Vous êtes sur la page 1sur 22

CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS

ABERTOS

AUTOR: MARCOS TURIM

Discipulado bíblico para novos convertidos.


convertidos. Desenvolvido
com temas objetivos e claros para aquelas pessoas que
estão dando seus primeiros passos na sua vida cristã.

MANUAL DE CONSOLIDAÇÃO
CONSOLIDAÇÃO

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, 1


CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

CÉUS ABERTOS
ABERTOS
A bíblia ensina que precisamos nascer de novo, não naturalmente,
mas sim espiritualmente, ela também nos ensina que temos que ter
a mente de Cristo, isto é nascer da palavra de Deus, pois o que Ele
pensa está escrito na sua palavra.

Este discipulado nos levará a um tempo de bênção e aprendizado na


presença do Senhor, reflita bastante, pois são aulas de extrema
importância para o seu crescimento na vida cristã.

AJUDA PARA O CONSOLIDADOR PÁGINA

CONSOLIDANDO UMA VIDA..................................03

TEMAS PARA O DISCIPULADO PÁGINA

1º SEMANA – O PLANO DA SALVAÇÃO........................04

2º SEMANA – VENCENDO O PECADO..........................07

3º SEMANA – SE FORTALECENDO COM ORAÇÃO E PALAVRA.......09

4º SEMANA – SE FORTALECENDO COM JEJUM E UNIDADE........11

5º SEMANA – FIRMANDO RELACIONAMENTOS...................13

6º SEMANA – ORDENANÇAS DE JESUS........................16

7º SEMANA – PERSEVERANDO NA CAMINHADA..................19

8º SEMANA - LEVANDO DA SEMENTE DE DEUS.................21

Vamos estar juntos neste discipulado por oito semanas, e a minha


oração que é que Deus possa se revelar a você neste período, que Ele
possa firmar seus passos e te dar grandes direções e vitórias no
Senhor.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, 2


CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

CONSOLIDANDO UMA VIDA

Você foi chamado a fazer discípulos. Fazer discípulos não é apenas levar alguém a
confessar que Jesus Cristo é o Senhor. Isto é apenas o primeiro passo. Agora é necessário
ajudá-lo a estender o senhorio de Cristo em todas as áreas da sua vida.
Depois da Decisão, tem que vir a consolidação. É o segundo passo no processo do
discipulado. Consolidar é ajudar o novo crente a se firmar na sua decisão. É ser um
amigo, um companheiro que lhe estenderá a mão durante os primeiros passos da vida
cristã, apontando para o alvo: Ser a reprodução do Mestre.
Cada novo discípulo necessita de um consolidador. Você é o escolhido para essa tarefa
fascinante de ser canal e testemunha de uma grande transformação na vida desse
discípulo. Será um investimento que lhe renderá um elevado lucro espiritual. O Senhor do
Reino, Jesus, levará em conta essa sua expressão de amor por alguém por quem Ele deu a
vida: A saber o novo crente que acaba de lhe ser confiado.

1) O que é consolidar? Consolidar é fortalecer o novo crente, é colocar a palavra de


Cristo como base da vida dele, é tirar o que ele aprendeu errado no mundo e colocar o
que a bíblia ensina como verdade.

2) Como consolidar? Primeiramente tendo disposição de ensinar tudo o que Jesus nos
ensinou e ser realmente um apoio para o novo convertido. Ter comunhão, paciência,
compromisso e amor.

3) Quem o novo convertido vai imitar? Eu, se eu não for exemplo em tudo eu não posso
cobrar nada do novo convertido. Eu tenho que viver o que eu falo. Ele vai me observar e
fazer só o que eu faço.

VOCE CUIDA DO NOVO CONVERTIDO

Cuidar é uma palavra chave:


As pessoas serão tocadas mais pelo quanto você se importa com elas, do que o quanto
você sabe. Dentro desta palavra CUIDAR estão seis atitudes que determinarão seu
sucesso como consolidador.
C ompromisso
U nião
I ntercessão
D edicação
A mor
R esponsabilidade

AT 20.28 - Cuidem de vocês mesmos e de todo o rebanho que o Espírito Santo entregou
aos seus cuidados, como pastores da Igreja de Deus, que ele comprou por meio do
sangue do seu próprio Filho.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, 3


CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

1º SEMANA – O PLANO DA SALVAÇÃO


Muitos dizem que creem em Deus e dizem que Jesus é o caminho, mas você sabe por que
Ele é o caminho e a salvação vem por meio dele?
Vamos entender agora como era a vida do homem entes do pecado, depois do pecado e
porque Deus enviou Jesus para nos salvar do pecado.

O homem antes do pecado:


Quando Deus criou o homem, o criou sem pecado, puro e com autoridade para dominar na
face da terra, na época não existia morte, doença, medo, tristeza, guerra e fome, pois Adão
vivia num paraíso literal, cercado de vida por todos os lados.
Como não havia pecado no homem Deus conversava com ele a cada viração do dia. Era
tremendo, pois Adão tinha comunhão com Deus face a face, era uma vida maravilhosa que
nem da para imaginar.
O homem naquela época tinha uma vida muito favorável, ele era beneficiado com a vida
abundante de Deus.
Gn 1.26 E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa
semelhança; domine ele sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu, sobre os animais
domésticos, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se arrasta sobre a terra.
Gn 1.29 Disse-lhes mais: Eis que vos tenho dado todas as ervas que produzem semente,
as quais se acham sobre a face de toda a terra, bem como todas as árvores em que há
fruto que dê semente; ser-vos-ão para mantimento.
Podemos ver até aqui que Adão tinha uma vida perfeita, com Deus ao seu lado, com
autoridade sobre a terra e com toda sorte de bênçãos a seu favor.

O homem Depois do pecado:


Neste jardim o homem vivia uma vida perfeita, ele desfrutava de tudo que Deus havia
criado, então num belo dia ele foi tentado a fazer a única coisa que Deus não permitiu
fazer, que foi comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mau. O homem (Eva
comeu e depois deu a Adão) foi tentado pela serpente, e desobedeceu a Deus. Ele mostrou
que seu coração não era fiel a Deus.
O homem caiu e passou a autoridade que havia recebido de Deus para satanás, aí a morte
entrou no mundo, também a tristeza, guerras, fome, doenças, e tudo o que estamos vendo
hoje em dia. A partir dessa desobediência a terra conheceu a maldição e ficou maldita por
causa do homem e não somente a terra, mas ás gerações futuras também seriam afetadas
pela escolha errada de Adão.
Em decorrência dessa atitude, Deus teve que expulsar o homem do paraíso, ficando assim
o homem separado de Deus e sem esperança de salvação.
Gn 3.17 E ao homem disse: Porquanto destes ouvidos à voz de tua mulher, e comeste da
árvore de que te ordenei dizendo: Não comerás dela; maldita é a terra por tua causa; em
fadiga comerás dela todos os dias da tua vida.
Gn 3.18 Ela te produzirá espinhos e abrolhos; e comerás das ervas do campo.

O pecado entrou no mundo e foi passando de geração a geração, porque somos


descendência de um homem pecador e como consequência pecadores. O homem já nasce
com tendência e propensão para o mal.
Quando nós éramos crianças, éramos inocentes, porém à medida que crescemos nós
acabamos conhecendo o certo e o errado e escolhemos fazer ás coisas erradas, ficando
assim separados de Deus, mortos espiritualmente e destinados ao inferno.
O homem quando peca uma só vez, fica separado de Deus, perde o relacionamento e
recebe em si os frutos da sua desobediência.
Se todos pecaram, qual seria então a solução para os pecados da humanidade?

*Deus envia Jesus para salvar:

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, 4


CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

Para resolver o problema do pecado Deus criou um plano para resgatar o homem, porque
sozinho o homem não conseguiria ser salvo, nem mesmo boas obras e boas ações
poderiam salvar o homem, pois um só pecado nos condena e não há como tirar o pecado.
Rm 3.23 Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus;

Vendo Deus que o primeiro homem (Adão), não foi fiel, planejou então a criação do
segundo homem (Jesus), um que fosse fiel e cumprisse seu propósito. Assim Deus enviou
Jesus, e o diabo o tentou como tentou Adão. Tentou fazer com que Ele tivesse pecado, mas
não conseguiu. Jesus foi humilhado, cuspido, maltratado, negado, mas Ele não podia
pecar. (aqui está à chave) Se Jesus tivesse cometido pecado não poderia nos salvar. O
diabo matou um inocente que não merecia a morte, pois não tinha pecado, então Jesus
ganhou poder para ressuscitar e para salvar a humanidade. Assim sendo o diabo perdeu
sua autoridade, tendo que entregá-la para Jesus.
Rm 6,23 O salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em
Jesus nosso Senhor.

Então quer dizer que um dia o pecado me matou e eu mereço a morte e o inferno, pois eu
pequei, e todo mundo pecou, mas Jesus venceu o pecado e é o remédio para me curar do
pecado e me dar salvação eterna.
O único que pode salvar é Jesus, Ele é o único que não pecou e conseguiu vencer a morte.
Conhecendo o evangelho resta-nos então fazer a nossa parte, que é se arrepender dos
pecados e entregar nossas vidas a Jesus para termos a vida eterna.
Jo 3.16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para
que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

Quando Jesus morreu na cruz Ele levou nossos pecados e ás maldições referente ao nosso
pecado e por sua morte derrotou a satanás. Com isso ganhou a autoridade para sempre, a
vida pertence a Jesus, e Ele a dá a todos aqueles que o receberam em suas vidas e que
creem na sua palavra ao ponto de pratica-la.

Precisamos de arrependimento:
O arrependimento vem quando reconhecemos nosso pecado diante de Deus, quando
entendemos que somos pecadores e precisamos de ajuda para vencer do pecado.
A salvação vem pelo arrependimento, o arrependimento vem pela consciência do pecado e
a consciência do pecado vem quando somos confrontados pela lei de Deus.
Muitas vezes a nossa consciência nos acusa de ter errado contra Deus e contra as pessoas.
Normalmente nós já sabemos o certo e o errado, e quando pecamos nos sentimos culpados
e temos vergonha de se aproximar de Deus, isso porque quebramos a lei que já existe em
nós.
Arrependimento é aquilo que nos incomoda tanto que nos faz querer mudar. Uma vez que
o homem crê na obra salvadora de Jesus por ele, se arrepende dos pecados cometidos e
aceita essa obra, (o sacrifício de Jesus) ele é imediatamente justificado, torna-se puro
diante de Deus e então Deus pode cumprir o seu propósito de unir-se ao homem, e passar
sua vida para ele.
At 3.19 Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos
pecados, de sorte que venham os tempos de refrigério, da presença do Senhor,
IJo 1.9 Se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo para nos perdoar os
pecados e nos purificar de toda a injustiça.

Precisamos aceitar Jesus como Senhor:


Portanto, o homem tem ainda que aceitar a vida de Cristo em sua vida para que a salvação
seja completa. Isso só é possível porque Jesus ressuscitou, pois um morto não pode dar

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, 5


CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

vida a outro morto. No terceiro dia após sua morte, Deus enviou o Espírito Santo que é o
doador da vida, que tocou em Jesus, ressuscitando-o dos mortos.
Quando recebemos a vida de Jesus em nossa vida, quem vai viver agora não somos mais
nós e sim Jesus. Paulo disse: “E não vivo mais, mas Cristo vive em mim” Gal. 2:20.
Essa vida é um processo natural, na medida em que deixamos Cristo viver em nós, tudo o
que Ele é se manifestará em nós. Ou seja, a sua pureza, seu caráter, sua justiça, seu amor,
enfim, tudo o que Ele é.
Jo 1.12 Mas, a todos quantos o receberam, aos que creem no seu nome, deu-lhes o
poder de se tornarem filhos de Deus;

APLICAÇÃO

Atitudes a serem tomadas.

• Aceitar a Jesus como Senhor e salvador, entregar a vida no controle de Deus e


entender que alguém morreu no meu lugar e agora você tem uma dívida de
gratidão.

Agora mesmo, onde quer que você esteja, dirija-se ao Senhor Jesus em oração. Diga-lhe
que a partir deste momento, você quer crer nele e peça-lhe perdão pelos seus pecados.
Solicite-lhe de maneira concreta para entrar em sua vida. Diga a Ele que a partir de agora
Ele será seu Senhor e Mestre, e que de hoje em diante você está entregando a direção de
sua vida a Ele. Aceitar a Jesus é concordar em viver no que Ele ensinou e acreditar no que
ele fez na cruz.
Agradeça ao Senhor Jesus Cristo por Ele ter morrido na cruz em seu lugar e por ter pago
sua dívida. Agradeça-lhe também que Ele ressuscitou dos mortos para dar a vida eterna a
você. Em João 1.12 está escrito: "Mas a todos quantos o receberam deu-lhes o poder de
serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que crêem no seu nome". Receba a salvação
pela fé e de coração agradecido!

Oração Modelo
Senhor Jesus neste momento eu te recebo como único Senhor e salvador, entra no meu
coração, perdoa todos os meus pecados e escreve meu nome no livro da vida, eu quebro
em teu nome toda maldição do passado e tudo que me prendia ao pecado, a partir de
agora eu passo a ser filho de Deus, herdeiro das promessas da cruz e participante da
grande família de Deus, em nome de Jesus Amém.

• Procure lembrar os pecados do passado e reconheça que foi por eles que Jesus
morreu.
• Confesse os pecados que você lembra a Deus em nome de Jesus, se arrependa
deles e procure não praticar mais. (Á medida que confessamos os pecados e os
deixamos, vamos conseguindo vencer, isso é uma prática diária).

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, 6


CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

2º SEMANA – VENCENDO O PECADO

Nesta lição vamos aprender a vencer o pecado, temos que aprender a reconhecer o pecado,
se arrepender dele e deixá-lo através da confissão e mudança de atitudes.

O que é o pecado?
O pecado é desobediência, é transgredir a lei, é fazer algo que Deus não autorizou. O
pecado trás separação de Deus, condenação ao inferno e todos nós um dia já pecamos e
necessitamos urgentemente de perdão, mas para receber perdão e conseqüentemente a vida
eterna, nós precisamos do sacrifício de Jesus Cristo em nossas vidas.
Quem nunca pecou que atire a primeira pedra, estas são palavras de Jesus. A primeira
coisa que precisamos reconhecer é que o homem é pecador, pois no passado já pecamos,
no presente talvez estejamos em pecado e no futuro possivelmente pecaremos, então
precisamos entender que é um mal e precisa ser tirado de nossas vidas.
1Jo 1.8 Se dissermos que não temos pecado nenhum, enganamo-nos a nós mesmos, e a
verdade não está em nós.
A nossa consciência tem uma base do que é certo ou errado, do que agrada e do que não
agrada a Deus. Quando erramos somos acusados por nossa consciência e nos sentimos
tristes e fracos, mas com o tempo nem ligamos para o pecado e nem dói mais e muitos
vivem dessa forma. Mas a verdade ensina que o pecado leva ao inferno e precisamos ser
livres do pecado.
Vamos ver o que a bíblia chama de pecado:
Gl 5.19 Ora, as obras da carne são manifestas, as quais são: a prostituição, a impureza,
a lascívia,
Gl 5.20 a idolatria, a feitiçaria, as inimizades, as contendas, os ciúmes, as iras, as
facções, as dissensões, os partidos,
Gl 5.21 as invejas, as bebedices, as orgias, e coisas semelhantes a estas, contra as quais
vos previno, como já antes vos preveni, que os que tais coisas praticam não herdarão o
reino de Deus.
Cl 3.5 Exterminai, pois, as vossas inclinações carnais; a prostituição, a impureza, a
paixão, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria;
Cl 3.6 pelas quais coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência;
Ap 21.7 Aquele que vencer herdará estas coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu
filho.
Ap 21.8 Mas, quanto aos medrosos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos
homicidas, e aos adúlteros, e aos feiticeiros, e aos idólatras, e a todos os mentirosos, a
sua parte será no lago ardente de fogo e enxofre, que é a segunda morte.
Vemos acima que a bíblia expõe e mostra o que é pecado, isso revela muito da nossa vida
e das nossas falhas. A bíblia mostra que todos nós já pecamos algum dia e é bom
reconhecermos nossas falhas para sermos curados. Reconhecendo nossas falhas nós
podemos nos arrepender do pecado e confessá-los á Deus.
Mt 4.17 Desde então começou Jesus a pregar, e a dizer: Arrependei-vos, porque é
chegado o reino dos céus.

O que é arrependimento?
Arrependimento quer dizer se voltar para outro caminho, pender para outro lado, é uma
tristeza segundo Deus que nos faz largar o pecado e ter aversão a ele, meio pelo qual Deus
usa para nos santificar e termos novas atitudes.
At 2.38 Pedro então lhes respondeu: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em
nome de Jesus Cristo, para remissão de vossos pecados; e recebereis o dom do Espírito
Santo.
O pecado levou Jesus à morte, nosso pecado matou Jesus, em outras palavras somos
responsáveis por sua morte. Nós temos uma divida de gratidão para com Jesus e o que Ele

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, 7


CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

quer de nós é que nos arrependamos dos pecados que cometemos e assim teremos
salvação.
O arrependimento verdadeiro produz frutos, quem roubava não rouba mais, quem mentia
não mente mais, ás minhas palavras começam a mudar, minhas atitudes e minha mente
também, o arrependimento nos muda por dentro e por fora e teremos um bom testemunho.
A base do evangelho é o arrependimento, o convite do evangelho é o arrependimento.
O convite para vir até Jesus não pode ser uma vida boa, grande promessas e bênçãos, mas
deve ser “arrependei-vos e convertei-vos para que sejam apagados vossos pecados e
assim venham os tempos de refrigério da presença do Senhor. At. 3.19”.

Confessando os pecados:
Agora que conhecemos o pecado e nos arrependemos dele, precisamos confessá-lo e
receber o perdão pelo sangue de Jesus.
Pv 28.13 O que encobre as suas transgressões nunca prosperará; mas o que as confessa
e deixa, alcançará misericórdia.
1Jo 1.9 Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os
pecados e nos purificar de toda injustiça.
Faça neste momento uma reflexão dos pecados que cometeu e está cometendo, enumere
cada um deles á Deus, conte sobre seus pecados, e peça perdão a Deus em nome de Jesus.
Depois da confissão sinta-se perdoado, pois o sangue de Jesus é o sacrifício que perdoa
pecados, e foi por isso que Jesus morreu na cruz. Então creia no sangue de Jesus e fique
limpo.
Juntamente com a confissão vem o abandono do pecado, é uma decisão que cada um de
nós precisa ter. Quando você confessa e não abandona você torna o sacrifício de Jesus
inútil.
Mesmo sendo limpos pelo sangue de Jesus às vezes ainda erramos, mas precisamos
entender que no momento em que aceitamos Jesus deixamos de ser pecadores sem
esperança e nos tornamos santos pelo seu sacrifício. Agora somos santos que procuram
evitar o pecado, mas se ainda errarmos, o sangue de Jesus continua funcionado, então se
você pecar corra a Jesus e peça perdão, com certeza ele te perdoará, e Ele te dirá: Vá e não
peques mais.
A confissão nos ajuda a refletir sobre nossa vida e revela o grande amor de Deus por nós.
Sinta-se limpo agora, mas não esqueça que a caminhada continua e o pecado ainda nos
cerca, então vigie contra o pecado e mantenha uma vida de santidade para com Deus.

APLICAÇÃO

Atitudes a serem tomadas.


• Faça uma análise da sua vida, dos pecados cometidos, reconheça que foi por eles
que Jesus morreu.
• Arrependa-se dos pecados, das falhas, procure ter novas atitudes que demonstram
que você se arrependeu de verdade e é na pratica diária que vencemos o pecado,
pois a pratica nos leva a perfeição.
• Confesse seus pecados á Deus em nome de Jesus e sinta-se perdoado, limpo como
um filho de Deus que está preparado para a vida eterna, porque o que condena o
homem é o pecado, mas o sangue de Jesus limpa e nos dá salvação.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, 8


CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

3º SEMANA – SE FORTALECENDO COM ORAÇÃO E PALAVRA

O ser humano é formado de corpo alma e espírito, nosso corpo fala do nosso físico, com
ele sentimos o que acontece exteriormente, dor, frio, fome, etc. A alma fala das emoções,
usamos como exemplo a tristeza e a alegria, ela também fala do nosso temperamento,
personalidade etc. Agora o nosso espírito é um ser não material e invisível que tem a
capacidade de se relacionar com Deus e se manifesta através das nossas intuições,
pensamentos etc.

Com esse entendimento gostaria de falar sobre o fortalecimento em Deus. Quando cremos
em Deus nos tornamos um ser completo, possuímos um espírito vivo, pois antes ele estava
morto por causa do pecado. Ao aceitar Jesus nós nascemos espiritualmente e podemos
assim nos relacionar com Deus através de nosso espírito. Isso porque Deus é Espírito.
O fortalecimento espiritual em Deus acontece igual o fortalecimento natural, nosso corpo
fica forte quando comemos. Geralmente tomamos o café da manhã, almoçamos e
jantamos, e essas refeições são suficientes para manter nosso corpo fortalecido e podemos
então trabalhar, fazer exercícios e praticar varias tarefas durante o dia, do mesmo modo o
nosso espírito também precisa se alimentar. Mas o espírito do humano se alimenta do que?

LEITURA DA BÍBLIA E ORAÇÃO

O espírito do homem se alimenta de práticas espirituais, ás quais são oração, leitura


bíblica, jejum, louvor, pregações, etc. Enfim, sempre quando nos envolvemos em práticas
espirituais estamos fortalecendo o nosso espírito e a nossa fé em Deus passa a crescer.
Tendo esse entendimento gostaria de falar de algumas práticas espirituais que precisamos
ter diariamente para manter nosso espírito alimentado, as quais são a oração e leitura
bíblica.

Ler e orar são exercícios sadios para a vida cristã, quando eu oro falo com Deus e ele fala
comigo, quando leio a bíblia fico conhecendo tudo o que Deus pensa, quais são seus
desejos e vontades, e também quais são seus mandamentos e suas promessas.
A leitura e oração precisam ser diárias, como ás refeições que temos, se nosso corpo é
fortalecido comendo, também nosso espírito se fortalece lendo e orando, e assim podemos
interagir melhor com Deus.

Oração:
Orar é falar com Deus, expressar nossos sentimentos, nossos pedidos, expor diante Dele
nossos anseios e também expressar louvor e gratidão. Na oração Deus fala através do
nosso espírito, Ele da a sua direção, dá respostas e entendimentos que precisamos para o
dia a dia.
Quando oramos estamos nos doando a Deus, fortalecendo nosso espírito, mortificando
nossa carne e somos livres dos desejos pecaminosos e assim entramos num processo de
santificação.

Leitura:
A leitura da bíblia revela o que Deus pensa e o que Ele quer da humanidade, ao lermos a
bíblia somos ensinados, corrigidos e recebemos um testemunho dos personagens bíblicos.
Também conhecemos ás promessas de Deus e seus mandamentos, enfim, a bíblia é o
manual do fabricante, nós fomos criados por Deus, nos tornamos seus filhos e agora temos
um manual que nos ensina a viver. Deus inspirou homens para escrever a bíblia, pois Ele
estava querendo que a bíblia chegasse até nós e ela é nossa parceira nessa caminhada
cristã.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, 9


CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

Alimento diário:
Jesus disse que ele é o pão da vida, Ele é o pão de Deus que desceu na terra para dar vida
ao mundo. Jesus também fala que Ele é o verdadeiro maná e que precisamos matar nossa
fome com esse pão. Os israelitas no passado também comiam do maná, mas aquele maná
era um simples pão, mas serve como um exemplo para nossos dias.
Êx 16.4 Então disse o Senhor a Moisés: Eis que vos farei chover pão do céu; e sairá o
povo e colherá diariamente a porção para cada dia, para que eu os prove se anda em
minha lei ou não.
Êx 16.14 Quando desapareceu a camada de orvalho, eis que sobre a superfície do
deserto estava uma coisa miúda, semelhante a escamas, coisa miúda como a geada
sobre a terra.
Êx 16.21 Colhiam-no, pois, pela manhã, cada um conforme o que podia comer; porque,
vindo o calor do sol, se derretia.

A bíblia nos conta sobre o povo que andou no deserto, eles eram o povo de Deus e Deus
os sustentava com maná, que era uma camada fina como escamas, que caia sobre o
orvalho do deserto todas as manhãs. O maná tinha gosto de pãezinhos de mel com azeite e
esse era o seu alimento diário. Todos os dias as pessoas saiam de suas tendas logo ao
amanhecer e colhiam o maná. Deus tinha estabelecido isso para o seu povo, e isso é um
simbolismo para agente no tempo de hoje. O maná significa a palavra de Deus, ela é o
alimento espiritual para nós que cremos e como no antigo testamento, precisamos colher
todos os dias o pão para nosso sustento. Os antigos tinham o maná para sustento do corpo
físico, mas nós temos o pão da vida que é Jesus, que sustenta nosso espírito.
O povo do deserto colhia o maná todos os dias, comiam o que era necessário e o que
sobrava era jogado fora, pois não servia para o outro dia, porque cheirava mal. Então
colhiam novamente no dia seguinte. Isso nos mostra que devemos colher nosso alimento
diário todos os dias, temos que ler a bíblia e orar, pois foi assim que Deus estabeleceu para
que tenhamos comunhão com Ele.
Jesus é o verbo de Deus que se fez carne e habitou entre nós, o verbo é a palavra, então
podemos entender que Jesus é própria palavra, e quando recebemos sua palavra,
recebemos o próprio Jesus.
Rm 10.17 Logo a fé vem pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Cristo.
Entendemos então que a fé cresce quando lemos a bíblia, ela também cresce quando
escutamos a pregação da mensagem e quando ouvimos da boca de Deus, pois a sua
palavra é o alimento da nossa fé. Também podemos conservar a fé quando meditamos na
palavra e guardando ela no coração.

APLICAÇÃO

Atitudes a serem tomadas.


• Estabeleça um tempo diário para orar, comece com 15 a 20 minutos e logo você
estará orando a Deus por um período maior.
• Estabeleça também um tempo diário para ler a palavra de Deus, leia de começo um
ou dois capítulos da bíblia por dia, e como sugestão você pode começar lendo o
novo testamento, marque onde você parou e continue no dia seguinte.
• Quando ler, procure meditar, sublinhar versículos que te dão melhor entendimento
e com o tempo e ajuda do Espírito Santo você terá mais conhecimento.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


10
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

4º SEMANA – SE FORTALECENDO COM JEJUM E UNIDADE


Essa é a continuação do ensino se fortalecendo em Deus que foi dado na aula passada.
Vimos na aula passada sobre a importância de fortalecer nosso espírito, através da oração
e leitura bíblica, e que isso deve ser uma prática diária para que possamos estar firmes e
bem alimentados em Deus.
Hoje vamos falar sobre outras práticas que nos fortalecem, que são o jejum, freqüência
nos cultos e a participação na célula.

JEJUM
Jejum quer dizer se abster de algo, ou privar-se de alguma coisa. Existem vários tipos de
jejum, que podem ser: Deixar de comer algum alimento ou deixar de fazer algo que se
gosta por algum tempo. Esse período é um tempo que você se consagra mais ao Senhor.
Podemos jejuar de duas formas:
Jejum parcial, a pessoa decide tirar algum alimento, exemplo: carne, refrigerante,
massas, doces. Etc.
Jejum total, a pessoa fica um determinado tempo sem comer e sem beber nada.

A bíblia não estipula um tempo para o jejum, isso deve ser decidido por cada pessoa,
quanto ao tempo a forma e ás condições estabelecidas, quanto mais difícil melhor é.
Cada pessoa deve decidir qual o melhor jejum que deve ser feito, isso levando em conta o
quanto tempo temos de caminhada cristã.
Se você não tem habito de jejuar, comece devagar, faça um jejum pequeno, fique uma
manhã sem comer ou tire uma das refeições, e com o tempo você conseguirá prolongar
esse período.
É normal jejuar e ficar meio irritado, até parece que todo mundo te oferece alimentos. Ás
vezes nós ficamos com dor de cabeça, mas é normal, porque o corpo está fora do padrão
normal de alimentação. Jesus foi levado ao deserto para jejuar e ser tentado, é normal
também no nosso caso.

Mt 9.15 Respondeu-lhes Jesus: Podem porventura ficar tristes os convidados às


núpcias, enquanto o noivo está com eles? Dias virão, porém, em que lhes será tirado o
noivo, e então hão de jejuar.
No tempo que Jesus estava presente, era fácil ver milagres, pois Ele mesmo fazia, mas
hoje Jesus não está presente fisicamente, então Deus precisa da nossa fé para atuar, e o
jejum faz exatamente isso aumenta nossa fé. Precisamos muitas vezes de um milagre,
provisão ou livramento, então jejuamos, para que nossa fé possa estar fortalecida e o
milagre possa acontecer.
O jejum não muda Deus o Jejum muda nosso ser, e Jesus nos muda para que possamos
usar nossa fé com eficiência. O jejum enfraquece o corpo, limita a atuação da carne e
fortalece nosso espírito, com isso Deus pode operar em nossa vida através do crescimento
da nossa fé. A fé cresce porque ficamos mais sensíveis á voz de Deus.

MT 6.17- Tu, porém, quando jejuares, unge a tua cabeça, e lava o teu rosto,
MT6.18- para não mostrar aos homens que estás jejuando, mas a teu Pai, que está em
secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará.
Faça seu jejum para Deus, e não para ser visto pelos homens, faça com o objetivo de entrar
em comunhão com o Senhor e estar consagrado em sua presença. Não tem problema falar
que está jejuando o problema é querer se engrandecer, então faça o jejum com humildade
dando glórias a Deus e Ele te recompensará.

FREQUÊNCIA NOS CULTOS

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


11
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

Hb 10.25 não abandonando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes


admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando
aquele dia.
A igreja é um povo separado que Deus estabeleceu para levar salvação á terra, mas
também é o lugar de nos reunirmos para receber a palavra de Deus. Na igreja recebemos
orientação, cura, libertação, e o objetivo maior é estarmos em família.
A igreja é o corpo de Cristo, cada membro tem uma função, se um está triste todos sentem,
pois fazemos parte do mesmo corpo, se um está fraco todos ajudam, pois Deus quer que
estejamos fortes, ligado em amor e união.
Uma pessoa que recebe Jesus, mas não quer ir pra igreja, está com problemas, pois Deus
preza os relacionamentos. Deus quer que tenhamos um relacionamento pessoal com Ele,
mas também que tenhamos um relacionamento com nossos irmãos, e a igreja nos dá essa
oportunidade.
Deus preparou uma unção coletiva para a igreja, quando o corpo de Cristo se reúne Deus
libera sua benção, é uma unção que Deus derrama quando estamos juntos, e podemos
sentir o toque de amor dos irmãos, por isso a importância de congregarmos.
A igreja é o melhor lugar para se estar, pois mesmo estando cansado, triste ou com
problemas, ainda assim devemos ir, porque é de costume recebermos descanso, alegria e a
solução para os problemas. Quando você se esforça Deus abençoa, não precisamos ir à
igreja para receber bênçãos, pois Ele já nos deu todas elas, precisamos ir sim por gratidão
e por que amamos esse Deus que nos salvou na cruz.
A fé vem pelo ouvir e na igreja podemos ouvir a palavra de Jesus, somos então
alimentados e fortalecidos.

PARTICIPAÇÃO NA CÉLULA
Grupo de células é um ministério da igreja que trabalha com alguns membros divididos
em grupos, visando reunir as pessoas crentes e não crentes, fazendo reuniões semanais,
onde tem seu objetivo principal, edificar e salvar vidas para o Senhor Jesus.
Como o reino de Deus precisa crescer e o pastor não pode cuidar de todos os membros ao
mesmo tempo, alguns líderes são levantados para trabalhar e cuidar das células. Eles
fazem o trabalho de cuidar dessas pessoas, assegurando que os participantes recebam a
palavra, também oração, e atenção.
È muito importante participar de uma célula por que fortalecemos nossos relacionamentos,
podemos compartilhar nossos problemas e alegrias, podemos também ouvir os problemas
dos outros e ajudar os irmãos em oração.
Na célula também nos fortalecemos quando ouvimos palavra e entramos em comunhão
uns com os outros, assim podemos aumentar a nossa fé e crescer em Deus.
A célula é pequena para que todos possam participar, também para que possam ser
cuidados e tocados, então participe da célula seja uma benção, recebendo e dando ajuda.

APLICAÇÃO

Atitudes a serem tomadas.


• Procure orientação sobre o jejum e como jejuar, tire dúvidas com o seu líder.
• Valorize sua igreja, participe das programações e seja um membro ativo no corpo.
• Se você não está em uma célula, procure algum líder da igreja e comece a
participar.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


12
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

5º SEMANA – FIRMANDO RELACIONAMENTOS

Nessa semana vamos aprender sobre os relacionamentos, vamos ver como nos relacionar
com ás pessoas. Também nós veremos quais relacionamentos devemos fortalecer e quais
relacionamentos que devemos abandonar.
Uma coisa que precisamos entender é que Jesus morreu numa cruz, essa cruz possuía duas
traves de madeira, uma horizontal e outra vertical, isso simboliza seus mandamentos para
a humanidade. O mandamento que Jesus nos deixou foi amar a Deus acima de todas as
coisas e amar ao próximo como a si mesmo, isso é cruz. A trave vertical, quer dizer que
devemos nos relacionar com Deus e a trave horizontal mostra que devemos nos relacionar
com ás pessoas. Quando olhamos para a cruz podemos ver o amor de Deus. Também
entendemos que Deus quer um relacionamento íntimo conosco, e espera que voltemos
nosso olhar para ás pessoas e assim possamos nos relacionar uns com os outros como
irmãos.
1Jo 4.21 E dele temos este mandamento, que quem ama a Deus ame também a seu
irmão.

O Senhor Deus em sua bondade definiu nossos novos relacionamentos, Ele é bem claro
quando diz que não podemos amar a Deus sem amar nossos irmãos, temos que entender
que somos uma família e Deus é pai de todos.
Agora que somos cristãos, nós temos que refazer alguns relacionamentos que foram
desfeitos pelo pecado e desfazer os relacionamentos que nos afastam de Deus. Temos que
refazer os relacionamentos com nossos pais, irmãos, filhos, amigos, e desfazer
relacionamentos que nos destroem e não edificam. Vamos ver quais são:

Relacionamentos com a família:


Muitas pessoas possuem uma família boa, bem estruturada, com pais que ensinam a
verdade, enquanto que outras pessoas tem uma família destruída, marcada por separações,
ódio e brigas, mas o projeto de Deus é reconstruir nossa família, refazendo assim os laços
que foram desfeitos pelo diabo. Talvez você tenha raiva ou rancor de algum parente, mas
Deus quer desfazer as contendas, quer construir a partir de você uma nova família. É
difícil talvez perdoar, amar, recordar mágoas do passado, porém Jesus espera que você
perdoe como Ele te perdoou, que você ame como Ele te amou. Jesus perdoou todos os
seus pecados e te amou ao ponto de morrer por você numa cruz, então perdoe, ame, refaça
os laços de amizade e com certeza você será mais livre do que nunca.
A família é nossa primeira missão, Deus vai te usar para salva-los, pois o seu testemunho e
amor vão fazer a diferença, então reconstrua o relacionamento com sua família, mostre o
quanto Jesus está fazendo por você.

Relacionamento com a sociedade:


O grande problema de algumas pessoas é que se convertem e são bons cristãos, mas só
dentro da igreja, pois fora da igreja nem parece que conhecem a Deus.
Entenda que Deus quer refazer nosso relacionamento com a sociedade através do nosso
testemunho. Nossas atitudes de agora em diante agora tem que mudar, nós temos que
praticar aquilo que agrada a Deus, e podemos começar amando ás pessoas de verdade.
Talvez antes da nossa conversão nós fôssemos vistos como caloteiros, mentirosos,
fofoqueiros, amigos da onça, preguiçosos e enfim, tínhamos um caráter reprovado junto ás
pessoas do nosso dia a dia. Hoje nós cremos em Deus e podemos reconstruir esses
relacionamentos através do testemunho e novas atitudes. Temos que praticar o
mandamento que Jesus nos ensinou que é amar essas pessoas assim como gostaríamos de
ser amados.
Quem são essas pessoas?

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


13
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

São os amigos que magoamos com nosso egoísmo, são os vizinhos que nem fizemos
questão de conhecer, são pessoas que nos relacionamos no comércio e trabalho, também é
o patrão que não gostamos, mas que precisa ser amado e respeitado. Em nosso dia a dia
convivemos com muitas pessoas e algumas delas estão magoadas conosco por causa de
erros que cometemos, mas precisamos refazer esses relacionamentos. Temos que dar um
bom testemunho e cada pessoa que nos cerca tem que ver a nossa mudança, e assim vão
dizer de você: “Veja só como ele mudou, Antigamente ele não pagava as contas, mentia,
era mal humorado, reclamava de tudo, era um mal empregado e agora até ajudar os
outros ele está fazendo”. As pessoas até vão se perguntar qual foi o motivo de tão grande
mudança.
As pessoas precisam ver que mudamos, elas tem que querer estar perto da gente para que
vejam que foi o Senhor Jesus quem nos mudou. Sim, elas precisam reconhecer em nós
novas atitudes e fazendo assim alcançaremos um bom testemunho perante a sociedade.
Reconstrua esses relacionamentos que você perdeu junto ás pessoas a sua volta, faça
amizades sadias, seja um bom funcionário ou patrão, não deixe que o pecado te afaste das
pessoas, mas sim que o amor de Jesus te una a elas.

Relacionamento com a igreja:


Uma vez que somos crentes e filhos de Deus nós ganhamos então mais uma família e essa
família é a igreja. A igreja é o corpo de Cristo, ela é a extensão de Deus aqui na terra.
Fazemos parte de um povo separado e trilhamos o mesmo caminho. Todos os que crêem
em Deus de fato e de verdade fazem parte da igreja, e temos agora que manter viva essa
união com os irmãos, mas lembrem-se como família ás vezes nós erramos uns com os
outros e devemos nos perdoar para que a unidade não seja rompida.
Hb 10.25 não abandonando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes
admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se aproxima aquele
dia.
Devemos cultivar o relacionamento com a igreja, através da participação dos cultos, e da
comunhão com os irmãos.
Seja participante também de uma célula, pois lá você será cuidado e também poderá
futuramente ajudar na célula, cuidando de pessoas.
Na igreja existe a unção coletiva de Deus que desce sobre os irmãos, e essa unção é
liberada quando há unidade. Podemos também nos ajudar, mantendo viva a chama da fé e
em união faremos á vontade do Senhor.
Mantenha viva sua comunhão com os irmãos, procure ajudar no que for preciso, procure
também manter viva a chama da fé e assim todos nós juntos em união faremos á vontade
do Senhor.

Relacionamentos a serem desfeitos:


Antes da nossa conversão tínhamos alguns relacionamentos que não eram bons, pessoas
nos incentivavam a pecar, a fazer coisas contrarias a Deus e mesmo na ignorância nos
influenciavam negativamente. Mas agora conhecemos a verdade e temos que vigiar contra
o pecado. Agente não desfaz a amizade, mas sim desfaz os laços com o pecado, e ai está o
problema, nossos amigos talvez não concordem com isso.
Procure então cultivar uma amizade sadia, e não mais se relacione com o pecado. Talvez
seus amigos vão se afastarem de você, por que você não quer mais fazer o que eles fazem.
Eles tentaram te induzir ao erro, porém você deve ficar firme na verdade. Então se você
não pode levar seus amigos á verdade, o melhor que tem a fazer é afastar se mesmo, pois é
melhor perder um amigo do que perder a sua salvação. Não fique triste por que algum
amigo ficou chateado contigo e acabou se afastando de você, saiba que isso é normal. O
mundo não nos entende e precisamos nos manter firmes na fé, e além do mais nosso
testemunho poderá salvar nossos amigos.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


14
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

Saiba que Deus quer salvar nossos amigos e agente precisa ser a luz de Deus para a vida
deles.

APLICAÇÃO

Atitudes a serem tomadas.


• Procure reconstruir os relacionamentos que você destruiu em relação á sociedade e
a família, perdoe se preciso, ame sempre, seja realmente um cristão.
• Tenha um relacionamento vivo com a igreja, com os irmãos, participe dos cultos,
dos projetos, faça da igreja o seu segundo lar.
• Cuidado com os relacionamentos que te afastam de Deus, pois não há sociedade
luz e trevas, mas sim a luz resplandece o caminho dos que estão em trevas.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


15
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

6º SEMANA – ORDENANÇAS DE JESUS

Jesus deixou duas ordenanças para a igreja, uma é a ceia e a outra é o batismo nas águas,
ás duas são atos simbólicos, mas de grande importância no reino de Deus. Vamos agora
aprender um pouco sobre esses assuntos:

A CEIA DO SENHOR

A ceia é um momento de alegria, onde celebramos e trazemos á memória à vitória de Jesus


na cruz, essa vitória trouxe vida a todos nós. A ceia é um momento de termos comunhão
com o corpo e com o sangue de Jesus e são simbolizados pelo pão e o vinho. Também é
um momento de festejar nossa aliança com os irmãos, período de perdão reconciliação e
de lembrar-mos que um dia Jesus voltará para nos buscar.

1Co 11.23 Porque eu recebi do Senhor o que também vos entreguei: que o Senhor
Jesus, na noite em que foi traído, tomou pão;
1Co 11.24 e, havendo dado graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo que é dado por
vós; fazei isto em memória de mim.
1Co 11.25 Semelhantemente também, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este
cálice é o novo pacto no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que o beberdes, em
memória de mim.
1Co 11.26 Porque todas as vezes que comerdes deste pão e beberdes do cálice estareis
anunciando a morte do Senhor, até que ele venha.
1Co 11.27 De modo que qualquer que comer do pão, ou beber do cálice do Senhor
indignamente, será culpado do corpo e do sangue do Senhor.
1Co 11.29 Porque quem come e bebe, come e bebe para sua própria condenação, se não
discernir o corpo do Senhor.

A ceia foi instituída pelo Senhor Jesus antes da sua morte na cruz, em um dia que Jesus
estava reunido com seus discípulos. Jesus queria deixar bem claro o que seria aquilo.
Jesus disse para celebrarem a ceia como igreja, para que deixassem em memória os atos
que ali estavam sendo feitos e representados por Jesus.

Jesus partiu o pão e disse que era seu corpo que seria dado por nós e que não poderíamos
nos esquecer disso. O pão simboliza seu corpo moído e rasgado na cruz por todos nós, foi
em seu corpo que Jesus levou todas às nossas maldições, ás nossas dores e enfermidades.
Tudo isso foi atraído sobre Jesus, ele foi maldito por nossa causa e nós abençoados por sua
morte.
Ao comermos o pão, estamos dizendo a Jesus que somos participantes dos seus
sofrimentos e também somos salvos por sua morte.

Jesus também tomou o cálice e bebeu, e disse: Esse é o sangue da nova aliança. A aliança
da lei dada para Moisés separava os judeus do resto do mundo, e nessa lei só eles seriam
salvos, mas o sangue de Jesus marcou o inicio de uma nova aliança. Jesus por seu sangue
trouxe reconciliação para todo o mundo, agora todos podem ser salvos por meio de Jesus.
O sangue de Jesus derramado tirou a maldição da terra, purificou o homem dos pecados e
trouxe unidade para o mundo.

A ceia não é um momento de tristeza, mas sim um momento de alegria, a ceia representa
muito mais do que comer pão e tomar suco de uva, a ceia é o momento de nos alegrarmos
pela grande vitória de Jesus na cruz. Ele morreu, mas ressuscitou, Ele está vivo e um dia
vamos nos encontrar com Ele nos céus.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


16
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

Jesus ordenou que fizéssemos á ceia em sua memória, devemos nos lembrar do que ele fez
por nós na cruz. A ceia explica o que é o cristianismo, pois um homem veio ao mundo
morreu na cruz e trouxe vida a nós que estávamos perdidos.
A ceia é um momento lindo marcado pela reconciliação e pelo perdão.
Para participarmos da ceia precisamos estar em comunhão com Deus e com os irmãos e
também não devemos estar em pecado ou com mágoas de alguém.

Precisamos entender que a ceia é para pessoas compromissadas, que entendem o sacrifício
de Jesus, quem toma a ceia em pecado ou sem entender o que está acontecendo acaba
sendo prejudicada espiritualmente. Quem brinca com a ceia pode morrer espiritualmente.
A ceia é de Jesus e são os homens que escolhem se participam ou não, mas orientamos que
só participem ás pessoas que tem um compromisso real com Jesus e com a igreja, que
realmente deixaram o pecado e não vivem mais na sua pratica.
A ceia também é o momento de lembrarmos que Jesus um dia virá nos buscar e estaremos
para sempre com o Senhor.

O BATISMO NAS ÁGUAS

O que é batismo nas águas:


O batismo significa um testemunho perante Deus e a sociedade e mostra que agora você se
converteu, é também um simbolismo que mostra a morte do velho homem pecador e o
nascimento do novo homem, limpo do pecado pelas águas do batismo e pelo sangue de
Jesus derramado na cruz do calvário.

Mc 16.15 E disse-lhes: Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura.
Mc 16.16 Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.
At 2.38 Pedro então lhes respondeu: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em
nome de Jesus Cristo, para remissão de vossos pecados; e recebereis o dom do Espírito
Santo.

O batismo é para pessoas que crêem em Jesus e para pessoas que estão arrependidas dos
pecados, esses são os motivos pelos quais não batizamos crianças, pois crianças não têm
pecados e ainda não conseguem crer para se arrepender.

O batismo é um mandamento, e precisa ser acompanhado de fé, só se batiza quem crê, e se


não batizamos é por que ainda não cremos realmente.
Jesus se batizou com 30 anos, Ele não tinha pecados, mas fez isso para dar exemplo.

A palavra "baptismos" no grego significa: "imergir; mergulhar, então nós podemos dizer
que no batismo correto a pessoa é batizada de corpo inteiro, ela é imersa completamente
na água.

O batismo é um símbolo da purificação e remissão dos nossos pecados, a pessoa entra nas
águas e é imersa completamente e quando levanta já é uma nova pessoa pela fé.

O batismo representa o sepultamento do velho homem e o nascimento do novo. O velho


homem entra na água com seus pecados, com suas maldições e quando é retirado da água
já não tem o fardo do pecado, mas ele sai novo para Deus, como uma criança recém-
nascida, limpa e pura novamente.

Quando batizar:

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


17
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

Não existe uma espera ou data para o batismo, pois no livro de atos dos apóstolos as
pessoas se batizavam logo após aceitarem a Jesus. Não era necessário um monte de
estudos e preparações, mas o que não podia faltar era a fé. Para uma pessoa ser batizada
ela precisava crer em Jesus e se arrepender dos pecados, então ela podia ser batizada.

Hoje em dia a igreja prepara o novo convertido para o batismo, ele é ensinado e pode
decidir com clareza a respeito do batismo, então se você entendeu e creu no evangelho já
pode ser batizado.

At 8.36 E indo eles caminhando, chegaram a um lugar onde havia água, e disse o
eunuco: Eis aqui água; que impede que eu seja batizado?
At 8.37 [E disse Felipe: é lícito, se crês de todo o coração. E, respondendo ele, disse:
Creio que Jesus Cristo é o Filho de Deus.
At 8.38 mandou parar o carro, e desceram ambos à água, tanto Filipe como o eunuco, e
Filipe o batizou.

O batismo marca uma nova etapa em nossa vida, agora nós temos que caminhar com
firmeza nesse chamado, porque fomos limpos, renovados, perdoados e não podemos mais
nos sujar na lama do pecado.

APLICAÇÃO

Atitudes a serem tomadas.


• Quanto á ceia comece a participar quando se sentir compromissado, quando
realmente você entende o que é o pecado e não vive mais na sua prática.
Aconselhamos você a participar da ceia quando estiver batizado e firme com o
Senhor Jesus.
• Quanto ao batismo é bem simples, ele é para perdão de pecados, se você realmente
crê em Jesus e entendeu o evangelho, então já pode ser batizado. O batismo em si
não pode salvar, ele acompanha a fé e o crer em Jesus. Se você crê então se batize.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


18
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

7º SEMANA – PERSEVERANDO NA CAMINHADA

A palavra perseverar fala sobre continuar firme, se manter constante no propósito e nos
sentimentos. Também quer dizer continuar caminhando mesmo se o vento for contrário,
mesmo quando temos vontade de desistir. Em nossa caminhada cristã passamos por
situações que provam a nossa fé. Há momentos em que nós passamos por duvidas e
pensamos em desistir. Também somos tentados pelo diabo e temos ainda o problema da
nossa carne que tenta nos levar para os prazeres do pecado.
Mt 24.13 Mas quem perseverar até o fim, esse será salvo.
Precisamos compreender que começamos uma caminhada com Jesus e nessa caminhada
temos que vigiar, pois antes pertencíamos a satanás, estávamos perdidos no reino das
trevas, e vivíamos nos desejos malignos. Mas agora mudamos de reino, largamos o diabo,
o pecado e o mundo, e passamos a fazer parte do reino de Cristo.
Jesus fez questão de afirmar que o mais importante não é o começo da corrida, mas sim o
final, nós temos que perseverar para que possamos completar com êxito a nossa carreira e
fazendo assim ganharemos o premio da salvação. São muitos que começam a corrida, mas
param na metade do caminho, então corra com perseverança, não desanime e mesmo que
desanimar não desista, pois Jesus está contigo para te ajudar.
Agora que estamos com Jesus nós temos que vigiar contra três inimigos que procuram nos
desanimar, que são o mundo a nossa carne e o próprio satanás. Vejamos como eles são:

O MUNDO
O mundo que queremos falar não é o planeta terra, mas sim o sistema governado pelo
Diabo, é o modo de viver que as pessoas sem Cristo estão vivendo, é o sistema cultural,
social, familiar, político, religioso e econômico. O mundo é todo o modo de pensar e de
viver das pessoas que são contrários á palavra de Deus.
Vemos um mundo onde poucos querem Deus, o negocio é aproveitar a vida, fazer o que se
gosta e não se importam se isso agrada a Deus. O diabo governa esse sistema, ele prende
pessoas nos pecados, nos prazeres, nos vícios e leva ás pessoas a mais profunda lama.
1Jo 2.15 Não ameis o mundo, nem o que há no mundo. Se alguém ama o mundo, o
amor do Pai não está nele.
1Jo 2.16 Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência
dos olhos e a soberba da vida, não vem do Pai, mas sim do mundo.
1Jo 2.17 Ora, o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de
Deus, permanece para sempre.
O mundo atrai muita gente por que oferece um prato muito bonito, as pessoas são atraídas
por ele, então elas sentem vontade de comer desse prato e depois passam mal, pois pecado
é gostoso e seduz. O mundo nos induz ao erro, e depois de cometido o pecado vem á
tristeza, a culpa, a desilusão, a depressão, e mesmo sendo ruim ás pessoas gostam dele,
porque dá prazer momentâneo, e é por isso que as pessoas continuam comendo desse
prato.
Agora que aceitamos a Jesus não pertencemos mais a esse mundo, pertencemos ao povo
santo que vai morar no céu, mas esse mundo nos rodeia e tenta nos enganar, ele quer que
voltemos para ele. O diabo usa amigos, parentes, para colocar duvidas em nós, ele põe a
nossa frente pecados que gostávamos e tenta nos seduzir para eles. Então tome cuidado,
fique firme e continue perseverando na caminhada cristã.

A NOSSA CARNE
Um grande inimigo que temos somos nós mesmos, em nossa carne mora o pecado e
precisamos vigiar contra ele. Quando aceitamos a Jesus e nos arrependemos do pecado,
crucificamos nossos desejos pecaminosos na cruz, e passamos a ter desejos puros e santos,
mas com o passar do tempo esses pecados tentam reviver. Pensamentos surgem a nossa

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


19
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

mente e tentam nos enganar, então é a hora de nos colocar na cruz de novo, é hora de por o
pecado de volta na cruz, pois lá é o lugar dele.
Temos que vigiar os nossos desejos, pois muitos deles são maus, e para isso temos que
cuidar com o que estamos vendo ou tocando. Também temos que cuidar por onde nós
estamos andamos e o que estamos falando ou fazendo.
Nossa carne precisa ser dominada, pois o diabo usa nossos próprios desejos para nos fazer
pecar.
Precisamos subjugar a nossa carne e conseguimos isso com oração e posicionamento.
Quando oramos matamos a nossa carne e desejos, estamos fortalecendo nosso espírito e
com isso enfraquecemos os desejos pecaminosos. Porém mesmo andando com Deus, ainda
assim nós poderemos ter a vontade de pecar, então podemos dizer não, temos o domínio
próprio, podemos dizer não ao pecado e preferir ficar com Jesus.

O DIABO
O diabo é um ser espiritual, ele veio para matar, roubar e destruir, ele também é um anjo
caído que rege uma tropa de demônios que andam pelo mundo a destruir vidas. Ele engana
ás pessoas usando a mentira, ele ás atrai pelos seus desejos e ás prende quando praticam o
pecado.
Às pessoas que estão no pecado pertencem ao diabo e quando se convertem mudam de
dono, passam a pertencer a Jesus, mas o diabo não quer perde-las, ele não aceita a derrota
e usa suas armas para enganar o povo. O diabo e seus demônios usam somente a mentira
para tentar enganar o povo de conhecer a verdade e assim serem livres.
A bíblia chama o diabo de tentador, ele nos tenta através de pensamentos, de desejos que
ainda não estão na cruz, ele usa pessoas e provoca circunstâncias para que pequemos. O
diabo tenta nos levar para longe da palavra, ele tenta nos afastar de Deus pelo pecado, com
isso ficamos vulneráveis, pois nos sentimos culpados e desmerecedores da graça de Deus.
1Pe 5.8 Sede sóbrios, vigiai. O vosso adversário, o Diabo, anda em derredor, rugindo
como leão, e procurando a quem possa tragar;
1Pe 5.9 ao qual resisti firmes na fé, sabendo que os mesmos sofrimentos estão-se
cumprindo entre os vossos irmãos no mundo.
A bíblia fala para não darmos lugar ao diabo, isso quer dizer não dar brechas. Temos ainda
que viver em santidade e temor ao Senhor, por que isso gera intimidade com Deus e nos
guarda em suas mãos.
Ef 6.16 tomando, sobretudo, o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos
inflamados do Maligno.
Jesus deu a igreja autoridade contra o diabo, nós podemos usar a fé no nome de Jesus e o
poder do seu sangue para derrotar a satanás. E a palavra de Deus é a espada do Espírito.

APLICAÇÃO

Atitudes a serem tomadas.


• Vigie contra o mundo, vigie contra os desejos que habitam na carne e cuidado com
o diabo, pois ele é astuto, pai da mentira e quer te enganar.
• Se fortaleça orando e lendo a bíblia, procure vigiar contra os pecados e não de
brechas ao inimigo.
• Persevere na vida cristã, pois com ás lutas teremos vitórias, e Jesus nos chamou
para permanecer em sua presença até o fim.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


20
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

8º SEMANA – LEVANDO A SEMENTE DE DEUS

Imagine que em sua cidade muitas pessoas passam fome devido a uma grande crise, você
também está com muita fome. Então certo dia você encontra um lugar onde tem muita
comida, uma grande fartura, que daria para alimentar a cidade inteira e só você conhece
esse lugar. Ao descobrir esse lugar você fica muito feliz e começa a se fartar com toda
aquela comida. Você vê que o seu problema foi resolvido, porém começa a se lembrar de
que tem muitas pessoas com fome na cidade e que em suas mãos está o poder de ajudar
essas pessoas a se alimentar. Você entende que muita gente pode morrer se você não fizer
nada. Então vem a pergunta, você avisaria as pessoas a respeito da comida ou ficaria com
a benção só para você?

Deus escolheu você e te acolheu como filho, cuidou de você e te fez herdeiro das suas
bênçãos, você agora não tem mais fome, você pode usufruir de todas as promessas de
Deus mediante a fé. Saiba que neste mundo muitas pessoas estão passando fome, muitas
delas estão precisando de ajuda, e o principal alimento que elas precisam é da palavra de
Deus.
Então com muita alegria eu posso te dizer, Jesus quer usar você para matar a fome das
pessoas. Deus quer transformar muitas vidas da mesma forma que transformou a sua.
Você é exatamente o canal que Deus deseja usar para levar alimento para as vidas.
Mt 13.3 E falou-lhes muitas coisas por parábolas, dizendo: Eis que o semeador saiu a
semear.

Jesus veio ao mundo e semeou a semente da vida nos corações das pessoas, essa semente é
a palavra de Deus. Na vida de alguém onde caíram as sementes e essas sementes
encontraram uma terra boa, elas conseguiram brotar, também elas cresceram e produziram
muitos frutos que saciaram a fome de muitas pessoas. A semente da palavra de Deus
entrou em nossa vida matou nossa fome e estamos felizes. Agora Jesus nos chama a
semear também, nós podemos comer os frutos, mas temos que plantar ás sementes.
Comece a lembrar de quantas pessoas vivem perto de você e estão longe de Deus. Veja
como é triste a vida de alguém sem Jesus, e o mais terrível é que sem Jesus não há
salvação.

O nosso chamado hoje é semear a palavra de Deus.


Muitas vezes essa semente não vai cair em terra boa, muitas pessoas fecham o coração e
não querem ouvir o evangelho, mas nossa missão é semear.
Jesus compara a sua palavra com a semente, por que a semente tem vida dentro de si, e a
palavra de Deus também. Ás vezes nós achamos que nada vai acontecer quando pregamos,
mas acontece, pois a palavra de Deus não volta vazia, ela cumpre o seu propósito, mesmo
depois de muito tempo.
Deus como pai espera que façamos a nossa parte, Ele quer reunir todos os seus filhos, e
Ele não pode fazer essa tarefa, pois nós é que somos as mãos de Deus para salvar ás
pessoas.
Rm 10.14 Como pois invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de
quem não ouviram falar? e como ouvirão, se não há quem pregue?
Rm 10.15 E como pregarão, se não forem enviados? assim como está escrito: Quão
formosos os pés dos que anunciam coisas boas!

O evangelho é o anuncio de boas novas, porque anuncia salvação a todos aqueles que
estavam condenados, quando levo a semente do evangelho levo uma boa notícia, levo
esperança e a certeza de salvação.

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


21
CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS CÉUS ABERTOS
ABERTOS

Saiba que Jesus nos chama de semeadores da palavra, pois levamos a semente que vai
alimentar o mundo. Também somos chamados de luz do mundo, pois iluminamos quem
está em trevas. Jesus também disse que somos o sal da terra, porque o sal dá gosto e gera
sede na vida das pessoas. E por fim nós somos despenseiros da graça de Deus, temos um
estoque de alimento que sacia a fome das pessoas.
Deus se alegra com a salvação das pessoas, Ele deseja que elas sejam salvas, isso é o que
mais arde em seu coração. E Deus quer contar conosco para realizar essa grande missão.
Para levar a palavra de Deus não precisamos de inteligência e conhecimento, mas sim
precisamos de fé para dar o que temos de Deus.
Você pode falar de Jesus contando um testemunho, ou apenas citar a palavra de Deus.
Você não precisa ser um grande pregador ou conhecedor, pois Deus usa a semente que
você tem.

Gostaria de encorajar você a fazer parte dessa grande comissão, que você possa ser um
semeador da palavra de Deus, que você seja também um consolidador, pois da mesma
forma que alguém te ajudou e caminhou com você, que tal agora você também fazer isso
por alguém que está precisando.
Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do
Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;
Mt 28.20 ensinando-os a observar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que
eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos.

O evangelista semeia a semente do evangelho, o consolidador rega a semente plantada


para que assim ela possa nascer, crescer e frutificar.
Deus nos chama a semear e cuidar o que foi semeado, então podemos tanto evangelizar
como consolidar.
Nosso chamado é ganhar vidas e cuidar bem delas.

APLICAÇÃO

Atitudes a serem tomadas.


• Convidamos você a acompanhar seu consolidador a um período de discipulado,
que será feito com uma nova pessoa que está iniciando sua caminhada pela fé em
Jesus.

Chegamos ao final deste discipulado, mas Deus continua nos ensinando todos os dias,
fique firme e prossiga em conhecer mais a Deus, abraço.

Preencha esta fichinha com as informações solicitadas:


NOME DO ALUNO: TELEFONE:
CONSOLIDADOR: TELEFONE:
LIDER DE CÉLULA: TELEFONE:

Convidamos você e sua família para fazerem uma visita em nossa


igreja e participarem conosco dos cultos.

Meu nome é Marcos Turim, sou membro da Comunidade Pão da Vida - Campo Verde - MT
Meu Celular é 66-8408-2491 – Meu Email marcosturim@gmail.com

Mt 28.19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações,


22