Vous êtes sur la page 1sur 2

- PRIMEIRO MOMENTO: 1500-1530 Período pré-colonial.

Descobrimento da nova
terra, sem povoamento por parte da colônia.

- 1530: o rei de Portugal organiza a primeira expedição com objetivos de colonização.


Esta foi comandada por Martin Afonso de Souza e tinha como objetivos : povoar o
território brasileiro, expulsar os invasores e iniciar o cultivo de cana-de-açúcar no
Brasil.

- SEGUNDO MOMENTO: a fase do Açúcar ( séculos XVI e XVII ). Divisão do


território em Capitanias Hereditárias. No geral, o sistema de Capitanias Hereditárias
fracassou, em função da grande distância da Metrópole, da falta de recursos e dos
ataques de indígenas e piratas. As capitanias de São Vicente e Pernambuco.

- TERCEIRO MOMENTO: a coroa portuguesa estabeleceu no Brasil o Governo-Geral,


centralizando e controlando a colônia. O primeiro governador-geral foi Tomé de Souza,
que recebeu do rei a missão de combater os indígenas rebeldes, aumentar a produção
agrícola no Brasil, defender o território e procurar jazidas de ouro e prata.
Também existiam as Câmaras Municipais que eram órgãos políticos compostos pelos
"homens-bons" (ricos proprietários que definiam os rumos políticos das vilas e cidades).
O povo não podia participar da vida pública nesta fase.
A capital do Brasil neste período foi Salvador (1534-1763), pois a região Nordeste era a
mais desenvolvida e rica do país.

- QUARTO MOMENTO: O século do Ouro : século XVIII


Após a descoberta das primeiras minas de ouro, o rei de Portugal tratou de organizar
sua extração. Interessado nesta nova fonte de lucros, já que o comércio de açúcar
passava por uma fase de declínio, ele começou a cobrar o quinto (imposto cobrado
pela coroa portuguesa e correspondia a 20% de todo ouro encontrado na colônia)
através das Casas de Fundição.

- Foi provocada uma verdadeira "corrida do ouro" para as regiões MG, GO e MT.
Procurando trabalho na região, desempregados de várias regiões do país partiram em
busca do sonho de ficar rico da noite para o dia.
- Cidades começaram a surgir e o desenvolvimento urbano e cultural aumentou
muito nestas regiões. Foi neste contexto que apareceu um dos mais importantes
artistas plásticos do Brasil : Aleijadinho.
- Vários empregos surgiram nestas regiões, diversificando o mercado de trabalho na
região aurífera.
Principais acontecimentos no séc XVII

• Guerra dos Emboabas : (1707 a 1709) os bandeirantes queriam


exclusividade na exploração do ouro nas minas que encontraram.
Entraram em choque com os paulistas que estavam explorando o ouro das
minas.
• Revolta de Filipe dos Santos : (1720) ocorrida em Vila Rica,
representou a insatisfação dos donos de minas de ouro com a cobrança do
quinto e das Casas de Fundição. O líder Filipe dos Santos foi preso e
condenado a morte pela coroa portuguesa.
• Para acompanhar o desenvolvimento da região sudeste, a capital do
país foi transferida para o Rio de Janeiro. (1763-1960)
• Inconfidência Mineira (1789) : liderada por Tiradentes , os
inconfidentes mineiros queriam a libertação do Brasil de Portugal. O
movimento foi descoberto pelo rei de Portugal e os líderes condenados.

- Capitais de MG
Mariana - primeira capital da capitania de Minas Gerais.
Vila Rica (1720-1821) - a partir de 1821, denominada Ouro Preto; sede da Capitania
de Minas Gerais.
Ouro Preto (1821-1889) - sede da província de Minas Gerais
Ouro Preto (1889-1897) - sede do estado de Minas Gerais
Belo Horizonte (1897-atual) - sede do estado de Minas Gerais

Centres d'intérêt liés