Vous êtes sur la page 1sur 9

COMUNIDADE SÃO FRANCISCO DE ASSIS

AULAS PRÁTICAS DE VIOLÃO POPULAR

Explicação sobre os sinais # (sustenido) e b (bemol) :


Semitom é a menor distância entre as notas.
O sinal # indica que a nota (ou acorde) está ½ tom (um semitom) acima da altura normal.
O sinal b indica que a nota (ou acorde) está ½ tom (um semitom) abaixo da altura normal.

Exemplo de #: Nas figuras de acordes acima notamos que o acorde Fm ocupa a 1ª, 2ª e
3ª casas do braço do violão; portanto, o F#m, que está ½ tom acima do Fm, ocupará a
2ª, 3ª e 4ª casas.

Exemplo de b: O acorde de Gm ocupa a 3ª, 4ª e 5ª casas do braço do violão; portanto,


o Gbm, que está ½ tom abaixo do Gm, ocupará a 2ª, 3ª e 4ª casas.

Estudo do Cifrado: Os nomes dos acordes correspondem às 7


primeiras letras do nosso alfabeto: Uma letra acompanhada de
um “m” representa um acorde menor; o acorde será maior
quando for representado por apenas uma letra, sem m,7,etc,
A B C D E F G
LA SI DO RE MI FA SOL

Portanto: A = LA MAIOR; C = DO MAIOR.


Am = LA MENOR; Cm = DO MENOR.
A7 = LA MAIOR COM SÉTIMA
C7 = DO MAIOR COM SÉTIMA
A figura ao lado mostra a maneira de se segurar o
violão-clássico. Embora estejamos estudando o violão
popular, para facilitar o aprendizado dos acordes, a
princípio, utilizaremos esse tipo de postura.

POSTURA DA MÃO ESQUERDA


PRÁTICA DO INSTRUMENTO

Estude bastante as seguintes seqüências:

Observação importante: as seqüências devem ser tocadas começando e terminando


pelo primeiro acorde.

A D E A E
A A7 D E E7
D G A Em A7
D Em A7 Em A7

Batida de Valsa – três tempos

Polegar = P

Dedos = Dd - representa os três dedos (indicador, médio e anelar) batendo de cima para
baixo.

Praticar: 1º 2º 3º 1º 2º 3º 1º 2º 3º

P Dd Dd P Dd Dd P Dd Dd

Batida de 2 tempos:

1º 2º 1º 2º 1º 2º 1º 2º

Dd P Dd P Dd P Dd P

Estudo das Figuras Rítmicas:

Cada uma das figuras abaixo representa um certo espaço de tempo e vão nos ajudar a definir
as batidas no violão. Procure decorá-las.
Batida de 4 tempos com a mão:
Estudo da marcação do tempo:
1º 2º 3º 4º
Bata quatro vezes o pé no chão, procurando dar um
       tempo igual para
P Dd Dd Pd Ps Dd Ps cada batida.

Quando seu pé desce e sobe, contamos um tempo,


Batida de 4 tempos com palheta... ou seja, ½ quando desce e ½ quando sobe.

Treinar com as seguintes figuras:


1º 2º 3º 4º
              
1° 2° 3º 4º

Bater o pé marcando os tempos e falar :

         
Ta-a Ta-a Ta-a Ta-a Ta-a Ta Ta Ta Ta Ta-a

           
Ta-a Ta Ta Ta Ta Ta-a Ta Ta Ta-a Ta Ta Ta-a

           
Ta-a Ta Ta Ta-a Ta-a Ta-a Ta Ta Ta Ta Ta Ta
ANATOMIA DO VIOLÃO

Como funciona o violão:


As cordas são presas a partir do
Casa cavalete e vão até o cabeçalho, onde
são fixadas pelas tarraxas.
Pestana Através destas, afina-se as cordas,
folgando ou apertando.
O braço é separado por trastes. Entre
um traste e outro se encontra uma
A casa, que são enumeradas do
cabeçalho para o cavalete.
A batida nas cordas reproduz o som
que é ecoado dentro da caixa acústica
e sai pela boca sonora.
Usamos o braço para selecionarmos
as notas e os acordes apertando-as no
meio das casas entre os trastes

Agora algumas músicas simplificadas para treinarmos:

MARIA DE NAZARÉ
Padre Zezinho

Obs: (compasso ¾ - ternário)

D Em A7 D
Maria de Nazaré, Maria me cativou
Em A7 D
Fez mais forte a minha fé e por filho me adotou
D7 G
Às vezes eu paro e fico a pensar
A7 D
E sem perceber me vejo a rezar
Em
E meu coração se põe a cantar
A7 D
Pra Virgem de Nazaré
Em
Menina que Deus amou e escolheu
A7 D
Pra mãe de Jesus, o Filho de Deus
Em
Maria que o povo inteiro elegeu
A7 D
Senhora e Mãe de Deus
Em A7 D Em D
Ave Maria, Ave Maria, Ave Maria, Mãe de Jesus
A viagem 4tempos (quaternário)
Autoria: D. R.

A E A
Eu vim de longe pra encontrar o meu caminho,
E A
Tinha um sorriso e o sorriso ainda valia.
D A E A D A
Achei difícil a viagem até aqui, mas eu cheguei, mas eu cheguei.

A E A
Eu vim depressa, eu não vim de caminhão.
E A
Eu vim a jato neste asfalto e nesse chão.
D A E A D A
Achei difícil a viagem até aqui, mas eu cheguei, mas eu cheguei.

A E A
Eu vim por causa daquilo que não se vê.
E A
Vim nu, descalço, sem dinheiro e o pior,
D A E A D A
Achei difícil a viagem até aqui, mas eu cheguei, mas eu cheguei.

Para praticar, coloque as cifras nos três últimos versos

Eu tive ajuda de quem você não acredita.

Tive a esperança de chegar até aqui.

Vim caminhando, aqui estou, me decidi: Eu vou ficar, eu vou ficar.

--------00000000--------

Vamos praticar mais algumas seqüências harmônicas.

C Em Am Dm G7
E B7 E A B7
Am Dm G7 C E7
G G Em Am D7
Dm Gm Am Dm A7
As 3 primeiras cordas (as mais finas) são chamadas de PRIMAS e as outras 3
(as grossas) são chamadas de BORDÕES, ou BAIXOS.

Exercícios para estudo das cordas soltas. Obs: estudar falando as notas.

EXERCÍCIOS PARA A MÃO DIREITA:

P = polegar i = indicador m = médio a = anelar

O polegar tocará o MI bordão, o indicador tocará o SOL, o médio tocará o SI e o anelar


tocará o MI ( primeira corda)

1º - P i m a P i m a
2º - P i m a m i P i m a m i
3º - P a m i P a m i
NOTAS DA ESCALA NATURAL NAS 6 CORDAS DO VIOLÃO ATÉ À 3ª CASA.

PRIMEIRA CORDA

SEGUNDA CORDA

TERCEIRA CORDA

QUARTA CORDA

QUINTA CORDA

SEXTA CORDA
NOTAS NO BRAÇO DO VIOLÃO, DA 1ª À 13ª CASA

13 12 11 10 9 8 7 6 5 4 3 2 1

E Eb/D# D Db/C C B Bb/A# A Ab/G G Gb/F# F E 6 MI


# #
A Ab/G G Gb/F# F E Eb/D# D Db/C# C B Bb/A# A 5 LÁ
#
D Db/C# C B Bb/A AAb/G G Gb/F# F E Eb/D# D 4 RÉ
# #
G Gb/F# F E Eb/D# D Db/C# C B Bb/A A Ab/G G 3 SOL
# #
B Bb/A# A AbG# G Gb/F F E Eb/D# D Db/C C B 2 SI
# #
E Eb/D# D Db/C C B Bb/A# A Ab/G G Gb/F# F E 1 MI
# #

OUTRAS BATIDAS:

        
Pd Dd Pd Dd Pd Dd Pd Dd
            
Pd Ps Dd Dd Pd Ps Dd Dd Pd Ps Dd Dd

ESTUDO DAS NOTAS NATURAIS