Vous êtes sur la page 1sur 14
Universidade Estadual do Ceara - UECE Reitoria Ay. Paranjana, 1700 — Campus do Itaperi ~ 60740-000 — 35) Forialeza, Ceard, Brasil Fone: (OXX)85 31019601- Fax: (OXX) 85 31019603 — pee e-mail: reitsec@uece.br CHAMADA PUBLICA DE SELEGAO wl Gnois Estabelece normas ¢ condigbes para 0 Proceso Seletivo com vistas ao ingresso no Curso de Mestrado Académico Intercampi em Educagio e Ensino (MAIE), com drea de concentracéio em Educagio, Escola e Movimentos Sociais, da Faculdade de Filosofia Dom Aureliano Matos (FAFIDAM) e Faculdade de Educacio, Ciéncias e Letras do Sertio Central (FECLESC) da Universidade Estadual do Ceard. 0 Magnifico Reitor da Universidade Estadual do Ceara — UECE, Prof. Dr. José Jackson Coelho Sampaio, no uso de suas atribuigGes estatutérias € regimentais, torna pablico, para 0 conhecimento dos interessados, que 0 Curso de Mestrado Académico Intercampi em Educacio e Ensino (MAIE) da Faculdade de Filosofia Dom Aureliano Matos (FAFIDAM) ¢ Faculdade de Educacao, Ciéncias ¢ Letras do Sertiio Central (FECLESC) estaré recebendo inscrigdes para 0 Processo Seletivo visando o ingresso no curso de Mestrado Académico Intercampi em Educagio e Ensino, com area de concentracio em Educacio, Escola ¢ Movimentos Sociais, mediante normas e condigdes especificadas na presente Chamada Pablica de Selecio. 1. DA PROPOSTA E DOS OBJETIVOS DO MAIE. 1.1 — Objetivos geral e especificos - Formar professores pesquisadores capazes de compreender 0 fendmeno educativo dentro fora da escola no contexto da totalidade social, relacionado as realidades regionais do Vale do Jaguaribe e do Sertio Central, do estado do Cearé e do Brasil, com a finalidade de intervir ‘riticamente na praxis educativa cotidiana, mediada pela relacio dialética entre educacio, escola e sociedade. - Possibilitar a formaco de pesquisadores capazes de entender a relagio entre educacio, escola, movimentos sociais ¢ desenvolvimento socioecon6mico; - Propiciar fundamentacio tedrica para compreensio ¢ valorizacao da escola piiblica como locus privilegiado de socializacio e producio de conhecimentos ¢ como importante instrumento de transforma social; = Analisar do ponto de vista pedagdgico, filos6fico ¢ politico o ensino das varias areas do conhecimento cientifico © os saberes necessdrios 4 formacio humana em toda a sua complexidade; = Aprofundar conhecimentos sobre a relacio entre trabalho, educagdo, cultura movimentos sociais produzidos e socializados nas instituigGes escolares e nio-escolares; ~ Examinar criticamente 0 papel do Estado na elaboracdo, veiculacao e execugio de politicus ‘educacionais relacionadas & educacio bisica; = Compreender as relacées entre o mundo do trabalho, a formagio humana, 0 sistema ‘educacional e os sujeitos sociais inseridos no fendmeno educativo; ~ Analisar as propostas préticas de formagio do professor na perspectiva da construgio da autonomia da escola e dos alunos frente aos determinantes s6cio-politicos contemporineos;——/ Y 26 2 = Oferecer qualificacao e aprimoramento aos profissionais da rea da educagao, envplvendo as diferentes licenciaturas, contribuindo na formacao de mestres em educagao e ensino. 1.2 — Pablico-Alvo: portadores de diploma de graduagao de duracio plena (bacharelado, licenciado e tecnélogo). 1.3 - Do tempo de duracio do curso de mestrado: O curso de mestrado tem a duracio minima de 18 (dezoito) meses ¢ méximo de 24 (vinte e quatro) meses. 1.4-O MAIE € composto por 2 (duas) linhas de pesquisa ¢ micleos assim 1.4.1 - LINHA 1: Educagao, Escola, Ensino e Formagao Docente Ementa: A dimensao politica e hist6rica da educacao numa sociedade de classes; A educacao brasileira e as politicas educacionais; Relagao_ estado, sociedade e educacao formal e nao formal; O curriculo na educagio bésica ¢ os desafios da pratica docente numa perspectiva de emancipagio social; Conhecimentos hist6ricos, sociolgicos e geograficos e a relagio com a educagio; Educacio, escola e ensino: aspectos contradit6rios e emancipat6rios; A formacio € o trabalho docente na educagao basica: politicas e desafios. Niicleo 1 — Escola, Curriculo, Edueacio, Histéria e Sociedade Ementa: A funcio social e politica da escola e do trabalho docente na sociedade capitalista; Escola, pedagogia, curriculo, avaliagao ¢ projeto pedagégico na relacio com a sociedades Concepgées de Curriculo; O curriculo e 0 conhecimento nas diversas éreas do ensino; Relagdes entre midia, ideologia, curriculo, juventude e movimentos sociais com a educacio; Relagdes entre escola, sociedade, democracia, estado, curriculo, saberes, cultura, sujeitos classes sociais, género, raca, praxis e educacao; Hist6ria e meméria de vida e de instituicoes na educacio; Geografia e patrim6nio escolar material e imaterial; Sociologia do conhecimento; agio social e educacio. Niicleo 2 — Estado, Politiea Educacional, Ensino e Formagao Docente: Ementa: Estado brasileiro ¢ o sistema educacional; Educacdo basica: aspectos hist6ricos, legais, politicos e pedagdgicos; Gestio, avaliacio ¢ planejamento educacional na relagio com as politicas educacionais; Educacio Bésica: a educacao infantil, fundamental ¢ ensino médio: ddilemas ¢ desafios da prética pedagégica; A formagio docente ¢ a funcao social das licenciaturas; O ensino na educagio basica: pressupostos cientificos, problemas, experiéncias e desafios. Fundamentos epistemolégicos e hist6ricos dos Ensinos. O curriculo © 0 conhecimento nas diversas areas do ensino; Desenvolvimento Profissional Docente: abordagens ¢ criticas. 1.4.2 - LINHA 2: Trabalho, Educagio e Movimentos Sociais Ementa: A centralidade do trabalho na formacdo humana; As classes trabalhadorus © 0s movimentos sociais na sociedade capitalista: mundo do trabalho e prixis educativas; O papel da formacio profissional na relagao capital-trabalho; A relacdo do trabalho com os complexos da arte, cultura e educacio; Educagio do campo, educacio popular, EJA, letramentos ¢ comunicagio nas praticas ¢ discursos de resisténcia; Diversidade e educagio: raca, género, sexualidade, educagio do campo ¢ juventude; Trabalho, educacao e movimentos sociais numa perspectiva hist6rico dialética. A Linha 02 se divide em dois nécleos (Niicleo 01 ¢ Nacleo 02): Niicleo 1- Trabalho, educagdo, ontologia, estética e formagao humana Ementa: Compreensio do trabalho como categoria fundante da reproducio social; Ontologia, do ser social ¢ a formacdo humana; Arte, cultura e educacio como promotora da formacg UY 3 Bs para a emancipagdo humana; A relacio trabalho, educagio e formagio “profissional no contexto da crise estrutural do capital; Politicas de financiamento e de formacao profissional no contexto neoliberal; Os fundamentos ontolégicos da relacio trabalho, arte e educagao. Niicleo 2 — Movimentos sociais, educagio popular, EJA, educagio do campo, priticas discursivas e gramiticas de resisténcia. Ementa: Os movimentos sociais: direito 4 educacgao ¢ dimensfio pedagégica das lutas; A educacio de jovens € adultos: aspecto metodolégicos ¢ politicas piblicas; Educacio do campo, educacdo popular, BJA, letramentos ¢ comunicacio nas priticas ¢ discursos de resisténcia; A educacio do campo, escola e formacdo de professores e os projetos de sociedade em disputa; Quest6es ¢inico raciais, de juventude, de género, sexualidade ¢ diversidades na relagdo com a educagio ¢ com as desigualdades sociais; As gramiticas de resisténcia no campo e na cidade e priticas discursivas nas aces coletivas transformadoras dos movimentos sociais. 1.5 — O(A) candidato(a)a mestrado deveri escolher a linha de pesquisa e 0 nucleo qual pretende se vincular, em acordo com temética de seu projeto investigativo. Maiores informagées sobre 0 curso, professores, linhas de pesquisa e micleos consultar a pagina eletrénica do MAIE (http:/jvww.uece.br/maie). 2. DAS VAGAS POR CURSO, LINHAS DE PESQUISA 2.1 — Para a presente Chamada Péblica so ofertadas de 20(Vinte) vagas para 0 Curso de Mestrado Académico Intercampi em Educagio e Ensino (MAIE), distribufdas entre duas Tinhas de pesquisas, da forma como se especifica a seguir, devendo cada candidato optar por apenas uma dessas linhas: a) LINHA 1: Educagio, Escola, Ensino ¢ Formagio Docente ~ 09 vagas. Niicleo 1 Escola, Curriculo, Educacao, Hist6ria e Sociedade — 05 vagas Niicleo 2 Estado, Politica Educacional, Ensino e Formacio Docente — 04 vagas b) LINHA 2: Trabalho, Educacdo e Movimentos Sociais — 11vagas. Niicleo 1 Trabalho, Educago, ontologia, estética eformacao humana — 02 vagas Nicleo 2 — Movimentos sociais, educagdo popular, EJA, educagio do campo, priticas discursivas e gramaticas de resisténcia -09 vagus 3. DA INSCRICAO NO PROCESSO SELETIVO 3.1 —Periodo: de 03 de setembro a 05 de outubro de 2018. 3.2 — Horario: nos hordrios de O8hOOmin as 11h00min; 14h0Omin as 17hOOmin, de segunda a sexta-feira, excluindo os feriados. 3.3 - Locais: - FAFIDAM/ FECLESC 3.3.1 -As inscrigdes presenciais para 0 processo seletivo de candidatos (as) ao curso do MAIE, para 0 primeiro perfodo letivo de 2019, deverio ser efetuadas presencialmente na Secretaria do MATE, no campus da FAFIDAM ou FECLESC, utilizando-se uma das seguintes forma a) Faculdade de Filosofia Dom Aureliano Matos - FAFIDAM Na Secretaria do MAIE/UECE Av. Dom Aureliano Matos, 2058 ~ Centro o/ CEP: 62.930-000 ~ Limoeiro do Norte — Ceard