Vous êtes sur la page 1sur 15

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO


CONCURSO PÚBLICO PARA PROFESSOR DE ENSINO BÁSICO, TÉCNICO E TECNOLÓGICO
EDITAL Nº 26/2012-GR

PROVA ESCRITA PARA O EIXO PROFISSIONAL

CONTROLE E PROCESSOS
INDUSTRIAIS
- Opção 317 -
INFORMAÇÕES AO CANDIDATO
1. Escreva seu nome e número de CPF, de forma legível, nos locais abaixo indicados:

NOME: __________________________________________________________________ Nº. CPF: ___________________

2. Verifique se o EIXO PROFISSIONAL e o CÓDIGO DE OPÇÃO, colocados acima, são os mesmos constantes da sua
FOLHA RESPOSTA. Qualquer divergência, exija do Fiscal de Sala um caderno de prova, cujo EIXO
PROFISSIONAL e o CÓDIGO DE OPÇÃO sejam iguais aos constantes da sua FOLHA RESPOSTA.
3. A FOLHA RESPOSTA tem, obrigatoriamente, de ser assinada. Essa FOLHA RESPOSTA não poderá ser substituída,
portanto, não a rasure nem a amasse.
4. DURAÇÃO DA PROVA: 3 horas, incluindo o tempo para o preenchimento da FOLHA RESPOSTA.
5. Na prova há 40 (quarenta) questões, sendo 10 (dez) questões de Conhecimentos Pedagógicos e 30 (trinta) questões de
Conhecimentos Específicos, apresentadas no formato de múltipla escolha, com cinco alternativas, das quais apenas uma
corresponde à resposta correta.
6. Na FOLHA RESPOSTA, as questões estão representadas pelos seus respectivos números. Preencha, por completo, com
caneta esferográfica (tinta azul ou preta), toda a área correspondente à opção de sua escolha, sem ultrapassar as bordas.
7. Será anulada a questão cuja resposta contiver emenda ou rasura, ou para a qual for assinalada mais de uma opção. Evite
deixar questão sem resposta.
8. Ao receber a ordem do Fiscal de Sala, confira este CADERNO com muita atenção, pois, nenhuma reclamação sobre o
total de questões e/ou falhas na impressão será aceita depois de iniciada a prova.
9. Durante a prova, não será admitida qualquer espécie de consulta ou comunicação entre os candidatos, nem será
permitido o uso de qualquer tipo de equipamento (calculadora, telefone celular, etc.), chapéu, boné, ou similares, e
óculos escuros.
10. A saída da sala só poderá ocorrer depois de decorrida 1 (uma) hora do início da prova. A não observância dessa
exigência acarretará a sua exclusão do concurso.
11. Ao sair da sala, entregue este CADERNO DE PROVA, juntamente com a FOLHA RESPOSTA, ao Fiscal de Sala.
12. Os três últimos candidatos deverão permanecer na sala de prova e somente poderão sair juntos do recinto, após a
aposição em Ata de suas respectivas identificações e assinaturas.

www.pciconcursos.com.br
CONHECIMENTOS PEDAGÓGICOS
1. A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, apresenta diretrizes
para todas as modalidades e níveis de ensino, disciplinando a educação escolar. Sobre os conhecimentos
profissionais informais adquiridos em experiências extra-escolares, essa Lei possibilita
a) a análise para inclusão sistêmica dos conhecimentos formais e informais nas matrizes curriculares ou
nos componentes curriculares de áreas afins.
b) o reconhecimento e a certificação de conhecimentos adquiridos na educação profissional, tecnológica
ou no trabalho para fins de conclusão de estudos.
c) o reconhecimento dos conhecimentos formais e informais adquiridos em experiências extra-escolares
para promover a contextualização.
d) a observância desses conhecimentos, via análise criteriosa, para isenção de estudos em componentes
curriculares correspondentes.
e) a identificação dos conhecimentos extra-escolares para ressignificação do currículo formal, promovendo
maior relação teoria-prática.
2. A Lei Nº 11.892, de 29 de dezembro de 2008, institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e
Tecnológica; cria, portanto, os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia. A partir dessa Lei, é
correto afirmar que os Institutos Federais
a) são equiparados às universidades devido a sua excelência predominante na oferta de educação
tecnológica voltada para formação de tecnólogos nas áreas de engenharia.
b) constituem-se centros de educação preferencialmente tecnológica para atender às demandas produtivas
locais e regionais, investindo em ciência e tecnologia.
c) ao serem equiparados às universidades, tendem à diminuição da oferta de educação profissional em
nível técnico, investindo mais em educação superior tecnológica.
d) ofertarão 50% das suas vagas para educação profissional de nível superior, tendo em vista sua nova
reestrutura organizacional e sistêmica de instituição superior tecnológica.
e) são equiparados às universidades, para efeito das disposições legais que regem a regulação, supervisão e
avaliação das instituições de educação superior.
3. Mais especificamente sobre os Direitos Humanos como princípio de vida que visa contribuir com uma
melhor convivência humana em sociedade, através do respeito às diferenças, a Resolução CNE/CEB Nº 2,
de 30 de janeiro de 2012, determina que os direitos humanos
a) sejam tratados de forma integrada, como princípio norteador, permeando todo currículo do ensino
médio.
b) constituam-se em nova disciplina curricular eletiva em todos os anos do ensino médio.
c) sejam incluídos nos currículos escolares em forma de componente curricular opinativo.
d) sejam propostos e implementados pelo projeto político-pedagógico como área das ciências humanas.
e) constituam-se em conteúdos obrigatórios de Filosofia e Sociologia, com a finalidade de promover a
cidadania.
4. Analisando a Resolução CNE/CEB Nº 2, de 30 de janeiro de 2012, que define as diretrizes curriculares
nacionais para o ensino médio, encontramos uma proposta pedagógica voltada para transformações
humanas e sociais permanentes em prol da construção de um mundo melhor. Com base nesse dispositivo
legal, é correto afirmar que essas diretrizes curriculares propõem
a) uma estruturação curricular sistemática com ênfase na formação propedêutica, ou seja, no acúmulo de
conhecimentos científicos e tecnológicos que mais preparem jovens e adultos para adaptarem-se às
inovações contemporâneas ocasionadas pelo desenvolvimento dos processos produtivos.
b) uma estruturação curricular sistemática, com ênfase na formação profissional de jovens e adultos, a fim
de capacitá-los melhor para o exercício de uma profissão específica, contribuindo, assim, com a
diminuição do desemprego e, consequentemente, favorecendo a formação de uma sociedade brasileira
mais apta a enfrentar as inovações científicas e tecnológicas ocasionadas pelos processos produtivos.
c) uma estruturação curricular sistemática com ênfase na formação intelectual de estudantes para
democratizar os conhecimentos científicos e tecnológicos, contribuindo, assim, com uma formação
humana mais preparada para o exercício da cidadania, combatendo discriminações e preconceitos de
classe, étnicos e outros que acentuam as injustiças sociais.
d) uma estruturação curricular sistemática com ênfase na formação humana integral de sujeitos críticos,
reflexivos, mais humanizados, incluindo a formação profissional, o cultivo do respeito às diferenças
humanas de um modo geral, ao meio ambiente, e a formação de valores éticos que combatam as
discriminações e os preconceitos geradores de desumanizações.
e) uma estruturação curricular sistemática com ênfase na formação intelectual mais ampla de estudantes
do ensino médio, objetivando principalmente a verticalidade de seus estudos em níveis mais elevados
do conhecimento formal, para um melhor enfrentamento da competitividade no mercado de trabalho.

www.pciconcursos.com.br
5. Considerando o Decreto Nº 5.840, de 13 de julho de 2006, que instituiu o Programa Nacional de Integração
da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos –
PROEJA, indique a alternativa correta.

a) A finalidade desse programa, além de ampliar a escolarização e profissionalização, consiste, sobretudo,


em desenvolver habilidades e competências necessárias ao empreendedorismo local e regional,
contribuindo para que estudantes concluintes iniciem seu próprio negócio no mundo do trabalho.
b) A finalidade desse programa consiste em ampliar a escolarização de jovens e adultos, sua formação
intelectual e profissional, respeitando os conhecimentos experienciais e profissionais prévios, aliando
formação geral e educação profissional para uma melhor inclusão de jovens e adultos no mundo do
trabalho.
c) A finalidade principal e definidora desse programa consiste, tão somente, em investir na formação
política e intelectual de jovens e adultos trabalhadores, para conquistarem um espaço no competitivo e
excludente mercado de trabalho, compreenderem melhor os seus direitos e, assim, assumirem a
cidadania de forma mais participativa.
d) A finalidade dessa revolucionária intervenção política do Governo Federal consiste em preparar mão de
obra qualificada e pragmática para atender ao mercado de trabalho, bem como profissionalizar jovens e
adultos a partir das demandas locais e regionais do mundo produtivo, com vistas unicamente ao
exercício de uma profissão, independentemente do nível de escolarização.
e) O programa pauta-se no princípio de que o conhecimento sistemático é condição primeira para o
mercado de trabalho, por isso investe na ampliação da formação propedêutica e intelectual, preparando
a classe trabalhadora e social mais ampla, para atuar no mercado de trabalho.

6. “[...] uma teoria do Capital Humano rejuvenescida, com ênfase no privado e no individual, ao invés de no
investimento público, mercantiliza a educação, vendo-a como uma grande estratégia para potencializar a
flexibilidade de trabalho e, consequentemente, para melhorar a competitividade da economia. Nesta visão,
os indivíduos são maximizadores de consumo racionais e acredita-se que a busca pelo interesse pessoal no
mercado de trabalho produzirá resultados desejáveis, econômica e socialmente (p.13)” (apud Maclaren,1997,
p. 27).

Com base na citação apresentada, é correto afirmar que o autor

a) apresenta a importância da teoria do Capital Humano em prol da eficácia das políticas públicas e
transformações socioeconômicas mais igualitárias, possibilitando um desenvolvimento social, cultural e
econômico mais pautado na justiça social, sendo a educação escolar compreendida como fundamental
ao alcance dessa finalidade.
b) apresenta uma teoria do Capital Humano defensora dos ideais socialistas, compreendidos como
indispensáveis ao êxito do cenário capitalista que se antagoniza com ideologias individualistas e
economicistas em prol do desenvolvimento social. Nesse sentido, a educação escolar passa a ser vista
como um dos mecanismos para disseminar valores.
c) traz uma reflexão sobre a lógica da teoria do Capital Humano, que busca, pela via da educação escolar,
dentre outros meios, semear valores conservadores fundamentais ao êxito dos ideais capitalistas que
alimentam, no cenário social mundial, o desenvolvimento do mercado de trabalho nesse sistema
econômico, dificultando intervenções político-educativas opostas a essas ideias.
d) enfatiza a importância da teoria do Capital Humano como defensora das políticas públicas voltadas
para o social, pois ela compreende a preparação profissional integral como fator indispensável à ordem
social e econômica capitalista, capaz de contribuir com a diminuição das desigualdades econômicas e
sociais.
e) demonstra a intenção política da teoria do Capital Humano de enfatizar, via educação escolar, a
importância dos valores neoliberais como fundamentais ao predomínio das intervenções socialistas no
cenário capitalista mundial. Nesse sentido, o neoliberalismo semeia valores humanistas fundamentais à
diminuição das exclusões sociais.

7. “Vistos a partir da perspectiva de um multiculturalismo crítico, os ataques conservadores contra o


multiculturalismo (de ser separatista e etnocêntrico) revelam a compreensão errada dos seus porta-vozes da
cultura branca anglo-americana de que a sociedade norte-americana fundamentalmente constitui relações de
acordo ininterrupto. A visão liberal serve para sublinhar a ideia de que a sociedade norte-americana é
simplesmente um fórum de consenso com diferentes pontos de vista das minorias acrescidas por enxerto.
Nós nos deparamos aqui com uma política de pluralismo que ignora amplamente as ações de poder e
privilégio.” (Maclaren, 1997, p.124)

www.pciconcursos.com.br
A partir da citação proposta, é correto afirmar que

a) o multiculturalismo crítico busca o consenso ideopolítico entre os seus ideais transformadores com os
ideais do conservadorismo opressor, pois sua essência defende uma democracia harmoniosa e
consensual de sociedade global, combatendo, assim, o ódio e a violência de qualquer espécie. Nesse
sentido, o consenso político-ideológico passa a ser compreendido como fundamental para uma cultura
de paz.
b) existe um embate político, ideológico e axiológico no cenário socioeconômico mundial, no qual valores
conservadores e opressores buscam, camufladamente, permanecer hegemônicos em prol do status quo,
enquanto outras perspectivas e ideais de um mundo mais humanizado empenham-se por
transformações em prol de mais ampla justiça social, econômica, cultural e ambiental.
c) a visão neoliberal constrói e emite uma crítica contra hegemônica que objetiva contrapor-se ao
conservadorismo cultural mundial, e assim harmonizar-se com os ideais de resistência e transformação
social, econômica e cultural disseminados pelo multiculturalismo crítico para combater,
ideologicamente, qualquer tipo fetichizado de interesse mantenedor da moral opressora.
d) as críticas conservadoras lançadas ao multiculturalismo crítico e de resistência buscam um consenso
político com o mesmo, para colocar em evidência seus interesses e valores sociais que primam pela
defesa das transformações culturais imprescindíveis à construção histórica de um mundo mais humano,
pautado na lógica capitalista, na qual o êxito e o sucesso de cada pessoa só depende do fator individual.
e) o multiculturalismo de resistência objetiva mitificar, fetichizar e mistificar as ideologias neoliberais que
omitem interesses políticos pela manutenção dos privilégios de uma classe social sobre outra. Nesse
sentido, sua finalidade consiste na formação de uma sociedade mundial mais harmoniosa, consensual e
sem cicatrizes ocasionadas pelas lutas sociais em prol da construção de outras formas de organização
social, econômica e cultural.

8. O pensamento de Paulo Freire que expressa sua concepção de educação, de mundo e de ser humano
constituiu-se a partir da sua infância, da sua vida, do que ele viveu, tanto na dimensão pessoal quanto
profissional. Tornou-se um cidadão do mundo pelo reconhecimento da sua contribuição praxiológica para
educação, sendo sua obra considerada um clássico. Partindo do reconhecimento internacional do legado
desse educador, é correto afirmar que o pensamento dele constitui-se em um(a)

a) conjunto de experiências educacionais que, após serem vivenciadas nas mais renomadas universidades
nacionais e internacionais, principalmente no período do exílio, deram forma a uma teoria da educação
cujo objetivo geral consiste em fornecer subsídios a serem aplicados no dia a dia da prática docente no
âmbito da educação escolar.
b) filosófica, sociológica e política configuração de educação escolar, sistemática, de repercussão mundial,
voltada para atender à educação de jovens e adultos, cujo objetivo primordial consiste na politização e
conscientização das pessoas participantes, com vistas à transformação pessoal e social.
c) gigantesco método internacional de alfabetização de adultos que, tendo iniciado na cidade do Recife e,
posteriormente, em Angicos – RN, na década de 60 do século passado, ainda pode ser aplicado sem
adaptações em qualquer lugar do mundo, independentemente das diferenças culturais linguísticas.
d) inovador e revolucionário paradigma de educação formal para ser analisado e socializado através dos
currículos universitários e dos movimentos sociais, com a finalidade de formar profissionais de
qualquer área do conhecimento, com mais ampla formação humana, profissional e visão crítica de
mundo.
e) pedagogia de resistência e teoria crítica da educação cujo conteúdo filosófico, sociológico, ético,
estético, político e pedagógico prima por transformações pessoais, culturais, sociais, econômicas, etc,
em prol da construção histórica e permanente de um mundo mais humanizado.

www.pciconcursos.com.br
9. Analisando a complexidade do fenômeno Educação como objeto de estudo da Pedagogia compreendida
como ciência da teoria e da prática dos processos educativos, João Francisco de Souza (2009, p.37), ao nutrir
preocupações epistemológicas sobre Educação, percebe alguns equívocos presentes no imaginário social a
respeito do significado desse fenômeno. Ele ressalta que “a educação quase nunca é compreendida nem
organizada como atividades culturais para o desenvolvimento da cultura”. Assim, considerando a reflexão
desse autor, indique a alternativa correta.

a) A educação ainda não é valorizada como deve ser, e essa desvalorização histórica por parte dos poderes
públicos em muito vem contribuindo com a desvalorização da classe docente. Nesses termos, para a
educação funcionar de maneira mais satisfatória, faz-se necessária, a princípio, a valorização dessa
classe de profissionais, bem como da escola como produtora de conhecimentos.
b) A escola, devido a seu funcionamento sistêmico baseado em currículos a serem cumpridos, calendário,
horas e normas estabelecidas, bem como em leis que precisam ser respeitadas, encontra dificuldades
para promover o desenvolvimento do ser humano e, portanto, não consegue desenvolver-se como
atividade cultural de forma mais salutar.
c) A gestão escolar tem possibilidades de ousar na sua autonomia administrativa e construir, juntamente
com sua comunidade interna e externa, um perfil de escola que atenda às necessidades da sociedade
mais ampla, contribuindo, assim, com a formação de cidadãos e cidadãs mais conscientes dos seus
direitos e deveres no mundo do trabalho e no cenário social mais amplo.
d) A educação precisa ser compreendida, mais amplamente, como um fenômeno social, cultural e
humano presente em toda dimensão da nossa existência pessoal e profissional, pois sua função primeira
consiste em contribuir para um salutar desenvolvimento do ser humano, como ser inconcluso que se
transforma e transforma o mundo.
e) A educação ainda não é prioridade na agenda política dos governos. E esse descaso impossibilita o
êxito que a educação necessita alcançar e que consiste em melhor atender à classe social menos
favorecida. Essa ausência de prioridade governamental alimenta processos de exclusão social, pois a
educação passa a ter dificuldades para cumprir seu papel de transmitir conhecimentos.

10. Em seu livro dialógico “Medo e ousadia, o cotidiano do professor”, Paulo Freire (2003, p.25) afirma que
“além de um ato de conhecimento, a educação é também um ato político. É por isso que não há pedagogia
neutra.” Partindo dessa reflexão, é correto afirmar que, para Paulo Freire, a educação:

a) não escapa das estratégias governamentais, constituindo-se em um dos instrumentos para alcance de
interesses político-partidários.
b) tem uma dimensão política, metodológica, técnica, axiológica, gnosiológica, constituindo-se assim em
um ato de conhecimento em prol das mudanças sociais.
c) tem uma natureza política em todas as suas dimensões constituintes. Por isso, ela poderá ser libertadora
ou conservadora do status quo.
d) não tem como funcionar sem as interferências governamentais, pois, de certa forma, ela depende dessas
intervenções para se manter.
e) sempre receberá influências políticas dos grupos partidários que estão no poder, pois eles a utilizam
para atingirem suas estratégias políticas.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
11. No âmbito da automação e da robótica, analise as seguintes proposições.
I. Os robôs de primeira geração são marcados pela alta capacidade de sensoriamento e identificação e
capacidade de comunicação com o meio onde está inserido e com o ambiente de operação.
II. Automação rígida é aquela que utiliza máquinas projetadas para executar uma função específica; nela,
qualquer mudança demanda grande esforço seja de hardware ou software.
III. Na automação flexível utiliza-se de máquinas reprogramáveis, e a configuração de uma célula de
manufatura pode ser alterada rapidamente e com rapidez.
É correto, apenas, o que se afirma em
a) II e III.
b) II.
c) I e III.
d) I.
e) I,e II.

www.pciconcursos.com.br
12. Com relação às juntas robóticas, observe as asserções abaixo.
I. Os movimentos possíveis da junta de um robô são dos tipos: Linear e Rotacional.
II. Os braços podem ser constituídos por juntas dos tipos deslizantes e bola-e-encaixe.
III. Os robôs industriais podem ser classificados pelo número de juntas, o tipo de controle, o tipo de
acionamento e a geometria.
É correto, apenas, o que se afirma em
a) I e III.
b) II.
c) II e III.
d) I e II.
e) I.

13. Com relação às diferentes formas de acionamento, analise as proposições a seguir.


I. No acionamento elétrico, são utilizados motores de corrente contínua de passo ou de corrente
alternada.
II. O acionamento hidráulico é composto de um motor de movimento linear e de uma esfera para realizar
movimentos rotacionais.
III. O acionamento pneumático é composto por motores pneumáticos de movimento rotativo e cilindros
pneumáticos de movimentos deslizantes.

É correto, apenas, o que se afirma em

a) II.
b) I e III.
c) I.
d) II e III.
e) I e II.

14. Considere um modelo de robô com três graus de liberdade e configuração de juntas RRP (sequência
começando da junta mais próxima à base), onde R denota uma junta de rotação e P uma junta de translação
ou prismática.
(I) Uma indústria automobilística utiliza esse robô para o corte de chapas,
(R) PORQUE
(II) o espaço de trabalho deste robô é esférico.

Analisando as afirmações (I) e (II) e a relação estabelecida entre elas (R), conclui-se que

a) a primeira afirmação é falsa e a segunda é verdadeira.


b) as duas afirmações são verdadeiras e a segunda não justifica a primeira.
c) as duas afirmações são verdadeiras e a segunda justifica a primeira.
d) a primeira afirmação é verdadeira e a segunda é falsa.
e) as duas afirmações são falsas.

15. Com relação aos sistemas de manufatura, analise as seguintes afirmações.


I. São componentes de um sistema de manufatura os recursos humanos, o sistema de controle, as
máquinas de produção e o sistema de manuseio de material.
II. Os casos de variedade de peças ou de produtos nos sistemas de manufatura são: modelo único, modelo
linear e modelo flexível.
III. Classificam-se as máquinas de produção, quanto a participação do trabalhador, em manual, semi-
automatizada e automatizada.

É correto, apenas, o que se afirma em

a) I e II.
b) II.
c) I.
d) II e III.
e) I e III.

www.pciconcursos.com.br
16. Quanto aos benefícios das linhas de produção automatizadas, considere as afirmações abaixo:
I. Baixo custo do produto e minimização dos itens em processamento.
II. Uso maior do espaço de chão de fábrica e baixo custo de implantação.
III. Alta taxa de produção e baixa quantidade de mão de obra.

É correto, apenas, o que se afirma em

a) I e III.
b) II.
c) I.
d) II e III.
e) I e II.

17. No âmbito dos sistemas de manufatura, leia e analise as seguintes asserções.


I. As linhas de produção automatizadas são consideradas um exemplo de automação rígida e de difícil
alteração da sequência e do conteúdo das operações.
II. As aplicações das linhas de produção automatizadas são apropriadas para produtos com alta demanda;
produtos sujeitos a freqüentes atualizações e de vida curta; e produtos com múltiplas operações de
manufatura.
III. As linhas de produção automatizadas podem integrar estações manuais ao longo da linha, para realizar
operações difíceis ou não economicamente viáveis de se automatizar.

É correto, apenas, o que se afirma em

a) II.
b) I e III.
c) I e II.
d) II e III.
e) I.

18. Sobre formas de classificação de um sistema de controle, não é comum classificá-los em

a) analógicos e digitais.
b) de malha aberta e de malha fechada.
c) lineares e não lineares.
d) variantes no tempo e invariantes no tempo.
e) determinísticos e não determinísticos.

19. Com relação ao emprego de sistemas de controle realimentado, analise as vantagens elencadas a seguir.
I. Redução de sensibilidade aos parâmetros da planta.
II. Ampliação da sensibilidade a perturbações na saída.
III. Estabilização de sistemas instáveis.
IV. Controle da resposta temporal do sistema.
Nesse contexto, estão corretas apenas,

a) II e III.
b) I, III e IV.
c) III e IV.
d) I e II.
e) I, II e IV.

www.pciconcursos.com.br
20. Um binário atua nos dentes da engrenagem mostrada na figura a seguir substituindo-se esse binário por um
equivalente, composto por um par de forças que atuam nos pontos A e B, o resultado para a magnitude
dessas forças será

a) 87,5 N.
b) 350 N.
c) 175 N.
d) 70 N.
e) 140 N.

21. Em referência à adição e subtração de vetores não colineares, o artifício matemático utilizado para encontrar
o vetor resultante é a

a) Regra do princípio de Pitágoras.


b) Regra dos triângulos alternados.
c) Regra da soma e subtração de quadrados.
d) Regra do paralelogramo.
e) Regra da decomposição.

22. Suponha que o motor de 400 kg, mostrado na figura a seguir, está sendo suportado pelos cabos AB e AD.
Para que o sistema esteja em equilíbrio, a componente vertical da força no cabo AB é

a) 3398 N.
b) 1962 N.
c) 3924 N.
d) 7848 N.
e) 2943 N.

www.pciconcursos.com.br
23. Um corpo se desloca na direção horizontal sobre uma superfície que apresenta rugosidade tal que a força de
atrito dinâmica é de 2 N. A força necessária para que esse corpo desenvolva uma potência mecânica de 200
W, sabendo-se que houve um deslocamento de 50 m em 5 s, é de

a) 20 N.
b) 22 N.
c) 18 N.
d) 24 N.
e) 11 N.

24. A barra quadrada mostrada na figura a seguir, com lado externo igual a 50 mm e lado interno de 40 mm, é
submetida a uma carga de compressão de 90 kN. Sabendo-se que o módulo de elasticidade do material é de
100 GPa, a deformação de compressão apresentada pela barra será

a) 0,007.
b) 0,003.
c) 0,009.
d) 0,002.
e) 0,001.

25. Para a avaliação de constantes de integração em regiões de uma viga flexionada, deve-se levar em
consideração três categorias de condições conhecidas e relativas às inclinações e deflexões, a saber,

a) condições iniciais, condições de assimetria e condições de continuidade.


b) condições de continuidade, condições de flecha e condições de assimetria.
c) condições de flecha, condições de simetria e condições de continuidade.
d) condições de contorno, condições de continuidade e condições de simetria.
e) condições de simetria, condições iniciais e condições de continuidade.

26. Dentre as alternativas abaixo, assinale a que apresenta apenas elementos de fixação de peças considerados de
união permanente.

a) Parafuso, Rebite de Repuxo.


b) Parafuso, Chaveta.
c) Pino, Solda.
d) Solda, Rebite de Repuxo.
e) Solda, Chaveta.

27. Com relação aos tipos de rolamentos, é correto afirmar que

a) o rolamento de rolos esféricos é utilizado para baixa capacidade de carga radial.


b) o rolamento autocompensador de esferas possui carreira simples de esferas.
c) o rolamento de rolos cilíndricos de uma carreira dificulta a montagem.
d) o rolamento de rolos cônicos admite carga axial em duplo sentido.
e) o rolamento radial separável de esferas favorece a montagem em série.

28. Considere verdadeiras (V) ou falsas (F) as afirmativas sobre mecanismos.

( ) Mecanismo é a combinação de corpos rígidos compostos e combinados, de tal forma que se movem
entre si com movimento indefinido.
( ) Máquina é um conjunto de mecanismos destinados a transmitir força de uma fonte de potência contra
uma resistência a ser superada.
( ) Em um mecanismo composto por um movimento plano de translação retilínea, todos os pontos do
corpo apresentam retas paralelas como trajetória.
( ) Nos mecanismos, os movimentos podem ser transmitidos de três formas diferentes, a saber, 1- contato
indireto entre os membros; 2- conexão ou biela; e 3- conexão rígida.
( ) O movimento combinado é composto por movimentos de translação retilíneo e curvilíneo.

www.pciconcursos.com.br
A sequência correta, de cima para baixo, é

a) V, V, F, V, F.
b) F, V, V, F, F.
c) F, F, V, F, F.
d) V, V, V, F, F.
e) F, V, V, F, V.

29. Um CLP é constituído de módulos que possuem funções específicas no seu funcionamento. O processador, a
fonte de alimentação, os módulos de entrada e de saída estão entre os principais componentes. A figura
abaixo mostra um esquema básico de um CLP.

Módulo de
Memória Fonte de comunicação
Alimentação
Rack

M F C

E P S
Processador
Módulo de Módulo de
Entrada Saída

Sobre os componentes do CLP é correto afirmar que

a) as entradas são portas por onde é possível fazer o download de programas a serem executados pelo
processador.
b) a fonte de alimentação é responsável por ler as informações da memória e transmiti-las para o
dispositivo de comunicação.
c) o processador é responsável por ler e interpretar todas as informações do programa gravadas na
memória, atuando nas entradas e saídas.
d) as saídas são portas por onde é possível fazer o upload de programas que foram executados pelo
processador.
e) a memória é o local do CLP responsável por fornecer a tensão elétrica ao processador, na ocasião de
falha na fonte de alimentação.

30. Sensor é um dispositivo que fornece um sinal de saída, normalmente de tensão ou corrente, em resposta à
variação de uma determinada grandeza física que está sendo medida. Desse modo, há uma grande variedade
de tipos de sensores utilizados com CLP em sistemas de automação industrial. Sobre esses dispositivos, é
correto afirmar que

a) um sensor de velocidade serve para informar a frequência da tensão elétrica de alimentação do CLP.
b) um sensor de proximidade é utilizado para informar ao CLP quando uma contagem está próxima do
seu término.
c) um sensor capacitivo é utilizado para informar ao CLP se determinadas peças são capazes de ser
contadas.
d) um sensor indutivo é utilizado para informar ao CLP quando há tensão induzida nas bobinas de
solenóides.
e) um encoder serve para informar ao CLP variações de deslocamento angulares e lineares.

www.pciconcursos.com.br
31. Para escrever um programa em LADDER, usamos símbolos que representam as entradas e saídas do CLP,
bem como funções matemáticas e lógicas. Todo diagrama LADDER é desenhado entre duas linhas verticais, onde
os símbolos das entradas, das saídas e das funções são situados em linhas horizontais. As setas, nas figuras
abaixo, representam o fluxo de execução do programa em LADDER pelo CLP. A alternativa que descreve o fluxo
correto da execução do programa é

(a) (b)

(c) (d)

(e)

32. A figura a seguir faz referência à força de excitação em um sistema submetido a vibração mecânica. Quando
dois movimentos provocados por este tipo de força são somados em frequências próximas uma da outra,
surge um fenômeno. O tipo de movimento e o fenômeno provocado por essa soma de movimentos são,
respectivamente,

www.pciconcursos.com.br
a) força periódica e oscilação.
b) força harmônica e batimentos.
c) força harmônica e transitório.
d) força transitória e oscilação.
e) força periódica e batimentos.
33. O mecanismo pelo qual a energia de vibração é gradativamente convertida em calor ou som é conhecido
como amortecimento. O amortecimento que é causado pelo atrito entre superfícies em contato, quer estejam
secas ou com lubrificação insuficiente, é chamado de
a) Amortecimento viscoso.
b) Amortecimento material ou sólido.
c) Amortecimento Coulomb.
d) Amortecimento por histerese.
e) Amortecimento proporcional.
34. Na cadeia de comandos hidráulicos, os componentes utilizados nos sistemas hidráulicos podem ser
classificados em elementos de trabalho, de comando ou, ainda, de produção, tratamento e distribuição. Com
relação aos componentes abaixo, observando a simbologia hidráulica, é correto afirmar que

Componente A Componente B Componente C

a) o componente A é tido como elemento de produção, tratamento e distribuição. O componente B, como


um elemento de comando. O componente C é tido como elemento de trabalho.
b) o componente A é tido como elemento de comando. O componente B, como um elemento de trabalho.
O componente C é tido como elemento de produção, tratamento e distribuição.
c) o componente A é tido como elemento de trabalho. O componente B, como um elemento de produção,
tratamento e distribuição. O componente C é tido como elemento de comando.
d) o componente A é tido como elemento de trabalho. O componente B é tido como um elemento de
comando. O componente C é tido como elemento de produção.
e) o componente A é tido como elemento de produção, tratamento e distribuição. O componente B, como
um elemento de trabalho. O componente C é tido como elemento de comando.
35. A simbologia dos componentes hidráulicos serve para representar esses componentes nos circuitos. Analise a
simbologia dos componentes abaixo e assinale a alternativa que traz a correta descrição dos componentes
representados.

P P P T P T

(A) (B) (C) (D)

a) A é uma válvula 2/2 vias, NA; B é uma válvula 2/2 vias, NF; C é uma válvula 3/2 vias, NF; D é uma
válvula 3/2 vias, NA.
b) A é uma válvula 2/2 vias, NF; B é uma válvula 2/2 vias, NA; C é uma válvula 3/2 vias, NF; D é uma
válvula 3/2 vias, NA.
c) A é uma válvula 2/2 vias, NA; B é uma válvula 2/2 vias, NF; C é uma válvula 3/2 vias, NA; D é uma
válvula 3/2 vias, NF.
d) A é uma válvula 2/2 vias, NF; B é uma válvula 2/2 vias, NA; C é uma válvula 3/2 vias, NA; D é uma
válvula 3/2 vias, NF.
e) A é uma válvula 3/2 vias, NA; B é uma válvula 3/2 vias, NF; C é uma válvula 2/2 vias, NF; D é uma
válvula 2/2 vias, NA.

www.pciconcursos.com.br
O esquema abaixo refere-se às questões 36 e 37 a seguir. Leia e analise atentamente as informações
fornecidas e responda o que se pede.

1A

1V1
1Y1 1Y2

36. Assinale a alternativa que traz a descrição correta sobre o circuito.

a) O circuito possui filtro de sucção interna, válvula limitadora de pressão na linha de retorno ao tanque e
válvula direcional 4/3 vias, acionada por duplo botão.
b) O circuito possui filtro de sucção interna, válvula limitadora de pressão na linha de retorno ao tanque e
válvula direcional 4/3 vias, acionada por duplo piloto.
c) O circuito possui filtro de sucção externa, válvula limitadora de pressão na linha de retorno ao tanque e
válvula direcional 4/3 vias, acionada por duplo solenóide.
d) O circuito possui filtro de sucção externa, válvula limitadora de pressão na linha de retorno ao tanque e
válvula direcional 4/3 vias, acionada por duplo piloto.
e) O circuito possui filtro de sucção interna, válvula limitadora de pressão na linha de retorno ao tanque e
válvula direcional 4/3 vias, acionada por duplo solenóide.

37. Sobre a sequência de funcionamento do circuito é correto afirmar que

a) se Y1 for energizado, 1V1 é acionada e 1A recua.


b) se Y1 for energizado, 1V1 é acionada e 1A avança.
c) se Y2 for energizado, 1V1 é acionada e 1A avança.
d) se Y2 for energizado, 1V1 assume a posição central e 1A para o movimento.
e) se Y1 for energizado, 1V1 assume a posição central e 1A para o movimento.

www.pciconcursos.com.br
O esquema da figura abaixo refere-se às questões 38 e 39 a seguir. Leia e analise atentamente as informações
fornecidas e responda o que se pede.

Peças podem ser separadas através de um dispositivo de classificação. Nele, através de atuadores
pneumáticos, as peças podem ser transferidas para uma mesa transportadora A ou continuar na mesa B. A
figura abaixo mostra o esquema de operação do dispositivo.

Mesa A

Mesa B

38. Uma solução eletropneumática é apresentada no circuito da figura abaixo. Assinale a alternativa que traz a
descrição correta da válvula 1V1 representada no circuito.

a) válvula de controle direcional, 3/2 vias; acionamento elétrico; retorno por mola, NA.
b) válvula de controle direcional, 5/2 vias; acionamento por botão; retorno por mola.
c) válvula de controle direcional, 5/2 vias; acionamento elétrico; retorno por mola.
d) válvula de controle direcional, 3/2 vias; acionamento por botão; retorno por mola, NF.
e) válvula de controle direcional, 2/3 vias; acionamento elétrico; retorno por mola, NA.

www.pciconcursos.com.br
39. O diagrama abaixo refere-se ao circuito elétrico de comando do dispositivo de classificação de peças. Sobre
esse circuito é correto afirmar que

a) S3 é um botão de travamento. Se S3 estiver aberto, 1Y1 poderá ser atuado se S1 ou S2 forem acionados
alternadamente.
b) S3 é um botão de travamento. Se S3 estiver fechado, 1Y1 não poderá ser atuado, mesmo que S1 ou S2
sejam acionados.
c) S3 é um botão de travamento. Se S3 estiver fechado, 1Y1 poderá ser atuado, mesmo que S1 e S2 não
sejam acionados.
d) S3 é um botão de travamento. Se S3 estiver aberto, 1Y1 não poderá ser atuado, mesmo que S1 ou S2
sejam acionados.
e) S3 é um botão de travamento. Se S3 estiver aberto, 1Y1 poderá ser atuado somente se S1 ou S2 forem
acionados simultaneamente.

40. Nos circuitos eletropneumáticos são bastante utilizadas as lógicas “E” e “OU” nos diagramas de comando.
O diagrama de comando abaixo traz essas duas lógicas representadas. Desse modo, é correto afirmar que

Diagrama com Lógica “E” Diagrama com Lógica “OU”


de contatos de contatos

a) na lógica E, obtêm-se um sinal de saída quando existirem todos os sinais de entrada; enquanto, na
lógica OU, obtêm-se um sinal de saída quando existir, ao menos, um sinal de entrada.
b) na lógica OU, obtêm-se um sinal de saída quando existirem todos os sinais de entrada; enquanto, na
lógica E, obtêm-se um sinal de saída quando existir, ao menos, um sinal de entrada.
c) na lógica E, obtêm-se um sinal de saída quando existir, ao menos, um sinal de entrada; enquanto, na
lógica OU, obtêm-se um sinal de saída quando existir, ao menos, um sinal de entrada.
d) na lógica E, obtêm-se um sinal de saída quando existirem todos os sinais de entrada; enquanto, na
lógica OU, obtêm-se um sinal de saída quando existirem todos os sinais de entrada.
e) na lógica E, obtêm-se um sinal de entrada quando existirem todos os sinais de saída; enquanto, na
lógica OU, obtêm-se um sinal de saída quando existir, ao menos, um sinal de entrada.

www.pciconcursos.com.br