Vous êtes sur la page 1sur 2

ANÁLISE DE PERSONAGENS

Equilíbrio

 Personagem consigo
o Qual a motivação e objetivo individual de cada personagem?
o Quais seus atributos físicos, qualidades psicológicas e existência social?
o Quais os valores da personagem?
o Quais os momentos marcantes de sua existência?
o Quais os conflitos internos?
o Se configura como um indivíduo ou como um coletivo?
 Personagem com o mundo
o Quando o personagem faz, o que faz, como faz? Quando não faz?
o Quando a personagem fala, o que fala, como fala? Quando não fala?
o Qual a função de suas ações? Qual sua estrutura padrão?
 Se altera dependendo de com quem interage?
 O que ele compartilha com outras personagens? O que ele tem de
singular? Qual a sua consistência interna?
o Qual seu raio de ação? O seu poder?
o Como ele se vê e vê outras personagens e espaços?
o Como ele é visto pelos demais?
o Quais os conflitos externos?

Conflito

 Qual o conflito individual?


o Coincide com o conflito da narrativa?
 A origem do conflito é devido a uma ação da personagem ou ele sofre a ação?
o Qual a motivação deste conflito

Segundo Equilíbrio
ANÁLISE DE PERSONAGEM, GERAL

 Como ela se altera ao longo da narrativa?


o Quais eventos propiciam esta mudança?
 Como esta motivação se choca ou relaciona com outras motivações?
 Qual o efeito das ações dos personagens? Como elas constroem a narrativa?
 Qual o objetivo do personagem? Este se modifica ao longo da narrativa? Por qual
motivo?
 Qual a relevância da personagem na trama?
o Protagonista/antagonista
o Coadjuvante em relação ao protagonista/antagonista?
 Densidade
o Complexas
 Singularidade
 Imprevisibilidade
 Comportamento surpreendente
 Aparência excêntrica
 Motivos e intenções ocultos
o Simples
 Traços estereotipados e unidimensionais
 Motivos e objetivos bem definidos para a suas ações
 Previsibilidade do comportamento
o Anti-personagem
 Negação da identidade singular, coerente e reconhecível
 Negando uma coerência narrativa
 Incongruências motivacionais
 Ambiguidade identitária
 Interpelação deliberado do espectador