Vous êtes sur la page 1sur 9

PROCEDIMENTO OPERACIONAL

POP DEAFAR DIS - 033


PADRÃO

TÍTULO: VERIFICAR E CONTROLAR A TEMPERATURA DAS GELADEIRAS E


TEMPERATURA E UMIDADE DO AMBIENTE

I - CONTROLE HISTÓRICO

HISTÓRICO
REVISÃO DATA Nº PÁGINAS ELABORAÇÃO VERIFICAÇÃO APROVAÇÃO
ALTERAÇÃO
Emissão Jéssica Silva Rafael Mayrink Juliana Maria
00 05/07/2016 04
inicial Ferro Ferreira Fonseca Sad

1. Introdução
Em geral os medicamentos devem ser mantidos em temperaturas estáveis e menores do
que 30ºC. Alguns medicamentos necessitam de refrigeração com temperatura controlada
entre 2º C a 8º C para que se mantenham estáveis.

2. Objetivo
Garantir a temperatura e umidade adequadas para armazenamento dos medicamentos.

3. Campos de aplicação
Este POP se aplica a todas as farmácias satélites do HGIP que utilizem os modelos de
termômetros e termohigrômetros a seguir e a farmácia do CEM.

4. Referências normativas
 Não se aplica.

5. Responsabilidade/ competência
 Compete ao auxiliar de farmácia: realizar a técnica e informar ao farmacêutico
quando a temperatura não estiver adequada.
 Compete ao farmacêutico: elaborar e supervisionar a realização correta.

6. Definições
 Temperatura ambiente: é a temperatura do local. Para a maioria dos medicamentos, a
temperatura ideal de armazenamento é entre 15 e 30º C.
 Temperatura de geladeira: é a temperatura no interior da geladeira e pode variar entre
2 e 8º C.
 Medicamentos termolábeis: são aqueles que necessitam de refrigeração, ou seja,
temperatura entre 2 e 8°C. Quando armazenados de forma inadequada estão sujeitos a

ASSINATURA E CARIMBO 1
PROCEDIMENTO OPERACIONAL
POP DEAFAR DIS - 033
PADRÃO

TÍTULO: VERIFICAR E CONTROLAR A TEMPERATURA DAS GELADEIRAS E


TEMPERATURA E UMIDADE DO AMBIENTE

I - CONTROLE HISTÓRICO

HISTÓRICO
REVISÃO DATA Nº PÁGINAS ELABORAÇÃO VERIFICAÇÃO APROVAÇÃO
ALTERAÇÃO
Emissão Jéssica Silva Rafael Mayrink Juliana Maria
00 05/07/2016 04
inicial Ferro Ferreira Fonseca Sad

alterações em suas propriedades físico-químicas e farmacológicas, tornando-se


impróprios ao consumo.

7. Conteúdo do padrão
7.1 Recursos necessários
 Mapa de registro de temperatura de geladeira.
 Termômetro de máxima e mínima.

7.2 Principais passos


GELADEIRA (TERMÔMETRO MODELO ***)
 De posse do impresso “Mapa de registro de temperatura de geladeira”:
 Preencher o campo “Hora”, com a hora que está sendo realizada a leitura.
 Observar se a escala está em graus Celsius (º C): deverá aparecer a letra “C” à direita.
 Observar a temperatura indicada pelo termômetro e considerar apenas a temperatura
interna para efeito do registro:
 No campo superior = temperatura ambiente atual
 No campo inferior = temperatura dentro da geladeira atual
 Verificar a temperatura atual no display e registrar no formulário o valor da leitura.
 Apertar o botão Max/Min (= 3º botão à direita: apertar uma vez e observar à esquerda a
indicação MAX).
 Ler a temperatura máxima atingida:
 No campo superior = temperatura ambiente máxima atingida
 No campo inferior = temperatura dentro da geladeira máxima atingida.
 Registrar no formulário.
 Apertar o botão Max/Min (= 3º botão à direita: apertar uma vez e observar à esquerda a
indicação MIN).
 Ler a temperatura mínima atingida

ASSINATURA E CARIMBO 2
PROCEDIMENTO OPERACIONAL
POP DEAFAR DIS - 033
PADRÃO

TÍTULO: VERIFICAR E CONTROLAR A TEMPERATURA DAS GELADEIRAS E


TEMPERATURA E UMIDADE DO AMBIENTE

I - CONTROLE HISTÓRICO

HISTÓRICO
REVISÃO DATA Nº PÁGINAS ELABORAÇÃO VERIFICAÇÃO APROVAÇÃO
ALTERAÇÃO
Emissão Jéssica Silva Rafael Mayrink Juliana Maria
00 05/07/2016 04
inicial Ferro Ferreira Fonseca Sad

 No campo superior = temperatura ambiente mínima atingida


 No campo inferior = temperatura dentro da geladeira mínima atingida.
 Registrar no formulário.
 Apertar botão Max/min (= 3º botão à direita, mantendo-o apertado por três segundos –
soará um apito rápido). Esse procedimento “zera” os registros de máxima e mínima do
termômetro e só deve ser feito após a leitura.
 Rubricar.
 Guardar o impresso em local próprio.
 Observação: as geladeiras em funcionamento na FSCTI, FSBC, FS 10º, FS 6º, FS 4º
andar estão equipadas com termômetro de leitura automática. Todas as informações
deverão ser registradas em mapa próprio.

* TERMOHIGRÔMETRO MODELO **
 De posse do impresso “Mapa de registro de temperatura e umidade ambiente”
 Preencher o campo “Hora”, com a hora que está sendo realizada a leitura.
 Observar no campo superior a temperatura ambiente atual. Registrar.
 No campo inferior, verificar a umidade atual. Registrar.
 Apertar o botão Max/Min (= 1º botão à esquerda: apertar uma vez e observar à
esquerda a indicação MAX ou 3º botão, conforme MODELO ANEXO).
 No campo superior = temperatura ambiente máxima atingida
 No campo inferior = umidade máxima atingida.
 Registrar no formulário.
 Apertar o botão Max/Min (= 3º botão à direita: apertar uma vez e observar à esquerda a
indicação MIN ou 3º botão, conforme MODELO ANEXO).
 No campo superior = temperatura ambiente mínima atingida.
 No campo inferior = umidade mínima atingida.
 Registrar no formulário.

ASSINATURA E CARIMBO 3
PROCEDIMENTO OPERACIONAL
POP DEAFAR DIS - 033
PADRÃO

TÍTULO: VERIFICAR E CONTROLAR A TEMPERATURA DAS GELADEIRAS E


TEMPERATURA E UMIDADE DO AMBIENTE

I - CONTROLE HISTÓRICO

HISTÓRICO
REVISÃO DATA Nº PÁGINAS ELABORAÇÃO VERIFICAÇÃO APROVAÇÃO
ALTERAÇÃO
Emissão Jéssica Silva Rafael Mayrink Juliana Maria
00 05/07/2016 04
inicial Ferro Ferreira Fonseca Sad

 Apertar botão RESET ou ADJ MAX/MIN mantendo-o apertado por três segundos –
soará um apito rápido). Esse procedimento “zera” os registros de máxima e mínima do
termômetro e só deve ser feito após a leitura.
 Rubricar.
 Guardar o impresso em local próprio.

7.3 Cuidados especiais


 Não se aplica.

8. Siglas
 HGIP: Hospital Governador Israel Pinheiro.
 CEM: Centro de Especialidades Médicas.
 FSCTI: Farmácia satélite do centro de terapia intensiva.
 FSBC: Farmácia satélite do bloco cirúrgico.

9. Indicadores
 Não se aplica.

10. Gerenciamento de riscos

Falhas
Categoria de potenciais Ações de Ações frente ao
Evento
risco geradoras de prevenção evento
riscos

ASSINATURA E CARIMBO 4
PROCEDIMENTO OPERACIONAL
POP DEAFAR DIS - 033
PADRÃO

TÍTULO: VERIFICAR E CONTROLAR A TEMPERATURA DAS GELADEIRAS E


TEMPERATURA E UMIDADE DO AMBIENTE

I - CONTROLE HISTÓRICO

HISTÓRICO
REVISÃO DATA Nº PÁGINAS ELABORAÇÃO VERIFICAÇÃO APROVAÇÃO
ALTERAÇÃO
Emissão Jéssica Silva Rafael Mayrink Juliana Maria
00 05/07/2016 04
inicial Ferro Ferreira Fonseca Sad

Financeiro Não verificar a Risco de deterioração Treinamento dos Avaliar a


temperatura e de medicamentos funcionários estabilidade de cada
medicamento
umidade quando exposto a
adequadas da temperaturas
geladeira e do discrepantes das
estabelecidas antes
ambiente
de disponibiliza-los
para uso
Assistencial Dispensar Paciente receber o Treinamento dos Avaliar a
medicamentos medicamento funcionários estabilidade dos
deteriorados deteriorado medicamentos
expostos a
temperaturas fora do
padrão e evitar que
os medicamentos
deteriorados sejam
dispensados ao
paciente

11. Referências
 Não se aplica.

12. Anexos
 Anexo 1: Mapa de registro de temperatura de geladeira e de temperatura ambiente e
umidade.

ASSINATURA E CARIMBO 5
PROCEDIMENTO OPERACIONAL
POP DEAFAR DIS - 033
PADRÃO

TÍTULO: VERIFICAR E CONTROLAR A TEMPERATURA DAS GELADEIRAS E


TEMPERATURA E UMIDADE DO AMBIENTE

I - CONTROLE HISTÓRICO

HISTÓRICO
REVISÃO DATA Nº PÁGINAS ELABORAÇÃO VERIFICAÇÃO APROVAÇÃO
ALTERAÇÃO
Emissão Jéssica Silva Rafael Mayrink Juliana Maria
00 05/07/2016 04
inicial Ferro Ferreira Fonseca Sad

ASSINATURA E CARIMBO 6
PROCEDIMENTO OPERACIONAL
POP DEAFAR DIS - 033
PADRÃO

TÍTULO: VERIFICAR E CONTROLAR A TEMPERATURA DAS GELADEIRAS E


TEMPERATURA E UMIDADE DO AMBIENTE

I - CONTROLE HISTÓRICO

HISTÓRICO
REVISÃO DATA Nº PÁGINAS ELABORAÇÃO VERIFICAÇÃO APROVAÇÃO
ALTERAÇÃO
Emissão Jéssica Silva Rafael Mayrink Juliana Maria
00 05/07/2016 04
inicial Ferro Ferreira Fonseca Sad

 Anexo 2: Guia para leitura da temperatura da geladeira.

 Se a temperatura atingir a qualquer momento valor menor que 2º C maior que 8º C COMUNICAR IMEDIATAMENTE AO
FARMACÊUTICO!
 Esta rotina deverá ser cumprida às 14h (plantonista diurno) e às 6 e 22h (plantonista noturno).
 Não é necessário apertar o 1º botão: se isso ocorrer, haverá mudança da escala e aparecerá uma letra F no canto direito
do leitor. Basta apertar novamente e a escala voltará ao normal.
 Não é necessário apertar o 2º botão. Apenas se ocorrer apito incessante.
 Na dúvida, pergunte!
 O armazenamento dos medicamentos em temperatura inadequada pode causar ineficácia do tratamento, risco à saúde
do paciente e gasto desnecessário ao instituto.

Indicação de escala C = Celsius;


F = Fahrenheit
Display de leitura
Locais onde aparecerá a temperatura externa
indicação de MAX e MIN
após acionar o 3º botão

Botão para conversão


(escala Celsius ou
Fahrenheit): utilizamos
Celsius (º C) conforme Display de leitura para
indicado temperatura interna

Alert Set
Medidor de temperatura
interna (deve estar
dentro da geladeira)
MAX
MIN

ASSINATURA E CARIMBO 7
PROCEDIMENTO OPERACIONAL
POP DEAFAR DIS - 033
PADRÃO

TÍTULO: VERIFICAR E CONTROLAR A TEMPERATURA DAS GELADEIRAS E


TEMPERATURA E UMIDADE DO AMBIENTE

I - CONTROLE HISTÓRICO

HISTÓRICO
REVISÃO DATA Nº PÁGINAS ELABORAÇÃO VERIFICAÇÃO APROVAÇÃO
ALTERAÇÃO
Emissão Jéssica Silva Rafael Mayrink Juliana Maria
00 05/07/2016 04
inicial Ferro Ferreira Fonseca Sad

 Anexo 3: Guia para Leitura da Umidade e Temperatura Externas

SENSOR (deve estar livre no


ambiente)

ADJ MAX/MIN

HORA Apertar uma vez para ler máxima.


Registrar. Apertar mais uma vez
TEMPERATURA para ler mínima. Registrar.
Apertar, mantendo pressionado
UMIDADE por 3 segundos para zerar
leituras anteriores.

Mode: seleciona modo de SET C/F: para ajustes. Não mexer SNOOZ
leitura (graus Celsius ou
Farenheit)

ASSINATURA E CARIMBO 8
PROCEDIMENTO OPERACIONAL
POP DEAFAR DIS - 033
PADRÃO

TÍTULO: VERIFICAR E CONTROLAR A TEMPERATURA DAS GELADEIRAS E


TEMPERATURA E UMIDADE DO AMBIENTE

I - CONTROLE HISTÓRICO

HISTÓRICO
REVISÃO DATA Nº PÁGINAS ELABORAÇÃO VERIFICAÇÃO APROVAÇÃO
ALTERAÇÃO
Emissão Jéssica Silva Rafael Mayrink Juliana Maria
00 05/07/2016 04
inicial Ferro Ferreira Fonseca Sad

 Anexo 4: Guia para Leitura da Umidade e Temperatura Externas = Termohigrômetro


INCOTERM 7429.02.0.00

SENSOR (deve estar livre no


ambiente)

MAX/MIN: aperte uma vez para verificar


valores máximos. Registre. Aperte
novamente para verfificar valores mínimos.
TEMPERATURA Registre. Aperte novamente para
voltar aos valores atuais.
UMIDADE

RESET: mantenha pressionado por 3


segundos APÓS A LEITURA para apagar os
registros

ASSINATURA E CARIMBO 9