Vous êtes sur la page 1sur 17

P R O F E S S O R L U C A S C L E B E R

| cursoatmosfera.blogspot.com

LIVRO 1 CAPÍTULO 1
COMPETÊNCIAS E HABILIDADES: CIÊNCIAS HUMANAS
C1: Compreender os elementos culturais que
constituem as identidades.
H1: Interpretar historicamente e/ou geograficamente
fontes documentais acerca de aspectos da cultura.
H4: Comparar pontos de vista expressos em diferentes
fontes sobre determinado aspecto da cultura.
Geografia História

Ciências humanas e as
suas tecnologias

Sociologia Filosofia
Derivado do Grego: Geographia.
GEO (Terra) + GRAPHEIN (descrição).
GEOGRAFIA (descrição da Terra).
Espaço habitado, transformado e utilizado
pelo ser humano. Porção da superfície
terrestre que abriga as sociedades e a
exploração dos recursos naturais.
 PAISAGEM: Porção que é possível
abarcar com a visão ou lentes;
 REGIÃO: Área diferenciada com
unidade específica, particularidades;
 TERRITÓRIO: Nível de soberania de
um grupo ou país (oficial ou não).
O que está próximo a nós, criamos vínculos,
o espaço vivido ou percebido.
 Espaço vivido: lugar onde mora;
 Espaço percebido: o olhar particular;
 Topofilia: afetividade pelo lugar;
 Topofobia: aversão pelo lugar.
 ANALOGIA: Comparar fatos com diferenças
e semelhanças. Ritter e La Blache
 CONEXIDADE: Interligação entre os fatos,
não agem sozinhos. Brunhes
 CAUSALIDADE: Observar as causas e efeitos
dos fatos. Humboldt
 ATIVIDADE: O fato é dinâmico está em
constante mudança. Brunhes
 EXTENSÃO: Localizar e delimitar os fatos.
Ratzel
Escola Alemã do século XIX.
As condições ambientais determinam os
processos históricos, econômicos e
geográficos.
Friedrich Ratzel
Espaço Vital: condições espaciais e naturais
para a manutenção ou consolidação do
poder do Estado sobre o seu território.
Escola Francesa do século XIX.
O homem é um elemento ativo sobre a
natureza, modificando-a e se adaptando
conforme as necessidades.
Paul Vital de La Blache
Geografia Teorética-Quantitativa
Geografia Pragmática
EUA e Inglaterra, século XX.
Uso de instrumentos estatísticos, ligados ao
sistema capitalista de produção.
Influência da Guerra Fria.
Walter Christaller.
França, anos 1970.
Pensamento geocrítico, político e luta
contra as disparidades econômicas do
capitalismo. Influência Marxista.
Yves Lacoste e
Milton Santos.
Geografia Humanista, anos 1970.
Filosofia Fenomenológica (olhar, opinião e
percepção particular do indivíduo).
Experiências social para entender
comportamentos.
Erick Dardel e Yi-Fu Tuan.