
sejuntaraogrupoetentara por meio do prefeito da dade do Espírito Santo, em vagas ao Senado da chapa. proposição de Neucimar
reeleição ao Senado.
pré-candidatura”
Serra, Audifax Barcelos, função dos compromissos “A candidatura de Con- nem as especulações so-
De acordo com Neuci- foi o primeiro partido a si- assumidos com a população REDE SUSTENTABILIDADE tarato está colocada desde bre mudança de candida-
mar,casoaaliançaentreRo- nalizar apoio à pré-candi- do Estado e com a pré-can- EM NOTA o início, sim, mas não é ‘si- tura. (Com informações
se, Amaro e Magno real- datura de Rose e a tentar didaturadeMarinaSilvapa- nequanon’(essencial) pa- de Eduardo Dias)

BALANÇO DAS CONVENÇÕES DO FIM DE SEMANA

REALIZADAS t PSC Casagrande na majoritária, Gabriel Rui ao Senado, e AMANHÃ 13h, no auditório do
SÁBADO Apesar da presença de e delegou à Executiva a não definiu quem t PSL Edifício London Office
t Solidariedade Casagrande, o partido não decisão sobre proporcionais apoiará para o governo. Realiza convenção às 18h, Tower, na Enseada do
Em convenção realizada anunciou apoio ao socialista t PPL no Álvares Cabral, em Suá, em Vitória.
na Assembleia durante convenção, na DOMINGO Vai apoiar Casagrande e Bento Ferreira, Vitória. O t Rede
Legislativa, decidiram Câmara de Vitória. O t PSD delegou a decisão de pré-candidato à Realiza convenção às 19h,
lançar 2 candidatos a partido lançou o nome do Em convenção na Câmara coligações à Executiva Presidência da República, no Centro Comunitário de
deputado federal e 15 a presidente estadual de Vitória, sinalizou apoio à Estadual. Jair Bolsonaro, chegará ao Laranjeiras, na Serra.
deputado estadual. Reginaldo Almeida para Rose e decidiu que o local após o encerramento
Delegaram à Executiva a deputado federal e 25 partido vai esperar mais AGENDADAS do encontro, para falar aos QUINTA (2 DE AGOSTO)
decisão sobre qual candidatos a estadual. alguns dias antes de decidir HOJE apoiadores. t Podemos
coligação farão parte. Há t PSDC quais serão os seus t PSDB Realiza convenção às
conversas com Renato Realizou a convenção na candidatos. Realiza convenção às QUARTA (1º DE AGOSTO) 18h, no Matrix Music
Casagrande (PSB) e Rose Câmara de Vila Velha, t PRTB 19h, no Cerimonial Oásis, t DEM Hall, em Rio Branco,
de Freitas (Podemos). reafirmou o apoio a Lançou o nome de em Santa Lúcia, Vitória. Realiza convenção às Cariacica.
16 | POLÍTICA SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

vvogas@redegazeta.com.br Tel: 3321-8319


Assim como o PPS, o PSB confia no que os cabeças
VITOR VOGAS da chapa juram de pés juntos: que são da base,
que assim continuarão e que essa próxima Mesa,
PRAÇA OITO
se realmente eleita, vai colaborar com Luciano.

Luciano assessores comissionados indicados por


Davi na prefeitura foram exonerados.
três de dez vereadores, há um sério pro-
blema de articulação aí. Ou problemas.
Operação Extintor
Já na noite da última quinta-feira, horas
após a chapa ser protocolada, o secre-
pecou na
Assim, do ponto de vista do PPS, o Um deles, apontam vários vereadores
PSB tem grande parcela de culpa nessa de fora da tropa de choque, é a “boca de tário-geral do PSB estadual, Tyago Hoff-
mann, reuniu-se com um núcleo de cin-
minirrebelião. No do próprio PSB, en- crocodilo” do PPS, que quer tudo para si:

articulação
co dos oito vereadores da chapa para
tretanto, as coisas já não são bem assim. logo após a eleição de 2016, não houve o tentar aplacar a crise. Meio mediador,
Pode ter havido deslealdade de alguns menor equilíbrio na divisão dos car- meio bombeiro, Hoffmann transita bem
vereadores? Pode. Mas, por mais que Lu- gos-chave da Casa. O partido do prefeito entre Casagrande e Luciano. Foi chefe da
Um aliado muito próximo a Luciano ciano e emissários queiram culpabilizar fez a limpa: presidente (Vinícius Simões); Casa Civil no governo do primeiro e,
Rezende (PPS) já entrega os pontos: o esse ou aquele parlamentar, esta parece líder do prefeito (Leonil); presidente da mais recentemente, secretário municipal
prefeito e seu partido, o PPS, não es- uma bela oportunidade para um exercício Comissão de Justiça (também Leonil); de Trânsito sob a chefia do segundo.
peram mais reverter a derrota na eleição de autocrítica. É preciso urgentemente presidente da Comissão de Finanças
da Mesa Diretora que comandará a Câ- avaliar onde a prefeitura está errando na (Denninho). Agora, queriam emplacar Apelo ignorado
mara de Vitória no biênio 2019-2020. A relação com a Câmara. Sim, porque cla- Leonil na presidência. Sentindo-se pou- Aos cinco vereadores, Hoffmann fez um
votação (ainda sem data definida) só ramente esse “grito” de metade da “base” quíssimo prestigiados, os outros membros apelo no sentido de que eles buscassem
tende a consumar o resultado pré-es- mostra que algo está dando muito errado. da base meteram uma trava na porta. um diálogo e composição com o PPS até
o dia seguinte (sexta), devido ao fato de
tabelecido na última sexta-feira. Com su- Luciano saiu das urnas em 2016 com O outro ponto é que dez em dez ve- pertencerem todos ao mesmo projeto po-
perioridade numérica consolidada, a cha- uma base formada por 13 dos 15 ve- readores consideram ruim e insuficiente o lítico, em Vitória e no Estado. Nada feito.
pa que uniu seis vereadores da base (ne- readores. Uma maioria folgada, confor- diálogo do prefeito com os vereadores da Na sexta terminou o prazo para alte-
nhum deles do PPS) e os dois opositores tável, muito diferente do quadro asfi- base. Segundo relatos, Luciano não de- ração de chapas. A deles ficou inalterada.
de Luciano está virtualmente eleita. Jun- xiante enfrentado por ele na segunda lega a ninguém essa tarefa de articulação
tos, eles são oito dos 15 edis. Ao que metade de seu mandato anterior, em com a Casa, mas ao mesmo tempo não a Leonil não se ajudou
tudo indica, a chapa está bem fechada, 2015 e 2016. Então como é possível ter cumpre bem e não tem a menor pa- Para completar a barbeiragem, há relatos
sem brechas para traições nem deserções. deixado as coisas chegarem a este ponto? ciência para isso. É como dizem: toda de que Leonil – o candidato oficial – não
Pelo que a coluna apurou, o prefeito Desses 13, cinco são considerados alia- crise é oportunidade de melhorar. ajudou nem um pouco a si mesmo. É um
naturalmente está irritado com o imi- dos incondicionais de Luciano: além de caso curioso: eleito pela 1ª vez em 2016,
nente revés. Acima de tudo, com a ação Wanderson Marinho (PSC), os quatro do Leonil já chegou à Câmara como pré-can-
do PSB, ou mais precisamente com a falta PPS. Aritmética básica: se ele tem cinco didato à presidência. Não se elegeu de
primeira porque Luciano preferiu Simões
de ação por parte dos caciques do partido na tropa de choque, bastava-lhe puxar para o biênio 2017-2018. Mas jamais
(leia-se Renato Casagrande). Isso porque mais três de dez para a chapa do PPS, e abandonou a pretensão. Ou seja: teve
dois dos “rebelados”, essenciais para a o comando da Mesa lhe estaria garan- mais de um ano e meio para atrair alia-
formação da maioria, são vereadores do tido por mais dois anos. Se um prefeito dos, mas teve mais êxito em criar arestas.
partido de Casagrande, embora o PSB não consegue compor com pelo menos
seja aliado do PPS nos planos municipal e

Vai que é tua
estadual, participe da gestão de Luciano e Agora, a posição do PSB é que esse é um
tenha até o vice-prefeito, Sérgio de Sá. De quinta para sexta, assunto de prefeitura com Câmara e que
Sem contar o fato de que Casagrande compete ao prefeito resolvê-lo diretamen-
tem no PPS seu mais antigo e leal aliado
Luciano e Casagrande te com sua base. Não dá para terceirizar
para tentar voltar ao Palácio Anchieta. discutiram a relação por responsabilidade. O partido não vai “en-
Para ser ainda mais específico, Luciano quadrar” vereador, tampouco determinar
e seus emissários responsabilizam o ve-
telefone. Uma microcrise como cada um deve votar. Por outro lado,
para (di)gerir às dirigentes do PSB deixaram claro aos “in-
reador Davi Esmael (PSB), vice-líder do fiéis” a Luciano: o movimento é legítimo
prefeito e agora candidato a 1º vice-pre- vésperas de uma e será respeitado como tal até o ponto em
sidente da Câmara na composição da que a chapa passe a criar problemas para
“chapa rebelde”. Consideram-no o cabeça campanha macro! a prefeitura, o que não será tolerado. Aí
do movimento. Nos últimos dias, vários — sim os dirigentes terão que intervir.

LAVA JATO

Só um condenado com foro privilegiado VIOLA JUNIOR/AGÊNCIA CÂMARA/ARQUIVO


Deputado Nelson Meurer encerrados, ocorreu o ar- rupção que beneficiava vá- no julgamento final. Seis
(PP-PR) foi o único quivamento do inquérito, rios partidos. Também esti- ações penais aguardam a
penalizado nos 22 a rejeição da denúncia mularam novos delatores a análise definitiva. Cinco
primeiros inquéritos apresentadapelaProcura- falar.Seadenúnciaéaceita– delas continuam na Corte,
doria-Geral da República oquejáocorreuemoitooca- enquanto uma, envolven-
BRASÍLIA (PGR) ou a absolvição no siões –, o inquérito vira ação do o ex-presidente da Câ-
Quatroanosapósaprimeira julgamento final. penal.Sónofiméquehájul- mara Eduardo Cunha
delação da Operação Lava Em seis inquéritos, os gamento para definir a cul- (MDB-RJ), foi enviada pa-
Jato e mais de três anos des- próprios investigadores pa.Atéagora,doisprocessos ra a primeira instância.
de os 22 primeiros inquéri- apontaram falhas nas dela- já chegaram a esse ponto. O presidente da Associa-
tos abertos para investigar ções ou admitiram não ter Meurer foi condenado em ção Nacional dos Delega-
autoridades com foro privi- conseguido levantar as maio e, no mês seguinte, a dos de Polícia Federal
legiado no Supremo Tribu- provas necessárias, solici- Segunda Turma do STF ab- (ADPF), Edvandir Paiva,
nal Federal (STF), levanta- tando o arquivamento. Em solveuapresidentedoPT,se- critica a negociação anteci-
mento feito pelo jornal “O três casos, foi o STF que jul- nadora Gleisi Hoffmann pada da pena, como o Mi-
Globo” mostra que metade gou como insuficientes as Nelson Meurer foi condenado em maio deste ano (PR), e seu marido, o ex-mi- nistério Público faz. Segun-
dessas investigações já che- denúncias apresentadas nistro Paulo Bernardo. doele,adecisãodeveserdo
gou ao final na Corte e ape- pelo Ministério Público. chadas em 2014: a do ram a revelar o cartel das Dos22inquéritos,em15 juiz. “Pode ter ocorrido tu-
nas uma delas levou à con- Os inquéritos analisados ex-diretor da Petrobras empreiteiras que dividiam já houve a apresentação de do o que o colaborador fa-
denação, a do deputado se basearam, principal- Paulo Roberto Costa e a do entre si os contratos da Pe- denúncia. As provas exigi- lou, mas, se não consegue
Nelson Meurer (PP-PR). mente, nas duas primeiras doleiro Alberto Youssef. trobras e a desvendar a di- das para aceitá-la não pre- provar, não adianta nada”,
Nos outros dez casos delações da Lava Jato, fe- As colaborações ajuda- mensão do esquema de cor- cisam ser tão fortes quanto disse. (Agência O Globo)
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 POLÍTICA | 17

Dia dos GARANTA O PRESENTE


ANTES E COM DESCONTO
PAIS Sua compra chega a tempo e você
ainda economiza até 44% OFF
ACOMPANHA
CONTROLE 1 ANO
Tire agora a poeira dos REMOTO DE GARANTIA Mais de

2.000
Seus vinis e relembre clientes estão
satisfeitos

Os velhos tempos

Toca Discos Retrô 5 em 1


AMPLIFICADOR/RÁDIO
- Rádio FM estéreo CÓDIGO: 27251
- Controle de volume rotativo Preço normal: R$ 1.599,90

128
- Alto-falantes Bass-reflex

TOCADOR DE CD
9x ,36
- Compatível Com
CONEXÃO BLUETOOTH
- Conecte seu celular sem
R$ fixas**
os Formatos CD-R/RW necessidade de fios ou à vista por R$ 999,90

TOCA-DISCOS CONEXÃO USB Só 14 unid.


- 2 velocidades (33-1/3 e 45 rpm) - Conecte seu pen drive e
- Auto Return converta seus vinis para mp3

Mais segurança
para quem sempre
cuidou de você SOS
FUNÇÃO DE
ObaPhone Flip EMERGÊNCIA

O Celular para idosos

FUNÇÃO EMERGÊNCIA
Por meio desta função, ele avisa
com um só toque para as pessoas 1 ANO
mais próximas que tem algo
errado acontecendo oferecendo
DE GARANTIA SOS
BOTÕES FUNÇÃO DE
mais segurança e liberdade para GIGANTES EMERGÊNCIA
quem você ama.

CÓDIGO: 27281
Preço normal: R$ 499,90

93
Veja o que mais pode te oferecer: TECLAS que
ILUMINADAS eria
Bat ra até
3x ,30
du s sem R$ s/ juros
a
7 di arregar ou à vista por R$ 279,90
rec
123
BATERIA
CÂMERA FUNÇÃO DE LONGA
TECLAS
RÁDIO FM DIGITAL LANTERNA DURAÇÃO
NÚMEROS FALANTES Só 26 unid.
LEGÍVEIS

(27) 3441-0210
Loja virtual: compre em até 9x*

obabox.com/gazeta (27) 3441-0210 PLANTÃO ESPECIAL:


Acesse por este endereço e tenha descontos exclusivos
Seg. a Sexta de 8h às 20h50 Sáb. e Dom. de 8h às 16h30
Estas ofertas são válidas enquanto durarem os estoques. Caso haja diferença de preço ou descrição do produto entre este anúncio e o do site, a condição válida e praticada será a do site.
Reservamo-nos o direito de corrigir eventuais erros de divulgação neste anúncio. Frete a cobrar. *A partir de 4x será cobrado juros, parcelas mínimas de R$ 40,00. Juros de 2,99% a.m.
18 | POLÍTICA SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

ELEIÇÕES DESENVOLVIMENTO
OMAR DE OLIVEIRA/AGÊNCIA ESTADO

Haddad afirma que PT não


ficará isolado de alianças
Para ex-prefeito de São
JÚLIO ZERBATTO/AGÊNCIA ESTADO
nistro da Fazenda que ex-
Paulo, a fragmentação pressava a ruptura do que
atual da esquerda se tinha sido feito em 13 Ciro quer tributar
deve à prisão de Lula anos”, explicou. grandes heranças
Haddad afirmou que
SÃO PAULO naquele momento houve
O ex-prefeito de São um cavalo de pau na polí- Ciro cobra
Paulo e coordenador do
programa de governo do
tica econômica. “Nada
contra ajustes, mas a dose
um projeto
PT, Fernando Haddad,
participou ontem do Fó-
ali foi de veneno”. Segun-
do ele, a oposição se apro-
para fazer o
rum Conhecer, sobre ciên- veitou daquele momento país crescer
cia e tecnologia, na Casa parapromoverumproces-
de Portugal, em São Paulo. so que iria desencadear no SÃO PAULO
Antes do evento, ele falou impeachment. O candidato à Presidência
sobre a falta de alianças do da República pelo PDT, Ciro
partido, até agora, para as CAOS LOGÍSTICO Gomes, afirmou ontem que
eleições de outubro. A Polícia Federal em nada tem contra os empre-
“Não acredito que o iso- Curitiba acredita que ins- sários,quesãoessenciaispa-
lamento do PT vá aconte- tâncias superiores da Jus- ra o progresso, “porém ja-
cer, acredito que alguma tiça derrubarão a decisão mais foi tarefa da iniciativa
aliança haverá”, disse. Se- Haddad afirmou que o quadro eleitoral é confuso: “Eleição é encruzilhada” da juíza Carolina Lebbos, privada resolver questões de
gundo ele, a fragmenta- da 12ª Vara Federal, que desenvolvimento”.
ção da esquerda se deve à Alencar, que foi vice do Haddad afirmou que o proibiu o ex-presidente Ele disse defender estí-
“prisão injusta de Lula”. ex-presidente Lula – em DEMOCRACIA quadro eleitoral ainda é Lula de dar entrevistas, se- mulos do governo não para
“Se Lula fosse candida- ser vice de Geraldo Alck- confuso, mas “eleição é gundo o colunista Lauro criar companhias que sejam
to, realmente tenho dúvi- min. Segundo ele, a situa- “Temos que tentar encruzilhada” que vai de- Jardim, de “O Globo”. campeãs nacionais, mas a
das que Ciro, Boulos e Ma- ção não pode ser entendi- construir uma cidir os rumos do país por A PF já se planeja para setores,quetêmmaiordese-
nuela tivessem colocado da como uma vitória do PT agenda de Estado décadas. que a sala em que ocorrem quilíbrio com a competição
suas candidaturas, com ou da esquerda. que independa do Haddad foi questiona- as audiências por video- internacional, como petró-
todo respeito”, disse. “Es- “Foi uma vitória pessoal resultado eleitoral. do sobre a origem da crise conferência possa ser usa- leo e gás, e biotecnologia.
tariam todos reunidos em do próprio Josué”, disse. O Ter compromisso econômica e política que o da para tal fim. A incógni- “O Brasil não vai sair des-
torno do Lula”, comple- empresário é cortejado país ainda está passando. ta, do ponto de vista logís- sa encalacrada sem um pro-
com a democracia”
tou. Perguntado sobre a por diversos candidatos O ex-prefeito identificou o tico, segundo o colunista, jeto nacional de desenvolvi-
possibilidade de alianças para compor chapar. FERNANDO HADDAD início do segundo manda- é sobre a extensão de uma mento”, afirmou o candida-
com Ciro no primeiro tur- COORDENADOR DO to da ex-presidente cassa- revisão da decisão de Ca- to. Ciro voltou a defender
no, Haddad admitiu ser AULAS PROGRAMA DO PT da, Dilma Rousseff, com a rolina sobre os debates. Se ontem a revogação do teto
complicado. “Ele deu de- Haddad voltou a afir- nomeação do ministro até a Justiça declarar Lula de gastos já no começo do
clarações recentes de que mar que não será candida- Joaquim Levy, como o es- inelegível houver debates, ano que vem, e a criação de
seria muito difícil”, disse to e que, a partir do dia 6, candidato vai crescer nos topim da crise. “Houve, na Lula participará? A PF não novos tributos, entre eles,
O petista ironizou ain- pretende retornar a dar próximos dias”. “As pes- minha opinião, uma deci- tem ideia de como isso se- um para lucros e dividendos
da a negativa de Josué aulas no Insper. Para o pe- soas querem votar no Lu- são de política econômica ria do ponto de vista logís- e outro para grandes heran-
Alencar – filho de José tista, o “apelo por Lula la”, declarou o petista. equivocada, com um mi- tico. (Com agências) ças. (Agência Estado)

GOVERNO DO RIO RISCO DE MORTE

Paes ignora Lava Jato disse responder pelos seus


atos: “meu CPF é outro”.
Cabral pede a Temer
Paes mudou de partido
para ser transferido
e defende segurança para ser candidato ao Palá-
cio Guanabara. O ex-secre-
tário municipal de Obras de de presídio em Bangu
JOSÉ LUCENA - 29/07/2018 Eduardo Paes, Alexandre
Pré-candidato do DEM Pinto, está preso. Ele é sus- Defesa alega perigo à iminente à vida e integrida-
tenta não associar sua peito de pedir 1% do valor vida do ex-governador, de física do suplicante, uma
imagem à de Sérgio das obras como propina. “Ao já que presídio abriga vez que no pátio de visitas
Cabral, seu ex-aliado longo da minha vida públi- milicianos e homicidas daunidadeemque(Cabral)
ca, busquei agir com corre- se encontra há cerca de 100
RIO ção no meu governo”, disse O ex-governador do Rio apenados, com suas famí-
O ex-prefeito do Rio Paes sobre o assunto corrup- Sérgio Cabral (MDB) pediu liase,dentreospresos,estão
Eduardo Paes foi confirma- ção, ao ser questionado. ao presidente Michel Temer milicianos, homicidas e
dopeloDEMcomocandida- Paes disse que, se eleito, para ser transferido do pre- ex-policiais expulsos da cor-
to ao governo do Estado do mesmo após o fim da inter- sídio de Bangu 8 para uma poração justamente entre
Rio na manhã de ontem. O venção, contará com as For- sala de Estado-Maior da Po- 2007 e 2014, período em
anúncio ocorreu durante a ças Armadas. “No caso da lícia Militar. O recurso foi que o emedebista coman-
convenção do partido na se- Rodrigo Maia abraça Eduardo Paes na convenção segurança pública, há uma enviado pela defesa do dou o Executivo estadual.
de da legenda no Rio, na necessidadedecomandodo ex-governador ao presiden- Na terça-feira, Cabral foi
Barra da Tijuca. Na ocasião, Rodrigo Maia, presidente da corrupção ou sobre a Lava governador. A retomada te depois que o interventor enviado para a solitária de-
voltouadefenderabandeira Câmara, estiveram no even- Jato, que levou à prisão o dos territórios. Isso pode- da Segurança Pública no pois que o promotor André
da segurança pública. to. Não foi anunciado o no- ex-governador Sérgio Ca- mos fazer com as forças de Rio, general Braga Netto, Guilherme Tavares Freitas,
O ex-prefeito Cesar Maia, me do candidato a vice de bral (MDB), seu ex-aliado. segurança do Estado e sem negou o pedido. querealizavavistoriadasce-
padrinho político de Paes Paes. Durante o seu discurso Questionado quanto aos deixar de ter o apoio das O advogado de Cabral, las do presídio, alegou que o
nos anos 1990 e seu antigo de 21 minutos na conven- escândalos que envolveram Forças Armadas“, adiantou. Rodrigo Roca, argumenta ex-governador o desrespei-
desafeto, além o deputado ção, Paes não falou sobre seu ex-partido, o MDB, Paes (Agência O Globo) que há “pleno perigo real e tou. (Agência Estado)
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 POLÍTICA | 19
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 | 21

Empresas e advogados
podem pedir benefício
Sindicatos também têm cias, o tempo de espera é cias, desde 16 de julho o precisa agendar esse tipo
feito convênio com o longo. Só precisamos que o INSS adotou um novo mo- de atendimento pelo site
INSS para oferecer sistema funcione correta- delo de funcionamento. do órgão ou pelo telefone
serviço a filiado mente sem qualquer falha Se antes as pessoas po- 135. Como esses serviços O advogado
paraquenossotrabalhoseja diam ir até a agência para já são oferecidos on-line, o Rafael
Além do sistema Meu otimizado”, opina ao acres- conseguir, por exemplo, órgão quer evitar que mais Vasconcelos
INSS, a Previdência Social centar que alguns segura- um extrato previdenciário gente procure uma das aprovou o
criou outros mecanismos dos buscam ajuda dele para ou informações sobre o unidades do instituto sem atendimento
parafacilitaravidadequem acessar ao Meu INSS. “O histórico do crédito con- necessidade.

RICARDO MEDEIROS
eletrônico
vai se aposentar. A partir de aplicativo ainda apresenta signado, agora o segurado Entreosserviçosquese-
agora, empresas podem fa- erros e algumas pessoas rão atendidos somente
zer convênios com o órgão acabam tendo que ir ao mediante agendamento
parasolicitaraposentadoria atendimento presencial.Es- estão consultas ao históri-
por idade ou por tempo de peramos que logo o proble- co de crédito de benefício,
contribuição de seus em- ma seja resolvido.” carta de concessão e extra-
pregados. Sindicatos tam- Segundo Vasconcelos, to de Imposto de Renda.
bém terão a chance de pres- por semana, o Sindicato
tar esse serviço para seus fi- Nacional dos Aposen-
liados, assim como os advo- tados, onde eleatua
gados que poderão solicitar como consultor
os benefícios de seus clien- jurídico, recebe
tespormeiodeumoutroca- cerca de 20 pessoas em
nal on-line criado pelo go- busca de assistência para
verno federal. iniciar o processo de apo-
Segundo a gerente do sentadoria. “A petição ele-
INSS em Vitória, Rose Tris- trônica vai deixar tudo
tão, pelo menos 22 sindica- mais fácil. Para se habili-
tos, a maioria rural, uma tar, o profissional precisa
empresa e a Ordem dos Ad- ter assinatura digital. Se FACILIDADE
vogadosdoBrasil(OAB),no tudo funcionar bem, será
Espírito Santo, já se cadas- um grande divisor de “A opção de fazer
traram no instituto para águas”, afirma ao citar uma petição on-line
prestar esse tipo de serviço. ainda que uma das fun- no INSS é um grande
O advogado especializa- ções do advogado é anali- avanço. Vai facilitar
do em Previdência Rafael sar se todos os períodos de
muito o trabalho
Vasconcelos já se registrou e contribuição são usados
está apto para utilizar a fer- no cálculo do benefício. dos advogados”
ramenta. “Com certeza aju- RAFAEL VASCONCELOS
dará muito. Mesmo que o PRESENCIAL ADVOGADO
advogado tenha atendi- Para melhorar o fluxo PREVIDENCIÁRIO
mento prioritário nas agên- de atendimento nas agên-

ATENDIMENTO PRESENCIAL

interestadual, tConsulta declaração – t Resultado de perícia se destina às pessoas t Lista de serviços que pensão por morte
programas consta/nada consta É o documento onde que solicitaram precisam de agendamento t Emitir certidão para
educacionais, entre Declaração que informa consta se o segurado auxílio-doença ou outro pela internet ou pelo 135 saque de
outras finalidades. a existência ou não de foi considerado benefício por PIS/PASEP/FGTS
Detalha valores, o banco benefício no CPF do capacitado ou não para incapacidade e t Alterar meio de t Reativar benefício
e data de pagamento do segurado. Alguns órgãos o trabalho. Esse serviço passaram por perícia pagamento t Reativar benefício
benefício. de governo costumam médica no INSS. t Atualizar dados
assistencial à pessoa
exigir esse “nada cadastrais do beneficiário
Extrato de Imposto consta”. com deficiência
t t Atualizar dados do
t Encontre uma agência suspenso por inclusão
de Renda
REPRODUÇÃO/CIDADÃOBR

Localizador permite Imposto de Renda


É utilizado pelos ATENDIMENTO t Atualização de no mercado de trabalho
segurado achar uma t Renunciar cota de
beneficiários do INSS t Agendamentos e dependentes
unidade do INSS mais pensão por morte
que precisam declarar requerimentos t Cadastrar ou atualizar
Imposto de Renda (IR). É possível solicitar e próxima do local onde dependentes para t Solicitar pagamento de
acompanhar mora. salário-família benefício não recebido
t Carta de concessão atendimento presencial t Cadastrar ou renovar t Solicitar valor não
Documento que (agendamento) e a tConsultar revisão procuração ou recebido até a data do
comunica ao cidadão distância. de benefício representante legal óbito do beneficiário
sobre a concessão do Saber se o benefício está t Desbloqueio do
t Suspensão de benefício
benefício, a forma de t Agende sua perícia listado para revisão benefício para
quanto à fórmula de assistencial à pessoa
cálculo utilizada para Serviço de agendamento empréstimo
apuração da renda específico para a perícia cálculo. Só para os t Desistir de
com deficiência para
mensal inicial e fornece médica, tanto para o enquadrados no artigo aposentadoria inclusão no mercado de
informações relativas ao pedido inicial quanto para 29, II da Lei 9876/76. t Emitir certidão de trabalho
banco responsável pelo o pedido de prorrogação Portal para o segurado inexistência de t Transferir benefício
pagamento. do benefício. fazer o cadastramento Fonte: INSS dependentes habilitados à para outra agência
Economia. 20
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 |
Editora: Joyce Meriguetti z jmeriguetti@redegazeta.com.br
WhatsApp: (27) 98135.8261 | Telefone: (27) 3321.8327
ATENDIMENTO AO ASSINANTE: (27) 3321-8699

NOVA PREVIDÊNCIA

SISTEMA DO INSS CONCEDE


APOSENTADORIA ON-LINE
Ferramenta chega a liberar benefício de forma automática
MIKAELLA CAMPOS de, por tempo de contri- além de consulta a trabalhador a apresenta-
mikaella.campos@redegazeta.com.br
buição e salário-materni- revisão de benefí- ção de cópia de documen-
O Instituto Nacional de dade estão entre os pedi- cioeretiradadena- tos para se cadastrar no
Seguro Social (INSS) é dos que podem ser aceitos, da consta, por sistema. “Ao se inscrever, a
lembrado por seu passado inclusive, de forma auto- exemplo. pessoa precisa seguir um
de longas filas nas agên- mática.Otrabalhadorrece- “Se não tiver ne- passoapasso.Oacessoini-
cias. Segurados dormiam be uma resposta assim que nhum recolhimento cial é o cadastramento de
em frente aos estabeleci- faz o requerimento. Se em atraso ou fora do uma senha. Para dar segu-
mentos para pedir apo- houver alguma inconsis- prazo, a aposentado- rança aos dados, algumas
sentadoria, requerer auxí- tência, a pessoa é avisada ria tanto por idade perguntas sobre a vida do
lio-doença ou a licen- para, aí sim, procurar quanto por tempo de segurado são feitas. Se ele
ça-maternidade. ajuda presencial, levan- contribuiçãoérapidamente errar mais de uma ques-
Ao longo dos anos, o ór- do os documentos, como liberada. Quando a pessoa tão, pode ter que esperar
gão foi também se adap- CarteiradeTrabalhoeou- precisaentregaral- 24 horas para tentar nova-
tando ao “mundo moder- tros comprovantes de re- gum documento mente. Outra opção é ca-
no” com vários serviços colhimento da contribui- por conta de pro- dastrar a senha na agência
sendo agendados pelo ção previdenciária. blemanasolicita- do INSS.”
trabalhador pelo telefone As novas facilida- ção, ela é orien-
135, deixando para trás des são oferecidas tada a agendar
aquela realidade de espe- pelo aplicativo um atendimento MEU INSS
ra ao sereno. Mais tarde, a “Meu INSS”. A pelo site ou pelo Como acessar o Meu INSS. A
Previdência ganhou um ferramenta 135”, explica a ge- página está disponível no
endereço eletrônico
novo canal, permitindo a desde a semana rente-executiva do meu.inss.gov.br.
marcação do atendimen- passadapassoua INSS em Vitória, Como se cadastrar. Para fazer o
to também via internet. ser o principal es- Rose Tristão ao cadastro no Meu INSS, é bom ter
Agora, o INSS passou paço para acessar acrescentar ainda a em mãos documentos e Carteira
por uma nova revolução de Trabalho, pois são feitas
também informa- possibilidade de o perguntas sobre a vida
ao viabilizar que benefí- ções como extrato segurado também profissional para conferir a
cios sejam solicitados na previdenciário, histórico da optarnainternetpelaforma identidade do usuário.
web sem a necessidade do aposentadoria, declaração de cálculo do benefício, por Cuidado. Se errar mais de uma
beneficiário ir até uma do Imposto de Renda, exemplo, a fórmula 85/95. pergunta, o segurado deverá
aguardar 24 horas para tentar
unidade do instituto. relatório de um cré- Segundo Rose, o site novamente ou ligar para o 135 e, em
Aposentadorias por ida- dito consignado, Meu INSS não exige do último caso, ir à agência do INSS.

O QUE O SEGURADO PODE FAZER PELO “MEU INSS”


BENEFÍCIOS Salário maternidade
INSS

agendamento do t possível ao segurado


t Aposentadoria por idade atendimento em uma Poderá ser feito pelas conferir todo histórico
MEU

Se o segurado escolher agência do INSS. contribuintes individuais, de créditos consignados


REPRODUÇÃO/PORTAL

essa opção, o sistema autônomas e realizado com desconto


fará uma busca para ver tSimulação de tempo empreendedoras. Para no benefício
se o benefício pode ser de contribuição pessoas que trabalham previdenciário, além de
concedido de forma Também conhecida de carteira assinada, o outras informações
automática. Se não for como “Calculadora do benefício continua a ser como a margem da
possível, bastará INSS”, a ferramenta solicitado pela empresa. consignação atual,
acompanhar, com o realiza uma busca valores de parcela e
número do protocolo de automática de todas as DOCUMENTOS prazo.
requerimento, o informações e dados de t Extrato previdenciário
andamento do pedido vínculos do segurado (CNIS) tHistórico de crédito
pelo Meu INSS ou pelo registrados nos É o histórico da vida de benefício
telefone 135. sistemas do INSS para contributiva. O Esse histórico é usado
calcular o tempo de documento, seja do Página inicial do site Meu INSS para comprovar que a
t Aposentadoria por contribuição, ou seja, trabalhador na ativa, seja pessoa recebe benefício
tempo de contribuição quanto tempo falta para de empregado, estão sendo feitos de t Dados cadastrais do INSS e mostra sua
Também será feita o segurado se individual, de renda mensal. Vale para
forma correta. Dá para É possível conferir dados
uma busca nos aposentar. E caso falte empresário, de fins legais como
saber também quais os cadastrais e registro dos
sistemas do INSS para algum que porventura doméstico e de abertura de conta em
saber se pode ser não conste nos registros aposentado, está períodos que estão vínculos trabalhistas. bancos, abertura de
concedido à distância. previdenciários, há a disponível na página. faltando para que possa crediário, empréstimo
Se não for possível, o opção de incluir Permite saber mês a garantir a comprovação tExtrato de empréstimo consignado, gratuidade
segurado será manualmente para fazer mês as contribuições e futura ou se está perto consignado para idosos no
direcionado para o a simulação. se os recolhimentos ou não de se aposentar. Por meio desse extrato é transporte
22 | ECONOMIA SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

apassos@redegazeta.com.br - Tel.: 3321-8520 Vitória é a sexta no ranking das


ANGELO PASSOS capitais com maior número de
contratações no mês de junho: 122
ECONOMIA CAPIXABA empregos a mais do que demissões.

Recorde na ESCALADA DO EMPREENDEDORISMO

criação de QUANTIDADE DE EMPRESAS CRIADAS NO ESPÍRITO SANTO


Período: Primeiro semestre de cada ano
2.254
empregos formais a cada mês
5.820 Esta foi a dinâmica das contrata-
empresas 5.571
5.667 ções no Espírito Santo, nos seis
primeiros meses deste ano, de

no semestre 5.374
5.482 acordo com o Caged. No acumu-
lado de janeiro a junho, o saldo do
número de ocupações formais é de
Há cinco anos, a Junta Comercial 13.521 postos: admissão de 171.097
do Espírito Santo não registrava a trabalhadores e demissão de
criação da tantas empresas num pri- 157.576. O resultado da eleição pre-
meiro semestre. Pois de janeiro a ju- sidencial vai apontar a tendência
nho de 2018, nasceram 5.820 empre- 2014 2015 2016 2017 2018 do mercado de trabalho.
endimentos formais no território ca- Fonte: Junta Comercial do Espírito Santo Infografia | Marcelo Franco
pixaba – número recorde desde 2014.
Análises amargas vinculam o fato à Dá para acreditar? — Grande Vitória aumentou 1,29%, o sé-
síndrome do desemprego. Ou seja, à Tem o glamour de minuciosa fantasia a “Montar empresa é timo maior percentual entre as 16 áreas
busca de renda por aqueles que não projeção da Associação de Comércio Ex- metropolitanas pesquisadas pelo IBGE.
acham vagas como funcionários. De fa- terior do Brasil, segundo a qual as ex-
saudável, mas não pode
to, a Pesquisa Nacional por Amostragem portações do país somarão US$ 224,445 haver erro. Por menor Causas
de Domicílios Contínua (Pnad) constata bilhões neste ano. Também não há se- As altas impactantes de 8,65% da
falta de trabalho para quase 450 mil gurança na expectativa de alta entre 5%
que seja, pode ser fatal. energia elétrica residencial, e de
pessoas no Espírito Santo. A taxa de e 10% nos embarques pelo Estado. A carga tributária é 3,6% na gasolina, além de fortes rea-
desocupação no Estado é de 12,5%.
Imprevisível muito alta e a margem justes em diversos alimentos, resul-
taram no pesado IPCA de 1,29%.
Bons motivos Resultados das vendas ao exterior vão (de lucro) é pouca.”
Mas, também há fatores positivos que depender dos efeitos da guerra comer- —
Felizmente
levam à criação de empresas. Apesar cial entre EUA e China, que tende a Com a regularização do abastecimento
ILSON XAVIER BOZI
dos sérios problemas políticos do afetar o PIB global, e de uma potencial Comerciante há 51 anos
nos supermercados, preços de vários
país, a recuperação, ainda que lenta, disputa nuclear entre EUA e Irã... produtos (retidos na greve dos cami-
da economia faz muitas pessoas se nhoneiros) já recuam na Grande Vitória.
sentirem confiantes para abrir seu ...E crise econômica da Argentina.
próprio negócio – sonho de sete em Também de acordos bilaterais. Quem Acumulado
cada dez brasileiros. não aderir, fica isolado. Este é um Argentina? Em 12 meses, o IPCA da Grande Vi-
O regime tributário diferenciado para dos temores de empresas capixabas. Sim, é importante. No primeiro semes- tória acumula alta de 3,99%. É in-
micro e pequenas firmas também é tre, os embarques do Espírito Santo ferior à média nacional, 4,39%.
forte estímulo ao empreendedorismo. O que nos interessa para o mercado portenho somaram
Além disso, nunca houve tantas tec- Para o Espírito Santo, interessam no US$ 194 milhões. É o equivalente a 5% Pressão
nologias para a gestão de negócios – cenário mundial, neste momento, duas do valor de todas as exportações locais. Uma certeza se tem sobre a inflação:
o que abre portas à inovação. Esse variáveis: cotações e quantum das com- os preços do Natal serão mais sal-
fator se casa com a informatização modities (principalmente minério, aço Tirambaço gados, em função da valorização do
cada vez maior dos consumidores. e celulose) e o andamento da grave A inflação na Região Metropolitana da dólar frente ao real.

INCERTEZAS

Pessimismo com a criação de empregos MÁRCIO FERNANDES/AGÊNCIA ESTADO


Analistas refazem mos vendo o mercado de A arquiteta Aline Fidal-
contas e preveem trabalho perder força com Fila de go, de 38 anos, é uma dos
menos vagas no as incertezas domésticas e trabalhadores em milhares de trabalhadores
mercado de trabalho internacionais. A greve busca de emprego brasileiros que tentam
acentuou a perda de dina- deixar o mercado infor-
Criação de vagas for- mismo”, afirma Thiago mal. “Quero ter direitos
mais menor do que se pro- Xavier, economista da como trabalhadora, déci-
jetava inicialmente e piora consultoria. mo terceiro salário, férias
na composição do merca- A projeção inicial do Ins- e uma renda fixa que entra
do de trabalho, com mais tituto Brasileiro de Econo- todo mês”, diz.
informais e menos for- mia (Ibre), da FGV, era de Desde2013,poropção,a
mais. Esse é o cenário que 600 mil novos postos neste arquiteta deixou seu traba-
economistas passaram a ano. O número caiu para lho na área de orçamento e
projetar para 2018 após a 460 mil. “Os resultados de gerenciamento de obras
greve dos caminhoneiros criação de emprego, princi- para ser professora particu-
e um início de ano mais palmente no segundo tri- lar de inglês. Em 2015 e
fraco do que se esperava. mestre, vieram bem mais 2016, com a recessão, o nú-
A Tendências Consulto- fracos do que o esperado. E sultores, pior que a dete- positiva e achávamos que to houve uma queda de mero de alunos caiu e, há
ria começou 2018 esti- o principal motivo é a gre- rioraçãonasestimativasde quem tinha entrado no 1,6% nas vagas com car- pouco mais de oito meses,
mando a criação de 800 ve”, diz o consultor do Ibre geração de emprego, é a mercado informal tinha teira assinada do setor pri- ela começou a procurar va-
mil vagas até dezembro, Tiago Barreira. composição do mercado chance de se formalizar.” vado, o número de traba- gas formais no segmento
número que foi reduzido Para o economista Cos- de trabalho. “Esperáva- No acumulado do ano lhadores sem carteira em que atuava anterior-
para 350 mil. “Já estáva- mo Donato, da LCA Con- mos uma composição mais até maio, porém, enquan- avançou 5,6%. mente. (Agência Estado)
23 | ECONOMIA SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

AGENDA DO

O BAILE DO NÊGO VÉIO - 04/08

55%
de desconto
em todas as
áreas do evento.

GAROTA VIP - 11/08

5%
de desconto
no Backstage e
no Open Bar.

Gostou dos descontos, mas ainda não é assinante?


Faça já sua assinatura por apenas R$ 1,00*/mês.
Faça parte: assine.agazeta.com.br | 27 3321.8699

Os descontos são exclusivos para assinantes de A Gazeta. Confira as regras de utilização dos descontos no site do Clube.

*Preço promocional do Plano Digital Clube: R$ 1,00 por mês durante os 3 (três) primeiros meses. A partir do 4º mês de assinatura, o valor passa a ser R$ 15,90.
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 ECONOMIA | 24

PRESERVAÇÃO EM FOCO
VITOR JUBINI

Frutos da Mata
Atlântica têm
forte mercado
Consumo no Estado é ros, sendo reconhecidas própria fazenda, em polpa.
de 5,5 mil toneladas por mais de 15 mil espécies ne- Em média, por ano, ele
ano e demanda pode le. “Como o Espírito Santo chega a produzir até uma
crescer ainda mais tem um potencial grande, tonelada de polpa. Cada
porserpequenoedepeque- barra de um quilo é vendi-
SIUMARA GONÇALVES nas propriedades, há um da a R$ 10,00.
sfgoncalves@redegazeta.com.br
perfil de diversificação de Outra fruta que Aquilau
Aos 78 anos, o agricultor culturas existente nelas.” produz é o cajá-mirim, pa-
Aquilau Stefanon colhe os O estudo ainda destacou rente do cajá. Na proprieda-
frutos de mais de três déca- que a maior demanda de desão30pésplantados.“Eu
das trabalhando com pro- consumo no Estado é pelo só mexo com as frutas tro-
dutosdaMataAtlântica.Na caju, o que representa picais. O clima daqui é pro-
propriedade de 70 hecta- 26,27% do consumo total pícioparaissoe,porisso,ne-
res, que fica localizada em (1,4 mil toneladas). Em se- nhuma fruta que eu tenho
Anchieta, 14 são dedicados guida, o cajá-manga (1,02 hoje tem doença”, conta.
à preservação permanente, mil toneladas), a aroeira
e no restante da área tem (1,02 mil toneladas), a pal- DUPLO PAPEL
plantio de palmito, araçaú- meira jussara (869,3 mil Segundoabiólogaepes-
na, cajá-mirim, cajá, entre quilos, o cajá-mirim (708 quisadora do Incaper Fa-
outras espécies. Tudo o que mil quilos) e a araçaúna biana Ruas, é importante
produz já tem destino cer- (80,6 mil quilos). que os produtores enxer-
to, a venda por encomen- Segundo o estudo da guem a produção de frutas
das e em feiras livres. TNC, caju, cajá-manga e ca- da Mata Atlântica como
A mesma oportunidade já-mirim são adquiridos, uma maneira de realizar o
que ele enxergou há déca- principalmente, na forma reflorestamento associado
das, ainda pode ser aprovei- pré-processada, com ori- à produção de renda.
tada por outros agricultores gem de Sergipe e da Bahia. “Essas árvores cumprem
capixabas, já que o Estado Aquilau conhece bem es- um papel ambiental – de
tem um forte mercado para se mercado potencial e co- restaurar a área degradada
esses produtos e a demanda mo trabalhar com ele. Um – e também comercial, ge-
pode expandir ainda mais. dosseusprincipaiscultivosé rando renda para os donos
Segundo dados de um o de araçaúna. A fruta roxa da terra. Temos que fortale-
estudo da The Nature Con- tem um sabor bem caracte- cer nossa biodiversidade,
servancy Brasil (TNC) de- rístico e azedinho, que lem- senão não teríamos porque Aquilau Stefanon trabalha há mais de três décadas com frutos da Mata Atlântica
senvolvido pelo Centro de bra a goiaba e a jabuticaba. falar que o Brasil é o país
Desenvolvimento do Agro- Oqueécolhidonaplantação com a maior diversidade de
negócio (Cedagro), todos é transformado, dentro da biomas do planeta. Temos SAIBA MAIS
os anos, o Espírito Santo que valorizar isso.”
tem uma demanda de con- A especialista ainda res- MATA ATLÂNTICA CONSUMO ANUAL NO ES 869,3 mil quilos
sumo de mais de 5,5 mil to- POTENCIAL saltouquetemváriasformas t Bioma t Total: o Estado consome t Cajá-mirim: 708 mil
neladas de frutas da Mata de conseguir mercado para A Mata Atlântica abrange em média 5,5 mil toneladas quilos
Atlântica. Os principais 17 Estados brasileiros, desses produtos, sendo que t Pitanga: 216,7 mil quilos
os produtos da Mata Atlân-
compradores desses pro-
dutossãofábricasdepolpas
1,4 mil
toneladas
tica no Estado. “O produtor
pode plantar essas frutas t
sendo reconhecidas mais
de 15 mil espécies
Frutos
grande parte vem de fora
t Caju: 1,4 mil toneladas
t Cajá-manga: 1 mil
t Jabuticaba: 154,2 mil
quilos
e de picolés e sorvetes. conciliadas a outras árvores t Araçaúna: 80,6 mil quilos
Este é o potencial de As principais utilizações toneladas
De acordo com Vanessa ou sozinhas. Os frutos po- dos frutos são em doces, t Aroeira (pimenta rosa): t Jenipapo: 2,2 mil quilos
consumo de caju no Es-
Girão, especialista em con- dem ser transformados, por geleias, polpas, sucos e 1 mil toneladas t Abiu silvestre: 1,3 mil
pírito Santo, segundo es-
servação da TNC, o bioma tudo da TNC. exemplo, em geleias e pol- licores t Palmeira jussara (fruto): quilos
abrange17Estadosbrasilei- pas para comercializar.”

SEJA CAFÉ OU PIMENTA, • Maior enraizamento


NATUFERT FAZ TODA • Melhor arranque inicial
• Resistência à seca
DIFERENÇA.
Certificado • Aumento do peso dos grãos
conferido aos
produtos EOX A Natufert oferece o que há de mais
710 e 753; EFX
710 e 753; EPX moderno e eficiente em fertilizantes
728 e EFX 728. organominerais e orgânicos, para você 55 27 3180-0495
ter mais qualidade e produtividade. /natufert www.natufert.com.br Faz toda diferença
Vida & ciência. 25
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 |
Editora: Daniella Zanotti z dzanotti@redegazeta.com.br
WhatsApp: (27) 98135.8261 | Telefone: (27) 3321.8446
ATENDIMENTO AO ASSINANTE: (27) 3321-8699

Muito verde
A modelo Aline Mareto
usa e abusa das horta-
liças para obter mais
proteína FOTO: Marcelo
Prest

QUER MAIS PROTEÍNA?


VÁ DE HORTALIÇAS
Nutriente pode ser encontrado em folhas como coentro e couve
PAULA STANGE dos, muitos já produzidos proteína”, diz Luane. mentar com carnes brancas
prosi@redegazeta.com.br
pelo nosso corpo. “Mas Na lista das hortaliças e ovos”, orienta Schunk. FIQUE POR DENTRO
Nem só de peito de frango existem os aminoácidos que garantem essa força Para garantir todos os
e ovo precisa viver a turma essenciais, que o corpo para nosso organismo, al- nutrientes dessas hortali- t Função e verduras, nas
fitness. Quem malha já en- não produz e que precisa- gumas vão lá para o topo. ças, o ideal, diz o médico, é Atuam no sistema de oleaginosas, nos grãos
tendeu que precisa consu- mos ingerir através dos O coentro, ingrediente tí- sempre consumí-las defesa do organismo,
mir bastante proteína pa- alimentos”, explica. pico na moqueca capixa- cruas. “O calor desnatura neutralizando e t Campeões
ra ter mais resultados. O combatendo vírus,
ba, é um deles. Em 100 as proteínas. Consumir O coentro é um dos
bactérias e outros
que pouca gente sabe é SINAIS gramasdessealimento,20 junto a um carboidrato campeões em proteína:
elementos estranhos.
que esse nutriente está em Sem proteína, o corpo gramas são só proteína. também facilita sua absor- uma porção de 100g
São responsáveis pela
outros alimentos, como não responde bem. “Tem Daí porque vegetarianos ção pelas células.” formação dos músculos,
desse alimento, 20g são
nas hortaliças, como cou- que estar na alimentação e veganos não ficam órfãos tecidos, órgãos. Sem ela, de proteína. Outros no
ve, brócolis, espinafre e diariamente, distribuída de proteína. “No caso deles, NO SUCO o corpo dá sinais de topo da lista são couve,
coentro, por exemplo. entre as refeições. Na falta é preciso estar bem atento Uma forma de consu- fraqueza muscular brócolis, espinafre, agrião,
A proteína é extrema- dela, o corpo dá sinais de às quantidades para atingir mir a couve crua, por taioba, ora-pro-nobis,
mente importante para fraqueza por causa da per- o mínimo necessário de exemplo, é no suco, como t Como obter rúcula, folha de mostarda
nosso corpo, como explica da muscular”, aponta a proteínas e manter o corpo muita gente já faz. Nos alimentos de origem
o médico especialista em nutricionista. saudável. Como as hortali- No prato da modelo Ali- vegetal, está presente t Como consumir
NutrologiaWesleySchunk. Muitagenteachaquesó çastêmmenosquantidades ne Moreto, de 26 anos, nas folhas, em legumes Isso depende do biotipo,
“Posso dizer que sem ela vai adquirir proteína de de proteínas, é necessário, sempre tem algo verde. das condições de saúde,
não existiria vida! Ela é res- fontes animais, como car- às vezes, suplementar. Exis- “Não deixo de comer car- nível de atividade e
ponsável por inúmeras nes, ovos, leite. “É um erro tem vitaminas essenciais ao ne, mas pesquiso bastante rotina de cada indivíduo.
funções, como toda a for- achar isso. É possível obter organismo que se encon- e sei que preciso comer fo- Mas pode-se considerar
mação da estrutura do nos- proteína dos vegetais, em tram especialmente em lhas, legumes, verduras em torno de 1,0 a 1,5g
so corpo: músculos, pele, verduras, grãos e folhas. proteínas de origem ani- para ter proteína. Aprendi diários de proteína por
cabelos”, cita ele. Não na mesma quantida- mal,comoB12eferro.Ago- a gostar e como todos os quilo para uma pessoa
Segundo a nutricionis- de que encontramos no ra, se não existe essa restri- dias. Até no café da ma- saudável e rotina normal.
ta Luane Magnago, a pro- reino animal. Por isso, é ção, o ideal é mesclar os nhã. Gosto de colocar es- O ideal é consumir essas
teína é formada por uma importante fazer essa jun- dois: comer bastante ver- pinafre nos ovos, por hortaliças na forma crua
combinação de aminoáci- ção e variar as fontes de durasehortaliçasecomple- exemplo”, conta a jovem.
Esportes. 26
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 |
Editor: Filipe Souza z fsouza@redegazeta.com.br
WhatsApp: (27) 98135.8261 | Telefone: (27) 3321.8326
ATENDIMENTO AO ASSINANTE: (27) 3321-8699

FOTOS: FLÁVIO PEREZ/ON BOARD SPORTS


PROTAGONISTAS

Arthur
Ex-Grêmio estreou com
um belo gol no empate
em 2 a 2 do Barça com
Tottenham.

Pogba
Juventus prepara proposta
de R$ 973 milhões para o
retorno do meia.

ESPORTE NA TV

LINDO NOCAUTE NA
De cabelos “loiros” e calção verde e amarelo, Esquiva Falcão foi arrasador em cima do ringue. O combate aconteceu em Kissimmee, na Flórida
TV GAZETA
12h50 / Noticiário
GloboEsporte
BAND
11h10 / Noticiário
JogoAberto
SPORTV
20h / Futebol

VELOCIDADE DA LUZ
Brasileirão:BahiaxAtlético-
MG
ESPNBRASIL
10h / Noticiário
BateBolaBomDia
13h / Noticiário
BateBolaDebate
ESPN
20h / MLB
BostonRedSoxxPhiladelphia
Phillies
BOXE Imbatível, Esquiva Falcão nocauteia mexicano Jonathan Tavira no primeiro round e fica ainda
BANDSPORTS mais perto da disputa pelo cinturão. Lutador capixaba está invicto como profissional, com 21 vitórias
17h30 / Tênis
ATP 500 de Washington
(Estados Unidos): 1ª
Sem brecha para o azar. O
capixaba Esquiva Falcão
“Dei um show
rodada precisou de pouco mais de mais uma vez!
FOXSPORTS um minuto para conse-
8h30 / Futebol guir mais um nocaute na Estava
AmistosoInternacional:Paris
Saint-GermainxAtléticode
sua carreira: a vítima da
noite de sábado foi o me-
bastante
Madrid xicano Jonathan Tavira. motivado e
ESPORTEINTERATIVO Foi o nocaute mais rápi-
19h15 / Futebol do do medalhista de prata muito bem
SérieD:Ferroviário-CEx
Treze-PB
em Londres 2012, faltando
1min22 para o fim do pri-
preparado”
21h15 / Futebol meiro round. O recorde ESQUIVA FALCÃO
Lutador capixaba Mexicano Jonathan Tavira não aguentou os fortes golpes do brasileiro Esquiva Falcão
BrasileirodeAspirantes: dele veio na luta anterior
InternacionalxGoiás contra o francês Salim

15
Larb a 59 segundos. mee, nos Estados Unidos, título do mundo. O Bob uma luta na carreira.
LOTECA 811 Com a vitória, ele segue Esquiva Falcão fez o gesto Arum (CEO da Top Rank, O capixaba era melhor
invicto no boxe profissio- característico do cinturão. promotora de lutas de Es- desde os primeiros segun-
1 Ceará 1 0 Fluminense
2 Palmeiras 3 0 Paraná nal, com 21 vitórias no O lutador deve subir ao quiva) disse isso mais de dos de combate. Tomando
3 Atlético-PR 4 0 Vitória currículo, sendo 15 por NOCAUTES. ringue pelo título mun- uma vez e hoje também conta do ringue, Esquiva
4 Internacional 3 0 Botafogo nocaute. Esquiva ainda não dial no início de 2019, con- no ringue. Agora é esperar controlou bem a distância
5 Cruzeiro 0 2 São Paulo
6 Juventude 0 3 Fortaleza O rival mexicano tam- sabe o que é perder tra o japonês Ryota Mura- a luta de outubro de 2018 e e aplicou fortes golpes na
7 Coritiba 0 0 Ponte Preta bém chegou para o com- ta. Até lá, tem ainda mais depois o tão sonhado cin- linha de cintura de Jona-
8 Criciúma 1 0 Vila Nova-GO bate com um bom currí-
no boxe profissional. um combate. turão”, disse. than. Logo no primeiro
9 Remo 1 0 ABC Além disso, quase
10 Santa Cruz 4 0 Confiança culo, com 17 vitórias, sen- “Dei um show mais uma minuto, conseguiu um
11 Vasco 1 4 Corinthians do 13 por nocaute, além todos os 21 vez! Estava bastante moti- A LUTA knockdown. O mexicano
12 Flamengo 4 1 Sport de cinco derrotas. No en- adversários tiveram vado e muito bem prepa- Não deu nem pra es- até tentou se recuperar,
13 Chapecoense 1 1 Grêmio
14 Santos 0 1 América-MG tanto, ele não teve a me- o mesmo destino: o rado para vencer. Os re- quentar. Esquiva Falcão mas o brasileiro finalizou
Estimativa de rateio: nor chance. sultados mostram que es- precisou de apenas um a luta com novos golpes
nocaute.
R$ 1.000.000,00 Após o show em Kissim- tou próximo de disputar o round para vencer mais na cintura.
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 ESPORTES | 27
UFC CALGARY

FIM DE JEJUM PARA JOSÉ ALDO


UFC/DIVULGAÇÃO

CALGARY–O lutadorbrasi- grande, e eu sabia que tudo tava me sentindo pressio-


leiro José Aldo considerou a dependia de mim”, afir- nado. Graças a Deus tenho
vitória sobre o norte-ameri- mou em entrevista. uma equipe maravilhosa,
cano Jeremy Stephens por José Aldo acertou o rival que me dá o suporte ne-
nocaute como uma das americano com um soco cessário para eu voltar e
mais importantes da carrei- na linha da cintura já no vencer. Fiquei bem feliz
ra. O triunfo em duelo dis- primeiro round. O brasi- pelo apoio e pelo carinho
putado na noite de sábado, leiro aproveitou a queda e que recebi dos meus ami-
no UFC Calgary, no Canadá, foi para cima do adversá- gos de treino”, disse.
encerrou um jejum de dois rio para finalizar a luta O brasileiro tem ainda
anos sem triunfos do ex- com uma sequência de so- mais quatro lutas no con-
campeão do peso-pena. cos. Em seguida, o árbitro trato com o UFC e cogita se
“Sim, considero uma das encerrou o confronto por aposentar na sequência.
mais importantes. Estava nocaute técnico e o ex- “Mostrei que estou vivo na
todo mundo querendo sa- campeão foi às lágrimas. categoria, com fome de luta,
ber como eu iria me por- “Vim de duas derrotas, querendo ser campeão de
tar. Mostrei meu valor, tinha perdido o cinturão, novo. Tenho um contrato e
mostrei daquilo que sou logo em seguida tive a re- espero finalizá-lo sendo
capaz. Era uma pressão vanche e não fui feliz. Es- campeão”, finalizou. Aldo nocauteou o americano Jeremy Stephens ainda no primeiro round do combate

HAMILTON LEVA SEM SUSTOS


DISPUTADA Apesar da fácil vitória do inglês, Grande Prêmio de Hungaroring teve boas disputas e muito jogo de equipe
LASZLO BALOGH/AP

GRID
MOGYOROD – O inglês
Lewis Hamilton não sofreu
sustos e venceu neste do-
mingodepontaapontaoGP
GP DA HUNGRIA
da Hungria de Fórmula 1. A 1 Lewis Hamilton Mercedes
Mercedes ficou perto de
2 Sebastian Vettel Ferrari
conseguir a dobradinha,
mas faltando cinco voltas 3 Kimi Raikkonen Ferrari
para o final, Valtteri Bottas
foi ultrapassado pelos pilo- 4 Daniel Ricciardo RBR
tos da Ferrari. O alemão Se- 5 Valtteri Bottas Mercedes
bastian Vettel e o finlandês
Kimi Raikkonen garanti- 6 Pierre Gasly Toro Rosso
ram o segundo e o terceiro
7 Kevin Magnussen Haas
lugares.
O resultado encerrou o 8 Fernando Alonso McLaren
domínio de Vettel no cir-
cuito de Hungaroring – o MUNDIAL
alemão havia vencido nos 1 Lewis Hamilton 213 pts
dois últimos anos. E de
quebra ampliou a vanta- 2 Sebastian Vettel 189 pts
gem de Hamilton na lide-
3 Kimi Raikkonen 146 pts
rança do Mundial de Pilo-
tos. Com a quinta vitória 4 Valtteri Bottas 132 pts
na temporada, a de núme-
5 Daniel Ricciardo 118 pts
ro 67 na carreira, ele agora
foi a 213 pontos na classifi- 6 Max Verstappen 105 pts
cação contra 186 de Vettel.
7 Nico Hulkenberg 52 pts
A vitória da Mercedes na
Hungria também pode ser Vitória de Lewis Hamilton consolidou a liderança do inglês na disputa pelo campeonato, mas Vettel segue na cola 8 Kevin Magnussen 45 pts
considerada uma surpre- ZOLTAN BALOGH/AP
sa, já que o traçado marca- o finlandês tratava de se- vrões possíveis no rádio da
do por curvas e de difícil gurar os adversários. Na equipe.
ultrapassagem tinha a escuderia italiana, Raik- O australiano Daniel
Ferrari e também a Red konen não dificultou a ul- Ricciardo foi um dos des-
Bull como favoritas. No trapassagem de Vettel. taques na corrida. Depois
entanto, a chuva no treino A terceira equipe que era de largar em 12º lugar, ele
classificatório mudou to- para estar na briga pelos sofreu um toque na larga-
dos os prognósticos. primeiros lugares decep- da e perdeu duas posições.
Na largada ficou claro o cionou. O holandês Max No entanto, fez uma prova
jogo de equipes de Merce- Verstappen chegou a ga- de recuperação e foi dei-
des e Ferrari. Bottas ajudou nhar duas posições no iní- xando todos para trás –
Hamilton a segurar a in- cio, mas o carro sofreu terminou em quarto.
vestida dos principais ri- mais uma vez problemas A temporada da Fórmu-
vais. E, nas primeiras vol- de potência e ele precisou la 1 agora faz uma pausa e
tas, enquanto o britânico abandonar. Enquanto pa- recomeça em 26 de agosto,
abria vantagem na ponta, Hamilton contou com a ajuda do companheiro Valtteri Bottas para segurar a ponta rava, soltou todos os pala- no GP da Bélgica. (AE)
28 | ESPORTES SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

ResenhadoBrasileirão
SÉRIE A
PG J V E D GP GC SG
1º Flamengo 34 16 10 4 2 28 10 18
2º São Paulo 32 16 9 5 2 25 14 11
3º Internacional 29 16 8 5 3 22 12 10
4º Grêmio 27 16 7 6 3 16 8 8
5º Atlético-MG 26 15 8 2 5 28 22 6
6º Palmeiras 26 16 7 5 4 25 15 10
7º Corinthians 25 16 7 4 5 21 13 8
8º Cruzeiro 24 16 7 3 6 13 13 0
9º Fluminense 21 16 6 3 7 18 20 -2
10º América-MG 20 16 6 2 8 18 23 -5
11º Botafogo 20 16 5 5 6 17 21 -4
12º Vasco 19 14 5 4 5 20 23 -3
13º Sport 19 16 5 4 7 17 23 -6
14º Vitória 18 16 5 3 8 19 31 -12
15º Chapecoense 17 16 3 8 5 16 22 -6
16º Santos 16 15 4 4 7 16 19 -3
17º Bahia 16 14 4 4 6 15 19 -4
18º Atlético-PR 13 15 3 4 8 17 19 -2
19º Paraná 13 16 3 4 9 8 22 -14
20º Ceará 11 15 2 5 8 9 19 -10

RESULTADOS - 16ª RODADA


Ceará 1 x 0 Fluminense Flamengo 4 x 1 Sport
Vasco 1 x 4 Corinthians Internacional 3 x 0 Botafogo
Palmeiras 3 x 0 Paraná Chapecoense 1 x 1 Grêmio
FOTO DA RODADA Cruzeiro 0 x 2 São Paulo Santos 0 x 1 América-MG
Visivelmente emocionado e rubro-negro declarado, Vitinho foi apresentado pelo Atlético-PR 4 x 0 Vitória
Flamengo no intervalo do jogo contra o Sport, no Maracanã. STAFF IMAGES/FLAMENGO
PRÓXIMO JOGO - 16ª RODADA
JOGO HORÁRIO ESTÁDIO
ANDRE BORGES/AGIF LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.
HOJE
BAHIA X ATLÉTICO-MG 20H FONTE NOVA

A gente
merecia um
placar menor.
Foi exagerado
FESTA TRISTEZA
pelo que
ROMERO SUPERA RONALDO FENÔMENO! PARA O LANTERNA, FLUZÃO? planejamos”
Com os três gols anotados ontem contra o Vasco, Lanterninha, o Ceará só venceu dois jogos
o atacante Ángel Romero, do Corinthians, superou uma marca de neste Campeonato Brasileiro: o último foi o Fluminense. No MARCOS PAQUETÁ, TÉCNICO DO BOTAFOGO
ninguém menos que Ronaldo Fenômeno. O paraguaio, que sábado, o Tricolor foi derrotado, em Fortaleza, para o Vozão,
costumava jogar pelos lados do campo e agora tem atuado como que estava bem arrumado e foi superior praticamente os 90
centroavante, tem 37 gols com a camisa do Timão contra 35 de minutos. O gol da vitória foi marcado por Leandro Carvalho. O
Ronaldo. “É um ídolo para mim. Sempre tive motivação olhando resultado deu fim à invencibilidade do técnico Marcelo Oliveira
ele jogando”, disparou Romero. após três partidas. ARTILHARIA

LANCE DA RODADA
9
GOLS
Pedro,
Fluminense

LUCAS MERÇON/FLUMINENSE F.C.


SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 ESPORTES | 29

SÃO PAULO MANTÉM


RICARDO LUIS ARTIFON/AGIF

PERSEGUIÇÃO AO FLA
LÁ EM CIMA Tricolor se recupera de derrota no meio da semana, derrota o
Cruzeiro com gols de Diego Souza e Everton, e não deixa o Flamengo escapar
DANIEL OLIVEIRA/O GLOBO

O atacante Marinho conduz a bola sob marcação rival

TUDO IGUAL

COM OS TITULARES
POUPADOS, GRÊMIO
EMPATA COM A CHAPE
CHAPECÓ – Dois minutos
de jogo. Foi esse o tempo
que a equipe gaúcha pre-
cisou para a envolvência

1 1
da troca de passes, mesmo
com uma equipe diferen-
te da habitual, abrir a con-
Autor do primeiro gol do jogo, Diego Souza chega a seis no campeonato e se aproxima da luta pela artilharia tagem em Santa Catarina. CHAPECOENSE GRÊMIO
Após a subida em bloco no Estádio: Arena Condá (Chapecó-SC)
BELO-HORIZONTE – O Militão e Hudson, todos foi mais incisivo e conse- ataque, Hernane partiu Árbitro: Rodrigo Carvalhaes
São Paulo confirmou seu suspensos. Com isso, esca- guiu tramar jogadas na em velocidade pela direita CHAPECOENSE: Jandrei; Eduardo, Douglas,
grande momento no lou Araruna na lateral-di- intermediária do São Pau- depois de toque de Pepê e Nery Bareiro e Bruno Pacheco; Amaral,
Elicarlos e Yann Rolim (Alan Ruschel) ; Bruno
Campeonato Brasileiro reita, deixando Bruno Pe- lo. O time paulista sofreu devolveu para o jovem Silva, Wellington Paulista (Vinícius Freitas) e

0 2
com uma vitória por 2 a 0 res, novo contratado, do com a pressão do adversá- atleta da base, que bateu Osman (Leandro Pereira).
sobre o Cruzeiro, no Mi- lado de fora por questões rio, que ficava perigosa- firme por sobre o ombro Técnico: Gilson Kleina
neirão, ontem. Dos 12 pon- físicas. No meio, escalou mente com mais tempo de de Jandrei e fez a festa da GRÊMIO: Paulo Victor, Madson, Paulo
tos que disputou contra Luan Santos, outro joga- posse de bola, mas conse- boa presença de gremistas Miranda, Bressan (Derlan) e Guilherme
CRUZEIRO SÃO PAULO Guedes; Jaílson, Thaciano (Matheus Henrique)
candidatos ao título (Fla- dor revelado na base. Na guiu aproveitar a primei- Estádio: Mineirão (Belo Horizonte-MG) na Arena Condá.
e Douglas; Marinho, Hernane (Thonny
mengo, Corinthians, Grê- zaga, continuou o rodízio ra grande chance que teve. Árbitro: Wagner do Nascimento O jogo tinha pouca mo- Anderson) e Pepê.
mio e Cruzeiro), o time e começou com Bruno Al- Após grande lançamento CRUZEIRO: Fábio; Edilson, Dedé, Léo e vimentação criativa até Técnico: Renato Gaúcho
conseguiu nove. Foram ves e Anderson Martins. de Reinaldo, o equatoria- Egídio; Henrique, Ariel Cabral, Rafinha (David), que, depois de chute des- Gols: Pepê, aos 2 minutos do 1º tempo.
três vitórias e uma derro- Sem Thiago Neves e Ro- no Joao Rojas fez grande Arrascaeta e Mancuello (Raniel); Barcos. viado de Osman em Wel- Elicarlos, aos 17 minutos do 2º tempo.
ta, exatamente para o time binho, o Cruzeiro apostou jogada, tabelou com Nenê Técnico: Mano Menezes lington Paulista, uma divi- Público: 14.382 presentes
gaúcho na última rodada. em Mancuello na arma- e cruzou para Diego Souza SÃO PAULO: Sidão; Araruna (Shaylon), Bruno dida de Bruno Silva com o Renda: R$ 681.095,00
Alves, Anderson Martins e Reinaldo; Luan
Com isso, a equipe se recu- ção das jogadas. Mano Me- marcar. Aos 26 minutos, (Lucas Kal), Liziero e Nenê (Bruno Peres);
goleiro Paulo Victor fez a
pera e continua sua perse- nezes vem realizando um ele marcou seu sexto gol Rojas, Everton e Diego Souza. bola sobrar com o volante
guição ao líder Flamengo, rodízio para manter o clu- no Brasileirão. Técnico: Diego Aguirre Elicarlos. Com o gol vazio, demonstrado pelo Verdão
que venceu o Sport por 4 a be vivo no Brasileirão, na Aguirre mexeu no time Gols: Diego Souza, aos 26 minutos do 1º o camisa 86 bateu rasteiro do Oeste foi reduzido.
1 no Maracanã. Copa do Brasil e na Liber- e promoveu a estreia Bru- tempo. Everton, aos 32 minutos do 2º para deixar tudo igual em Nos minutos finais, a
tempo.
O São Paulo é o melhor tadores. no Peres, mas as mudan- Santa Catarina. Chapecoense voltou a
Público: 21.566 pagantes
visitante do torneio. Além As alterações não preju- ças não surtiram efeito. Fazer o tento de igualda- exercer pressão nas bolas
Renda: R$ 641.978,00
disso, o time confirma a dicaram o entrosamento Aos 27, Arrascaeta foi der- de fez muito bem no as- pelo alto, porém a situa-
vantagem histórica nos das equipes. O Cruzeiro rubado por Anderson pecto da confiança para a ção não mais se alterou
confrontos contra o Cru- Martins na área. Pênalti. NÚMEROS DO JOGO Chape que passou a pres- graças a uma grande de-
zeiro – os times já se en-
frentaram 83 vezes, com
Cirúrgico, o Na batida, Barcos acertou o
travessão. E como diz o di- 52% POSSE DE BOLA 48%
sionar o Grêmio no seu
sistema defensivo e trou-
fesa de Paulo Victor depois
de cabeçada de Amaral.
41 vitórias, 21 empates e 21 São Paulo tado... o São Paulo, em ou- 15 FINALIZAÇÕES 20 xe efetivamente proble- Na quarta-feira, a Chape
derrotas dos paulistas.
matou o jogo tra grande contra-ataque, 47 PASSES ERRADOS 48 mas para a zaga gaúcha. enfrenta o Corinthians,
Os dois times tiveram de definiu o jogo. Reinaldo Depois dos 25 minutos, em São Paulo. Já o Grêmio
15 DESARMES 19
administrar desfalques. O
técnico Diego Aguirre não
em dois achou Everton sozinho
para fazer o segundo gol e 11 FALTAS COMETIDAS 10
as trocas feitas no Tricolor
Gaúcho deram mais gás à
enfrenta o Flamengo, em
Porto Alegre, pela Copa do
teve três peças: Arboleda, contra-ataques calar o Mineirão. (AE) equipe e o domínio antes Brasil.
30 | ESPORTES SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

DO SONHO AO PESADELO
DERROTA Vasco joga bem na primeira etapa, mas Romero comanda virada e massacre do Timão
BRASÍLIA - Com um pri- uma leve superioridade, lizou a equipe do técnico muito superiores e soube-
meiro tempo razoável e tocando bem a bola no Jorginho, que nem de lon- ram aproveitar as oportu-
um segundo tempo para campo de ataque, finali- ge foi o time consistente nidades que tiveram. Não
se esquecer, o Vasco per- zando mais (apesar de dos primeiros 45 minutos. podemos ter essa oscila-

1 4
deu foi goleado pelo Co- sempre de fora da área), e O Corinthians soube ção. Esse é um campeona-
rinthians por 4 a 1, com não dando espaço para o aproveitar o nervosismo to muito difícil”, disse.
hat-trick do paraguaio contra-ataque do adver- alheio, adiantou a marca- Com o revés, o Vasco so-
Romero. sário. O time vascaíno aca- ção e transformou o Vasco ma 14 jogos consecutivos VASCO CORINTHIANS Marcelo Oliveira lamentou
No primeiro tempo, bou sendo recompensado em uma presa fácil. Yago sem vencer o Corinthians Estádio: Mané Garrincha (Brasília-DF) a falta de físico do Flu
apesar da chance princi- no final, com um gol de Pikachu lamentou a osci- (8 derrotas e 6 empates). A Árbitro: Dewson Freitas (PA)
pal ter sido do Corin- pênalti de Yago Pikachu lação vascaína. última vitória foi em VASCO: Martín Silva; Luiz Gustavo, Breno,
Ricardo Graça e Ramon; Desábato (Paulo
TRICOLOR
thians, após uma bola na nos acréscimos. Ele mes- “Não podemos fa- 2010. O próximo
trave advinda de um es-
canteio aos 43, o Vasco teve
mo sofreu a penalidade e
cobrou com classe, desco-
zer um primeiro
tempo bom e de-
jogo pelo Brasi-
leiro é contra o
Vitor) e Andrey; Evander (Wagner), Kelvin
(Lucas Santos) e Pikachu; Andrés Rios.
Técnico: Jorginho
MEIO POUCO
CRIATIVO JÁ É
lando Cássio. pois no segundo São Paulo, no CORINTHIANS: Cássio; Fagner, P. Henrique,
Na segunda etapa, a vi- apresentar um Morumbi, Henrique e Avelar; Gabriel e Douglas;
tória que parecia encami- jogo muito abai- domingo. (O Pedrinho (Sheik), Jadson (Léo Santos),
nhada, transformou-se
em pesadelo. O gol sofrido
logo aos 3 minutos, de um
xo do esperado.
Não fizemos
nada. Eles
Globo) Romero e Clayson (Mateus Vital).
Técnico: Osmar Loss
Gols: Yago Pikachu, aos 46 minutos do
PREOCUPAÇÃO
1º tempo. Romero, aos 3, aos 11 e aos
contra-ataque, desestabi- foram 47, e Jadson, aos 33 minutos do 2º RIO - Após uma
tempo. sequência ani-
Público: 33.516 presentes madora após a
Renda: R$ 1.823.665,00 parada da Copa
do Mundo, o Fluminense
ANDERSON PAPEL/AGIF

voltou a ter um futebol


fraco e sem inspiração,
Andrés Ríos perdendo para o Ceará
lamenta: foi por 1 a 0. A partida explici-
Romero quem tou mais uma vez a neces-
brilhou no sidade da equipe por mais
Mané Garrinha alternativas no meio, evi-
denciando que não
adianta ter jogadores para
o ataque se não há quem
arme as jogadas.
ANDRE BORGES/AGIF

O Flu tentou ter a ini-


ciativa, mas foi o Ceará
quem ficou mais tempo
com a bola e criou boas jo-
gadas. Apostando na liga-
ção direta, o time de Mar-
celo Oliveira mostrou
uma cara muito diferen-
te do que teve contra o
Palmeiras, em um duelo
+ LAMENTOS ATUAÇÕES que mais parecia final de
campeonato, apesar dos
“Eles foram VASCO Estava bem no primeiro tempo,
mas dormiu no segundo gol. vários desfalques.
5,5 Martín Silva/ Alvo A lentidão com a bola no
superiores. Saiu errado no lance do primeiro
gol do Corinthians, e viu o rival
5,5 Evander/ Tentou
Foi bem participativo no primeiro
pé e a vontade quase ine-
xistente foi atribuída ao
Não podemos balançar suas redes quatro vezes.
tempo, mas acabou errando o
passe que originou o primeiro gol cansaço pelos jogadores e
5,5 Luiz Gustavo/ Queda
ter essa Caiu no segundo tempo e deixou
rival e caiu de rendimento.
5 Wagner/ Não comprometeu
pelo treinador. De fato, o
Campeonato Brasileiro
oscilação. O Pedrinho e Romero armarem a
jogada sozinhos no segundo gol.
Deveria ter entrado no lugar de
Kelvin. Foi uma das substituições
voltou em um ritmo bem
acelerado, mas a equipe
campeonato é 5 Breno/ Estabanado
Apareceu mal no primeiro gol e
erradas de Jorginho.
ganhou um mês de "des-
muito difícil” cometeu o pênalti em Mateus
Vital no terceiro. Levou uma bola
4,5 Kelvin/ Mal
Tomou decisões erradas e não
canso" para tentar refor-
çar a parte física. A ten-
YAGO PIKACHU ajudou o Vasco a criar perigo.
entre as pernas no último. dência é que os jogos co-
Meia do Vasco 5 Lucas Santos/ Neutro
4 Ricardo/ O pior
Pouco fez no tempo em campo.
mecem a se intensificar e o
Perdido em três gols sofridos elenco curto pode pesar.
pelo Vasco, não conseguiu 6 Pikachu/ Único gol “São quatro jogos em 10
acompanhar os homens de frente Sofreu o pênalti que originou o
do Timão e parecia desligado. gol e fez cobrança, porém, ficou dias, com duas viagens pa-
apenas olhando sem ajudar na ra o Nordeste. Se o adversá-
Faça parte do 5,5 Ramon/ Apagado
Não fez muito, mas não
marcação no segundo gol. rio tivesse feito a mesma
comprometeu nos gols. 5,5 Andrés Ríos/ Erros coisa tudo bem. Mas o Cea-
5,5 Desábato/ Mediano
Fez o que conseguiu no primeiro rá jogou na segunda-feira
tempo e quase não apareceu na e nós fizemos um clássico
Não foi decisivo, mas também
segunda etapa.
não ajudou. nacional na quarta-feira.
4 Jorginho/ Culpa Fisicamente, ficou nítido
4 Paulo Vitor/ Mãos atadas As substituições não surtiram
Ligue e assine: Entrou aos 34 minutos e pouco
efeito e o treinador viu sua equipe
que o Ceará estava muito
conseguiu fazer. melhor que a gente” recla-
27 3321.8699 5 Andrey/ Devendo
cair drasticamente de rendimento
na segunda etapa. mou o técnico.
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 ESPORTES | 31

COM FOGO CADA


GUSTAVO GRANATA/AGÊNCIA O GLOBO

“A EQUIPE
SE ABATEU”
+ O Botafogo não teve

VEZ MAIS BAIXO


chances contra o
Internacional e perdeu por
3 a 0. Após o jogo,
Matheus Fernandes disse
que a equipe se abateu.
"A gente tinha uma
proposta de jogo, mas
COMPLICOU Botafogo sofre terceira derrota em quatro começamos o jogo mal
tecnicamente, tomamos o
jogos e liga o sinal de alerta. Agora o algoz foi o Internacional gol e parece que a equipe
se abateu, ficou atrás,
PORTO ALEGRE - Pouco quência da temporada. sendo pressionada", disse.
criativo, sem agressivida- “Não sei (explicar a der- Com o revés, o Botafogo
de e incapaz de demons- rota). É complicado jogar estaciona nos 20 pontos.
trar poder de reação. O Bo- fora de casa, ainda mais O clube volta a campo na

3 0
tafogo fez um jogo para tomando dois gols no pri- próxima quarta-feira (1º),
esquecer no Beira-Rio, meiro tempo. Temos que quando visita o Nacional-
neste domingo, perdeu de tentar melhorar, finalizar PAR pelo jogo de ida da
3 a 0 para o Internacional – melhor e fazer mais gols. segunda fase da Sul-
INTERNACIONAL BOTAFOGO
dois gols de William Pott- Estádio: Beira Rio (Porto Alegre-RS)
Não dá para ficar se la- Americana. "Agora é
ker e um de Leandro Da- Árbitro: Igor Benevenuto
mentando. Bola para repensar o que fizemos e
mião – e ligou o sinal de INTERNACIONAL: Danilo Fernandes; Zeca
frente”, comentou o late- treinar para a próxima
alerta para a parte de baixo (Fabiano), Emerson Santos, Víctor Cuesta e ral Marcinho, que jogou partida, que será um jogo
da tabela. São três derrotas Iago; Rodrigo Dourado, Edenílson e Patrick; adiantado e com mais importante na Sul-
nos quatro jogos após a Nico López, Leandro Damião (Jonatan Álvez) funções ofensivas. Americana", finalizou
e Pottker (Lucca).
parada para a Copa do Em relação ao time que Escalado entre os titulares, Renatinho decepcionou Matheus Fernandes.
Técnico: Odair Helmmann
Mundo. venceu a Chapecoense na
BOTAFOGO: Saulo; Luís Ricardo, Carli, Igor
Agora, o Alvinegro viaja Rabello e Moisés (Gilson); Matheus Fernandes quinta, o Botafogo mudou Luis Ricardo e Renatinho ta para o América-MG no NÚMEROS DO JOGO
ao Paraguai para encarar o e Jean; Marcinho (Brenner), Renatinho e Luiz metade dos jogadores de ganharam as vagas. As ca- meio de semana. Mas se Internacional x Botafogo
Nacional na quarta-feira, Fernando (Valencia); Aguirre. linha. Rodrigo Lindoso e ras novas não se destaca- recuperou do revés,
pela Copa Sul-Americana, Técnico: Marcos Paquetá Pimpão estava suspensos, ram, e ausências foram atuando como o time que 55% POSSE DE BOLA 45%
na expectativa de dar um Gols: Pottker, aos 27 e aos 44 minutos Kieza foi poupado e Gil- sentidas, principalmente estava dez jogos invicto 13 FINALIZAÇÕES 8
do 1º tempo. Leandro Damião, aos 12
tempo no momento ins- minutos do 2º tempo.
son e Leo Valencia saíram de Lindoso, que ajuda antes de perder para os 41 PASSES ERRADOS 38
tável no Brasileiro e recu- do time por opção técnica. muito na saída de bola. mineiros e pouco deixou o
Público: 25.770 pagantes/29.351 no total 21 DESARMES 15
perar a confiança de que o Respectivamente, Jean, Do outro lado, o Inter vi- Botafogo sonhar com a vi-
time precisa para a se-
Renda: R$ 753.455,00
Luiz Fernando, Aguirre, nha em baixa, após derro- tória. (Agência O Globo) 13 FALTAS COMETIDAS 14
VITÓRIA, SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

STAFF IMAGES/FLAMENGO

4 1
FLAMENGO SPORT
Estádio: Maracanã (Rio de Janeiro-RJ)
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza
FLAMENGO: Diego Alves; Rodinei, Réver, Léo
Duarte e Renê; Cuéllar, Lucas Paquetá, Diego
(Guerrero) e Everton Ribeiro (Geuvânio);
Marlos Moreno (Jean Lucas) e Uribe.
Técnico: Maurício Barbieri
SPORT: Magrão; Raul Prata (Cláudio Winck),
Ronaldo Alves, Léo Ortiz e Sander; Deivid
(Ferreira), Felipe Bastos, Gabriel e Michel
Bastos (Carlos Henrique); Marlone e Rafael
Marques
Técnico: Claudinei Oliveira
Everton Ribeiro, o Gols: Réver, aos 13, e Cláudio Winck, aos
melhor em campo, 43 minutos do 1º tempo. Paquetá, aos 2,
comemorou seu gol Everton Ribeiro, aos 6, e Uribe, aos 17
ao lado da joia Lucas minutos do 2º tempo.
Paquetá Público: 53.591 pagantes/58.817 no total
Renda: R$ 1.506.319,60

MENGÃO DÁ SHOW
ATUAÇÕES
FLAMENGO
6 Diego Alves/ Seguro
Quando a bola chegou, foi bem.
6 Rodinei/ Apoio
Foi bem nas descidas.
6,5 Réver/ Letal
Foi muito ágil no gol, ganhando
por cima e por baixo.

LÍDER Comandado por Everton Ribeiro e sob olhares de Vitinho, Flamengo recupera o bom futebol 6,5 Léo Duarte/ Displicente
Deu carrinho, levou amarelo.
7 Renê/ Acionado
RIO – O largo sorriso de Vi- tão Réver. O jogo havia co- gol foi a vez de Everton Ri- Ótimas triangulações com Marlos
tinho ao entrar no grama- meçado há 13 minutos. beiro lançar Uribe, que do- e Diego. Parou ataques rivais.
do do Maracanã, no inter- Embora o Sport não te- minou bonito, tirou o 6,5 Cuéllar/ Eficiência
Acertou todos os botes.
valo de Flamengo e Sport, nha pressionado, aprovei- marcador e chutou mas-
mostrava a óbvia expres- tou a desatenção de Réver, cado. O quique da bola, no 7,5 Paquetá/ Capricho
Esperto no segundo gol.
são de alegria por, enfim, que só olhou Claudio Win- entanto, traiu Magrão. Foi 6,5 Diego/ Básico
ser apresentado à torcida ck deslocar, de cabeça, o o primeiro gol do atacante Distribuiu bem as bolas..
como reforço do clube do goleiro Diego Alves. colombiano pelo Mengão. 6 Guerrero/ Apagado
coração. Parecia uma sa- Após o intervalo e a O desafio agora será Entrou, não teve muitas chances.
tisfação antecipada pelo apresentação de Vitinho, o manter o desempenho 7,5 Everton Ribeiro/ Articulador
que viria: a construção da Flamengo mostrou que nos próximos jogos e em Incisivo, foi premiado com o gol.
goleada por 4 a 1 do líder do não estava para brincadei- todas as competições. 6 Geuvânio/ Gás
Brasileirão. ra. Com três minutos, Pa- Entrou para dar novo fôlego.
Não demorou muito pa- quetá recolocou o rubro- NÚMEROS DO JOGO 7,5 Marlos Moreno/ Correria
Levou vantagem nas jogadas.
ra que as coisas dessem negro em vantagem. Flamengo x Sport
Sem nota Jean Lucas/ No fim
certo para o Flamengo. No terceiro gol, Diego co-
Bem distribuído, o anfi- CARINHO DA TORCIDA brou rapidamente falta 56% POSSE DE BOLA 44%
Entrou no final e pouco fez.
7 Uribe/ Movimentação
trião alternava as investi- Reforço do Flamengo, o atacante Vitinho para Marlos, que serviu 21 FINALIZAÇÕES 7 Deu assistência para Paquetá e
das por todos os setores. Foi esteve em campo e foi saudado por Everton Ribeiro. Aí apare- 20 PASSES ERRADOS 40 marcou seu primeiro gol pelo Fla.
depois de uma jogada aé- ceu a qualidade do craque, 7 Maurício Barbieri/ Evolução
quase 60 mil torcedores no Maracanã. 21 DESARMES 12 Acertou na volta de Marlos e na
rea que o primeiro gol saiu, STAFF IMAGES/FLAMENGO que limpou o defensor e
graças à valentia do capi- fez um golaço. No quarto 12 FALTAS COMETIDAS 11 opção por Uribe.
JOÃO MIGUEL JUNIOR/TV GLOBO

Dias), Cairu (Cris Vianna),


Cesária (Olivia Araujo),
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 Menelau (David Junior) e
Cecílio (Maicon Rodri-
Editor: Rafael Braz z rbraz@redegazeta.com.br
gues), o guarda-livros Teó-
Telefone: (27) 3321.8608
filo (Kiko Mascarenhas), a
ATENDIMENTO AO ASSINANTE (27) 3321-8699 preceptora Miss Celine
(Maria Eduarda de Carva-
lho) e o jovem Bento (Bru-
no Montaleone), além do
cão fox terrier Pirata.
Os congelados surgem,
132 anos depois, num
Mais de um século imenso bloco de gelo no
alheios às revoluções so- Guarujá – algo meio pare-
ciais, inovações tecnológi- cidocomoaconteceaoCa-
cas e conquistas científicas. pitão América nas histó-
Mais de dez décadas sem rias em quadrinhos (e nos
nem sequer ter ouvido falar filmes) da Marvel.
das guerras mundiais, da
chegada do homem à lua, CHOQUE
da construção de aviões, do “É uma história diverti-
surgimento da internet ou da e inusitada, cheia de re-
da invenção da penicilina. viravoltas que tem tudo a
São anos de avanços e des- Os Sabino vercomosdiasatuais.Parte
cobertas que moldaram Machado são de uma premissa fantásti-
costumes, hábitos e lingua- congelados ca, que é o congelamento
gens da sociedade contem- após acidente de pessoas por mais de 100
porâneaequevãogerarum de navio anos, mas é uma trama rea-
choque imensurável em lista, que vai contar o dia a
uma abastada família do dia dessas pessoas na cida-
século 19 que desperta no de grande (...) Conta uma
século 21. Por 132 anos, os história de amor inusitada
Sabino Machado e seus entre duas pessoas de sécu-
agregados ficaram conge- los diferentes. Uma delas
lados, dentro de um bloco veio do final do século 19; e
de gelo, enquanto a vida lá ooutro,dosdiasatuais.Isso
fora passava. Agora, vão vai causar inúmeras confu-
despertar em uma São Pau- sões. No fundo eles são
lopulsanteeturbulentaese muito parecidos, cada um
deparar com a sociedade deles em sua época”, define
em pleno 2018. “O Tempo Mario Teixeira.
Não Para”, novela das 19h “Eu sempre brinco que
queestreiaamanhã,éescri- algum dia vai chegar um
ta por Mario Teixeira e tem iceberg aqui, pode ser da-
direção artística de Leonar- qui a 10 milhões de anos ou
do Nogueira. pode ser ano que vem”,
A trama tem início em completa o diretor artístico
em1886eaabastadafamí- Leonadro Nogueira.
liaSabinoMachado,mora-
dora de São Paulo e deten- ATORES
tora de extensas terras pa- Juliana Paiva será a pro-
raexploraçãodeouroemi- tagonista Marocas, uma
nério e investimentos em das integrantes da família
telefonia, embarca em um Sabino Machado que ao
dos mais seguros navios da acordarsedeparacomuma
época, o Albatroz, a cami- São Paulo turbulenta:
nho da Europa. Dom Sabi- “Marocas é agridoce. É
no (Edson Celulari), um uma menina que se vira
fiel súdito da monarquia bem na mata (...) O encon-
que sonha com um título trodeMarocascomSamuca
da nobreza, planeja a via- (Nicolas Prattes) tava meio
gem para conhecer o esta- predestinado. A história é
leiro que comprou na In- divertida, eles vêm questio-
glaterra. A viagem tem um narmuitacoisaeéumabela
outro objetivo: manter história de amor”.
longe do falatório da cida- Edson Celulari será o
de a filha, Marocas (Julia- patriarca dos Sabino Ma-

CONFLITOS
naPaiva),quehaviaacaba- chado. O veterano revelou
do de recusar um casa- que é avesso à tecnologia:
mento no altar. Após um “Eu uso pouca tecnolo-
desvio de rota e uma breve gia, não gosto e nem quero
visita à Patagônia, o Alba- perder o contato direto de
troz se choca com um ice- olhar, de ouvir. A mágica
berg e naufraga. do ser humano”.
Em sua primeira novela

TEMPORAIS
SURPRESA na Globo, Adriane Galis-
A baixa temperatura da teu revelou que ficou mui-
água faz com que parte dos tonervosanahoradefazer
passageiros sejam congela- o teste para interpretar a
dos. No total, são treze pes- estilista Zelda:
soas: a família Sabino Ma- “Não tenho vergonha de
chado, composta por Dom trabalho. Fiz teste, fiquei
Sabino (Edson Celulari), nervosa, foi uma experiên-
Dona Agustina (Rosi Cam-
pos), Marocas (Juliana Pai-
“O Tempo Não Para”, nova novela das 19h, cia bacana (...)A minha per-
sonagem desperta muitos
va) e as gêmeas Nico (Ra-
phaela Alvitos) e Kiki (Na- estreia amanhã com trama leve e bem-humorada sentimentos: risos, raiva...
Estou adorando e apren-
thaliaRodrigues),alémdos dendo um pouco mais a ca-
escravos Damásia (Aline da dia”.(Com agências)
2 | C2 SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

SHOW FESTIVAL + SHOW + SHOW

Alexandre Pires em Vitória Festa em Domingos Martins João Bosco voz e violão Paula Toller em Vila Velha
O cantor Alexandre Pires irá trazer seu Domingos Martins recebe a 31ª Festa do O cantor e compositor João Bosco traz Paula Toller, uma das grandes vozes do
som a Vitória com o show “Baile do Morango neste fim de semana, com seu novo álbum “Mano que Zuera” a rock brasileiro, apresenta seu novo
Nêgo Véio”. Com as participações de Pe- atrações musicais como Léo Gomes, To- Vila Velha. Sexta, às 22h30. show, “Como eu Quero, em Vila Velha.
dalaSamba e os DJs Bero Costa e Fabricio ni Boni, Grupo de Danças “Granello Área de Eventos Shopping Vila Velha. Av. Sábado, às 22h.
V. Sábado, a partir das 18h. Luciano das Neves, 2418, Divino Espírito Santo, Vila
Giallo”, João Bosco e Vinícius (foto) e Velha. Ingresso: R$ 100 (cadeira ouro/inteira) e R$ Área de Eventos Shopping Vila Velha. Av. Luciano
das Neves, Vila Velha. Entrada: R$ 100 (inteira/pista),
Ilha Shows. Alameda Ponta Formosa, 350, Praia do outros. 50 (cadeira ouro/meia); R$ 80 (cadeira
R$ 50 (meia/pista); R$ 120 (inteira/área VIP), R$ 120
prata/inteira) e R$ 40 (cadeira prata/meia); R$ 60
Canto, Vitória. Entrada: R$ 50 (Pista/Lote 1); R$ 80 (cadeira bronze/inteira) e R$ 30 (cadeira (meia/área VIP); R$ 600 (mesa prata), R$ 540 (mesa
(Camarote/Lote 1). Informações: (27) 3224-3726. Confira a programação completa na grade abaixo. bronze/meia). Informações: (27) 3375-7642. prata/OAB); R$ 700 (mesa ouro), R$ 630 (mesa
ouro/OAB). Informações: (27) 3533-2221
MATEUS RIGOLA/DIVULGAÇÃO FLORA PIMENTEL/DIVULGAÇÃO


O
LIM
A/
DI

ÃO
VU
LG

ULGAÇ
AÇÃ
O

SA/DIV ER
LEO AV
DIVIRTA-SE
SEGUNDA Ressuscita. Às 21h. Fluente. Av. Sa- da 25ª Rainha da Festa do Morango 3232-4750. da Torta Gigante (14h); Léo Gomes
FESTA turnino Rangel Mauro, 505, Vitória.
Entrada: gratuita (50 primeiros), R$
(20h); Lorensom (23h). Centro de (20h30); João Bosco e Vinícius
Eventos Morangão. BR 262, km 90, (22h30); Banda Zoom Box (0h). Cen-
IPA DAY
15 (restante). Informações: (27) Rua Antonio Cebin, Pedra Azul, Do- TEATRO tro de Eventos Morangão. BR 262, km
MÚSICA AO VIVO Banda New York City Cops. Às 20h.
3311-5216. mingos Martins. Aberto ao público.
Informações: (27) 3248-1724.
90, Rua Antonio Cebin, Pedra Azul,
Domingos Martins. Aberto ao pú-
Liverpub Vitória. Rua Joaquim Lirio, Stone Pub Cena Local: Vermelho
Companhia do Outro. Às 19h30. Teatro blico. Informações: (27)
Sergio Rouver 820, Praia do Canto, Vitória. Entrada: Flame. Às 22h. Stone Pub. Rua Rômulo 3248-1724.
R$ 15 (até 22h) e R$ 20 (depois das Samorini, 33, Vitória. Entrada: R$ 5 Virgínia Tamanini. Av. Jerônimo Mon-
Variado. Às 20h30. Forneria Della Gar-
fagnana. Rua Judith Leão Castello Ri- 22h). Informações: (27) (com nome na lista/50 primeiros), R$
FESTA teiro, 428, Centro, Vitória. Ingressos:
15 (com nome na lista/até 0h), R$ 20 R$ 10 (inteira); R$ 5 (meia). Infor-
beiro, 470, Jardim Camburi, Vitória.
Sem couvert. Informações: (27)
99944-1204.
(sem nome na lista). Informações: Reggae Night mações: (27) 3232-4750. DANÇA
99776-8841. Night for Lovers (27) 3019-8178. Às 22h. Correria Music Bar. Av. Es-
Sergio Rouver, Roger Bezerra, Hugo tudante José Júlio de Souza, 740, Lisa, Liza e Eu Cavaleiro Solitário: As
Maciel e Marlon Aloyr. Às 20h. Monólogo musical cômico que conta
Itaparica, Vila Velha. Entrada: gratuita
a história da personagem Lisa, uma aventuras de um criador de
244/club. Rua Madeira de Freitas, 244, TEATRO (até 0h); R$ 15 (após 0h). Infor- artista em busca de notoriedade e que ilusões chamado Dom Quixote
QUARTA Praia do Canto, Vitória. Couvert: R$
30. Informações: (27) 99502-0244.
mações: (27) 98116-3325. tem como ídolo a diva da Broadway Cia. de Dança Mítzi Marzzuti. Às 20h.
Cena Local: Vermelho Liza Minelli. Às 21h (também no sá- Teatro Glória. Av. Jerônimo Monteiro,
Espetáculo da Companhia do Outro. bado). Teatro Universitário. Av. Fer- 428, Centro, Vitória. Ingressos: R$ 40
MÚSICA AO VIVO
Forró No Correria
Trio Maribondo. Às 23h30. Correria Às 19h30. Teatro Virgínia Tamanini. Av. BALADA nando Ferrari, 514, Vitória. Entrada: (inteira); R$ 20 (meia).
Music Bar. Correria Music Bar. Av. Jerônimo Monteiro, 428, Centro, Vi- R$ 40 (inteira/térreo); R$ 20 (in-
Estudante José Júlio de Souza, 740, tória. Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 Fluente teira/mezanino). Informações: (27)
Humberto & Ronaldo
Itaparica, Vila Velha. Entrada: gratuita (meia). Informações: (27) Vai que Brilha. Às 21h. Fluente. Av 3335-2953. BALADA
Sertanejo. Às 23h. Wood’s Vitória. Av. 3232-4750. Saturnino Rangel Mauro, 505, Vitória.
Dante Michelini, 301, Praia de Cam- (até as 23h), R$ 10 (após as 23h).
Informações: (27) 98116-3325. Entrada: R$ 20 (antecipado), R$ 25 Stone Pub
buri, Vitória. Entrada gratuita. In- (portaria). Informações: (27) Substance (90 anos de Andy Warhol).
formações: (27) 3019-6060. Black Sabbath Tribute 3311-5216. SÁBADO Às 22h. Rua Rômulo Samorini, 33,
Louder. Às 19h. Motor Rockers. Rua SEXTA Vitória. Entrada: R$ 5 (para os 100
Joaquim Lirio, 250, loja 6, Praia do 31ª Festa do Morango de primeiros/com nome na lista/até às
TEATRO Canto, Vitória. Entrada gratuita. In- SHOW Pedra Azul 23h), R$ 10 (depois dos 100 pri-
formações: (27) 3029-1233. FESTIVAL Almoço típico (11h); Wagner e Edimar meiros/com nome na lista/até às 23h),
Eu Sou Raiz Psirico (12h); grupos de danças (13h30); corte R$ 15 (sem nome na lista).
Espetáculo da FAFI. Às 19h30. Teatro What u Funk?
Às 20h. Garagem Vitória. Rua Manoel 4º Cerveja na Praça Axé. Às 21h. Embrazado. Rua Joaquim
Glória. Av. Jerônimo Monteiro, 428, Festival de cerveja artesanais da re- Lírio, 871, Praia do Canto, Vitória. Cou-
Centro, Vitória. Ingressos: R$ 10 (in- Gonçalves Carneiro, 85, Vitória. En-
trada gratuita. Informações: (27) gião sul, com Chico Vin Diesel e vert: R$ 40 (antecipado). Informa- Para divulgar um evento...
teira), R$ 5 (meia). Informações: (27) Amanita Flying Machine. Às 20h. Jar- ções: (27) 99733-8656.
3232-4750. 99624-5673. Envie e-mail para caderno2.ag@gmail.com, com pelo menos dois dias
dim Público Municipal, Centro, Muqui. de antecedência. No material devem constar horário, endereço
Entrada gratuita. O Barco dos Sonhos completo, gênero musical, telefone e valor do ingresso ou couvert.
Chico Lessa. Às 20h. Teatro Glória. Av.
BALADA 31ª Festa do Morango Jerônimo Monteiro, 428, Centro, Vi-
Os preços e horários divulgados pelo Caderno 2 são de responsabilidade
dos promotores dos eventos, e estão sujeitos a alteração. Para o roteiro
QUINTA de Pedra Azul tória. Ingressos: R$ 20 (inteira), R$ 10 de sábado e domingo, o envio é até quarta, às 18h.
Fluente Abertura dos Portões (18h30); Eleição (meia)). Informações: (27)

DESTAQUES DE CINEMA
VVVVV Imperdível Ritz Guarapari, sala 3 (3D/dub.): sala 5 (dub.): 20h30. após a Revolução Russa pela ótica de 17h10.
VVVV
VVV
Vale a pena
Bom
21h20. Cinemark Vitória, sala 1: 16h
(dub.), 19h20. Cinemark Vitória, sa- Hannah
EM CARTAZ Yuri Zhivago, um médico e poeta. Yuri
fica órfão ainda criança e vai para O Orgulho
VV Ruim la 2: 18h50, 22h. Cinemark Vitória, (França, Bélgica, Itália, 2018, 95 min). Moscou, onde é criado. Já adulto se (Le Brio, França, Bélgica, 2018, 97
l Fuja sala 5 (3D): 17h40 (dub.), 20h50. Drama. Direção: Andrea Pallaoro. Com Uma Quase Dupla casa com a aristocrática Tonya, mas min). Comédia. Direção: Yvan Attal.
Cinemark Vitória, sala 6 (3D): 12h Charlotte Rampling, André Wilms, (Brasil, 2018, 90 min). Comédia. Di- tem um envolvimento com Lara, uma Com Camélia Jordana, Daniel Auteuil,
(dub.), 15h10 (dub.), 18h20 (dub.), Stéphanie Van Vyve. Hannah é uma reção: Marcus Baldini. Com Tatá Wer- enfermeira que se torna a grande Yasin Houicha. Neïla Salah, moradora
ESTREIAS 21h30. Cinemagic Norte Sul, sala 2 mulher de terceira idade que divide-se
entre as aulas de teatro, a natação e o
neck, Cauã Reymond, Louise Cardoso.
Quando uma série de assassinatos
paixão da sua vida. Lara antes da do subúrbio de Paris, quer ser ad-
(3D): 16 (dub.), 18h50, 21h40. Ci- revolução tinha sido estuprada por vogada e desde o primeiro dia de aula
nemagic Norte Sul, sala 4 (dub.): trabalho como empregada domés- abala a rotina da cidade de Joinlândia, Victor Komarovsky, um político sem
VVVVV Missão: 14h20, 21h10. Cine Unimed, sala 1 tica. Quando o marido vai preso, ela o calmo e pacato subdelegado Clau- escrúpulos que já tinha se envolvido
na universidade entra em confronto
Impossível - Efeito (dub.): 18h20. Cine Unimed, sala 2 não tem alternativa a não ser a solidão dio receberá a ajuda da destemida e com a mãe de Lara, e se casou com com Pierre Mazard, veterano pro-
Fallout (3D/dub.): 20h40. Cine Ritz Perim e tenta refazer laços perdidos com experiente investigadora Keyla nas Pasha Strelnikoff, que se torna um fessor conhecido por seus ataques de
(Mission: Impossible - Fallout, EUA, Center, sala 2 (3D/dub.): 18h20. Cine descendentes, mas há um segredo na investigações. No entanto, a diferença vingativo revolucionário. A história é explosão, preconceitos e arrogância.
2018, 147 min). Direção: Christopher Ritz Perim Center, sala 3 (3D): família que dificulta seu relaciona- de ritmo e a falta de química dos dois narrada em flashback por Yevgraf de Filmado pelos alunos fazendo co-
McQuarrie. Com Tom Cruise, Henry 20h40. Cinépolis Moxuara, sala 2 mento com terceiros. Cine Jardins, só atrapalhará a solução do caso. Zhivago, o meio-irmão de Yuri que mentários extremamente grosseiros
Cavill, Rebecca Ferguson. Quando (3D/dub.): 15h15, 18h45, 22h15. Ci- sala 1: 15h, 21h15. Cinesercla Montserrat, sala 3: e racistas, ele é desafiado a preparar
procura a sua sobrinha, que seria filha
uma importante missão não sai como 18h45. Cinesercla Montserrat, sala
népolis Moxuara, sala 3 (3D/dub.): de Jivago com Lara. Cine Jardins, Neïla para vencer um concurso aca-
o planejado, Ethan Hunt e o time do A Festa 7:21h40.CineRitzGuarapari,sala2:
13h20, 16h20, 19h40. Cine Ritz Ara- 21h40. Cinemark Vitória, sala 1: sala 2: 16h40. dêmico de retórica em troca de uma
IMF unem forças em ação numa cruz, sala 1 (3D/dub.): 20h40. Cine (The Party, Reino Unido, 2018, 71 min). segunda chance de seus superiores.
Comédia. Direção: Sally Potter. Com 13h50, 22h25. Cinemark Vitória, Egon Schiele - Morte e a
corridacontraotempoparaacertaras Ritz Aracruz, sala 2 (3D): 20h30. Cine Jardins, sala 1: 19h20.
Kristin Scott Thomas, Timothy Spall, sala 7: 16h30. Cinemagic Norte Sul,
contas com os erros do passados. Cine Ritz Conceição, sala 2: 21h. sala 1: 13h10, 17h20, 21h30. Cine Donzela
Cinesercla Linhares, sala 1 (dub.): Cine Ritz Conceição, sala 3 Patricia Clarkson. Janet, uma política (Egon Schiele, Áustria, Luxemburgo,
Unimed, sala 4: 18h20, 20h20. Cine
20h45. Cinesercla Linhares, sala 2 (3D/dub.): 18h30, 21h10. Cinemark de esquerda, convida os amigos do Ritz Perim Center, sala 1: 16h45, 2018, 109 min). Biografia. Direção:
(dub.): 14h. Cinesercla Linhares, sa- Vila Velha, sala 1 (3D): 17h30, 20h40. partido para comemorar a sua es- 21h15. Cinépolis Moxuara, sala 5: Dieter Berner. Com Noah Saavedra,
la 3 (3D/dub.): 17h45, 20h30. Ci- Cinemark Vila Velha, sala 2 (3D): colha para o cargo de Ministra da 14h40, 17h. Cinemark Vila Velha, Maresi Riegner, Valerie Pachner. Egon
nesercla Montserrat, sala 2 12h (dub.), 15h10 (dub.), 18h20 (dub.), Saúde britânica, coroando um ob- sala 4: 16h40. Cinemark Vila Velha, Schiele foi um dos artistas mais pro-
(3D/dub.): 15h, 17h45, 20h30. Ci- 21h30. Cinemark Vila Velha, sala 4: jetivo que ela perseguia há anos. Os sala 8: 13h45. vocativos de Viena no início do século
nesercla Montserrat, sala 5 (dub.): 18h50 (dub.), 22h. Cinemark Vila amigos - e penetras - também têm XX. O jovem talentoso e sedutor
15h15, 18h, 20h45. Kinoplex Praia Velha, sala 8 (dub.): 16h, 19h10. Cine suas revelações, como uma gravidez VVVVV Dr. Jivago condiziu sua vida e obra de acordo
Confira a grade completa em
da Costa, sala 1 (3D/dub.): 14h, 17h, Ritz Piúma, sala 1 (3D/dub.): 21h. inesperada. Mas é a surpresa revelada (Doctor Zhivago, EUA, 1965, 197 min). com as mulheres que o cercavam:
20h. Kinoplex Praia da Costa, sala Multiplex Araújo, sala 1 (dub.): 16h, pelo marido de Janet, o intelectual Bill, Drama/Guerra. Direção: David Lean. Gerti, sua irmã mais nova e primeira www.gazetaonline.com.br/
2: 17h, 20h. Kinoplex Praia da Cos- 19h, 21h45. Multiplex Araújo, sala 3 que transforma completamente o cli- Com Omar Sharif, Julie Christie, Ge- musa, e Wally, paixão de sua vida, entretenimento
ta, sala 3: 15h, 18h, 21h. Cine Ritz (dub.): 21h30. Multiplex Araújo, sala ma da celebração. Cine Jardins, sala raldine Chaplin. O filme conta sobre os imortalizada na famosa pintura "Mor-
Guarapari, sala 2 (dub.): 19h. Cine 4 (3D/dub.): 21h. Multiplex Araújo, 2: 15h, 20h. anos que antecederam, durante e te e a Donzela". Cine Jardins, sala 1:
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 C2 | 3
GAROTA VIP

Márcia Fellipe quer


Márcia
promete
energia

conquistar o Brasil
Sucesso no Nordeste, milhões de execuções nas te amor deles por mim e tlist. Mas o capixaba tam-
cantora vem ao Garota plataformas digitais. pelas minhas músicas. bémpodeesperardoshow
Vip para se firmar de A cantora dividirá o pal- Sempre recebo mensa- um figurino porreta, co-
vez no resto do país co do Garota Vip com no- gens nas redes sociais me reografias novas, música
mes como o seu padrinho, parabenizando, falando boa e muita diversão, é
Wesley Safadão, Leo San- do amor e carinho por mi- claro.
tana e Gusttavo Lima. O nha pessoa e isso é muito
capixaba Filipe Fantin, gratificante. E tem alguma música
também apadrinhado por que o capixaba gosta
Safadão (o que lhe rendeu Acha que falta um pouco mais?
o apelido de “Safadin”), dessa visão “autônoma” “Quatro Sorrisos” é um
também fará parte do es- no meio sertanejo? sucesso que a galera pede
petáculo. Não vejo dessa forma, a onde eu for... Cada um
Em entrevista ao C2, mulherémaissentimental tem seu motivo particu-
Márcia destaca um novo e sofre por uma traição de lar para gostar de uma
momento damúsicaserta- maneira mais intensa que música, mas alguns sin-
PEDRO PERMUY neja e vê também uma o homem... Assim era, gles mexem mais com a
pvarga@redegazeta.com.br
oportunidade para as mu- agora estamos vendo uma galera do que outros. Os
Sucesso de público no Nor- lheres que se dedicam à geração de mulheres que capixabas são animados,
deste e no Norte do Brasil, música. Confira. sofre sim, mas junto das sim, e o que mais gosto é

ASSESSORIA DE IMPRENSA
Márcia Fellipe é uma das amigas em uma boa bala- que sempre estão com um
atrações que vão agitar o Na internet muitos co- da entre copos e risadas sorriso estampado no
Garota Vip no próximo dia mentam sobre suas mú- (risos). A vida tem que se- rosto, não tem como não
11 de agosto no Parque de sicas, que tratam a mu- guir. gostar, não é?
Exposições de Carapina, lher de forma mais autô-
na Serra. A missão de con- noma. Você sempre teve E qual é o conselho que
quistarorestodopaís,aco- GAROTA VIP
esse cuidado nas can- você dá para essa nova
Com Wesley Safadão, Léo
meçar pelo Espírito Santo, ções? geração encontrar um Santana, Gusttavo Lima,
vai contar com figurino Estamos numa época em grande amor? Márcia Fellipe e Filipe Fantin
inédito, novas coreogra- que a mulher já venceu Antes de amar alguém, se Quando: 11 de agosto, a partir das
fias e, claro, “muita diver- muitas barreiras e hoje es- ame primeiro. 17 horas.
são”, nas suas próprias pa- tá no mercado de traba- Onde: Pavilhão de Carapina.
Rodovia do Contorno, Km 1, s/n,
lavras. Para o show, ela lho, competindo de igual Para o show na Serra, o Jardim Carapina, Serra.
prepara um repertório que para igual com os homens. que você está preparan- Ingressos: arena – R$ 90
vai apresentá-la ao público É o empoderamento femi- do? Alguma novidade? (inteira/promocional); camarote
capixaba, que provavel- nino que chegou pra ficar Gravei “Deixa eu te Fazer vip – R$ 200 (inteira/2º lote);
open bar prime – R$ 220 (3º lote);
mente já sabe cantar o su- (risos). Feliz”, com Aldair Playboy, Backstage Wanted – R$ 350 (2º
cesso “Quatro Sorrisos”, e já ultrapassamos os 30 lote). Assinantes de A GAZETA
mas também trará a bom- E acha que suas fãs com- milhões de visualizações têm 5% no Backstage e no open
bada “Deixa eu te Fazer Fe- bar. Vendas: lojas Acesso Vip,
pram a ideia com você? do clipe nas plataformas Magia do Perfume, Cristal Graffiti
liz”, que gravou com Aldair Meus fãs são ótimos e é digitais. Certeza que esse e DIVA, e nos sites Bilhete Certo e
Playboyejátemmaisde30 muito gratificante ver es- novo sucesso estará no se- Acesso Vip.
4 | C2 SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

NOVO SONS
LEONARDO MASCARO/DIVULGAÇÃO

O pop solar e Marcelo exalta


elementos bem
brasileiros em
faixas que tratam
OUÇA!

alternativo de de temas atuais

Marcelo Perdido BRASA


t Marcelo Perdido

Músico carioca acaba celo deixa clara a sua inten- Selo Rosa Flamingo, 11
de lançar o disco ção: mesclar ritmos e exal- faixas. Disponível nas
“Brasa”, em que conclui tar um Brasil profundo e di- principais plataformas
um ciclo da carreira verso, tudo isso impresso de streaming.
sobreumpopalternativo.A
MARIANA PERIM canção tem vocais dividi-
mvteixeira@redegazeta.com.br
Quis fazer uma dos com Laura Lavieri (co- como um especial de fim
Carioca radicado em São nhecida pelo trabalho com deanodoRobertoCarlos”,
Paulo, o cantor e composi-
alusão ao Marcelo Jeneci) e traz refe- brinca o músico.
tor Marcelo Perdido tra- Brasil, mas rências a elementos tropi- A proximidade entre
çou um paralelo entre as com a minha cais, mas nos levando a um Marcelo e seus parceiros
estações do ano e seu de- universo de calor amazôni- musicais fez com que cada
senvolvimento artístico. O ótica desse co, com batidas que lem- canção tivesse uma identi-
encerramento do ciclo,
que na verdade é apenas o
momento bram o tecnobrega. dade própria. Para o músi-
Assim como Laura, vá- co, num cenário em que se
começodeumaoutrafase, confuso, de rios outros nomes marcam vive de arte, o afeto se tor-
se deu neste mês, com o temas atuais, presença no disco, como a na fundamental. “As tro-
lançamento de seu quarto baiana Nana, Letícia No- cas nem sempre são finan-
disco, “Brasa”, uma alusão pensando no vaes (Letrux) e Helio Flan- ceiras. Para quem faz mú-
ao verão tupiniquim. plural” ders (Vanguart). Cada faixa sica indepen-
Como um desafio pes- – são onze, no total – tem dente, fica mais
soal, o projeto começou — produção assinada fácil assim, na
MARCELO PERDIDO
ainda em 2014 com o disco MÚSICO porumartistadife- base do afeto,
“Lenhador”, um retrato do rente, todos com trabalhando en-
“outono pessoal” do músi- destaque na onda tre amigos”, frisa.
co. Em seguida, vieram mais recente do in- A partir de agora,
“Inverno”(2015)e“Bicho” disco do nosso verão ro- die pop brasileiro. Marcelo volta as aten-
(2016). O disco de vera- mantizado, um momento “Como era o último ções à produção de um vi-
neio veio como a cereja do mais feliz, próximo do fim disco, o fechamento mes- deoclipe e do início da
bolo, para celebrar brasi- do ano, no caso dos brasi- mo de um ciclo, eu quis fa- agenda de shows do disco
leirismos, afetos e a vivaci- leiros. Isso vem com uma zer o ‘Brasa’ como uma recém-lançado. Um dos
dade típica do período série de sinais, com essa grande festa de encerra- desafios, lembra o músico,
mais quente do ano, sem coisa de estarmos mais mento. Até porque, para será compilar o repertório
deixar de lado pequenas perto das pessoas, mais na ser sincero, durante o pro- de suas quatro estações
histórias do Brasil atual. rua, mais dispostos”, diva- cesso de produção, eu não pessoais em uma única
“O verão é uma estação ga Marcelo, em entrevista tinha muita certeza do que apresentação. “Quero
em que uns enxergam os por telefone ao C2. iria fazer depois desse tra- também ‘re-valorizar’ os
outros, nós nos enxerga- Na faixa-título, respon- balho. Chamei todo mun- trabalhos que vieram an-
mos. Queria que fosse um sávelporabrirodisco,Mar- do de que gostava muito, tes deste”, conclui.

ASSINANTES DE A GAZETA TÊM:

50%
DE DESCONTO *
São tantos benefícios
que pagam sua assinatura.

*SAIBA COMO ADQUIRIR SEU INGRESSO E O REGULAMENTO COMPLETO EM: CLUBEDOASSINANTE.AGAZETA.COM.BR.


#fazpartedomeuclube
/clubejornalagazeta Faça parte: assine.agazeta.com.br | 27 3321.8699
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 C2 | 5

RENATA RASSELI PEDRO PERMUY


(INTERINO)
zig-zag@redegazeta.com.br
(27) 3321-8516
ZIG ZAG
@zigzag_ag

Prestígio.
Luisa Meirelles, Bruno Lima, Priscila Ceolim e Victor de Castro; Juliana Kroeff, Lais Hoffmann e Vanessa Endringer; Maria Tereza Aragão, Raquel Melo e Renata Peruch: noite de
arte e música em Vila Velha. FOTOS: MÔNICA ZORZANELLI

Cérebro e corpo Festa.


ZIG. O bufê da área ex-
clusiva do Garota Vip, que

em união para o Cesinha Saade e


Norma Marques:
será realizado no dia 11 de
agosto, no Pavilhão de Ca-

emagrecimento
brindando os rapina, será assinado por
27 anos de Xuxu e Flávia Neffa.
atuação dela no
mercado das ZAG. A nossa veterinária
Uma nova técnica para emagrecer chega cerimonialistas. Manoela Pimentel se
ao Estado: no clima de “corpo são, mente FOTOS: MÁRCIO aperfeiçoa na área de der-
sã”, o empresário Leo Bindaco trouxe para GUIMARÃES/ALL LIVE matologia para os pets
seu spa urbano um planejamento para com novo curso que segue
perder os quilinhos extras. A técnica une até novembro.
nutrição, estética e programação
neurolinguística. Quem aplica um dos ZIG. A empresária Paula
exercício dessa nova modalidade é o Deps celebra os 25 anos
coaching de emagrecimento, com de sua marca com ensaio
ferramentas que gerenciam as emoções e feito em Marraquexe e
controlam a compulsão por comida. Merzouga, cidade ao Norte
do deserto do Saara.

Samba novo em 2019 ZAG. Vanessa Kröhling


inaugura nova unidade de
A capixaba Erika Drews acaba de fundar o sua esmalteria em shop-
Grêmio Recreativo Unidos de Itapuã e já ping de Vila Velha no início
planeja pôr a nova escola de samba na rua. de agosto.
A quadra da agremiação também vai servir
para projetos sociais para crianças nas ZIG. Thais Hilal recebe
áreas de saúde e educação física. convidados hoje, em Vitó-
ria, para a exposição de
Novo point obras do paulistano Mau-
rício Parra. O artista pro-
Filipe Pauzem e Moises Maffei convidam duziu essa série durante
para a inauguração de nova churrascaria, sua residência artística no
ao estilo “steak & beer”, na Serra, na Mosteiro de Ibiraçu.
próxima sexta-feira, dia 3. Madalice e Manoela de Angeli Sérgio Lima e Penhamara Araújo

PROMOÇÃO EXCLUSIVA PARA


ASSINANTES DE A GAZETA:

CONCORRA A
INGRESSOS DE CINEMA
DO CLUBE
CINE
ACESSE O SITE DO CLUBE E PARTICIPE:
O
M OÇÃ
clubedoassinante.agazeta.com.br
PRO
São tantos benefícios que pagam sua assinatura.
Created by Freepik

*CONFIRA O REGULAMENTO COMPLETO NO SITE DO CLUBE /clubejornalagazeta Faça parte: assine.agazeta.com.br | 27 3321.8699 #fazpartedomeuclube
6 | C2 SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

HORÓSCOPO NOVELAS
ÁRIES LEÃO SAGITÁRIO
(20 MAR. A 20 ABR. ) (22 JUL. A 22 AGO.) (22 NOV. A 21 DEZ. ) Malhação foto de Rafael, rodeado casamento com Darcy irá
Momentoestimulanteparaa Vocêestábastanteatraente Procureseguiroqueestá TV GAZETA, 17H35 de mulheres, para Ga- acontecer em breve.
expressãoamorosaeaspai- eencantador.Maspodenão planejado,semalternarpor ¦ Úrsula afirma a Enzo briela.
xõesromânticas,emespe- sabermuitobemoquefazer atalhosque,emborafáceis, que não consegue esque- Deus Salve o Rei
cialemmeioaosafazeres. comisso. levamaoquevocênãoquer. cer o que ele lhe fez. Ra- Orgulho e Paixão TV GAZETA, 19H14
TV GAZETA, 18H09 ¦ A emissora não divul-
fael e Gabriela fazem um
novo jantar para reunir ¦Lady Margareth desafia gou o último capítulo.
TOURO VIRGEM CAPRICÓRNIO seus filhos. Márcio pro- Elisabeta. Julieta convida
(21 ABR. A 20 MAI. ) (23 AGO. A 22 SET. ) (22 DEZ. A 20 JAN. ) Olegário para trabalhar Segundo Sol
voca Alex. Brigitte faz in-
Asrelaçõeshumanasmais Momentodeencontrocom Pequenasmudançasocor- sinuações a Getúlio. Ra- para ela. Mariana é im- TV GAZETA, 21H16
próximas,familiareseamo- aspectospositivosebrilhan- remnasrelaçõespessoais, fael e Gabriela comuni- pedida de correr de mo- ¦ Edgar tenta convencer
res,tornam-segenerosa- tesdevocêmesmo.Seja pormeiodasensibilidadee cam aos filhos sua ideia to. Ema convence o avô a Cacau a começar uma
menteafetuosasehumanas. maisdisposto. dacompreensão. de morar junto. Márcio aceitar seu noivado. Lí- nova vida ao seu lado.
afirma a Pérola que fará dia e Randolfo se beijam. Valentim comenta com
tudo para separar Rafael Lady Margareth dá um Rosa que teme que o ca-
GÊMEOS LIBRA AQUÁRIO vestido de noiva para Su-
(21 MAI. A 20 JUN. ) (23 SET. A 22 OUT. ) (21 JAN. A 19 FEV. ) de Gabriela. Marcelo co- samento de Beto e Karola
menta com Brigitte que sana. Otávio vê Brandão tenha chegado ao fim.
Comaspessoasamigasou Oaspectododiaindicaum Asafeiçõessãofortes,mas sua filha Dandara voltará e Mário/Mariana se bei- Acácio desabafa com Va-
emsuacasa,façaaquelespe- encontro,provavelmentede elasexigemvocêsairdeseu ao Brasil. Márcio falta à jando e fica confuso. Au- lentim sobre Manuela.
quenosesforçosquepodem caráterafetivo,comumami- comodismoparanelasin- escola e provoca Rafael. rélio pede que Camilo Com a ajuda de Katian-
melhorarmuitoaharmonia. gotalvez. gressar. Leandro inicia suas aulas perdoe Julieta. Julieta drea, Remy descobre um
de dança com Bárbara. tenta se aproximar de Ja- segredo de Laureta. Beto
CÂNCER ESCORPIÃO PEIXES Márcio pede para sair ne. Brandão impede Otá- revela a Ícaro que reatou
(21 JUN. A 21 JUL.) (23 OUT. A 21 NOV. ) (20 FEV. A 20 MAR.) com Rafael e arma para o vio de contar o que viu com Luzia.
pai. Vinícius comemora para Agatha. Josephine
Comumpoucodeboavonta- Umdiaparavocêcuidardas Étempodedesfrutardocon-
sua formatura no Le Ke- ameaça Cecília. Susana Os resumos dos capítulos estão
deasnegociaçõesserãodes- relaçõesligadasàsrespon- fortomaterialedosbensma- anuncia a todos que seu
sujeitos a mudanças em função
bek. Márcio manda uma da edição das novelas
fechadasaseufavor.Masé sabilidadesprincipaiseà teriais.Asrelaçõessãoesti-
precisonãoterpreguiça. carreiraprofissional. mulantesnotrabalho.

SUDOKU PALAVRAS CRUZADAS


O Sudoku é um tipo de
desafio lógico japonês.
As regras: o jogador de-
ve preencher o quadra-
do maior, que está di-
vidido em nove grids,
com nove lacunas em
cada um, de forma que
todos os espaços em
branco contenham nú-
meros de 1 a 9. Os al-
garismos não podem se
repetir na mesma colu-
na, linha ou grid

QUADRINHOS
RECRUTA ZERO Mort Walker

32 DENTES Venes Caitano

SOLUÇÕES
SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018 LIVROS C2 | 7
FIQUE DE OLHO
O QUE ESTOU LENDO
“A GUERRA NÃO TEM MAIS VENDIDOS (FICÇÃO) C2 INDICA
ROSTO DE MULHER” 1 O Paraíso São Os Outros. Valter Hugo Mãe. 1 4 3 2 1. Paul Auster. Cia. das Letras.
Svetlana Aleksiévitch Biblioteca Azul.
2 O Que o Sol Faz Com As Flores. Rupi Kaur.
2 A Arte de Querer Bem. Ruy Castro. Estação Brasil.
Planeta do Brasil.
Isis Marins, bancária 3 Poesia Que Transforma. Bráulio Bessa. Sextante.
3 Quando Ela Era Boa. Philip Roth. Cia. das Letras.
No primeiro semestre me res soviéticas que estive- rante e após o período de 4 Jubilo, Memória, Noviciado da Paixão. Hilda Hilst.
Cia. das Letras. 4 Os Incontestáveis. Saulo Ribeiro. Cousa e Patuá.
vi encantada e admirada ram em combate durante a combate. A autora dá voz a 5 De Amor Tenho Vivido. Hilda Hilst. Cia. das Letras. 5 Os Homens Explicam Tudo Para Mim. Rebecca Solnit.
por esse livro. Sou amante Segunda Guerra. Como essas mulheres que foram Cultrix.
6 Ponciá Vicêncio. Conceição Evaristo. Pallas.
de livros e filmes de guer- muitas dessas mulheres fo- silenciadas por muito tem-
7 Meu Livro Violeta. Ian McEwan. Cia. das Letras. 6 Praia de Manhattan. Jennifer Egan. Intrínseca.
ras, mas antes dessa obra ram para guerra ainda me- po, com uma riqueza de
só conhecia guerra através ninas (muitas com 16 anos) detalhes que nos leva a ou- 8 A Revolução dos Bichos. George Orwell. Cia. das Letras. 7 Um Artista do Mundo Flutuante. Kazuo Ishiguro.
Cia. das Letras.
do ponto de vista mascu- temos um relato muito tra visão acerca do que 9 O Que o Sol Faz Com As Flores. Rupi Kaur.
Planeta do Brasil. 8 Um Ano Depois. Anne Wiazemsky. Todavia.
lino. O livro é um conjunto mais humano sobre o que aprendemos sobre a guerra
de depoimentos de mulhe- realmente aconteceu du- 10O Pequeno Príncipe (edição de bolso). Antoine de 9
nos livros de história. Saint-Exupéry. Caminho Suave. O Sol na Cabeça. Geovani Martins. Cia. das Letras.

Fonte: Livrarias Saraiva, Cultura e Travessa. 10Estela Sem Deus. Jeferson Tenório. Zouk.

CRÍTICA
LANÇAMENTOS

Força feminina norteia


obra de Carola Saavedra CARINE WALLAUER/DIVULGAÇÃO
Livro “Com Armas
Sonolentas” articula
histórias protagonizadas
por três mulheres

CLARISSE FUKELMAN
Com jogos de armar e de
amor, a ficção de Carola
Saavedra se reinventa a
cada vez, na trama e es- Cartas da Prisão Sharp Objects:
trutura narrativa. “Com de Nelson Mandela Objetos Cortantes
Armas Sonolentas: um SAHM VENTER GILLIAN FLYNN
Romance de Formação” ¦ A obra reúne mais de 200 ¦Romance de estreia da au-

não foge à regra. Já no tí- textos inéditos de um dos tora de “Garota Exemplar”,
tulo, a imagem poética e maiores líderes políticos de relançado com capa basea-
difusa se choca com o en- todos os tempos. Com um da na série homônima da
quadramento da obra ao retrato íntimo do ativista, é HBO. A obra acompanha Ca-
gênero Bildungsroman. a primeira coleção autori- mille Preaker, uma atormen-
Resulta daí uma proposta zada e autenticada de cor- tada repórter que esconde o
de leitura que opere à respondências sobre os 27 corpo repleto de cicatrizes
anos em que Nelson Man- autoinfligidas de palavras
moda de Moebus, figura
dela esteve encarcerado. cortadas na própria carne.
recorrente na obra da au-
tora: a colagem de duas A escritora e tradutora chilena, radicada no Brasil, lança seu quinto romance Todavia, 648 páginas. R$ 84,90. Intrínseca, 344 páginas. R$ 49,90.
extremidades de uma fi-
ta, após dar meia volta xos entre si. Para entender gravidez indesejada dá à
numa delas, subverte a o motor dessas vidas cru-
CONFIRA luz frases como “a coisa
representação bilateral zadas, sem perder a sur- crescia em silêncio dentro
do espaço, criando uma presa, sugiro seguir as ar- de sua barriga”. Nesta pe-
terceira dimensão. É este mas, lá do título. Será com dagogia inexiste função
imaginário que se sugere armas reais (faca, revól- edificadora. O discurso ir-
percorrer. ver) e simbólicas (autori- rompedocorpoparadesa-
O livro acompanha tarismo ou dinheiro), e se- fiar tabu.
três mulheres. A promis- rá na arena da sobrevivên- Sim, há guardiães da
sora atriz carioca vai mo- cia, que cada personagem memória, alguns à beira
rar com o cineasta ale- confronta uma engrena- da loucura, e todos co-
mão famoso, após co- gem perversa. nectados à experiência,
nhecê-lo num festival no conceito de Walter Ben-
Rio; isolada em pequena ESTRUTURA jamin para o saber ances-
cidade da Alemanha, nu- Se desamor e desafeto tral transmitido em nar-
tre-se de frustrações. A edificaram feridas, apren- rativas e cada vez mais
estudante alemã passa dizados são tirados. O es- raro, pela perda do pas- A Câmara Clara Quando Ela Era Boa
por transformações radi- queleto do romance de sado em comum. Em da- ROLAND BARTHES PHILIP ROTH
cais, com súbito interes- formação é revolvido com do momento do livro, o ¦ Edição para a coleção ¦ Publicado originalmente

se pelo Brasil, descober- protagonistas mulheres, Com Armas tomar da palavra no tea- Clássicos de Ouro. Conside- em 1967, este é o único livro
ta do amor e desejo ho- ausência de figura central Sonolentas: tro se torna gesto teste- rado um dos mais impor- do autor protagonizado por
mossexual. A jovem mi- heroica, polifonia, narra- um Romance munhal coletivo. E o livro tantes pensadores contem- uma mulher. Situado numa
neira anônima migra pa- tiva em abismo, saberes de Formação nos lembra que na ances- porâneos, Barthes explora cidadezinha americana, nos
ra a Cidade Maravilhosa, ancestrais e escuta respei- t Carola Saavedra tralidade e para além de na obra a diferença de re- anos 1940, o romance segue
para ser doméstica: po- tosa à contundência do Cia. das Letras, 272 nós, humanos e racio- produção da imagem na câ- a história de uma jovem zan-
demos chamá-la de Ma- mara clara – copiada pela gada e ferozmente moralista,
trauma e pesadelo. Não há páginas. Quanto: R$ 54,90. nais, há substância de ou-
mão do homem – e na câ- para quem a “bondade” é
cabéa, personagem cla- reconciliação com a divin- tro peso que nos consti-
mara escura, a fotografia. uma doença terrível.
riceano evocado a certa dade onde se grafa “deus” tui, como um alerta, a pe-
altura. com minúscula. Não há dir novas formas de inter- Nova Fronteira, 112 páginas. R$ 49,90. Cia. das Letras, 352 páginas. R$ 59,90.
As histórias revelam ne- aprimoramentomoralsea pretar. (O Globo)
8 | C2 SEGUNDA, 30 DE JULHO DE 2018

Mayana “habla”

TV& FAMOSOS
Mayana Neiva posa caracterizada para rodar
“Águas Selvagens”. O filme é dirigido por Roly
Santos e tem equipe e elenco argentinos e
uruguaios. É a quarta produção em língua
espanhola de que ela participa: “Sou
Com Patrícia Kogut
apaixonada pela cultura latino-americana”, diz.

JOÃO MIGUEL JUNIOR/TV GLOBO


Julieta se Fã número 1
entrega a Fã do casal #Afonsália, o
Aurélio autor de “Deus Salve o
Está prevista para o dia
10 de agosto a cena da Protagonista Rei”, Daniel Adjafre, fez
questão de acompanhar as

e herói pela
primeira transa entre Ju- gravações do casamento
lieta (Gabriela Duarte) e de Amália (Marina Ruy
Aurélio (Marcelo Faria). Barbosa) e Afonso (Romu-

primeira vez
A sequência, claro, será lo Estrela) nos Estúdios
delicada, como a trama Globo. O novelista tietou –
da Rainha do Café pede. e foi tietado! – pelos atores
“Montagem caprichada da trama, que se casam no
da primeira vez deles. Ju- último capítulo, no ar hoje.
lieta emocionada, chora
ao mesmo tempo em que
ri de felicidade; Aurélio
delicado, gentil e apaixo-
nado. Cena marcante”,
escreveu o autor Marcos
Bernstein no capítulo.

Inteligente e
guerreira às 19h
Carol Macedo é a Paulina
de “O Tempo Não Para”,
nova novela das 19h que NOTAS
estreia amanhã (confira
mais na matéria de ca-
pa). Estudante de direito,
começa trabalhando co-
mo garçonete no restau-
rante da SamVita, mas
Boa!
10
acaba injustamente de- Para o Globoplay, por
mitida pelo gerente do comprar “The Good
lugar. Depois, será recon- Doctor”. Se for um
tratada como estagiária sinal do catálogo que
de advocacia da empresa. estão montando para o
OTT, é um bom sinal.

Depois do sucesso como o vilão Lázaro, de “Rock filme sobre uma história passada em 1905. Mas ela
Epidemia?
0
Story”, João Vicente de Castro volta às novelas, ago- descobre que já viveu nessa época e, inclusive, vi- Para a obsessão por
ra, na pele de um mocinho. O ator será Alain Dutra, o venciou realmente aquela história. desmaios em “Malhação”.
protagonista de “Espelho da Vida”, a próxima trama Muito materialista, o rapaz não consegue aceitar que há Já ficaram desacordados
das seis. No folhetim de Elizabeth Jhin, com direção coisas “entre o céu e a terra” que a razão não consegue os personagens de Aracy
artística de Pedro Vasconcelos, Alain é um bem-su- explicar. Apesar da paixão por Cris, qualquer tentativa Balabanian, Luis Gustavo,
cedido diretor de TV e cinema que vai rodar um filme da jovem de se abrir com ele sobre o que aconteceu no Pally Siqueira, Rayssa
em sua cidade natal, a fictícia Rosa Branca. Na pro- passado é rechaçada. A partir daí, todas as suas crenças Bratillieri e Giovana
dução, que estreia em setembro, Alain escolhe a e certezas caem por terra e Cris terá que escolher entre Cordeiro. Eu, hein.
namorada, Cris (Vitoria Strada), para protagonizar o duas épocas, duas vidas e dois amores.

Cafeteria com ambiente agradável, perfeito para


encontrar amigos e fazer um lanche delicioso.

Faça parte desse Clube: assine.agazeta.com.br


20%
DESCONTO*
Cafeteria
Quiosque Shopping Vitória
Enseada do Suá, Vitória SÃO TANTOS DESCONTOS
27 3325.2413 QUE PAGAM SUA ASSINATURA.
#fazpartedomeuclube
Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018
5950

COMUNICADOS CARTÓRIOS DE PROTESTO


___________________________________________________________________________________________________________
CARTORIO DO 1 OFICIO DA 2ª ZONA DA SERRA
Acham-se neste cartório, sito a Av. Eudes Scherrer de Souza, nº 1.350, Cep: 29165-680 - Laranjeiras, Serra - ES, Tel: (27) 3038-7954,
EDITAIS, AVISOS, ATAS E Títulos de responsabilidade das seguintes pessoas:
PUBLICAÇÃO LEGAL BATISTA IMOVEIS LTDA - CNPJ: 22.024.725/0001-52 Protocolo: 1072426
BISS CONSTRUCOES PRE-FABRICADAS LTDA - E - CNPJ: 24.481.907/0001-88 Protocolo: 1072527
ESTADO DO ESPÍRITO SANTO ELBER MAXIMIANO DE OLIVEIRA - CNPJ: 22.522.285/0001-63 Protocolo: 1072489
CENTRO AUTOMOTIVO GLORIMAR MENDES DE AQUINO - CPF: 526.932.017-72 Protocolo: 1072488
PODER JUDICIÁRIO
CONSELHO LTDA, torna CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - 3ª VARA CÍVEL IDEAL INSTALACOES E CONSTRUCOES VIX LTDA - CNPJ: 27.255.828/0001-47 Protocolo: 1072499
público que Requereu da FÓRUM DES. HORTA ARAÚJO JJ GUASTI TRANSPORTE EIRELI EP - CNPJ: 06.540.133/0001-37 Protocolo: 1072465
AV. MONTE CASTELO, S/N - 3º ANDAR - BAIRRO INDEPENDÊNCIA MARIANA IZALTINA FURNO PIRES - CPF: 134.848.547-74 Protocolo: 1072487
SEMDESU, através do CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM - ES - CEP: 29306-550 OM SERVIYOS E EMPREITADA LTDA ME - CNPJ: 28.207.783/0001-06 Protocolo: 1072510
Processo 43354/2018, Telefone(s): (28) 3526-5824 / (28) 3526-5823 Por não ter sido possível encontrá-las, intimo-as para os fins de direito, e, não sendo atendida a presente até o dia 31 de Julho de 2018,
Email: 3civel-cachoeiro@tjes.jus.br notifico-as do protesto. Serra, 27 de Julho de 2018
Licença LMAR, para ETELVINAABREU DO VALLE RIBEIRO - Tabeliã e Oficiala
EDITAL DE CITAÇÃO
atividade de Oficina PELO PRAZO DE 30 DIAS site: www.cartorioserra.com.br
Expediente: 09:00 às 18:00
Mecânica Sem Pintura, N° DO PROCESSO: 0068740-61.2012.8.08.0011 _______________________________________________________________________________________________________
CÓD 5.07(I), na AÇÃO: 159 - Execução de Título Extrajudicial CARTÓRIO DO 1º OFÍCIO DE LINHARES
Requerente: BANESTES S.A. - BANCO DO ESTADO DO ESPIRITO SANTO Acham-se neste Cartório, na Av. Comendador Rafael, 1440, Centro Linhares/ES, CEP: 29.900-052, Tel: (27) 3264-1091- ramal 28,
localidade de Rua Requerido: NORTH INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA, ANTONIO EDUARDO SILVEIRA DE títulos de responsabilidade das seguintes pessoas:
Patrimônio, 1485, Térreo: ALMEIDA e JAIR FIGUEIREDO ALVES NETO ERINALDO RODRIGUES FERREIRA ( META SO - CNPJ: 13.773.412/0001-06
Galpão, Jardim do Vale, MM. Juiz(a) de Direito da CACHOEIRO DE ITAPEMIRlM- 3ª VARA CÍVEL do Estado do Espírito Santo, PGM SERVICE- PROJ. GER.E MONT. IND. E - CNPJ: 06.279.015/0002-06
por nomeação na forma da lei etc. REGINARA BORGES PEREIRA - CPF: 184.580.387-65
CEP: 29.113-751, Munic. VH BUSTAMANTE TRANSPORTES E CO - CNPJ: 22.095.263/0001-64
FINALIDADE
Vila Velha - ES. DAR PUBLICIDADE A TODOS QUE O PRESENTE EDITAL VIREM que fica(m} devidamente CITADO
Por não ter sido possível encontrá-la(s), intimo-as para os fins de direito e não sendo atendida a presente até o dia 31/07/2018,
notifico-a(s) do protesto. Linhares-ES, 27 de julho de 2018.
(S): Requerido: NORTH INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA, pessoa jurídica
_______________________________________________________________________________________________________
Documento(s): CNPJ : 02.203.773/0001-09
Você está em Cachoeiro e CARTÓRIO DO 1º OFÍCIO DA 2ª ZONA DE VILA VELHA
Requerido: ANTONIO EDUARDO SILVEIRA DE ALMEIDA. pessoa física
quer anunciar, ligue 3526- Documento(s). CPF : 490.356.227-15
4447ou 3526-4443. Requerido: JAIR FIGUEIREDO ALVES NETO, pessoa física Acham-se neste Cartório, sito à Rua Cabo Alyson Simões, 560, Sobreloja - Centro -Vila Velha - ES - Cep 29100-320 - Tel: (27),3329-
Documento(s): CPF : 054.942.487-39 0503 // 3329-0513 , Horário de atendimento: 09:00 Até:18:00hs, títulos de responsabilidade das seguintes pessoas:
Atualmente em lugar incerto e não sabido, conforme extraído dos autos, para conhecimento de ALEXANDRE CAVALCANTE BICALHO 003.683.877-20 1
todos os termos da presente ação para, no prazo de 03 (três) dias, PAGAR a dívida no valor de R$ ESPECIFARMA COM DE MEDICAMENTOS E PRO 00.085.822/0003-84 1
117.482,06 (cento e dezessete mil, quatrocentos e oitenta e dois reais e seis centavos) CONCETTO MOVEIS E PROJETOS EIRELLI 06.196.571/0001-20 1
devidamente atualizado quando da satisfação. MAQUIFER MAQUINAS E FERRAMENTA 08.268.538/0001-93 1
IGREJAASSEMB. DEUS CHAMAS VIVAS NO ALTA 16.099.429/0001-18 1
ADVERTÊNCIAS DAIANA F.M.S DO NASCIMENTO COM. DE VARIE 21.045.443/0001-79 1
a) PRAZO: O prazo para Embargos é de 15 (quinze) dias, a partir do prazo supracitado; SALUTAR COMERCIO E PREST DE S 22.842.604/0001-18 1
b) É dever do executado, no prazo fixado pelo Juiz, indicar onde se encontram os bens sujeitos à S.S. DE OLIVEIRA REP. E COM. DE PROD. 24.398.519/0001-38 1
execução exibir a prova de sua propriedade e, se for o caso, certidão negativa de ônus, bem como LA MONJARDIM CONSTRUTORA EIRELI ME 26.634.548/0001-87 1
abster-se de qualquer atitude que dificulte ou embarace a realização da penhora; J. C. DE ALMEIDA BOTEQUIM ME 28.393.383/0001-24 1
c) No caso de integral pagamento no prazo de 03 (três) dias, a verba honorária será reduzida pela E por não ter sido possível encontra-las, ficam as mesmas desde já intimadas para o exercício de seus direitos até (01) dia útil após
metade (art. 652-A, parágrafo único do CPC); esta publicação, nos termos da lei nr.9492/97
d) O Arresto se converterá em Penhora em caso de não pagamento, nos termos Art. 654, do CPC. Vila Velha (ES), 30 de JULHO de 2018
DESPACHO TABELIÃ
FI: 1. Tendo em vista que já foram implementadas diligências com o fito de citação dos requeridos - Liane Persio
NORTH STAR INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. ANTÓNIO EDUARDO SILVEIRA DE MIRANDA E JAIR _______________________________________________________________________________________________________
FIGUEIREDO ALVES NETO e tendo restado inexitosas, ACOLHO o requerimento formulado no CARTÓRIO DO 1º OFÍCIO DA 1ª ZONA DA SERRA
petitório de f. 166/167, destarte, CITE-SE por edital com a observância das disposições insertas no art. Acham-se neste Cartório, sito à Rua Major Pissarra, 196 - Centro - Serra - ES - Cep 29176-020 - TeleFax: (27) 3064-7250,
232, IV, do Código de Processo Civil - prazo de 30 (trinta) dias. horário de funcionamento Horário de Atendimento das 09:00 as 18:00 hs, títulos de responsabilidade das seguintes pessoas:
2. Caso citados por edital permaneçam silentes, nomeio curador especial, nos termos do art. 9°, II do ABIMAEL KARSTEM ME 1 CNPJ: 11.820.969/0001-25
Código de Processo Civil. um dos doutos defensores públicos que respondem por esta 3ª Vara Cível, ADEMILSON ROQUE DOS SANTOS 1 CPF: 033.179.175-71
o qual deve ser intimado do “munus e para apresentação de resposta no prazo legal. YURI ALVES DE VARGAS MEIRA 1 CPF: 143.226.677-24
3. Diligencie-se com as formalidades legais. Por não ter sido possível encontrá-las, intimo-as para os devidos fins de direito, e, não sendo atendida a presente até o dia terça-feira,
E, para que chegue ao conhecimento de todos, o presente edital vai afixado no lugar de costume 31 de julho de 2018, notifica-as do protesto. Serra, ES, segunda-feira, 30 de julho de 2018.
deste Fórum e, publicado na forma da lei.
ELISABETH BERGAMI ROCHA - Oficiala e Tabeliã
CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM-ES, 21/06/2018
JUAREZ ROCHA CORDEIRO
CHEFE DE SECRETARIA
Aut. pelo Art. 60 do Código de Normas
Registro de Imóveis – 1º Ofício de Cariacica

AVISO DE LICITAÇÃO Rua Pio XII, nº 36, Campo Grande – Cariacica – ES Tel: (27) 2123-4700
A SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE torna público:
PREGÃO ELETRÔNICO nº 0381/2018, Proc nº. 79169490. EDITAL - 1ª PUBLICAÇÃO
Objeto: Registro de Preços de Bem Permanente – Aparelho de Raio X
Portatil. (Retificação de Registro conforme arts. 212 e 213 da Lei 6.015/1973)
SITUAÇÃO: SUSPENSO SINE DIE.
Informações: através do e-mail sesacpl@saude.es.gov.br, ou tel. (27) 3347-
5746, de 9 as 18h. FAZ SABER para ciência dos interessados que em cumprimento ao disposto nos arts. 212 e 213 da Lei 6.015/1973, que RITA
Em, 27 de Julho de 2018. IZABEL VIEIRA GOMES, inscrita no CPF/MF sob o n° 817.472.117-15, proprietária do imóvel matriculado sob o nº. 21.846, depositou nesta
Marcos Natividade Serventia, o memorial, planta e demais documentos exigidos na citada Lei, relativo ao imóvel de sua propriedade, qual seja: Lote de
Pregoeiro CPL/SESA Terreno no 04 (quatro), da Quadra nº 02 (dois), com área de 233,03m2 (duzentos e trinta e três metros e três decímetros
AVISO DE LICITAÇÃO
quadrados), situado em Itaquari, Município de Cariacica/Es, afim de proceder a retificação da área e confrontações de acordo com
A SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE torna pública a divulgação das levantamento topográfico abaixo indicado. Que as impugnações daqueles que se julgarem prejudicados quanto ao domínio do referido imóvel
licitações na modalidade PREGÃO, de acordo com as Leis nº 8.666/93 e deverão ser apresentadas dentro do prazo de 15 (quinze) dias contados a partir da segunda publicação do presente Edital, que será
10.520/02 e Decreto nº 2458-R/10, por meio do sistema eletrônico. O Edital publicado em um jornal local, de circulação diária. Findo o prazo e não havendo impugnações, será feita a averbação de retificação de
estará disponível no Sistema do Siga, site www.compras.es.gov.br, para a r e g i s t r o .
licitação abaixo:
PREGÃO ELETRÔNICO nº 0385/2018, Proc. nº 82048398. DADO E PASSADO nesta Cidade de Cariacica/ES, aos 30 (trinta) dias do mês de julho o do ano de 2018 (dois mil e dezoito).
Objeto: Registro de Preços de Medicamento – Mandado Judicial.
Abertura: 10/08/2018, às 8h. Início da Sessão de disputa: 10/08/2018 às
09h.
Valor estimado da licitação: R$ 2.487.517,52 (dois milhões, quatrocentos e
oitenta e sete mil, quinhentos e dezessete reais e cinquenta e dois centavos).
PREGÃO ELETRÔNICO nº 0387/2018, Proc. nº 82048533.
Objeto: Registro de Preços de Medicamento – Mandado Judicial.
Abertura: 10/08/2018, às 8h. Início da Sessão de disputa: 10/08/2018 às
10h.
Valor estimado da licitação: R$ 3.124.803,20 (três milhões, cento e vinte e
quatro mil, oitocentos e três reais e vinte centavos).
Informações: através do e-mail sesacpl@saude.es.gov.br, ou tel. (27) 3347-
5746, de 9 às 18h.
Em, 27 de Julho de 2018.
Rafael Freitas de Araujo
Pregoeiro CPL/SESA

AVISO DE LICITAÇÃO
A SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE torna pública a divulgação da
licitação na modalidade PREGÃO, de acordo com as Leis nº 8.666/93 e
10.520/02 e Decreto nº 2458-R/10, por meio do sistema eletrônico. O Edital
estará disponível no Sistema do Siga, site www.compras.es.gov.br, para a
licitação abaixo:
PREGÃO ELETRÔNICO nº 0210/2018, Proc. nº 77252110
Objeto: Registro de Preços de Bem de Consumo – Médico Hospitalar.
Abertura: 10/08/2018, às 8h.
Início da Sessão de disputa: 10/08/2018 às 14h.
Valor estimado da licitação: R$ 7.607.358,00 (sete milhões seiscentos e
sete mil trezentos e cinquenta e oito reais).
Informações: através do e-mail sesacpl@saude.es.gov.br, ou tel. (27) 3347-
5746, de 9 às 18h.
Em, 27 de Julho de 2018.
Marcos Natividade
Pregoeiro CPL/SESA

ABERTURA DE LICITAÇÃO
TOMADA DE PREÇOS Nº 006/2018
Cartório do 1º Ofício de Cariacica/ES
PROCESSO Nº: 23.562/2017
ABERTURA: às 14:30 horas do dia 22/08/2018.
O Município de Guarapari-ES torna público que fará realizar licitação na
modalidade TOMADA DE PREÇOS, cujo OBJETO é a CONTRATAÇÃO DE
EMPRESA PARA CONCLUSÃO DA OBRA DO SISTEMA DE
ESGOTAMENTO SANITÁRIO NA COMUNIDADE DE SAMAMBAIA -
SEMOP.
Solicitação de edital através do e-mail: copel@guarapari.es.gov.br
Guarapari, 30 de julho de 2018.
LUCIANE NUNES DE SOUZA
PRESIDENTE COPEL
2 A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018

CARTORIO 2º OFÍCIO DE REGISTRO GERAL DE IMÓVEIS DE GUARAPARI PREFEITURA MUNICIPAL DE DOMINGOS MARTINS
Rua Carlos Santana - nº 180 - Parque da Areia Preta - Guarapari - ES - Cep: 29.200-640 - Tel: (27) 3361-0044 - e-mail: falecom@rgiguarapari.com.br ESTADO DO ESPÍRITO SANTO
A Prefeitura Municipal de Domingos Martins torna público, o resumo da ata de
EDITAL DE NOTIFICAÇÃO julgamento de habilitação da Tomada de Preços Nº 000007/2018 que tem por
ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA
(LEI N° 9.514/1.997)
objeto a Contratação de empresa de engenharia especializada para execução
de obra de urbanização da Rodovia João Ricardo Schorling, construção de
O Cartório do 2º Ofício de Registro Geral de Imóveis e Anexos da Comarca de Guarapari/ES, por seu Oficial Titular o Sr. Taine Guilherme de Moreno, estacionamento próximo ao Portal de entrada da Sede do Município de
faz saber a quem deste vier a tomar conhecimento que por este edital e na forma do disposto no artigo 26, § 4º, da Lei nº 9.514, de 20 de novembro de 1.997, FICA Domingos Martins-ES, com fornecimento de materiais, mão de obra e
NOTIFICADO O SR. GABRIEL FONSECA SOBREIRA CPF Nº 090.800.687-05, COM ENDEREÇO NA RUA ALBERTO ANTÔNIO DA SILVA, Nº 350, PARAÍSO, ferramentas conforme projetos, cronograma e planilha orçamentária, obra com
SÃO GABRIEL DA PALHA/ES, CEP 29.780-000, devedor na Cédula de Crédito Bancário Crédito Pessoal nº 237/2563/31052016-01, garantido por alienação aproximadamente 1.230 m², Convênio de repasse n° 015/2018/SEDURB.Após
fiduciária e firmado em 31 de maio de 2.016, e devidamente registrado sob R-08 da matrícula n° 18.097, em 23 de junho de 2.016, tendo como Credor Fiduciário o análise da documentação pela Comissão Permanente de Licitação e corpo
BANCO BRADESCO S/A, para que no prazo de 15 (quinze) dias, satisfaça as obrigações contratuais já vencidas, assumidas nos termos da respectiva Cédula de técnico da Prefeitura Municipal de Domingos Martins, engenheiro João Luiz de
Crédito Bancário Crédito Pessoal nº 237/2563/31052016-01, firmado com o BANCO BRADESCO S/A, bem como as obrigações contratuais que vencerem até o Padua Koehler responsável pela elaboração do projeto e pela fiscalização da
final deste prazo ou até a data do pagamento, bem como para que pague os juros convencionados, as penalidades e os demais encargos contratuais, os encargos
legais, inclusive tributos, e as despesas de cobrança e intimação, bem como promova a purgação da mora de que trata o § 5º do citado dispositivo legal, sob pena de execução da obra, foram declaradas habilitadas as empresas ANTONIO
em não o fazendo no prazo estabelecido, ser constituído em mora o devedor fiduciante e ser consolidada a propriedade do imóvel (UM TERRENO RURAL COM A ZAMBON CONSTRUTORA VENDA NOVA LTDA EPP, J & J CONSTRUÇÕES
ÁREA DE 222.553,00 METROS QUADRADOS, SITUADO EM INDEPENDÊNCIA, DISTRITO DE TODOS OS SANTOS, NESTA CIDADE E COMARCA DE LOCAÇÕES E SERVIÇOS EIRELI ME, JM TRANSPORTE DE CARGAS E
GUARAPARI/ES, MATRÍCULA 18.097) em nome da Credora Fiduciária, tudo em conformidade com o disposto no artigo 26, da Lei 9.514, de 20 de novembro de COMERCIO LTDA ME, R R COSTA CONSTRUÇÕES LTDA e ZAMBELINE
1.997. Guarapari/ES, 20 de Julho de 2.018. ENGENHARIA LTDA EPP, por apresentarem a documentação conforme
exigido no edital. Aempresa DELFIN CONSTRUTORALTDAEPP foi inabilitada
Cartório do 2º Ofício de Registro Geral Imóveis de Guarapari/ES por não apresentar nos atestados da empresa e do profissional prova de que
Taine Guilherme de Moreno - O Oficial tenha executado obras com características semelhantes e compatíveis com o
objeto desta licitação, serviços de Terraplanagem, conforme exigido no item
8.8.4.b.1.I do edital. A empresa EDILI EMPREENDIMENTOS EIRELI foi
inabilitada por não apresentar o comprovante de Cadastro de Fornecedor junto
CARTÓRIO 1º. OFÍCIO - REGISTRO DE IMÓVEIS DO MUNICIPIO ECOMARCA DE SÃO MATEUS - ES a Prefeitura Municipal de Domgos Martins, exigido no Item 8.8.4.f do Edital. Fica
SERVIÇO REGISTRAL “ARNALDO BASTOS” aberto o prazo para interposição de recurso, na forma do item 13.1 e 13.2 do
Rua Manoel Andrade, nº 349, Centro - São Mateus - ES Cep: 29.930-045 Tel: (27) 3763-2806 / 3763-2697 Edital. Não havendo apresentação de recurso, fica agendada para às 09:00
E-mail: servicoregistralsaomateus@uol.com.br horas do dia 05 deAgosto de 2018, a abertura e julgamento das propostas.
Domingos Martins-ES, 27 de Julho de 2018
EDITALDE NOTIFICAÇÃO Rogério Aldemir da Penha
Presidente da CPL
EDITAL Audálio de Aguiar Bastos, Oficial titular do Cartório de Registro Geral de Imóveis da Comarca de São Mateus - ES, por
nomeação na forma da lei e no uso de suas atribuições, etc... Vem através deste, em cumprimento ao disposto no § 4? do art. 26, da Lei
9.514/1997, INTIMAR a Sra. LAUDINEIA SANTOS RAMOS, CPF n°. 103.829.897-08, para que no prazo de 15 (quinze) dias, a partir da
terceira publicação deste Edital, efetue o pagamento junto a este Cartório, das parcelas vencidas do Contrato de Financiamento imobiliário AVISO DE SUSPENSÃO
firmado em 23/10/2013, registrado sob o nº 04, na matricula 30.241, do livro 02, neste Cartório, referente ao financiamento garantido por TOMADA DE PREÇOS
Alienação Fiduciária do imóvel situado no lugar denominado loteamento Vale do Amazonas, no lugar denominado Oitizeiro, na quadra “I”,
lote nº 05, nesta cidade de São Mateus ES. A não Purgação da mora dentro do referido prazo, poderá implicar na consolidação da Nº. 003/2018
propriedade em nome da Credora Fiduciária, CAIXA ECONOMICA FEDERAL, conforme disposto no §7º do Art. 26, da Lei 9.514/97. O MUNICÍPIO DE ITARANA/ES, através da
São Mateus ES, 18 de maio de 2018.
EDITAL DE CONVOCAÇÃO Presidenta da Comissão de Licitação, torna público
que fica SUSPENSA temporariamente a abertura
Audálio de Aguiar Bastos
Oficial.
ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA da sessão pública da TOMADA DE PREÇOS em
A diretoria do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Espírito
Expediente: 09:00 às 12:00 e 13:00 às 18:00 horas epígrafe, marcada para o dia 01/08/2018 às 09h,
Santo, cumprindo suas funções estatutárias, convoca os jornalistas
associados para a ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA a ser cujo objeto é a futura contratação de empresa
realizada no dia 06 de agosto de 2018, às 12h00, em primeira especializada para Reforma do Ginásio
CARTÓRIO 1º. OFÍCIO - REGISTRO DE IMÓVEIS DO MUNICIPIO ECOMARCA DE SÃO MATEUS - ES
SERVIÇO REGISTRAL “ARNALDO BASTOS” convocação, e às 12h30, em segunda e última convocação, na sede da Poliesportivo de Itarana – “Saturnino Rangel
Rua Manoel Andrade, nº 349, Centro - São Mateus - ES Cep: 29.930-045 Tel: (27) 3763-2806 / 3763-2697 entidade, situada na Av. Jerônimo Monteiro, 240, Ed. Ruralbank, Sala Mauro”. MOTIVO: Responder impugnação ao
E-mail: servicoregistralsaomateus@uol.com.br
1010, Centro, Vitória/ES, para discussão e deliberação sobre a seguinte edital. Maiores informações pelo telefone (27)
EDITALDE NOTIFICAÇÃO ordemdodia: 3720-4916/4917 ou pelo e-
EDITAL Audálio de Aguiar Bastos, Oficial titular do Cartório de Registro Geral de Imóveis da Comarca de São Mateus - ES, por 1. Eleição da Comissão Eleitoral para conduzir o processo eleitoral 2018 no mail:licitacao@itarana.es.gov.br
nomeação na forma da lei e no uso de suas atribuições, etc... Vem através deste, em cumprimento ao disposto no § 4? do art. 26, da Lei SindicatodosJornalistasProfissionaisnoEstadodoEspíritoSanto. Itarana/ES, 27 de julho de 2018
9.514/1997, INTIMAR a Sra. DAILMA RODRIGUES DA SILVA SANTOS, CPF n°. 077.786.557-21, para que no prazo de 15 (quinze) dias, a Vitória, 30 de julho de 2018. Juliana B. Netto de Aguiar
partir da terceira publicação deste Edital, efetue o pagamento junto a este Cartório, das parcelas vencidas do Contrato de Financiamento
imobiliário firmado em 10/03/2014, registrado sob o nº 04, na matricula 29.467, do livro 02, neste Cartório, referente ao financiamento Douglas Dantas Presidenta da CPL
garantido por Alienação Fiduciária do imóvel situado no lugar denominado loteamento Ayrton Senna, no lugar denominado Fazenda Bom Coordenador - Geral do Sindijornalista-ES
Sucesso, na quadra “34”, lote nº C, nesta cidade de São Mateus ES. A não Purgação da mora dentro do referido prazo, poderá implicar na
consolidação da propriedade em nome da Credora Fiduciária, CAIXA ECONOMICA FEDERAL, conforme disposto no §7º do Art. 26, da Lei
9.514/97. São Mateus ES, 18 de maio de 2018.

Audálio de Aguiar Bastos


Oficial. PODER JUDICIÁRIO
JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU
Expediente: 09:00 às 12:00 e 13:00 às 18:00 horas SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO

CARTÓRIO 1° OFÍCIO DE CARIACICA


Acham-se neste Cartório do 1º Ofício de Cariacica, Rua Pio XII, nº 36, 1º Andar, Campo Grande, Cariacica - ES, Tel:(27)2123-4700
títulos de responsabilidade das seguintes pessoas:
DevedorCPF/CNPJ
BONNA PIZZA RESTAURANTE LTDA - ME CNPJ:10.814.731/0001-24
CR PEREIRA SERV ESPECIALIZADOS CNPJ:21.360.666/0001-20
JLR INDUSTRIA DE COSMETICOS LTDA CNPJ:19.338.214/0001-09
RAFAEL RODRIGUES LAUER CNPJ:14.192.860/0001-89
SANTOS E OLIVEIRA REFORMA E CO CNPJ:20.081.479/0001-45
Por não ter sido possível encontrá-las, intimo-as para os fins de direito, e, não sendo atendida a presente até o dia 31/07/2018
notifico-as do protesto. Cariacica, 30 de julho 2018.
EVANDRO SARLO ANTÔNIO - OFICIAL

COMUNICADO
AMBITEC SOLUÇÕES AMBIENTAIS LTDA, torna
público que requereu e obteve do IEMA, através
do Processo nº 10873, a LAU nº 082-D/2018
para a atividade de Coleta e Transporte
Rodoviário de Óleo Lubrificante Usado e/ou
Contaminado, para atuar nas rodovias do
Espírito Santo, estando sediada na localidade
de Zona Rural, Município de Aracruz-ES.
A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018 3
4 A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018
A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018 5
6 A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018
A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018 7
8 A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018
A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018 9
10 A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018
A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018 11
12 A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018
A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018 13
14 A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018
A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018 15
16 A GAZETA Vitória (ES), segunda-feira, 30 de julho de 2018
COOPERATIVISMO
PROJETO DE MARKETING Vitória, 30 de julho de 2018

OCB comemora empregos Entrevista: deputado Cooperativas de crédito


e aumento no número de federal Osmar Serraglio e de saúde ampliam
cooperados PÁG. 10 defende setor PÁG. 20 seus investimentos PÁG. 22

UMA AULA DE
COOPERAÇÃO
Filhos de cooperados, estudantes aprendem sobre cultivo e gestão
2 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

Só é possível fazer
um mundo melhor
ndo todos coo
ua peram.
q ernacional do
Dia Int Coopera
7
0 de julho tivismo.
.
SEGUND A 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 3

EDITORIAL
Elaine Silva
Editora da Revista Cooperativismo

Cooperativas
que inspiram
Q
uando começamos a discutir qual temática a
Revista Cooperativismo deste ano iria abor-
dar, decidimos escolher algo que pudesse
inspirar as pessoas, cooperadas ou não. A
intenção era mostrar que as cooperativas
vêm dando um belo exemplo não só eco-
nômico, mas também de inclusão, tolerância e equi-
dade de gênero. Num mundo como o de hoje, em que se
vê tantos casos de preconceito e desigualdades, o
cooperativismo comprova sua origem de agregar pes-
soas, dar chance para quem não tem emprego, mas sem
A intenção é mostrar
perder de vista o seu principal objetivo: se consolidar que as cooperativas
como um negócio rentável.
Os repórteres encontraram bons exemplos em várias vêm dando um belo
regiões do Estado. Como o projeto que envolve as
cooperativas Coopeavi e Caf Serrana, que ensina alunos exemplo não só
da escola estadual Emílio Schoereder sobre cultivo e
rentabilidade da produção. Trata-se de um programa de
econômico, mas
educação continuada que inclui conteúdo técnico-pe-
dagógico voltado à realidade rural dos estudantes. É
também de inclusão,
uma forma de garantir o futuro desses jovens naquilo
que é mais precioso para aquela região: a coope-
tolerância e equidade
rativa. de gênero.
Mas um dos casos mais brilhantes que vamos contar
para você, leitor, é o das mulheres da cooperativa Póde
Mulheres, de Muqui, no Sul do Estado. Esposas de
cooperados que viam seus maridos plantarem café na
cooperativa Cafesul, elas resolveram se unir para tam-
bém ter sua própria renda, independente do fatu-
ramento dos homens. Com isso, elas criaram um pro-
duto diferenciado, um café de extrema qualidade, que
hoje é vendido com a marca Póde Mulheres, uma alusão
ao pó de café, mas também ao empoderamento fe-
minino. Elas conseguiram criar um diferencial e agre-
gar renda à receita obtida pela Cafesul.
São apenas dois exemplos de muitas boas histórias que a
revista deste ano traz! Inspirem-se!

Cooperativismo EDITORA DE CADERNOS ESPECIAIS: Marcelle Secchin (msecchin@redegazeta.com.br); EDITORA: Elaine Silva (elaine.silva@redegazeta.com.br)
EDITOR-ADJUNTO: Rhayan Lemes (rlemes@redegazeta.com.br) ; TEXTOS: Raquel Lopes, Siumara Gonçalves e Paula Gama FOTOS: Fernando Madeira,
ESPECIAL DE
Guilherme Ferrari, Divulgação e Arquivo AG DIAGRAMAÇÃO: Adriana Rios e Andressa Machado; DIRETOR EXECUTIVO DE MÍDIA IMPRESSA E DIGITAL: Marcello
Moraes; DIRETOR DE JORNALISMO: Abdo Chequer; EDITOR-CHEFE: André Hees; DIRETOR COMERCIAL: Márcio Chagas; CORRESPONDÊNCIAS: Jornal A Gazeta, Rua
Chafic Murad, 902, Monte Belo, Vitória, ES, CEP: 29053-315.
4 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

SUMÁRIO

30
Leite com
tecnologia
Cooperativas de laticínios
apostam em investimentos e
pesquisas para deixar a crise e
os efeitos da seca para trás.
Selita e Veneza estão
produzindo de forma diferente
para lucrar mais

17
Elas
podem
tudo
Mulheres de Muqui, no Sul

10
do Estado, dão exemplo de
empreendedorismo.
Presidente da OCB Elas se uniram para produzir
comemora crescimento seu próprio café e criaram a
marca Póde Mulheres, uma
Pedro Scarpi Melhorim fala de como o marca de café especial que
cooperativismo estimula o emprego vem fazendo muito sucesso
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 5

24 20 Entrevista:
Osmar
Serraglio
Deputado federal que coordena Frente
Parlamentar de Cooperativismo no

Saúde tem Congresso fala dos desafios do setor

melhores
profissionais
Cooperativas médicas e de
serviços de saúde apostam nas
novidades da Medicina para
atender melhor e crescer no
mercado. Qualificação dos
profissinais também é fundamental
para o setor

Cooperar para
mover o mundo
6 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

EXEMPLO QUE
ATRAVESSA
GERAÇÕES
Família do interior de Santa Maria de Jetibá mostra que o
interesse pelo cooperativismo no campo vem de berço

RAQUEL LOPES d
rflopes@redegazeta.com.br mo alface, cebolinha e couve, mas tam-

“M
bém são encontrados aipim e cenoura. A
ãe, vamos fazer ca- produção mensal é de aproximadamente
fé para ir ao mor- 300 caixas, tudo destinado à cooperativa.
ro!”. É com esse
chamado que João PRODUÇÃO
Victor, de 4 anos, começa a acordar os Vanildo está desde o início na Caf
pais às 5h30, horário em que a família Serrana, que produz cerca de 200 to-
Waiandt começa o trabalho na proprie- neladas por mês de frutas, verduras e
dade rural, na comunidade de Alto legumes. São aproximadamente 60
Santa Maria, a 19 quilômetros de Santa “A cooperativa itens, tendo como carro-chefe as fo-
Maria de Jetibá. Nascido na roça, o fortalece seus lhagens: alface, couve, salsa e cebo-
menino já está habituado a acompa- cooperados linha, além da batata inglesa, batata
nhar a rotina dos pais, produtores que através de doce, repolho, cenoura, tomate, ma-
fazem parte da Cooperativa de Agri- remuneração mão e beterraba. Isso só é possível pela
cultores Familiares da Região Serrana justa e força de trabalho de 198 cooperados
(Caf Serrana). pré-fixada de de Domingos Martins, Santa Teresa,
No município, o cooperativismo vem seus produtos Afonso Cláudio, Itarana, Itaguaçu, La-
de berço, perpassa gerações e fortalece — ranja da Terra e Santa Leopoldina.
as famílias que vivem da agricultura. O SELENE HAMMER Os produtos chegam a 650 escolas da
produtor rural Vanildo Waiandt, de 27 TESCH Grande Vitória, do governo do Estado e
anos, aprendeu com seu pai, Theodoro Presidente da Caf das prefeituras de Vitória, Serra, Vila
Serrana
Waiandt, de 71 anos, a trabalhar no cam- Velha, Aracruz, Itarana e Santa Maria
po. Agora, vê com bons olhos o interesse de Jetibá. Os alimentos atravessam o
do pequeno João pela plantação de fo- Estado e também são fornecidos em
lhagem da família. Brasília para oito organizações mili-
“Meus pais, minha esposa e eu tra- tares ligadas ao Ministério da Defesa,
balhamos juntos e incentivamos os envolvendo Exército, Marinha e Força
dois filhos, de 4 e 7 anos, a continuar no Aérea Brasileira (FAB). A associação
campo. A cooperativa ajuda o produtor está em fase de assinatura de contrato
a ser valorizado. Ganhamos um preço com a Universidade Federal do Espírito to”, diz a presidente da Caf Serrana, Se-
justo pelo trabalho e acredito que isso Santo (Ufes) para o fornecimento em lene Hammer Tesch.
vai continuar para as próximas gera- três campi da instituição.
ções. Sempre digo que primeiro vêm os “Temos um trabalho ao longo dos anos LUCRATIVIDADE
estudos. São eles (filhos) que irão es- que buscou capitalizar a cooperativa e As cooperativas dão um belo exemplo
colher o caminho, mas eu percebo que manter uma comunicação próxima com de inclusão e também econômico, tendo
o menino gosta da roça, está sempre os nossos cooperados. Além das assem- ganhado expertise quando o assunto é
com a gente”, diz Vanildo. bleiasobrigatóriasporlei,temostambém unir forças para driblar atravessadores,
A família é cooperada da Caf Serrana encontros nas comunidades onde os as- para conseguir aumentar a lucrativida-
desde 2011, quando teve início a coo- suntos do dia a dia são discutidos como de dos produtores. Os agricultores são
perativa. Na propriedade de quatro hec- forma de aprimorar o trabalho e manter remunerados com base em tabela de
tares a predominância é de folhagem, co- um grupo coeso com visão de crescimen- preços fixos e esse valor se baseia em
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 7

FOTOS: FERNANDO MADEIRA

u Os produtores
rurais Patrícia e
Vanildo Waiandt
com o filho João
Victor, em Alto
Santa Maria, no
interior de Santa
Maria de Jetibá

300
caixas
É a produção
mensal de
folhagens colhidas
na propriedade
dos Waiandt. Tudo
é destinado à
venda por meio da
cooperativa Caf
Serrana.

Vanildo com o filho João Victor e o pai, Theodoro: três gerações da família no campo

“Incentivamos protegê-los das oscilações gigantescas


que o mercado possui. Além disso, a co-
os dois filhos a operativa contribui para seu crescimento
e profissionalização, pois a ampliação da
continuar no demanda faz com que o planejamento
produtivo seja aprimorado”, destaca Se-
d
campo. A lene, presidente da cooperativa.

200
toneladas
cooperativa EXEMPLO
O produtor rural Flotélio Abeldt, de 61

É a quantidade de
ajuda o anos, mora em Alto São Sebastião, em
Santa Maria de Jetibá, e é outro coo-
frutas, verduras e
legumes
produtor a ser perado da Caf Serrana. Há dois anos, ele
passou a produção para os três filhos:
produzidos por mês
pelos associados à
valorizado. Sandoval, de 36 anos, Fabiana, de 34, e
Rafael, de 22, que continuaram coope-

médias anuais apuradas junto aos ór-


Cooperativa de
Agricultores
Ganhamos um rados e produzem folhagens e ovos.
Flotélio afirma que a cooperativa for-
gãos oficiais, como a Ceasa.
Dessa forma, os produtores conse-
Familiares da
Região Serrana.
preço justo pelo talece os agricultores, já que o produto
tem destinação certa e o preço é fixo.
guem vender a um preço justo, que
antes era passado abaixo do custo para trabalho Algumas vendas avulsas chegam a custar
30% menos do que o valor estabelecido
que terceiros comercializassem. Al-
guns produtores afirmam que perdiam realizado” pela cooperativa, diz. Ele conta que con-
segue ganhar em torno de R$ 3 mil por
até 30% do valor da produção. VANILDO WAIANDT mês só com o que vende por meio da Caf.
“A Caf fortalece seus cooperados atra- PRODUTOR RURAL “Meu pai e avós sempre trabalharam no
vésdaremuneraçãojustaepré-fixadados campo,meusfilhosestãoseguindoomes-
seus produtos. Essa é uma maneira de mo passo. Os negócios estão indo bem e
valorizar o trabalho dos agricultores e isso anima a todos”, diz, esperançoso. l
8 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

LIÇÕES DO CAMPO
o Estudantes
colhem rabanete
plantada durante
aula prática na
Escola Estadual

NA SALA DE AULA
de Ensino
Fundamental e
Médio Fazenda
Emílio Schoereder

d
Professores dão aulas práticas para ensinar técnicas aos alunos e
incentivá-los a valorizar e buscar novos desafios nas cooperativas 90%
da turma
RAQUEL LOPES A maioria dos
rflopes@redegazeta.com.br anos, é a responsável por lecionar a eles vivem em casa, valoriza a iden- estudantes é filho

E
disciplina “Prática na propriedade”, no tidade deles, motiva a dar continui- de pequenos
m Santa Maria de Jetibá, na Re- colégio, duas vezes por semana. 90% dade ao trabalho da família e desafia produtores rurais
gião Serrana do Estado, crian- da turma é formada por filhos de pe- para novos horizontes, na busca por de Santa Maria de
ças e jovens aprendem lições de quenos produtores rurais, alguns as- novas tecnologias associadas à susten- Jetibá.
cooperativismo também na sa- sociados a cooperativas, como a Co- tabilidade”, diz Erineti.
la de aula, dentro do colégio. O quintal operativa de Agricultores Familiares da Um dos alunos é Olailson Waiandt, de
da Escola Estadual de Ensino Funda- Região Serrana (Caf Serrana) e a Co- 17 anos. Ele ressalta que há uma troca de
mental e Médio Fazenda Emílio Schoe- operativa Agropecuária Centro Serra- experiências entre professores e alunos
reder é cenário onde os alunos apren- na (Coopeavi), ambas do município. acerca da realidade do dia a dia na roça, o
dem os valores do campo na prática. “O processo desde o plantio, os tratos que faz com que os estudantes aprendam
Com as mãos na enxada e na terra, culturais, até a colheita fica por conta na escola técnicas para ajudar os pais na
homens e mulheres aprendem a plan- dos alunos. Isso ajuda a aperfeiçoar a propriedade rural onde vivem. “É bem
tar legumes e verduras. prática que já trazem de casa. Eu acre- didático e aprendo meios de irrigação,
A professora Erineti Arnholz, de 31 dito que a escola vai ao encontro do que tipos de plantio. Meus pais são produ-
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 9

FOTOS: FERNANDO MADEIRA

tores e consigo auxiliá-los na plantação rano, uma forma de exercitar a língua e


de café, milho, feijão, gengibre e inha- manter a cultura viva em Santa Maria
me”, conta. de Jetibá.
Das plantações cultivadas pelos alu-
nos saem, por exemplo, rabanete e VALORIZAÇÃO
alho, que são usados na merenda es- A professora Erineti acredita que os
colar. Durante o processo de aprendi- ensinamentos sobre a produção rural
zado, um outro ponto que chama a fazem com que os alunos se sintam
atenção é o envolvimento e o diálogo valorizados e motivados a continuar no
estabelecido entre os estudantes e a campo, o que acaba por fortalecer a
professora: eles conversam em pome- agricultura familiar local e evitar, as-
sim, o êxodo rural. “É um incentivo
para que se sintam donos de seus ter-
renos, cresçam em sua propriedade
“A escola vai ao buscando autonomia e melhor quali-
dade de vida”, ressalta.
encontro do que A lição é aprendida pela estudante
Ediana Rogge, de 14 anos. Filha de
eles vivem em produtor rural da comunidade de Rio
Lamego, em Santa Maria de Jetibá, ela
casa, valoriza a diz que ajuda os pais na plantação e já
passou para eles técnicas aprendidas
identidade deles, na escola para evitar pragas no café,
beterraba, repolho, inhame e alho.
motiva e desafia Ela afirma que pretende se especializar
para continuar no campo. “Eu gosto das
para novos aulas porque todos cooperam e aprendo
técnicas que posso usar na plantação em
horizontes” casa. Futuramente, eu penso em fazer
cursos que possa usar na propriedade,
ERINETI ARNHOLZ como Agronomia, para continuar aju-
PROFESSORA A professora Erineti Arnholz, que dá aula de campo duas vezes por semana dando meus pais”, planeja. l
10 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

FOTOS: DIVULGAÇÃO - OCB/ES

O presidente da
OCB-ES, Pedro
Scarpi Melhorim:
otimismo com o
cooperativismo no
Espírito Santo

ENTREVISTA
Pedro Scarpi Melhorim Presidente do Sistema OCB/ES

Longe dos efeitos


da crise econômica
Presidente do Sistema OCB/ES comemora aumento de
empregos e crescimento no número de cooperados no Estado
e diz que setor “não sofreu tanto com os impactos da crise”
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 11

RAQUEL LOPES Como o senhor avalia a crise econô- d


rflopes@redegazeta.com.br tante ressaltar também que em locais
mica no setor de cooperativas?

C
onde surgem cooperativas, obser-
omemorando o aumento de em-
pregos e o crescimento no nú-
Se existe um setor da economia que
não sofreu tanto com os impactos da
crise, posso afirmar que esse setor foi o
va-se a elevação do nível cultural,
econômico, social e ambiental, ga-
123
cooperativas
mero de cooperados do Sistema rantindo a sustentabilidade de milha-
OCB/ES, o presidente da insti- de cooperativismo. E o seu principal res de famílias, seja no Espírito Santo, É o total
tuição, Pedro Scarpi Melhorim, que as- diferencial é trabalhar com pessoas, só- no Brasil ou no mundo. registrado no
sumiu o cargo em agosto de 2017, diz que cios, que juntos são os donos do ne- Sistema OCB/ES.
o setor “não sofreu tanto com os impactos gócio, da produção, das sobras, mas Neste ano, a Selita, cooperativa mais
da crise” e destaca o trabalho feito para também dos prejuízos. O fato de dividir antiga do Estado, completa 80 anos.
fortalecer as 123 cooperativas registradas responsabilidades igualmente por to- O que isso significa para a OCB?
no Espírito Santo: em vez de estimular o dos, pensar e agir de forma coletiva É um orgulho para o sistema e para
surgimento de novas. “A OCB trabalha pa- pelo bem do negócio, é o que faz com todos os capixabas. É uma cooperativa
ra aumentar o número de empregados e que ele cresça. Não estamos afirmando com mais de duas mil famílias entre co- d
decooperadosdascooperativascapixabas, que é fácil, mas quando as situações são operados e colaboradores. Seu time é
e não o número de cooperativas”, diz.
Em 2017, elas geraram renda para
300 mil famílias capixabas e apresen-
resolvidas “dentro de casa”, as soluções
ficam mais transparentes.
formadoporumaequipedeprofissionais
que está sempre buscando aprimora-
mento e melhorias na gestão, além de ter
8.384
empregos
taram um faturamento de R$ 5,2 bi- Qual a importância das cooperativas um quadro social fiel e que apresenta
lhões, o que representa 4,19% do PIB em momentos de crise? Foi a quantidade
crescimentoacadaano,oquerepresenta
do Espírito Santo. Em momentos de crise, o coopera- de trabalhadores
respeito e fidelidade mútua, tanto da
tivismo estimula a força de trabalho, empregados nas
cooperativa com seus cooperados como
Quantas cooperativas existem no Es- através da ajuda mútua e do sistema cooperativas
também dos cooperados com a coope-
pírito Santo? compartilhado de negócios entre os registradas no
rativa. A Selita mostra que sua “expe-
Ao final do ano de 2017 nós tínhamos cooperados, o que mantém o sustento Estado em 2017. O
riência de vida” só fez bem para seus
registradas, ativas e adimplentes, junto e o crescimento das cooperativas. As total representa
negócioseofocofoiestarsempreàfrente
ao Sistema OCB/ES, 123 cooperativas. cooperativas também são fortes alia- um crescimento
para conquistar mercado.
Esse número é representativo. Em 2016, das do governo e, com isso, do de- de 6,6% em
empregavam 7.863 pessoas e em 2017 senvolvimento e da economia dos lo- relação ao ano
Em 2015, a Coopeavi incorporou a
passaram a empregar 8.384. O número cais onde estão inseridas. É impor- anterior.
cooperativa Pronova. É uma forma
de cooperados também aumentou de de fortalecer o cooperativismo?
271.575, em 2016, para 277.510, em Nós avaliamos as incorporações como
2017. A OCB trabalha para aumentar o um grande passo para o sucesso. Temos
número de empregados e de cooperados cooperativas muito próximas geogra-
das cooperativas capixabas, e não o nú- ficamente e as incorporações ou fusões d
mero de cooperativas. só fortalecem o setor, dando maior va-
lor agregado aos produtos, serviços e 277.510
Como a OCB tem incentivado o for- também aos cooperados. Quando uma cooperados
talecimento das cooperativas? cooperativa se fortalece o poder de
Foi o número total
O fortalecimento das cooperativas é o mercado aumenta e fica mais fácil con-
de cooperados em
foco principal para o Sistema OCB/ES. O correr em meio a tantas empresas.
2017, um aumento
incentivo acontece não só na parte de
de 2,1% em
monitoramento, mas também junto às No Espírito Santo há exemplos de in-
relação aos dados
várias agências de regulação dos vários tercooperação em cooperativas.
de 2016, quando a
setores. Isso é fundamental para detec- Qual a importância disso? Como isso
quantidade
tarmos desde o início qualquer proble- ajuda as cooperativas do Estado?
chegou a 271.575.
ma, seja ele tributário, contábil, estru- A questão da intercooperação acon-
tural, financeiro, dentre tantos outros. tece através de contratos comerciais
Também é preciso destacar toda a parte entre algumas cooperativas. Dessa for-
de capacitação, desenvolvimento de li- ma elas fortalecem o setor e conseguem
deranças e das gestões, outro diferencial
para as cooperativas. Todos os anos são
“Em momentos preços mais atrativos do que se tra-
tassem com empresas singulares.
aplicadas diversas ferramentas que au-
xiliam no alcance dos objetivos das co-
de crise, o
Atualmente a questão de gênero e ra-
operativas registradas. E o papel do mo-
nitoramento aliado às capacitações e aos
cooperativismo ça é algo que está sendo discutido em
todas as áreas. As cooperativas têm
demais serviços que o Sistema OCB/ES
oferece é para mostrar às cooperativas os
estimula a força aberto mais espaço para mulheres,
por exemplo, para aumentar a diver-
possíveis caminhos para que encontrem
soluçõesdeformaconjunta.Emalgumas
de trabalho, o sidade?
As cooperativas já tem por lei o res-
situações, por exemplo, as cooperativas
são assessoradas para que consigam ela-
que mantém o paldo da singularidade de voto, ou seja,
cada cooperado tem direito a um voto,
borar um plano de recuperação com a
finalidade de alcançar melhores indica-
sustento e o independentemente de ser homem ou
mulher, negro ou branco. Mas também
dores de gestão. Importante frisar tam-
bém que a equipe OCB/ES também é
crescimento das temos ações que estimulam a inclusão
de mulheres, jovens e crianças, como é
capacitada e assessora as cooperativas
no que diz respeito a comunicação.
cooperativas” o caso dos Núcleos Femininos, do Jo-
vemCoop e do Cooperjovem. l
12 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

FERNANDO MADEIRA

Cooperativas
viram exemplo
para empresas
do Estado
18 cooperativas estão entre as maiores empresas
do Espírito Santo em ranking estadual

RAQUEL LOPES d
rflopes@redegazeta.com.br
“Trabalhamos

E
m um contexto em que os re- para que as
flexos da crise econômica fize- cooperativas se
ram reduzir o faturamento de fortaleçam O superintendente da OCB-ES, Carlos André Santos de Oliveira, comemora conquista das cooperativas
algumas empresas e aumentar todos os dias.
a taxa de desemprego, as cooperativas Queremos
do Espírito Santo seguiram um cami- crescer e ter
nho contrário e apresentaram cresci- cada vez mais tante, já que impacta diretamente no “A previsão é crescer a cada ano mais,
mento. Em 2017, o faturamento das representatividade volume de negócios que são realiza- principalmente pelo trabalho que rea-
cooperativas foi de mais de R$ 5,2 bi- no PIB do dos, gerando também mais empregos lizamos para que as cooperativas se
lhões, crescimento de 6,1% em relação Estado” diretos e indiretos em todo o setor fortaleçam todos os dias. Queremos
ao do ano anterior. — cooperativista no Estado. crescer e ter cada vez mais represen-
Das 123 cooperativas do Estado, 18 SUPERINTENDENTE
DA OCB-ES,
Oliveira destaca que o faturamento tatividade no PIB do Estado”, projeta.
têm se destacado no mercado por seu Carlos André Santos das cooperativas corresponde a
crescimento econômico, o que as levou de Oliveira, 4,19% do PIB capixaba. Um número POTENCIAL PARA CRESCER
a ficar entre as 200 maiores e melhores expressivo que demonstra o quão im- O economista Eduardo Araújo avalia
empresas do Espírito Santo em 2017, portante o cooperativismo e as co- que o crescimento do cooperativismo
em um ranking anual feito pelo Ins- operativas são para a economia ca- tem sido possível sobretudo devido à
tituto Euvaldo Lodi (IEL-ES) e divul- d pixaba, diz. expansão do segmento de crédito. Se-
gado pela Federação das Indústrias do
Estado (Findes). As que ocuparam as R$ 5,2 gundo o Banco Central, na crise os
depósitos à vista de pessoas físicas no
melhores posições no levantamento bilhões RANKING IEL-ES DAS 200
Sistema Financeiro Nacional foram re-
foram Unimed Vitória, seguida de Co- duzidos em 8%, enquanto nas coope-
Foi o faturamento
oabriel, Coopeavi, Selita, Unimed Sul
das cooperativas
MAIORES EMPRESAS DO ES rativas a expansão foi de 50%.
Capixaba, Sicoob Leste e Sicoob Cen- “Em parte, há certas vantagens tri-
do Estado em 2017,
tral (veja ranking completo ao lado). P 13º - Unimed Vitória (em comparação butárias para o segmento. Mas há
Segundo o superintendente da crescimento de muitos avanços com automatização e
ao ano passado subiu 4 posições)
6,1% em relação
OCB-ES, Carlos André Santos de Oli- P 31º – Cooabriel (subiu 1 posição) gestão que vêm permitindo o seg-
ao do ano anterior.
veira, todas as que constam na lista P 37º – Coopeavi (subiu 2) mento oferecer taxas e tarifas com-
de 2017 subiram posições em relação P 39º – Selita (subiu 10) petitivas em relação aos bancos tra-
ao ano anterior. “Isso demonstra o P 45º – Unimed Sul Capixaba (subiu 10) dicionais. O Fundo Garantidor de
bom desempenho do setor frente à P 46º – Sicoob Leste (subiu 19) Crédito é exemplo de melhoria que
crise. As cooperativas tiveram um au- P 52º – Sicoob Central (subiu 26) ajudou a dar mais segurança aos co-
mento considerável no faturamento P 57º – Sicoob Sul Serrano (subiu 19) operados em casos de insolvência”,
para um ano com grandes dificulda- P 64º – Sicoob Norte (subiu 27) destaca.
des econômicas e financeiras no Es- P 66º – Veneza (subiu 9) Araújo acredita que há potencial de
tado e no Brasil, além dos impactos e P 67º – Sicoob Sul (subiu 18) crescimento para o cooperativismo,
reflexos da crise hídrica de nosso Es- P 78º – Sicoob Centro Serrano (subiu 23) principalmente o financeiro. “No Bra-
tado nos últimos anos”, afirma. P 89º – Unimed Noroeste (subiu 13) sil a participação nos depósitos à vista
O superintendente pontua que um P 101º – Sicoob Credirochas (subiu 22) ainda é de 6%, enquanto nos EUA e na
dos fatores desse crescimento é o au- P 121º – Unimed Norte (subiu 9) França atinge 33% e 60%, respecti-
mento do investimento feito pelas co- P 132º – Sicoob Sul Litorâneo (subiu 16) vamente. A ampliação desse negócio
operativas para a expansão de seus P 140º – Sicoob Corretora (subiu 14) deve resultar em maior concorrência
negócios. O aumento do número de P 162º – Coopgranéis (subiu 1) no mercado bancário e, com isso, es-
cooperados, que atualmente está em * A subida de posições no ranking considera 2017 em
pera-se menores taxas de juros aos
277.510, também é um fator impor- relação a 2016. consumidores”, analisa.l
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 13
14 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

PARA ALÉM DO
Produtos de cooperativas
capixabas conquistam
mercado de Norte a Sul do
Brasil e agora também vão
chegar a outros países
RAQUEL LOPES
rflopes@redegazeta.com.br

A
o chegar em padarias e super-
mercados do Estado é fácil en-
contrar alimentos vindos de
cooperativas capixabas, como
café, ovo, leite e doces. Mas os produtos
produzidos pelas mãos dos cooperados
deixaram de ser referência apenas no
mercado estadual, eles romperam di-
visas e passaram a ser encontrados de
Norte a Sul do Brasil. Agora, as coo-
perativas também dão passos para con-
quistar outros países.
O mercado se expandiu graças à força
de 277.510 mil cooperados que estão no
campo e na cidade em nove segmentos
de cooperativismo, como nos setores
agropecuário e de consumo. Com a
união dos cooperados e o fortalecimento
das cooperativas surgiu também a opor-
tunidade de trabalho para 8.384 cola-
boradores em todo o Espírito Santo.
A cooperativa de laticínios Selita é a
mais antiga do Estado e completa 80
anos em 2018 com a marca consolidada
no mercado. Mas para chegar ao pa-
tamar atual foi preciso muito trabalho,
com a força de dois mil cooperados dis-
tribuídos em 46 municípios do Estado.
O presidente da Selita, João Marcos
Machado, destaca que o carro-chefe da
cooperativa são os leites UHT, em seus Bahia. Mas os novos projetos podem ex- e está no mercado há três anos. Mas já o Banana passa
variados sabores. Mas, no total, são 85 pandiraindamaisomercado.Issoporquea mostrou que veio para ficar. orgânica, pó de
itens fabricados na cooperativa em Ca- cooperativaadquiriu,em2017,umterreno Responsável pela fabricação de 10 pro- café, suco de uva
choeiro. Entre eles, queijo, manteiga e de 1.200.000m² na Safra, em Cachoeiro, dutos, ela já conquistou mercado no Es- e tomate seco:
creme de leite. onde será construído um moderno parque pírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e produtos da
Segundo Machado, a cooperativa va- industrial, com todos os requisitos de tec- Santa Catarina. A cooperativa agora está Agrocoop,
loriza as pessoas que estão no campo e nologia que vão permitir produzir em em negociação com a Rússia e Dubai. que negocia
permite que elas se desenvolvam. maior escala, com condições de gerar no- Alguns dos produtos são cafés espe- exportar para
“É preciso destacar que a importân- vos produtos e aumentar a produtividade. ciais, suco de uva integral, banana passa, Rússia e Dubai.
cia social da cooperativa é muito gran- “Esse novo parque irá proporcionar banana passa orgânica com chocolate
de ao manter no campo esses milhares condições de industrializar cerca de meio amargo, tomate seco gourmet, fu-
de produtores, dando a eles informa- 800 milhões de litros de leite por dia, bá moído na pedra, frutas in natura, pol-
ções, treinamento e condições de se gerando mais empregos, mais receitas pa de fruta em tonéis e gengibre. Nos
desenvolverem em suas proprieda- e desenvolvimento para o Espírito San- próximos meses outros virão à mesa, co-
des”, frisou. to”, destacou Machado. mo farinha de banana e arroz orgânico.
Os produtos são todos fornecidos por
EXPANSÃO AGROCOOP 158 produtores de 11 municípios, entre
Os produtos são comercializados para o A Cooperativa Agroindustrial do Es- eles, Afonso Cláudio e Cariacica. “O co-
Espírito Santo, Rio de Janeiro e Sul da pírito Santo (Agrocoop) é mais recente operativismotemograndeméritodefazer
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 15

ESPÍRITO SANTO FERNANDO MADEIRA

COOPERATIVISMO EM ALTA
Evolução do número de cooperados no Espírito Santo
271.575 277.510
239.033
204.148 219.332 217.146
196.214
152.567

2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017

Número de cooperados por setor em 2017


225.973 36.278 5.091 4.513 1.854 1.785 1.486 468 62

Crédito Agro Saúde Transporte Educacional Consumo Habitacional Trabalho Produção

Evolução do número de colaboradores


7.863 8.384
7.735 7.829
6.844 7.137
6.591
5.880

2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017

Número de colaboradores por setor em 2017


3.995 2.422 1.414 266 229 24 24 10 0

Saúde Agro Crédito Educacional Transporte Habitacional Trabalho Consumo Produção

com que produtores rurais se unam e con- d Número de cooperativas


sigam competir de maneira mais justa no
mercado, não sendo explorados de ma-
neira predatória por terceiros. Com isso,
conseguimos viabilizar a atividade e man-
85
produtos
28 28 26 17 9 9 3 2
1

ter a produção de alimentos para a so-


ciedade. Se não fosse o cooperativismo, É a quantidade de
itens fabricados Transporte Agro Crédito Saúde Trabalho Educacional Habitacional Produção Consumo
milhões de pequenos produtores em todo
o país já tinham parado de produzir”, fri- na Selita, em
sou o presidente da Agrocoop, Wellington Cachoeiro. Entre
Faturamentos
Luiz Pompermayer. eles, queijo,
Para ele, a cooperativa conquista mer- manteiga e
creme de leite.
R$ 4,4 R$ 4,9 R$ 5,2
cado por meio das parcerias realizadas.
“Trabalhamos com produtos diferencia-
2015 2016 2017
bilhões bilhões bilhões
dos e com qualidade superior alicerçados
por um estreito relacionamento com nos-
sos parceiros, querevendem osprodutos e
fazem participação frequente em diversos
eventos para divulgação”, explicou.l Infografia | Marcelo Franco
16 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

Arábica capixaba conquista


mercado internacional
LEANDRO FIDELIS/COOPEAVI
incorporação aconteceu para fortale-
cer os produtores, o agronegócio e o
cooperativismo, já que a Pronova pas-
sava por dificuldades financeiras. A
Coopeavi assumiu todas as responsa-
bilidades e patrimônios que eram da
outra cooperativa. “Essa incorporação
aumentou nossa concorrência no mer-
cado. Passamos a comercializar o café
especial, algo que não era trabalhado
na cooperativa”, conta.

EXPORTAÇÃO
Somente em 2017, foram produzi-
das 32 mil sacas de café especial e ex-
portadas 8.500 mil. Um crescimento
de 8% em relação a 2016, quando fo-
ram exportadas 7 mil sacas, tendo pro-
dução de 23,3 mil sacas. Os cafés es-
peciais continuaram com a marca Pro-
nova, uma estratégia pelo fato de o
produto ser conhecido no mercado.
O produtor rural Gilberto Brioschi,
52, de Venda Nova do Imigrante, é um
dos cooperados que produz café ará-
bica. Ele diz que o cooperado se for-
Café colhido nas montanhas capixabas tem sido destinado a países da América do Norte, Europa e Ásia taleceu com a incorporação, já que a
Coopeavi passou a ter mais infraes-
RICARDO MEDEIROS/ARQUIVO trutura para atender ao produtor. Gil-
Coopeavi exporta café arábica d berto conseguiu produzir 100 sacas
especial para Itália, Rússia, Turquia e de café arábica em 2017.
EUA. Em 2017, mais de 191 mil sacas “A cooperativa nos fortalece, pois faz a
foram enviadas para fora do Brasil ponte entre nós e o consumidor final. À
medida que ela cresce, nós crescemos e
podemos ampliar a produção, que vai

A
Cooperativa Agropecuária sendo melhorada para que o café atinja
Centro Serrana (Coopeavi) um alto nível”, afirma Gilberto, que é
surgiu há 54 anos no setor de cooperado desde 2002 pela Pronova e
avicultura, mas logo foi con- foi incorporado à Coopeavi.
quistando espaço e expandindo seus “A cooperativa O café especial é apenas uma par-
produtos agropecuários, de hortifruti nos fortalece, cela importante do mercado da co-
a café. O mais recente foi o café es- pois faz a ponte operativa. Em 2017, a Coopeavi co-
pecial arábica, que conquistou mer- entre nós e o mercializou 191.400 mil sacas de ca-
cado na Itália, Rússia, Turquia e Es- consumidor fé e 413.690 mil caixas de ovos, com
tados Unidos. final. À medida 30 dúzias cada. O ovo in natura aten-
Isso foi possível após a Coopeavi ini- que ela cresce, de o mercado nordestino, além de
ciar uma nova fase, em 2015, ao in- nós crescemos e uma pequena parcela ser destinada
corporar a Cooperativa dos Cafeicul- podemos ampliar ao varejo capixaba. Já o ovo pasteu-
tores das Montanhas do Espírito Santo a produção. rizado vai para uma indústria par-
(Pronova), reconhecida pela excelên- Trabalhamos ceira em São Paulo.
cia na produção sustentável dos grãos para que o café Os reflexos também são vistos no
por produtores da agricultura familiar. atinja um alto número de cooperados. Um total de
Junto à incorporação vieram 100 co- nível” 818 novas famílias de produtores ru-
operados de Venda Nova do Imigrante, — rais se associaram em 2017, fazendo
no Sul do Estado. GILBERTO com que a Coopeavi fechasse o ano
Segundo o gerente executivo de Mar- BRIOSCHI com 12.207 cooperados. O fatura-
keting da Coopeavi, Daniel Piazzini, a Funcionário da Coopeavi verifica qualidade de ovos PRODUTOR RURAL mento foi de R$ 323 milhões. l
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 17

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Existem pedidos para levar a marca das


A p r o d u t o ra M a r i a
mulheres para outros Estados
J o s é S i l va : o rg u l h o d o
c a f é p ro d u z i d o p o r
m u l h e re s d e M u q u i pada a imagem de uma das produtoras,
Eliana Almeida. Ela explica que cada
produtora trabalha em sua propriedade.
Elas levam o café para a cooperativa,
responsável por torrar e embalar, antes

Café com o toque de ele entrar no mercado. “As mulheres


sempre atuaram nos bastidores. A in-
tenção é que elas passassem a atuar em
primeiro plano e continuassem na zona
rural tendo renda”, conclui Natérsia.

e a força feminina CAFÉ EVITA ÊXODO RURAL


A filha da dona Maria José, Raryane
Rodrigues Silva Ferreira, 21 anos, tam-
bém é uma das participantes do “Póde
Mulheres”. Casada há quase um ano
“Póde Mulheres”, o primeiro café especial brasileiro 100% conilon e feminino, começou com um proprietário rural, ela pen-
a ser produzido no Sul do Estado em abril e já conta com encomendas para fora do Estado sava em sair do campo. No entanto,
mudou de ideia desde que se sentiu
valorizada na roça.

N
as propriedades rurais de Mu- na terra, casou e continuou na roça. Ela d Atualmente, ela trabalha com o ma-
qui, no Sul do Espírito Santo, mostrou que tem força, determinação e rido,masaplantaçãoparaocaféespecial
uma nova história começou a competência dentro de uma lavoura. No “O ‘Póde está na propriedade dos pais. Dessa for-
ser escrita com dois protago- concurso de qualidade de café, realizado Mulheres’ veio ma, ela percorre quase todos os dias 20
nistas: café e mulheres. Da junção veio pela cooperativa, a pontuação do café foi para mostrar quilômetros para cuidar de 1.000 pés de
a criação do “Póde Mulheres”, primeiro de 83 (numa escala que vai de 0 a 100). que todas as café. Em 2017, o produto rendeu a ela 15
café especial brasileiro 100% conilon e Ela chegou a superar a marca do marido mulheres têm sacas, sendo que cinco foram destinadas
feminino. A história desse café está li- no concurso de homens, de 82,5 pontos. potencial de ao concurso da Cafesul, em que ela tirou
gada à luta diária das mulheres do “O ‘Póde Mulheres’ veio para mostrar fazer um café 82 pontos (numa escala de 0 a 100)
campo e, como o próprio nome faz que todas as mulheres têm potencial de especial” “Esse projeto mostra que nós pode-
alusão ao verbo poder, mostra que o fazer um café especial. É preciso apenas — mos fazer o mesmo trabalho dos ho-
MARIA JOSÉ SILVA
sexo feminino pode produzir café de capricho e dedicação. Há várias técnicas PRODUTORA mens e conseguimos tirar o sustento do
qualidade e ter sua independência fi- para ter um café de qualidade, como co- café. Ele mostra que a gente tem mais
nanceira através do produto. lher os grãos maduros, selecionar os me- serventia do que acreditávamos. Não
Ele foi lançado em abril deste ano na lhores, fazer a secagem na estufa e mexer pretendo mais sair do campo. Aqui a
Exposul Rural, em Cachoeiro de Itape- diariamente”, explica Maria José Silva. gente faz e dá conta”, diz.
mirim, como um novo café especial da Coordenadora do grupo de 20 mu- d O presidente da Cafesul, Carlos Re-

20
Cooperativa dos Cafeicultores do Sul do lheresqueintegramoprojetodaCafesul, nato Alvarenga Theodoro, enxerga
Estado do Espírito Santo (Cafesul). O Natércia Bueno Vencioneck Rodrigues potencial no café feminino e acredita
produto está sendo comercializado em explica que a ideia surgiu a partir de que isso vai incentivar mais mulheres
cafeterias de Vitória, de Vila Velha e na várias capacitações realizadas no núcleo mulheres cooperadas a produzirem um café de
sede da cooperativa. feminino, criado em 2012 com a cer- É a quantidade de qualidade. “Não estamos vendendo
Mas a marca já está sendo regula- tificação Fairtrade (comércio justo e so- integrantes do apenas café, a importância do gênero
rizada para ampliar o mercado no Es- lidário). Foram promovidos diversos grupo que produz também está inserida nos pacotes de
tado e fora dele, já que existem pedidos cursos: de artesanato, de cabeleireira e o café especial em café torrados e moídos. Eu acredito
para outros lugares, como Brasília. de manicure. Ela conta que em 2016, a Muqui, no Sul do que o gênero interfere na qualidade e
A produtora rural Maria José Silva, de partir de um desses treinamentos, é que Espírito Santo. podemos trazer um produto diferen-
54 anos, é moradora do Sítio Esperança, surgiu a ideia de produzir o café. ciado. Mulher é muito caprichosa,
na comunidade de Babilônia, em Muqui. A embalagem foi desenvolvida em par- tem um cuidado diferenciado com a
Desde menina já trabalhava com seu pai ceria com a OCB/ES e nela está estam- produção”, destaca. l
18 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

FERNANDO MADEIRA - 31/05/2016


Então, uma cooperativa, que é sem
fins lucrativos, que deixava de recor-
rer de uma decisão por não ter con-
dições financeiras vai ter como fazer
isso agora, pois o custo é menor”,
explica.
Mais uma mudança é com relação à
cláusula de arbitragem, que constava
no artigo 507 da CLT. Com a alteração,
em caso de divergências as coopera-
tivas podem discutir em uma câmara
de arbitragem, que é institucionalizada
por lei federal. Segundo o advogado, a
câmara é composta por pessoas que
não tenham relações com o Direito e é
usada para discutir demandas de qual-
quer gênero.
“Também há a possibilidade de as
Mulheres cooperativas criarem o termo de qui-
aguardam para tação anual, assim como temos nas
ser atendidas contas de consumo. Hoje, as opera-
na agência do doras de telefonia e energia elétrica,
trabalhador, na por exemplo, têm a obrigação de in-
Enseada do formar aos clientes e consumidores o
Suá, em Vitória que está sendo quitado com referên-
cia ao ano. A lei diz, no artigo 507-b,
que é facultado a discriminação do
que foi quitado – descrevendo as ver-

Nova lei trabalhista bas, feitos e sobras da cooperativa.


Mas aquela que optar por discriminar
suas movimentações vai mostrar sua
preocupação com a transparência fis-
cal perante os cooperados. É uma for-

muda regras para ma de prestação de contas e de de-


monstrar transparência”, diz Ferrei-
ra de Maria.

INDIVIDUAL E COLETIVO

prestação de serviço A reforma trabalhista tem como um


de seus pilares a intervenção mínima
na vontade coletiva. Dessa forma,
prevalece o princípio de que as partes
podem celebrar acordo em conven-
ções coletivas segundo cada tipo de
Reforma da CLT também vale para cooperados, que podem celebrar d negócio.
acordo em convenção coletiva e até firmar contrato individualizado “A cooperativa de trabalho pode ne-
gociar um acordo em convenções co-
letivas com segurança jurídica. An-
SIUMARA GONÇALVES
sfgoncalves@redegazeta.com.br O advogado especializado em Co- tes, os sindicatos poderiam ajuizar

A
operativismo, Direito Trabalhista e ações que converteriam em nulos es-
reforma trabalhista, que en- Tributário Josmar Ferreira de Maria ses acordos. Hoje você tem o princípio
trou em vigor em novembro explica que as cooperativas são re- de que o acordo coletivo que a co-
do ano passado, trouxe mu- gidas pela lei do Código Civil, mas, operativa de trabalho faz tem preva-
danças especialmente para os por analogia, elas também utilizam lência sobre o que a lei diz, desde que
trabalhadores celetistas. Porém, exis- muito da legislação da CLT. “O boom não infrinja a lei. A própria legislação
tem alguns pontos dela que podem ser do cooperativismo ocorreu em 1994, “O acordo dá autonomia para combinar isso”,
implementados ao sistema cooperati- quando houve a mudança da CLT. coletivo que a esclarece o advogado especializado
vista. Entre eles, está o uso do termo de Com a atual reforma trabalhista, nós cooperativa de em Direito Empresarial José Arciso
quitação anual, a livre negociação e a também podemos adaptar essa nova trabalho faz com Fiorot Júnior.
cláusula de arbitragem. legislação à realidade das coopera- o cooperado tem Ainda segundo Fiorot Júnior, é pre-
A Lei 13.467/2017 foi aprovada tivas”, diz. prevalência ciso lembrar que o cooperado não
em julho do ano passado, mas só pas- Segundo Ferreira de Maria, outro sobre o que possui vínculo empregatício, já que
sou a vigorar em novembro. Com a avanço que a reforma trabalhista diz a lei” ele trabalha de acordo com a ocu-
nova Consolidação das Leis do Tra- trouxe foi o acesso à Justiça. “A lei diz, — pação que desenvolve. “Por exemplo,
balho (CLT), a relação entre empre- JOSÉ ARCISO
em um dos seus artigos, que as en- FIOROT JÚNIOR
em uma cooperativa de médicos os
gador e empregado foi modificada, tidades sem fins lucrativos e micro e ADVOGADO profissionais se reúnem para coope-
direta ou indiretamente, como é o pequenas empresas podem ingressar ESPECIALISTA EM rar. A remuneração é de acordo com o
caso dos cooperados. na Justiça pagando 50% do processo. DIREITO EMPRESARIAL trabalho desenvolvido: se tenho mais
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 19

ANTÔNIO CRUZ/AGÊNCIA BRASIL - 27/04/2017

PRINCIPAIS MUDANÇAS
Livre iniciativa de negociação Termo de quitação anual
Quem recebe acima do teto do As cooperativas podem criar
INSS, na casa dos R$ 5,6 mil, um termo de quitação anual,
poderá negociar diretamente onde estará descrito as verbas,
com a cooperativa os termos do feitos e sobras. Com isso, cria
acordo. Por serem pessoas com mais transparência fiscal para
grau de ensino superior e com os cooperados. Esta é uma
profissões regulamentadas, forma de prestação de contas.
como médicos e dentistas, o
Judiciário entende que podem Representantes
negociar individualmente. Com a nova legislação
trabalhista não é obrigatório
Processos que os prepostos
A nova lei trabalhista traz em (representantes) de
um de seus artigos que as cooperativas sejam
Plenário da Câmara dos Deputados durante a votação do texto-base da reforma entidades sem fins lucrativos e funcionários locais delas. Com
micro e pequenas empresas isso, contadores ou advogados
atendimentos recebo mais. Se fossem uma capacidade intelectual diferen- podem ingressar na Justiça podem ser representantes em
empregados de uma única empresa ciada, então não dá para eles serem pagando 50% do processo. O ações, quando se tratar de
eles não poderiam ter essa diferença igualados com a massa, já que ge- entendimento vale também exercer o direito de defesa da
de valores recebidos, pois o salário é ralmente são pessoas com um grau para cooperativas sem fins cooperativa.
fixo. Já as despesas são rateadas entre superior de estudo e são profissio- lucrativos.
eles”, explica. nais regulamentados, como médicos Intervenção mínima
Outro ponto, segundo o advogado e dentistas, ou que mexem com tec- Cláusula de arbitragem Agora prevalece o princípio
Josmar Ferreira de Maria, é o fato de nologia da informação”, detalha. As cooperativas podem de que as partes podem
que os cooperados podem, com base Os advogados destacam ainda que é discutir em uma câmara de celebrar acordo em
na nova legislação trabalhista, ne- preciso lembrar da importância de fa- arbitragem, que é convenções coletivas. A
gociar individualmente. “A lei traz a zer um aditivo contratual para os con- institucionalizada por lei cooperativa de trabalho pode
opção de quem ganha acima do teto tratos já existentes, para que essas federal. A câmara é composta negociar o acordo em
do INSS, que está na casa dos R$ 5,6 mudanças sejam aplicadas. Eles re- por pessoas que não tenham convenções coletivas com
mil, ter a iniciativa da livre nego- forçam que os novos contratos já de- relações com o Direito e é segurança jurídica, já que
ciação. Isso representa um grande vem ser adaptados à nova lei traba- usada para discutir demandas antes os sindicatos poderiam
avanço. O Judiciário tem entendido lhista, sempre segregando remune- de qualquer gênero, em caso ajuizar ações na Justiça para
que quem recebe uma remuneração ração, reembolso de despesas e equi- de divergências na tornar nulos esses tipos
nesse valor são trabalhadores com pamentos da atividade. l cooperativa. de acordo.
20 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

ENTREVISTA
Deputado federal

Osmar
Nossa luta é para garantir a inclusão dos
direitos das cooperativas em leis que as-
segurem um ambiente jurídico saudável
para que elas prosperem.

O que é o movimento SomosCoop e


qual é o papel dele? Como ele atua?
Em todos os cantos do Brasil há co-

Serraglio
operativas atuando em diversos seg-
mentos, mas muitas pessoas não sabem
queestãoconsumindodesdeserviçosaté
produtos de primeira necessidade, ou
itens de alto valor agregado, que foram
produzidos, transportados ou comercia-
lizados por uma cooperativa.
Por isso, a Organização das Coopera-
tivas Brasileiras (OCB) lançou o movi-
mento SomosCoop, que tem entre seus
Coordenador da Frente Parlamentar objetivos o de ampliar a divulgação do
cooperativismo para a sociedade brasi-
do Cooperativismo analisa potencial e leira. O movimento também busca re-
forçar o orgulho de ser cooperativista e
garantir que mais e mais brasileiros co-
desafios para o crescimento do setor nheçam esse jeito humanizado de fazer
negócios e gerar resultados.
SIUMARA GONÇALVES
sfgoncalves@redegazeta.com.br de brasileiros. Dessa forma, as coope- Qual a importância do cooperativismo
rativas são importantes ferramentas de paraarecuperaçãoeconômicadopaís?
om uma realidade diferente do transformação social, por meio de seus Com sua visão de longo prazo, o co-

C cenário do país que ainda en-


frenta reflexos da crise financei-
ra, as cooperativas brasileiras de
produção agropecuária faturaram R$ 200
bilhões somente no ano passado. Esse
resultados financeiros, na medida em
que geram trabalho, emprego e renda,
fortalecendo a economia local.
Com o modelo de gestão democrática e
igualitária, as cooperativas reúnem pes-
operativismo tem um importante papel
na recuperação econômica do país. Di-
ferentemente dos tradicionais modelos
empresariais, que buscam predominan-
temente retorno no curto prazo em mer-
montante representa um crescimento de soas com o propósito de se fortalecerem cados extremamente voláteis e instáveis,
10,61% em relação a receita de 2016, economicamente, já que, juntas, elas con- ascooperativasbuscamodesenvolvimen-
quando o setor gerou R$ 180,8 bilhões, de seguem reduzir custos e maximizar re- tosustentávelemsuasregiõesdeatuação,
acordo com a Organização das Coope- sultados e oportunidades, como maior in- com visão estratégica que traz retorno e
rativas Brasileiras (OCB). serção em novos mercados, por exemplo. benefícios contínuos aos cooperados.
É para estimular ainda mais o cres- Segundo dados da Organização das Isso significa que, para a cooperativa ser
cimento das cooperativas, com respal- Cooperativas Brasileiras (OCB), temos forte,elaprecisaqueseuassociadotambém o O deputado
do na legislação, que um grupo de 279 6.655 cooperativas que congregam esteja fortalecido. E a visão de longo prazo federal Osmar
parlamentares atua no Congresso Na- mais de 13,2 milhões de pessoas. Jun- ultrapassa os momentos de crise, focando Serraglio, que
cional, explica Osmar Serraglio, depu- tas, essas cooperativas geram mais de em manter o ritmo do desempenho eco- coordena a Frente
tado federal do MDB pelo Paraná e co- 380 mil de empregos diretos. nômico e de investimentos na propriedade Parlamentar do
ordenador da Frente Parlamentar do e no empreendimento cooperativo, essen- Cooperativismo
Cooperativismo (Frencoop). Como fomentar e estimular o cresci- ciais para a sustentabilidade dos negócios. (Frencoop) no
“Nossa luta é para garantir a inclusão mento do cooperativismo? Seu maior comprometimento com as Congresso
dos direitos das cooperativas em leis que A primeira questão a se considerar é que pessoas faz com que as cooperativas con- Nacional
assegurem um ambiente jurídico saudá- o cooperativismo precisa ser mais conhe- sigam,deumaformamaissutil,mitigaros
vel para que elas prosperem”, destaca. cido pela sociedade brasileira, por isso o efeitos nocivos da crise. Diferentemente
Nesta entrevista, ele reforça que o “co- Sistema OCB não tem medido esforços de uma empresa mercantil, em que basta
operativismo é capaz de transformar a paracolocarnarua,desdeoanopassado, tomar a decisão de produzir menos e fa-
realidade do nosso país” e defende que, as peças do movimento SomosCoop. Es- zer cortes, a cooperativa tem que achar
por isso, é preciso divulgar à sociedade o se movimento pretende divulgar como o mecanismos de colocar esse produto no
papel e a importância das cooperativas. cooperativismo é capaz de transformar a mercado e viabilizar o negócio, se ar-
A seguir, o deputado analisa o potencial realidade do nosso país, aliando o de- riscando,àsvezes,massempremantendo
do setor e os desafios da Frencoop. senvolvimento econômico ao social, à suasestruturasdemercado.Éporissoque
produtividade e à sustentabilidade. as cooperativas são reconhecidas como
Por que o cooperativismo é tão im- Além disso, nós da Frencoop buscamos entidades capazes de mitigar efeitos da
portante para a sociedade? sempre fomentar e estimular o cresci- crise, por conseguirem flutuar nesse mo-
O cooperativismo está presente em mento do cooperativismo por meio da mento de uma maneira mais estável.
todo o país, gerando oportunidades de defesa dos interesses das cooperativas
inserção econômica e social a milhares junto aos Poderes Legislativo e Executivo. Por que essa expertise é importante
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 21

LUIS MACEDO/ABR
d rativismo mais tem atuação e por que?
O cooperativismo brasileiro é composto
“O cooperativismo
por 13 setores econômicos distintos:
é capaz de
agropecuário, consumo, crédito, educa-
transformar a
cional, especial, habitacional, infraestru-
realidade do
tura, mineral, produção, saúde, trabalho,
nosso país,
transporte e turismo e lazer.
aliando o
Contudo, o agropecuário é o que con-
desenvolvimento
centra o maior número de cooperativas e
econômico ao
de empregados, e também o terceiro em
social, à
númerodeassociados,atrásdosramosde
produtividade e à
créditoedeconsumo.Comprovandoessa
sustentabilidade”
representatividade, dados do IBGE
(2006) apontam que 48% de toda a pro-
dução agropecuária do país passam de
alguma forma por uma cooperativa.
“Para a Assim, as cooperativas agropecuárias es-
cooperativa ser tãopresentesnos26Estadosdafederaçãoe
forte, ela noDistritoFederal,distribuídasemmaisde
precisa que seu 1,4 mil municípios do país. O ramo con-
associado grega, ainda, 23% do número de coope-
também esteja rativas (1.555 perante um total de 6.655),
fortalecido. E a 8% do número de associados (1.016.606
visão de longo perante um total de 13.230.960) e 50% do
prazo número de empregados (188.777 perante
ultrapassa os um total de 376.795).
momentos de
crise” Qual o maior desafio da Frencoop no
— Congresso? Em quais projetos houve
OSMAR SERRAGLIO
DEPUTADO FEDERAL
êxito? E qual é a prioridade atual?
Após três décadas de atuação legislativa,
a Frencoop é uma das bancadas supra-
partidárias mais atuantes e influentes do
Congresso Nacional. Hoje, a Frente conta
com a adesão de 47% dos deputados e
d senadores. Ao todo são 279 integrantes,

380
sendo 243 deputados e 36 senadores,
independentementedesuabandeirapar-
tidária ou Estado de origem.
mil Seu principal objetivo, junto à OCB, é
para essa atividade econômica? com precificação razoável e justa. É a quantidade de garantirumambientefavorávelparaqueo
A cooperativa tem o papel de operar empregos diretos cooperativismo possa se desenvolver. So-
em nome de seus cooperados, trazendo Em que o cooperativismo se diferen- gerados por meio mente em 2017, como exemplo, podemos
uma visão mais abrangente de suas cia de um sistema tradicional de as- das 6,6 mil citar a possibilidade de os municípios de-
operações. Isso acontece em várias sociativismo? cooperativas positarem suas disponibilidades de caixa
frentes – na aquisição de insumos, mi- As cooperativas são sociedades de pes- espalhadas em cooperativas de crédito, por meio da
nimizando custos, ou na negociação da soas, sem fins lucrativos, mas com fins pelo país. Lei Complementar 161/2018; a garantia
produção, buscando sempre o melhor econômicos. Já as associações envolvem da continuidade do Programa de Aqui-
retorno aos cooperados, por exemplo. também pessoas, mas não têm fins lu- sição de Alimentos (PAA) na Lei Orça-
Com a valorização de toda a sua cadeia, crativos nem econômicos. Além disso, d mentária Anual 2018; e a compensação

279
as cooperativas conseguem mitigar as as- nas cooperativas, cada cooperado – que é aos Estados para fomentar as exportações
simetrias e imperfeições de mercados al- dono do negócio, proporcionalmente – com a Lei 13.572/2017.
tamente competitivos. Conseguem ga- tem direitos e deveres definidos clara- Em2018,odesafiodaFrencoopéampliar
nhos de eficiência por sua capacidade mente e a participação deles no processo parlamentares o espaço das cooperativas em políticas pú-
coordenadora, por meio de economias decisório é mais que um dever ou direito, É o total de blicas, levando em conta a importância do
em escala; promoção da redução dos cus- é uma condição sine qua non (essencial) deputados e empreendedorismocoletivoemtemposde
tos de transação, em consequência de seu para o negócio. Ele tem voz ativa. Vota e senadores que recondução do crescimento econômico,
maior poder de negociação; e, finalmen- pode receber voto. E é graças a isso que as compõem a Frente com inclusão social, geração de renda e
te, em muitas regiões, representa uma cooperativas conseguem passar pelas cri- Parlamentar do desenvolvimento regional. Dentre essas
das poucas possibilidades de agregação ses, contornando grande parte dos obs- Cooperativismo matérias, a principal proposta de fomento
de valor à produção rural. Além disso, táculos e aproveitando cada oportunida- (Frencoop) ao cooperativismo é o Projeto de Lei Com-
conseguem sua inserção em mercados de que encontra pelo caminho. plementar (PLP) 271/2005, que trata so-
altamente competitivos e são balizadoras bre o adequado tratamento tributário para
de preços em mercados concorrenciais, Quais são os ramos em que o coope- o ato cooperativo.l
22 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

DIVULGAÇÃO
u Dinheiro: taxas
de juros nas linhas
de crédito das
cooperativas são
reduzidas

“Por se tratar de
cooperados, o
atendimento é
personalizado e

Crédito fácil “Recentemente,


disponibilizamos
duas novas
os custos
financeiros são
bem inferiores
aos praticados
pelo mercado

e com taxas
bancário. O
linhas de crédito. cooperado tem a
possibilidade de
Até o final do receber melhor
remuneração
ano, 11 novas sobre o capital

mais atrativas agências do


Sicoob serão
inauguradas”
investido,
podendo chegar
a 100% da taxa
Selic anual”

ANA CLÁUDIA
Cooperativaslançamnovaslinhasdecréditocomcustoinferioraodemercado MORESCHI
eapostamematendimentopersonalizado,alémdaparticipaçãonosresultados BENTO VENTURIM PRESIDENTE DA
COOPERÁGUIA
PRESIDENTE DO SICOOB-ES
PAULA GAMA
plidoino@redegazeta.com.br tagem é o custo inferior ao de mercado.

C
“Por se tratar de cooperados, o atendi-
rédito acessível, taxas convida- mento é personalizado e os custos fi-
tivas e participação nos rendi- nanceiros são bem inferiores aos pra-
mentos. A união destas três van- ticados pelo mercado bancário. O co-
tagens parece utópica, mas é operado tem a possibilidade de receber
realidade entre as cooperativas de cré- melhor remuneração sobre o capital in-
dito. Neste modelo de instituição finan- vestido, podendo chegar a 100% da taxa
ceiraoclientetambémédonodonegócio, Selic anual, e a participação na distri-
então, além de tomar empréstimos, é be- buição das sobras geradas no exercício.”
neficiado com as sobras de capital. Para Bento Venturim, presidente da di-
A Cooperáguia, Cooperativa de Eco- visão estadual do maior sistema de co-
nomia e Crédito Mútuo dos Emprega- operativasdecréditodoBrasil,oSicoob,o
dos do Grupo Águia Branca, tem ex- crescimento do interesse da população
periência de 43 anos em 24 Estados do por cooperativas demonstra a percepção
país. Hoje são quase 10 mil cooperados de que este modelo de instituição finan-
e uma carteira de empréstimo de mais ceira tem todos os produtos e serviços
de R$ 23 milhões. financeiros adequados para atender às
Ana Cláudia Moreschi, presidente da suasnecessidades,comdiferenciaiscomo
cooperativa, explica que a grande van- o incentivo ao desenvolvimento local, a
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 23

DIVULGAÇÃO/SICOOB
distribuição de resultados e a economia tem investido fortemente na criação de
compartilhada. No último ano, houve um canais de atendimento por meio eletrô-
crescimento de 16,4% no número de co- nico, como site e aplicativo para smart-
operados no Estado: atualmente são phones, que facilitam o acesso a infor-
aproximadamente 260 mil participantes. mações e a contratação de empréstimos.
“O associado é integrado e passa a Já o Sicoob-ES oferece serviços se-
fazer parte, a contribuir para o fun- melhantes aos de um banco para pes-
cionamento do Sicoob-ES. Todos são soas físicas e empresas, como conta
vitais para o êxito da instituição e para corrente, linhas de crédito, investi-
a obtenção de bons resultados. Mais do mento, cartões, previdência, consór-
que a gestão das finanças, temos como cio, seguros, financiamentos e cobran-
objetivo a transformação de vidas e a ça bancária. Recentemente, lançou
contribuição para o desenvolvimento duas novas linhas de crédito. De acor-
das localidades onde as cooperativas do com o presidente, tudo com um cus-
atuam, pois os recursos giram na mes- to mais acessível do que o praticado
ma região e ativam a economia local”, pelo mercado.
garante Bento Venturim. “Disponibilizamosduasnovaslinhasde
crédito. A primeira, Sicoob Ecoar, visa a
CRÉDITO E INVESTIMENTO atender à demanda direcionada ao de-
As taxas de juros da Cooperáguia para senvolvimento de projetos voltados para
crédito pessoal variam de 0,95% a o uso de recursos renováveis. A segunda
11,55% ao mês, definidas de acordo com o Fachada da sidente da insituição. linha, a Faça Acontecer, foi criada para
a finalidade e o prazo de pagamento, que agência do Sicoob Apesar da atuação da cooperativa em facilitar o acesso ao ensino superior com
pode ser de até 36 meses. “Temos linhas na Praia da Costa, diversos Estados, segundo Ana Cláudia menos burocracia. Além disso, o Sico-
para turismo, educação, construção, em Vila Velha: Moreschi77%doscooperadosestãocon- ob-ESdáprosseguimentoaoseuplanode
compra de eletrodomésticos, computa- facilidades para centrados no Espírito Santo, Rio de Ja- expansão. Até o final do ano cerca de 11
dores e tablets. Procuramos apoiar sem- cooperados neiro, Minas Gerais e São Paulo. Ela tam- novas agências devem ser inauguradas
pre o cooperado em seus planos de vida e bém garante que a maioria é jovem, por no Espírito Santo e no Rio de Janeiro”,
na realização de seus sonhos”, diz a pre- isso, nos últimos anos, a Cooperáguia destaca Bento Venturim. l
24 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

Saúde capixaba nas mãos


de médicos qualificados
SHUTTERSTOK
“As cooperativas médicas investem
na qualificação profissional de seus co-
operados e exigem que todos sejam
habilitados em residência, homologa-
dos pelos órgãos de classe, CRM, entre
outros. Seus médicos são atualizados
por meio de cursos e eventos sobre
novas técnicas, tecnologias e equipa-
mentos lançados com uma frequência
cada vez maior”.
Além disso, segundo a Febracem, as
cooperativas buscam a criação de uma
estrutura de trabalho adequada para
seus profissionais, fornecendo condi-
ções e instrumental necessários para
que desempenhem o ato médico de
forma qualificada.
Orestes Pullin, presidente do maior
sistema cooperativista de trabalho
médico do mundo e maior rede de
assistência médica do Brasil, a Uni-
med, explica que no cooperativismo
o lucro não é o objetivo final, por isso
cooperados e pacientes são benefi-
ciados. É por esta razão que a co-
operativa investe constantemente
em recursos próprios, como constru-
Antenados com as tecnologias, cursos e infraestrutura o Médica analisa ções e ampliações de hospitais e la-
para atender mais pacientes. Segun- material em boratórios, diz.
novidades da Medicina, do dados da Organização das Coo- laboratório: foco “Além disso, diferente da relação
mais de cinco mil perativas Brasileiras no Espírito San- em novas técnicas hierarquizada entre operadora de
to (OCB-ES), o Estado possui 17 co- e tecnologias saúde e médico, estabelecida nos
profissionais atuam em operativas na área de saúde, conta- concorrentes, em uma cooperativa o
cooperativas de saúde no ES bilizando 5.025 cooperados e 3.995
empregos diretos.
médico cooperado assume a posição
de dono do negócio. As decisões da
Os médicos associados às coope- marca são sempre tomadas em con-
PAULA GAMA
plidoino@redegazeta.com.br rativas atendem em redes públicas, junto, levando sempre em conside-

O
privadas ou filantrópicas. Para os pa- ração as opiniões dos cooperados.
sistema cooperativo fortale- cientes, a maior vantagem é a ga- Reunidos em uma cooperativa, os
ce a saúde capixaba. Além de rantia de qualificação do profissio- médicos reduzem custos, ganham
garantir remuneração ade- nal, explica o presidente da Federa- maior poder de negociação na aqui-
quada e boas condições de ção Brasileira das Cooperativas de Es- sição coletiva de bens e serviços e
trabalho, os médicos se unem nessas pecialidades Médicas (Febracem) no fortalecem o diálogo com o poder pú-
instituições para investir em novas Estado, Célio Miranda dos Santos. blico”, destaca Pullin.l

“As cooperativas médicas investem na qualificação


profissional de seus cooperados e exigem que
todos sejam habilitados pelos órgãos de classe”
CÉLIO MIRANDA DOS SANTOS, PRESIDENTE DA FEBRACEM NO ESPÍRITO SANTO
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 25

Para
crescermos
juntos,
o caminho
é um só:

cooperação
COMO A SEGURADORA
DO SISTEMA UNIMED,
somos especialistas em soluções para o setor
cooperativista. Oferecemos um amplo portfólio de
produtos que se adaptam às necessidades de cada
cliente, complementando sua oferta de valor, e o
mais importante: potencializando negócios que trazem
proteção e retorno às cooperativas e aos cooperados.

Conheça as nossas soluções em seguros:

VIDA SAÚDE PREVIDÊNCIA RAMOS ODONTO ASSISTÊNCIA


ELEMENTARES

Seguros Unimed. Cooperar para crescermos juntos.


Isso é o que buscamos todos os dias.

> segurosunimed.com.br

Unimed Seguros Saúde S.A. – CNPJ/MF 04.487.255/0001-81 | Unimed Seguradora S.A. – CNPJ/MF 92.863.505/0001-06 – Reg. SUSEP 694-7 | Unimed Seguros Patrimoniais S.A. – CNPJ/MF 12.973.906/0001-71 –
Reg. SUSEP 01970 | Unimed Saúde e Odonto S.A. – CNPJ/MF 10.414.182/0001-09
26 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

DIVULGAÇÃO/UNIMED FEDERAÇÃO

Infraestrutura
para atender meio
milhão de pessoas
Formada por cinco cooperativas no Estado, Unimed amplia assistência e
vai ter novo hospital com 122 leitos e 10 salas cirúrgicas no Sul do Estado

PAULA GAMA
plidoino@redegazeta.com.br O empreendimento atenderá procedi-

A
mentos de média e alta complexidades,
Unimed está presente em cinco oferecendo, em sua primeira fase, 122
cooperativas no Estado: a Uni- novos leitos e dez salas cirúrgicas. A
med Noroeste Capixaba, Uni- previsão é que a primeira fase seja en-
med Norte Capixaba, Unimed tregue em dois anos. O investimento
Sul Capixaba, Unimed Vitória e Unimed total supera a casa dos R$ 72 milhões.
Piraqueaçu. Somando todas elas, são
503 mil clientes, atendidos por 3.461 MÉDICO DE FAMÍLIA
cooperados. Para atender a meio milhão Outro projeto da marca é a migração o O presidente da sobre a melhor forma de cuidar da saúde
de pessoas, além de atuar em hospitais para um modelo de assistência à saúde Unimed Federação até o acompanhamento efetivo e cons-
parceiros, a instituição possui 53 uni- pautado na continuidade do cuidado, ES, Alexandre tante por uma equipe multidisciplinar”,
dades próprias, entre hospitais, mater- um conceito inspirado nos sistemas de Ruschi, destaca a explica o presidente da Unimed Fede-
nidades, laboratórios, unidades de diag- saúde de países como Inglaterra, Ho- promoção da saúde ração ES, Alexandre Ruschi.
nóstico, unidades de oncologia, unida- landa, Alemanha e Austrália. com serviços de O Personal é o plano da Unimed Vitória
des de atendimento ambulatorial e uni- “Está baseado em um médico de re- prevenção e inspirado no conceito de atenção primá-
dades de atenção integral à saúde. ferência que acompanha, ao longo dos atendimento ria. Nele, um médico é referência em
Este ano, um dos principais projetos é anos,avidaclínicadospacientes.Abran- multidisciplinar saúde para cada cliente, conhecendo seu
a construção do novo Hospital Unimed ge a promoção à saúde e a prevenção em histórico e fazendo um atendimento per-
Sul Capixaba, que começou neste mês. diversos níveis, da educação de todos sonalizado na unidade mais próxima. l

Foco na atualização de procedimentos médicos DIVULGAÇÃO/COOTES


PROMOVER CURSOS E SEMINÁ- opanest/ES, José Carlos Binda. o Núcleo de Assistência e Forma-
RIOS para atualizar e impulsionar Os médicos utilizam os novos ção (NAF). Por meio dele, a co-
o aprimoramento profissional conhecimentos para atender a po- operativa de ortopedia, junto à
dos médicos é algo natural na pulação em mutirões e em pro- Liga Capixaba de Ortopedia, de-
maior parte das cooperativas, jetos sociais, como o curso “Salve senvolve o Programa de Educa-
mas a Coopanest/ES – coopera- uma Vida”, promovido pela So- ção Complementar.
tiva de anestesistas – e a Cootes – ciedade Brasileira de Anestesiolo- “Mensalmente são promovidos
de ortopedistas – possuem uma gia, que capacita a população em encontros entre médicos ortope-
vocação em comum: têm a ca- geral para reconhecimento, acio- distas, residentes e especialistas
pacitação como prioridade. namento imediato de serviço mé- de várias partes do Brasil. As aulas
Fundada em 1992, a Coopa- dico especializado e tratamento são veiculadas ao vivo pela in-
nest/ES é pioneira na criação de inicial de uma parada cardiorres- ternet para que tenham um maior
cooperativas médicas no Esta- piratória, ou seja, treinamento em alcance de público envolvido. Pa-
do. Seus profissionais estão em suporte básico à vida. ra os próximos meses, queremos
permanente atualização por expandir ainda mais atuação do
meio de cursos e eventos sobre O diretor-presidente da Cootes, Tercelino NÚCLEO DE FORMAÇÃO NAF. Pretendemos implantar um
as novas técnicas, tecnologias e Hautequestt Neto: capacitação profissional A Cootes possui um fundo cha- centro de treinamento e aperfei-
equipamentos. mado Fundo de Assistência Téc- çoamento totalmente estrutura-
“A cooperativa sabe que a ati- nica Educacional e Social, cons- do para o exercício prático das
vidade dos anestesiologistas uma de suas prioridades é fazer tituído por, no mínimo, 5% das principais técnicas ortopédicas
vem sendo fortalecida a cada dia com que seus membros acompa- sobras ao final de cada ano. A aplicadas nos principais hospitais
com o surgimento de novas téc- nhem essas transformações aqui principal destinação desse recur- de trauma do país”, diz o dire-
nicas, tecnologias e equipamen- no Espírito Santo, com cursos e so é a capacitação dos coopera- tor-presidente da Cootes, Terce-
tos mais sofisticados. Por isso eventos”, diz o presidente da Co- dos. Um dos principais projetos é lino Hautequestt Neto.
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 27
28 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

União que ajuda o Família de Valdir Kosanke,


produtor da Coopeavi, em
Santa Maria de Jetibá

pequeno produtor
a se desenvolver
Cooperativas agropecuárias garantem suporte em cada fase da
produção, com foco no desenvolvimento do negócio e das pessoas

PAULA GAMA d
plidoino@redegazeta.com.br dições melhores para efetuar o paga-

F
mento. A cooperativa oferece suporte
azendo um contraponto ao mo- para os seus cooperados em todo o ciclo
delo econômico capitalista, no produtivo, desde a orientação para o
qual as empresas estão sempre plantio até suporte para comercialização
competindo entre si para conquis- da produção”, detalha.
tar lugar no mercado, o cooperativismo Para o consumidor, segundo Potratz, a
une os pequenos produtores para que, vantagem é a segurança alimentar que
juntos, possam crescer de forma susten- permeia as principais atividades das co-
tável. O maior exemplo dessa união está operativas e a garantia de produtos so-
nascooperativasagropecuáriasque,além cialmente justos, que cumprem a legis-
“Na cooperativa
de oferecerem produtos de qualidade por lação sanitária vigente e ainda valorizam
o produtor é
preço acessível à população, desenvol- o meio ambiente, o trabalho, as tradições
cliente e dono.
vem as regiões onde estão implantadas. e a cultura dos cooperados.
Ou seja, ele tem
Denilson Potratz, vice-presidente da Quando está associado a uma coope-
tranquilidade
Coopeavi, cooperativa de avicultura, café rativa, o produtor tem suas necessidades
para focar na
e ração animal, que possui mais de 12 mil atendidas por meio de uma organização
produção
associados e um capital social de R$ 21,6 que tem foco no desenvolvimento das
porque há uma
milhões, explica que, por meio desta mo- pessoas e do negócio. “Na cooperativa o
instituição
dalidade de negócio, pequenos avicul- produtor é cliente e dono. Ou seja, ele tem
pronta a
tores,cafeicultores,olericultoresepecua- tranquilidadeparafocarnaproduçãopor-
apoiá-lo”
ristasemgeraltêmagarantiadeumavida que há uma instituição pronta a apoiá-lo.
mais digna, social e financeiramente, e se

ANTÔNIO JOAQUIM Importante lembrar que falamos do pro-
fortalecem em suas atividades de forma DE SOUZA NETO dutor, mas por intermédio da cooperativa
igualitária,oquetalveznãoconseguiriam PRESIDENTE DA o atendimento chega a todo o grupo fa-
atuando de forma independente. COOABRIEL miliar”, explica Antônio Joaquim de Sou-
“Por meio da Coopeavi o produtor ru- za Neto, presidente da Cooabriel, a maior
ral tem diversas vantagens, como, por Cooperativa de Café Conilon do Brasil.
exemplo, adquirir insumos e implemen- A Cooabriel é um exemplo de como o
tos com preço diferenciado e em con- produtor é beneficiado. A cooperativa,
em 2017, comercializou mais de 650 mil
sacas de café produzidos por seus 5.715
associados. Entre os investimentos, estão
“A cooperativa quase R$ 25 milhões de financiamentos
concedidos aos sócios para a compra de
oferece suporte a adubos, defensivos, mudas, máquinas,
seus cooperados em equipamentos e custeio de safra.
“Prestamos serviços de comercializa-
todo o ciclo ção – com 11 unidades de atendimento
no Espírito Santo e na Bahia –, de ar-
produtivo, do plantio mazenagem do grão com toda estru-
a comercialização” tura de processamento e logística, de
produção de mudas clonais de café co-
DENILSON POTRATZ nilon e assistência técnica de campo”,
VICE-PRESIDENTE DA COOPEAVI enumera Souza Neto. l
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 29

LEANDRO FIDELIS/COOPEAVI LEANDRO FIDELIS/COOPEAVI

Ovos da granja da família Kosanke, em Santa Maria de Jetibá, na Região Serrana do Estado

R$ 6 milhões para expansão de


negócios e projetos de inovação
DIVULGAÇÃO/MOSAICO IMAGEM
A APOSTA DA COOPEAVI é no controle
da inflação e na volta do crescimento
econômico. Por isso, para a coopera-
tiva continuar a crescer de forma sus-
tentável, foi anunciado um investi-
mento de R$ 6 milhões em 2018 para
projetos de inovação e expansão de
novos negócios.
“Os investimentos contemplam as
principais atividades da Coopeavi, avi-
cultura e cafeicultura, além da frota e do
setor de tecnologia e gestão. Só na área
de avicultura, os recursos previstos são
na ordem de R$ 2,55 milhões. O des-
taque é a abertura do edital para o se-
gundo grupo de cotistas do Condomínio
Avícola de Postura Comercial (para o
alojamento de aves) e a construção do
terceiro galpão para novos alojamentos O vice-presidente da Coopeavi, Denilson
de galinhas poedeiras. Outros investi- Potratz, anuncia investimentos para 2018
mentos em avicultura atendem a Fazen-
da Sede, a Recria e comercialização de
ovos, e também a construção de um no- rios, a intenção é ampliar o mercado de
vo silo para armazenamento de milho varejo com a abertura de mais uma loja
com capacidade de 1.800 toneladas, em agropecuária em Nova Venécia.
SantaMariadeJetibá”,detalhaDenilson Já no negócio de café, a novidade
Potratz, vice-presidente da Coopeavi. fica por conta da melhora na etapa de
Além disso, está prevista a moder- torra, com a aquisição de equipamen-
nização do Complexo Logístico, em Ibi- tos de última geração e do lançamento
raçu. A cooperativa fará a verticaliza- do e-commerce. Estão previstas tam-
ção da estrutura – armazenamento em bém a renovação da frota e a atua-
prateleiras estruturadas – e a implan- lização do parque tecnológico da co-
tação de um sistema que controla a operativa, investimentos congelados
localização dos produtos nas pratelei- por dois anos devido ao cenário eco-
ras. No setor de insumos agropecuá- nômico do país.
30 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

DIVULGAÇÃO/VENEZA

Trabalhadores fazem controle de qualidade de produtos como leite e queijo na Cooperativa Veneza, em Nova Venécia, no Norte do Estado: atenção ao processo produtivo

Investimento para dar tiva, com uma gestão focada sempre no


ganho de escala em todas as cadeias pro-
dutivas. Isso vai proporcionar ao mer-
cado produtos cada vez mais saborosos,

mais qualidade ao leite saudáveis e confiáveis”, garante o pre-


sidente da Selita.
A Veneza – famosa por queijos, doce de
leite, creme de ricota, manteiga, iogurtes,
bebidaslácteaseoutrosderivadoslácteos
Laticíniosapostamemmodernização,comusodenovastecnologiasparasuperar d – também apostou na melhoria do pro-
osefeitosdaseca,aprimorarosprocessoseaumentaracapacidadeprodutiva cessodeprodução,cominvestimentosno
controle de qualidade, no aumento da
capacidade de armazenamento do leite e

A
pesar da força do agronegócio poços e uso cada vez mais racional. O no setor de pesquisa e desenvolvimento
no Espírito Santo, as coopera- setor, como um todo, está se reestru- de novos produtos. José Carnieli, pre-
tivas passaram por uma crise turando e praticamente já vem pro- sidente da instituição, afirma que a co-
intensa nos últimos anos cau- duzindo dentro da normalidade, com operativa também estimula os produto-
sada pela escassez de chuvas. Para isso, pequenas dificuldades pontuais”, res a aprimorar o processo.
foi preciso muita resiliência e investimen- avalia João Marcos Machado, presi- “Uma grande parte dos produtores já
tos em novas formas de produzir. dente da cooperativa. “O produtor entendeu que é preciso melhorar a pro-
Até mesmo para uma gigante com A prova disso é que novos investi- precisa dutividade, aplicando tecnologia. Quem
80 anos de experiência, os últimos mentos são planejados. A cooperativa implantar não mudar, provavelmente, em um fu-
anos foram difíceis. A cooperativa de adquiriu, em 2017, um terreno na Sa- tecnologia turo próximo, será obrigado a sair da
laticínios Selita, que capta leite de 46 fra, em Cachoeiro, de 1,2 milhão de dentro da atividade leiteira. O produtor precisa im-
municípios do Estado e vende seus metros quadrados, onde será construí- propriedade, e plantar tecnologia dentro da proprieda-
produtos também no Rio de Janeiro e do um moderno parque industrial. nós somos de, e nós somos parceiros nesta melhoria.
na Bahia, precisou tirar lições desse “Esse novo parque nos dará condições parceiros nesta A crise hídrica que sofremos até o ano
momento. “Foi um período sem chu- para industrializar cerca de 800 milhões melhoria” passado foi muito drástica e temos cons-
vas e que não acontecia há muitos de litros de leite por dia, gerando mais — ciência de que em nossa região a seca
anos. Foi sofrido para os produtores, empregos, mais receitas e desenvolvi- JOSÉ CARNIELI acontece ano após ano, então temos que
mas sempre nas tragédias se tiram li- mento para o Espírito Santo. Para 2018, a PRESIDENTE DA nos adaptar a ela. Nossa recepção de leite
COOPERATIVA
ções. Hoje, a preocupação com a água expectativa é boa, vamos manter o nosso VENEZA caiu drasticamente durante a estiagem e,
é um fato e todos procuram fazer sua planejamento, continuar diminuindo agora, estamos voltando à normalidade”,
conservação, por meio de barragens, custos e aumentar a capacidade produ- diz Carnieli. l

“O novo parque nos dará condições para industrializar


cerca de 800 milhões de litros de leite por dia, gerando
mais empregos, mais receitas e mais desenvolvimento”
JOÃO MARCOS MACHADO, PRESIDENTE DA COOPERATIVA SELITA
Fertilizantes Heringer
Há 50 anos contribuindo
para o desenvolvimento
da agricultura capixaba.
A Fertilizantes Heringer completa 50 anos de apoio ao agricultor brasileiro.
Com a mesma paixão pela agricultura desde o início, os prossionais da Heringer desenvolvem programas
de nutrição vegetal de qualidade, com as últimas tecnologias disponíveis, auxiliando no crescimento do
agronegócio e dando suporte para as novas gerações.
Com um portfolio de produtos completo, a Heringer está presente em todo o território brasileiro, com sua
equipe técnica presente e atuante, no dia-a-dia de quem produz e alimenta o Brasil e o mundo.
Fertilizantes Heringer. A melhor tecnologia para todas as culturas.

www.heringer.com.br
32 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

Inovação é
o Painel Cooperar
2018 reuniu
diversos
cooperados para
debater novidades

fundamental
do setor; palestra
com o jornalista
Caco Barcellos
lotou o auditório
da Rede Gazeta

para o setor d
Evento “Painel Cooperar 2018” trouxe o jornalista Caco Barcellos para
debater com representantes das cooperativas como inovar na prática 8
mil primeira cooperativa de jornalistas, em
SIUMARA GONÇALVES
empregos Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, foi o
sfgoncalves@redegazeta.com.br mento é para que as cooperativas pro- diretos convidado especial do seminário.

I
fissionalizem a sua gestão. Com isso, “Eu percebi que as premissas funda-
novar já faz da rotina das coope- elas podem melhorar seus investimen- É o número de mentais e a dinâmicas que adotamos,
rativas capixabas. Reinvenção é a tos e planejamentos, o que é uma gran- pessoas sobretudo as do Profissão Repórter, tem
palavra-chave para os bons núme- de inovação para o segmento”, ressal- beneficiadas com relaçãoaminhaorigemnacooperativa.O
ros do cooperativismo no Estado tou Pedro Scarpi Melhorim, presidente o setor processo, a dinâmica e o fato de trabalhar
ao longo dos anos. São tantos exemplos da OCB/ES. cooperativista no de forma colaborativa esteve sempre pre-
de empreendedorismo que os repre- O gerente executivo da Cooperativa Estado sentenoprograma,poracreditarqueesse
sentantes do setor se reuniram para Agropecuária Centro Serrana (Coopea- processo é muito eficaz e dá um retorno
debater boas práticas e aperfeiçoamen- vi), Marcelino Bellardt, explica que a ino- mais interessante, não apenas quando
to de processos. vação é constante dentro das coopera- somos donos da organização (negócio),
O evento “Painel Cooperar 2018”, tivas tanto na parte interna da empresa, mas também para quem investe no nosso
realizado por A GAZETA, no dia 20 de na gestão, quanto nos processos e ser- trabalho”, ressaltou na palestra.
julho, em Vitória, contou com palestra viços que ela oferece. “Hoje nosso café A recessão de 2014 fez muitos ne-
do jornalista Caco Barcelos. Os deba- tem a etiqueta rastreável, com isso o con- gócio fecharem e planos de investi-
tedores foram Carlos André, superin- sumidor pode consultar de onde aquele mentos deixarem de ser feitos. Mas pa-
tendente do Sistema OCB/ES, Alexan- produto vem”. ra as cooperativas este foi o momento
dre Ruschi, presidente da Central Na- de maior união entre os membros. En-
cional Unimed, e Cleto Venturim, pre- EQUIPE frentar desafios juntos e redobrar as
sidente do Sicoob Sul-Serrano; com A inovação também foi o tema esco- forças para lutar é apenas uma parte do
mediação da colunista de Economia de lhidoporCacoBarcellosparasuapalestra que significa para eles ser cooperar.
A GAZETA, Beatriz Seixas. no painel. O jornalista criador do Pro- Para Alexandre Ruschi, presidente da
“Atualmente nosso maior investi- fissão Repórter e um dos fundadores da Central Nacional Unimed, o modelo co-
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 33

FOTOS: GUILHERME FERRARI

Desigualdade
d d

é amenizada
“Sempre que as
com trabalho “Cooperativismo
pessoas se
unem para o
bem comum é
um ponto
em conjunto permite que a
sociedade se
transforme.
Aperfeiçoar esse
positivo. O modelo
cooperativismo Representantes das cooperativas destacam fortalece as
une as pessoas importância do setor na inclusão social relações entre
para realizar as pessoas”.

A
um propósito
comum” desigualdade econômica ainda é um ALEXANDRE
— dos principais problemas a ser enfren- RUSCHI
PRESIDENTE DA
CLETO VENTURIM tado no país. No Painel Cooperar 2018,
PRESIDENTE DO CENTRAL NACIONAL
a discussão também girou em torno de UNIMED
SICOOB como as cooperativas estão ajudando a com-
bater as desigualdades da população a partir
d dos seus princípios. d
Segundo o superintendente do Sistema Orga-
nização das Cooperativas do Brasil no Estado
(OCB/ES), Carlos André Santos, também presente
no painel, os modelos de cooperativismo possi-
bilitam chegar a um resultado além do de equi-
dade. “Na agropecuária, por exemplo, os coope-
rados, além de ganharem qualidade e escala, a
partir do trabalho realizado coletivamente, tam-
bém conseguem ter acesso à assistência técnica,
“Os cooperados, consultorias específicas para a área em que atuam “Conseguimos
além de e, com isso, prosperarem”, comentou. passar de forma
ganharem Cooperar significa realizar uma ação conjun- menos dolorosa
qualidade e ta para uma finalidade. Dessa forma, o coo- pela crise
escala também perativismo permite que as pessoas se orga- econômica.
conseguem ter nizem em diversos tipos de arranjos produtivos Tudo devido à
acesso à existentes na sociedade e coloquem seus tra- união das
laborativo permite que a sociedade se assistência balhos e atividades diretamente à disposição pessoas para
transforme, pois o cooperativismo aper- técnica” da sociedade. traçar um
feiçoa e fortalece as relações entre as pes- — Para o presidente da Central Nacional Unimed objetivo em
soas. “Vivemos em um momento de pro- CARLOS ANDRÉ (CNU), Alexandre Ruschi, a cooperação trans- comum”
funda transformação nos hábitos e for- SANTOS forma o negócio em uma forma de interação —
SUPERINTENDENTE PEDRO MELHORIM
mas de se relacionar. O cooperativismo DA OCB/ES
espontânea entre a sociedade, livre dos inter-
permite que a sociedade, que tem forte mediadores, como uma forma de contato direto PRES. DA OCB/ES
presença, consiga superar a crise com e mais humano.
maior facilidade”, comentou. d d
Além da crise econômica, o Espírito SÓCIOS
“Sempre “Cooperativismo
Santo viveu um momento de profunda O presidente da OCB, Pedro Scarpi Melhorim,
buscamos é um sistema
falta de água. O quadro não prejudicou complementa que a união das pessoas para traçar
garantir democrático, no
apenas as lavouras, mas toda a cadeia um objetivo em comum é uma das maiores fer-
o tripé da qual as
agropecuária, como foi o caso da Veneza. ramentas para a manutenção do negócio. “Como
sustentabilidade principais
“Temos 1,2 mil cooperados. Devido à cooperativa estamos centrados nas pessoas e não
fazendo que a decisões são
seca a cooperativa precisamos adotar al- no que elas têm. Na cooperativas somos como
cooperativa se tomadas em
gumas medidas internas, como rever os sócios do negócio”, relatou.
desenvolva: conjunto com os
custos fixos. Já na área externa, mexe- Um dos mecanismos necessários para se re-
social, cooperados, que
mos na rota de transportes da matéria duzir a desigualdade é dar condições de acesso à
ecológico e são os próprios
prima e dos produtos acabados. Em fun- população. Segundo o jornalista Caco Barcel-
economicamente” donos do
ção da baixa produção de leite, busca- los, que palestrou no evento, a desigualdade
mosfazerparceriascomoutrasempresas — está presente na raiz dos problemas nacionais e,
negócio”
para suprir a falta dos produtos”, relatou
ONIVALDO
por isso, é preciso criar condições para que a

LORENZONI JOSÉ CARNIELLI
José Carnielli, presidente da Coopera- DIRETOR DA mudança ocorra e as diferenças existentes entre PRESIDENTE DA
tiva Veneza. l COOABRIEL as classes sociais sejam reduzida. l VENEZA
34 | COOPERATIVISMO SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

ENTREVISTA

O que você fazia nessa cooperativa?

Caco Barcellos GUILHERME FERRARI


Eu ficava menos na administração da
cooperativa e mais no fronte, como
sempre, produzindo reportagens para
o principal jornal desta cooperativa.
Depois, em 1975 eu virei um viajante,
sempre indo atrás de histórias, e não
percebi que ficou na minha raiz aquela
experiência que eu achei muito legal,
de cooperativa. Ela tinha uma dinâ-
mica de trabalho e um processo co-
laborativo onde todos estávamos in-
dividualmente como protagonista da
história que queremos contar, mas vol-
tados para um processo e um propósito
maior.

Como encara o caminho profissional


que trilhou?
Se não tivéssemos lutado lá atrás, não
os jornalistas, mas toda a sociedade e
inclusive os empresários de comunica-
ção, a gente não viveria em um regime
de liberdade como vivemos hoje. Essa
experiência de cooperativismo me
acompanha até hoje. No Profissão Re-
pórter eu me dou conta do meu papel de
líder e que a dinâmica do trabalho é
aquela do passado, sendo muito seme-
lhante a experiência que eu aprendi
dentro da cooperativa de jornalistas.

O jornalista defende o processo colaborativo das cooperativas, no qual todos os indivíduos são protagonistas da história Como o cooperativismo pode ajudar
a sociedade evoluir?
Não tenho um modelo de cooperati-
Atual apresentador do Profissão Repórter vismo, mas sim uma inspiração, que é
uma dinâmica de trabalho. Qualquer ex-
periência dessa pode ser eficiente do
começou a carreira criando uma cooperativa ponto de vista da produção econômica
com o resultado. De nada adianta avan-
em Porto Alegre e defende a dinâmica do setor çar o sinal, criar algo novo e criativo se
não apresentar um resultado concreto,
sobretudo em um país que vive em um
SIUMARA GONÇALVES d processo de desenvolvimento e com a
sfgoncalves@redegazeta.com.br bamos pedindo demissão por um pro-
“De nada necessidade de distribuir tudo aquilo

C
blema sério que tivemos com a Se-
ontar uma história a várias mãos cretaria de Segurança Pública de Por- adianta avançar que conquista.
e trazer as dificuldades da so- to Alegre. Pedimos demissão, éramos o sinal, criar
ciedade para a discussão popu- um grupo de 22 jornalistas. Então nós algo novo e Como enxerga o atual cenário tanto
lar. Nascido na periferia de Porto fomos fundar uma cooperativa pois criativo se não político como econômico do país?
Alegre o repórter Caco Barcellos, criador achamos que era o melhor jeito de apresentar um Eu não entendo de economia e não
do Profissão Repórter, antes de ser jor- seguir. Naquele momento, os empre- resultado entendo de política. Acho que é tão
nalista trabalhava como taxista. Ele ga- sários de comunicação e os jornalis- concreto, mais importante estar perto das pes-
nhou notoriedade pelas suas reportagens tas estavam unidos em harmonia com sobretudo em soas mais simples. Tenho uma certa
investigativas e denúncias em defesa dos o foco muito claro. Todos queriam um país que ojeriza com o poder. No Profissão Re-
direitos humanos e também foi um dos trabalhar pela conquista das liberda- vive em um pórter não gostamos de Palácios ou
criadores da Cooperativa dos Jornalistas des democráticas e, principalmente, processo de dos gabinetes. Gostamos de estar per-
de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, e do direito de expressão. Achávamos desenvolvimento to do povo, que é a maior autoridade,
da antiga revista Versus. que criando uma cooperativa tería- e sobretudo e das família mais simples. Essas são
mos a oportunidade de não ter ne- com a pessoas afetadas todo o tempo e se-
Quando começou a sua relação com nhum tipo de filtro, o que era uma necessidade de gundo por segundo pelas ações dos
o cooperativismo? ferramenta muito forte para transfor- distribuir tudo poderosos. Queremos saber como a
Na época do regime militar eu tra- mar nosso trabalho em uma ferra- aquilo que ação dos poderosos na política e na
balhava em um jornal de Porto Alegre menta de luta e conquista das liber- conquista” economia se reflete na vida das pes-
chamado Folha da Manhã e nós aca- dades democráticas. soas mais simples. l
SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018 COOPERATIVISMO | 35
36 | PANORAMA SEGUNDA-FEIRA, 30 DE JULHO DE 2018

Queremos mostrar a toda sociedade que com


o Cooperativismo é possível crescer com
democracia, igualdade e justiça social.
Que é possível melhorar o presente e preservar
o futuro para as próximas gerações.
Temos orgulho de fazer parte desse movimento,
comprometido com a justiça social e com a
sustentabilidade ambiental.

Ser COOPERATIVISTA
é dividir sonhos e planos e
compartilhar vitórias e resultados.

Movimento #SOMOSCOOP
Faça parte.
27.2125-3200 • /SistemaOcbes
www.OCBES.coop.br

Centres d'intérêt liés