Vous êtes sur la page 1sur 127

TREI

NAMENTO
Operação e Manutenção
BT150
BT170
BT190
BT210
PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO

Preocupada com o desenvolvimento de seus profissionais, com a sua formação técnica nos
produtos AGCO, frente às tendências tecnológicas, inovações e constantes atualizações em
nossos produtos; a AGCO Academy criou um Programa de Capacitação, com ferramentas de
melhores práticas em aprendizagem, com informações técnicas e comportamentais de
qualidade e instrutores de treinamento conduzido.

O Programa está dividido nos níveis de prontidão Fundamental, Desenvolvimento e Especialista.

Fundamental: treinamentos com conceitos básicos necessários sobre os produtos AGCO,


focando qualificar um profissional que está iniciando em suas atribuições e/ou os primeiros
treinamentos obrigatórios de produtos AGCO;

Desenvolvimento: treinamentos com conceitos de desenvolvimento, que serão aplicados


diretamente em suas atribuições, focando treinamentos técnicos dos produtos AGCO e iniciação
nos treinamentos comportamentais;

Especialista: treinamentos com conceitos avançados para profissionais experientes, que já


participaram de todos os treinamentos técnicos do grupo de desenvolvimento. Treinamentos
para formação de agentes multiplicadores e profissionais que possuem coordenação de equipe.

Com isso estamos colaborando para melhorar a competitividade e a performance dos nossos
profissionais.

Bem Vindo ao Programa de Capacitação do AGCO Academy!


OPERAÇÃO

-1-
-2-
-3-
-4-
-5-
-6-
-7-
-8-
-9-
- 10 -
- 11 -
- 12 -
- 13 -
- 14 -
- 15 -
- 16 -
- 17 -
- 18 -
CONSOLE
A. Ajuste de altura / profundidade
B. Seletor de função (Posição, Mixagem, Tração)
C. Potenciômetro de altura máxima de elevação
dos braços
D. Ajuste da velocidade de descida: manual,
automático posição travada (cadeado)
E. Interruptor subida / neutro / descida
F. Interruptor de seleção do sistema de controle de
transporte
G. Luz indicadora de subida dos braços
H. Luz indicadora de descida dos braços
I. Luz indicadora:
• permanece ligada: console travado
• piscando: auto-diagnósticos de anomalias de
operação
J. Luz indicadora do seletor do sistema de controle
de transporte
K. Luz indicadora de controle da velocidade de
descida automático dos braços
L. Botão de rápida penetração no solo.
M. Interruptor de controle de derrapagem (opcional)

DESCRIÇÃO DOS CONTROLES

Potenciômetro de Ajuste de Altura / Profundidade


O potenciômetro A deve ser usado para ajustar a profundidade (ou altura) do instrumento após
selecionar a função no seletor B.
Na posição de controle, o curso o potenciômetro é o máximo.
A posição de altura máxima é ligeiramente mais alta ao utilizar os controles externos ao invés do
potenciômetro A.
A posição FLUTUANTE pode ser obtida ajustando o potenciômetro A para a posição 9. neste
caso, a luz indicadora de abaixamento permanece acesa.

- 19 -
Potenciômetro do Seletor de Função (Vazão, Mistura, Posição)
Este potenciômetro deve ser ajustado de acordo com o trabalho sendo executado:
• Controle de posição: usado com instrumentos transportados
• Controle de vazão: usado com instrumentos que penetram no solo (raramente com 100% de
controle).
• Mistura: usada com instrumentos que penetram no solo para controlar a força máxima e ao
mesmo tempo manter uma profundidade regular (geralmente usada para aragem,
tratamento de subsolo, etc.).

Potenciômetro da Posição Alta


Este potenciômetro é usado para ajustar a altura máxima dos braços.
Quando o interruptor E mudado para a posição LEVANTAMENTO, o braço se eleva até alcançar o
valor de ajuste selecionado no potenciômetro da posição C.

Potenciômetro da Velocidade de Abaixamento


Este potenciômetro é suado para ajustar a velocidade de abaixamento do instrumento de
acordo com o seu peso quando o interruptor E está na posição ABAIXAR.
O potenciômetro opera nos seguintes modos:
• Posição TRAVADA: quando o potenciômetro está na posição ANTI-HORÁRIO MÁXIMO, a
ligação de abaixo não é possível (função de segurança de transporte).
• Posição de VELOCIDADE AUTOMÁTICA (setor amarelo): quando o potenciômetro está na
posição MÁXIMA, a velocidade é ajustada automaticamente de acordo com o peso do
instrumento (medida pelos sensores de vazão na posição ALTA) e a velocidade de avanço do
trator (medida pelo sensor de velocidade do solo do trato ligado a TCU).
Quando o modo de velocidade automática é selecionado, a luz indicadora K acende.
• Posição de VELOCIDADE MANUAL (setor vermelho): quando o potenciômetro estiver no
setor vermelho, o operador ajusta a velocidade de abaixamento de acordo com o peso do
instrumento.

Interruptor Levantar / Neutro / Abaixar


Este interruptor permite executar o trabalho nos seguintes modos:
• Posição LEVANTAR: o instrumento se eleva até a posição máxima selecionada pelo
potenciômetro C.
• Posição NEUTRO: o instrumento é travado nesta posição. Esta posição não deve ser usada
para a fase de trabalho.
• Posição ABAIXAR: o implemento é abaixado até a posição selecionada pelo potenciômetro
de profundidade A e seletor de função do potenciômetro B.
Nota: ao dar a partida ou após usar os controles externos, o interruptor E deve ser mudado para
a posição LEVANTAR para ativar o sistema.

- 20 -
Botão Seletor para o Sistema de Controle de Transporte
Este botão dever ser pressionado uma vez quando o interruptor (E) estiver na posição LEVANTAR
para ser ativado. Neste caso, toda vez que o interruptor (E) for colocado na posição SUBIDA, a
ELC envia corrente para as bobinas da válvula de controle de elevação para manter o
instrumento estável, não importando a velocidade do trator. O sistema é desligado
automaticamente quando o interruptor (E) está na posição NEUTRO ou DESCIDA.
A luz indicadora (J) é acesa sempre que o sistema estiver na posição ATIVADO PARA
TRANSPORTE.
Para desativar esta função, coloque os braços na posição SUBIDA e PRESSIONE o botão (F) uma
vez.

Luzes Indicadoras de Elevação e Abaixamento dos Braços


As luzes indicadoras permanecem acesas enquanto as válvulas solenóides estiverem sob
tensão. Elas indicam a operação correta do sistema.
Seu status muda continuamente quando a ligação for usada no controle de vazão e derrapagem.

Botão de Engrenagem de Solo Instável


Coloque o interruptor E na posição ABAIXAR. Pressione e segure o interruptor (L) para ativar o
controle de penetração rápida no solo.
Os comandos dados pelos potenciômetros A e B são cancelados e o instrumento penetra no
solo com mais rapidez.
Libere o interruptor “L” e a ligação volta à posição de trabalho conforme o comando dos
potenciômetros A e B.

- 21 -
TRANSMISSÃO

TRANSMISSÃO GBA 15
A transmissão GBA 15 fornece quatro grupos do tipo engrenamento sincronizado e seis marchas
para acoplamento sob esforço de tração. As 24 relações podem ser engatadas manualmente ou
automaticamente em frente ou em ré, sem o uso do pedal da embreagem.
A transmissão é composta por (Fig. abaixo):
 Conjunto multiplicador (1).
 Conjunto Dynashift (2).
 Conjunto Powershuttle (3).
 Caixa de Câmbio Sincronizada (4).

Nota: o conjunto multiplicador e o conjunto DynaShift compõem o módulo Powershift.

Estes componentes formam uma montagem que permite ao operador, a seleção de uma
marcha adequada ao trabalho, dentre 24 opções a frente ou a ré (24 x 24). Esta seleção é feita
através da combinação de:
 Marchas (A / B / C / D / E / F): conjunto Dynashift disponibiliza 4 marchas (A / B / C / D)
combinado com um conjunto multiplicador que disponibiliza mais 2 marchas (E / F),
totalizando as 6 opções disponíveis. Dynashift + Multiplicador = Powershift;
 Grupos (1 / 2 / 3 / 4): a caixa de câmbio GBA 15 disponibiliza 4 grupos sincronizados que
trabalharão combinados com as 6 marchas do conjunto Porweshift;
 Direção de Deslocamento (Frente / Ré): conjunto Powershuttle;

- 22 -
TRANSMISSÃO POWERSHIFT - VISTA EM CORTE

- 23 -
Item Descrição
A Módulo Dynashift cvom Módulo de Multiplicador
Ar Embreagem multidisco de avanço [pacote frente]
B Powershuttle
C Engrenagem de transmissão de reversão
D Caixa de cambio sincronizada
E Sincronizador de cone duplo para 3ª/4ª
F Sincronizador de cone duplo para 1ª/2ª
G Eixo da tomada de força [TDPI]
H Eixo de saída da caixa de cambio principal
I Caixa de cambio do mecanismo transportador [se equipado] [CREEPER]
L Freio
M Embreagem multidisco
N Freio
O Embreagem multidisco
P Freio
Q Embreagem multidisco

- 24 -
POWERSHIFT
Os conjuntos Dynashit e Multiplicador são compostos por redutores epicíclicos que trabalham
conjugados com pacotes de discos e/ou sistemas de freio, ambos acionados por pressão
hidráulica, controlada por eletroválvulas.
Estas eletroválvulas são energizadas por um controlador eletrônico da transmissão (Autotronic
5), de acordo com sua lógica de funcionamento.

Conjunto Multiplicador: o conjunto multiplicador é constituído por um redutor epicíclico que


permite a utilização das marchas E e F, que são feitos através da multiplicação da relação dos
grupos C e D do conjunto Dynashift. Neste redutor epicíclico, o porta planetárias esta conjugado
ao eixo de entrada. A engrenagem solar pode estar conjugada ou não ao eixo de entrada pelo
pacote de discos. A engrenagem solar também pode estar freada ou não em relação à carcaça
pelo sistema de freio. O movimento de saída para o conjunto Dynashift é transmitido através da
coroa do redutor. Neste caso, 2 combinações de transmissão podem ocorrer:
• Relação 1:1: irá ocorrer quando a engrenagem solar está conjugada com o eixo de entrada,
através do pacote de discos. Neste caso, teremos a solar e o porta planetárias girando na
mesma velocidade (as engrenagens planetárias permanecem estáticas), fazendo a coroa
girar na mesma rotação;
• Relação 0,70:1: irá ocorrer quando a engrenagem solar estiver freada junto à carcaça
(estática) pelo freio. Neste caso, teremos o porta-planetárias movendo a coroa, em uma
relação de multiplicação;
Conjunto Dynashift: o conjunto Dynashift é composto por dois redutores epicíclicos
chamados de primário e secundário. Estes redutores estão dispostos de tal forma que a
engrenagem solar do redutor primário está conjugada ao porta-planetárias do redutor
secundário. Esta combinação de movimentos entre o redutor primário e secundário permitirá a
utilização das marchas A / B / C e D. No redutor epicíclico primário, a entrada do movimento
(vindo do multiplicador) é transmitida pela coroa. O movimento de saída do Dynashift é
transmitido pelo porta-planetárias primário. No redutor epicíclico secundário, a coroa pode
trabalhar de duas formas: conjugada ao eixo de entrada através do pacote de discos, ou freada
junto à carcaça pelo freio. A engrenagem solar secundária por sua vez poderá trabalhar também
de duas formas: conjugada ao eixo de saída através do pacote de discos, ou freada em relação à
carcaça pelo freio. O porta-planetárias secundário está conjugado à solar primária.

- 25 -
P - Freio da engrenagem solar do redutor epicíclico do multiplicador
Q - Pacote de discos da engrenagem solar do redutor epicíclico do multiplicador
L - Freio da coroa do redutor epicíclico secundário
M - Pacote de discos da coroa do redutor epicíclico secundário
N - Freio da engrenagem solar do redutor epicíclico secundário
O - Pacote de discos da engrenagem sola do redutor epicíclico secundário
Com este arranjo do conjunto multiplicador e Dynashift, onde temos diferentes combinações de
movimentos entre os redutores epicíclicos, temos as seis marchas do conjunto Powershift,
descritas conforme abaixo:
• Marcha A (1,69:1): a relação do conjunto multiplicador é 1:1. A coroa e solar
secundárias estão freadas com a carcaça pelos freios L e N. O porta-planetárias
secundário (que está conjugado à engrenagem solar primária) fica estático. Neste
caso, o movimento de entrada aciona a coroa primária que toca o porta-planetárias
primário, transmitindo o movimento pelo eixo de saída, com uma relação de
redução.

- 26 -
• Marcha B (1,43:1): a relação do conjunto multiplicador é 1:1. A coroa secundária
está freada com a carcaça pelo freio L, e a solar secundária está conjugada ao eixo
de saída pelo pacote de discos O. Neste caso, a solar secundária passa a girar na
mesma velocidade do eixo de saída, tocando o porta-planetárias secundário que
causará uma redução do movimento, em relação ao eixo de saída, que será a
mesma para a solar primária. A diferença de velocidade de rotação da coroa
primária (conjugada ao eixo de entrada) e a velocidade de rotação da solar primária
será transmitida ao eixo de saída, através do porta-planetárias primário.

• Marcha C (1,19:1): a relação do conjunto multiplicador é 1:1. A solar secundária


está freada na carcaça pelo freio N e a coroa secundária está conjugada ao eixo de
entrada pelo pacote de discos M. As coroas primárias e secundárias giram na
mesma velocidade. A solar secundária freada na carcaça traalhando em conjunto
com a coroa secundária causará uma redução na velocidade de rotação do porta-
planetárias secundário, que por sua vez está conjugado à solar primária. A diferença
de velocidade da coroa primária e da solar primária será transmitida ao eixo de saída
através do porta-planetárias primário.

- 27 -
• Marcha D (1:1): a relação do conjunto multiplicador é 1:1. A coroa secundária está
conjugada ao eixo de entrada através do pacote de discos M. A solar secundária
está conjugada com o eixo de saída através do pacote de discos O. As coroas
primárias e secundárias estão girando na mesma velocidade. Neste caso, a
transmissão do movimento está sendo feita em uma relação 1;1. As planetárias de
ambos redutores irão ficar travadas, fazendo com que todas as coroas, porta-
planetárias e solares girem juntos na mesma velocidade de rotação.

• Marcha E (0,83:1): a relação do conjunto multiplicador é 0,70:1. O conjunto


Dynashift estará configurado como a marcha C (1,19:1). Neste caso, a relação de
redução do Dynashift combinado com a relação de multiplicação do multiplicador
resultará em uma relação final de multiplicação do movimento de 0,83:1.

- 28 -
• Marcha F (0,70:1): a relação do conjunto multiplicador é 0,70:1.O conjunto
Dynashift estará configurado como a marcha D (1:1). Neste caso, a relação direta do
Dynashift combinado com a relação de multiplicação do multiplicador resultará em
uma relação final de multiplicação do movimento de 0,70:1.

Resumo do Funcionamento do Powershift

Marcha Multiplicador Dynashift Eletroválvulas Pacotes / Freios


do
Power- Status Relação Status Relação L N P L M N O P Q
shift

A Direta 1:1 A 1,69:1 12 V 12 V x x x

B Direta 1:1 B 1,43:1 12 V x x x

C Direta 1:1 C 1,19:1 12 V x x x

D Direta 1:1 D 1:1 x x x


Redu-
E 0,70:1 C 1,19:1 12 V 12 V x x x
tor
Redu-
F 0,70:1 D 1:1 12 V x x x
tor

- 29 -
CONJUNTO DYNASHIFT - VISTA EM CORTE

- 30 -
Item Descrição
1 Conjunto do disco/placa intermediária da embreagem G
2 Conjunto do disco/placa intermediária do freio P
3 Mola
4 Carcaça do modulo multiplicador
5 Coroa
6 Engrenagem planetária
7 Rolamento de agulhas
8 Pino [eixo planetária]
9 Engrenagem solar
10 Rolamento de esferas
11 Rolamento esferas
12 Suporte da coroa dentada
13 Suporte planetário
14 Pistão do freio
15 Capa da embreagem
16 Arruelas de encosto
17 Capa
18 Eixo de entrada
19 Anel de retenção
20 Rolamento de esferas
21 Alojamento do sino de embreagem
22 Arruelas Belleville

- 31 -
CONJUNTO MULTIPLICADOR – VISTA EM CORTE

- 32 -
Item Descrição
23 Placa de impulso
24 Arruela de tração
25 Alojamento do sino de embreagem
26 Pistão do freio
27 Rolamento de esferas
28 Rolamento de agulhas
29 Suporte planetário secundário
30 Pistão de freio
31 Pino
32 Mola
33 Rolamento de agulhas
34 Conjunto de disco / placa intermediaria do freio N
35 Alojamento do sino de embreagem
37 Arruela de tração
38 Arruelas Belleville
39 Conjunto do disco/placa intermediaria da embreagem O
40 Capa traseira
41 Rolamento de esferas
42 Engrenagem solar secundaria
43 Pino
44 Engrenagem planetária
45 Coroa secundária
46 Suporte da coroa dentada secundária
47 Rolamento de esferas
48 Engrenagem solar primária
49 Engrenagem planetária
50 Coroa primária
51 Suporte da coroa dentada primária
52 Suporte planetário primária
53 Alojamento de módulo Dynashift
54 Colocador da mola
55 Conjunto de disco/placa intermediaria do freio L
56 Conjunto de disco/placa intermediaria da embreagem M
57 Arruelas Belleville
58 Eixo primário

- 33 -
CONJUNTO MULTIPLICADOR – VISTA EXPLODIDA

- 34 -
Item Descrição
1 Placa
2 Parafuso
3 Parafuso
4 Parafuso
5 Suporte planetário
6 Suporte da coroa dentada
7 Coroa
8 Engrenagem planetária
9 Pino da engrenagem planetária
10 Eixo de entrada
11 Rolamento de esferas
12 Carcaça de sino da embreagem G
13 Arruelas Belleville
14 Embreagem G/placa de junção de freio P
15 Disco da embreagem G
16 Placa intermediária da embreagem G
17 Disco de freio P
18 Placa intermediária do freio P
19 Parafuso
20 Placa da embreagem G
21 Anel de pressão
22 Engrenagem solar
23 Eixo de entrada do modulo Dynashift
24 Rolamento de esferas
25 Rolo de agulhas da engrenagem planetária
26 Anel O
27 Pistão de freio P
28 Arruela
29 Anel de retenção
30 Anel O
31 Mola
32 Carcaça do módulo multiplicador
33 Anel O
34 Anel O
35 Rolamento de esferas
36 Arruela de estriada [bronze]
37 Arruela ondulada [mola]
38 Placa desgastada
39 Placa desgastada
40 Arruela de tração

- 35 -
CONJUNTO DYNASHIFT – VISTA EM CORTE

- 36 -
Item Descrição
40 Arruela de tração
41 Arruela de impulso
42 Parafuso
43 Localização das molas
44 Anel O
45 Pistão do freio L
46 Anel O
47 Anel O
48 Anel O
49 Pistão do freio N
50 Parafuso
51 Mola
52 Placa traseira Dynashift
53 Contra pino
54 Arruela endurecida [mola]
55 Rolamento de esferas
56 Cubo da embreagem M
57 Anel de trava
58 Anel de pressão
59 Carcaça de sino da embreagem M
60 Arruelas Belleville
61 Embreagem M/ placa de junção de freio L
62 Anel de pressão
63 Suporte planetário primário
64 Pino da engrenagem planetária
65 Placas desgastada
66 Coroa primária
67 Rolo de agulhas da engrenagem planetária primária
68 Engrenagem planetária primária
69 Placas desgastada
70 Engrenagem solar primária
71 Parafuso
72 Placas da embreagem O
73 Carcaça de sino da embreagem
74 Embreagem O/ placa de junção de freio N
75 Arruelas Belleville
76 Disco da embreagem O
77 Placa intermediária da embreagem O
78 Anel de pressão
79 Cubo da embreagem O

- 37 -
Item Descrição
80 Carcaça do eixo/sino embreagem
81 Espaçador
82 Rolamento de esferas
83 Rolamento de esferas
84 Parafuso
86 Suporte planetário secundário
87 Disco de freio N
88 Placa intermediária do freio N
89 Rolo de agulhas da engrenagem planetária secundária
90 Engrenagem planetária secundária
91 Pino da engrenagem planetária
92 Coroa secundária
93 Suporte da coroa dentada secundária
94 Parafuso
95 Parafuso
96 Coroa/carcaça do sino secundário
97 Parafuso
98 Disco de freio L
99 Placa intermediárias do freio L
100 Arruela ondulada [mola]
101 Parafuso
102 Placa de impulso
103 Parafuso
104 Anel de pressão
105 Carcaça do sino primário
106 Rolamento com faca selada
107 Arruela de tração
108 Bucha
109 Disco da embreagem M
110 Placa intermediária da embreagem M
111 carcaça do módulo Dynashift
112 Anel O

- 38 -
Powershuttle
O Power Shuttle, (fig. Abaixo, ISC), é instalado junto à transmissão Powershift. Está localizado
entre o módulo do Powershift e a caixa de câmbio sincronizada. Ele age como embreagem
principal para a transmissão Dyna-6, fazendo ainda a seleção de movimento a frente, ou a ré.
O Power Shuttle consiste em dois pacotes de discos controlados eletrohidraulicamente, sendo o
pacote frontal de acionamento da ré (fig abaixo, AR), e o traseiro de acionamento para frente
(fig. Abaixo, AV). Estes pacotes são compostos pelos seguintes componentes:

- 39 -
CONJUNTO POWERSHUTTLE – VISTA EM CORTE

- 40 -
Item Descrição
59 Placa de impulso
60 Rolamento de esferas
61 Suporte do rolamento
62 Carcaça do eixo/sino embreagem
63 Rolamento de esferas
64 Capa do pacote da ré
65 Arruelas Belleville
66 Discos [embreagem de retrocesso]
67 Placa intermediária [embreagem de retrocesso]
68 Embreagem de retrocesso
69 Pistão da embreagem de retrocesso
70 Pistão da embreagem de retrocesso
71 Arruelas Belleville
72 Disco [embreagem de avanço]
73 Placa intermediária [embreagem de avanço]
74 Embreagem de avanço
75 Rolamento de esferas
76 Anel de vedação
77 Capa da embreagem de avanço
78 Cubo da embreagem de avanço
79 Cubo da embreagem de avanço
80 Cone de rolamento
81 Pinhão de transferência de retrocesso
82 Anel de rolamento
83 Cone de rolamento
84 Eixo principal de retrocesso
85 Pinhão de transmissão de retrocesso
86 Rolamento de esferas
87 Engrenagem de transmissão de retrocesso
88 Rolamento de roletes

- 41 -
CONJUNTO POWERSHUTTLE - VISTA EM CORTE

- 42 -
Item Descrição
1 Rolamento de esferas com faca selada
2 Porta rolamento
3 Carcaça do eixo/sino embreagem
4 Anel de trava
5 Arruela de impulso
6 Rolamento de esferas
7 Placas [embreagem de retrocesso]
8 Anel de trava
9 Arruelas Belleville
10 Discos [embreagem de retrocesso]
11 Placa intermediárias[ embreagem de retrocesso]
12 Cubo/unidade de embreagem de transmissão inversa
13 Arruela de impulso
14 Pistão [ embreagem de retrocesso]
15 Selos Quadring
16 Selos Quadring
17 Selos Quadring
18 Pistão [embreagem de avanço]
19 Selos Quadring
20 Arruelas Belleville
21 Discos [embreagem de avanço]
22 Placa intermediárias [embreagem de avanço]
23 Rolamento de esferas
24 Anel de vedação
25 Anel de trava
26 Placa [embreagem de avanço]
27 Anel de pressão
28 Cubo [embreagem de avanço]
29 Arruela de encosto
30 Anel de Pressão
31 Selador
32 Anel O
33 Rebites
34 Rolamento de esferas
35 Engrenagem de transmissão de retrocesso
36 Anel de pressão
37 Engrenagem do eixo secundário de retrocesso
38 Anel de pressão
39- Anel de trava
40 Rolamento de freio cilíndrico

- 43 -
Item Descrição
41 Anéis de vedação
42- Anel de pressão
43 Arruela de encosto
44 Rolamento de rolo de agulhas
45 Arruela de impulso
49 2ª engrenagem [caixa de câmbio mecânica robótica
101 Parafuso M6
102 Placa de impulso
103 Parafuso M8
104 Anel de pressão

Legenda
1 Embreagem de avanço
2 Embreagem de retrocesso
3 Cinemática de retrocesso
-

- 44 -
Caixa de Câmbio Sincronizada
A caixa de câmbio que compõe a transmissão GBA 15 contém quatro combinações chamadas
de grupos. Os acoplamentos desta caixa são sincronizados, sendo estes, sincronizados cônicos
duplos. As engrenagens estão dispostas em duas árvores de engrenagens e estas trabalham
com lubrificação forçada.
O engate dos grupos é feito através de garfos instalados em eixos trambuladores. Estes são
acionados por pressão hidráulica, controlada por eletroválvulas, instaladas na lateral da caixa de
câmbio. O acoplador dos grupos 1 e 2 está instalado na árvore inferior dianteira, e o dos grupos
3 e 4 instalados na árvore superior. O movimento de entrada ocorre pelo eixo superior, e passa
para o eixo inferior dianteiro através de
O fluxo do movimento dentro da caixa de câmbio é descrito abaixo:

Grupo 1:

O movimento é transmitido através de 3


pares de engrenagens. A entrada do
movimento ocorre pela árvore superior,
sendo o movimento transmitido para a árvore
inferior através de um par de engrenagens de
transferência. Movendo o anel acoplador na
direção da dianteira da caixa de câmbio, este
acoplará o eixo à engrenagem do 1° grupo,
fazendo o movimento ser transmitido de
volta à arvore superior. Finalmente o
movimento é transmitido ao eixo de saída
pela engrenagem do 3° grupo.

Grupo 2:

O movimento é transmitido através de 1 par


de engrenagens. A entrada do movimento
ocorre pela árvore superior, sendo o
movimento transmitido para a árvore inferior
através de um par de engrenagens de
transferência. Movendo o anel acoplador na
direção da traseira da caixa de câmbio, este
acoplará a árvore inferior à arvore de saída,
transmitindo o movimento para a saída da
caixa de câmbio.

Grupo 3:

A entrada do movimento ocorre pela árvore


superior, acionando o anel acoplador do 3º/4º
grupo.Ao deslocar o acoplador na direção da
dianteira da caixa de câmbio,este acoplará o
eixo de entrada à engrenagem do 3º
grupo,fazendo o movimento ser transmitido
ao eixo de saída da caixa.

- 45 -
Grupo 4:

A entrada do movimento ocorre pela árvore


superior, acionando o anel acoplador do 3º/4º
grupo.Ao deslocar o acoplador na direção da
traseira da caixa de câmbio,este acoplará o
eixo de entrada à engrenagem do 4º
grupo,fazendo o movimento ser transmitido
ao eixo de saída da caixa.

Resumo do Funcionamento do Powershift

Eletroválvulas Sensores
L52 L53 L54 L55 L56 L57 L58 L59
Neutro 0 V ou 12 V 12 V
Grupo 1 12 V 0V 0V 0V 0V 12 V 12 V 12 V
Grupo 2 0V 12 V 0V 0V 12 V 0V 12 V 12 V
Grupo 3 0V 0V 12 V 0V 12 V 12 V 0V 12 V
Grupo 4 0V 0V 0V 12 V 12 V 12 V 12 V 0V

- 46 -
CAIXA DE CÂMBIO MECÂNICA - VISTA EM CORTE

- 47 -
CAIXA DE CÂMBIO MECÂNICA - VISTA EM CORTE

- 48 -
CAIXA DE CÂMBIO MECÂNICA - VISTA EXPLODIDA

- 49 -
Item Descrição
1 3°/4° Grupo Sincronizador Duplo
2 3°/ 4° Grupo Engrenagem Dupla
3 Anel de Pressão
4 Anel Trava
5 Anel de Rolamento
6/15 Anel de Rolamento
7 Calço
8 Anel de Pressão
9 Anel de Pressão
10 Arruela de Encosto
11 Rolamento de Rolo de Agulhas
12 Arruela de Impulso
13 Espaçador
14 Cone de Rolamento
15 Cone de Rolamento
16 Arruela de Impulso
17 Anel Trava
18 Carcaça da Caixa de Câmbio Robótica
19 Anel de Rolamento
20 Calço
21 Cone de Rolamento
22 Anel de Rolamento
23 Calço
24 Mola do Sincronizador
25 Cubo Sincronizador
26 Mola
27 Anel O
28 Tubo de Lubrificação
29 Cone de Rolamento
30 Compartimento Removível
31 Anel de Rolamento
32 Rolamento de Rolo de Agulhas
33 Cone de Rolamento
34 Cone de Rolamento
35 Calço
36 Espaçador de Corte
38 Acoplador do sincronizador

- 50 -
Item Descrição
39 Rolamento de Esferas
40 Elemento de Pressão
41 Anel
42 Flange
43 Cone de Freio
44 Cone
46 Anel Trava
47 Arruela de Empulso
49 2° Engrenagem
50 Parafuso
51 Cavilha
52 1° Engrenagem Transmissão
53 Pinhão de Relé ou 3ª Engrenagem de Transmissão [dependendo da taxa
engatada]
54 Espaçador
55 4ª Engrenagem de Transmissão
57 Anel Trava
58 1°/2° Sincronizador de Cone Duplo
59 Cone de Rolamento
60 Eixo de Saída
61 Anel de Rolamento
62 Engrenagem de Acionamento do 4° Grupo
63 Eixo de Entrada
64 Anel
65 Cone de Rolamento
66 Anel de Rolamento
67 Forro
68 Anel O
69 Pistão
70 Anel O
71 Anel Trava
72 Forro
73 Anel O
74 Pistão
75 Anel O
76 Anel de Pressão
77 Anel O
78 1ª/2ª Garfo da Engrenagem
79 Pino

- 51 -
Item Descrição
80 1ª/2ª Haste Seletora
81 Batente do [faixa 1]
82 Batente [faixa 1]
83 Parafuso de Bloqueio
84 Parafuso de Bloqueio
85 Parafuso
86 Parafuso
89 Porca Ajustável [faixa 2]
90 Porca Ajustável [faixa 4]
91 Porca Ajustável [faixa 1]
92 Porca Ajustável [faixa 3]
93 Mecanismo de Bloqueio
94 Contra Porca
95 Mecanismo de Bloqueio
96 Interlok
97 Anel O
98 Placa
99 Anel O
100 Anel de Trava
101 Anel O
102 Forro
103 Anel O
104 Anel Trava
105 Anel O
106 Forro
107 Anel O
108 Anel O
109 3º/4º Garfo da Embreagem
110 Pino
111 3º/4º Haste Seletora/ Conjunto do Pistão
112 Anel O
113 Mola
114 Anel Pressão
115 Anel O
116 Anel O
117 Placa
118 Anel Trava
119 Anel de Rolamento
120 Cone de Rolamento
121 Engrenagem do Eixo Secundário de Retrocesso

- 52 -
Item Descrição
122 Anel de Rolamento
123 Cone de Rolamento
124 Anel Trava
125 Eixo Secundário de Retrocesso
126 Anel Trava
127 Engrenagem de Transmissão de Retrocesso
128 Rolamento de Esferas
129 Engrenagem de Transmissão de Retrocesso
130 Calço
131 Pinos de Parada
132 Bujão
133 Bujão
134 Parafuso

Legenda
1 Linha de eixo primário
2 Linha de eixo de saída
3 Linha do eixo secundário de retrocesso

- 53 -
SISTEMAS HIDRAÚLICOS
O sistema hidráulico do trator está dividido em dois circuitos, alimentados por uma bomba de
deslocamento variável com um deslocamento volumétrico de 63 cm3/rotação (162 LPM). Esta
bomba é carregada por uma bomba de engrenagens, e ambas são acionadas pelo pacote da
TDPI do trator.
A bomba de carga, com deslocamento volumétrico de 100 cm3/rotação (274 LPM), tem por
função, além de carregar a bomba de deslocamento variável, garantir a lubrificação forçada (a
uma pressão de 5 bar), os seguintes componentes:
 Trombetas.
 Pacote da TDPI.
 Componentes mecânicos da TDPI.
 Rolamentos do pinhão e mecanismo do freio de mão.

Os circuitos que compõem o sistema hidráulico são:

Circuito de Baixa Pressão (21 bar): engloba as seguintes funções:


 Powershuttle (frente / ré).
 Powershift (A / B / C / D / E / F).
 TDPI (pacote de discos e freio).
 Tração Dianteira.
 Bloqueio do Diferencial.
 Caixa de Câmbio (1 / 2 / 3 / 4).

Circuito de Alta Pressão: engloba as seguintes funções:


 Sistema de Direção.
 Controle Remoto.
 Levante Hidráulico.

- 54 -
COMPONENTES DO SISTEMA HIDRÁULICO E DIAGRAMAS

- 55 -
COMPONENTES DO SISTEMA HIDRÁULICO E DIAGRAMAS

- 56 -
Item Descrição
1 Bloqueio do diferencial dianteiro
2 Cilindro de direção
3 Unidade hidrostática
4 Powershuttle (frente)
5 Powershuttle (ré)
6 Módulo powershift
7 Reservatório do cilindro mestre do freio
8 Pacote da TDPI
9 Tampa hidráulica lateral esquerda
10 Bomba de carga
11 Filtro de sucção 150 mícrons
12 Tubo de sucção da bomba de carga
13 Pacote da tração dianteira
14 Tubo de sucção da bomba de carga
15 Pacote da tração dianteira
16 Lubrificação da trombeta
17 Bloqueio do diferencial traseiro
18 Cilindro de levante
19 Controle remoto
20 Freio da TDPI
21 Resfriador de óleo
22 Cilindro mestre de freio
23 Eletroválvula grupo 1
24 Eletroválvula grupo 2
25 Eletroválvula grupo 3
26 Eletroválvula grupo 4
30 Acumulador
31 Filtro de retorno 60 microns
32 s/ função
33 Eletroválvula do bloqueio do diferencial
34 Eletroválvula proporcional da TDPI
35 Eletroválvula do freio da TDP
36 Solenóide da tração dianteira
37 Filtro principal
38 Sensor de restrição do filtro
39 Mecanismo de inclinação da bomba

- 57 -
Item Descrição
40 Válvula mantenedora de 21 bar
41 Válvula prioritária de 21 bar
42 s/ função
43 Bloco prioritário
44 s/ função
45 Tampa hidráulica lateral direita
46 Válvula de segurança de 24 bar
47 ???
48 Sensor de lubrificação (2 bar)
49 Bomba de deslocamento variável
50 Válvula mantenedora de 5 bar para lubrificação
51 Válvula de alívio geral (230 bar)
52 Freios direito e esquerdo
53 s/ função
54 Válvula de controle do levante
55 Acumulador do sistema de freio
56 Controle remoto
57 s/ função
58 s/ função
59 s/ função
68 Válvula prioritária do sistema de direção
69 Sistema de resfriamento do óleo com válvula termostática
70 Sistema de resfriamento do óleo sem válvula termostática
72 s/ função
73 s/ função
74 s/ função
75 s/ função
76 s/ função
77 Eletroválvulas proporcionais do Powershift
78 s/ função
79 Módulo de controle do Powershift e Powershuttle
80 Eletroválvulas proporcionais do Powershuttle
81 Portas de teste
82 Válvula de retenção do sistema de freio

- 58 -
TAMPA LATERAL DIREITA
A tampa lateral direita concentra grande parte dos componentes do sistema hidráulico.
Internamente, a bomba de deslocamento variável está instalada nesta seção, e externamente
seu conjunto de válvulas-piloto de inclinação do prato (sistema load sensing). Outros
componentes hidráulicos são:
Na parte interna da tampa:

 Bomba de deslocamento variável


 Válvula de alívio do circuito de baixa pressão (24 bar)
 Válvula de Alívio do Circuito de Baixa Pressão – 24 bar
 Válvula mantenedora da lubrificação (5 bar)

Bomba de Deslocamento variável


Deslocamento Volumétrico: 0-63l cc/rotx 1,24
Vazão:162 LPM @22OO RPM
Pressão: Máxima:200 bar
Pressão: Máxima: 22 bar Válvula de alívio do circuito de
Baixa Pressão - 24 bar

Válvula mantenedora de lubrificação - 5 bar

- 59 -
Na parte externa da tampa:
 Filtro principal (15 microns)
 Bloco prioritário
 Válvula reguladora da inclinação da bomba de deslocamento variável (sistema load sensing)
 Solenóides das funções auxiliares (TDP (pacote e freio) / tração / bloqueio)
 Portas de teste para pressões do circuito de alta e baixa pressão, pressão de carga e
lubrificação
 Sensores do circuito de baixa pressão, carga e lubrificação, e restrição do filtro principal

Filtro Principal – 15 microns (superior)


Pressão de By-pass: 3,5 bar
Bloco Prioritário
Pressão de Indicação de Saturação: 2,4 bar
Válvula proritária do sistema de direção – 150
Sensor de Restrição Instalado no Filtro
bar
Filtro do circuito de 20 bar – 60 microns
Válvula mantenedora do circuito de baixa
(inferior)
pressão - 21 bar

Válvula de Alívio Principal – 230 bar

- 60 -
Válvula Reguladora da Inclinação do Prato da Bomba de Deslocamento Variável
Válvula de Stand By (22 bar) / Válvula Limitadora de Pressão (200 bar)

- 61 -
Solenóides de acionamento das funções auxiliares

Sensor de Restrição do Filtro Principal


– 2,4 bar
Sensor de Pressão do Circuito de
Lubrificação
Indicação de Baixa Pressão de Lubrificação – 2 bar

Sensor de Pressão do Circuito de Baixa


Pressão (Funções Auxiliares – TDPI, Tração,
Bloqueio, Transmissão)

- 62 -
COMPONENTES DA TAMPA HIDRÁULICA DIREITA – VISTA EM
CORTE

- 63 -
Item Descrição
1 Parafuso
2 Válvula de alívio do circuito de alta pressão
3 Saída para a unidade hidrostática
4 Parafuso
5 Entrada LS da unidade hidrostática
6 Saída LS para o regulador da bomba de deslocamento variável
7 Bloco prioritário
8 Tampa lateral
9 Porta de teste da pressão LS
10 não aplicado
11 Porta de teste do circuito de alta pressão
12 Regulador de inclinação do prato da bomba
13 não aplicado
14 Sensor de pressão do circuito de baixa pressão
15 Solenóide
16 Solenóide
17 Solenóide
18 Solenóide
19 Flanges dos solenóides
20 Porta de teste do circuito de baixa pressão
21 Saída para o pacote da TDP
22 não aplicado
23 Saída para o freio da TDP
24 Saída para o bloqueio do diferencial
25 não aplicado
26 Saída para a tração
27 Filtro Principal
28 Linha do circuito de baixa pressão
29 Porta de teste da lubrificação e carga
30 Saída para o controle remoto e levante
31 Entrada LS do controle remoto e levante
32 Parafuso
33 não aplicado
34 Sensor de restrição do filtro principal
35 Parafuso
36 Pino guia
37 Porca
38 Arruela
39 Engrenagem
40 Chaveta

- 64 -
Item Descrição
41 Bomba de deslocamento variável
42 Sensor da pressão de lubrificação e carga
43 Saída e retorno do resfriafor de óleo
44 Válvula mantenedora de 5 bar da lubrificação
45 Válvula de alívio do circuito de baixa pressão
46 Sensor de temperatura
47 Parafuso da bomba
48 Linha de lubrificação
49 Filtro de 60 microns
51 Parafuso

Legenda
A Bloco de prioritário avulso
TR16 Conector
TR17 Conector

- 65 -
COMPONENTES DA TAMPA HIDRÁULICA DIREITA – VISTA
EXPLODIDA

- 66 -
TAMPA LATERAL ESQUERDA
Junto a tampa lateral esquerda estão instaladas a bomba de carga (engrenagem) do sistema
hidráulico e o filtro de sucção.

Bomba de Carga
Deslocamento Volumétrico: 100 cc/rot x 1,24
Vazão: 274 LPM @ 2200 RPM

Tampa Lateral Esquerda – Filtro de Sucção


(150 microns)

- 67 -
COMPONENTES DA TAMPA HIDRÁULICA ESQUERDA – VISTA
EXPLODIDA

- 68 -
Item Descrição
1 Tubo de recirculação
2 Bomba de carga
3 Tubo de pressão de carga
4 Pescador do óleo
5 Anel O
6 Filtro de sucção -150 microns
7 Prisioneiro
8 Bujão
9 Anel de vedação
10 Parafuso
11 Arruela
12 Engrenagem
13 Chaveta
14 Tampa lateral esquerda
15 Porca
16 Pino guia
17 Anel O
18 Junta
19 Parafuso
20 Tampa do filtro
21 Anel O
22 Parafuso
23 Anel O
24 Pino guia
28 Porca

- 69 -
SISTEMA DE BOMBAS
As bombas de carga e de deslocamento variável estão instaladas internamente na carcaça
central. Ambas são acionadas pela carcaça do pacote da TDPI que possui uma cremalheria
externa. A bomba de carga é responsável por succionar óleo do reservatório (carcaça central) e
bombeá-lo para alimentar a bomba de deslocamento variável (fluxo representado pela linha
vermelha na figura abaixo). A vazão excedente do sistema de lubrificação e circuito de baixa
pressão retorna na alimentação da bomba de carga (fluxo representado pela linha vermelha
tracejada na figura abaixo).

A bomba de deslocamento variável contém pistões axiais, conectados a um prato (disco) através
de rótulas. A variação do deslocamento volumétrico da bomba é feita através da variação do
ângulo de inclinação do prato, o que aumenta ou diminui o curso dos pistões dentro de suas
câmaras. Este prato é inclinado através de um sistema load sensing, que atua neste, de acordo
com a demanda de vazão e pressão a que o sistema hidráulico está submetido.
Quando a bomba de deslocamento variável não
está recebendo sinal através da linha load
sensing, ela permanece na posição de standby.
Se o trator está com o motor desligado, a mola
que pilota a haste de inclinação do prato coloca
a bomba na posição de máxima vazão. Ao ligar
o motor, não havendo demanda de vazão de
óleo, a linha de pressão da saída da bomba terá
um incremento de pressão até 22 bar, o que irá
pilotar a válvula “a”, fazendo com que o óleo
seja desviado para o canal “R”. Esta pressão irá
atuar na haste que controla a inclinação do
prato da bomba, colocando este na posição de
mínima vazão. Esta vazão mínima mantém uma
pressão residual de 3 a 5 bar no sistema de
direção, aumentando a pressão de standby para
28 bar.
Quando alguma função hidráulica é ativada, pressão de standby (22 bar) cai e a válvula “a”
retorna a posição inicial. O pistão que aciona a haste de inclinação do prato da bomba perde
contato com a pressão de óleo que vem das galerias “R” e “S” que são desviadas para retorno, e
a mola da haste coloca a bomba em posição de máxima vazão. Esta vazão gera a pressão LS
necessária para ativar a função hidráulica selecionada. Neste caso, haverá uma pressão de
acionamento (P) na saída da bomba, e uma pressão piloto da haste de inclinação da bomba (P +
22 bar).

- 70 -
TESTES HIDRÁULICOS DO SISTEMA AUXILIAR
Para realização dos testes hidráulicos, recomenda-se a utilização do kit hidráulico que contém
fluxômetro e manômetros adequados à realização dos testes. A temperatura do óleo para a
realização destes deve ser de 60°C.

TESTE DA PRESSÃO DE CARGA


DA BOMBA DE PRATO (LS)
Manômetro instalado na saída do filtro
principal para a bomba de prato. A figura
mostra a porta de teste na tampa lateral
direita.

Rotação do Motor P1
(RPM) (bar)
1000 5±1
2200 6±1

TESTE DA PRESSÃO DE
TRABALHO E STANDBY DA
BOMBA DE DESLOCAMENTO
VARIÁVEL
O teste de verificação das pressões de
trabalho e standby deve ser feito com dois
manômetros instalados simultaneamente
nas portas de teste P2 e P3, e durante a
verificação, nenhuma função do circuito de
alta pressão deve ser acionada.

Rotação do P2 P3
Motor (RPM) (bar) (bar) 26 ± 1
1000 4±1 26 ± 1
Pressão Bomba = Pressão LS + 22 ± 1 bar
2200 4±1 26 ± 1 P3 = P2 + 22 ± 1 bar

- 71 -
TESTE DE VAZÃO MÁXIMA DA BOMBA DE DESLOCAMENTO VARIÁVEL
Conecte o fluxômetro no controle remoto, em algum corpo que não possua desarme
automático. Para medição das pressões, serão instalados manômetros nas portas P2 e P3 (ver
figura anterior). A válvula de ajuste da vazão no controle remoto deve estar totalmente aberta.
Comece gradualmente a fechar a válvula registro do fluxômetro e observe o comportamento da
vazão e pressões conforme a tabela abaixo:
Rotação do Motor P2 (bar) P3 (bar) Q (LPM)
(RPM)
2200 110 a 100 ± 5
2200 130 a 100 ± 5
2200 150 a 100 ± 5
2200 170 a 100 ± 5
2200 200 200 0

(a) P3 = P2 + 22 ±1 bar

TESTE DO SISTEMA DE AJUSTE DE VAZÃO DO CONTROLE REMOTO


Ainda com o fluxômetro e os manômetros instalados da mesma maneira indicada no teste
anterior, feche a válvula de registro do fluxômetro até obter a pressão XLS (sinal) de 130 bar.
Comece a fechar o regulador de vazão do controle remoto até a posição mínima. A vazão
deverá cair até 5 ± 1 LPM, bem como a pressão P2.
Posição do Rotação do Motor P2 P3 Q
Regulador de Vazão (RPM) (bar) (bar) (LPM)
Máxima 2200 130 a 100 ± 5
Máxima 2200 35 a 5±1

(a) P3 = P2 + 22 ±1 bar

- 72 -
TESTE DO SISTEMA DE DESARME AUTOMÁTICO DO CONTROLE REMOTO
Conecte o fluxômetro no controle remoto, no
corpo que será verificado
o desarme automático. Para medição da
pressão, será instalado um manômetros na
porta P2. Coloque o motor em rotação de 1000
RPM e comece gradualmente a fechar a
válvula registro do fluxômetro até provocar o
desarme.
Pressão de Desarme : 155 – 175 bar

TESTE DA PRESSÃO DE ALÍVIO DO SISTEMA DE LEVANTE


O teste de verificação das pressões de alívio
do sistema de levante deve ser feito com dois
manômetros instalados simultaneamente nas
portas de teste P2 e P3. Coloque o motor em
rotação de 1000 RPM e enforque o sistema de
levante, através do botão de subida do
pára­lama.

Pressão do Levante: 195 ± 1 bar em P2 e P3

TESTE DA PRESSÃO DE ALÍVIO DO SISTEMA DE LEVANTE


Conecte os manômetros com descrito no teste anterior. Gire a direção até o batente das rodas.

Pressão da Direção: P2 = 146 ± 1 bar / P3 = 169 ± 1 bar.

- 73 -
TESTE DA PRESSÃO DO CIRCUITO DE BAIXA PRESSÃO
O teste de verificação das pressões do
circuito de baixa pressão deve ser
feito com manômetro instalado na
porta P7.Coloque o motor em rotação
de 1000 RPM.Alguns cuidados devem
ser observados:
 Tração dianteira engatada
 Alavanca de reversão em neutro
A leitura inicial deve ser 20 ± 1 bar. A
medida que as funções “acoplamento
da TDP, freio da TDP, bloqueio do
diferencial, desengate da tração
dianteira” são acopladas, a pressão no
manômetro não poderá cair abaixo de
14 bar, devendo retornar para seu
valor inicial de 20 ± 1 bar

TESTE DA PRESSÃO DE ALIMENTAÇÃO DO MÓDULO DE CONTROLE DO


POWERSHUTTLE
O teste de verificação das pressões de
alimentação do módulo deve ser feito
com manômetro instalado na porta P8,
localizada no módulo de controle,
localizado no lado direito da caixa de
câmbio.

Rotação do Motor P8
(RPM) (bar)
1000 20 ± 1

2200 20 ± 1

- 74 -
TESTE DA PRESSÃO DE ACIONAMENTO DA FRENTE / RÉ
O teste de verificação das pressões de
acionamento da Frente e Ré deve ser feito
com manômetro instalado na porta P9 (Ré)
e P10 (Frente), localizada no módulo de
controle, localizado no lado direito da caixa
de câmbio. Coloque o motor em rotação de
1000 RPM, e selecione Frente e depois Ré e
observe a pressão. A caixa de câmbio deve
estar em Neutro (sem engatar os grupos 1 /
2 / 3 / 4).
Posição da P9 (bar) P10 (bar)
Alavanca de
Reversão
Frente 0 20 ± 1
Neutro 0 0
Ré 20 ± 1 0

TESTE DA PRESSÃO DE LUBRIFICAÇÃO DO PACOTE DA FRENTE / RÉ


O teste de verificação das pressões de
lubrificação do pacote deve ser feito com
manômetro instalado na porta P11, localizada na
parte da frente da caixa de câmbio.

Posição da Rotação P11


Alavanca do (bar)
de Motor
Pedal Pedal
Reversão (RPM)
Acionado Solto
Frente 1000 0,5 ± 0,1 1,5 ± 0,1
2200 0,9 ± 0,1 2,0 ± 0,1
Neutro 1000 1,5 ± 0,1 1,5 ± 0,1
2200 2,0 ± 0,1 2,0 ± 0,1
Ré 1000 0,4 ± 0,1 1,5 ± 0,1
2200 0,8 ± 0,1 2,0 ± 0,1

- 75 -
TESTE DA PRESSÃO DE ACIONAMENTO DO POWERSHIFT
O teste de verificação das pressões de
acionamento deve ser feito com manômetro
instalado nas portas:
 L – freio dianteiro do Dynashift
 N – freio traseiro do Dynashift
 P – freio do multiplicador
Coloque o motor em rotação de 1000 RPM,
coloque a alavanca de reversão em Frente e
acione a alavanca do descanso de braço,
selecionando as marchas A / B / C / D/ E / F,
checando as pressões conforme tabela
abaixo:
Marchas Pistão L Pistão N Pistão EV L EV N EV P
(P14) (P12) P (P13) (Volt) (Volt) (Volt)
(bar) (bar (bar)
A 20 ± 1 20 ± 1 0 12 12 0
B 20 ± 1 0 0 12 0 0
C 0 20 ± 1 0 0 12 0
D 0 0 0 0 0 0
E 0 20 ± 1 20 ± 1 0 12 12
F 0 O 20 ± 1 0 0 12

- 76 -
TESTE DE VAZAMENTO (FUGA INTERNA) NOS PACOTES E SISTEMAS
AUXILIARES
Conecte o manômetro na porta P7, e instale o fluxômetro na saída de óleo da tampa direita Para
realizar o teste, deve-se inicia­lo conforme as orientações abaixo:
 Tração dianteira desengatada (solenóide energizado)
 Bloqueio do diferencial ligado
 Marcha A
 Lebre engatada
 Alavanca de reversão em Frente
 TDP engatada

Comece o teste anotando a vazão (Q4), com o motor na rotação de 2000 RPM. Corte o óleo para
as funções citadas anteriormente, desligando-as e anote a vazão resultante (Q5). A diferença
entre Q4 – Q5 representa a fuga detectada. Esta não deve exceder as informações da tabela a
seguir:

- 77 -
Unidade de Controle do Powershuttle Dyna 6
Pacote Frente Neutro Pacote Ré
Vazão Q4
(LPM)
Vazão Q5
(LPM)
Fuga (Q4-Q5)
(LPM)
Fuga máxima 1,5 - 1,5 0
permissível (LPM)
P7 (bar) 20 ± 1

Lebre Pacote Freio TDP Bloqueio do Tração


TDP Diferencial
D T
Vazão Q4
(LPM)
Vazão Q5
(LPM)
Fuga (Q4-Q5)
(LPM)
Fuga máxima 0,5 1,5 2 0,5 0,5 1,5
permissível
(LPM)
P7 20 ± 1

- 78 -
SISTEMAS ELÉTRICOS

COMPONENTES ELÉTRICOS DA TRANSMISSÃO

Solenóides de engate dos grupos (L52, L53, L54 e L55)


- L52 – Grupo 1
- L53 – Grupo 2
- L54 – Grupo 3
- L55 – Grupo 4

Sensores dos grupos (L56, L57, L58 e L59)


- L56 – Grupo 1
- L57 – Grupo 2
- L58 – Grupo 3
- L59 – Grupo 4

TR22 – Sensor de temperatura do óleo da transmissão


TR23 – Sensor de rotação intermediário

Solenóides de acionamento frente/ré (TR24/TR25)


- TR24 – Solenóide PWM da ré
- TR25 – Solenóide PWM da frente

Solenóide de acionamento dos freios do conjunto powershift (TR19/TR26/TR27)


- TR19 – Solenóide do freio N
- TR26 – Solenóide do freio P (freio acionado)
- TR27 – Solenóide do freio L (freio livre)

- 79 -
SOLENÓIDES DE ENGATE DOS GRUPOS (L52 / L53 / L54 / L55)
Sensor de Temperatura do Óleo da Transmissão (TR22)
Identificação: L52 – grupo 1
L53 – grupo 2
L54 – grupo 3
L55 – grupo 4
Ligação: CAB 151 – Autotronic 5
Função: Engate dos grupos da caixa de câmbio
sincronizada.

SENSORES DOS GRUPOS (L56 / L57 / L58 / L59)


Identificação: L56 – grupo 1
L57 – grupo 2
L58 – grupo 3
L59 – grupo 4
Ligação: CAB 151 – Autotronic 5 I
Função: Informar o grupo da caixa de câmbio
sincronizada engatado.

SENSOR DE TEMPERATURA DO ÓLEO DA TRANSMISSÃO (TR22)


Identificação: TR22 – sensor de temperatura
Ligação: CAB 150 – Autotronic 5 II
Função: Informar a temperatura do óleo da
transmissão – dependendo da temperatura, o
computador Autotronic 5 acionará dispositivo de
segurança para proteger a transmissão – marcha D.

SENSOR DE ROTAÇÃO INTERMEDIÁRIO (TR23)


Identificação: TR23 – sensor indutivo intermediário
Ligação: CAB 151 – Autotronic 5 I
Função:

- 80 -
SOLENÓIDES DE ACIONAMENTO FRENTE / RÉ (TR24 / TR25)
Identificação: TR24 – solenóide PWM da ré
TR25 – solenóide PWM da frente
Ligação: CAB 151 – Autotronic 5 I
Função: acionamento do pacote da reversão para
realização de movimento a frente ou a ré.

SOLENÓIDES DE ACIONAMENTO DOS FREIOS DO CONJUNTO


POWERSHIFT (TR19 / TR26 / TR27)
Identificação: TR19 – solenóide do freio N do
conjunto Powershift
TR26 – solenóide do freio P do
conjunto Powershift
TR27 – solenóide do freio L do
conjunto Powershift

Ligação: CAB 150 – Autotronic 5 II


Função: acionamento dos freios do conjunto
Powershift. A combinação de solenóides ligados e
desligados atuarão de formas diferentes nos
redutores epicíclicos, definindo as marchas de A até
F.

- 81 -
COMPONENTES ELÉTRICOS DA TRANSMISSÃO

Legenda
TR2 Sensor de rotação do eixo de saída da TDP
TR4 Sensor de rotação da coroa
TR9 Sensor de rotação do motor
TR10 Sensor de rotação da engrenagem do pacote da TDP
TR11 Sensor de pressão da linha de 21 bar
TR12 Solenóide PWM da TDP
TR13 Solenóide do freio da TDP
TR14 Solenóide do bloqueio do diferencial
TR15 Solenóide de tração
TR16 Sensor de pressão de lubrificação
TR17 Sensor de saturação do filtro principal

- 82 -
SENSOR DE ROTAÇÃO DA COROA (TR4)
Identificação: TR4 – sensor indutivo de
rotação da coroa
Ligação: CAB 150 – Autotronic 5 II
Função: Informar a rotação da coroa do eixo
traseiro. Esta informação serve de parâmetro
para o computador Autotronic 5 calcular a
velocidade teórica de deslocamento.

SENSOR DE ROTAÇÃO DA ENGRENAGEM DO PACOTE DA TDP (TR10)


Identificação: TR10 – sensor indutivo de
rotação do pacote da TDP
Ligação: CAB 150 – Autotronic 5 II
Função: Informar a rotação do pacote da TDP.
Esta informação serve de parâmetro para o
computador Autotronic 5 informar ao painel
DCC2 a rotação de entrada da TDP.

SENSOR DE ROTAÇÃO DO EIXO DE SAÍDA DA TDP (TR2)


Identificação: TR2 – sensor indutivo de
rotação do eixo de saída da
TDP
Ligação: CAB 150 – Autotronic 5 II
Função: Informar a rotação do eixo de saída da
TDP. Esta informação serve de parâmetro para
o computador Autotronic 5 modular a
aplicação da pressão no pacote, de acordo
com a rotação do motor.

SENSOR DE ROTAÇÃO DO MOTOR (TR09)


Identificação: TR09 – sensor indutivo de
rotação do motor
Ligação: CAB 150 – Autotronic 5 II
Função: Informar a rotação do motor. Esta
informação serve de parâmetro para o
computador Autotronic 5 informar ao painel
DCC2 a rotação do motor.

- 83 -
SOLENÓIDES DE ACIONAMENTO DAS FUNÇÕES AUXILIARES (TR12 / TR
13 / TR14 / TR15
Identificação:TR12 – solenóide PWM da TDP
TR13 – solenóide do freio da TDP
TR14 – solenóide do bloqueio do
diferencial
TR15 – solenóide da tração
Ligação: CAB 150 – Autotronic 5 II (TR 12 / 14 / 15)
CAB 151 – Autotronic 5 I (TR13)
Função: acionamento das funções auxiliares.

SENSOR DE PRESSÃO DE LUBRIFICAÇÃO (TR16)


Identificação: TR16 – sensor de pressão
Ligação: DCC2
Função: Informar a ocorrência de baixa pressão
(abaixo de 2 bar) no sistema de lubrificação.

SENSOR DE PRESSÃO DA LINHA DE 21 BAR (SISTEMAS AUXILIARES E


TRANSMISSÃO) (TR11)
Identificação: TR11 – sensor de pressão
Ligação: CAB 150 – Autotronic 5 II
Função: Informar a ocorrência de baixa pressão
(abaixo de 9 bar) no circuito de baixa pressão –
sistemas auxiliares e transmissão.

SENSOR DE SATURAÇÃO DO FILTRO PRINCIPAL (TR17)


Identificação: TR17 – sensor de pressão / restrição
Ligação: DCC2
Função: Informar a saturação e bloqueio (acima de
2,4 bar) do filtro principal do sistema hidráulico.

- 84 -
COMPONENTES ELÉTRICOS DA CABINE

SENSORES DO PEDAL DA EMBREAGEM


Identificação: TOC (A) – sensor de início de curso do pedal
Potenciômetro (B) – potenciômetro de posição
do pedal
BOC (C) – sensor de fim de curso do pedal
Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar ao DCC2 se o pedal da embreagem está
ativado.

- 85 -
SENSOR DA ALAVANCA DO FREIO DE ESTACIONAMENTO (CAB69)
Identificação: CAB69 – sensor do freio de
estacionamento
Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar se o freio de mão está aplicado ou
não, acionando a tração e não permitindo a seleção
de frente e ré.

POTENCIÔMETRO DE SELEÇÃO DO MODO DE OPERAÇÃO (CAB152)


Identificação: CAB152 – potenciômetro de seleção
do modo MANUAL,
SPEEDMATCHING E AUTODRIVE em transporte e
operação
Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar o modo de operação selecionado
pelo operador.

ALAVANCA DE REVERSÃO (CAB19)


Identificação: CAB19 – alavanca de reversão
Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar a direção de deslocamento
selecionada pelo operador, e
os pulsos para troca de marcha e / ou grupo.

POTENCIÔMETRO DO PEDAL DO ACELERADOR (CAB44)


Identificação:CAB44 – potenciômetro do pedal do
acelerador Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar a posição do pedal do acelerador.

- 86 -
TECLAS DA TRAÇÃO E DO BLOQUEIO DO DIFERENCIAL (CAB66 E CAB 67)
Identificação: CAB66 – tecla de bloqueio do diferencial
CAB67 – tecla da tração
Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar o acionamento do bloqueio do
diferencial e tração.

FUNÇÕES DA TRANSMISSÃO NO DESCANSO DE BRAÇO (AC7 E AC11)


Identificação: AC7 – botão para troca de grupo
AC11 – potenciômetro da alavanca do
descanso de braço
Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar a troca de marchas e grupos.

SENSOR DE BLOQUEIO DO FILTRO DE AR (AC7 E AC11)


Identificação: sensor de restrição do filtro de ar
Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar o bloqueio do filtro de ar.

SENSOR DE PRESSÃO DE LUBRIFICAÇÃO (TR16)


Identificação: sensor de pressão de lubrificação e
carga da bomba de deslocamento
variável
Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar queda da pressão de lubrificação da
transmissão e sistemas auxiliares.

SENSOR DE BLOQUEIO DO FILTRO DE 15 MICRONS DA TRANSMISSÃO


(TR17)
Identificação: sensor de restrição do filtro do filtro de
15 microns do sistema hidráulico
Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar o bloqueio do filtro de pressão do
sistema hidráulico.

SENSOR DE TEMPERATURA DO LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO DO


MOTOR (ENG36)
Identificação: Sensor de temperatura do motor
Ligação: DCC2 (painel)
Função: Informar a temperatura do motor.

- 87 -
REDE CAN

- 88 -
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE

PF­01

PF­02

PF­03

PF­04

PF­05

PF­06

PF­07

PF­08
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
XC LPN­28138 ADDED REFERENCE (G7) GWTK 10MAR09
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
H 60A 60A 60A 60A 60A 60A 60A 60A +15 +15 H
+15 /3.H2 BUSSBAR   BUSSBAR   VM/PT­1.0   /4.H3
/4.H3 +15
VM/PT­1.5 +15_AUTO /15.H2
CFP1
FP­01
1

1
2

2
FP­03

FP­03

FP­04

FP­05
1
FP­02

+30'.1 F­05 F­06


VM­6.0   1 1
10A 10A
+30'.3 +30'.2

VM/PT­6.0 +15
VM­6.0  

SW­01 STOP 2 2
VM­6.0   +30''.1
VM­6.0   +15
VM/PT­1.0   /18.H1

VM­6.0 +30_K02

VM­6.0 +30_K03
+
CON­01
VM­6.0  

G VM­6.0 +30SW­01 VM­6.0 +30SW­01 G


1 1 J13
2 +15
CHAVE DE PARTIDA /10.E1
+15
VM­16.0   VM/PT­1.0 BZ1 /10.A6

3
VM­6.0 B+

VD­4.0 +50_SAFETY
VM­6.0 B+

LR­1.5 BBA_INJ
+15

VD­4.0 +50
VM/PT­0.75   /4.H3
F F
FP­01
/19.H6 +15
B+ VM/PT­6.0   /12.H2

1
ALT­01 +30

LR­1.0  
CON­01 SW­02 VM/PT­6.0   /14.H1
VM­0.5 D+ ALTERNADOR
9

LR­2.5  
31

VM/PT­0.75  

RELE AR CONDICIONADO
VM­1.0 D+

VM/PT­0.75  
PARTIDA

RELE FAROL DE SERVICO
2
E VD­1.0 +50_SAFETY E

30

86

86

30
BAT­01

RELÉ AUXILIAR
30

86

CON­01
30 86
K­04 K­03

4
1

VM­70.0   K­02.

CON­01
R­01
PT­6.0  

K­01

8
75Ω RELE DE PARTIDA

LR­1.5 BBA.INJ
5W 87a 87 85

87

87
85

85

LR­2.5  
87

85
PT­70.0  

PT­0.75  

PT­0.75  
VD­4.0 +50

D D
VM/PT­1.0 +15_R1

31

1
PT­1.0   PT­0.75   /2.B2
CON­01

31 SOL­01
/14.F5

PT­0.75  
6

1
31
/5.G5
VD­4.0  

KEY­01

C CHAVE GERAL BOMBA INJETORA C
2 GND­02
30

50

3
31 31
/2.C7 PT­1.0   PT­1.5   /12.A1
GND­04.2
M­01

PT­1.5  
/13.A3 31
PT­70.0  

PT­1.5  

B
/7.A2 31
/4.E1 31
PT­0.75  
PT­0.75   J38 M B

/4.E8 31 PT­0.75   PT­1.5  


/5.B3 31 PT­1.0   MOTOR DE PARTIDA
/6.D2 31 PT­0.75  
PT­6.0  
GND­03.1
1

NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
GND­04.2 GND­01.1 GND­01.2  NOMINAL OVER 120 400 1000
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE

 METRIC 10/03/09 CENTRAL/FUSES/HEADLIGHT


DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN CENTRAL/FUSIVIES/FAROIS
TERRA, CENTRAL ELETRICA  TERRA CABINE EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION

1 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
+58
+58 LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
/13.G8 CZ/VM­1.5   /10.F8 +30'.5
+15 VM­2.5   BUSSBAR   XC LPN­28138 ADDED REFERENCES (E3, H4, G2) GWTK 10MAR09
/6.A3 BUSSBAR  
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
R.LAMPS +58
H +30''.4 /10.E1 VD­1.0   CZ/VM­0.75   /14.H4 F­23 F­24 H
1 1
VM­6.0   15A 10A
L.LAMPS
/10.E1 BR­1.0  
+58
+30 CZ/VM­1.0   /18.F3 2 2
/12.G3
BUSSBAR  

L.LAMPS
/18.F3 BR­1.0  

J15
F­07 F­22
1 1
G 15A 10A G
BR­1.0  
2 2
J18 CON­01
VD­1.0   VD­1.0 BUZINA
J17 16

11
12

7
1
3
8
9

VD­1.5 PARADA_LIMP
VM­1.5 PARADA_LIMP
VM­1.0 ALERTA

7
VM/PT­1.5 PISCA

56 30 Sx Dx 31 53b 53 J 53C

VM/AM­1.5 LIMP­V1
VM/VD­1.5 LIMP­V2
CZ/VM­1.0  
CAB­17
I O J
II

BR­1.0  

VD­1.0  

VD­1.0  
F F

VD­1.0 BUZINA
CZ/VM­0.75  

BR­1.0  

CZ/VM­0.75  

VD­1.0  
56b 56a L H

CON­03
ALAVANCA

2
10
R.LAMPS

VD­1.0 EJETOR_H20
BR­1.0  
CON­03

2
1

1
/18.F3

6
4
3

5
3
VD­1.0  
L­04
L­07

1
SW­07 CON­03
E E
CON­03

AZ/VM­1.0  
BZ­02
OFF
4

SINALEIRA LE  SINALEIRA LD  5 M­03


13

VD­0.75 BBALAV
3

17
18

VD­1.0
 

3
BR­1.0  

CZ/VM­1.0  

2
ALERTA 31 BUZINA
PT­1.5   /14.C4
11
10

14

1
5

31

black
PT­0.75   /14.C3
VM/PT­1.5 PISCA

 LIMPADOR DE PARABRISA
AZ/VM­1.0  

PT­1.0  
D D

1
J14

M­04
J16

PT­1.5  
PT­0.75  
31
J4 /1.C7
VM/PT­1.5 PISCA

PT­2.5  
49a

BOMBA LAVADORA
J9
C C

2
GND­02 K­09.
BR­1.0  

PT­0.75  
VD­1.0  

CZ/VM­1.0  

CZ/VM­1.0  
PT/VM­1.0  

PT/VM­1.0  

/1.C4
LANTERNA TRASEIRA ESQUERDA

K 49
GND­02 GND­04.3
LANTERNA TRASEIRA DIREITA

RELÉ PISCA GND­08
31

CN­01
L­09.1 TC­01
31 31 PT­1.5   PT­1.5  
2

2
1

/13.C3 PT­0.75   PT­0.75   /1.D6 L­09.2 31


L­10.2 L­10.1 1
VD­1.0   VD­1.0  
2 R
B BR­1.0   BR­1.0   B
CON­03 3 L
FREIO
/6.C8 PT/VM­1.0   CN­02
3

2
2

2
3

PT/VM­1.0   PT/VM­1.5  
1 54
CZ/VM­1.0   CZ/VM­1.0  
CON­03 PT­1.0   PT­1.0   2 58R TOMADA CARRETA
F.SERV
/13.E8 CZ­1.5 F_SERV_TRAS CZ­1.5 FAROLSERVIÇO CZ­1.5 FAROLSERVIÇO CZ­1.5  
PT­1.5  

6 3 54G
NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
PT­1.5   INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
GND­08  NOMINAL OVER 120 400 1000
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE

 METRIC 10/03/09 WINDSHIELD WIPER / HAZARD


DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN LIMPADOR / PISCA
TERRA TRASEIRO EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION

2 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
+15 +30 XC LPN­28138 GWTK 10MAR09
/5.H2 BUSSBAR   BUSSBAR   /10.H1
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
H +15 +30 H
/1.H6 BUSSBAR   BUSSBAR   /12.G3

VM­4.0  
BUSSBAR  

F­04 F­03 F­10 F­09


1 1 1 1
10A 10A 10A 15A
G G
2 2 2 2

VM/PT­2.5 +15_MOD­TRANS

VM­2.5 +30_MOD­TRANS
F F

VM/PT­1.5 +15_L13
VM/PT­1.5  
L­13 1
E J11 E
VM/PT­1.5  
9
VM/PT­1.5  
14
PT­1.0  
15
PT­1.5  
28
VM/PT­1.5  
42
VM­1.5 +30_L13 CAB­151
29
D VM/PT­1.5   D
14
PT­1.5  
15
PT­1.5  
28
J3
CAB­150 VM/PT­1.5   J8 VM­1.5 +30_CAB151
1 29
VM/PT­1.5   VM/PT­1.5  
9 42
VM/PT­1.5  
14
C PT­1.5   C
15
PT­1.5  
28
VM­1.5 +30_CAB150
29
VM/PT­1.5  
42

B B

J41
PT­4.0  

NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 AUTO 5 MODULES POWER SUPPLY
DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME
/12.A3 0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN ALIMENTACAO MODULOS AUTO 5
PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
GND­04.1 EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION

3 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
+15 LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
/1.H8 VM/PT­1.0  
XC LPN­28138 GWTK 10MAR09
+15
/1.H4 VM/PT­6.0 +15 01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
+15
H /5.H3 BUSSBAR   H
+15
/1.F7 VM/PT­0.75  
TR­10
PT­1.0  
1
CAB­50
BR/VM­1.0 TR10
2 17 F­01 F­12
1 1
5A 5A
TR­23 PT­1.0  
1
CAB­50 2 2
BR/AM­1.0 TR23 ALAVANCA MARCHAS POTENCIOMETRO SELEÇAO MARCHA
2 24

AC11
AC­07
31 +15

VM/PT­1.0 +15_ARMREST

1
2

2
3
G TR­04 PT­1.0   PT­1.0,PT­1.0  ,  /7.C1 /8.G2 G
1 J27

/12.C3
BR/VD­1.0 TR04 CAB­50
2 31 CAB­01 PAINEL

7
53
44
8

6
PT­1.0 TR11 PT­1.0   /12.C3

31
VM/PT­1.0
18

VM/PT­1.0 +15_SENSORES

AM/AZ­1.0  

BR­1.0 CAB152
CAB­50

VM/PT­1.0 +5V
PT­1.0  
20
VM/PT­1.0   AC1

PT­1.0  
4 CAB­152
BR­1.0   J12
VM/PT­1.0   AC1
1 2
TR­27 AC1
F PT­1.0   F
CAB­50 1
2 BR/LR­1.0 TR27 BR­1.0   BR­1.0 AC­11
6 3
BR­1.0   BR/PT­1.0 TR26&27RETURN AM/AZ­1.0   BR­1.0 AC7
1 J28 16 5 1
TR­26 3
CAB­50 2
2 BR­1.0 TR26
5
BR/PT­1.0 TR19_RETURN
1 25 AUTODRIVE
TR­19
CAB­50
E 2 E
BR/AZ­1.0 TR19 BR/AZ­1.0 TR19 CAB­160
14

1
2
3
4
6
D­3 J33
31 1
/1.B1 PT­0.75   BR/AZ­1.0 TR19
2
31
PT­0.75   /1.B1
L­59 L­14
AZ­1.0 L59 BR/LR­1.0 TR27
1 28
VM­1.0   L­14 BR/PT­1.0 TR26­TR27_RETURN
2 J26
VM­1.5 +15_SENSORS
D L­14 17 BR­1.0 TR26 D
L­58
AZ/BR­1.0 L58
1 27 BR/PT­1.0 TR19_RETURN
VM­1.0  
2 BR/AZ­1.0 TR19

AZ­0.75 RANGE­1
AZ­0.75 RANGE­2
AZ­0.75 RANGE­4

AZ­0.75 RANGE­3
L­14
L­57
AZ/BR­1.0 L57
1 26
BR/VM­1.0 TR10
VM­1.0  
2

C BR/AM­1.0 TR23 C
L­14

22
26

24

23
38

12
L­56 38

4
5

3
AZ/VD­1.0 L56 BR/VD­1.0 TR4
1 25 37
AZ­1.0 L59
VM­1.0   33
2 AZ/BR­1.0 L58
18
AZ/AM­1.0 L57
32 CAB­150
L­14 AZ/VD­1.0 L56
17
AZ/VM­1.0 L55 AZ/VM­1.0 L55
1 24 J35 10
AZ/VM­1.0 L55
L­55 21
AZ/VM­1.0 L55
B 2 34 B
PT­1.0   L­14 AZ/LR­1.0 L54
22
AZ/LR­1.0 L54 AZ/VI­1.0 L53
1 23 8 CAB­151
AZ/CZ­1.0  
L­54 7
J25 L­14
2 31
PT­1.0   PT­1.5   PT­1.0   /12.C3
14
2 PT­1.0  

L­53
NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
1 L­14 INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
AZ/VI­1.0 L53 DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A 22 TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
2 PT­1.0   CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 GEARBOX
L­52 DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME
L­14 0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN GEARBOX
1 PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
2 DECIMALS ± 0.25
AZ/CZ­1.0 L52 21 EP.A01
XC
ANGULAR ± 0   30' 4 de 19 ET0136032
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
+15 +15
/3.H2 BUSSBAR   BUSSBAR   /4.H3 XC LPN­28138 GWTK 10MAR09
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
H H

F­02
1
5A

2 CAB­01

VM/PT­1.5 +15_PWR.SHUTTLE

G G
31
VM/PT­1.0 +15_R1 /1.C1
J19
VM/PT­1.0  

11

41

42

57
4

10

13

19

20

40

58
BR­1.0 CAB12

BR/AM­1.0 CAB19
BR/PT­1.0 GND­CAB19

VD/AM­1.0 CAB19
BR­1.0 LEVEL­CAB19
AZ­1.0  

VM/PT­1.0 5V­CAB19
MR­1.0  

VM/PT­1.0  

VM/PT­1.0  
F F
AZ­1.0 TOC

INTERUPTOR TOPO PEDAL DA EMBREAGEM
AM­1.0 BOC

2
1

1
3

3
MR­1.0 BOC

SIGNAL

SIGNAL
CAB­19

1
3
J21

GND

GND

VM/PT­1.0  
+15

+15

INTERRUPTOR INFERIOR EMBREAGEM
BOC
CAB­44 CAB­12 TOC 1
ACELERADOR

PT­1.0  
E 2 E
POTENCIOMETRO EMBREAGEM 3

2
MR­1.0 BOC
5

2
J22
VD/AM­1.0 CAB19
4

VD/AM­1.0 CAB19
6
/1.C4GND­02

ALAVANCA REVERSORA

D J36 D

VALVULA SOLENOIDE REVERSORA
2 CAB­50
VM/AM­1.0 TR24 3 VM/AM­1.0 TR24

CAB19
TR­24
1 CAB­50
PT/AM­1.0 TR24_RETURN 4 PT/AM­1.0 TR24RETURN

VM/AM­1.0 CAB19
VD/AM­1.0
C SOLENOIDE VALVULA TRANSMISSAO C
2 CAB­50
VM/AZ­1.0 TR25 1 VM/AZ­1.0 TR25

TR­25

1 CAB­50
PT/AZ­1.0 TR25_RETURN 2 PT/AZ­1.0 TR25RETURN

SENSOR TEMPERATURA OLEO TRANSMISSAO CAB­50 31

20
PT­1.0   PT­1.0   /1.B1

1
5

3
8
1

B °C B
CAB­151
TR­22
2

CAB­50
VM/VD­1.0 TR22 7 VM/VD­1.0 TR22
21

NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 POWER SHUTTLE
CAB­150 DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN TRANSMISSAO
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25

5 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
XC LPN­28138 GWTK 10MAR09
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
CAB­150
H H

25 CAB­50 TR­40.2 VALV SOLENOIDE 4x4


TR­40.1
AM/VD­1.0 TRACAO AM/VD­1.0 TRACAO AM/VD­1.0  
13 3 1
11
AM/PT­1.0 BLOQUEIO TR­15
8 2
PT­1.0  
7 CAB­50

12

G TR­40.2 VALV SOLENOIDE BLOQ DIFERENCIAL G
TR­40.1
AM/PT­1.0 BLOQUEIO AM/PT­1.0  
4 1

TR­14
TR­40.2 J43 2
TR­40.1
PT­1.0  
7

1
TR­01
TR1
/7.A1

F F

CAB­01

+58
/13.F8 CZ/VM­0.75  
E E
AM/VD­1.0 TRACAO
+58 46
/12.D3 CZ/VM­0.75   CZ/VM­0.75  
AM/PT­1.0 BLOQUEIO
CAB­67 47
CAB­66

OFF OFF
3

3
8

D D

PT/VM­1.0 FREIO_DIR

PT/VM­1.0 FREIO_ESQ
TRACAO 4X4  
BLOQUEIO DO DIFERENCIAL
7

31
/1.B1 PT­0.75  

VM/PT­0.75 BLOQ_TRACAO
D­2
2
C PT/VM­1.0   PT/VM­1.0   C

1
VM/PT­0.75 BLOQ_TRACAO

2
1 FREIO
PT­0.75  
/2.B1
2
PT/VM­1.0   PT/VM­1.0  

2
1
D­1

1
CAB­10 CAB­11

VM/PT­1.5 FREIO
B B

F­21
1
10A
2

2
FREIO FREIO

2
VM/PT­1.5 FREIO

+15 +15
/2.H1 BUSSBAR   BUSSBAR   /7.H1 NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 4WD DIFFERENTIAL LOCK
DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN TRACAO BLOQUEIO DIFERENCIAL
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25

6 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
XC LPN­28138 GWTK 10MAR09
+15 +15 01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
/6.A4 BUSSBAR   BUSSBAR   /12.H1
H H

F­20
1
10A

G G

VM/PT­1.0 +15_PTO

CAB­58

OFF

1
3
LIG­11
CON­03
F PT/AM­1.0   F
2 9

VM/PT­1.0  
ON/OFF 3

AM/AZ­1.0 TR13
CONTROLE PTO ON/OFF
INT. 3 POSICOES­ PTO
AM/PT­1.0 PTO

2
E E
CON­03
CAB69
/10.A6 VM/PT­1.0   VM/PT­1.0 +15_PTO
8
CAB­50
TR­02
BR/CZ­1.0 TR02 BR/CZ­1.0 TR2
1 28

VELOCIDADE PTO
PT­1.0  
CAB­50
D TR­09 D
BR/CZ­1.0 TR­09 BR/CZ­1.0 TR­09
1 19

VM/PT­1.0 +15_PTO
2

VELOCIDADE PTO

PT/AM­1.0 LIG11
PT­1.0  

31 CAB­50
/4.G3 TR­40.2 TR­40.1
AM/AZ­1.0   AM/AZ­1.0 TR02
1 6 9
C TR­13 C
PT/AM­1.0 TR12
2
VALV SOLENOIDE FREIO PTO
J34
AM/PT­1.0 PTO

AM/PT­1.0 PTO
PT­1.0  

23

36
9
TR­40.2 CAB­50 J32
TR­40.1
PT/AM­1.0   PT/AM­1.0 TR12 PT/AM­1.0 TR12
B 1 5 10 B
TR­12

37
33

30
16

2 CAB­151
VALV SOLENOIDE PTO
D­4
31
PT­1.0   /1.B1 PT­0.75   PT/AM­1.0  
2 1 CAB­150
NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
TR1 CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
/6.F8  NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 PTO
DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN PTO
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25

7 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
XC LPN­28138 GWTK 10MAR09
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
H H

CAB­01

G +15 G
/4.G4 VM/PT­1.0 +15_SENSORES

56

55
CAB­50

15
F F

VM/PT­1.0 +15_SENSORES

BR/AM­1.0 TR17
BR/VD­1.0 TR16
TR­11

VM/PT­1.0  
1 CAB­50
TR­40.2 TR­40.1
BR/AZ­1.0   BR/AZ­1.0 TR11
2 8 23
E INTERRUPTOR PRESSAO BAIXA E

TR­16 J42 TR­40.2 TR­40.1


VM/PT­1.0   VM/PT­1.0  
1 12 CAB­50
TR­40.2 TR­40.1
BR/VD­1.0   BR/VD­1.0 TR16
2 11 21

INTERRUPTOR PRESSAO OLEO LUBRIFICANTE

D D

TR­17
VM/PT­1.0  
1 CAB­50
TR­40.2 TR­40.1
BR/AM­1.0   BR/AM­1.0 TR17
2 10 22

INDICADOR SATURACAO FILTRO OLEO TRANSMISSAO­LS HYDRAULICS

BR/AZ­1.0 TR11
C C

35
B B

CAB­150

NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 LS HYDRAULICS
DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN HIDRAULICA LS
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25

8 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
L­30 XC LPN­28138 GWTK 10MAR09
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
H OFF H
L­15 4k7Ω
AC­09

2
AC­06
LEVANTE SOBE/DESCE

464Ω
1
2
3

17
7

2
18

3
AC­13

11
2

12

17
5

10

14

15

16

1
PT/AM­1.0 L15

BR­1.0  
2
3
LR­1.0 L15

1
VM/AM­1.0 LK_SENSOR

BR­1.0  
G AM­1.0 L15 VM­1.0   G

LR­1.0 L7
VM/AM­1.0 L15

PT­1.0  
AZ­1.0 L6
LR/AZ­1.0 L15
AZ­1.0 L15 PT­1.0  
CON­04
AZ­1.0 CON­04
1
CON­04
AM­1.0 CON­04
31 2
/12.C3
CON­04
J24 LR­1.0 CON­04
3 AC1

BR­1.0  

BR­1.0  
2 VM/AM­1.0 LKSENSORS VM­1.0  
AZ/MR­1.0 L6 9 AC1
3 MR/BR­1.0 LKSENSORS PT­1.0  
F 10 F
LR/MR­1.0 L7 LR/MR­1.0 L7 AC1
4 CZ­1.0 AC13
11
5 AC1
J30 VD­1.0 AC9
AZ­1.0 L6 12
6 LIG­06
J29

VD/BR­1.0 L15
AZ­1.0  
10 2

11 AM­1.0  

AM­1.0 L30
1

LR­1.0 L7
L­13 16 LIG­07
E E
AM­1.0  
17 1

18 LR­1.0  
L­14 L­14A 2
19 AZ­1.0 L06 AZ­1.0   SL­02
9 9 1
21

22 R­02
R2
L­14 L­14A 2
D 24 1 AZ/MR­1.0 L06 MR­1.0   D
510Ω 11 11
1/2W R2_3 L­14 L­14A
30 AZ­1.0 L07 LR­1.0   SL­01
1 10 10 1
31 R­03
BR/VM­1.0 L3

R3

32 1 510Ω
1/2W L­14 L­14A 2
33 LR/MR­1.0 L07 MR­1.0  
2 2
36
MR/BR­1.0 LK­SENSOR 1 POS
C 41 PT­1.0   C

F
J31
L­14 L­14A 2
BR/VM­1.0 L03 BR/VM­1.0  
5

U
5 3
VM­1.0  

L­14 L­14A 3
VM/AM­1.0 LKSENSORS VM/AM­1.0 LK_SENSORS VM­1.0  

F
6 J10
L­14 L­14A 6 2
BR/AM­1.0 L4 BR/VM­1.0   BR/AM­1.0   RH

U
7 7
B L­14 L­14A 1 B
MR/BR­1.0 LKSENSORS VD/AM­1.0 LK_SENSORS PT­1.0  
4 4 J5

3
VM­1.0  

F
L­14 L­14A 2
BR/VD­1.0 L5 BR/VD­1.0   BR/VD­1.0   LH

U
8 8
1
PT­1.0  
NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 LINKAGE
DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN LEVANTE
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25

9 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
XC LPN­28138 ADDED REFERENCE (D3) GWTK 10MAR09
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
H H
+30
/3.H6 CAB­01
BUSSBAR   CAB­16
CAB­15
AM­1.0 CAB16
1 1

2 2

F­11 3 3
1
10A VM­1.0 CAB16
4 4
G G
2 BR­1.0 CAB16
5 5
AZ­1.0 CAB16
6 6
VD­1.0 CAB16
7 7
CZ­1.0 CAB16

21
27

52

22

12
68

23

26

36

35

34

24
8
LR­1.0 CAB16 TECLADO CONTROLE MATRIZ PONTO
9

PT­1.0  
AZ/VM­1.0 F.AR

CZ­1.0 P­02

BR­1.0 BZ1
VM­1.5 +30_CAB1

LR/AZ­1.0 T­02
F F
VD­1.0  

BR­1.0  

CZ/VM­0.75   +58
CZ/VM­0.75   /2.H4

AM­1.0 LE­01

VM/BR­1.0 FREIO_MAO

CON­01

15
/1.C4

CON­01
GND­02

3
R.LAMPS
/2.H2
BR­1.0 CAB31

/1.C4
E E
GND­02 CAB­151
L.LAMPS
/2.H2
J44
+15
/1.G7 VM/PT­1.5 +15CAB1
AZ/VM­1.0 F.AR

VM/BR­1.0  
19
AZ/VM­1.0 F.AR

CON­01

CON­03
13

AM­0.5  
D D

CZ­0.5 P.O.MOTOR
F.AR
/18.F3
CON­01

14

VM/BR­1.0  
LR­0.5 TEMP­H2O
AZ­0.5 F.AR
VM/PT­1.0  

C C

LE­01.1
PT­0.5  

1
2

2
2
1

CAB­31 BZ­01 CAB­69


P­01 T­02 P­02 LE­01

P
B SENSOR NÍVEL DE COMBUSTIVEL B
1 FREIO DE MAO
FILTRO DE AR
2

SIRENE
INTERRUPTOR SELETOR DISPLAY
1

SENSOR TEMPERATURA DO ÓLEO
PT­0.5  

SENSOR TEMPERATURA DA ÁGUA
CAB69 GND­03.1
VM/PT­1.0,VM/PT­1.0  ,  /7.E1

+15
VM/PT­1.0 BZ1 /1.G7 NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 DCC2 SUPPLY / DOTMATRIX
DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME
GND­03.1
PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN ALIMENTACAO DCC2 / DOTMATRIX
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25

10 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
XC LPN­28138 ADDED SPLICES CANH1, CANH2, CANH3 GWTK 10MAR09
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
H H

CAB­01

G G

39

16
F F

AM­0.75  
VD­0.75  
CAB­151

CANL1
VD­0.75  
39
E CANH1 E
AM­0.75  
40

VD­0.75  

AM­0.75  
D CAB­150 D

CANL2
VD­0.75  
39

AM­0.75   CANH2
40
VD­0.75  

AM­0.75  

C C

CANL3
CAN­L
VD­0.75   /15.E8
CANH3 CAN­H
AM­0.75   /15.E8
VD­0.75  

AM­0.75  

B B
40
39

L­13

NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 CAN NETWORK
DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN REDE CAN
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25

11 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
XC LPN­28138 CHANGED REFERENCE (E3) GWTK 10MAR09
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
H H
+15 +15
/7.H3 VM/PT­6.0   /1.F7
+15 RADIO
/14.F2
BUSSBAR  

CON­06
POWER

+30 VM/PT­1.0 +15_RADIO >>


/3.H6   BUSSBAR VOL

2
FM   102.3 MHz
>>
+30
/2.H1 BUSSBAR   CZ­1.5 REAR_WASHER VOLUME

+30+ ­
RADIO
F­19 F­13 VM/CZ­1.5  
1 1
20A 10A
G 0 G
2 2

I SW­13 F­08 /13.G5


+58

 
1 SW­14
15A

VM­1.5 RADIO
CON­06 B L
OFF

VM­1.5 +30_RADIO
4
1
8

3
VM/PT­2.5 A­C VM/PT­2.5 FAN
1 1 II 2

PT­1.5  

1
2
4
3
VM/BR­1.0 REAR_WIPER_STOP
III
1

C H M
T­04

VM­1.5  
2

PT­1.5
F F

5
31
/13.F5

CON­07

VM­1.5  
VD­1.5 +30_DIAG­LIGHTER

PT­1.5  
GND­05
2

VM/PT­1.5 +15_REAR_WIPER VM/BR­1.0


VM/BR­1.0
   

6
TERMOSTATO AC
CZ/BR­1.5  

SPK­01

VM­0.75 DOME_LIGHT
E ­ E

VM­1.0 +30_R_WINDSHIELD
+
CON­07

+30
/15.F8 VD­1.0 +30_DIAG­LIGHTER
9
VD/BR­2.5  

+30
VM/PT­1.0 F.ROTATIVO /14.F1 SPK­02

CON­07
2

1
+58 +58 ­

3
/6.E1 CZ/VM­0.75   /13.D8
+
2
3

CZ/VM­0.75  
LG­01 +58
CON­01

/13.H3

CZ/VM­0.75  
D D

VM/PT­1.0 BEACON
SW­15
7
 

VM­1.5  
BOMBA LAVADORA
M­06
ACENDEDOR DE CIGARRO 
VD/BR­2.5

INTERRUPTOR DA PORTA

2
VM­1.0 DOME_LIGHT
OFF
2

4
1

8
P­04.
1 2 3 L­16
INTERRUPTOR DE PRESSAO AC
CN­06

1
C C

S­02
OFF
/13.B6

CONECTOR LIMPADOR TRASEIRO
/4.G3
/4.G6
/4.B3

2
/9.F4

3
FAROL GIRATÓRIO
PT­1.5  

M­08

7
3
L­11
31
31
31
31
31
1

VD/BR­1.5   LUZ INTERNA CABINE
1
VD/BR­1.5   5W

FAROL GIRATÓRIO
PT­1.0  
PT­1.0  
PT­1.0  
PT­1.0  
PT­1.0  

black
black

PT­1.5  
1

1
2

PT­0.75  
B 31 VM/PT­1.0 BEACON B
2
PT­1.5  

D­07 EMBREAGEM COMPRESSOR

PT­1.5  
J37

PT­1.5   31
/13.F2
PT­0.75  
2

NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
PT­1.5  

INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
1

DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 CAB ROOF
31 GND­05 TO 120 400 1000
/1.C8 DIMENSION ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

GND­04.1 PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN TETO CABINE
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25

12 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
XC LPN­28138 GWTK 10MAR09
01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
H H
L.PLACA
+30''.2 CZ/VM­2.5   /14.E1
+30''.3
1 F­16
1
10A
+58
CZ/VM­0.75   /12.D6
2

CZ/VM­0.75   +58
CZ/VM­1.5   /2.H2

G SW­11 SW­12 G

VM­6.0  

CZ/VM­1.5  
+58
CZ/VM­0.75   /12.G5
OFF OFF

CZ­0.75 WORK_LIGHTS
3

VM­6.0  
BR­1.0 FRONT_LIGHTS
+58
FAROL DIANTEIRO CZ/VM­0.75   /6.E1

CON­07
2

7
31
PT­0.75   /12.F5

8
F 31 F
/12.A6 PT­0.75   PT­0.75  
CZ­6.0  
BUSSBAR  

CON­06
F­25

7
F­26 1 1
15A
BUSSBAR  BR­6.0   CON­06 15A
BR­0.75 F.DIANTEIRO
5 2 2
F­28 F­27

CZ­0.75 F.SERVICO
1 1 CZ/VM­1.5   F.SERV
15A 15A CZ­1.5 F_SERV_TRAS /2.A1

CZ/VM­1.0  
E E

 CZ­2.5

 CZ­2.5
2 2 CZ/VM­0.75  

CON­06
BR­2.5  

BR­2.5  

CON­07
CZ­0.75 F.SERVICO

4
1
D­06
30
86

86
30

2
CZ­0.75 SIRENE
K­08
CON­07

K­07
CON­07

J2
7

+58
D CZ/VM­0.75   /12.D6 D
1

RELE FAROL DIANTEIRO

CZ­2.5  

CZ­2.5  
87

87
85

85
 

CZ/VM­1.5  

CZ/VM­1.5  
PT­0.75  
BR­2.5 FRONT_LIGHTS

31

CZ­1.5  

CZ­1.5  
D­05 PT­0.75   /14.F6
31
BR­2.5  

PT­0.75 /2.B1 1
2

1
CZ­0.75 SIRENE

2
L­22 L­23
C C
L­19
L­20

FAROL TRASEIRO LD
BR­1.5 L17­18

FAROL TRASEIRO LE
BR­1.5 L12­L13
L­14

2
1

1
CZ­0.75 SIRENE CZ­1.0 SIRENE
1

J23

1
19
L­17 L­21 L­18 PT­0.75   PT­0.75  
L­12
BZ­03 LUZ DA PLACA
CZ­0.75 SIRENE

SIRENE

PT­2.5  
B B

PT­2.5  
2

PT­1.5   PT­1.5   L­14


31
FAROL DIANTEIRO LE FAROL DIANTEIRO LD PT­1.0   PT­1.0   /12.C3
18
PT­2.5  

11

GND­05
PT­2.5   NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
5 INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
31 DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
PT­2.5   PT­2.5   PT­1.5   /1.B1   [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A CON­07 CAB­151 TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL OVER 120 400 1000
 METRIC 10/03/09 ILLUMINATION
DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN ILUMINAÇÃO
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25
GND­07 GND­05 13 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 EXPERIMENTAL RELEASE GWTK 28JAN09
XC LPN­28138 GWTK 10MAR09
BR­1.5 FAROL_TRAFEGO
+30 01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09
/1.F7 VM/PT­6.0   BUSSBAR  

4
H H
CAB­17 56 30 Sx Dx 31 53b 53 J 53C
+58
F­14 F­15 CZ/VM­0.75   /14.E1 I O
1 1 J
15A 10A II
+58
CZ/VM­0.75   /2.H4
2 2
+30'.4 56b 56a L H
VM­2.5  
1

VM/PT­1.5 CLOCK

6
VM/PT­2.5 +15_LANTERNA
VM/PT­1.0 F.ROTATIVO

G G
AM­1.5 FAROL_BAIXO BR­1.5  
OFF VM­2.5  

86

86

30
30
+15
/12.H3 K­05. K­06.

SW­05

2
+30 FAROL AUXILIAR
/12.D6 RELE FAROL BAIXO RELE FAROL ALTO
F F

87

87
85

85
BR­2.5 F.SERVICO 31 31
/1.C5 PT­0.75   /13.C5 PT­0.75  

PT­0.75  

BR­2.5  
PT­0.75  

AM­1.5  
PT­0.75  

F­18

BR­1.5 L­02
BR­1.5 L03
1 15A
F­17
1
15A
2
E GND­02 2 E

BR­1.5 F_ALTO
L.PLACA
/13.H8 CZ/VM­2.5  

AM­1.5 F_BAIXO
+58
/14.H4 CZ/VM­0.75   SW­04

OFF
6
8

CON­01

CON­01

11
12
D D
2

2
L­03

AM­1.5 F.BAIXO
7
2

BR­1.5 F.ALTO
L­02
TECLA SINALEIRA

FAROL AUXILIAR LE FAROL AUXILIAR LD
VM/PT­1.5  

VM/PT­1.5  

J6
31 31 J1
/2.D4 PT­0.75   PT­1.5   /2.D4

AM­1.5 F.BAIXO

AM­1.5 F.BAIXO
BR­1.5 F.ALTO

BR­1.5 F.ALTO
C C
PT­1.5  

PT­1.5  

J20

1
3

1
3
L­08 L­01

B B

GND­02
2 FAROL DIANTEIRO FAROL DIANTEIRO

2
PT­1.5  

PT­1.5  
NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
GND­03.1  NOMINAL
 METRIC
OVER 120 400 1000
10/03/09 ILLUMINATION
DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO
0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN ILUMINAÇÃO
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION
EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25

14 de 19 ET0136032 XC
ANGULAR ± 0   30'
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 ADDED SHEET GWTK 10MAR09

+30''.5 01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09


+15
/1.H7 VM/PT­1.5 +15_AUTO VM­1.5 +30_AUTO
H H

F­29 F­30
1 1 CON­100
10A 10A
VM/PT­1.0 +VCC_VALVULA /16.G1
A

VM/PT­1.0  
2 2

VM/PT­1.0  
VM­1.0  
CON­10 CON­10
VM/PT­1.5 +15_AUTO VM­1.5 +30_AUTO
G 7 6 G

VM/PT­1.5 +15_AUTO

VM­1.5 +30_AUTO
OFF GPS
AUTO

10 4 8 12

J41 CON­28
VM­1.0   VM­1.0 +VCC_AUTOGUIDE
1 SW­20
9 2 7
J1 AUTOGUIDE SWITCH
VM­1.0 +30_AUTO
F F
VM­0.5  
VM­0.5  

CON­28 J2
VM/PT­0.5  

VM/PT­0.5 +15_AUTO VM/PT­1.0 +15_AUTO


7
+30
VD­1.0 +30_DIAG­LIGHTER /12.E3
CON­08 VM­1.0 +30_AUTO /18.H1

CON­10
CAN­L

18
VD­0.75   /16.F1 VM/PT­1.0 +15_AUTO /18.H1 VD­0.75   /11.C5
E PT­1.0  
CON­08

A
B
K

CAN­H
AM­0.75   /11.C5
VM/PT­1.0 +15_AUTO
AM­0.75   /16.G1
F
CANL4

VD­1.0 +30_DIAG­LIGHTER
E E
10

CAN­L
7
8

VD­0.75   /18.B3

VM/PT­0.75 +15_AUTO

VM­1.0 +30_AUTO
CON­08 CANH4 CAN­H

VM­1.0 +30_AUTO
AM­0.75   /18.B3
G 17
35 AG2
L AM­0.75  
M 25
VD­0.75  
AZ/AM­0.5  

18
28
AZ/VD­0.5  

VM­0.75 +30_AUTO VD­1.0  

C
BR/PT­0.5  

D
CON­08

B
H
J
D
C

D D
PT­0.5  
2

20
1

9
DIAG­04
5 2 3 PT­0.5   DIAG­02
AM­0.75  
VD­0.75  

4
DIAG­01
GPS/AUTO­GUIDE DIAGNOSTIC C1000 C2000

C
A

A
J7 PT­0.75   PT­0.5  

17
28

5
9

AM­0.75   /16.C1

VD­0.75  
C C

AM­0.75  
J5

VD­0.75  

PT­1.0  
VD­0.75  

AM­0.75  

PT­0.75  

AM­0.75  
CON­28 VD­0.75   /16.D1

PT­0.5  
VD­0.75  

10
AM­0.75  

VM­1.0  

CON­28 J25 J20


VD­0.75   VD­0.75   VD­0.75   VD­1.0   VD­0.75   VD­0.75   /19.D1
2 J13 J17
A
E
F

CON­28 J12 J18 J24


AM­0.75   AM­0.75   AM­0.75   AM­1.0   AM­0.75   AM­0.75   /19.D1
B 3 J21 B
TBC
CON­28 VD­0.75   /18.E3
J42 PT­1.5  
PT­1.5  

6
AM­0.75   /18.E3
B
D
C

CON­28
/19.E1 VM­0.75   VM­0.75  
8 /2.C8
/19.E1 PT­0.75   PT­1.0  
PT­0.75   GND­04.3
9 NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER
CON­10 J46 DIMENSIONS:  MILLIMETER OR REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A PT­2.5   PT­2.5   PT­1.5   PT­0.5,PT­0.5 /18.C4 TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A
9 J3 CAT NO/FAMILIA DRAWN DATE TITLE
 NOMINAL
PT­1.0,PT­1.0,PT­1.0 /18.C2  METRIC
OVER 120 400 1000
10/03/09 AG/RK/VRT ELECTRIC DIAGRAM
/18.G2 DIMENSION TO 120 400 1000 ORIG PROD DESIGN CONTROL NOME

J19 CON­100 PROCESS SPEC./ESPEC.PROCESSO


0 OR 1 DECIMAL ± 0.8 ± 1.2 ±2 ±3 CAN DIAGRAMA ELETRICO AG/RK/VRT
/1.C4 PT­1.5   PT­1.5   PT­1.5   /16.B1 EP.A01 2 DECIMALS ± 0.25
EXP NO/PROJETO WEIGHT (kg/lb) SHEET DRAWING NO REVISION

ET0136032 XC
GND­02 B ANGULAR ± 0   30' 15 de 19
E³.SERIES
1 2 3 4 5 6 7 8
1 2 3 4 5 6 7 8
REV ECO/ECN DESCRIPTION BY DATE
LPN­28138 ADDED SHEET GWTK 10MAR09

01 LPN­28138 RELEASE TO PRODUCTION GWTK 28APR09


H H

/15.H8 VM/PT­1.0 +VCC_VALVULA


G G
J37

J4

VM/PT­1.0 VALVULA
VM/PT­1.0 SASA
/15.E3 AM­0.75   AM­0.75  
A

POT­01
R­04
WHEEL ANGLE SENSOR

2
J6

2
/15.E3 VD­0.75   VD­0.75  
F B F
VD­0.75  

AM­0.75  

SASA PVED­GY PVED­BK

3
1

2
4

3
1
4

3
CON­28

PT­1.0  

E VM/AM­1.0   E
AM­0.75  

BR­1.0  
VD­0.75  

AM­0.75  

VD­0.75  

PT­1.0  

VD­0.75  

AM­0.75  

PT­1.0  
D CON­100 J32 J35 D
/15.C8 VD­0.75   VD­0.75   VD­0.75   VD­0.75   VD­0.75  
J23 T B

R­05

J34
/15.C8 AM­0.75   AM­0.75   AM­0.75   AM­0.75   AM­0.75  
J22 D J31 A

C C

J36
/15.A5 PT­1.5   /18.A1

B B

NOTICE: THIS DOCUMENT CONTAINS PROPRIETARY
INFORMATION, AND IT SHALL NOT BE USED OR
MILLIMETER REPRODUCED OR ITS CONTENTS DISCLOSED IN
DIMENSIONS:  MILLIMETER OR
  [INCH] TR REF/SIMILAR DESIGNER
WHOLE OR IN PART, WITHOUT PRIOR WRITTEN
A TOLERANCES NOT SPECIFIED GWTK CONSENT FROM AGCO CORPORATION
A