Vous êtes sur la page 1sur 4

PROVAS INFORMÁTICA EM EDUCAÇÃO

Semana 1 – Texto Principal (Feitosa) – Conceito e Reflexões sobre Tecnologia Educacional


Perguntas do final do capítulo.
1- Descreva com suas próprias palavras o termo tecnologia a partir de uma reflexão ampla do seu
significado. O termo tecnologia de forma ampla não se restringe apenas a equipamentos e
instrumentos físicos, mas inclui toda uma relação com o meio e seus efeitos, questionando sua real
necessidade e utilidade no meio social. Desta forma a Tecnologia Educacional de forma ampla é o
conjunto de procedimentos, princípios e lógicas para atender aos problemas da educação, não se
limitando à utilização de aparelhos e instrumentos.

Papel do professor diante do uso da tecnologia.

R: Auxiliar o aluno desenvolvendo a consciência e a postura crítica quanto ao uso das tecnologias,
pois a ferramenta tecnológica por si só não se constitui um instrumento didático de auxílio ao
ensino e à aprendizagem. O uso da tecnologia é importante e útil para o desenvolvimento das
habilidades específicas do ser humanos.

Ap1 - 2017/2
1ª Questão. Explique a diferença entre os termos INTERAÇÃO e INTERATIVIDADE. Cite um exemplo
em cada caso.
R: Interação “é a ação que se exerce mutuamente entre duas ou mais coisas ou pessoas” enquanto
Interatividade “é uma qualidade técnica das chamadas máquina “inteligentes” qualidade técnica que
investe essas máquinas de um conjunto de propriedade específicas de natureza dinâmica, pois elas
se alteram com a própria evolução técnica”, como um diálogo entre homem e máquina, através de
interfaces gráficas, em tempo real. Interação refere-se a relações humanas enquanto
Interatividade refere-se à relação homem-máquina. Interação é inerente ao seres humanos e ocorre
quase sempre quando duas ou mais pessoas se comunicam. Já a Interatividade tem relação com as
Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs), ocorre quando duas ou mais pessoas interagem
tendo como mediador alguma interface tecnológica.

2ª Questão. Disserte sobre o uso pedagógico da internet levando em consideração as 4


competências apontadas por Delors para a educação no século XXI: Competências pessoal,
competência relacional, competência produtiva e competência cognitiva. De que maneira o uso da
internet ajuda a desenvolver tais competências e a transformar a prática pedagógica?
R: Segundo Delors, a prática pedagógica deve preocupar-se em desenvolver 4 aprendizagens
fundamentais: Competência pessoal que é aprender a ser. Ter responsabilidade pessoal,
pensamento autônomo e crítico e por meio da internet o aluno poderá analisar seu conteúdo
aprendendo a comparar situações e a ser crítico diante de várias informações que encontrará no
ambiente virtual. Competência relacional quem aprende conviver, a compreendê-los, a desenvolver
a percepção de interdependência, a administrar conflitos, a participar de projetos comuns, a ter
prazer no esforço comum e a internet pode contribuir fazendo pesquisas em grupos para
montagem de projetos se relacionando com seus colegas e interagindo até com outros colegas
para coleta de informações e discussão de temas e projetos. Competência produtiva que aprende a
fazer pede que o indivíduo esteja apto a enfrentar novas situações, desenvolver espírito
cooperativo e coletivo, saber comunicar-se, ser flexível e a internet pode nesse sentido trabalhar
essa produção quando os alunos se comunicam com outras pessoas e trocam informações e
opiniões. Competência Cognitiva que é aprender a conhecer, descobrir, construir conhecimento,
valorizando a curiosidade, a autonomia, reinventar e pensar e a internet pode expor várias
informações para que o aluno analise individualmente ou coletivamente para que através das
informações possa criar, ser autônomo pra construir seu próprio conhecimento.

3ª Questão. Diante da expansão tecnológica na atual sociedade, conceitue e contextualize o termo


“analfabetismo tecnológico”.

R: Refere-se a uma incapacidade em “ler” o mundo digital e ao domínio da tecnologia moderna, o


analfabetismo tecnológico está associada a exclusão digital e manutenção das desigualdades.
Segundo a educadora Emília Ferreiro, com o computador assumindo função principal na
informação, é fundamental que a sociedade se preocupe com as pessoas que estão à margem desta
evolução, para não gerar uma massa de analfabetos tecnológicos. Nesse sentido, o professor está
longe de dominar os conhecimentos que o computador exige, chegando a fazer parte deste
analfabetismo que cresce em todo o mundo.

4ª Questão. Explique de que maneira as FERRAMENTAS COLABORATIVAS (p.e. google, docs, office
online, google drive, dropbox) e de comunicação via internet, tais como fórum de discussão, chat ou
mensagem instantânea, blogs, correio eletrônico, vídeo conferência, auxiliam no processo de
aprendizagem.
R: As ferramentas colaborativas contribuem no processo de aprendizagem na busca de informações
na Internet para os trabalhos e projetos desenvolvidos na escola, promovem o acesso a informações
atualizadas que podem ser objeto de discussão de trabalhos e projetos a partir dos conteúdos
disciplinares. Os softwares podem ser usados para redigir textos, cálculos matemáticos além de
poder interagir por meio da internet com outros alunos de outras culturas. As ferramentas podem
ser usadas tanto de forma pedagógica ou social a depender do objetivo a ser atingido. A aula deve
ser dinâmica e estimular a resolução de problemas.

Editor de textos cooperativo, ferramentas que possibilita a criação de textos em cooperação com
os componentes de um determinado grupo, com a finalidade de propiciar interações na criação de
textos coletivos, como é o caso do software EquiText. sendo uma ferramenta que trata o texto como um
conjunto de parágrafos e possibilita que sejam feitas inclusões, exclusões ou alterações dos mesmos,
independentemente de sua localização no texto. Estas ações podem ser feitas por qualquer usuário
cadastrado no ambiente. Cada uma das ações, após efetivadas, são armazenadas em um arquivo,
podendo portanto ser recuperada posteriormente. Tendo todas as ações registradas individualmente ,
permitindo acompanhar a evolução do texto (autor do parágrafo, data, hora,...)
Crê-se que a criação de texto cooperativo é um caminho para o desenvolvimento do senso de
cooperação, da autonomia e da responsabilidade nos educandos. Este artigo relata algumas
considerações oriundas de um trabalho prático realizado com um grupo de alunos

5ª Questão. O ciberespaço pode ser considerado um ambiente propício para a concretização do


paradigma educacional emergente? De que maneira o ciberespaço pode ajudar para concretizar este
paradigma e quais aspectos podem ser mais bem trabalhados?
R: Sim. O Ciberespaço, ou seja, um mundo digital constituído pelas redes de comunicação global,
com ênfase especial na internet poderá propiciar a concretização do paradigma educacional
emergente se for usado de forma a suprir a necessidade do aluno tornando o aprendizado
significativo para o educando. O ciberespaço pode contribuir para o desenvolvimento de
habilidades e competências dos alunos por meio de softwares de editores de texto promovendo a
leitura e a escrita, softwares gráficos estimulando habilidades pictóricas, softwares de simulações e
de programação estimulando o raciocínio lógico matemático e o acesso à internet que possibilita
diversos tipos de comunicação e interações entre culturas ajudam a promover a formação de
indivíduos polivalentes e multifuncionais dentre outros. Aspectos como lidar com diferentes
situações, ser flexível e multifuncional e estar sempre aprendendo devem ser sempre trabalhados
pelo professor refletindo criticamente a todo tempo sobre sua prática no processo de ensino-
aprendizagem proporcionando maior interação e participação ativa do aprendiz.