Vous êtes sur la page 1sur 43

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


EDUCAÇÃO ESPECIAL
E
EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO BRASIL

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Principais Referências

Nacionais e Internacionais
para o processo de inclusão no Brasil

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


2015 LEI BRASILEIRA DE INCLUSÃO (LBI)

1999 CONVENÇÃO DE GUATEMALA

1994 DECLARAÇÃO DE SALAMANCA

1990 DECLARAÇÃO DE JOMTIEN

POLÍTICA NACIONAL PARA INTEGRAÇÃO DA PESSOA


1989
PORTADORA DE DEFICIÊNCIA

1988 CONSTITUIÇÃO FEDERAL

1960/ SOCIEDADE INDIVIDUALISTA


1970

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


→ FAMÍLIA

1ª Fase: Choque

2ª Fase: Negação

3ª Fase: Tristeza, raiva e ansiedade

4ª Fase: Equilíbrio

5ª Fase: Reorganização

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


→ ESTIGMA

→ AUTOCONCEITO

→ FORMAÇÃO DA IDENTIDADE

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


DIFERENÇA ENTRE:

INCLUSÃO, INTEGRAÇÃO, SEGREGAÇÃO E EXCLUSÃO SOCIAL

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


ESTAMOS INTEGRANDO
OU INCLUINDO?

?
? ? ?
?
PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Para que a inclusão ocorra de
fato é necessário vencer
inúmeras barreiras.
Dentre elas, as atitudinais ,
uma vez dependem da
disponibilidade de cada
indivíduo.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Referências Importantes

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


AS LEIS :
Difculdades
e
Possibilidades

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Autismo

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Autismo
→ Comunicação e interação social prejudicadas.

→ Estereotipias.

→ Interesse profundo a um determinado assunto.

→ Hipersensibilidade.

→ Outros.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Autismo
Primeiras atitudes para se proporcionar
o bem estar do aluno:
→ Relação família-escola.
→ Adaptação do espaço escolar.
→ Relação professor-aluno
(estabelecendo confiança).

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Autismo

Possibilidades para o
processo de aprendizagem:

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Esse é o João.

Quando o João quiser brincar e não perguntar aos amigos: “Posso brincar?”

Os amigos fcam irritados.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Quando o João pergunta aos amigos: Posso brincar?

Os amigos fcam felizes.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


-Dificuldades de organização e de memorização de suas
responsabilidades. Elaborar um roteiro especial de apoio à
organização do aluno, como uma agenda ou um caderno com fotos
das atividades.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


-Utilizar estímulo imagético (trabalhar palavras, letras e vocabulário por meio de
figuras expressando ações, situações do cotidiano).

-Palavras que exprimam familiaridade.

-Organizar os materiais/atividades de forma que o aluno compreenda com a


facilidade.

-Se o aluno não compreendeu a proposta de trabalho por meio da organização dos
materiais e do apoio verbal, executar a atividade na frente dele, devagar e com
clareza, e verificar se depois ele tenta executar a tarefa.

-Se as opções anteriores tiverem falhado, apoio o aluno na execução da tarefa.

-Utilizar a linguagem no nível de compreensão do aluno.

-Conteúdos que trabalhem com o sentido figurado, é aconselhável usar exemplos


concretos na exposição da matéria e dos exercícios, principalmente com explicação
no cotidiano do aluno.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Quem não tem cão, caça com gato.

De grão em grão, a galinha enche o papo.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


-As atividades propostas devem ser muito curtas no início, pois a resistência
ao tempo de trabalho faz parte do aprendizado.

-Cuidado para que a atividade proposta não contenha mais de uma proposta
nova por vez.

-Buscar por métodos que auxiliem o aprendizado.

“Os profissionais são mais importantes do que os métodos. Trabalho e


otimismo.”

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Síndrome de Down
Um cromossomo a mais
me faz especial.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Síndrome de Down

Os primeiros objetivos da inclusão social para a


criança com SD na escola incluem:

→ Comportamento.
→ Rotina.
→ Apoio.
→ Relação com profissionais
de apoio e terapeutas.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Síndrome de Down

* Fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais


* Pediatras e especialistas
* Psicólogos
* Psicopedagogos
* Assistentes, professores de sala de
recursos e orientadores
* Fonoaudiologos

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Síndrome de Down
O Aluno com Síndorme de
Down que estuda com colegas
sem deficiência beneficia não só a
si mesmo, mas também aos
outros alunos da escola.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Deficiência Intelectual

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Deficiência Intelectual

→ Nível cognitivo e comportamental abaixo da


média.

→ Tempo de aprendizagem diferente dos demais


alunos.

→ Dificuldade para interpretar conteúdos abstratos.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Deficiência Intelectual

→ Falta de criatividade e autonomia


(dependentes).

→ Dificuldade de inter-relacionamento.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Como lidar com alunos com

deficiência intelectual na escola?


→ Diversificar os modos de exposição nas aulas.

→ Relacionar os conteúdos curriculares a situações do


cotidiano.

→ Mostrar exemplos concretos para ilustrar ideias mais


complexas.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Como lidar com alunos com

deficiência intelectual na escola?


→ Identificar as competências e habilidades.

→ Flexibilizar o tempo.

→ Ajuda dos colegas.

→ Mediação de um adulto.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


TDAH

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Transtorno de Déficit de Atenção / Hiperatividade

→ Ele se caracteriza por sintomas de desatenção, inquietude e


impulsividade
→ Ele é o transtorno mais comum em crianças e adolescentes

O TDAH se caracteriza por uma combinação de dois tipos de


sintomas:
1) Desatenção
2) Hiperatividade-impulsividade

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Déficit de atenção: presença de seis ou mais sintomas

• Comete erros grosseiros por falta de atenção;

• tem dificuldade em manter-se concentrado;

• parece não ouvir;

• freqüentemente não segue instruções ou conclui atividades iniciadas, sem que


isto se deva a falta ou déficit de compreensão;

• tem dificuldade para organizar-se ao realizar tarefas escolares ou atividades


domésticas;

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Déficit de atenção: presença de seis ou mais sintomas

• evita com freqüência engajar-se em atividades que requerem atenção concentrada;

• perde freqüentemente objetos ou materiais necessários para a realização de atividades;

• distrai-se com facilidade;

• é “esquecido

• Freqüentemente irrequieto, agitado, mexe mãos e pés;

• levanta da carteira ou sai da sala de aula com freqüência, tem dificuldade em permanecer
sentado por períodos mais longos de tempo;

• realiza atividades motoras inadequadas, “perigosas”, subindo nos lugares, correndo

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Hiperatividade: presença de seis ou mais sintomas

• “barulhento”, tem dificuldade em realizar atividades em silêncio;

• parece constantemente “ligado”, “a mil por hora”;

• freqüentemente fala demais.Impulsividade:

• Tem dificuldade para aguardar sua vez em atividades realizadas em grupo;

• dá respostas antes que as perguntas tenham sido completamente formuladas;

• “intromete-se” nas atividades dos outros.

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


Apresentação
de jogos
“ A inclusão social não é crer que
somos todos iguais.
É acreditar que somos todos
diferentes! ”

PSICOPEDAGOGAS: Joane Moura, Lidiane Moreira e Luiziane Gomes

FONOAUDIÓLOGA: Luciana César

PROFESSORA DE AEE: Adriana Aparecida


EQUIPE CAPNEE – Rio das Flôres

PSICOPEDAGOGAS
Joane Moura da Silva Lourenço
Lidiane Moreira Guimarães
Luiziane R. Machado Gomes

FONOAUDIÓLOGA
Luciana Coutinho da Rocha César

PROFESSORA DE AEE
Adriana Aparecida de Oliveira Pereira